Вы находитесь на странице: 1из 5

EXTERNATO MARIA AUXILIADORA – AREOSA

PLANIFICAÇÃO ANUAL DOS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DA DISCIPLINA DE CIÊNCIAS DA NATUREZA – 2°. CICLO
6º ANO DE ESCOLARIDADE - ANO LECTIVO DE 2010/2011

Nº de Nº de Nº de
1° PERÍODO tempos 2° PERÍODO tempos 3° PERÍODO tempos
previstos previstos previst
CONTEÚDOS 39 CONTEÚDOS 38 CONTEÚDOS os
25
Tema 5 – ELIMINAÇAO DE PRODUTOS DA
Tema 1 – OS ALIMENTOS COMO VEÍCULOS DOS Tema 8 – REPRODUÇAO NAS PLANTAS
ACTIVIDADE CELULAR
NUTRIENTES
1.1. Importância da alimentação
5.1. Principais produtos de excreção 8.1. Reprodução por sementes
1.2. Constituição dos alimentos
5.2. Sistema urinário – formação do suor 8.2. Polinização, frutificação e
1.3. Função dos Nutrientes
5.3. Pele – formação do suor disseminação
1.4. Alimentação equilibrada
8.3. Germinação de sementes
1.5. Sistema Digestivo Humano
Tema 6 – REPRODUÇAO HUMANA 8.4. Reprodução por esporos
1.6. Transformação dos alimentos no sistema digestivo
6.1. Caracteres Sexuais
1.7. Digestão nos mamíferos e nas aves
6.2. Sistema reprodutor Tema 9 – OS MICRÓBIOS

Tema 2 – CIRCULAÇAO DO AR 6.3. Fecundação e desenvolvimento do feto


2.1. Movimentos respiratórios 6.4 O nascimento e os primeiros anos de vida 9.1. Tipos de micróbios
2.2. Sistema respiratório humano 9.2. Condições favoráveis ao seu
2.3. Cuidados com o sistema respiratório Tema 7 - AS PLANTAS
desenvolvimento
2.4. Sistema respiratório do peixe. Hematose branquial 7.1. Captação e circulação de água e sais 9.3. Micróbios patogénicos e não
minerais nas plantas patogénicos
Tema 3 – TRANSPORTE DE NUTRIENTES E
OXIGÉNIO ATÉ AS CÉLULAS 7.2. Fotossíntese
3.1. Constituintes do sangue 7.3. Acumulação de reservas Tema 10 – HIGIENE E PROBLEMAS
3.2. Coração e vasos sanguíneos 7.4. Trocas gasosas nas plantas SOCIAIS
3.3. Circulação sanguínea 7.5. As plantas como fonte de alimento e
Tema 4 – UTILIZAÇAO DOS NUTRIENTES NA matérias-primas 10.1. Higiene pessoal
PRODUÇÃO DE ENERGIA 10.2. O tabagismo, alcoolismo e outras
4.1. Respiração celular drogas
10.3. A poluição
Avaliação e outras actividades Avaliação e outras actividades Avaliação e outras actividades

A planificação que se segue vai de encontro às competências gerais definidas no Projecto Curricular de Escola (cf. P.C.E. pp. 23,24, 25,26, 28, 29) 1
PLANIFICAÇÃO DE CIÊNCIAS DA NATUREZA - 6º ANO

1º Período
CONTEÚDOS Competências específicas
• Relacionar alimento com nutriente
• Identificar os diferentes nutrientes
Os alimentos como • Identificar a composição de alguns alimentos
veículos de nutrientes • Distinguir os diferentes alimentos de acordo com os nutrientes que os constituem.
• Relacionar as necessidades nutricionais com a idade e a actividade da pessoa.
• Elaborar ementas equilibradas.
• Distinguir alimentação equilibrada de não saudável.
• Indicar regras de higiene alimentar.
• Indicar propriedades e riscos de aditivos alimentares.

O Sistema digestivo
• Localizar os órgãos do sistema digestivo
humano e digestão dos
• Descrever as transformações sofridas pelos alimentos em toda a fase da digestão.
alimentos.
• Distinguir transformações mecânicas de químicas.
• Reconhecer a digestão como processo de obtenção de nutrientes.
• Relacionar os sucos digestivos com os órgãos onde são produzidos.
• Referir algumas normas de higiene do sistema digestivo e da digestão.
• Reconhecer a importância da manutenção da saúde do sistema digestivo.
• Referir algumas características do tubo digestivo de animais invertebrados

• Relacionar Reconhecer a respiração como um processo vital nos seres vivos.


Trocas gasosas entre o
organismo e o meio. • Indicar a constituição do sistema respiratório humano.
• Relacionar as características dos órgãos do sistema respiratório com a função que desempenham.

Movimentos • Distinguir, pela sua constituição, o ar inspirado do expirado

respiratórios. • Indicar as trocas gasosas realizadas nos alvéolos pulmonares.

A planificação que se segue vai de encontro às competências gerais definidas no Projecto Curricular de Escola (cf. P.C.E. pp. 23,24, 25,26, 28, 29) 2
Transporte de • Referir causas perturbadoras do sistema respiratório.
nutrientes e oxigénio • Indicar regras de higiene respiratória.
até às células. • Descrever o sistema respiratório de um peixe

• Indicar os diferentes constituintes do sangue.


Constituintes do • Referir a função de cada constituinte.
sangue. • Justificar o papel do coração na circulação do sangue.
Circulação do sangue • Descrever o trajecto do sangue no coração e em todo o corpo.
• Concluir acerca da importância da circulação sanguínea.
• Indicar regras de higiene e factores que perturbam a função circulatória.

• Relacionar respiração com libertação de energia.


Utilização de nutrientes
• Referir as substâncias utilizadas na respiração.
na produção de
• Identificar as células como locais onde se realiza a respiração
energia.
• Relacionar a actividade com a energia ganha ou perdida.

2º Período
CONTEÚDOS Competências específicas
• Justificar a importância da função excretora. Dar exemplos de excreções.
Função excretora e • Relacionar os órgãos do sistema urinário com a função que desempenham.
qualidade de vida. • Identificar os constituintes da pele.
• Relacionar os diferentes sistemas e a sua interacção na unidade do organismo.
• Indicar normas de higiene

• Relacionar a reprodução com a continuidade da vida.


Reprodução Humana
• Indicar transformações que ocorrem no corpo humano durante a puberdade.

Função reprodutora e • Indicar os órgãos do sistema reprodutor

qualidade de vida. • Referir o papel das células sexuais na formação do novo ser.
• Indicar as transformações do novo ser desde a formação do ovo até ao nascimento.
A planificação que se segue vai de encontro às competências gerais definidas no Projecto Curricular de Escola (cf. P.C.E. pp. 23,24, 25,26, 28, 29) 3
• Indicar a função de alguns órgãos do sistema reprodutor feminino durante a gravidez.
• Explicar como se processa o nascimento. Referir os cuidados ao recém – nascido.
• Estabelecer diferenças entre a sexualidade humana e a animal.
• Relacionar a qualidade de vida e a valorização do corpo humano

• Relacionar a existência das plantas com a manutenção da vida.


• Explicar o modo de captação dos sais minerais.
AS PLANTAS • Descrever o percurso das substâncias absorvidas pela raíz.
• Explicar por palavras próprias o termo “ fotossíntese”.
• Indicar os factores intervenientes na fotossíntese.
Alimentação das plantas
• Referir os produtos resultantes da fotossíntese.
• Relacionar a fotossíntese com o ambiente.
• Distinguir seiva bruta de seiva elaborada.
• Referir todas as trocas gasosas que ocorrem nas plantas: fotossíntese, respiração e transpiração.

3º Período
CONTEÚDOS Competências específicas

• Indicar a s diferentes partes de uma flor.


Reprodução nas • Indicar as partes constituintes da flor
plantas. • Descrever a formação do fruto.
• Indicar as partes constituintes do fruto.
Reprodução por • Descrever a formação da semente
sementes. • Descrever alguns processos de disseminação de sementes e indicar a sua importância
• Referir as condições necessárias à germinação.
Reprodução por
• Indicar um processo de reprodução de plantas sem flor.
esporos

A planificação que se segue vai de encontro às competências gerais definidas no Projecto Curricular de Escola (cf. P.C.E. pp. 23,24, 25,26, 28, 29) 4
OS MICRÓBIOS • Indicar a origem dos micróbios.
• Distinguir micróbios úteis patogénicos.
Antibióticos • Indicar barreiras naturais à penetração de micróbios no organismo.
Vacinação • Indicar formas de prevenir doenças infecciosas.
Esterilização • Referir vantagens e inconvenientes da utilização de antibióticos.
• Referir a importância da vacinação.
• Indicar o significado de esterilização

• Referir regras de higiene pessoal.


AGRESSÕES DO MEIO
• Referir perigos de utilização de drogas.
• Descrever alguns efeitos de drogas, tabaco e álcool no organismo.
Higiene
• Indicar consequências individuais, familiares e sociais das dependências das drogas e do álcool.
• Indicar regras da prevenção da toxicodependência e de doenças tais como a Hepatite B e a SIDA.

Articulações curriculares

Conteúdos Articulação Curricular Procedimentos


Alimentação Formação Cívica Conversação e apelo ao conhecimento dos
alimentos e de hábitos de vida saudável.
De acordo com o plano de saúde da escola
Sistema reprodutor Formação cívica
(consultar)

A planificação que se segue vai de encontro às competências gerais definidas no Projecto Curricular de Escola (cf. P.C.E. pp. 23,24, 25,26, 28, 29) 5