Вы находитесь на странице: 1из 4

OS DEZ MANDAMENTOS DO PREFESSOR DO MINSTÉRIO INIFANTIL.

A pessoa que está disposta a dar aulas no ministério infantil de uma igreja evangélica precisa
estar empenhado em seu trabalho e disposto a seguir uma rotina que muitos consideram pesada.
Assim como um professor comum, o trabalho não se restringe ao horário de aula, é preciso um
preparo de organização dias antes da aula; e mesmo quando a aula acaba, o trabalho do
professor continua. Algumas atitudes são importantes para que professor tenha uma aula
proveitosa e que seus objetivos sejam alcançados. Neste texto selecionamos dez passos
importantes para que uma aula do ministério infantil seja realizada com sucesso. São dicas para
dar aula que começam no preparo e seguem até após o término das aulas.

1. Consagração

Assim como todo serviço em uma igreja, sem consagração estamos fadados ao fracasso.
Diferentemente de uma aula comum (nas escolas), quando damos aula na igreja infantil,
estamos lidando com o mundo espiritual, por isso, pedir orientação a Deus e nos dedicarmos de
coração ao serviço é essencial. A consagração para uma boa aula significa levar o serviço com
responsabilidade, ou seja, realizar um preparo, separar um tempo para o estudo da lição, orar
pelas crianças, ler outros textos bíblicos que falem do mesmo assunto. O professor deve separar,
de antemão, o material a ser usado e preparar o local para que a aula seja realizada sem
imprevistos.

2. Ambiente de trabalho

Esta é uma dica para os professores que precisa ser levada a sério. É muito ruim o professor
ficar procurando uma tomada, arrumar as cadeiras ou verificar se o rádio está funcionando
somente quando as crianças já estão em sala. Isso torna o ambiente propício à bagunça. As
crianças aproveitam o momento que o professor não está atento à sala e aproveitam para
conversar, correr, empurrar. O material em bom estado e em ordem são determinantes para que a
aula flua com precisão. A organização da sala é fruto da organização pessoal do professor. Uma
pessoa desorganizada e confusa são vai conseguir criar um ambiente igual.

3. Auxiliar

Se a aula do ministério infantil for preparada com um auxiliar é importante que os dois sigam as
mesmas regras. Um auxiliar precisa saber se as crianças podem ir ao banheiro a qualquer hora,
se haverá lanche, onde estão os materiais que serão utilizados na aula e assim por diante. O
auxiliar precisa saber como será organizada a aula, o período de oração, o tempo da lição e
assim por diante, para que não fique perdido, deixando as crianças igualmente perdidas. As
regras da aula e o funcionamento geral do dia precisam ser passadas ao auxiliar, por isso, é
recomendado que professor e auxiliar se comuniquem antes de a aula começar. Além disso,
professor e auxiliar com critérios diferentes de organização e disciplina pode entrar em conflito,
por isso, o professor deve passar suas regras ao auxiliar antes de começarem a aula.

4. Criatividade

O professor precisa ser criativo. O conteúdo pode ser passado de diferentes maneiras, por isso, o
trabalho do professor começa bem antes da aula. Ele precisa pesquisas maneiras diferentes de
dar uma lição, precisa ver se existem materiais criativos, diferentes, para dar a aula e o que pode
ser feito para que as crianças memorizem o conteúdo; pode fazer um jogo de perguntas, pode

fazer um teatro, separar músicas, fazer recorte… Seja qual for a lição sempre há diferentes
maneiras de se passar o conteúdo.
5. Programe-se

Antes de iniciar a aula do ministério infantil, o professor precisa realizar um esboço da aula,
com cada período determinado, com material separado e previsão de tempo para cada atividade.
A programação envolve tudo o que será feito até que a aula termina, por isso deve conter
informações do tipo: tempo da lição, o que será dado além da lição, cânticos período de oração e
memorização do versículo.

6. Não faça leitura

Um erro comum nos professores novatos é realizar a leitura da lição. Isto só deve ser feito
propositalmente quando o professor deseja enfatizar uma passagem bíblica ou, claro, no período
de memorização do versículo. Por isso, a preparação e a programação são importantes, pois o
professor que não demonstra domínio sobre o conteúdo cai em descrédito e ainda se perde no
resto da aula. Por isso, o professor deve ser orientado a estudar bem a palavra a ponto de não
precisar fazer leituras. No entanto, isso não significa que não possa consultar algumas
anotações. O professor novato ou com dificuldades de memória pode realizar um esboço com
pequenos tópicos para que leia durante a aula, quando estiver perdido ou esquecido.

7. Tempo de lição

O preparo do professor deve envolver também a organização da lição de forma a contemplar


adequadamente seus alunos, conforme a idade das crianças. O professor do ministério infantil
não pode, por exemplo, preparar uma lição de vinte minutos para alunos de cinco ou seis anos.
As lições para crianças menores não deve exceder os dez minutos, enquanto que as lições para
crianças maiores não devem ultrapassar os vinte minutos.

8. Cumpra sua palavra

O professor deve sempre cumprir com sua palavra. Se disser que após a lição todos irão ao
banheiro, ou que no final da aula haverá uma surpresa, essas palavras devem ser cumpridas.
Alguns professores mal preparados tentam “enrolar” as crianças com promessas os adiando
decisões, isso só torna a imagem do professor ruim, como um mentiroso.

9. Seja um exemplo

Não adianta chamar a atenção de alguém que conversa se o próprio professor sempre
interrompe a aula para conversar com outras pessoas, ou vive ligado no celular. Quem dá aulas
no ministério infantil deve usar roupas adequadas, tomar cuidado com suas palavras e sua
postura. Por isso, a igreja precisa preparar e selecionar professores que tenha o perfil cristão de
acordo com seus princípios e doutrinas.

10. Procure a liderança para tirar dúvidas

Em caso de perguntas que não saiba responder, ou dúvidas no preparo e execução da aula o
professor deve sempre procurar sua liderança para tirar dúvidas. Dizer algo que vai contra a
liderança ou que não tenha sua confirmação só piora a imagem do professor, por isso, é
importante o professor ter proximidade com a liderança do departamento infantil da igreja.
4 PILARES DA LIDERANÇA DO MINISTÉRIO COM CRIANÇAS

1.Visão: O Ministério com crianças pode ter a dimensão que você deseja, basta você
olhar com seu olhos, e dará á ele a dimensão exata. Qual o tamanho da visão? Como é a
sua visão? Quando não temos a visão do ministério com cianças, automaticamente
prejudicamos o departamento infantil da igreja local.

O ministério com crianças não se resume em salas conjunto e escola dominical, é muito
mais além do que quatro paredes. E o líder deve ser o primeiro a ter a visão , para assim
passar para os liderados. Se o lider tem visão de "promover eventos", logo, a equipe terá
essa visão.

Qual é deve ser a visão?

1. Evangelismo
2. Salvação
3. Crescimento espiritual

2.Chamado: Muitas vezes relutamos, queremos transferir para outros que julgamos
estarem em condições melhores, mas quando Ele nos aponta, é em nós que Deus quer
ver o Seu trabalho. Deus fez vários chamados a pessoas que humanamente falando, não
tinham qualidades para fazer o que Ele quer. Chamado, Compromisso e capacitação é
fundamental para o ministério, seja ele qual for.

Sem chamado, não se pode fazer um bom trabalho, acaba-se tornando pedra de
tropeço.Agora, se você foi chamado e não tem compromisso, também torna-se pedra de
tropeço.

Tenha certeza daquilo que Deus quer pra você, e se você se comprometeu com Deus de
fazer um trabalho, tenha compromisso.

3.Obediência: Devemos primeiramente obedecer á Deus, entender e aceitar o querer


dEle.

Algo muito importante que devemos inculcar em nossa mente como líderes,
independente do departamento é a obediência aos nossos pastores ( ou lideres de igreja).
Não devemos fazer nada sem autorização e aprovação dos nossos pastores.

O verdadeiro líder é primeiramente servo, não se pode “mandar”, sem ao menos sabe
“obedecer”

4. Criatividade: A criatividade é um dom essencial para quem possui o ministério


Infantil. .Ela estava presente em todos os passos da criação, principalmente no que diz
respeito ao homem, criado á imagem semelhança de Deus. Sendo assim, também o
homem possui dotes criativos que pode aplicar em todos os seus atos. Todos nós, enfim,
temos condição de criar alguma coisa. A criatividade é algo que cheira á novidade, e
quem trabalha com crianças precisa de novidade a cada instante.

ERROS QUE UM LIDER DE MINISTERIO COM CRIANÇAS NÃO PODE


COMETER

1. Falta de comunicação
2. Falta de elogio

3. Criação de ambiente de desconfiança

4. Não defesa do subordinado

5. Promessa daquilo que não pode cumprir

6. Aceitação de bajulação

7. Falta de educação

8. Fuga da responsabilidade

9. Soberba, não saber ouvir ou obedecer

10. Ausência de conhecimento das forças e fraquezas da equipe,

11.Ama, respeita e acredita na salvação das crianças.

12.Encorajador, entusiasmado e motivador.

13.Dependente do Espírito Santo

14.Vive uma vida Cristocêntrica

14.Forma outros líderes

16.Eterno aprendiz, tem sede de aprender.

17.Estabelece objetivo

18.Comunicativo

19.Responsável

20.Humilde, servo.

21.Criativo

22.Paciente e otimista

23.Informado, “antenado” em tudo que acontece voltado ao ministério com


crianças.

24.Carismático e sorridente