Вы находитесь на странице: 1из 15

O QUE É

LEAN
MANUFACTURING
CONHEÇA A METODOLOGIA
QUE IMPULSIONA EMPRESAS
E CARREIRAS
ÍNDICE Introdução________________________3

O que é Lean Manufacturing? ________5

Os 5 princípios do Lean _____________7

Desenvolvendo a cultura Lean _______11

Principais resultados do Lean ________12

Impactos relevantes do Lean ________13

Materiais relacionados _____________14

Sobre nós ______________________15


INTRODUÇÃO

Você é capaz de produzir mais utilizando menos recursos?


Você melhora os processos da sua área reduzindo
desperdícios? Tem foco em solucionar problemas? Busca a
melhoria continua? Ter profissionais com este foco é o desejo
de 10 entre 10 empresas, não é verdade?

Agora responda: Você procura aperfeiçoar suas técnicas e


anseia por crescer profissionalmente?

Se sim, este material será muito relevante para você e sua


empresa. Mesmo, acredite!

A filosofia que será apresentada aqui tem como objetivos


primordiais: reduzir ou eliminar desperdícios, aumentar a
produtividade e melhorar continuamente os processos.

Podemos te afirmar que saber como fazer isso trará muitos


benefícios a sua carreira e te ajudará a impulsioná-la.

Está pronto para conhecer mais sobre o Lean?

3 O que é Lean Manufacturing? Índice


O QUE É 

LEAN MANUFACTURING?

4 O que é Lean Manufacturing? Índice


O Lean Manufacturing, também conhecido como Manufatura
Enxuta ou Sistema Toyota de Produção, surgiu na década de 50
no pós-guerra, momento no qual as empresas japonesas
passavam por grandes dificuldades.

Quando Eiiji Toyoda, Taiichi Ohno e sua equipe de


administradores fizeram uma viagem de estudos de 12 semanas
visitando indústrias americanas esperavam ver um grande
progresso industrial. No entanto, ficaram surpresos ao
perceberem que o desenvolvimento das técnicas de produção em
massa não havia mudado muito desde os anos 30. Na verdade, o
sistema de produção apresentava muitas falhas.

O que viram foram muitas máquinas fabricando enormes


quantidades de produtos que eram armazenados em estoque,
somente para mais tarde serem levados para outro departamento
onde grandes equipamentos processavam o produto e assim por
diante.

Observaram como esses diferentes passos do processo


baseavam-se em grandes volumes, com interrupções que faziam
com que os materiais fossem estocados por algum tempo.
Constataram o alto custo do equipamento e de sua dita eficiência
na redução do custo por peça, com trabalhadores que se
mantinham envolvidos em manter o equipamento ocupado.

5 O que é Lean Manufacturing? Índice


Ambientes de trabalho inteiros estavam desorganizados e fora de controle.
Para dizer o mínimo, eles não ficaram impressionados, na verdade viram
uma oportunidade de melhorar essa situação.

Ford em seu livro Today and Tomorrow (1926) também pregava a


importância de criar um fluxo continuo de material no decorrer do processo
de produção, padronizar os processos e eliminar as perdas. Mas enquanto
pregava esses princípios, sua empresa nem sempre os praticava.

A Ford produziu milhões de unidades do Modelo T preto, e mais tarde do


Modelo A, usando métodos esbanjadores de produção por lotes que
formavam grandes depósitos de estoque em processo na cadeia de valor,
empurrando todo o produto para a próxima etapa da produção.

Os japoneses viram isto como uma falha inerente ao sistema de produção


em massa. Eles não podiam se dar ao luxo de criar perdas, não dispunham
de depósito, espaço na fábrica, dinheiro e não produziam grandes volumes
de apenas um tipo de veículo. Mas acreditaram que poderiam usar a ideia
original de Ford -do fluxo continuo de material -para desenvolver um
sistema de fluxo unitário de peças que flexivelmente mudasse de acordo
com a demanda dos clientes e que ao mesmo tempo fosse eficiente.

Juntamente com as lições de Henry Ford, o Sistema Toyota de Produção


(STP) buscou ideias nos supermercados americanos: o “sistema de puxar”,
onde itens individuais são recolocados assim que cada um deles começa a
escassear na prateleira. Isto é, a recolocação do material é provocada pelo
consumo.

É fundamental conhecer a história do STP, pois é daí que surgiram


princípios que são a base do Lean até hoje.

6 O que é Lean Manufacturing? Índice


OS CINCO
PRINCÍPIOS
DO LEAN

O Lean é baseado em 5 princípios, que são norteadores na busca de


um resultado sustentável dentro dos processos:

Esses princípios têm foco em fazer mais com menos continuamente


(menos esforço, menos recursos, menos estoques, menor prazo
de entrega), em garantir exatamente o que o cliente deseja e em
transformar uma empresa utilizando uma filosofia enxuta de
processos.

7 O que é Lean Manufacturing? Índice


VAMOS ENTENDER UM POUCO MAIS
O QUE SIGNIFICA CADA PRINCÍPIO:

1 IDENTIFICAR A CADEIA DE VALOR DO PRODUTO:

Valor é o que o cliente está disposto a pagar, tem-se que identificar


quais etapas do processo realmente agregam valor ao produto final,
veja na imagem abaixo as etapas que adicionam e as que não
adicionam valor ao produto final.

8 O que é Lean Manufacturing? Índice


2 ELIMINAR DESPERDÍCIOS:

Qualquer atividade que absorva recursos, mas não traga valor real
agregado ao produto é considerada DESPERDÍCIO. Muitas vezes
estes desperdícios estão enraizados na cultura da organização, o que
torna sua percepção não tão evidente.

3 FLUXO CONTÍNUO

É produzir e movimentar um item por vez: one-piece-flow (um termo


muito utilizado no lean), ou em pequenos lotes ao longo de uma série
de etapas de processamento, sendo que em cada etapa se realiza
apenas o que é exigido pela etapa seguinte, sem estoques
intermediários ou de itens semi acabados.

9 O que é Lean Manufacturing? Índice


4 PRODUÇÃO PUXADA

Significa que um processo inicial não deve produzir um bem ou


serviço até que o cliente ou um processo posterior faça a solicitação.
Desta maneira, quem determina o início e o fim da produção, bem
como a quantidade a ser produzida, é o cliente e não a capacidade
da fábrica.

5 MELHORIA CONTÍNUA

Quando as empresas começam a identificar a cadeia de valor,


reduzem ou eliminam desperdícios, criam fluxo continuo e deixam os
clientes puxarem.

As pessoas envolvidas neste processo ampliam sua visão e buscam


cada vez se aperfeiçoar e levar a organização a um outro patamar.
Isto é o que chamamos de melhoria continua, uma busca constante
pela perfeição.

10 O que é Lean Manufacturing? Índice


DESENVOLVENDO A CULTURA
LEAN EM UMA EMPRESA

Neste esquema estão descritas as principais etapas para


consolidar o Lean dentro de um a empresa:

CONTATO:
As pessoas já ouviram ou leram sobre o Lean.
INFORMAÇÕES:
As pessoas receberam informações sobre o Lean e perceberam sua
importância para a empresa.
ENTENDIMENTO:
As pessoas entendem claramente os conceitos do Lean e seus impactos para
organização e para elas próprias.
IMPLEMENTAÇÃO:
As pessoas utilizam as ferramentas do Lean no seu dia a dia, dando
exemplos.
ADOTA O PROCESSO:
As pessoas estimulam a utilização das ferramentas e removem barreiras.
INSTITUCIONALIZA:
As pessoas aplicam amplamente o Lean em tudo que fazem e compartilham
seu aprendizado.
CULTURA LEAN:
As pessoas têm a cultura Lean como uma forma de ser e agir.

11 O que é Lean Manufacturing? Índice


Principais diretrizes para o Lean dar certo na sua empresa: Comece
de cima para baixo, a implantação deve ter total suporte da alta
direção:

ENVOLVA TODOS OS NÍVEIS


DEFINA UM PROJETO PILOTO
DESENVOLVA LÍDERES LEAN E CRIE UM SISTEMA DE SUCESSÃO
CONTE COM ESPECIALISTAS PARA ENSINAR E OBTER RESULTADOS RÁPIDOS
DIVULGUE OS RESULTADOS OBTIDOS

PRINCIPAIS RESULTADOS DO LEAN


PARA AS EMPRESAS

Com tudo isso acontecendo na sua empresa, os resultados


começam a aparecer, veja alguns deles:

1 RESULTADOS LIGADOS A REDUÇÃO DE CUSTOS:

• Redução do Tempo de Manufatura em até 50%


• Redução do estoque em até 40%
• Uso de Matéria Prima reduzido em até 25%
• Redução dos juros sobre o capital

2 RESULTADOS LIGADOS A MELHORIA DE PROCESSO:

•Aumento da capacidade de produção em até 30%


• Aumento de até 30% na produtividade
• Redução do leadtime
• 95% entrega de produtos na data prometida
• Melhoria na ergonomia e redução de acidentes de trabalho
• Melhoria na qualidade

12 O que é Lean Manufacturing? Índice


IMPACTOS RELEVANTES DA IMPLEMENTAÇÃO
DO LEAN

Algumas transformações são evidentes com a implementação e


sustentação do Lean:

1. Cria uma cultura de melhoria contínua


2. A empresa evolui para uma nova era da produção de bens e
serviços
3. Oferece a melhor qualidade, no menor tempo e ao menor custo
4. Equipe mais engajada e comprometida
5. Cria o ambiente adequado à alta produtividade

O primeiro passo foi dado! Estamos no início de uma nova fase e


estaremos juntos nessa jornada incrível! Fazendo acontecer e
gerando grandes resultados!

13 O que é Lean Manufacturing? Índice


MATERIAIS COMPLEMENTARES

14 O que é Lean Manufacturing? Índice


A Academia Lean, empresa parceira do Lean Blog, lançou o
curso online:

“Os 8 desperdícios e uma ferramenta para identificá-los


no seu processo”

Este curso é essencial para você que está iniciando a Jornada Lean,
pois conhecerá conceitos fundamentais da metodologia como
agregação de valor e os 8 desperdícios.

Se você está buscando aprender lean, alavancar sua carreira e


implementar melhorias nos processos da sua empresa ou trabalho.

Clique no botão abaixo e saiba mais!

Saiba mais sobre o curso

15 O que é Lean Manufacturing? Índice