Вы находитесь на странице: 1из 33

PEDAGOGIA

ANA PAULA DE ALMEIDA TRIBUIANI

RELATÓRIO DO ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO II


– ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL

Sorocaba
2019
ANA PAULA DE ALMEIDA TRIBUIANI

RELATÓRIO DO ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO II:


ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL

Relatório de Estágio apresentado ao Curso Pedagogia


da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a
disciplina de Estágio Curricular Obrigatório – Anos
Iniciais do Ensino Fundamental
Orientador(a): Profª. Ma. Lilian Amaral da Silva Souza
Tutor(a) a Distância: Rosana Cardoso Moraes Oliveira
Tutor de sala: Priscilla Cristina Ribeiro

Sorocaba
2019
SUMÁRIO

INTRODUÇÃO..............................................................................................................3
CARACTERIZAÇÃO DO CAMPO DE ESTÁGIO........................................................4
DIÁRIOS DE OBSERVAÇÃO DE CAMPO..................................................................5
PLANOS DE AULA PARA REGÊNCIA......................................................................11
DIÁRIOS DAS REGÊNCIAS......................................................................................24
CONSIDERAÇÕES FINAIS........................................................................................30
REFERÊNCIAS...........................................................................................................31
3

INTRODUÇÃO

Este relatório discorre sobre as ações, percepções e resultados


obtidos durante a realização do estágio em Anos Iniciais do Ensino Fundamental (1º
ao 5º ano). O estágio ocorreu em um colégio privado, chamado: Colégio Parque das
Águas, com duração de 100 horas, 52 delas em campo (dentro do colégio) nos
meses de março e abril de 2019. O relatório mostrará toda a atuação: desde
observação no início e regência de aulas no final.
O estágio obrigatório é de suma importância, pois ele possibilita a
materialização de toda a teoria vista durante o curso. Momento de colocar em
prática aquilo para o qual o educando vem se preparando. Durante o estágio existe
a oportunidade de observar e avaliar a rotina em sala de aula, bem como o
planejamento pedagógico e as manobras do professor frente às diversidades tanto
de conteúdos quanto dos alunos. Possibilita também, observar a rotina de um
colégio e seus profissionais, além de aplicar planos de aula numa turma de 5º ano
escolhida após o período de observações.
Durante a aplicação dos planos de aula, foi possível testar as teorias
e confirmar o que funciona e o que pode ser melhorado. Sempre com auxílio da
professora regente, houve êxito e sucesso nesta parte importante da formação como
pedagogo. Após a realização de todas as etapas do estágio foi concluido o quão
importante e necessário se faz essa atuação antes de assumir como educador
profissionalmente, assim como um bom planejamento antecedente em conjunto com
a equipe pedagógica do colégio que está atuando.
Os resultados obtidos foram bem satisfatórios e serão, com certeza,
aplicados assim que houver oportunidade.
4

CARACTERIZAÇÃO DO CAMPO DE ESTÁGIO

O colégio escolhido para a realização do estágio foi: Colégio Parque


das Águas, um colégio privado, fundado em 2006, que oferece desde o ensino
infantil até o ensino fundamental I. Sua instituição (com área territorial de 724 m²)
possui: dois pátios (interno e externo), doze salas de aula, playground, quadra de
esportes, solário, almoxarifado, biblioteca, sala de tv, cozinha, refeitório, diretoria,
sala de professores e sete banheiros (dentre eles os adaptados para deficiência, pré
escola e para funcionários). As salas de aula são espaçosas, arejadas, com mesas e
cadeiras adequadas para as idades a que se destinam individualmente, ventiladores,
lousa branca, armário de professor, tapetes de EVA em algumas delas e alfabeto nas
paredes.
Emprega, atualmente, por volta de 50 funcionários (professores,
auxiliares de educação, diretora e coordenadora pedagógica, pessoal do apoio e
cozinha) e funciona das 7:00 às 18:00 hs.
O colégio ainda oferece aulas extra-curriculares como: robótica,
ballet, judô, capoeira, inglês, música e artes, com intuito de agregar conhecimento
diferenciado às crianças e em algumas ocasiões, lazer.
Nota-se um ambiente de ensino dinâmico e eficiente, professores
motivados e engajados, os funcionários formam um grupo bem unido em prol das
crianças e de um ensino de qualidade.
Há também diversos projetos de ensino que são implementados
durante o ano letivo, sempre observando a faixa etária e em algumas situações, o
momento vivido na sociedade atual.
5

DIÁRIOS DE OBSERVAÇÃO DE CAMPO

Diário de observação nº 1 Instituição: Colégio Parque das Águas


Data: 13/03/19
Início/término da aula: 08:00 às 12:00
Professor(a) regente: Débora Rodrigues Fonseca
Nível/Ano: 1º ano
Estagiário(a): Ana Paula de Almeida Tribuiani
No primeiro dia de estágio, fui atendida pela diretora que fez uma
breve apresentação às professoras do ensino fundamental. Fiz a observação em
uma classe do 1º ano. A professora disse que já tinha feito a chamada. Eles
estavam sentados em duplas para poderem realizar a atividade se auxiliando
entre si.
Ela iniciou uma atividade com a letra A, numa folha que ela lhes
entregou, eles deveriam circular as palavras iniciadas com a respectiva letra. No
momento da explicação da atividade ela apontou para a letra que havia na
parede (alfabeto em EVA). Durante a atividade ela ia passando nas mesas dos
alunos e dando suporte quando necessário. Notei que algumas crianças se
dispersavam um pouco precisando de orientação da professora para que
voltassem à atividade. Mas a maioria fez tudo e se empenhou.

Diário de observação nº 2 Instituição: Colégio Parque das Águas


Data: 14/03/19
6

Início/término da aula: 08:00 às 12:00


Professor(a) regente: Débora Rodrigues Fonseca
Nível/Ano: 1º ano
Estagiário(a): Ana Paula de Almeida Tribuiani
No segundo dia voltei à mesma sala. As crianças estavam sentadas
em duplas (com as carteiras juntas). O assunto do dia era: As vogais, notei que
eles tinham (em sua maioria) facilidade com o tema, ela disse que eles já tinham
se deparado com este tema no ano anterior. Ela escreveu as vogais nos quadros
e leu em voz alta (sempre exemplificando com um objeto que começasse com a
letra que ela estivesse ditando). As crianças se mostraram interessadas e fiquei
impressionada com a seriedade de alguns. Após a atividade, eles foram para o
intervalo e de lá direto para a biblioteca para a escolha de livros que eles levariam
pra casa. O livro vai acompanhado de um caderno onde a criança deve (após a
leitura) fazer um desenho e anotar alguns dados como: nome do autor, ilustrador,
editora, etc). O livro fica uma semana com eles e voltam com o caderno
preenchido.

Diário de observação nº 3 Instituição: Colégio Parque das Águas


Data: 15/03/18
Início/término da aula: 08:00 às 12:00
Professor(a) regente: Débora Rodrigues Fonseca
7

Nível/Ano: 3º ano
Estagiário(a): Ana Paula de Almeida Tribuiani
A observação neste dia foi em uma turma do 3°ano, a professora me
apresentou às crianças e notei que eram bem enérgicos, porém a professora
conseguia manter o controle. Ela iniciou com a resolução da lição feita em casa,
eram problemas de matemática com adição e subtração. A correção foi feita na
lousa, ela ia fazendo e eles iam corrigindo em seus cadernos. Essa parte foi bem
produtiva, a maioria foi bem e erraram pouco pelo que pude perceber. Foi dado
então mais alguns problemas agora com divisão e multiplicação. Após o intervalo,
eles seguiram para a quadra para a aula de educação física. Lá eles jogaram
queimada com a instrução da professora. Pude perceber que eles gostam muito
das atividades esportivas, se divertem e aprendem as regras do jogo.

Diário de observação nº 4 Instituição: Colégio Parque das Águas


Data: 18/03/19
Início/término da aula: 08:00 às 12:00
Professor(a) regente: Débora Rodrigues Fonseca
Nível/Ano: 5º ano
Estagiário(a): Ana Paula de Almeida Tribuiani
8

Este dia fiz observação numa sala de 5° ano, são alunos animados,
praticamente pré-adolescentes, falantes e entusiasmados. A professora é bem
entrosada, interage bem com eles e se mostrou muito segura ao abordá-los.
Dava pra perceber os grupinhos de crianças com afinidades entre si. Uma sala
muito diferente dos mais novos, porém bem interessante. Eles falaram um pouco
sobre a manufatura das camisetas de formandos que está sendo vista e a
formatura em si. Fizeram atividades de geografia que abordava áreas urbanas e
rurais do país. Leram textos e responderam perguntas no caderno que a
professora escreveu no quadro. Após a atividade puderam ver imagens dessas
localizações num projetor que a professora usou, a todo momento ela comentava
sobre os locais e tirava dúvidas dos alunos.

Diário de observação nº 5 Instituição: Colégio Parque das Águas


Data: 19/03/19
Início/término da aula: 08:00 às 12:00
Professor(a) regente: Débora Rodrigues Fonseca
Nível/Ano: 4º ano
Estagiário(a): Ana Paula de Almeida Tribuiani
9

A observação neste dia foi em uma turma do 4º ano, após a chamada


a professora e os alunos conversaram brevemente sobre um trabalho de
português que ela havia pedido a eles. Ela avisou que faria a correção da lição de
casa. Então eles deixaram os cadernos com ela na mesa para serem corrigidos.
A professora deu uma atividade em que eles deveriam fazer a leitura de um texto,
uma pequena história e responder o questionário sobre ela. Enquanto isso ela
fazia a correção dos cadernos. As vezes ela precisava intervir em alguma
conversa paralela, mas na maioria do tempo ele se comportaram. A lição de casa
era a construção de um pequeno poema com o tema Água. Ela os leu, corrigiu e
em seguida fez a correção no quadro das questões sobre a história que eles
estavam fazendo. No final da aula ela chamou alguns alunos para lerem seus
poemas escritos, ela me disse que a escolha era aleatória e ela procurava fazer
um rodízio dos alunos para que todos pudessem, em alguma ocasião, ler
também.

Diário de observação nº 6 Instituição: Colégio Parque das Águas


Data: 20/03/19
Início/término da aula: 08:00 às 12:00
Professor(a) regente: Débora Rodrigues Fonseca
Nível/Ano: 2º ano
Estagiário(a): Ana Paula de Almeida Tribuiani
10

No último de dia de observação fiquei em uma sala de 2º ano. A


professora foi muito simpática e me apresentou a turma. Fui bem recebida por
eles. Era aula de artes e a atividade que a professora propôs foi a confecção de
um autorretrato. Pontuou a eles que se atentassem às suas características, como
tipo de cabelo, cor, tamanho, tipo de rosto, pintas, etc. Eles se animaram e
fizeram com muito afinco. Durante o processo ela auxiliava os que estavam com
dificuldade lembrando-os de suas características. Após o intervalo, foi feita outra
atividade de artes, eles deveriam desenhar um coleguinha, então sentaram-se
em duplas para a realização. Essa parte foi bem divertida e eles adoraram.
Durante a atividade a professora foi falando sobre as diferenças e explicando a
eles que mesmo quando parecidos somos diferentes.

PLANOS DE AULA PARA REGÊNCIA

Após a observação em cinco turmas diferentes, chegou o momento


de escolher em qual turma aplicaria as regências. Me decidi pela turma de 5º ano
para a realização das mesmas devido a afetividade especial que involuntariamente
estabeleci com eles. Para a escolha do tema, fiquei entusiasmada com a aula de
artes que assisti. Achei que as crianças participaram e se divertiram muito. Portanto
11

com o tema: Arte para todos, pensei em propor momentos de introspecção,


autoconhecimento e interação social através da arte.
A arte é muito importante para o desenvolvimento dos seres
humanos, aguça a percepção, os sentidos, as relações sociais, as capacidades
motoras, cognitivas e inclusive emocionais. O contato com a arte ainda é eficaz no
fortalecimento de vínculos afetivos, no aumento de capacidade comunicativa e no
interesse por música, imagens e textos artísticos, que abre um leque de
possibilidades para aqueles que desejam responder um dos maiores anseios do
universo: descobrir seu papel na vida e na sociedade.
Sobre esse tema, é útil ressaltar que:

A educação em arte propicia o desenvolvimento do pensamento artístico e


da percepção estética, que caracterizam um modo próprio de ordenar e dar sentido à experiência
humana: o aluno desenvolve sua sensibilidade, percepção e imaginação, tanto ao realizar formas
artísticas quanto na ação de apreciar e conhecer as formas produzidas por ele e pelos colegas, pela
natureza e nas diferentes culturas (PCN, 1997, p. 15).

Após algumas leituras e reflexões pude perceber a importância de


um olhar voltado para esse tema. Estes planos de aula têm como objetivo trazer às
crianças um olhar interessado, aguçado, perceptivo que os incitará tanto a
observação como a interação seja na criação ou fruição da arte.
Espero poder contribuir com o ensino já recebido na instituição,
potencializando-o e desta forma, também me beneficiar durante as regências ao
observar e interagir com as crianças, podendo ter contato com tantos olhares
diferentes que me possibilitarão um aumento considerável de experiência no ensino
fundamental, tão importante para o início da vida profissional.

Plano de Aula 1
12

Dados de Identificação
Nome da Escola: Colégio Parque das Águas ________________ __

Professor: Débora Rodrigues Fonseca_________________________

Nível/Ano: _5º ano ___ ___________________________________

Período: Manhã___ ____________________________________

Número de alunos: 17 _____ _

Data: 28/03/19 _____________________________________________

Tema: Arte para todos – Aquarela

Objetivos: Trabalhar nas crianças a percepção auditiva e cognitiva ao ouvir a


canção, sentir e expressar seus sentimentos através do desenho.

Conteúdo: Atenção, escuta ativa e coordenação motora fina.

Metodologia: Colocaremos para tocar a música Aquarela de Toquinho e


pediremos as crianças que façam silêncio e escutem com atenção, podendo
fazer anotações em seus cadernos se quiserem. Após a escuta (podendo ser
mais de uma vez), solicitaremos que façam um desenho em folha de sulfite
ilustrando a música. Depois de os desenhos ficarem prontos, faremos uma
breve explanação sobre o compositor, história da canção, ano de criação,
curiosidades, etc.

Recursos: Folhas de sulfite, lápis de cor, aparelho de som e cd com a


música previamente gravada.
13

Avaliação: Através da observação da atenção e interação dos alunos poderá


ser feita a avaliação.

Referências bibliográficas:
Base Nacional Comum Curricular (BNCC), disponível em:
http://basenacionalcomum.mec.gov.br/wpcontent/uploads/2018/06/BNCC_EI_E
F_110518_versaofinal_site.pdf

Música Aquarela youtube: https://www.youtube.com/watch?v=xT8HIiFQ8Y0


14

Plano de Aula 2

Dados de Identificação
Nome da Escola: Colégio Parque das Águas ________________ __

Professor: Débora Rodrigues Fonseca_________________________

Nível/Ano: 5º ano____ _________________________________ __

Período: Manhã___ ____________________________________

Número de alunos: 16_____ _

Data: 29/03/19 _____________________________________________

Tema: Arte para todos – Monalisa

Objetivos: Incentivar nas crianças a percepção visual artística, o interesse


pela arte e história da mesma. Estimular a criatividade e identidade artística.

Conteúdo: Atenção, coordenação motora fina, criatividade e percepção visual.

Metodologia: Num projetor, exporemos a imagem da obra Monalisa de


Leonardo Da Vinci e faremos uma breve explicação sobre a obra e o artista.
Após, falaremos um pouco sobre a técnica utilizada por ele nesta obra:
Sfumato, explicando do que se trata a técnica. Esse momento será livre para
opiniões e observações dos alunos. Então os alunos farão uma releitura da
obra, utilizando a técnica com raspas de grafite e os dedos. Poderão expor
seus desenhos em varais na sala de aula para apreciação coletiva posterior.
15

Recursos: Folhas de sulfite, lápis de cor, aparelho projetor.

Avaliação: Através da observação da atenção e empenho dos alunos poderá


ser feita a avaliação.

Referências bibliográficas:
Análise do quadro Monalisa, disponível em:
https://www.culturagenial.com/quadro-mona-lisa/

Base Nacional Comum Curricular (BNCC), disponível em:


http://basenacionalcomum.mec.gov.br/wpcontent/uploads/2018/06/BNCC_EI_E
F_110518_versaofinal_site.pdf
16

Plano de Aula 3

Dados de Identificação
Nome da Escola: Colégio Parque das Águas ________________ __

Professor: Débora Rodrigues Fonseca_________________________

Nível/Ano: 5º ano____ _______________________________ ____

Período: Manhã___ ____________________________________

Número de alunos: 17_____ _

Data: 01/04/19_____________________________________________

Tema: Arte para todos – Figuras geométricas

Objetivos: Apresentar as crianças, formas diferentes de confecção de telas,


estimular criatividade e originalidade.

Conteúdo: Coordenação motora fina, coletividade, criatividade e


comunicação.

Metodologia: Novamente usaremos o retroprojetor, exporemos imagens de


obras feitas com figuras geométricas (abstracionismo), dando breve
explicação sobre esse tipo de obra e artistas mais famosos.
Pediremos a eles que criem sua obra de arte utilizando a mesma técnica,
porém com colagens de diversos tipos de papel (jornais, revistas, retalhos de
papel colorset, sulfite, cartolina, etc). Ao final serão expostos na lousa da sala
e observados, com os alunos interagindo coletivamente, os tipos de figuras
mais utilizadas, as menos utilizadas, as imagens em si, etc.
17

Recursos: Aparelho retroprojetor, folhas sulfites, jornais, revistas, diversos


tipos de papéis, colas e tesouras.

Avaliação: Será possível através da observação durante a produção das obras


e durante a fruição das mesmas.

Referências bibliográficas:
Base Nacional Comum Curricular (BNCC), disponível em:
http://basenacionalcomum.mec.gov.br/wpcontent/uploads/2018/06/BNCC_EI_E
F_110518_versaofinal_site.pdf

Obras abstratas, disponível em: https://www.culturagenial.com/abstracionismo-


obras-mais-famosas/
18

Plano de Aula 4

Dados de Identificação
Nome da Escola: Colégio Parque das Águas ________________ __

Professor: Débora Rodrigues Fonseca_________________________

Nível/Ano: 5º ano ____ ___________________________________

Período: Manhã___ ____________________________________

Número de alunos: 15_____ _

Data: 02/04/19_____________________________________________

Tema: Arte para todos – Tangram

Objetivos: Trabalhar nas crianças a identificação de formas geométricas,


estimular criatividade e raciocínio lógico ao formar figuras, estimular atenção e
troca de informação em grupo.

Conteúdo: Coordenação motora fina, criatividade, interpretação e identificação


de imagens.

Metodologia: Apresentaremos aos alunos o Tangram, iniciando uma leitura


de texto um explicativo sobre o jogo, origem e suas técnicas. Também
faremos a leitura de uma das lendas do mesmo. Questionaremos se já
conheciam o jogo e conversaremos brevemente sobre o assunto enquanto
repassaremos os nomes de todas as formas geométricas que o jogo utiliza.
Após essa introdução eles montarão individualmente usando a criatividade,
podendo trocar informações entre si. Ao final levarão suas composições para
casa.
19

Recursos: Aparelho projetor, folhas sulfites, moldes do jogo para confecção


em papel colorset, colas e tesouras.

Avaliação: Será possível observando a atenção durante a explanação e


criatividade durante a manipulação das formas geométricas.

Referências bibliográficas:
Base Nacional Comum Curricular (BNCC), disponível em:
http://basenacionalcomum.mec.gov.br/wpcontent/uploads/2018/06/BNCC_EI_E
F_110518_versaofinal_site.pdf

Origem e características do Tangram, disponível em:


https://pt.wikipedia.org/wiki/Tangram

Tutorial sobre o Tangram youtube: https://www.youtube.com/watch?


v=hLfzvr6KSd0
20

Plano de Aula 5

Dados de Identificação
Nome da Escola: Colégio Parque das Águas ________________ __

Professor: Débora Rodrigues Fonseca_ ________________________

Nível/Ano: 5 º ano____ __________ _________________________

Período: Manhã___ ________ ____________________________

Número de alunos: 16_____ _

Data: 03/04/19 _____________________________________________

Tema: Arte para todos – Retratos

Objetivos: Trabalhar percepção visual, acuidade em detalhes, trabalho em


grupo, introspecção empatia.

Conteúdo: Coordenação motora fina, atenção e paciência.

Metodologia: Pediremos as crianças que formem duplas e sentem-se de


frente ao seu respectivo par. Explicaremos que eles farão um retrato do seu
parceiro simultaneamente. Durante o processo eles deverão ter paciência e
evitar mexer muito o rosto para colaborar com o colega. Pediremos a eles
bastante atenção aos detalhes e características do amigo e também
empenho em se aproximar ao máximo da imagem real. Após terminados os
desenhos, pediremos a eles que façam agora um autorretrato. Ao final eles
compararão os retratos e poderemos comentar as diferenças dos desenhos e
da forma de eles se veem os amigos e a si próprio.
21

Recursos: Folhas de sulfite, lápis de desenhar, borracha e lápis de cor.

Avaliação: Com a observação da realização da atividade poderão ser


avaliados.

Referências bibliográficas:
Base Nacional Comum Curricular (BNCC), disponível em:
http://basenacionalcomum.mec.gov.br/wpcontent/uploads/2018/06/BNCC_EI_E
F_110518_versaofinal_site.pdf
22

Plano de Aula 6

Dados de Identificação
Nome da Escola: Colégio Parque das Águas ________________ __

Professor: Débora Rodrigues Fonseca_________________________

Nível/Ano: 5 º ano____ __ _________________________________

Período: Manhã___ ____________________________________

Número de alunos: 17____ _

Data: 04/04/19_____________________________________________

Tema: Arte para todos – Tsuru

Objetivos: Estimular habilidades manuais, atenção visual e sonora e


capacidade de seguir orientações.

Conteúdo: Coordenação motora fina e grossa, atenção, paciência e sutileza.

Metodologia: No último dia faremos uma atividade com dobraduras,


explicaremos sua origem e características, em especial sobre os Origamis.
Com utilização de vídeos no Youtube, confeccionaremos juntos o Tsuru,
assim como apresentaremos um vídeo sobre sua história. Conversaremos
para ver se já conheciam a técnica e se já sabiam algo. Ao final pendurarão
as dobraduras em um varal sala (para que fiquem “voando” sobre eles) e
depois de alguns dias eles poderão levar para casa, guardar ou dar de
presente a alguém. Como agradecimento entregarei bombons para as
crianças e a professora.
23

Recursos: Papel dobradura de diversas cores, projetor, notebook e internet.

Avaliação: Será realizada ao observar as dificuldades e/ou facilidades dos


alunos durante a atividade.

Referências bibliográficas:
Base Nacional Comum Curricular (BNCC), disponível em:
http://basenacionalcomum.mec.gov.br/wpcontent/uploads/2018/06/BNCC_EI_E
F_110518_versaofinal_site.pdf

História e características do Origami, disponível em:


https://www.portalsaofrancisco.com.br/origami/origami

Tutorial de confecção do Tsuru youtube: https://www.youtube.com/watch?


v=pehxOhcDsgA

História do Tsuru youtube: https://www.youtube.com/watch?v=BX-kw4_69eQ


24

DIÁRIOS DAS REGÊNCIAS

Diário da regência nº 1 Instituição: Colégio Parque das Águas


Data: 28/03/19
Início/término da aula: 08:00 às 12:00
Professor(a) regente: Débora Rodrigues Fonseca
Nível/Ano: 5º ano
Estagiário(a): Ana Paula de Almeida Tribuiani
Nesta primeira abordagem, expliquei, com a ajuda da professora,
sobre o tema das aulas e algumas informações básicas. Ao iniciar a atividade
expliquei aos alunos que tocaria a canção Aquarela e após eles escutarem com
atenção deveriam ilustrar o que ouviram e sentiram. Antes de tocar, falei a eles
sobre o compositor e a história da música, percebi que eles gostaram e ouviram
com atenção, muitos aceitaram a sugestão de anotar alguns detalhes enquanto
ouviam para usar depois na hora da ilustração. Durante a atividade, toquei mais
algumas vezes a canção para fixar bem as informações. Notei que eles têm
bastante habilidade ao desenhar, provavelmente devido a idade e tempo de
escola. No geral, a aula foi bem produtiva e obtivemos êxito.

Diário da regência nº 2 Instituição: Colégio Parque das Águas


Data: 29/03/19
Início/término da aula: 08:00 às 12:00
Professor(a) regente: Débora Rodrigues Fonseca
25

Nível/Ano: 5º ano
Estagiário(a): Ana Paula de Almeida Tribuiani
Neste dia foi feita a apreciação da obra Monalisa, colocamos a
imagem no projetor e iniciei um relato sobre o artista, a obra e sua técnica. Todos
conheciam a obra e já haviam feito atividades com ela. Aceitaram de prontidão
minha proposta da releitura usando raspas de lápis e dedo.
Todos fizeram as raspas antes do desenho e iniciaram o desenho. Foi um pouco
difícil por não terem um esboço, mas eles se esforçaram e tivemos trabalhos bem
bonitos e caprichados. Depois de prontos, coloquei um fio de varal na parede e
colamos as pinturas penduradas para que todos pudessem ver.

Diário da regência nº 3 Instituição: Colégio Parque das Águas


Data:01/04/19
Início/término da aula: 08:00 às 12:00
Professor(a) regente: Débora Rodrigues Fonseca
Nível/Ano: 5º ano
Estagiário(a): Ana Paula de Almeida Tribuiani
26

Após verem no projetor as imagens de obras com figuras geométricas,


falamos sobre esse tipo de arte e iniciamos a atividade.
Levei já recortados diversas figuras geométricas em papeis variados.
Também levei papéis para serem recortados conforme a necessidade. A
professora também forneceu alguns papéis. Deixei-os trabalharem livremente por
um bom tempo, eles se divertiram e trocaram figuras e ideias. Foi bem produtivo.
Ao final, colocamos as artes deles na lousa e conversamos sobre quais as figuras
menos e mais usadas. O triângulo e o retângulo eram o que aparecia mais vezes.
As atividades ficaram bem bonitas e criativas.

Diário da regência nº 4 Instituição: Colégio Parque das Águas


Data: 02/04/19
Início/término da aula: 08:00 às 12:00
Professor(a) regente: Débora Rodrigues Fonseca
Nível/Ano: 5º ano
Estagiário(a): Ana Paula de Almeida Tribuiani
27

Neste dia foi bem divertido. Ao iniciar com a explanação sobre a origem do
jogo e lenda, eles se mostraram muito interessados, o que gerou bastante diálogo
entre nós. Muito bom para a comunicação e apreciação de culturas diferentes.
Levei os jogos já desenhados nos papéis, restando apenas recortar. Eles cortaram
e começara a montar, mostrei diversas montagens no projetor. Foi bem divertido e
todos interagiram. Quando terminaram sugeri que colassem no papel sulfite e
levassem para casa.

Diário da regência nº 5 Instituição: Colégio Parque das Águas


Data: 03/04/19
Início/término da aula: 08:00 às 12:00
Professor(a) regente: Débora Rodrigues Fonseca
Nível/Ano: 5º ano
Estagiário(a): Ana Paula de Almeida Tribuiani
28

Para esta atividade eles sentaram em duplas e iniciaram o retrato do


colega. Por sorte, havia neste dia número par de alunos e não precisei fazer
dupla com algum. Eles começaram a desenhar o colega, mas achei um pouco
complicado para eles pois muitos ficavam com a cabeça abaixada para desenhar
o seu o que atrapalhava um pouco o colega. Talvez fosse melhor um de cada
vez, mas deu para concluir. Eles mesmos se ajudavam. Em seguida fizeram seus
autorretratos usando espelhos que os entreguei. Essa parte foi mais fácil. Ao final
discutimos sobre os diferentes olhares para uma mesma imagem e como isso é
interessante e torna a observação muito mais criativa e original.

Diário da regência nº 6 Instituição: Colégio Parque das Águas


Data: 04/04/19
Início/término da aula: 08:00 às 12:00
Professor(a) regente: Débora Rodrigues Fonseca
Nível/Ano: 5º ano
Estagiário(a): Ana Paula de Almeida Tribuiani
29

Iniciei com a explicação sobre dobraduras e a técnica dos Origamis.


Mostrei no projetor um vídeo sobre a lenda do Tsuru e sugeri que
confeccionássemos juntos. Eles gostaram e se entusiasmaram. Muitos nunca
tinham feito essa técnica. Alguns tiveram no início algumas dificuldades, mas com
paciência e ajuda conseguiram. Voltamos o vídeo várias vezes quando
percebíamos que algum aluno tinha se perdido na explicação. Os pássaros
ficaram muito bonitos e colocamos eles sobrevoando a classe num fio que
amarramos atravessando o teto. O efeito ficou bem legal. Expliquei a eles
também o significado de ganhar de presente este origami e muitos disseram que
fariam isso. Distribui bombons a todos, os agradeci e comemos todos juntos. Foi
bem agradável este último dia.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Diante das experiências que tive oportunidade de vivenciar durante a


realização deste estágio, pude perceber o quão rico é o contato com as crianças em
ambiente de ensino, de todas as faixas etárias. Pude notar o quanto elas podem nos
trazer em questão de conhecimento, liberdade e curiosidade. Apesar do educador
estar lá para transmitir/mediar ensino e aprendizagem, as crianças têm a condição
30

de nos trazer para dentro de nós mesmos e nos conectar em um único interesse: o
saber.
Com essa sensação finalizo esta experiência com muito êxito e, com
certeza, com grande satisfação. Ao me deparar com as crianças maiores, tive o
primeiro sentimento de receio nas regências, porém fui muito bem recebida e
amparada por todos os profissionais do colégio e principalmente pelos alunos.
O estágio chega para nós alunos como um difusor de águas,
momento único de experimentar, observar a agir de acordo aos ensinamentos
recebidos durante as aulas do curso. Portanto ele é extremamente necessário para
a formação completa de um educador. Traz a possibilidade de perceber nossas
dificuldades e analisar possibilidades de mudança e melhora.
As crianças necessitam de educadores motivados e totalmente
conectados a elas, para que possam se desenvolver e aprender com eficácia e
sucesso. Portanto, se faz necessário que o educador ofereça esta entrega e
conexão. Que dê o seu máximo para que também receba o máximo delas.
“Ninguém educa ninguém, ninguém se educa a si mesmo, os
homens se educam entre si, mediatizados pelo mundo.” (FREIRE, 1981, p.79).
Foi possível notar que o educador deve agir sempre como mediador
e não como mero transmissor, pois em algumas situações receberá mais do que
oferecerá. E neste momento é importante que estejamos prontos e dispostos a
manter o ritmo e trilhar o caminho da sabedoria com as crianças. Juntos seremos
mais fortes.

REFERÊNCIAS

Análise do quadro Monalisa. Disponível em: <https://www.culturagenial.com/quadro-


mona-lisa/>

Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Disponível em:


<http://basenacionalcomum.mec.gov.br/wpcontent/uploads/2018/06/BNCC_EI_EF_1
10518_versaofinal_site.pdf>
31

BIBLIOTECA AVA. Disponível em:


<http://www.unoparead.com.br/sites/bibliotecadigital/>

COLABORAR AVA. Disponível em: <https://www.colaboraread.com.br/login/auth>

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido, 9 ed., Rio de Janeiro. Editora Paz e Terra.
1981.

História do Tsuru youtube: <https://www.youtube.com/watch?v=BX-kw4_69eQ>

História e características do Origami. Disponível em:


<https://www.portalsaofrancisco.com.br/origami/origami>

Lei de Diretrizes e Base da Educação Nacional. Disponível em:


<http://www2.senado.leg.br/bdsf/bitstream/handle/id/544283/lei_de_diretrizes_e_bas
es_2ed.pdf>

Música Aquarela youtube: <https://www.youtube.com/watch?v=xT8HIiFQ8Y0>

Obras abstratas. Disponível em: <https://www.culturagenial.com/abstracionismo-


obras-mais-famosas/>

Origem e características do Tangram, disponível em:


<https://pt.wikipedia.org/wiki/Tangram>

Parâmetros Curriculares Nacionais. Disponível em:


<https://www.cpt.com.br/pcn/pcn-parametros-curriculares-nacionais-documento-
completo-atualizado-e-interativo>

Tutorial de confecção do Tsuru youtube: <https://www.youtube.com/watch?


v=pehxOhcDsgA>

Tutorial sobre o Tangram youtube: <https://www.youtube.com/watch?


v=hLfzvr6KSd0>
32

Похожие интересы