Вы находитесь на странице: 1из 2

GR02450 - Química Analítica Experimental

Prof. Rosana Zanetti Baú

PRÁTICA 2 – VOLUMETRIA DE NEUTRALIZAÇÃO. TITULAÇÃO


POTENCIOMÉTRICA.

1. Titulação entre ácido forte e base forte


Preparo das soluções:
A) Preparar 250 mL de solução NaOH 0,1 mol/L (PM = 40,0 g/mol)
Calcular a massa de NaOH necessária. Tarar (pesar previamente) um béquer de 50 mL e, dentro dele,
pesar o NaOH, dissolver em quantidade suficiente de água destilada. Transferir a solução do béquer,
para um balão volumétrico de 250 mL e, completar o volume com água destilada. Acondicionar a
solução e rotular adequadamente.

B) Preparo de 100,0 mL de HC 0,10 mol/L (PM = 36,5 g/mol, densidade = 1,19 g/mL, Teor de
pureza = 36%)
Calcular o volume de HC concentrado necessário para preparar 100,0 mL da solução 0,10 mol/L.
Pipetar o ácido com o auxílio de uma micropipeta e transferir para um balão de 100,0 mL contendo
quantidade suficiente de água. Completar o volume com água até o traço de aferição do balão.
Fechar o balão e homogeneizar a solução. Acondicionar a solução e rotular adequadamente.

C) Padronização da solução NaOH 0,1 mol/L


Pesar exatamente cerca de 0,5 g de biftalato de potássio* (previamente triturado e dessecado a 120
°C durante 2 horas) e dissolver em um erlenmeyer com 75 mL de água destilada. Juntar 3 gotas de
fenolftaleína (solução indicadora) e titular com solução de hidróxido de sódio até o aparecimento de
cor rosa claro persistente por 30 segundos. (PM = 204,33 g/mol do biftalato de potássio)
* Anotar a massa pesada para efeito de cálculo.
OBS.:
- Fazer esse procedimento em triplicata
- Calcular a molaridade real
- Calcular a molaridade média
- Calcular o desvio médio e o desvio padrão

D) Padronização de uma solução HC 0,1mol/L a partir do NaOH padronizado.


Preencher a bureta com o titulante (solução padronizada de NaOH). No erlenmeyer, tranferir 10,0
mL da solução HC (solução a ser titulada) e duas gotas de fenolftaleína (solução indicadora). Titular
com solução de hidróxido de sódio até o aparecimento de cor rosa claro persistente por 30 segundos.
OBS.:
- Fazer esse procedimento em triplicata
- Calcular a molaridade real
- Calcular a molaridade média
-Calcular o desvio padrão
- Apresentar a reação envolvida

E) Padronização de uma solução HC 0,1mol/L a partir do NaOH padronizado.


Preencher a bureta com o titulante (solução padronizada de NaOH). No erlenmeyer, tranferir 10,0
mL da solução HC (solução a ser titulada). Ajeitar o pHmetro e titular a solução até pH=7. Anotar o
volume consumido de solução de base. Fazer em duplicata e anotar os volumes.

2. Titulação entre ácido fraco e base forte


Determinação do teor de Ácido Acético em uma amostra de Vinagre
A) Preparação da solução problema:
Com o auxílio de uma pipeta volumétrica retire 25,00 mL de vinagre e transfira para um balão
volumétrico de 250 mL. Com a técnica necessária, completar o volume até o traço de aferição tendo
o cuidado de homogeneizar a solução formada.

B) Titulação da solução problema:


- Com uma pipeta volumétrica medir exatamente 25,00 mL da solução problema para um erlenmeyer
de 250 mL e, adicionar 2 gotas de fenolftaleína.
- Titular com solução padrão de NaOH (solução padronizada anteriormente) até que a coloração
comece a se desviar da coloração que o indicador emprestava inicialmente à solução.
- Fazer esse procedimento em triplicata para encontrar o valor médio, de modo que os volumes
gastos nas titulações não sejam diferentes em mais que 0,10 mL.
- Determinar a porcentagem de ácido acético no vinagre (g de ácido acético em 100 mL de vinagre).

3. Resultados e Discussão

Neste item você deve apresentar todos os cálculos que foram realizados e as observações visuais. As
observações visuais devem ser discutidas apresentando-se a reação química que ocorreu.
Apresentar os cálculos que foram solicitados e comparar no item 1 a análise feita com o indicador e
com o pHmetro.