You are on page 1of 70

Métodos de Estudo e Pesquisa

TEMA 5

“A PESQUISA”
(A Investigação Científica)
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   1  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
1. O Trabalho de Pesquisa
O Trabalho de Pesquisa serve para avaliar
as Capacidades de Investigação,
Observação, Análise Críitica, Organização,
Criatividade, entre outras, dos estudantes.

O estudante deve ter a noção de que este


tipo de trabalho se reveste de certa
complexidade e requer alguma
preparação.

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   2  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
2. Fases de Elaboração do
Trabalho de Pesquisa (1)
2.1. Definição do Tema
Escolher o tema de forma consciente e
não por “simpatias”. O tema deve atender
às tuas capacidades e possibilidades
reais.
2.2.Elaboração de um Esquema/Plano
Trata-se da Estrutura do Trabalho e de um
Cronograma que funcionará como Guia,
mesmo que seja provisório.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   3  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
2. Fases de Elaboração do
Trabalho de Pesquisa (2)  
2.3. Recolha de Informação
2.3.1. Bibloteca
As Bibliotecas são locais concebidos
para a investigação. Nelas se pode
encontrar Colecções de livros ,
Enciclopédias, Dicionários, Atlas, Livros
Técnicos, periódicos, como Revistas e
Jornais, entre muitos materiais.

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   4  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
2. Fases de Elaboração do
Trabalho de Pesquisa (3)  
2.3. Recolha de Informação
2.3.2. Meios Audivisuais: TVs, Audiovisuais,
CD Rom, entre outros;
2.3.3. Internet
2.3.4. Inquérito
O Inquérito é uma técnica de recolha de
informação sobre um tema concreto e apoiada
num conjunto de questões. Estas são
prédefinidas e colocadas a um determinado
número de pessoas, que é a AMOSTRA.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   5  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
Preparação do Inquérito
1.  Definição de: Tema; Objectivos;
Amostra; Tipo de Questões (Objectivas
ou Subjectivas; Abertas ou Fechadas);
2.  Elaboração do Questionário;
3.  Preenchimento do Inquérito;
1.  Tratamento da Informação;
4.  Apresentação de Resultados (sob a
forma de Gráfiocs; Tabelas; Relatório)

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   6  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
2. Fases de Elaboração do
Trabalho de Pesquisa (4)  
2.3. Recolha de Informação
2.3.5. Entrevista
A Entrevista é um diálogo que se estabelece
entre o entrevistador e o entrevistado. O
objetivo tanto pode ser dar a conhecer
melhor a pessoa em questão (a nível
pessoal, ideológico,…) como esclarecer
aspectos sobre um determinado assunto/
tema.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   7  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
I - A PESQUISA
Pròpriamente
Dita

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   8  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
4. A PESQUISA ppmdita
•  A Pesquisa pode ter muitos objectivos, sendo os
mais comuns os seguintes:
•  Pesquisa EXPLORATÓRIA
•  Pesquisa DESCRITIVA e
•  Pesquisa EXPLICATIVA

•  Exploratória – quando o pesquisador


examina um novo interesse ou quando o
sujeito de estudo em si é relativamente novo.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   9  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
4.1. Objectivos da Pesquisa
Exploratória:

Destina-se a:
(1) Satisfazer a curiosidade e o desejo de
um melhor entendimento do assunto em
estudo por parte do pesquisador;

(2) Testar a viabilidade de se fazer um


estudo mais aprofundado;

(3) Desenvolver métodos a serem usados


em subsequentes estudos.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   10  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
4.2. Pesquisa Descritiva:
Descreve situações e eventos. O
pesquisador Observa e Descreve o
que Observou. Muitos estudos
qualitativos são, na essência,
Descritivos.
4.3. Pesquisa Explicativa:
Explica coisas. Enquanto os estudos
descritivos respondem às perguntas:
O Quê? Onde? Quando? Como? Os
estudos explicativos acrescentam a
pergunta: Porquê?
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   11  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
4.4. Tipos de Métodos de Pesquisa(1)

•  Quantitativa – este método é apropriado


quando na pesquisa a ser feita existe a
possibilidade de recolha de informações/dados/
medidas quantificáveis de variáveis e inferências a
partir de amostras de determinada população. Com
este método deve have uma grande preocupação
com a dimensão da Amostra e com a generalização
dos resultados, pois é preciso ter em conta a
fiabilidade e a validação da pesquisa.

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   12  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
4.4. Tipos de Métodos de Pesquisa(2)  
•  Qualitativa – este método centra-se na
compreensão dos problemas, analisando os
comportamentos, as atitudes ou os valores.
Este método de pesquisa é indutivo e
descritivo, na medida em que o pesquisador
desenvolve conceitos, ideias e entendimentos a
partir de padrões encontrados nos dados/
informações, em vez de recolher dados para
comprovar modelos, teorias ou verificar
hipóteses como nos estudos quantitativos.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   13  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
II –
“Investigação (Pesquisa)
em Ciências Sociais”
(O Procedimento
Científico)

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   14  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5. Etapas do Procedimento
Científico
5.1. A Pergunta de Partida
Com a pergunta de partida o Estudante tenta
exprimir o mais exactamente possível aquilo
que procura saber, elucidar, compreender
melhor.
A pergunta de partida deve apresentar
qualidades de Clareza (ser precisa, concisa e
unívoca); Exequibilidade (ser realista);
Pertinência (ser uma verdadeira pergunta;
abordar o estudo do que existe; ter uma intenção
de compreender os fenómenos estudados).
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   15  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.2. A Exploração
No âmbito do trabalho de pesquisa
(investigação científica), a Exploração
comporta:

(a) As operações de Leitura;


(b) As Entrevistas Exploratórias; e
(c) Alguns Métodos de Exploração
Complementares (Observação e Análise
de Documentos).

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   16  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.3. A Problemática (1)
A Problemática é a abordagem ou perspectiva
teórica que decidimos adoptar para tratarmos
o problema formulado pela pergunta de
partida. É uma maneira de interrogar os
fenómenos estudados. Construir a
problemática do meu trabalho
(Problematização) equivale a formular os
principais pontos de referência teóricos da
pesquisa: a pergunta que estrutura
finalmente o trabalho, os conceitos
fundamentais e as ideias gerais que
inspirarão a análise.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   17  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.3. A Problemática (2)  
Conceber uma Problemática é igualmente
explicitar o quadro conceptual da pesquisa
(investigação), quer dizer, descrever o
quadro teórico em que se inscreve a
metodologia pessoal do investigador,
precisar os conceitos fundamentais e as
relações que eles têm entre si, construir
um sistema conceptual adaptado ao
objecto da pesquisa.

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   18  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.3. A Problemática (3)  
O problema da pesquisa pode ser
formulado com uma pergunta
(interrogação) ou proposição (afirmação).

Definir o objecto de estudo é um passo


fundamental para a realização de uma boa
pesquisa. Num trabalho de pesquisa, o
problema deve ser descrito sucintamente,
através da elaboração de um possível título, e, é
preciso ponderar se a questão é passível de ser
pesquisada (investigada).
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   19  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.4. Revisão da Bibliografia (1)

Destina-se a consultar e a recolher a


informação pertinente relativa à área de
pesquisa, em geral, e à problemática da
pesquisa, em particular.
Ela implica a leitura do que os outros já
escreveram sobre a área de estudo.
Implica a recolha de informações que
fundamentem os argumentos e a redacção
das conclusões.
Enquadramento Teórico/ Estado da Arte (State-of-the-art)
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   20  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.4. Revisão da Bibliografia (2)  

A Pesquisa Bibliográfica é fortemente


influenciada pelo conhecimento prévio
existente acerca de uma determinada área
científica na qual se insere a problemática.
O pesquisador tem ao seu dispôr um
conjunto de fontes bibliográficas:
i) Catálogos bibliográficos;
ii)  Livros;
iii) Revistas das áreas científicas;
iv)  Dissertações e Teses
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   21  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.4. Revisão da Bibliografia (3)  

iv) Diversos trabalhos académicos;


v) Relatórios;

A Pesquisa deve ser feita por: Assunto/


Tema; Palavras-Chave;
Na Revisão Bibliográfica devem ser
mencionadas apenas as obras relevantes,
pois estas servem para justificar os
argumentos e comparar factos de outros
trabalhos de pesquisa.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   22  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.4. Revisão da Bibliografia (4)  
Conselhos para uma boa selecção da
Literatura:
1. Começar por artigos de revistas
conceituadas da especialidade;
2. Começar por artigos/estudos mais recentes e
ir recuando no tempo;
3.  Ler primeiro artigos, monografias e depois
livros;
4. Procurar actas de conferências;
5.  Procurar dissertações ou resumos
relacionbados com o tema em pesquisa.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   23  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.4.1. Referências Bibliográficas

•  Têm importância ética e de prevenção


de possíveis situações de plágio;

•  Têm uma importância pedagógica –


qualquer documento deve facilitar a
orientação bibliográfica de quem lê a
obra e criar coberturas às citações que
constam do texto.

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   24  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.4.2. CITAÇÕES
As citações são transcritos (partes do texto)
ou informações retiradas das publicações
consultadas para a realização do trabalho.
São introduzidas no texto com o propósito
de esclarecer ou complementar as ideias do
autor. A fonte de onde foi extraída a
informação é sempre citada
obrigatoriamente, respeitando-se desta
forma os direitos de autor. As citações
bibliográficas podem ser Livres ou Textuais;
Breves e Longas.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   25  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
A. Citação Livre – é a reprodução de
ideias e informações do documento
de modo parafraseado, sem, contudo,
se transcrever as próprias palavras
do autor. Usa-se para isso “cf”
Quando o(s) nome(s) do(s) autor(es)
faz parte integrante do texto,
menciona-se a(s) data(s) da(s)
publicação(ções) citada(s), entre
parênteses, logo após o nome do
autor. A indicação da fonte pode ser
colocada no fim da citação;
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   26  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
Quando se trata de entidades colectivas
conhecidas por sigla, deve citar-se o nome
por extenso acompanhado da sigla na
primeira citação e, a partir daí, usar-se
apenas a sigla;
Quando se trata de documento sem autoria
conhecida, de publicação periódica
referenciada no todo ou dos casos em que
a norma recomenda a entrada da referência
pelo título, a citação é feita usando-se a
primeira palavra do título, seguida de
reticências e da data entre parênteses.  
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   27  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
B. Citação Textual – é a
transcrição literal de textos de
outros autores. É reproduzida
entre aspas ou destacada
tipograficamente, exactamente
como consta do original,
acompanhada de informações
sobre a fonte. Uma transcrição
dentro da outra é indicada por
aspas simples.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   28  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
As citações longas (mais de três
linhas) devem constituir um
parágrafo independente, recuado e
com espaço de entrelinha menor do
que aquele que está a ser utilizado
no texto do trabalho. Não deve estar
entre aspas.

As citações curtas ou breves são


inseridas no texto, ocupando um
máximo de 2 a 3 linhas. Deve estar
entre aspas.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   29  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
C. Incidências no Corpo da Citação
C.1: Omissões no Texto – a eliminação de
parte(s) do texto citado será assinalada por […]
C.2: Inserções no Texto – comentários
próprios, esclarecimentos ou especificações serão
apresentados entre parênteses rectos [ ]
C.3: Os Erros do Autor Citado – os erros
detectados do autor citado devem ser respeitados,
mas assiná-los para chamar atenção ao leitor,
escrevendo após o erro identificado a expressão
[sic]
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   30  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
D. Citação de Citação

Sempre que possível, deve-se


fazer esforço para se consultar
o documento original. Quando
tal não é possível, pode
reproduzir-se a informação já
citada por outros autores que
tenham efectivamente
consultado o documento
original.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   31  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
1. No texto, cita-se o apelido do
autor do documento não
consultado, seguido das
expressões: “citado por”,
“conforme” , “segundo” ou “In”
e o apelido do autor do
documento efectivamente
consultado. Em nota de rodapé
mencionar os dados do
documento original.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   32  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
2. Na listagem bibliográfica deve
incluir-se os dados completos do
documento efectivamente
consultado.
3. Quando não se usa nota de
rodapé, devem incluir-se duas
entradas na listagem bibliográfica.

“apud” - citado por

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   33  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.4.3. NOTAS
As Notas de Rodapé ou de Pé de
Página destinam-se a prestar
esclarecimentos ou tecer
considerações que não devem ser
incluídas no texto, para não
interromper a sequência lógica da
leitura. Devem ser reduzidas ao mínimo
e situar-se em local tão próximo quanto
possível do texto, não sendo
aconselhável reuni-las todas no fim de
capítulos ou da publicação.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   34  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
Para se fazer a chamada das
Notas de Rodapé
(Bibliográficas ou Explicativas),
usam-se algarismos arábicos, na
entrelinha superior, sem parênteses, com
numeração consecutiva para cada
capítulo ou parte, evitando-se recomeçar
a numeração a cada página. Quando as
notas forem em número reduzido, pode
adoptar-se uma sequência numérica
única para todo o texto.  
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   35  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.4.4. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

Conjunto de elementos que


permite a identificação da
publicação, no todo ou em parte.
As referências bibliográficas são
citadas em lista própria,
incluindo-se nelas todas as
fontes efectivamente utilizadas
na elaboração do trabalho.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   36  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
Estilo e Normas p/Referências
Bibliográficas (1)
1.  Livro Impresso:
1.1. Um Autor: Apelido do Autor, Iniciais de outros nomes
do autor, Ano de Publicação, Título do Livro (em itálico),
Edição, Cidade onde se publica o Livro: nome da Editora
ou quem publica o Livro;
1.2. Dois ou mais Autores: Nomes dos autores seguindo o
mesmo procedimento acima mencionado;
1.3. Capítulo de um Livro: Nome do autor do Capítulo
(Apelido, Iniciais), Ano, Título do Capítulo e a seguir um
ponto final. Nome do autor ou autores do Livro precedido
da expressão: Em ou In.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   37  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
Estilo e Normas p/Referências
Bibliográficas (2)  
2. Livro electrónico:
Autor(es), Ano, Título do Livro [e-book/Livro electrónico], Local de
publicação: Editor/Publisher, Disponível: URL, [Consultado em __/___/
___]
3. Site Web:
Autor(es), Ano, Título, [Em Linha]. Cidade: Editor, Disponível: URL,
[Consultado em ___/___/___]
4. Artigo impresso:
Autor(es), Ano, Título, Jornal (em itálico), Volume, Páginas
5. Artigo electrónico:
Autor(es), Ano, Título, periódico, [Online/Em linha], Volume, Disponível:
URL, [Consultado em ___/___/___]
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   38  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
Estilo e Normas p/Referências
Bibliográficas (3)  
•  Citações no Texto:
•  Um Autor:
- Nome do Autor, Ano ou Nome do Autor, Ano:
páginas
•  Dois Autores:
- Nomes dos Autores, Ano ou acrescentando a página
•  Três ou mais Autores:
- Nome do primeiro Autor seguido de et al.
em itálico, Ano.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   39  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.4.5. BIBLIOGRAFIA
É uma lista dos documentos que,
embora não citados ao longo do
texto, dão uma informação
suplementar sobre o tema. Tem por
objectivo dar ao leitor a
possibilidade de um maior
aprofundamento do tema. Esta lista,
sob o título “Bibliografia”, constitui
um anexo do trabalho.  
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   40  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.5. A Construção do Modelo de
Análise (1)
O Modelo de análise é o prolongamento
natural da problemática, articulando de
forma operacional articulando de forma
operacional os marcos e as pistas que
serão finalmente retidos para orientar o
trabalho de observação e de análise. É
composto por conceitos e hipóteses
estreitamente articulados entre si para, em
conjunto, formarem o quadro de análise
coerente.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   41  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.5. A Construção do Modelo
de Análise (2)  
A conceptualização, ou construção dos
conceitos, é uma construção abstracta que
visa dar conta do real. A construção de um
conceito consiste em definir as dimensões
que o constituem e, em seguida, precisar
os seus indicadores, graças as quais estas
dimensões poderão ser medidas.
É a representação teória da realidade
que se pretende analisar.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   42  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.5. A Construção do Modelo de
Análise (3)  
1.  Selecção de conceitos teóricos;
2.  Selecção de definição de conceitos
teóricos;
3.  Estabelecimento de relações (causa e
efeito/dependência e independência) entre os
conceitos pré-seleccionados;
4.  Operacionalização dos conceitos
(estabelecimento de formas de “medir” esses
conceitos teóricos na realidade empírica – por
ex: questionários, inquéritos, entrevistas)
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   43  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.5.1. As Hipóteses (1)
Problemática, Modelo, Conceitos e Hipóteses
são indissociáveis. O Modelo é um sistema de
hipóteses articuladas lògicamente entre si. A
Hipótese é a precisão de uma relação de
conceitos; portanto, o Modelo é também um
conjunto de conceitos lògiamente articulados
entre si por relações presumidas.
Hipótese - é uma proposição que prevê uma
relação entre dois termos que, segundo os
casos, podem ser conceitos ou fenómenos.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   44  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.5.1. As Hipóteses (2)  
Hipótese – é uma proposição provisória,
uma suposição que ser verificada. Por isso,
a Hipótese será confrontada, numa etapa
posterior da pesquisa, com dados da
observação. Para ser objecto desta
verificação empírica, uma hipótese deve ser
refutável. Isto significa, em 1º. lugar , que ela
deve poder ser testada indefinidamente e ter,
portanto, um carácter de generalidade,
depois, que deve admitir enunciados
contrários que sejam teoricamente
susceptíveis de verificação.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   45  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.6. A Observação (1)
A Observação compreende o conjunto de
operações através das quais o Modelo de
Análise é confrontado com dados
observáveis. Ao longo desta etapa são,
portanto, reunidas numerosas informações.
Estas são sistematicamente analisadas na
etapa posterior. Conceber esta de
Observação significa responder à 3
perguntas seguintes: Observar o quê?; Em
Quem?; Como?
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   46  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.6. A Observação (1)  
Observar o quê? Os dados a reunir são
aqueles que são úteis à verificação das
hipóteses. São determinados pelos
indicadores das variáveis. Chamam-se dados
pertinentes.
Observar em quem? Trata-se, depois, de
circunscrever o campo das análises
empíricas no espaço geográfico e social,
bem como no tempo. Dependendo do caso, o
pesquisador poderá’estudar o conjunto da população
considerada ou sòmente uma Amostra representativa ou
significativa dessa população.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   47  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.6. A Observação (3)  
Observar como? Esta 3ª. pergunta incide
sobre os instrumentos da observação e a
recolha dos dados pròpriamente dita.
Na Observação, o importante não é apenas
recolher informações que traduzam o
conceito (através dos indicadores), mas
também obter essas informações de uma
forma que permita aplicar-lhes
posteriormente o tratamento necessário à
verificação das hipóteses.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   48  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.7. A Análise das Informações (1)
Esta é a etapa que trata a informação obtida
através da Observação para a apresentar de
forma a poder comparar os resultados
observados com os esperados a partir da
hipótese. Esta Etapa pode compreender 3
operações:
1ª. Operação – consiste em descrever os
dados (apresentá-los, agregados ou não, na
forma exigida pelas variáveis implicadas nas
Hipóteses e, por outro lado, apresentá-los de
maneira que as características destas variáveis
sejam claramente evidenciadas pela descrição).
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   49  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.7. A Análise das Informações (2)  

2ª. Operação –
consiste em medir as relações entre as
variáveis, em conformidade com a forma
como essas relações entre as variáveis,
em conformidade com a forma como
essas relações foram previstas pelas
Hipóteses.

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   50  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.7. A Análise das Informações (3)
3ª. Operação -
consiste em comparar as relações
observadas com as relações
teoricamente esperadas a partir da
Hipótese e em medir a diferença entre as
duas. Se esta for nula ou muito fraca
podemos que a hipótese é confirmada;
se não, será necessário procurar a
origem da discrepância e tirar as
conclusões apropriadas.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   51  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.8. As Conclusões (1)

A Conclusão de um Trabalho de Pesquisa


pode compreender 3 partes: primeiro, uma
retrospectiva das grandes linhas de
procedimento que foi seguido; depois,
uma apresentação pormenorizada
dos contributos para o conhecimento
originados pelo trabalho (Novos
conhecimentos relativos ao objecto em análise e
novos conhecimentos teóricos); e, finalmente,
considerações de ordem prática.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   52  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.8. As Conclusões (2)
Retrospectiva das Grandes Linhas
do Procedimento:
1) Apresentação da pergunta de partida na
sua última formulação;
2)  Uma apresentação das características
principais do modelo de análise e, em
particular, das hipóteses de pesquisa;
3)  Uma apresentação do campo de
observação, dos métodos utilizados e das
observações efectuadas;
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   53  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
5.8. As Conclusões (3)  

3) Uma comparação entre os resultados


hipoteticamente esperados e os
observados, bem como uma retrospectiva
das principais interpretações das suas
diferenças.

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   54  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
III – Projecto de PESQUISA

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   55  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
O Ponto De Partida
•  Como toda a actividade Racional e
Sistemática, a Pesquisa qua as acções a
serem desenvolvidas sejam planificadas;
•  A 1a. Fase da Pesquisa envolve:
(i)  a Formulação do Problema;
(ii)  a Especificação dos Objectivos;
(iii)  a Construção das Hipóteses;
(iv)  a Operacionalização dos Conceitos;
(v)  o Cronograma; e
(vi)  os Recursos necessários.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   56  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
Projecto de Pesquisa: Conceitos
•  É um documento que explicita as acções a
serem desenvolvidas ao longo do processo
de pesquisa.
•  É um documento que especifica os
objectivos da pesquisa, apresenta a
justificativa da sua realização, define a
modalidade de pesquisa, e determina os
procedimentos de colecta e análise de
dados (informações).
•  É um exercício que nos ajuda a mapear o
caminho a percorrer durante a pesquisa.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   57  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
Que Perguntas são respondidas
pelo Projecto de Pesquisa?
1.  O que pesquisar? (definição do problema,
hipóteses, base teórica e conceptual);
2.  Por que pesquisar? (justificativa da escolha do
problema);
3.  Para que pesquisar? (propósito do estudo,
objectivos);
4.  Como pesquisar? (metodologia);
5.  Quando pesquisar? (cronograma de execução);
6.  Com que recursos? (orçamento);
7.  Quem realizará a pesquisa? (pesquisadores).
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   58  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
A Delimitação da Pesquisa
A pesquisa pode ser delimitada quanto:
1.  Ao Assunto – Com a selecção de um tópico,
a fim de impedir que este se torne ou muito
extenso ou muito complicado;
2.  À Extensão – nem sempre se pode abranger
todo o âmbito em que o(s) facto(s) se
desenrola(m);
3.  A uma Série de Factores – meios
humanos, económicos e exigibilidade de
prazo, os quais podem restringir seu campo
de acção.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   59  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
Estrutura do Projecto de Pesquisa
Capa (Dados de identificação da instituição, curso,
disciplina, título do trabalho, estudante, data)
Listas (se houver) – listas de figuras, quadros, tabelas,
mapas, abreviaturas)
Sumário (enumeração dos principais capítulos e
secções do trabalho)
1.  Introdução (apresentação do tema.
1.1. Identificação e justificativa do problema
1.2. Objectivos
1.2.1. Objectivo geral
1.2.2. Objectivos específicos)

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   60  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
2. Revisão da Literatura (subdivisões de acordo
com o desenvolvimento do assunto. Fornecer a base
teórica e empírica para a formulação das
hipóteses.Examina as correntes teóricas relacionadas
com o tema e identifica aquela(s) que será(ão)
utilizada(s), com a apresentação das questões ou
hipóteses a serem trabalhadas.
3. Metodologia
3.1. Delineamento da pesquisa
3.2. População e amostra
3.3. Plano de colecta (recolha) de dados (infções)
3.4. Análise de dados (informações)
3.5. Variáveis.
Cronograma (quadro c/etapas da pesquisa e tempo
previsto para a execução de cada uma)
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   61  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
Orçamento (quadro com a relação dos recursos
necessários, sua quantidade e custo)

Referências Bibliográficas (lista de todas as


obras mencionadas no decorrer do texto)

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   62  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
Estrutura simplificada do Projecto de Pesquisa


A.  Tema de Pesquisa
B.  Introdução (razões da escolha do tema, objectivos a
atingir com a pesquisa);
C.  Revisão da Literatura (breve referência do que já
existe escrito e publicado sobre o que quer pesquisar, um
concitual teórico sobre o assunto que quer pesquisar);
D.  Metodologia (selecção da estratégia de pesquisa que
irá adoptar, incluindo as técnicas de recolha e tratamento
de dados que se mostrar mais adequada);
E.  Cronograma (actividades a realizar e sua duração:
início e fim);
F.  Bibliografia (colocando as obras básicas que vai usar
na pesquisa)
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   63  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
IV - Breve Introdução à
Estrutura de:
ENSAIO;
MONOGRAFIA,
e
DISSERTAÇÃO  

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   64  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
A. Breve Introdução à Estrutura de um
Ensaio
Um  Ensaio  (em  Ciências  Sociais)  tem,  basicamente,  a  
seguinte  estrutura:  
1. Título –  Todo  o  Ensaio  deve  iniciar  com  Título  escrito;  
2. Introdução –  Explica  ao  leitor  de  que  trata  o  Ensaio;  
3. Parte Principal  -­‐  Desenvolve  os  pontos  principais  do(s)  
argumento(s)  numa  “progressão  lógica”.  Usa  evidência(s)  da  pesquisa  
[evidência(s)  empírica(s)]  e  argumentos  teóricos  para  sustentar  os  pontos;  
4. Conclusão –  Reavalia  o  argumento  por  forma  a  
permiMr  a  declaração  final  em  resposta  à  questão.  
5. Lista de Referências –  Com  detalhe  das  
publicações  referenciadas  dentro  do  texto.

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   65  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
B. Estrutura de Trabalho de Graduação
ou Pós-Graduação

1. Introdução  -­‐  Apresentação  do  tema,  ObjecMvos  e  


Metodologia  uMlizada.  A  introdução  deve  despertar  a  atenção  e  interesse  do  
leitor  para  o  trabalho  que  se  vai  apresentar.  
2. Desenvolvimento  -­‐  É  a  parte  mais  extensa  do  
trabalho  pois  consiste  em  tratar  o  assunto  por  partes  e  em  
profundidade.  Deverá  aparecer  dividido  em  capítulos  e  a  sua  
numeração  ter  correspondência  com  a  do  índice.  
3. Conclusão    -­‐  É  o  sumário  dos  argumentos  apresentados  e  das  
conclusões  a  que  se  chegou,  não  se  devendo  acrescentar  nada  de  novo.  
4. Anexos  
5. Bibliografia
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   66  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
C.Breve Introdução à Estrutura de
um Trabalho de Fim do Curso
Enquanto  o  Ensaio  é  um  estudo  bem  desenvolvido,  
formal,  discursivo  e  concludente,  consis6ndo  em  
exposição  lógica  e  reflexiva,  e  uma  argumentação  
rigorosa,  com  alto  nível  de  interpretação  e  
julgamento  pessoal;  
Trabalho  de  Fim  de  Curso  (TFC)  é  exposição  de  um  
estudo  cienGfico  recapitula6vo,  com  o  objec6vo  de  
reunir,  analisar  e  interpretar  informações.  O  Trabalho  
de  Fim  de  Curso  deve  evidenciar  o  conhecimento  da  
literatura  existente  sobre  o  assunto  e  a  capacidade  de  
sistema6zação  do  estudante  finalista.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   67  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
D. Estrutura Clássica de ENSAIO

1. Introdução [âmbito (alvo, esfera de


acção), objectivos e razões da escolha] -
7,5%
2. Enquadramento teórico do tema e
Metodologia – 30%
3. Desenvolvimento (Resultados e
discussão) – 40%
4. Conclusões – 15%
5. Referências – 5%
6. Anexos – 2,5%

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   68  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
Bibliografia Consultada
•  Allan, G. & Skinner, C. (1991) (eds), Handbook for
Research Students in the Social Sciences, London, The
Falmer Press;
•  Babbie, E. (2007), The Practice of Social Research,
Canada, Thomson Wadsworth;
•  Carrilho, F. (2004), Métodos e Técnicas de Estudo,
Lisboa, Editorial Presença;
•  Delamont, S. (1992), Fieldwork in Educational Settings:
methods, pitfalls & perspectives, London, The Falmer
Press;
•  Quivy, R. e Camenhoudt, L.V. (1995), Mannuel de
recherche en sciences sociales, Paris, Dunod;
•  Silverman, D. (1993), Interpreting Data: methods for
analysing talk, text and interaction, London, Sage
Publications.
Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  
5/14/14   69  
Prof.  Doutor  J.  Chichava  
Fim do Tema 5

Métodos  de  Estudo  e  Pesquisa    TEMA    5  -­‐  


5/14/14   70  
Prof.  Doutor  J.  Chichava