Вы находитесь на странице: 1из 2

Um Brinde a Experiências Inesquecíveis!

Amantes da Gastronomia e da boa mesa: esta edição do Jornal Infoco traz a vocês mais
que uma dica, mais que recomendação: traz-lhes uma viagem ao mundo dos vinhos e dos
espumantes! No roteiro de hoje: Bodega do Richter!

A Gastronomia, como todos sabem (ou não! Hehe!), está muito além da cozinha por si
só. Gastronomia é um universo composto por mundos que transcendem a mera indústria que
a move! Isto o falo, ressaltando os pequenos produtores que fornecem-nos valiosas matérias-
primas, bebidas, e inúmeros integrantes que contemplam as refeições, que contemplam o
atendimento, etc...

Então vamos mergulhar em um desses universos paralelos! Vamos falar de dois


inestimáveis, únicos e singulares acompanhantes da arte à mesa, que, por si só, são capazes de
nos remeter a prazeres indescritíveis, a terras distantes e a épocas idas longe no tempo...
Carregando-nos através, do olfato, da visão, e do paladar, combinados com um delicioso jantar
e acrescidos de uma boa companhia, estabelecem uma experiência única, singular e
inigualável: os vinhos e os espumantes!

E, para que justiça seja feita, eu, como amante da Gastronomia (e consequentemente
dos vinhos e espumantes e frisantes...) quero lhes informar: neste momento, enquanto
escrevo tal valiosa recomendação, estou a degustar um pitoresco e peculiar Cabernet
Sauvignon. É Chileno, safra 2006, da Vinícola Santa Helena, situada no vale de Colchagua
(perto do deserto de Atacama, norte do Chile, até a fronteira com o Peru). Por questão de
princípios: para falarmos deste presente de Deus chamado Vinho, nada mais justo do que
estar com o assunto na ponta da língua!

O vinho é uma das bebidas alcoólicas mais antigas do mundo. Achados arqueológicos
situam a descoberta em torno de 7000 A.C. Nas montanhas Zagros, situadas no que hoje
conhecemos como Irã e Iraque, foram achadas ânforas que continham resquícios de vinhos –
mais precisamente ácido málico e tartárico, provas estas que nos remetem a existência de
vinhos naquela época.

Além da sua ancestral presença entre a raça humana, uma infinidade de outros fatores
conferem a esta bebida a fama de “bebida dos deuses”. Ao longo de sua descoberta (o vinho,
diferentemente das outras bebidas alcoólicas como a popular cerveja, foi descoberto e não
inventado) exerceu, na historia da humanidade, uma representatividade homônima e
imponente. É a cada dia mais valorizado e desmitificado de seu antigo status de não popular.
Tal pode ser visto pela abertura de mercados que os vinhos vêm conquistando: Brasil, Chile,
Argentina, Uruguai, Estados Unidos, Nova Zelândia, Austrália, China... Seu numero de
admiradores vêm aumentando consideravelmente, tornando-o um mercado internacional. Só
no Brasil (o país da cerveja), de 2005 a 2011 teve um aumento de 12,5 % no consumo, o que
representa em torno 369 milhões de litros comercializados e apreciados. Estes dados fazem do
Brasil o segundo maior consumidor da América Latina, só perdendo para nossos hermanos
argentinos.
Portanto, quero falar de um cantinho majestoso e confortável, situado à Rua Reinoldo
Rau, n° 545. Local este que vem a contemplar e oferecer este universo grandioso. É neste
singelo e mais que bem situado local onde fica a BODEGA DO RICHTER! Ali, vocês poderão
encontrar tudo o que há de melhor em vinhos e espumantes do mundo inteiro. E, quando digo
“mundo inteiro”, não o faço de modo leviano: são milhares de rótulos, tanto nacionais quanto
importados. É um verdadeiro menu do que poderemos encontrar nesse mundo cheio de cores,
aromas e sabores, de identidades culturais e históricas e de sons cintilantes produzidos a cada
brinde.

Um local totalmente climatizado, onde requinte, ambiente rústico e simplicidade


encontram a harmonia perfeita, tanto para os olhos quanto para o paladar. Ah o paladar... A
meu ver é a melhor parte! É sagrado momento no qual nos saciamos, no qual fazemos a prova
final, no qual elevamos aos céus de nossa degustação a ultima abordagem da obra!

A BODEGA do RICHTER possui uma variedade imensa de todos os tipos de vinhos e


espumantes: Brancos, Tintos, Rosés, Encorpados, Leves, Secos, Suaves, Licorosos, de
Sobremesa... Ampla gama de variações, especialmente elaborada para agradar a vocês, que
são a parte mais importante, que são o motivo da existência dos vinhos. Não esqueçamos que,
neste verão, uma opção geladinha e refrescante está em alta: frisantes, espumantes, brancos
leves, aromáticos e tintos jovens – uma ótima opção para estarem na sua mesa, tanto nas suas
refeições, quanto em um final de tarde, curtindo com os amigos.

E, falando em final de tarde, a BODEGA DO RICHTER está oferecendo, de segunda a


sexta-feira, um Happy Hour sem igual! Com direito a degustação de vinhos e aperitivos para
acompanhar, encontram-se, bem pertinho de vocês, no centro de nossa maravilhosa cidade,
jantares harmonizados por um Chef de Cozinha do melhor gabarito.

Eu não sei vocês... Mas terminando aqui minha taça, meu destino – mais do que certo
no que diz a respeito a vinhos, espumantes e a um Happy Hour sem igual – será a BODEGA do
RICHTER!

Um Abraço mais que especial a todos, e viva à Gastronomia!

Por:

Gabriel Kassner Leoni

Chef de Cozinha, Professor de Gastronomia do Senac Bento Gonçalves e Consultor em


Empreendimentos Gastronômicos.

Dr. José Luís Leoni

Revisão redacional, edição dissertativa.

Похожие интересы