Вы находитесь на странице: 1из 5

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA

Instituto de Ciências Exatas


Departamento de Química
Laboratório de Química de Coordenação

RELATÓRIO 04: SÍNTESE HEXANITROCOBALTATO (III) DE SÓDIO –


Na3[Co(NO2)6]

FLÁVIA MENEZES
LUIZ EDUARDO

Docente: ALEXANDRE CUIN

TURMA A

JUIZ DE FORA
2019
1.INTRODUÇÂO:
O metal cobalto ocorre na natureza associado ao níquel, arsênio e enxofre. Os minerais
mais importantes são CoAs2 (esmaltita) e CoAsS (cobaltita). É um metal duro, branco-
azulado e dissolve-se em ácidos minerais diluídos. Os estados de oxidação mais
importantes são +2 e +3. O íon [Co(H2O)6]2+ é estável em solução, mas a adição de outros
ligantes facilita a oxidação a Co3+. Por outro lado, o íon [Co(H2O)6]3+ é um agente
oxidante forte oxidando H2O a oxigênio e sendo reduzido a Co2+. Contudo, ligantes
contendo átomos de nitrogênio estabilizam o estado de oxidação +3 em solução aquosa.
As reações de formação de complexos ocorrem pela substituição de moléculas de água
por outros ligantes (moléculas neutras: NH3, etilenodiamina, etc. ou ânions: Cl-, OH-, etc.)
presentes na solução, seguida geralmente pela oxidação do íon Co2+. Há uma reação
inicial de substituição das moléculas de água e a seguir, o complexo formado é oxidado
pelo oxigênio do ar ou então pela ação da água oxigenada. Os complexos de cobalto (III)
incluem hexacianocobaltatos (III), hexanitrocobaltatos (III), tricarbonatocobaltatos (III)
e, principalmente, muitas cobaltaminas.
O hexanitrocobaltato de sódio – Na3[Co(NO2)6] é um complexo que possui 6 ligantes
nitros, possui seus ligantes no vértice de um octaedro regular com o íon metálico no
centro, a geometria do complexo é octaédrica. A coloração amarela do complexo pode
ser explicada segundo a Teoria do Campo Cristalino, na série espectroquímica o (NO2) 2-
é um ligante de campo forte, como os ligantes de campo forte levam a grandes
desdobramentos, os complexos que eles formam absorvem radiação de alta energia e
baixo comprimento de onda que corresponde ao violeta, no final do espectro visível,
espera-se então que esses complexos tenham cores próximas do laranja e do amarelo
pardo. É solúvel em água, sendo que a solução aquosa deste complexo se decompõe
gradualmente. Este complexo é muito utilizado na química analítica na detecção de íons
potássio, formando compostos dificilmente solúveis.
Um aspecto importante a ser considerado na preparação dos compostos de coordenação
é a possibilidade de formação de isômeros. Compostos de coordenação podem apresentar
vários tipos de isomeria: geométrica, óptica, de ligação, de ionização, etc.
A isomeria de ligação pode ocorrer quando um ligante é capaz de se coordenar a um metal
através de diferentes átomos doadores. Por exemplo, o íon nitrito (NO2-) pode se ligar ao
metal através dos átomos de nitrogênio ou de oxigênio, formando duas estruturas
possíveis para o complexo, como mostra a figura abaixo:

Figura 1:Isômeros Estruturais: isomerismo de ligação

Quando a ligação é realizada pelo átomo de nitrogênio, o ligante é denominado nitro (N-
ligado), ao passo que, se a coordenação ocorre pelo átomo de oxigênio tem-se o nitrito
(O-ligado).
Estrutura do complexo formado será:
Estrutura do complexo formado será:

Figura 2:Estrutura do hexanitrocobaltato de sódio

Equação química equilibrada que representa a reação de síntese:


CoCl2.6H2O(s) + 7NaNO2(s) +2CH3COOH(l) →Na3[Co(NO2)6](s)+ 2NaCl + 2CH 3COONa + NO(g)
+7H2O(l)

2. OBJETIVOS:
Ilustrar a preparação do complexo hexanitrocobaltato (III) de sódio.

3.PARTE EXPERIMENTAL:
a) Materiais: Béquer de 50 mL; termômetro, agitador magnético, barra magnética;
bastão de vidro; espátulas; pipetas de diversos volumes; kitasato; rolha de borracha,
tubo de vidro; trompa de água; funil de placa sinterizada, frasco porta amostra e
etiquetas.
b) Reagentes: NaNO2; CoCl2·6H2O; ácido acético glacial; etanol;

4.PROCEDIMENTO:
Em um béquer de 50 mL, dissolveu-se 3,7539 g de nitrito de sódio em 5,0 mL de água
destilada a aproximadamente 80 ºC.
Deixou-se esfriar esta solução até aproximadamente 50 ºC e adicionou-se com agitação
constante 1,0175 g de cloreto de cobalto (II) hexaidratado.
Em seguida, na capela, adicionou-se com agitação constante gota a gota, 1,3 mL de ácido
acético glacial.
Transferiu-se a solução resultante para um Kitasato de 50 mL e adaptou-se uma rolha de
borracha com um tubo de vidro aberto nas duas extremidades, colocado de maneira a
permitir a passagem de ar, através da solução, quando a saída lateral do Kitasato foi ligada
a uma trompa d’água.
Ligou-se a trompa d’água e deixou-se passar ar através da solução durante 5 minutos.
Recolheu-se o líquido castanho escuro resultante em um béquer e foi resfriado em banho
de gelo.
A seguir, adicionou -se com agitação constante e aos poucos, cerca de 7,5 mL de etanol.
Filtrou-se o precipitado formado com o auxílio de um funil de placa sinterizada e lavou-
se com etanol.
completar explicando o motivo de não haver calculo de rendimento

QUESTÕES:
1. Escreva as equações das reações redox envolvidas na síntese do hexanitrocobaltato
(III) de sódio e a reação total. Identifique os agentes oxidante e redutor.

Na preparação deste complexo temos o cobalto como elemento oxidado e o


nitrogênio como elemento reduzido, como segue:
Semi-reação de oxidação: Co2+→ Co3+
Semi-reação de redução: NO3- → NO + NO2
Reação total:
CoCl2.6H2O(s) + 7NaNO2(s) +2CH3COOH(l) →Na3[Co(NO2)6](s)+ 2NaCl + 2CH 3COONa +
NO(g) +7H2O(l)
Portanto na reação o ácido acético e o agente oxidante e o cobalto o agente redutor
2. Poderia ser utilizado ácido clorídrico para acidificar o meio em vez de ácido acético?

Não seria possível usar o ácido clorídrico (HCl) para acidificar esta reação,
primeiro porque o Cl- do ácido provocaria na reação o efeito do íon comum
atrapalhando a saída do Cl2 para formar o complexo desejado, segundo porque o
ácido acético atuou na reação com oxidante para converter Co2+ em Co3+. Portanto
na reação o ácido acético e o agente oxidante e o cobalto o agente redutor
3. Porque foi borbulhado ar na solução?

A mistura reacional foi borbulhada com ar para forçar a saída de NO na forma de


um gás castanho.
4. Porque foi adicionado etanol ao final da reação?

O etanol foi adicionado na reação para induzir a precipitação do complexo


hexanitrocobaltato (III) de sódio, o mesmo diminui a solubilidade do composto ao
absorver energia do sistema para poder evaporar (princípio de Le Chatelier), com
isso há o deslocamento do equilíbrio diminuindo a solubilidade do composto
acentuando assim o processo de cristalização e o etanol este sendo uma substância
volátil, facilita o processo de secagem.
5. CONCLUSÃO:
Os complexos com número de coordenação 6 tendem a ser octaédricos e o ligante nitro
(NO2)2- é um ligante de campo forte que leva o complexo a grandes desdobramentos e
absorve radiação de alta energia e baixo comprimento de onda ,por isso a cor do complexo
é amarela .O rendimento teórico esperado para síntese de complexo é de 100% ,porém
sabe-se que devido a erros experimentais durante o procedimento não é possível obter
esse rendimento .O rendimento experimental não foi possível de calcular devido ao erro
experimental durante o processo de filtragem do complexo .

6. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

 LEE, J. D. Química Inorgânica não Tão Concisa, 5. e d, Trad. Toma et al., São
Paulo: Edgard Blucher Editora Ltda., 1996.
 SHRIVER & ATKINS. Química Inorgânica. 4 eds. Porto Alegre: Bookman,
2008.
 Figura1:https://chem.libretexts.org/Bookshelves/Inorganic_Chemistry/Suppleme
ntal_Modules_(Inorganic_Chemistry)/Coordination_Chemistry/Structure_and_
Nomenclature_of_Coordination_Compounds/Isomers/Structural_Isomers%3A_
Linkage_Isomerism_in_Transition_Metal_Complexes
 Figura 2:https://chemistryfanatics.files.wordpress.com/2013/07/116621.jpg