You are on page 1of 5

Recuperando a história dos jogos

Mini serie em 12 capítulos de nossa história.


Capitulo1
Estamos estudando toda a nossa história e com isso vamos trazer todos os nossos
números e por que não alguns “causos”. E iniciaremos é claro pelo começo, N1.

Fala aí galerinha,
degustando a
picanha?

Vocês sabem que nossa coligação é cheia de curiosidades e mistérios, vamos trazer
aqui algumas delas e começando pelo o N1, que na minha opinião será o mais bizarro
de todos, Vamos lá:
Já começa pela capa do N1, vocês sabiam que o nome e o símbolo que está
envolvendo toda a capa é apenas o nome de uma empresa internacional especializada
em mudanças, pois é FINK ainda existe até hoje:

Como sabemos o presidente era apenas um garoto, e teve necessidades de colocar os jogos
anotados, historia melhor contada na revista 9.1. Assim o presidente encontrou um livro caixa
com a capa meio querendo rasgar e uma fita dessas de fechar caixas de mudaças que estava
com o nome e o simbolo da tál empresa e assim se criou a bandeira do N1 que nada mais é o
simbolo da empresa voltado de ponta cabeça e faz parte da bandeira da coligação!!!

26V
Se vamos falar de leis bizarras, o N1 é realmente o campeão delas, se ligam nessas leis
Lei 1864:pg86N1:Se uma peça for presa por mais de cinco vezes., Punição guilhotina!!!

Isso mesmo galera, os caras guilhotinavam as peças dos jogos....


É que naquela época as pessoas faziam tudo para jogar e o jogo predominante era as
damas, e ninguém tinha as peças corretas e seguindo um pouco a versão mistos, as
pessoas pegavam qualquer coisa para servir de peças, qualquer coisa essa, que poderia
ser algo sem muita resistência, como uma pilha com o fundo inchado ,assim elas não
ficavam em pé e acabavam derrubando as peças adversarias, desarrumando o jogo
todo como dominós caindo, daí surgiu a ideia de eliminar aquela peça para sempre,
mais para isso teria que ter um motivo muito forte, pois alguém poderia balançar a
mesa só para prejudicar seu adversário, então teria que ter a peça especifica para
acusa.
O interessante é que depois dessa lei, a galerinha tomou jeito e foram acertando suas
pecinhas e livrando elas da forca.

27
Depois de um estudo aprofundado do livro N1, podemos perceber que ele foi
realmente o livro das corridas e daí nós vimos quem foram os reis dos jogos no N1.

Nas damas: realmente foram os Panasonics, time organizado, de onde começou todo
o seu império, bem atrás deles acreditem: Xênicais. Panasonics realmente dominavam,
pois jogavam muito com o regulamento de baixo do braço.

Já no cargo chefe do N1 as Corridas, foram Rayovacs, porem muitas peças de outros


times corriam pelos Rayovacs devido sua organização e bons carros, inclusive o próprio
presidente, que estava abrindo ainda os Panasonics nessa categoria, muitos desses
títulos dos Rayovacs foram nosso presidente que deu, basta conferir o N1. Como
podemos também comprovar nesse mesmo ranck acima, depois que o presidente foi
para os Panasonics, esta ali já em segundo lugar, se não Rayovacs estariam com mais
de 30 títulos. Mais Rayovacs também tevês pilotos independentes de sucesso, como
“G” e a “Baton”.

27V
O futebol se iniciou no N1 do mesmo jeito que as corridas, Rayovacs dominando, em
seu time havia bastante jogadores dos futuros times, que seriam Panasonics, Mistos e
etc. Inclusive foi a onde se destacaram as peças, como: Togo (Mistos) e Macumbeira
(Eveready) excelentes em faltas. “G” (Panasonics/Rayovacs), Namoradinha
(Panasonics) excelentes artilheiros no futebol entre outros. E o futebol nós sabemos
que foi sempre a verdadeira válvula de escape da coligação, seria o “chaves do SBT”,a
audiência caiu ,coloca o chaves ,assim era o futebol, tinha uma janela, um espaço,
vago, lá estava o futebol, de certo que as corridas foram o ponto top do N1, mais o
futebol assim nascia. Mesmo só contendo 1 nesse ranck, ele se misturava um pouco
com artilharia, por isso os títulos se confundiram um pouco, mais tudo foi explicado no
N5.

Ludo, o único jogo de tabuleiro que manteve suas regras e expectativas normais do
jogo, com isso, quem era perfeito em regras na época? isso mesmo, Panasonics.
Reinou nesse inicio de ludo no N1, que foi logo no fim do livro.

Artilharia, jogo já extinto que deixa muitas saudades em nossas mentes a cada lances
incríveis e inesquecíveis. A artilharia origem foi no N1 juntamente com o futebol, por
isso as vezes seus títulos se confundem, basta conferir nas paginas do N1 e entenderas
o que houve e como começou, após o N1 a artilharia criou suas próprias regras e se
tornou independente do futebol, toda via quem teve titulo de artilheiro na época do
futebol, não abriu mão destes, mesmo contrariando muitos, o presidente manteve os
títulos de artilharia, podemos assim dizer que esses títulos apontados no rank acima
foram artilheiros antes das novas regras e da separação do futebol, porém são
artilheiros e no N1 esse titulo ficou com os Duraceis, isso mesmo, mas como sabemos
a historia lá pra frente é bem diferente, a um nome muito mais famoso nessa
categoria, será que esse nome depois desses estudos permaneceram como líderes em
nossa história? Aguardemos e veremos.

28
Trilha, mais um jogo de tabuleiro que entrou juntamente com o Ludo, as regras
mudaram um pouco, e como esses jogos entraram ao fim do livro N1, não temos
muito o que contar, como podemos analisar no ranck só temos dois campeões,
Panasonics e Travessos.

Podemos dizer assim que os Jogos da velha vieram nesse ritmo de ludo e trilha no fim
do começo, se é que podemos dizer assim, Rsrsrs e quem brilhou, Foram Panasonics e
Travessos.

Bom galera o N1 tem diversas historias e foi onde tudo começou,


diversos nomes inesquecíveis, leis incrivelmente inacreditáveis e curiosas ,
transformações e surgimentos dos jogos, mais precisamos terminar esse capitulo para
dar inicio aos outros, mas vocês querendo saber sobre mais curiosidades do N1, basta
perdi lá no blog, que assim faremos uma versão só dele, isso serve para tudo que
fazemos aqui, gostando, pedi que agente traz mais , o intuito dessa serie é realmente
recuperar a história, depois dela podemos saber números exatos de damas, artilharias
e etc., quantos jogos tivemos , em cada edição, aquele ranck ali em cima vai trazer
esses detalhes, detalhes esses que estão bem guardados e imprimidos em cada livro.
As próximas edições viram mais histórias e explicações sobre copa Estados, Seleções e
Copas do mundo, não colocaremos aqui o ranck das olimpíadas, pois essa já foi bem
colocada no “recuperando a história no N10.
Um abraço as rádios massa, em especial a de Blumenau. Até o próximo capitulo
galerinha.