Вы находитесь на странице: 1из 2

2. Alteração do nome civil.

O Direito ao nome é considerado um dos Direitos Fundamentais do Homem, estando também


incluso no direito a personalidade, e no Código Civil de 2002, vigente no país.
Tendo como característica principal a individualização e a atribuição de características
identificatórias ao indivíduo, o nome civil garante ao Estado estabilidade e segurança para
identificar pessoas, e é registrado seguindo os parâmetros da Lei dos Registros Públicos ( nº
6.015/73 ), sendo objeto de uma série de garantias, como: imprescritibilidade,
inalienabilidade, inestimabilidade, intransmissibilidade,irrenunciabilidade e imutabilidade.
.Entretanto, com as alterações introduzidas pela Lei n. 9.708/98, o art. 58 "caput" da Lei dos
Registros Públicos foi derrogado, admitindo-se então a substituição do prenome por apelidos
públicos notórios. Com essa Lei, a imutabilidade do prenome sofreu alterações, tornando
possível a alteração prevista por Lei não só em casos de adoção de apelidos públicos e
notórios, mas também em vários outros casos, como de erros gráficos, exposição do
portador do nome ao ridículo, a alteração do nome ao atingir a maioridade civil, nos casos de
adoção e reconhecimento de paternidade, alteração do nome após o casamento, separação,
divórcio e união estável, a alteração do nome pela Lei de proteção às testemunhas e às
vítimas, a possibilidade de alteração do nome por estrangeiro, em casos de homonímia, e
também em casos de transexualidade no qual é possível a alteração do nome e do sexo no
registro civil.

Referências bibliográficas:
http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L6015original.htm

http://www.cnj.jus.br/noticias/cnj/85057-cnj-servico-saiba-as-possibilidades-para-mudanca-
de-nome

https://www.conjur.com.br/2018-jun-29/cnj-regulamenta-alteracoes-nome-sexo-registro-
transexuais

http://www.cnj.jus.br/noticias/cnj/87092-corregedoria-normatiza-troca-de-nome-e-genero-
em-cartorio

https://www.conjur.com.br/2018-jun-29/cnj-regulamenta-alteracoes-nome-sexo-registro-
transexuais

https://www.conjur.com.br/2018-mar-01/stf-autoriza-trans-mudar-nome-cirurgia-ou-decisao-
judicial

http://www.tjrj.jus.br/documents/10136/2759078/registro-civil%C2%BFadequacao-
genero.pdf

http://www.stf.jus.br/portal/cms/verNoticiaDetalhe.asp?idConteudo=371085

PEREIRA, Caio Mário da Silva. Reconhecimento de Paternidade e seus efeitos.5ª edição,


Rio de Janeiro, 1997.

PEREIRA, Caio Mário da Silva. Instituições de Direito Civil. 31ª edição, 2018.

DINIZ, Maria Helena. Curso de Direito Civil Brasileiro, 1ºVol - Teoria Geral do Direito Civil
12º edição, São Paulo: Saraiva, 1996.

CENEVIVA, Walter. Lei dos Registros Públicos Comentada. 18ª ed., São Paulo: Saraiva,
2008