Вы находитесь на странице: 1из 2
UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA SUPERINTENDÊNCIA ACADÊMICA SECRETARIA GERAL DOS CURSOS PROGRAMA DE DISCIPLINAS DISCIPLINAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA SUPERINTENDÊNCIA ACADÊMICA SECRETARIA GERAL DOS CURSOS

PROGRAMA DE DISCIPLINAS

DISCIPLINAS

CÓDIGO

NOME

FCC-049

PERÍCIA CONTÁBIL E ARBITRAGEM

CARGA HORÁRIA

T

P

E

TOTAL

CRÉDITOS

68 h.

ASSINATURA DO CHEFE DO

DEPARTAMENTO

ANO/SEM

2014 / 1º S

EMENTA

Conceitos e objetivos da Perícia Contábil. Campo de atuação e procedimentos da perícia. Relacionamento entre os peritos das partes e peritos do juiz. Relatórios. Normas brasileiras sobre perícia. Aspectos legais, sociais e éticos, desenvolvimento de um plano de trabalho em Perícia Contábil.

OBJETIVOS

Fornecer o instrumental ao estudante de Ciências Contábeis para proceder a perícias contábeis para os mais diferentes objetivos e conhecer os principais procedimentos de arbitragem.

CONTEUDO PROGAMÁTICO

1

MEIOS DE PROVA PREVISTOS NO DIREITO

Prova documental, testemunhal/depoimento pessoal etc.

A prova pericial

2

PERÍCIA CONTÁBIL

Conceituação

Objetivo

Organização e Planejamento

Normas e Legislação

3

ÁREAS DE ABRANGÊNCIA DA PERÍCIA CONTÁBIL

Justiça Federal

o

Cível

o

Criminal

o

Trabalhista

Justiça Estadual

o

Cível

o

Criminal

o

Falência e concordata

o

Trabalhista

Justiça do Trabalho

4

PERITO CONTÁBIL

Qualificação Profissional

Competência técnico-profissional

Deveres e Direitos do Perito

Habilitação profissional

Responsabilidades, Zelo e Ética Profissional

5

DESENVOLVIMENTO

Perícia Contábil Judicial

o O perito do juízo

o

O assistente técnico

o

O árbitro

Extrajudicial

o Perito assistente

Assessoria Pericial

6

FASES DE INSTRUÇÃO DO PROCESSO

Petição inicial

Audiência inaugural

Contestação

Provas utilizadas

Nomeação do perito (prazo)

Impedimentos e Suspeição

Planejamento da Perícia

Quesitos

o

Das partes e indicação do assistente técnico

o

Do juízo e do Ministério Público

o

Suplementares

o

Complementares

o

Em audiência

7

HONORÁRIOS PROFISSIONAIS

Arbitramento

Depósito prévio e complementar

Levantamento e honorários

Quesitos e honorários

8

LAUDO PERICIAL E PARECER PERICIAL

Conceito

Estrutura / estilo

Requisitos

Tipos

Anexos

9

ARBITRAGEM LEI 9307/96

Conceito e Natureza Jurídica Contratual.

Princípios Formadores da Arbitragem a exemplo de Devido Processo legal, Da Autonomia de Vontade, Contraditório, do Livre convencimento, da Imparcialidade do Julgador. Da Obrigatoriedade da Sentença.

Convenção de Arbitragem art. 3, da Lei 9307/96 e art. 5,6 e 9 do C. Civil. Cláusula Compromissória. Compromisso Arbitral. Sentença Arbitral.

10

OBRIGAÇÕES DE FAZER

BIBLIOGRAFIA

BIBLIOGRAFIA BÁSICA

ALBERTO, Valdir Luiz Palombo. Perícia Contábil. São Paulo: Atlas.

BRASIL. Lei nº 9.307/1996. Dispõe sobre Arbitragem.

CONSELHO FEDERAL DE CONTABILIDADE. RESOLUÇÃO CFC Nº. 1.243/09. Aprova a NBC TP 01 Perícia Contábil.

RESOLUÇÃO CFC Nº. 1.244/09. Aprova a NBC PP 01 Perito Contábil.

MAGALHÃES, Antonio de Deus; FAVERO, Hamilton Luiz; SOUZA, Clovis de; LONARDONI, Mário. Perícia Contábil: uma abordagem teórica, ética, legal, processual e operacional. Casos praticados. São Paulo: Atlas, 2009.

ORNELAS, Martinho Maurício Gomes de. Perícia Contábil. São Paulo: Atlas.

SÁ, Antonio Lopes de. Perícia Contábil. São Paulo: Atlas.