Вы находитесь на странице: 1из 5

P

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO PARÁ


CONSELHO UNIVERSITÁRIO

RESOLUÇÃO Nº 2794/14-CONSUN, 17 de Dezembro de 2014.

EMENTA: Dispõe sobre os procedimentos a serem adotados


relacionados aos Processos Seletivos de Transferências Internas
e Externas e disponibilização de vagas aos Portadores de
Diplomas de Curso Superior, para Curso de Graduação, no
âmbito da Universidade do Estado do Pará.

Considerando o que dispõe o art. 57 do Estatuto e Regimento Geral da Universidade do Estado do


Pará;
Considerando a necessidade de atualizar os procedimentos referentes aos Processos Seletivos de
Transferências Externas e Internas vigentes nesta Instituição de Ensino Superior, objetivando o melhor
aproveitamento das vagas a serem disponibilizadas para o referido certame;
Considerando a determinação de realização de processo seletivo, imposta no art. 49 da LDB nº 9.394
de 20/12/1996, para a aceitação de transferências de alunos regulares, para cursos afins, na hipótese de
existência de vagas.

O Reitor da Universidade do Estado do Pará, no uso das atribuições que lhe conferem o Estatuto e o
Regimento Geral em vigor, e em cumprimento a decisão do Egrégio Conselho Universitário, em
sessão ordinária, realizada no dia 17 de Dezembro de 2014, promulga a seguinte:

RESOLUÇÃO

DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS

Art. 1º - A presente Resolução dispõe sobre os procedimentos a serem adotados, relacionados aos
Processos Seletivos de Transferências Internas e Externas e disponibilização de vagas aos Portadores
de Diplomas de Curso Superior, para Curso de Graduação, de acordo com a disponibilidade de vagas.

Art. 2º - A Universidade do Estado do Pará, por meio da Diretoria de Controle Acadêmico (DCA),
após o período de matrícula estabelecido no calendário acadêmico, levantará o número de vagas
1
disponíveis (NVD), nos seus cursos de Graduação, a serem ofertadas no ano letivo seguinte, e sua
ocupação mediante Processos Seletivos de Transferências Internas e Externas.
Parágrafo Único – A apuração do número de vagas disponíveis (NVD) será obtida da subtração do
número total de vagas ofertadas em cada curso, do número da movimentação dos discentes, (NMD),
ocorrida no período, ou seja, os abandonos, as transferências e os cancelamentos de matrículas, exceto
os trancamentos, que não entram no calculo. Do resto obtido, subtrai-se do número de alunos
efetivamente matriculados (NAM). A diferença apurada será o número de vagas disponíveis para o
certame.

Art. 3º - O Colegiado de cada curso tomará ciência do número de vagas disponíveis (NVD)
disponibilizadas para o ano letivo seguinte e adotará as providências necessárias para o acolhimento
dos alunos ingressantes pelo processo em comento.

Art. 4º - Os alunos admitidos por meio do certame em questão, por transferência ex-officio e os
portadores de Diploma de curso superior, se somarão aos alunos regularmente matriculados, e farão
parte do número de alunos regularmente matriculados do ano letivo subsequente.

Art. 5º – A Pró-Reitoria de Graduação – PROGRAD determinará o número de vagas a serem


preenchidas em cada curso, preferencialmente por:
I. Candidato de Transferência Interna;
II. Candidato de Transferência Externa;
III. Portador de Diploma de curso superior, egressos da UEPA;
IV. Portador de Diploma de curso superior, egressos de outras Instituições de Ensino Superior.

Art. 6º - A PROGRAD, por meio da Diretoria de Acesso e Avaliação – DAA, fará publicar os Editais
dos Processos Seletivos de Transferências Internas e Externas e de portadores de Diplomas de cursos
superiores, contendo o número de vagas existentes por: curso, série e turnos, e os critérios a serem
adotados para efeito de classificação e/ou desempate entre os candidatos.
§1º – Constará do Edital, também, o cronograma das fases do Processo Seletivo, se tratando,
especificamente, de Transferência Externa ou de candidato graduado, egresso da UEPA e do egresso
de outras instituições.

2
§2º - Será permitida a inscrição aos Processos pelo interessado ou por preposto, com Procuração
Simples, registrada em cartório, e cópia da documentação do outorgante e outorgado.

DAS TRANSFERÊNCIAS INTERNAS

Art. 7º - Considera-se transferência interna:


a) a movimentação de discente no mesmo curso, de campus para campus;
b) a movimentação de discente com mudança entre cursos afins.

Parágrafo Único – A Transferência Interna será concedida uma única vez.

Art. 8º - Somente poderá solicitar a Transferência Interna, o discente regularmente matriculado, que
tenha cursado, pelo menos, um ano letivo, com o devido aproveitamento, de acordo com as normas
vigentes.

Art. 9º - Quando o número de candidatos internos a qualquer Curso for maior que o número de vagas
oferecidas, a DCA efetivará um processo de classificação dos interessados, obedecendo aos seguintes
critérios:
Parágrafo Único - A partir da análise dos históricos escolares atualizados será aplicado o Coeficiente
de Rendimento por Período Letivo (CRPL).

Art. 10 - O Edital com o resultado final do processo de Transferência Interna será publicado e o
resultado disposto em relação nominal, em ordem alfabética até o limite de vagas ofertadas em cada
curso.
Parágrafo Único - Os candidatos classificados deverão efetivar suas matrículas, nos Centros ou campi
respectivos de funcionamento dos seus novos cursos, no período designado pelo calendário acadêmico.
O não comparecimento à matrícula será considerado como desistência, e a vaga destinada ao candidato
imediatamente posterior na ordem de classificação.

DAS TRANSFERÊNCIAS EXTERNAS

Art. 11 - Considera-se Processo Seletivo de Transferência Externa a habilitação para o ingresso do


aluno de determinada Instituição em outra Instituição de Ensino Superior, considerando a existência de

3
vaga no curso pretendido e mediante a realização de processos seletivos, conforme o art. 49 da LDB
9.394/96.

Art. 12 - Para candidatar-se a concorrer às vagas ofertadas para o Processo Seletivo de Transferência
Externa, o candidato deverá apresentar a seguinte documentação:
a) Histórico Escolar;
b) Comprovante de ter cursado, no mínimo, dois semestres e/ou um ano letivo, no curso de sua
instituição de origem;
c) Comprovante que está matriculado na instituição de origem;
d) Programas ou Planos de Ensino de todas as disciplinas cursadas com aproveitamento, contendo
a respectiva carga horária e a bibliografia básica das disciplinas cursadas;
e) Comprovante de recolhimento da taxa de inscrição ao processo.

Art. 13 – Os candidatos de transferências externas serão selecionados mediante a realização de análise


do Currículo Acadêmico e Redação.

Art. 14 – Em caso de empate:


I – O Candidato que tiver alcançado a maior nota na Redação;
II- O candidato que apresentar o maior CPRL;
III – Mais idade.

Art. 15 - Somente serão homologadas as inscrições no Processo de Transferência Externa, aquelas


protocoladas na PROGRAD/DAA, que atenderam às exigências do art. 11º da presente resolução.

DA ADMISSÃO DE PORTADORES DE DIPLOMAS DE CURSO SUPERIOR

Art. 16 – Conforme os critérios de preenchimento das vagas, definidos no art. 5º da presente


resolução, serão ofertadas vagas aos portadores de Diplomas de nível superior, egressos da própria
UEPA ou de outras IES, que pretendam cursar nova graduação.

Art. 17 – O portador de diploma de curso superior deverá apresentar:


I. Cópia autenticada do diploma de curso superior;

4
II. Cópia autenticada do histórico escolar;
III. Comprovante autorização ou de reconhecimento do curso de origem;
IV. Programas ou planos de ensino de todas as disciplinas cursadas com aproveitamento, contendo
a carga horária e a bibliografia básica das disciplinas cursadas.
Parágrafo Único – A não apresentação de quaisquer documentos listados nos incisos anteriores, ou na
incoerência das informações ou indícios de fraude, ensejará o indeferimento da solicitação de inscrição
no processo respectivo.

Art. 18 - Os candidatos portadores de diploma superior será selecionado por meio de processo
seletivo, com os seguintes procedimentos:
I. Apresentação de Memorial Acadêmico;
II. Realização de análise do histórico escolar, no intuito de identificar o CRPL do candidato
durante os estudos;

Art. 19 – Em caso de empate:


I. O Candidato que tiver alcançado a maior nota no Memorial;
II. O candidato que apresentar o maior CPRL;
III. Mais idade.

Art. 20 – Os casos omissos nessa resolução serão apreciados pela PROGRAD, pelas Coordenações
dos Cursos de Graduação e demais instancias competente.

Art. 21 – Esta Resolução entra em vigo na data de sua publicação, revogam-se as disposições em
contrário, em especial as Resoluções 12/95 de 10/02/1995 e 1690/08 de 07/05/2008, ambas do
CONSUN/UEPA.

Reitoria da Universidade do Estado do Pará, em 17 de Dezembro de 2014.

JUAREZ ANTONIO SIMÕES QUARESMA


Reitor e Presidente do Conselho Universitário.