Вы находитесь на странице: 1из 3

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DA BAHIA

2ª TURMA RECURSAL DOS JUIZADOS ESPECIAIS

Processo nº. : 0101459-08.2015.8.05.0001


Classe : RECURSO INOMINADO
Recorrente(s) : DAMIANA RAIMUNDA CONCEICAO

Recorrido(s) : BANCO BMG S A


FAMILIA BANDEIRANTE DE PREVIDENCIA PRIVADA

Origem : 13ª VSJE DO CONSUMIDOR (MATUTINO)


Relatora Juíza : MARIA AUXILIADORA SOBRAL LEITE

VOTO EMENTA

RECURSO INOMINADO. CONSUMIDOR. COBRANÇA INDEVIDA.. “FAMÍLIA


BAND PREV”. ALEGAÇÃO DE VENDA CASADA QUANDO DA
CONTRATAÇÃO DE EMPRÉSTIMO. RÉU QUE COMPROVA A
REGULARIDADE DA CONTRATAÇÃO NOS TERMOS EM QUE ALEGA TER
SIDO REALIZADA. JUNTADA DO INSTRUMENTO CONTRATUAL COM A
ASSINATURA DA PARTE AUTORA. INEXISTÊNCIA DE ATO ILÍCITO.
VENDA CASADA NÃO CARACTERIZADA. SENTENÇA DE
IMPROCEDÊNCIA MANTIDA.

1.Trata-se de recurso inominado interposto contra sentença que


julgou improcedente o pedido formulado na exordial, nestes termos: “ Em que
pese a autora negar a contratação do pecúlio junto à FAMILIA BANDEIRANTE DE
PREVIDENCIA PRIVADA, a 2ª acionada apresentou aos autos o contrato de plano de
pecúlio individual devidamente assinado pela autora (evento n. 25). Analisando o
instrumento, denota-se que a contratação do pecúlio foi feita em instrumento separado do
contrato de mútuo, encontrando-se expresso na proposta de adesão qual o serviço que se
tratava a pactuação, bem como a respectiva estipulação de valores, sendo as cláusulas
redigidas de forma a assegurar a fácil compreensão pela parte aderente, não havendo, pois,
que se falar que a autora não tinha pleno conhecimento dos termos e conteúdo do pacto..”.
2. A parte recorrente busca a reforma da sentença, aduzindo, em
síntese, que fora compelida a assinar contrato de seguro, para que obtivesse a
concessão de empréstimo, alegando portanto a prática de venda casada,
requerendo a restituição em dobro dos valores descontados, bem como
indenização pelos danos morais sofridos.

3. A despeito das alegações da parte autora , o réu logrou êxito na


comprovação da regularidade da contratação do seguro , nos termos em que
alega tê-la feito, e junta aos autos cópia do instrumento contratual, com
destaque para a contratação do seguro, com a assinatura da parte autora,
( evento no 25 do projudi), o que revela a prévia ciência da mesma acerca do
teor e das consequências jurídicas da avença.

4.Nesta senda, diante do quadro probatório consignado nos autos,


que corroboram com a tese defensiva de que houve a regular contratação e
assinatura do instrumento pela parte autora, não resta caracterizada qualquer
ilicitude por parte do banco demandado, sendo portando devida a cobrança do
seguro em tela, devido ao lastro contratual que as fundamenta, sendo
comprovado nos autos o fato extintivo do direito da parte autora, nos termos do
art.373, inciso II do novo CPC.

5.Assim sendo, mister seja mantida a sentença que julgou


improcedentes os pedidos, diante do quadro probatório delineado nos autos,
cujo acervo milita em favor do réu.

6.ISTO POSTO, voto no sentido de CONHECER DO RECURSO E


NEGAR-LHE PROVIMENTO, para manter a sentença objurgada pelos
próprios fundamentos. Sem custas processuais e honorários advocatícios,
por ser a parte beneficiária da justiça gratuita.

Salvador, Sala das Sessões, 16 de Fevereiro de 2016.


BELA. MARIA AUXILIADORA SOBRAL LEITE
Juíza Presidente e Relatora
PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DA BAHIA
2ª TURMA RECURSAL DOS JUIZADOS ESPECIAIS

Processo nº. : 0101459-08.2015.8.05.0001


Classe : RECURSO INOMINADO
Recorrente(s) : DAMIANA RAIMUNDA CONCEICAO

Recorrido(s) : BANCO BMG S A


FAMILIA BANDEIRANTE DE PREVIDENCIA PRIVADA

Origem : 13ª VSJE DO CONSUMIDOR (MATUTINO)


Relatora Juíza : MARIA AUXILIADORA SOBRAL LEITE

ACÓRDÃO
Acordam as Senhoras Juízas da 2ª Turma Recursal dos
Juizados Especiais Cíveis e Criminais do Tribunal de Justiça do Estado
da Bahia, MARIA AUXILIADORA SOBRAL LEITE –Presidente e Relatora ,
ISABELA SANTOS LAGO e ALBÊNIO LIMA DA SILVA HONÓRIO, em
proferir a seguinte decisão: RECURSO CONHECIDO E IMPROVIDO .
UNÂNIME, de acordo com a ata do julgamento. Sem custas processuais e
honorários advocatícios por ser a parte beneficiária da justiça gratuita. .
Salvador, Sala das Sessões, 16 de Fevereiro de 2016.
BELA. MARIA AUXILIADORA SOBRAL LEITE
Juíza Presidente e Relatora

Похожие интересы