Вы находитесь на странице: 1из 10

AO LEITOR 

APOSTILAS MON'A'XÍ MAIS UMA VEZ TRAZENDO INFORMAÇÃO


PARA VOCÊ.
DE FORMA SIMPLES E PRÁTICA, FAZEMOS SEU INTENDIMENTO SER
MUITO MAIS PRECISO E COMPLEXO.

EM NOSSO MATERIAL FOCAMOS SEMPRE A INFORMAÇÃO DE MODO


QUE INCENTIVE O ESTUDO E APERFEIÇOAMENTO DE
CONHECIMENTO DENTRO DA RELIGIÃO, PROCURAMOS UTILIZAR
UMA LINGUAGEM ''INFORMAL'', OU SEJA, UMA LINGUAGEM FORA
DA GRAMÁTICA LINGUÍSTICA CULTA. MAS NÃO PARA
DESMORALIZAR OS DIALETOS, E SIM, FAZER QUE O ENTENDIMENTO
SEJA SATISFATRIO.

NÃO ADIANTA CRIAR UM DOCUMENTO TOTALMENTE DOTADO DE


PALAVRAS FORMAIS E AT! MESMO UTILIZAR OS VERDADEIROS
DIALETOS, POIS, MUITAS PESSOAS NÃO TERIAM NOÇÃO DO QUE
REALMENTE ESTÁ ESCRITO ALI.
DENTRO DESTE CONCEITO QUE DESENVOLVEMOS ENTÃO NOSSO
MATERIAL, SIMPLES, MAS PRECISO.

AO DECORRER DA LEITURA, VOCÊ O"SERVARÁ TODOS OS


REGISTROS SO"RE O ASSUNTO REFERIDO E TER A CERTEZA DE
COMO FAZER E PROCEDER COM O MESMO.

! IMPORTANTE LEM"RAR SEMPRE QUE, NINGU!M FAZ NADA IGUAL


A NINGU!M E LOGO, PODE ACONTECER DE ALGUMAS
INFORMAÇ#ES SEREM ADVERSAS DE OUTRAS QUE VOCÊ JÁ POSSUI
CONHECIMENTO. POR!M SEMPRE DEVE SER VISADO QUE
CONHECIMENTO NUNCA ! DEMAIS, E TUDO O QUE APRENDEMOS NA
VIDA HÁ ELA DEVE SER AGREGADO.

NOSSO MATERIAL ! PRODUZIDO A PARTIR DE DEPOIMENTOS DE


PESSOAS ANTIGAS DA RELIGIÃO, NÃO COM O INTUITO DE
"ANALIZAR A MESMA, MAS SIM, DE PROPAGAR O CONHECIMENTO
PARA EVITAR QUE ELA SE PERDA E QUE SEJA PRATICADA DE FORMA
ERRADA.

SUGIRO QUE PARA TORNAR SUA ASSIMILAÇÃO MAIS PRECISA


AGREGUE O CONTE$DO DE UMA APOSTILA COM O DE OUTRA, POIS
EXISTEM INFORMAÇ#ES QUE ESTÃO DIVIDIDAS EM OUTROS
EXEMPLARES.
"OA LEITURA.
Z! PELINTRA EXISTEM VÁRIAS FORMAS DE
INCORPORAÇÃO DE Z! PELINTRA, TENDO CADA UM SUA
HISTRIA DE VIDA. OU SEJA, O Z! PELINTRA QUE
CONHECER, DIFICILMENTE O VERÁ NOVAMENTE
INCORPORADO EM OUTRO M!DIUM.
PODEMOS CITAR TRÊS FORMAS COMUNS DE
INCORPORAÇÃO DE SEU Z! PELINTRA% A DO MESTRE
JUREMEIRO, A DO "AIANO OU DAS ALMAS E A DO
MALANDRO. PRETO JOS! PELINTRA, COMO ! CONHECIDO
NO CATIM" OU JUREMA, ! UMA FORMA DE CA"OCLO QUE
TRA"ALHA NA LINHA DOS ÍNDIOS "RASILEIROS COM ERVAS
E REZAS PARA CURA E SALVAGUARDAR SEUS FI!IS.
PROFUNDO CONHECEDOR DOS SEGREDOS DA JUREMA,
DIZEM QUE VIVEU "OA PARTE DE SUA VIDA AO LADO DE
ÍNDIOS "RASILEIROS E A"SORVEU SEUS CONHECIMENTOS.
! MUITO CONHECIDO NO NORTE E NORDESTE "RASILEIRO,
TEM GRANDE INFLUÊNCIA NAS MATAS E PROFUNDO
RESPEITO PELOS SANTOS CATLICOS POR TER SIDO
"ATIZADO E SEGUIDO A IGREJA CATLICA APOSTLICA
ROMANA, ESPECIALMENTE SANTA "ÁR"ARA.
Z! PELINTRA DA "AHIA OU Z! PELINTRA DAS ALMAS VEM
DE UMA LINHAGEM DE ANTIGOS SACERDOTES DO
CANDOM"L!, PODEROSO EM DESMANCHAR FEITIÇOS E
MAZELAS DE SEUS ADEPTOS, CAPAZ DE DESAFIAR
QUALQUER SACERDOTE SEM SE PREOCUPAR COM OS
PODERES DE SEU INIMIGO, ! MUITO LOUVADO EM SÃO
PAULO E NA "AHIA, EM SUA &ESQUERDA TORNA(SE SEU
PATRONO OGUM ADQUIRINDO SEUS PODERES E IRA
DEIXANDO SEUS FI!IS EM GRANDE TEMOR PELA
CAPACIDADE E PODER QUE ADQUIRE, TEM COMO
PADRINHO SANTO ANT)NIO E MADRINHA NOSSA SENHORA
DE SANTANA.
Z! PELINTRA MALANDRO ! MUITO CONHECIDO E
LOUVADO NO SUDESTE E SUL DO "RASIL TRATA(SE DE UMA
LINHAGEM QUE ANDOU ENTRE A MALANDRAGEM DO RIO
DE JANEIRO E SÃO PAULO CRIADO EM PORTOS E CA"AR!S
NAS D!CADAS PASSADAS, ENVOLVENDO(SE EM "RIGAS,
AMIZADES E MULHERES SENDO CONHECIDO E RESPEITADO
POR SEUS PODERES EM LIVRAR SEUS ADEPTOS E FI!IS DE
PERSEGUIÇ#ES E TRAIÇ#ES TEM GRANDE INFLUÊNCIA EM
MAGIAS DOS MARES PELA SUA AMIZADE E RESPEITO PELAS
ENTIDADES DOS MARES TENDO COMO PADRINHO SÃO
JORGE E NOSSA SENHORA DOS NAVEGANTES. PORTANTO !
UMA DAS $NICAS ENTIDADES QUE INCORPORA EM
QUALQUER CULTO AFRO("RASILEIRO SEJA NA FORMA DE
UM CA"OCLO, "AIANO, EXU OU MALANDRO. "ASTANTE
CONSIDERADO, ESPECIALMENTE ENTRE OS UM"ANDISTAS,
COMO O ESPÍRITO PATRONO DOS "ARES, LOCAIS DE JOGO
E SARJETAS, EM"ORA NÃO ALINHADO COM ENTIDADES DE
CUNHO NEGATIVO, ! UMA ESP!CIE DE TRANSCRIÇÃO
ARQUETÍPICA DO &MALANDRO. NO SEU MODO DE VESTIR,
DIVERGE(SE AS TRÊS FORMAS O TÍPICO Z! PELINTRA !
REPRESENTADO TRAJANDO TERNO COMPLETO NA COR
"RANCA, SAPATOS DE CROMO, GRAVATA GRENÁ OU
VERMELHA E CHAP!U PANAMÁ DE FITA VERMELHA OU
PRETA. SUA ROUPA SE ASSEMELHA AOS &ZOOT SUIT,
USADA NOS EUA POR NEGROS E LATINOS NAS D!CADA DE
*+- E *+-, "EM COMO NA JUREMA DE CAMISA COMPRIDA
"RANCA OU QUADRICULADA COM MANGAS DO"RADAS E
CALÇA "RANCA DO"RADA NAS PERNAS, SEM SAPATOS E
COM UM LENÇO NO PESCOÇO NAS CORES VERMELHA OU
OUTRAS, TRAZ NA MÃO SUA "ENGALA E SEU CACHIM"O.
NA LINHAGEM DOS "AIANOS OU DAS ALMAS SEU Z!
PELINTRA UTILIZA ROUPAS DE ALGODÃO COMUMENTE
USADAS ENTRE OS ESCRAVOS E CHAP!U DE PALHA
DIFERENCIANDO(SE APENAS POR SEU LENÇO VERMELHO
OU CACHECOL VERMELHO E UMA FITA VERMELHA EM SEU
CHAP!U, "EM COMO PORTA SUA "ENGALA TIPICA. CONTAM
QUE NASCEU NO POVOADO DE "ODOC, SERTÃO
PERNAM"UCANO, PRXIMO A CIDADEZINHA DE EXU.
FUGINDO DA TERRÍVEL SECA QUE ASSOLAVA A CIDADE A
FAMÍLIA DE JOS! DOS ANJOS RUMOU PARA RECIFE EM
"USCA DE UMA MELHOR VIDA, MAS O MENINO AOS  ANOS
PERDEU A MÃE. CRESCEU, ENTÃO, NO MEIO DA
MALANDRAGEM, DORMINDO NO CAIS DO PORTO E SENDO
MENINO DE RECADOS DE PROSTITUTAS. SUA ESTATURA
ALTA E FORTE GRANJEOU O RESPEITO DOS
CIRCUNSTANTES. SUA MORTE SERIA UM MIST!RIO. AOS *
ANOS FOI ENCONTRADO MORTO SEM NENHUM VESTÍGIO
DE FERIMENTO.
UMA OUTRA VERSÃO DO MITO ALUDE A JOS! GOMES DA
SILVA, NASCIDO NO INTERIOR DE PERNAM"UCO, UM
NEGRO FORTE E ÁGIL, GRANDE JOGADOR E "E"EDOR,
MULHERENGO E "RIGÃO. MANEJAVA UMA FACA COMO
NINGU!M, E ENFRENTÁ(LO NUMA "RIGA ERA O MESMO
QUE ASSINAR O ATESTADO DE "ITO. OS POLICIAIS JÁ
SA"IAM DO PERIGO QUE ELE REPRESENTAVA.
DIFICILMENTE ENCARAVAM(NO SOZINHOS, SEMPRE EM
GRUPO E MESMO ASSIM NÃO TINHAM A CERTEZA DE NÃO
SAÍREM "ASTANTE PREJUDICADOS DAS PENDENGAS EM
QUE SE ENVOLVIAM. NÃO ERA MAL DE CORAÇÃO, MUITO
PELO CONTRÁRIO, ERA "OM, PRINCIPALMENTE COM AS
MULHERES, AS QUAIS TRATAVA COMO RAINHAS.
Z! PELINTRA ! INVOCADO QUANDO SEUS SEGUIDORES
PRECISAM DE AJUDA COM QUEST#ES DOM!STICAS, DE
NEGCIOS OU FINANCEIRAS E ! REPUTADO COMO UM
O"REIRO DA CARIDADE E DA FEITURA DE O"RAS "OAS. A
UM"ANDA ! UM CULTO LEGITIMAMENTE "RASILEIRO COM
SEUS PRPRIOS RITUAIS E ESTRUTURA, ENQUANTO O
CATIM" ! UMA FORMA REGIONAL DE SINCRETISMO
ENTRE ELEMENTOS TANTO "RASILEIROS, EUROPEUS,
INDÍGENAS, PORTANTO, ANIMISTA, CATLICO E
NATURALISTA. NA UM"ANDA, Z! PELINTRA ! UM GUIA
PERTENCENTE / LINHA DO POVO DA MALANDRAGEM, NA
UM"ANDA SEU ORIXÁ PATRONO ! OGUM. JÁ NO CATIM",
! CONSIDERADO UM &MESTRE JUREMEIRO.
NA UM"ANDA, Z! PELINTRA ! CREDITADO COMO
PERTENCENTE / LINHA DAS ALMAS, CUJOS SERES
HUMANOS DESENCARNADOS AUXILIAM NO "ENEFÍCIO DA
HUMANIDADE COMO FORMA DE EXPIAÇÃO DE UMA VIDA
ANTERIOR DE EXTREMA DISSIPAÇÃO MATERIAL.
MAJORITARIAMENTE OS SEGUIDORES DE Z! PELINTRA
CONCENTRAM(SE NOS AM"IENTES UR"ANOS DE RIO DE
JANEIRO E SÃO PAULO, MAS ELES TAM"!M PODEM SER
ENCONTRADOS NO NORDESTE DO "RASIL, ENTRE OS
&CATIM"OZEIROS, E NAS ÁREAS RURAIS DE
PRATICAMENTE TODO O PAÍS. Z! PELINTRA, TANTO NA
UM"ANDA COMO NO CATIM", ! TIDO COMO PROTETOR
DOS PO"RES E UMA ENTIDADE DE IMPORT0NCIA ENTRE AS
CLASSES MENOS FAVORECIDAS EM GERAL, TENDO
GANHADO O APELIDO DE &ADVOGADO DOS PO"RES, PELA
PATRONAGEM ESPIRITUAL E MATERIAL QUE EXERCE. UM
EXEMPLO REAL CHAMA(SE LALA. ! COMUM ACHÁ(LO EM
FESTAS E EXPOSIÇ#ES, SEMPRE RINDO.

MESMO SA"ENDO QUE Z! PELINTRA PODE ATUAR EM


TANTOS SEGUIMENTOS RELIGISOS E EM VARIAS LINHA,
SEU TRATAMENTO DEVE SER O MESMO. A FLEXI"ILIDADE
DE ENERGIA E MUDANÇA DE LINHA DEVE VIM DA VONTADE
DO GUIA NUNCA DE SEUS FILHOS OU ZELADORES. FALO
ISSO PARA NÃO HAVER CONFUSÃO NA HORA DE FAZER A
FIRMEZA DESSE MESTRE. Z! PELINTRA NÃO SE ASSENTA,
POIS ASSENTAR ! PRENDER OU LIMITAR A ENERGIA E
ATUAÇÃO DESSA ENTIDADE. Z! PELINTRA ! FIRMADO E
NADA MAIS. VAJAMOS COMO MONTAR UMA FIRMEZA DESSA
ENTIDADE DENTRO DOS PRECEITOS DE CATIM" JUREMA.
ALGUMAS FOLHAS DE MESTRES%

JUREMA PRETA
JUREMA "RANCA
AROEIRA VERMELHA
AROEIRA PRETA
AROEIRA "RANCA
COMIGO NINGU!M PODE MACHO
COMIGO NINGU!M PODE FÊMEA
ESPADA DE SÃO JORGE
ESPADA DE SANTA "AR"ARA
LANÇA DE SÃO JORGE
AVELS
GUIN!
ALECRIM
VASSOURINHA DO CAMPO
VASSOURINHA DE JARDIM
MIRRA
ARRUDA
ERVA MOURA
CARQUEJA
FOLHA DE FUMO
CIP CRUZ
CIP FERRO
CIP CHUM"O
CIP ZANGA TEMPO
FIGUEIRA "RAVA
"AR"A TIMÃO
CHAMA DINHEIRO
QUE"RA PEDRA
QUARESMEIRA
INCENSO
JATO"Á
MARIA PRETA
PAU FERRO
MATERIAL%

* VASO DE "ARRO OU ALGUIDAR 


* IMAGEM DE Z! PELINTRA
* CHAPEU DE Z! PELINTRA
* PEMGALA
1 CACHIM"OS DE "ARRO
1 FIGAS DE PAU
1 MOEDAS
1 PREGOS
1 CRISTAIS
1 OLHOS DE "OI
1 OLHOS DE CA"RA
1 FAVAS DE ARIDÃ
1 FAVAS DE CA"OCLO
1 NOS MOSCADA
1 SEMENTES DE PICHURI
1 COQUINHOS
1 PEM"AS VERDES
1 PEM"AS MARRONS
1 PEM"AS "RANCAS
1 PEM"AS VERMELHAS
1 LASCAS DE JUREMA PRETA
1 LASCAS DE "AR"A TIMÃO
1 LASCAS DE AROEIRA
1 PEDAÇOS DE FUMO(DE(CORDA EM ROLO
1 PEDRINHAS DE RIO
* PEDRA DE RIO M!DIA
* PUNHAL "ONITO
1 FACAS
* GALO DE "RIGA
* POM"O PINTADO
VINHO TINTO
* CACHAÇA
MEL
MODO DE FAZER%

2 FAÇA UMA INFUSÃO COM VÁRIAS FOLHAS DE MESTRES,


MEL, AZEITE DE DENDÊ,
VINHO E O SANGUE DO POM"O.
2 LAVE TUDO QUE IRÁ DENTRO DO ASSENTAMENTO COM A
INFUSÃO PREPARADA COM AS ERVAS.
2 COLOQUE FUMO DENTRO DE UM CACHIM"O E ACENDA(O,
EM SEGUIDA DÊ "AFORADAS DE FUMAÇA ENCIMA DE TUDO
PARA PURIFICAR E "ATIZAR.
2RISQUE O PONTO RISCADO DE Z! PELINTRA NO FUNDO DO
VASO.
2 COLOQUE TUDO DENTRO DO VASO DE FORMA QUE FICA
"EM ARRUMADO.
2FAÇA O SACRIFÍCIO DO GALO DE ESPORA USANDO O
PUNHAL "ONITO, ESSA PUNHAL SEMPRE SERÁ USADO PARA
OS SACRIFICIOS.
2 ENFEITE COM AS PENAS.
2 LIMPE TODA A CARNE DO GALO, E FAÇA UMA FAROFA
COM PIMENTA.
2 OFEREÇA UM POUCO PARA O Z! PELINTRA E PARA TODOS
DA CASA.
O"S% Z! PELINTRA DEVEM SEMPRE SER MUITO "EM
CUIDADOS COM VINHO, JUREMA, FRUTAS, FAROFAS,
SACRIFÍCIOS DE GALOS, POM"OS E "ODE.
GOSTAM DE MUITA FESTA, FUMO, "E"IDA, ROUPAS
COLORIDAS E PERFUMES.
SÃO ENTIDADES MUITO MISTERIOSAS E TEM SUAS
ESCOLHAS, CASO VOCÊ JÁ RECE"E Z! PELINTRA PROCURE
SA"ER COM ELE O QUE A MAIS ELE VAI QUERER NO
ASSENTAMENTO, CASO VOCÊ NÃO O INCORPORA DEIXE
SUA INTUIÇÃO FALAR MAIS AUTO.
2SEMPRE DEIXE UMA VELA NO P! DA FIRMEZA.
OFERENDAS%

Z! PELINTRA COME TUDO QUE VENHA DE "ARES, RUELAS


DAS CIDADES.

FAROFA DE FRANGO COM PIMENTA

LINGUIÇA DE "ARES, TORRESMOS, CARNE ASSADAS.

OFERECER FRUTAS E LEGUMES TAM"!M AGRADA ESSE


MESTRE.

SUAS "E"IDAS SÃO% CACHAÇA, JUREMA, PARA TUDO,


GARRAFADA DE JURU"E"A, VINHO TINTO SUAVE.

FUMA CIGARRO.

SUAS COMIDAS PODEM SER DESPACHADAS EM MATAS,


CAMPINAS, RUELAS DE FAVELA OU POSTES EM
ENCRUZILHADAS.

SUAS CORES SÃO VERMELHO E "RANCO.

3EXEMPLO DE FIRMEZA NO CATIM"4

Похожие интересы