Вы находитесь на странице: 1из 26

SUPORTE TÉCNICO E ELHORIA DE RENDA PRO PEQUENO PRODUTOR

Foto: Tamires Koop/ Ministério do Desenvolvimento Agrário(MDA)


PROPOSTA DE DESENVOLVIMENTO DE PROJETO
UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ
BACHARELADO EM DESIGN DIGITAL
ORIENTADORES
TÂNIA SARAIVA DE MELO PINHEIRO
JOSÉ NETO DE FARIA
DESENVOLVEDORES
BRENDA LEE
EMILIANO FEITOSA
EVILANIA LIMA
JOÃO PEDRO

3º SEMESTRE - 2018.1
QUIXADÁ-CEARÁ
SUMÁRIO
2
1. PROPOSTA DE PROJETO ............................04
Introdução ...............................................05
Pproblema ...............................................05
Objetivos .................................................06
Público-Alvo .............................................06
2. SOLUÇÃO ...................................................07
Estratégia de Design ................................08
Conceito de Criação .................................09
Produto/Serviço ....................................10
3. COMUNICAÇÃO VISUAL ..............................11
Identidade Visual......................................12
Paleta de Cores ........................................13
Elementos Visuais ....................................14
Tipografia ...............................................15
Storyboard ..............................................16
Layouts ....................................................17
Projeto de Navegação .............................21

3
PROPOSTA DE PROJETO

4
INTRODUÇÃO
O presente projeto constitui na proposta de desenvolvimento do aplicativo AGRUPAR, que
tem como objetivo estimular a divulgação e inovar a comercialização de produtos vindo da
agricultura familiar, com o intuito de promover o fortalecimento do comercio local, melhoria
da qualidade de produção dos agricultores locais, bem como aproximar o contato do
pequeno produtor com técnicos agrícolas e veterinários de secretarias e associações com
políticas públicas que contribuem para o desenvolvimento e incentivo ao agronegócio
familiar.

PROBLEMA
De acordo com o Censo Agropecuário de 2006, há mais de 4.3 milhões de estabelecimentos
familiares, isso representa 84,4% dos estabelecimentos brasileiros. Dentre os espaços
reservados para esse tipo de produção, os pequenos produtores ocupam uma área de
80,25 milhões de hectares o que representa 24,3% do total. Diante disso, muitos
produtores não possuem uma grande capacidade de desenvolvimento. Nesse contexto
existem os grandes produtores que acabam por dominar grande parte do mercado
agrícola pois possuem acesso a tecnologias agrárias mais avançadas bem como
assistência específica e técnicas de produção mais eficientes.
Considerando a baixa produção dos agricultores familiares, o espaço de
venda acaba sendo em feiras locais ou pequenos comércios

5
situados em regiões próximas às da produção.
OBJETIVOS
Estabelecer o desenvolvimento dos agricultores familiares estreitando suas
relações com os possíveis consumidores finais de seus produtos e melhorar a
comunicação e o acesso a assistência técnica.
- Melhorar a divulgação dos produtos dos agricultores familiares,
facilitando aí, o acesso e contato por parte dos compradores finais e eliminando
a influência dos atravessadores no processo;
- Disponibilizar as informações de contato e produtos específicos que são
produzidos pelos pequenos produtores;
- Informar, junto com os dados de contato, as informações geográficas
dos produtores;
- Facilitar a comunicação entre os pequenos produtores rurais e os
técnicos agrônomos;
JUSTIFICATIVA
O potencial divulgacional que as tecnologias de informação possuem é
valoroso e precioso se considerado ser usado em favor dos pequenos
produtores rurais, atuando como otimizadores de comunicação e divulgação.

6
PÚBLICO-ALVO
Agricultores familiares que se encontram em situação sócio econômica vulnerável com baixa
venda da produção que carecem de suporte técnico especializado.

Técnicos agrícolas da Secretaria de Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar que não


possuem recursos e infraestrutura para dar suporte adequado e regular aos agricultores.

Todo e qualquer indivíduo consumidor ou revendedor que esteja interessado, somente, em


comprar produtos vindos da agricultura familiar.

PERSONAS

José é agricultor e sempre procura Maria é feirante há 5 anos. Seus


cultivar diversas culturas em suas produtos são adquiridos pelo os
terras. Por não ter uma orientação atravessadores, que compram de
técnica, ele admite que já teve algumas agricultores próximos da região por
perdas de seu plantio. um preço bem inferior ao que é
Seu José prefere que seu cultivo seja passado para ela. Dona Maria sente
orgânico, pois tem receio que o uso de dificuldades em revender alguns
produtos químicos prejudique sua produtos por causa do preço elevado.
saúde e de sua família. Ela desconhece a origem de seus

7
Em época de colheita, sua única forma produtos e dos respectivos produtores.
de divulgação de seus produtos é
através de uma tenda em frente de seu
terreno.
SOLUÇÃO
8
ESTRATÉGIA DE DESIGN
SOLUÇÃO

• Aplicativo que aproxime agricultores


e vendedores, formando uma parceria • Facilitar o trabalho dos técnicos quanto a
com técnicos e auxiliando na compra e inclusão de novos produtores nos programas do
venda de produtos da agricultura familiar. governo do estado.

• Aplicação prática e acessível para usuários


• Uma interface fácil de utilizar que permite
pouco familiarizados com este tipo de sistema.
manter um alto nível de eficiência.

• Melhoria de renda para o pequeno produtor.


• Valorizar o trabalho do agricutor familiar.

MEU TEMPO CLIENTE PÚBLICO ALVO STAKEHOLDERS


Valores Tecnológicos: Valores Tecnológicos: Valores Tecnológicos: Valores tecnológicos:
• Uso de smartphones cada vez mais • Utiliza sistemas provisório para cadastros. • Conhecimento de tecnologias atuais. • Desprezo por sistemas complexos.
frequente na sociedade. • Uso de redes sociais para divulgação de • Interesse em novas tecnologias que • Visão empreendedora no sistema.
• Oportunidade de trabalho com o uso de novas editais e notícias proporcionem melhoria da qualidade de
tecnologias. relacionada à agricultura. vida e do desenvolvimento socioeconômico. Valores culturais:
• Interesse em melhorias no campo.
Valores Culturais: Valores Culturais: Valores Culturais:
• Busca está sempre atualizado e informado. • Busca melhorias para o agricultor familiar. • Baixo grau de escolaridade. Valores Estéticos:
• Gosto por descontos e negociação de valores • Interesse em novas idéias e parcerias. • Simplicidade. • Valoriza o trabalho rural e o consumo
em compras. de produtos orgânicos.

9
• Valores Estéticos: Valores Estéticos:
Valores Estéticos: • Aprecia usabilidade no sistema. • Humilde.
• Interface simples • Baixo conhecimento de plataformas mais
• Design Simplificado complexas.
CONCEITO DE CRIAÇÃO
A conceituação do produto remete à criação de um aplicativo para dispositivos
móveis buscando auxiliar e melhorar o contato comercial entre produtor rural
familiar com seus possíveis consumidores önais, tendo como suporte a
secretaria de agricultura, visando eliminar a falta de contato como inøuenciador
negativo nas transações desse nicho social. Em que se estabelece o que é o
produto, seus usuários e o que o cliente busca realizar com o produto.
(implementar mais comunicação)

10
COMUNICAÇÃO VISUAL

11
IDENTIDADE VISUAL
Para a criação da logo foi utilizada uma fonte simples e moderna que remeta
objetividade. As três folhas representam o tripé de sustentabilidade que são
representados por três conceitos básicos, que são: O Ambiental, o Social e o
Econômico.
Social

Ambiental
Econômico

12X

X=

12 30X
PALETA DE CORES
As cores utilizadas na interface são as variações de tonalidade do verde. O efeito do
tom sobre tom foi pensado pra dá sensação de movimento e dinâmica. O verde é
considerado a simblogia da cor da natureza pois ela exibe diferentes tonalidades e
diversidade em abundância. Segundo a psicologia das cores, esta cor é a que os
olhos processam com maior facilidade e naturalidade, significando cooperação,
prosperidade, abundância e fertilidade, ligados à terra e à natureza.

#589A23 #4D9108 #417F1E #3A741D #39731C


RGB 88 154 35 RGB 77 145 8 RGB 65 127 30 RGB 58 116 29 RGB 57 115 28
CMYK 65% 12% 96% 2% CMYK 69% 13% 99% 2% CMYK 73% 19% 96% 6% CMYK 76% 23% 96% 8% CMYK 76% 23% 96% 8%

#1D581C #1D581C #114217 #0D3614 #091B0D


RGB 29 88 28 RGB 29 88 28 RGB 17 66 23 RGB 9 43 16 RGB 9 27 13
CMYK 87% 30% 96% 17% CMYK 87% 30% 96% 17% CMYK 91% 37% 95% 29% CMYK 93% 43% 97% 48% CMYK 92% 47% 90% 65%

13
ELEMENTOS VISUAIS
4

Criar cadastro

14
TIPOGRAFIA
Pensando na diferença sóciocultural dos usuários, foi decidido usar uma tipografia
simples e de fácil entendimento. Não havia uma necessidade de usar diversas fontes,
pois o conceito principal da interface é a simplicidade.
PARA AS PALAVRAS PARA OS NÚMEROS
Myriad Pro Regular Arial Regular
abcdefghijklmnopqrstuvwxyz abcdefghijklmnopqrstuvwxyz
ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVW ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVW
XYZ XYZ
1234567890 1234567890
‘ “ ! @ # $ % ¨& * ( ) _ - + = [ ] / { } ? ª º \ | , . ; < > : ‘ “ ! @ # $ % ¨& * ( ) _ - + = [ ] / { } ? ª º \ | , . ; < > :

TIPOGRAFIA UTILIZADA NA LOGO


NasalizationRg Regular
abcdefghijklmnopqrstuvwxyz
ABCDEFGHIJKLNOPQRSTUV
XYZ
1234567890
‘ “ ! @ # $ % ¨& * ( ) _ - + = [ ] / { } ? ª º \ | , . ; < > :

15
STORYBOARD

16
TELA INICIAL AGRICULTOR

17
LAYOUT TÉCNICO

18
TELA COMPRADOR

19
PROJETO DE NAVEGAÇÃO DO AGRICULTOR
Tela Login

Cadastro Dados Pessoais

Tela Inicial

Cadastrar Novo Produto Programas de Incentivo Solicitar V isita Técnica

Tipo de Produto Lista de Programas Lista de Técnicos

Tipo de Cultivo Descrição dos Programas

Localização de onde se
Inscrever nos Programas
(MAP A)
Menu

Atualizar Dados Meu Perfil Calendário Agrícola Fóruns Sair

Perfil Calendário Página do Fórum

20
PROJETO DE NAVEGAÇÃO DO COMPRADOR

21
PROJETO DE NAVEGAÇÃO DO TÉCNICO

22