Вы находитесь на странице: 1из 5

Zenovação

Uma Abordagem Oriente-Ocidente para o


Sucesso no Mundo dos Negócios
(Zennovation: An East-West Approach to Business Success)
Tomio Taki e Adam Taki
John Wiley & Sons © 2012
207 páginas
[@]

Avaliação Ideias Fundamentais

7
8 Aplicabilidade • A experiência de Tomio Taki em um campo de refugiados japonês durante a II Guerra
Mundial e sua educação universitária lhe ensinaram lições práticas de vida sobre perse-
6 Inovação verança e iniciativa.
6 Estilo
• O primeiro projeto de Taki para a empresa de roupas da sua família, a Takihyo, foi su-
pervisionar a abertura de uma fábrica em Okinawa em 1959 aos 26 anos.
  • Mais tarde naquele ano, com a morte de seu pai, Taki se tornou presidente da Takihyo.
Foco • Sob a sua direção, a Takihyo lançou uma linha de roupas de estilo ocidental no Japão.
Gestão & Liderança • Esta linha de roupas, bem como as seguintes, tiveram muito sucesso.
Estratégia
Vendas & Marketing
• Taki investiu os seus lucros em outros empreendimentos, incluindo a construção do pri-
meiro arranha-céus em Nagoya.
Finanças
Recursos Humanos • A Takihyo sofreu graves dificuldades financeiras no início de 1970, mas se recuperou.
TI, Produção & Logística
• Taki comprou 50% da Anne Klein e planejou a sua primeira “linha de difusão”, uma
Carreira & Desenvolvimento
versão mais barata da marca high-end.
Pessoal
Pequenas e Médias Empresas • Ele convenceu Donna Karan a abrir o seu próprio negócio, mas o IPO da Karan fracas-
Economia & Política
sou.
Indústria
• Essa foi uma das grandes lições de vida de Taki, neste caso dar sempre o melhor de si,
Negócios Globais ser resiliente e, como sempre, seguir em frente.
Conceitos & Tendências

Para adquirir assinaturas pessoais ou soluções corporativas, visite nosso website em www.getAbstract.com, envie um e-mail para info@getabstract.com ou ligue para nossos escritórios nos EUA (1-877-778-6627) ou na Suíça
(+41-41-367-5151). A getAbstract é um serviço de rating de conhecimento e editora de resumos de livros baseada na Internet. A getAbstract assume completa responsabilidade editorial por todas as partes deste resumo. Os
direitos dos autores e editores são plenamente reconhecidos. Todos os direitos reservados. Nenhuma parte deste resumo pode ser reproduzida ou transmitida de qualquer forma ou por qualquer meio, seja eletrônico, fotocópia
ou outro, sem a autorização prévia por escrito da getAbstract Ltd (Suíça).
1 de 5
Este resumo é de uso exclusivo de Alessandra Barbosa Sirigni (asirigni@br.ibm.com)

LoginContext[cu=1373361,asp=1320,subs=3,free=0,lo=pt,co=BR] 2015-09-16 16:18:41 CEST


getabstract

getabstract
Relevância
getabstract
O que você vai aprender
Neste resumo, você vai aprender:r1) Quais foram as experiências que moldaram a abordagem de Tomio Taki nos
negócios; 2) Como ele transformou a Takihyo em uma empresa de moda; 3) Como Takihyo sobreviveu aos choques
de 1971 e 1972; e 4) Como o envolvimento de Taki impulsionou as marcas Anne Klein e Donna Karan.
getabstract
Recomendação
Tomio Taki se tornou presidente da Takihyo, uma empresa familiar de vestimenta tradicional japonesa com mais de
250 anos de funcionamento, aos 26 anos. A sua abordagem clara e prática em resolver problemas e sua capacidade
de prever tendências futuras se tornaram a principal força motriz responsável pela popularização das roupas de estilo
ocidental no Japão. Taki foi a força financeira e intelectual da Anne Klein e transformou a estilista Donna Karan
em um nome conhecido. A história da vida de Taki é bastante cativante. A sua autobiografia é insuficiente para ser
considerada um livro de gestão, uma vez que os autores, Taki e seu filho Adam Taki (em parceria com o consultor
de negócios Mortimer R. Feinberg), deixam nas mãos do leitor a maior parte do trabalho de transferir as lições
compartilhadas para o mundo dos negócios. No entanto, a getAbstract acredita que este olhar sobre a cultura e história
japonesas, bem como sobre o mundo da moda, tornam a saga de Taki uma leitura valiosa.
getabstract
getabstract

getabstract
Resumo
getabstract
Como Tudo Começou
Tomio Taki era o mais velho de quatro meninos nascidos em uma família rica do Japão.
Durante a II Guerra Mundial, aos 10 anos, Taki precisou fugir da segurança da sua casa
para se juntar a outras crianças de diversas origens em um acampamento de refugiados. Lá,
getabstract
“Ao longo dos últimos ele aprendeu lições marcantes para toda a vida, tais como saber trabalhar com os outros e
75 anos, eu prestei con- entender que todo problema tem uma solução. Depois de um breve período num colégio
sultoria, financiei ou
geri diretamente tanto interno, Taki frequentou a Universidade de Keio, onde jogou no time de basquete da escola.
empresas privadas co- Ele aprendeu três lições importantes com o seu treinador e, eventualmente, aplicou-os em
mo públicas em quase
todos os continentes.” sua carreira de negócios.
getabstract
1. Dobre os joelhos antes de saltar – Esteja preparado para os desafios inesperados.
2. Ganhar é impossível se você não entender o jogo – Saiba tudo o que puder sobre o
seu adversário para criar a melhor estratégia.
3. Sem um perdedor, não há vencedor – Até as pessoas mais talentosas e que dão duro
perdem; faz parte da vida.

Após a faculdade, Taki começou um estágio na Itochu, uma empresa em Osaka com inú-
getabstract
meras áreas de atividade, desde tecidos para a indústria aeroespacial até energia nuclear.
“Eu não sou um cara Durante esse tempo, ele se casou e teve gêmeos. Assumiu muitas responsabilidades no
que ‘força a barra’ na
minha vida pessoal;
trabalho, aprendendo como diferentes departamentos corporativos poderiam trabalhar em
na verdade, eu procuro harmonia. Depois, Taki se juntou à empresa de seu pai, a Takihyo.
ser cauteloso o máximo
possível.”
getabstract O Primeiro Desafio de Taki
Depois de apenas três meses, o pai de Taki o transferiu para Okinawa para supervisionar a
abertura de uma fábrica de roupas. Taki perguntou o que seu pai queria produzir. Seu pai
respondeu: “Eu não sei. Não faça mais perguntas, porque não tenho mais respostas”. Taki
perguntou a si mesmo o que queria realizar. Decidiu então produzir capas de chuva. Ele foi

Zenovação                                                                                                                                                                             getAbstract © 2014 2 de 5


Este resumo é de uso exclusivo de Alessandra Barbosa Sirigni (asirigni@br.ibm.com)

LoginContext[cu=1373361,asp=1320,subs=3,free=0,lo=pt,co=BR] 2015-09-16 16:18:41 CEST


para os EUA aprender sobre os processos de fabricação americanos e explorar possibilida-
des de parcerias. Lá conheceu Roger Spiegel. A Takihyo passou a produzir uma capa de
chuva que Spiegel chamou de Briarcliff. A iniciativa permaneceu rentável até que mudan-
getabstract ças políticas em Okinawa obrigaram a fábrica a fechar.
“Eu passei a maior
parte da minha infância
aprendendo como me O Responsável
tornar independente e
autossuficiente no tem- Taki planejava frequentar a Harvard Business School, mas seu pai morreu inesperadamente
po em que vivi no cam- em 1959. Aos 26 anos, Taki se tornou o chefe da sua família e da sua empresa com mais
po de refugiados e nos
colégios internos.” de 250 anos de funcionamento. Ele trabalhou de forma diligente e avaliou a empresa meti-
getabstract culosamente: foi atrás de cada fatura e se informou sobre preços e processos. Ele aprendeu
todos os aspectos do negócio. Contrariando as práticas empresariais japonesas, que tendem
a se mover lentamente, Taki previu que os cidadãos japoneses logo passariam a usar trajes
ocidentais e procurou atender a essa demanda com agilidade. Em 1963, ele anunciou que
a Takihyo deixaria de produzir kimonos, afirmando: “Nós precisamos entrar no barco que
está mudando a forma como os japoneses comem, vivem e pensam. Somente assim, a Ta-
kihyo vai conseguir vencer as ondas. Caso contrário, vamos afundar sob a maré do futuro.”
getabstract
“Aprender a apreciar o
modo como as pessoas Taki buscou uma parceria com uma empresa de vestuário norte-americana. Ele foi aos EUA
são diferentes de verda-
de, independentemente e conheceu Murray Salzman, presidente da Bobbie Brooks, uma empresa de roupas que
do quanto tenham si- buscava um parceiro no Extremo Oriente. Salzman permitiu que a Takihyo produzisse a
do moldadas pela vida,
ajudou-me a ser quem marca Stacy Ames no Japão. Taki convenceu a Isetan, uma loja de departamentos japonesa,
eu sou hoje.” a vender essa linha desconhecida. Todo o estoque foi vendido em uma semana e a marca
getabstract
se tornou um sucesso comercial. Em dois anos, as receitas anuais da Takihyo pularam de
US$ 30 milhões para US$ 100 milhões. Taki criou a K2, uma linha mais popular da Stacy
Ames. Ele colaborou com um designer ocidental para lançar a Brown and Beige, uma linha
de roupas para mulheres da terceira idade. Ambos os projetos foram bem-sucedidos.

Taki queria diversificar. Ele percebeu que o uso de tatames tradicionais como revestimen-
getabstract to de pavimentos estava se tornando obsoleto. Ele expandiu para o negócio de carpetes,
“Além da morte e dos
impostos, a única outra prevendo que o estilo ocidental de utilizar carpetes nos escritórios seria mais eficiente. O
certeza na vida é que as mercado japonês gerou uma grande demanda por carpetes e o empreendimento foi bem-
mulheres gostam de pa-
recer bonitas, confian-
sucedido, porém este sucesso, somado aos lucros do setor de vestuário, criou um novo pro-
tes e sofisticadas, mas blema: o aumento no lucro bruto da empresa, o que gerou altos impostos.
nenhuma delas quer es-
tar vestida o tempo to-
do.” Voando Alto
getabstract Para lidar com a carga tributária, a Takihyo precisava investir em um ativo que sofresse
uma depreciação substancial. A solução exigiu um passo sem precedentes. Os japoneses
estavam reconstruindo Nagoya, cidade que os aliados bombardearam pesadamente duran-
te a II Guerra Mundial. Ali surgiu uma grande demanda por espaço para escritórios. Taki
sentiu que seria a hora de construir o primeiro arranha-céus da cidade, que também serviria
como a nova sede de sua empresa. Ao examinar as técnicas de construção de arranha-céus,
Taki percebeu que a maior despesa era levar matérias-primas para os andares superiores.
getabstract Os métodos de então eram ineficientes e perigosos. Em parceria com arquitetos, Taki de-
“Eu aprendi que a cres-
cente complexidade do
senvolveu uma nova técnica de pré-montagem. A inovação economizou milhões de ienes
negócio da moda exigia e ajudou os construtores a concluírem o Edifício Marunouchi em tempo recorde.
uma coisa: eu também
teria que mudar.”
getabstract Taki observou que as empresas norte-americanas geralmente construíam diversos centros
de distribuição, uma prática pouco comum no Japão. Na verdade, a Takihyo armazenava
o seu inventário em boa parte do seu espaço de escritório. O armazenamento no local era
ineficiente e desperdiçava recursos imobiliários. Taki criou um novo braço de distribuição
para gerenciar o inventário. A iniciativa se alinhou perfeitamente ao surgimento de cadeias

Zenovação                                                                                                                                                                             getAbstract © 2014 3 de 5


Este resumo é de uso exclusivo de Alessandra Barbosa Sirigni (asirigni@br.ibm.com)

LoginContext[cu=1373361,asp=1320,subs=3,free=0,lo=pt,co=BR] 2015-09-16 16:18:41 CEST


de lojas no Japão. A Takihyo desenvolveu um sistema de gestão de inventário eficiente para
a fabricação e distribuição de peças de vestuário prontas de diferentes qualidades e preços
para cadeias de lojas, lojas especializadas e lojas de departamento.

getabstract Quando Taki assumiu o controle da Takihyo, assumiu também a gestão da Taki Gakuen,
“Criar soluções antes
que surjam os proble- uma escola que seu avô fundara em 1928. A escola originalmente focava em programas
mas é uma ação pre- agrícolas, mas com o fim da agricultura local, o currículo de ensino médio que o pai de Taki
ventiva; nada além
disso funciona.” havia introduzido não estava atraindo alunos. Uma vez diagnosticados esses problemas,
getabstract Taki decidiu gerir a escola como um negócio. Para tal, aumentou os salários dos professores,
contratou outros educadores de alto calibre e desenvolveu uma estrutura de apoio para que
os seus alunos entrassem nas melhores universidades. O plano funcionou, e a Taki Gakuen
se tornou uma das melhores escolas particulares para crianças e pré-adolescentes no Japão.

O Ponto da Virada
No final dos anos 1960, sob a orientação de Taki, a Takihyo estava muito bem em termos
financeiros. Contudo o presidente dos EUA, Richard Nixon, promoveu duas alterações que
getabstract
“A década de 1970 de- sacudiram a base econômica do Japão: a primeira foi a revogação do sistema do padrão-ouro
monstrou a suscepti- como lastro monetário. Na época, o Japão tinha grandes estoques de ouro, embora os EUA
bilidade de todas as
empresas ao estresse houvessem esgotado os seus. O advento de um comércio do metal que não estivesse ligado
macroeconômico, não ao dólar colocou em perigo a estabilidade financeira do Japão. A segunda mudança foi a
importava a qualidade
do produto, da gestão abertura das relações comerciais com a China. O Japão encarou essa manobra como uma
ou da instituição.” grande traição. Depois, aconteceu o embargo do petróleo de 1973, a resposta da OPEP
getabstract
devido à ajuda americana a Israel após a Guerra do Yom Kippur.

Os consumidores japoneses reagiram controlando os gastos. Esta desaceleração repentina


atingiu a Takihyo com US$ 40 milhões em inventário que não conseguia vender. Essa de-
saceleração veio após um investimento de US$ 20 milhões na fabricação e venda por ata-
cado, uma aposta de Taki de que a demanda continuaria a crescer. O aumento dos preços do
petróleo e a queda da demanda geraram prejuízos operacionais sem precedentes para a Ta-
getabstract
“Selecionar as pessoas kihyo em 1973. Taki respondeu com uma estratégia de três frentes: Ele fechou setores que
certas para os cargos a não estavam dando lucros, livrou-se do estoque excedente e buscou novas linhas de crédito.
serem preenchidos é es-
sencial para cumprir a
minha filosofia de ges- No Japão, as empresas tratam os funcionários como membros da família. Taki se recusou
tão, além de ser parte a demitir trabalhadores durante os fechamentos. Ele vendeu o estoque não utilizado pelo
integrante do sucesso.”
getabstract valor máximo possível, cerca de US $ 80 milhões, com uma perda de US $ 40 milhões. Ele
negociou um empréstimo para cobrir as perdas da empresa. O banco exigiu que um dos seus
executivos fosse colocado na Takihyo para supervisionar o reembolso do empréstimo. Este
indivíduo, o Sr. Ito, causou vários problemas, vazando informações erradas para o banco
e para a mídia.

Até 1973, a vida pessoal de Taki estava tão sólida quanto a sua carreira, mas quando a
getabstract Takihyo encontrou tempos difíceis, a sua esposa desmoronou sob a pressão negativa e as
“Embora eu goste
de acreditar que as
falsas declarações de Ito. Em 1978, ela se suicidou. Taki raspou a cabeça e afastou-se de
pessoas sejam mais todas as obrigações por vários meses, em luto.
semelhantes do que di-
ferentes, as diferenças
culturais são incrivel- As Oportunidades nos EUA
mente agudas em algu- Em meados dos anos 1970, Taki se envolveu com uma associação internacional chamada
mas áreas.”
getabstract Young Presidents’ Organization. Através deste grupo, ele aprendeu sobre as práticas de
gestão em outros países e estudou moda nos EUA. Ele fez conexões valiosas que lhe ser-
viram nas décadas seguintes. Taki queria fabricar uma marca americana na Ásia e procurou
um parceiro americano. As suas buscas o levaram aos escritórios da estilista Anne Klein.

Zenovação                                                                                                                                                                             getAbstract © 2014 4 de 5


Este resumo é de uso exclusivo de Alessandra Barbosa Sirigni (asirigni@br.ibm.com)

LoginContext[cu=1373361,asp=1320,subs=3,free=0,lo=pt,co=BR] 2015-09-16 16:18:41 CEST


A ideia original de Taki de fabricar produtos no Extremo Oriente para serem vendidos nos
EUA mostrou-se financeiramente inviável. Ao invés disso, Klein, uma designer muito co-
nhecida, propôs a Taki que investisse na sua empresa. Apesar de rentável, a falta de capital
inibia o seu potencial de crescimento. Taki contratou Bob Oliver, um empresário astuto,
para negociar com Klein e seu parceiro, Gunther Oppenheim. Taki assumiu a presidência
da empresa com uma participação de 50%; Klein e Oppenheim receberam cada um 25%.
getabstract
“A participação acio-
nária muda as relações Taki alterou a estrutura da Anne Klein Company para que todos os setores seguissem no
comerciais assim como
o dinheiro pode com- mesmo passo. Ele reorientou a forma como os designers e as lojas de departamento vendi-
prometer a dinâmica de am as coleções de roupas. Até aquela época, os designers de moda criavam por temporada.
uma família.”
getabstract As lojas promoviam descontos ou devolviam as mercadorias que não vendessem durante
a época designada. Taki propôs temporadas sobrepostas, permitindo que os clientes mistu-
rassem e combinassem peças de uma época com as de outra. Essa coordenação aumentou
o tempo de prateleira das mercadorias e deu mais opções aos clientes, gerando ganhos para
as lojas e impulsionando os lucros da Anne Klein.

Poucos meses depois de Taki se tornar o investidor maioritário da sua companhia, Anne
Klein faleceu de câncer de mama. Taki perdeu uma valiosa amiga e parceira de negócios. A
empresa precisava de um novo designer urgentemente e Taki incentivou que a assistente de
Klein, Donna Karan, assumisse. Oppenheim tinha outros projetos e abandonou a parceria.
getabstract O marido de Klein, Chip Rubenstein, manteve-se na empresa. Taki contratou Frank Mori,
“Eu aprendi que cada um líder com grande experiência, para a função de CEO.
solução gera novas per-
guntas.”
getabstract Após alguns anos, Taki pensou em se mudar para Nova York e criar uma linha de difusão,
uma versão mais barata da marca high-end. Hoje, quase todos os designers oferecem linhas
de difusão, mas essa era uma ideia original no início de 1980. Mori e outros gestores da
empresa resistiram à ideia de Taki. Taki insistiu que as recompensas superariam os riscos,
uma vez que a marca do designer era suficientemente forte. Ele criou a primeira linha que
serviria de ‘ponte’, atualmente chamada de sportswear. Isso tornou a Klein muito rentável
e mudou para sempre a percepção da moda no mercado americano. “Pela primeira vez”,
diria Taki, “roupas bonitas de marca estavam ao alcance do maior número de clientes”.

O Início de Donna Karan


getabstract Donna Karan, a principal designer da Anne Klein, estava pronta para lançar a sua própria
“Você deve utilizar to- linha. A primeira coleção solo de Karan foi um sucesso e estampou as primeiras páginas das
dos os seus recursos
para obter os melhores seções de moda dos jornais ao redor do mundo. Depois da saída de Karan da Klein, a em-
resultados a fim de re- presa passou por vários designers e perdeu o fôlego. Eventualmente, foi vendida. Taki criou
solver um problema.”
getabstract uma linha de difusão secundária chamada DKNY. Esta linha mais casual apelou para um
mercado mais amplo e a empresa diversificou. Donna Karan se tornou uma marca popular
nas lojas de departamento. Karan vendeu 10% da empresa para o marido, Steve Weiss e o
poder saiu das mãos de Taki. A empresa precisava de capital. Ao invés de adicionar novos
parceiros, a Karan e a Takihyo decidiram abrir o capital. A Donna Karan Internacional era
rentável, mas a oferta pública inicial (IPO) foi um fracasso e Karan acabou vendendo os
direitos do seu nome. Taki, como sempre, seguiu em frente.
getabstract
getabstract

getabstract
Sobre os autores
getabstract
Tomio Taki dirige a empresa da sua família, a Takihyo Co. Adam Taki fundou a RH Gallery, em Nova York. O
comentarista e consultor Mortimer R. Feinberg preside a BFS Psychological Associates.

Zenovação                                                                                                                                                                             getAbstract © 2014 5 de 5


Este resumo é de uso exclusivo de Alessandra Barbosa Sirigni (asirigni@br.ibm.com)

LoginContext[cu=1373361,asp=1320,subs=3,free=0,lo=pt,co=BR] 2015-09-16 16:18:41 CEST