Вы находитесь на странице: 1из 27

CLUB / STICK / BAT / CUE / MALLET

Você saberia dizer o que as palavras acima têm em comum? Pois bem, todas
elas querem dizer “taco” em português. Evidentemente, essas palavras
possuem outros significados que não serão tratados nesta edição. Portanto,
ao se referir, em inglês, a este instrumento muito utilizado em diversos
esportes, faça a escolha certa.
Golf club
Hockey stick
Baseball bat
Billiard cue
Pool cue
Polo mallet

NEGOTIATE

Qualquer negócio pode ir por água abaixo se você não escrever


“NEGOTIATE” corretamente. Negocie com a letra “C” em português,
espanhol, francês, etc. mas, na língua inglesa, tem que ser com a letra “T”.

CLOTHES

Embora não pareça, a pronúncia de “CLOTHES” é exatamente idêntica à


pronúncia do verbo “TO CLOSE”. Ou seja, não pronuncie a letra “E” e diga
[klou z] sem medo de errar. Neste caso, o “TH” não é pronunciado nem
como em “THINK” e nem como em “THAT”.

HAMBURGER

Tenha atenção na hora de escrever esta apetitosa palavra tanto em português


quanto na língua inglesa. A letra “U” depois do “G” só existe em português:
“hambúrguer” (não se esqueça de acentuar o primeiro “U”). O mesmo
cuidado deve ser tomado quanto à grafia da forma plural nas duas línguas:
em inglês, “HAMBURGERS” e em português, “hambúrgueres”. Confira a
pronúncia de “HAMBURGER” consultando o Merriam-Webster.

THEATER

A palavra “THEATER” (AmE) ou “THEATRE” (BrE) nem sempre quer


dizer “teatro”. Freqüentemente, ela é usada para se referir ao “cinema” (sala
de exibição) aparecendo eventualmente precedida pela palavra “MOVIE”. O
segundo exemplo abaixo mostra uma expressão muito usada ao final dos
“trailers”:
A cinematheque is a small movie theater that usually shows classic films.
Coming soon to a theater near you.
A expressão “HOME THEATER”, cuja tradução pode ser “Cinema em
casa”, é mais um exemplo do emprego da palavra “THEATER” com o
sentido de “cinema”.

CYMBAL / DISH / PLATE / PAN / COURSE / TURNTABLE

Preste muita atenção quando precisar falar ou escrever a palavra “prato” em


inglês. Todo cuidado é pouco na hora de escolher a alternativa correta.
CYMBAL [instrumento musical de percussão]
DISH [uma das opções do cardápio]
PLATE [o objeto em si]
PAN [um dos pratos da balança]
COURSE [um dos pratos servidos durante a refeição, em geral, quando nos
referimos à seqüência em que são servidos: entrada, prato principal e
sobremesa]
TURNTABLE [prato do toca-discos]

 Observe os exemplos abaixo para dirimir quaisquer dúvidas entre


“DISH” e “COURSE”. 1 - The starter is the first course of a meal. 2 - This
website offers an extensive archive of Italian dishes and information related
to Italian cuisine. 3 - Or, for a main course, the scallops can be added, and if
money is no object, the caviar can transform the dish into something elegant.

SOUTHERN

Não se deixe enganar pelo fato de “SOUTHERN” ser uma palavra derivada
de “SOUTH” porque, em termos de pronúncia, as duas palavras são bem
diferentes. O ditongo “OU” em “SOUTH” é pronunciado como em
“ABOUT” ao passo que em “SOUTHERN” ele tem o som do “U” em
“BUT”. O “TH” em “SOUTH” é pronunciado como em “THINK” e em
“SOUTHERN” como em “THAT”. A mesma diferença de pronúncia do
“TH” se aplica a “NORTH” e “NORTHERN”.

LASSO

Não se deixe confundir pela grafia de “laço” em português na hora de


escrever a palavra correspondente na língua inglesa. Em inglês, ela se
escreve com duas letras “S”. Além de substantivo, esta palavra pode ser
usada como verbo e significa “laçar” ou “apanhar com laço”.

EMBEDDED QUESTIONS

Este é um assunto que geralmente causa problemas até mesmo


para quem já possui muita experiência com a língua inglesa.
Preste atenção às dicas abaixo para que você não caia nesta
terrível armadilha.
Muitas vezes, ao fazer uma pergunta em inglês, começamos a
frase com “DO YOU KNOW...?” ou ainda com “CAN YOU
TELL ME...?”. A estrutura da forma interrogativa é portanto
utilizada no início da pergunta. Justamente por esse motivo, o
restante da frase não utiliza a estrutura da forma interrogativa.
Observe os exemplos abaixo em que é utilizada a forma
interrogativa simples na primeira pergunta e a “embedded
question” na segunda pergunta.
What time is it? / Do you know what time it is?
Where did he live? / Can you tell where he lived?
How much do I owe you? / Do you know how much I owe you?

Tenha bastante cuidado para não utilizar a forma interrogativa


quando usar os pronomes interrogativos (HOW, WHEN,
WHERE, etc.) em frases afirmativas. Observe os exemplos
abaixo:
I have to find out how much it is.
There is a mistake somewhere; we’ll have to go through the
accounts and see where it is.
I want to know how you are.

CRITICAL

“CRITICAL” nem sempre quer dizer “crítico”. Em inglês, esse adjetivo


pode também significar “essencial” ou “indispensável”.
Em português, “crítico” significa “grave”; “embaraçoso”; “perigoso”;
“relativo a crítica ou a crise”. Observe os exemplos abaixo e tire suas
próprias conclusões.
He remained in hospital in a critical condition. = terminally ill
That new software is definitely a mission-critical application. = essential;
vital
His wife’s salary was critical to the family’s plans to buy a new apartment. =
essential, vital
He was one of the most popular and critically acclaimed pop stars in the
1980’s. = received good reviews / critical acclaim

KEY TO

Em português, usamos a preposição “de” nos seguintes casos: “a chave do


carro”, “a chave do cofre”, “a chave de casa”, etc.
Não use a preposição “OF” (equivalente a “de”) em inglês em situações
semelhantes. Use a preposição “TO”. Observe o exemplo abaixo.
She has the key to his safe-deposit box.
NEGOTIATE

Qualquer negócio pode ir por água abaixo se você não escrever


“NEGOTIATE” corretamente. Negocie com a letra “C” em português,
espanhol, francês, etc. mas, na língua inglesa, tem que ser com a letra “T”.

EVENTUALLY

O advérbio “EVENTUALLY” é mais um campeão de audiência


nas listas de falsos cognatos. A tentação de achar que esta
palavra significa “eventualmente” é muito grande. Porém, ela
quer dizer “finalmente”, “posteriormente” ou
“conseqüentemente”. Observe os exemplos abaixo.
After failing four times, he eventually passed his driving test.
[Após ser reprovado quatro vezes, ele finalmente conseguiu
passar no exame de habilitação.]
World War I began as a local European war and eventually
became a global war involving 32 countries. [A Primeira Guerra
Mundial começou como uma guerra restrita à Europa e
posteriormente se tornou um conflito global envolvendo 32
países.]

CRISIS / CRISES (pronúncia)

Alguns substantivos terminados em “SIS” em inglês usam a terminação


“SES” na formação do plural. Observe os exemplos abaixo e tente
pronunciar a terminação “SIS” falando um “I” mais curto e mais fechado
(um som entre o “i” e o “e” em português). O “S” final é pronunciado como
“S”.
Para pronunciar corretamente o plural, tente fazer um som de “I” mais longo
e mais aberto, como se fossem dois “I” em seqüência. O “S” final tem som
de “Z”.
CRISIS [crai’ sis] / CRISES [crai’ siiz]
ANALYSIS / ANALYSES
THESIS / THESES
PARENTHESIS / PARENTHESES
DIAGNOSIS / DIAGNOSES
EMPHASIS / EMPHASES
PARALYSIS / PARALYSES
ELLIPSIS / ELLIPSES
HYPNOSIS / HYPNOSES
OASIS / OASES
METAMORPHOSIS / METAMORPHOSES

CHAIN
Em geral, para dizermos “corrente” em inglês usamos a palavra “CHAIN”,
como por exemplo na expressão “IN CHAINS” (acorrentado). Para dizer
“cadeia”, usamos a palavra “JAIL” ou “PRISON”.
Porém, observe as expressões abaixo e suas respectivas versões:

a)reação em cadeia = CHAIN REACTION


b)cadeia de hotéis = HOTEL CHAIN
c)cadeia de montanhas = MOUNTAIN RANGE / MOUNTAIN CHAIN

HYDROCARBONS

Tenha cuidado se precisar escrever, em inglês, este composto que contém


apenas os elementos hidrogênio e carbono. Como de costume, a forma usada
na língua portuguesa, neste caso “hidrocarboneto”, pode nos levar a cometer
erros ortográficos. A palavra “hydrocarbonets” não existe na língua inglesa.

HUNDREDS AND THOUSANDS

Em inglês, alguns números podem ser falados de duas maneiras distintas.


Por exemplo, o algarismo 1200 pode ser falado “ONE THOUSAND TWO
HUNDRED” ou ainda “TWELVE HUNDRED”. A segunda forma é muito
mais comum especialmente para dizer os números redondos entre 1100 e
1900. Observe o exemplo abaixo:
He paid $1,800.00 for his new computer. = He paid eighteen hundred dollars
for his new computer.

TENTATIVE

“TENTATIVE” não significa “tentativa”. “Tentativa” em inglês pode ser


“ATTEMPT”, “TRY”, “EFFORT”, etc.
Na verdade, “TENTATIVE” nem é substantivo. Trata-se de um adjetivo que
pode significar: I) “provisório”, “incerto”;

II) “hesitante”. O mesmo se aplica ao advérbio “TENTATIVELY”. Observe


os seguintes exemplos:
a) This is just a tentative schedule.
b) Our country matured from a tentative beginning.

I HAVE MY BROTHER’S CAR

Cuidado para não usar a construção “Estou com a chave...”; “Estou com o
ingresso...”; “Estou com o carro do meu pai...”; etc. que é muito comum em
português mas que não é indicada em inglês. Na língua inglesa, use sempre
o verbo “HAVE” nesses casos. Observe o exemplo abaixo:
I have my dad’s car tonight so we can go almost anywhere we want.

INVOLVE
Não confunda a grafia em português do verbo “envolver” com a do verbo
em inglês “INVOLVE”. Assim como o verbo, o substantivo
“INVOLVEMENT” se escreve com a letra “I” em oposição ao “E” de
“envolvimento” em português.

ELIZABETH I

Nunca se esqueça de falar, em inglês, o artigo definido “THE” entre os


nomes de reis, rainhas, papas, etc. e o número ordinal. Observe os exemplos
abaixo.
Elizabeth I (fale “Elizabeth the First”)
Henry VIII (fale “Henry the Eighth”)
John Paul II (fale “John Paul the Second”)

MASSIVE

Se precisar traduzir o adjetivo acima, prefira usar as palavras “maciço”,


“compacto”, “em grande número”, “forte”, “enorme”, etc. “Massivo” não
existe em português. Observe os exemplos abaixo.
The patient died from massive bleeding shortly after hospital admission.
Elephantiasis is characterized by massive swellings of the legs, arms and
scrotum and the thickening and darkening of the overlying skin.
Government officials warned that massive landslides could occur in
mountainous regions across the country.

PREFERRED STOCK

Embora a palavra “PREFERENTIAL” também exista em inglês, na hora de


se referir às “ações preferenciais” de uma determinada empresa, o adjetivo
“preferido” é “PREFERRED”. Observe nos exemplos abaixo que a palavra
“STOCK” é utilizada sem o “S” final até mesmo no plural.
Company A agreed to acquire Company B for $1.3 billion plus the
assumption of $240 million in preferred stock.
The government will have a 38% stake in the post-merger institution,
following the issuance of 180 million new shares of preferred stock.
The Chicago-based company will assume about $1.7 billion in debt and
preferred stock under the deal.
Clique para saber como falar “ação ordinária” em inglês.

CEREMONY

Não caia em mais esta armadilha ortográfica. Em inglês, usa-se um “E”


depois do “R” na palavra equivalente a “cerimônia”.

SICK
O adjetivo “SICK” geralmente causa algumas confusões quando é traduzido
para o português justamente por ter alguns significados diferentes. Nem
sempre “SICK” quer dizer “doente”. Muitas vezes, este adjetivo pode
significar “nauseado”, “enjoado”, ou seja, descreve quem tem indisposição
estomacal. Confira os exemplos abaixo.
One person may be able to drink one glass of milk at a time, while others
feel sick after drinking only a small amount.
If you do not tolerate alcohol well or you feel sick after drinking beer, then
stop.

BUSH

É muito comum ouvirmos no rádio e na televisão algumas pessoas se


referindo ao presidente norte-americano George W. Bush e se confundindo
com a pronúncia de seu sobrenome. A vogal da palavra “BUSH” deve ser
pronunciada como as vogais em “BOOK”, “PUT”, “LOOK”. Engana-se
quem acredita que “BUSH” rima com “CUT”, “BUT” ou “SHUT”.

DOUBLING CONSONANTS

Muitas palavras em inglês são formadas a partir de um radical acrescido de


um sufixo. Essa combinação acontece na formação do passado e do
particípio passado dos verbos regulares, do grau comparativo e superlativo
dos adjetivos, etc.
Algumas vezes a consoante final do radical é dobrada, por exemplo: STOP +
ED = STOPPED, HOT + ER = HOTTER ou THIN + EST = THINNEST.
Para que isso aconteça, duas condições devem ser atendidas:
1) A terminação do radical deve obrigatoriamente ser consoante + vogal +
consoante. Por exemplo, ROB + ED = ROBBED ou PLAN + ING =
PLANNING.
2) Se a palavra tiver mais de uma sílaba, a consoante final será dobrada
somente se a última sílaba for a tônica. Exemplo: beGIN + ING =
BEGINNING ou preFER + ED = PREFERRED.

Como não poderia deixar de ser, há uma exceção: no inglês britânico os


verbos terminados em “L” sempre recebem duas letras “L” quando são
acrescidos dos sufixos “ED” ou “ING”, como por exemplo em
“CANCELLING” e “TRAVELLED”.

GRAMMAR CLINIC

Escolha a alternativa correta para completar a frase abaixo.

If I [ ] to study, I would have gone to the movies with you.

a) hadn't had
b) didn't have
c) would have
d) should have
e) had

ANSWER
a) hadn't had

Este é o chamado "Conditional - Type 3" e é empregado para descrever


condições que não puderam ser satisfeitas porque a ação descrita não se
realizou. O tempo verbal usado na condição (if-clause) é o "Past Perfect
Tense" e o tempo da frase principal é o "Perfect Conditional".

STATIONARY / STATIONERY

Em inglês, usamos a palavra "STATIONARY" para descrever aquilo que não


se move. Por exemplo, para dizer "bicicleta ergométrica" em inglês, use a
expressão "STATIONARY BICYCLE" ou "EXERCISE BICYCLE".

A palavra "STATIONERY" significa "papel de carta e envelopes" ou ainda


"artigos de papelaria". Conseqüentemente, para dizer "papelaria" em inglês,
use a expressão "STATIONERY STORE".

CHRISTIANITY / ISLAM

Embora várias palavras que designam as religiões em inglês apresentem o


sufixo "ISM", o mesmo não se aplica às palavras "Cristianismo" e
"Islamismo". Compare os exemplos abaixo.

 BUDDHISM [Budismo]

 JUDAISM [Judaísmo]

 HINDUISM [Hinduísmo]

 MORMONISM [Mormonismo]

 SPIRITISM [Espiritismo]

Porém:

 CHRISTIANITY [Cristianismo[

 ISLAM [Islamismo] (O termo "ISLAMISM" é considerado pejorativo.)

ADDRESS
Além de "endereço", "ADDRESS" pode também significar "discurso".
Portanto, ao se deparar com a expressão "INAUGURAL ADDRESS",
traduza para o português como "discurso de posse".

 "The torch has been passed to a new generation of Americans, born in


this century, tempered by war, disciplined by a hard and bitter peace,"
Kennedy said in his inaugural address.

BARREL

Em inglês, "barril" se escreve com a letra "E" no lugar do "I". Embora não
haja uma classificação precisa, estas são as palavras da língua inglesa
geralmente usadas para definir "barril": VAT (whisky); BARREL (petróleo);
KEG (chopp, pólvora); CASK (vinho).

GRAMMAR CLINIC

Escolha a alternativa que preenche corretamente os espaços da frase abaixo.

Do you [] baseball to soccer? ~ No, I [] soccer better than baseball. But I []


watch sports on TV than go to the stadium.

a) like - prefer - would rather


b) prefer - like - prefer
c) prefer - like - would rather
d) prefer - prefer - prefer
e) like - like - would rather

ANSWER
c) Do you [prefer] baseball to soccer? ~ No, I [like] soccer better than
baseball. But I [would rather] watch sports on TV than go to the stadium.

Para expressarmos preferência na língua inglesa, usamos as seguintes


formas:

 He PREFERS something TO something else.

 He LIKES something BETTER THAN something else.

 He WOULD RATHER do something THAN do something else.

SMOKING
Na língua inglesa, a única ligação que existe entre "SMOKING" e vestuário
é o cheiro desagradável que a fumaça de cigarro deixa nas roupas. Portanto,
quando você estiver falando inglês e precisar se referir àquilo que chamamos
de "smoking" no Brasil, diga "TUXEDO", "TUX" ou ainda "DINNER
JACKET".

PAY / BUY (SOMEBODY A DRINK)

Quando você se oferecer para pagar, por exemplo, uma bebida ou um


almoço para um amigo, use os verbos "BUY" ou "GET". Observe os
exemplos abaixo.

 Can I buy you a drink?

 Let's go. I'll buy you lunch.

 Let me get you a beer.

Lembre-se que o verbo "TO PAY" é usado sem a preposição "FOR" nas
seguintes situações: "PAY A PERSON", "PAY A SUM OF MONEY", "PAY
A BILL". Mas devemos usar a preposição "FOR" quando você mencionar o
objeto comprado, ou seja, "PAY FOR SOMETHING YOU BUY". "PAY
FOR" pode também ter o sentido de pagar algo para alguém.

 Don't worry about that bill. I'll pay for you.

SUPPORT

Procure não utilizar a palavra "suportar" em português para traduzir o verbo


"SUPPORT" quando ele significar "dar assistência técnica", "assessorar",
"prestar serviço de atendimento ao cliente", etc. O pessoal de informática
que me perdoe mas traduzir "SUPPORT" por "suportar" nos exemplos
abaixo é "insuportável"!

 These new secure connections to remote servers let engineers proactively


support customers' systems.

 The company says it will continue to support customers who have older
versions of its software.

RESURRECTION

Em inglês, "ressurreição" se escreve com apenas um "S". Além disso, esse


"S" é pronunciado como "Z". O mesmo se aplica ao verbo "RESURRECT".
THE ENGLISH CHANNEL

Em inglês, para se referir ao braço do oceano Atlântico que se situa entre o


oeste da França e o sul da Inglaterra, diga "THE ENGLISH CHANNEL".
Em português, adotou-se a tradução da forma francesa "LA MANCHE".

 An Italian tanker carrying 6,000 tons of toxic chemicals sank in the


English Channel

INDIAN

Tenha cautela ao traduzir tanto o substantivo "INDIAN" quanto o adjetivo


"INDIAN" para o português. Em inglês, a mesma palavra é usada para se
referir aos "povos indígenas" e às pessoas nascidas na "Índia" muito embora
a expressão politicamente correta empregada atualmente no caso dos "povos
indígenas norte-americanos" seja "NATIVE AMERICANS". Observe os
exemplos abaixo.

 In 1930 Gandhi proclaimed a new and successful campaign of civil


disobedience, calling upon the Indian population to refuse to pay taxes.

 Missouri is an Algonquin Indian term meaning "river of the big canoes".

CASUALTY

Tenha muito cuidado ao utilizar a palavra "CASUALTY" pois ela pode tanto
significar um acidente que causa uma lesão grave ou morte. Observe a
definição do American Heritage Dictionary e o exemplo abaixo:

CASUALTY: An accident, especially one involving serious injury or loss of


life.

 Chechen rebels took the town in a wave of attacks that inflicted heavy
casualties on federal forces.

RESUMÉ / RÉSUMÉ

Existem palavras da língua inglesa escritas com acento? Por mais incrível
que pareça, a resposta é afirmativa! Não apenas com um mas às vezes até
com dois acentos! Algumas palavras, como "RESUMÉ" cuja origem é o
francês, mantiveram sua grafia original quando foram "emprestadas" ao
inglês. Há ainda outros exemplos de uso corrente na língua inglesa:
"CONSOMMÉ", "SAUTÉ", "TOUCHÉ", "PÂTÉ", "FIANCÉ",
"PROTÉGÉ", "BLASÉ", etc.

SUCCESS
Nenhum "sucesso" em inglês será completo se você não escrevê-lo com
duas letras "C" e duas letras "S". Sempre.

PRONÚNCIA

A dica desta semana é sobre o "fantasma" que assusta todos aqueles que
estão começando a estudar inglês e até mesmo os mais experientes no
assunto. A razão deste temor não é infundada pois, em inglês, não há lógica
quanto à pronúncia de muitas palavras.

Entretanto, existe uma regra prática que pode nos ajudar nesse tipo de
situação: as vogais não são pronunciadas como no alfabeto se forem
seguidas de duas consoantes. Em inglês, as vogais são pronunciadas assim:
A [ei], E, [i], I [ai], O [ou], U [yu]. Observe os exemplos abaixo:

APE [ei' p] - APPLE [é' pou]


LATE [lei' t] - LATTER [lé' ter]
PATIENT [pei' shant] - PASSION [pé' shon]
DINER [dai' ner] - DINNER [di' ner]
WRITE [rait'] - WRITTEN [ri' tan]
DIME [daim] - DIMMER [dim' er]
MINE [mai' n] - MINNEAPOLIS [min e ap' olis]
LOBE [lou' b] - LOBBY [ló' bi]
CURE [ky ur] - CURRENT [kã' rrent]

O mesmo se aplica a nomes próprios:

(PAUL) SIMON [sai' mon] - (JEAN) SIMMONS [si' mons]


MILES [mai' ous] (DAVIS) - (ARTHUR) MILLER [mi' ler]
(NICHOLAS) CAGE [kei' dj] - (JAMES) CAGNEY [kég' ni]
(BRAD) PITT [pit]
(SCOTTIE) PIPPEN [pip' en]

Embora os exemplos acima possam dar essa impressão, as duas consoantes


depois da vogal não precisam necessariamente ser idênticas. Os exemplos
neste caso são inúmeros:

Já sabemos que a pronúncia da vogal "i" em inglês é [ai]. Mesmo assim, ela
não é pronunciada desta forma nas palavras FIRST, BIRD, THING, THINK,
DICTIONARY, etc.

A pronúncia da letra "A" em inglês é [ei] mas não a pronunciamos assim


quando ela for seguida de duas consoantes, como nos seguintes casos:
TALK, ALWAYS, DEPARTMENT, MARK, PALM, etc.

A essa altura você já deve estar se perguntando: "Quais são as exceções?"


Em se tratando de assunto tão complexo como é a pronúncia em inglês, nem
poderia deixar de ser diferente. Portanto, essa "regra" tem algumas exceções,
dentre elas:

TABLE [tei' bl] BASS [beis] (o instrumento musical) ISLAND [ai' land]
Evidentemente, essa dica não tem a pretensão de ser a solução definitiva
para todas as dificuldades com a pronúncia das palavras em inglês. O
objetivo é fornecer uma maneira prática de aumentar a probabilidade de
acerto quando você não puder usar uma fonte de referência. Em suma, a
melhor coisa a fazer é SEMPRE consultar um bom dicionário para
esclarecer qualquer dúvida.

GUITAR

Além de "guitarra", o substantivo "GUITAR" pode também significar


"violão". Conseqüentemente, "GUITARIST" pode ser tanto "guitarrista"
como "violonista".

LOST AND FOUND

Em português, dizemos "achados e perdidos" mas preste atenção ao verter


esta expressão para o inglês pois a ordem das palavras é inversa.

OUTDOOR

Somente na língua portuguesa a palavra "outdoor" significa grande cartaz ou


painel exposto ao ar livre para fins publicitários. A origem deste termo é a
expressão inglesa "OUTDOOR ADVERTISING" que poderia ser traduzida
por "publicidade ao ar livre". Portanto, "OUTDOOR" em inglês é um
adjetivo e quer dizer "ao ar livre". Há também a palavra "OUTDOORS" que
pode ser tanto usada como advérbio (ao ar livre; fora de casa) ou como
substantivo (campo; ar livre).

Para dizer "outdoor" em inglês (esquisito, né?), diga "BILLBOARD".


Confira os exemplos abaixo.

 The hotel has 210 rooms, complete fitness facilities, VIP lounges, and an
outdoor heated pool. [O hotel tem 210 apartamentos, academia de ginástica,
saguões VIP e uma piscina aquecida ao ar livre/descoberta.]

 You should always wear suitable clothes when you go for a walk
outdoors. [Você deve sempre usar roupas apropriadas quando for andar ao ar
livre.]

 Surveys indicate that tobacco companies have increased retail store


promotions since a ban on tobacco billboard advertising took effect three
years ago. [As pesquisas indicam que as empresas de cigarro têm aumentado
as promoções no comércio varejista desde que foi proibida a publicidade de
cigarros em outdoors.]

ANALOG

Em português, “ANALOG” significa “analógico”, ou seja, aquilo que não é


digital. Não confunda “ANALOG” (analógico) com “ANALOGOUS”
(análogo; semelhante).

I DON’T UNDERSTAND

Lembre-se que alguns verbos em inglês não são normalmente utilizados nos
“CONTINUOUS TENSES”. Dentre eles, podemos destacar: “SEE”,
“UNDERSTAND”, “NEED”, “BELONG”, “BELIEVE”, “THINK” (= have
an opinion), “FEEL” (= think), “RECOGNIZE” entre muitos outros.
Observe a seguir alguns exemplos de frases em português e como elas
devem ser vertidas para o inglês:

Você está entendendo o que o orador está dizendo? (Do you understand what
the speaker is saying?)
Você não está vendo o aviso/a placa? (Don’t you see the notice/the sign?)
Você não está reconhecendo aquele homem? (Don’t you recognize that
man?)
Ela não está precisando de mais um cobertor. (She doesn’t need another
blanket).

UNDERGROUND (BrE) / SUBWAY (AmE)

Na Inglaterra o metrô é chamado de “THE UNDERGROUND” ou, de uma


maneira mais informal, de “THE TUBE”. Já nos Estados Unidos, a palavra
mais utilizada é “SUBWAY”, muito embora “METRO” seja a preferida em
algumas cidades, como em Washington, D.C. por exemplo.
A palavra “METRO” também pode ser a abreviação de
“METROPOLITAN” quando nos referimos à região metropolitana de
determinada cidade. Portanto, a expressão “METRO BUS SYSTEM” não
tem nada a ver com transporte ferroviário.

PLATFORM

Em português, existe um “A” depois do “T”. Em inglês, este “A” não existe.

PRONÚNCIA DO “H”

Quanto à pronúncia, a letra “h” das palavras “honesty” (honestidade;


franqueza, sinceridade), “hour” (hora), “honor” (honra) e “heir” (herdeiro)
serve apenas de enfeite. Portanto, o “h” dessas palavras não deve ser
pronunciado assim como o “h” inicial das palavras em português. Nas
demais palavras em inglês que começam com a letra “h”, exceto as palavras
derivadas das quatro mencionadas acima, o “h” é pronunciado. Veja a
comparação abaixo:

ENGLISH PORTUGUÊS
hotel (“h” aspirado) hotel (“h” mudo)
hospital (“h” aspirado) hospital (“h” mudo)
hockey (“h” aspirado) hóquei (“h” mudo!!!!)
humid (“h” aspirado) úmido

DUMB AND DUMBER

Você sabe o que as palavras em inglês "BOMB" (bomba), "CLIMB" (subir)


e "THUMB" (polegar) têm em comum? Essas palavras possuem aquilo que
poderíamos chamar de "B mudo", ou seja, as letras "B" não são
pronunciadas. Portanto, diga BOMB [bóm], CLIMB [claim] e THUMB
[thâm]. Isso fica ainda mais evidente e importante nas palavras BOMBER
[bómer] (avião bombardeiro) e CLIMBER [claimer] (alpinista).
Muito cuidado ao unir uma dessas palavras a outra que começe com uma
vogal: por exemplo, na frase "climb a tree", a pronúncia deve ser
[claimatree]. Não pronuncie o "B" em hipótese alguma! Existem outras
palavras que se enquadram nesta mesma categoria, entre elas "DUMB" e
"DUMBER". Justamente por isso, o título em inglês do filme "Debi e Lóide"
(DUMB AND DUMBER) pronuncia-se [dâmandâmer]. Por favor, volte ao
início deste tópico e releia seu título!

BIWEEKLY

Tenha muita cautela ao se deparar com a palavra "BIWEEKLY". Ela possui


dois significados bastante distintos:

a) Happening every two weeks.


b) Happening twice a week; semiweekly.

BY THE POUND

As expressões em português "por quilo", "por metro", etc, recebem o artigo


"THE" quando vertidas para o inglês. Lembre-se também de fazer, se
necessário, a adaptação para as unidades mais comuns utilizadas nos países
de língua inglesa. Observe os exemplos abaixo:

Cloth is sold by the yard.

Dilettante Chocolates sells award-winning chocolates by the pound.

EDUCATION
Nem sempre a palavra "EDUCATION" significa "educação". Muitas vezes,
ela quer dizer "ensino"; "escolaridade"; "grau de instrução"; "escola";
"estudos" etc. Observe os exemplos abaixo:

Public education in developed countries is a state responsibility.

The new president reduced federal funding for education.

A expressão "HIGHER EDUCATION" significa "ensino superior". Observe


os exemplos.

That is the oldest institution of higher education in the country.

He was a strong advocate of higher education for women.

IN A COMA

A versão para a expressão “em coma” é em geral “IN A


COMA”. Portanto, não se esqueça do artigo indefinido quando
for usá-la na língua inglesa.

PRONÚNCIA DO "SS"

Muita atenção ao pronunciar o “SS” de algumas palavras em inglês. Nos


exemplos abaixo, o “SS” tem som de “Z”.
POSSESSIVE * DESSERT * DISSOLVE * MISSOURI * POSSESS
O som é de “X” (como em “xícara”) nos casos abaixo:
PASSION * CESSION * SESSION * FISSION * FISSURE * MISSION *
TISSUE * RUSSIA

CAREER

Em inglês, "carreira" se escreve com um só "R". Não se deixe enganar pela


grafia de "BARRIER" e "CARRIER". Há ainda uma outra diferença
importante: no caso de "CAREER", a última sílaba é a tônica. Resumindo:

BARier
CARier
caREER

NÚMEROS

Atenção com os números em inglês! Em português, usamos a vírgula para


separar as casas decimais mas, em inglês, utiliza-se o ponto.
a)Em português: $2.550,00 * 1,12% * 18,5km
b)Em inglês: $2,550.00 * 1.12% * 18.5km
Até aqui não há grandes problemas. Porém, a confusão pode ser bem grande
principalmente quando são usadas 3 casas decimais. Observe o exemplo
abaixo:

c)Ao escrever “2,354 kg” em português, estamos nos referindo a um peso de


pouco mais de dois quilos. Em inglês, mais de duas toneladas!

ADVÉRBIOS COM SUFIXO "LY"

Muitas pessoas se confundem quanto à ortografia dos advérbios que


apresentam o sufixo “LY”. A dúvida em geral se refere ao uso de duas ou
uma letra “L” na formação do advérbio. A solução é bastante simples:
escreva o adjetivo + “LY”. Conseqüentemente, se o adjetivo terminar em
“L”, o advérbio terá duas letras “L”. Compare os exemplos abaixo:

SUCCESSFUL / SUCCESSFULLY
BEAUTIFUL / BEAUTIFULLY
CAREFUL / CAREFULLY

FORTUNATE / FORTUNATELY
GLAD / GLADLY
DESPERATE / DESPERATELY

LEND / BORROW

A confusão geralmente criada entre essas duas palavras pode ser facilmente
esclarecida: “LEND” significa “emprestar” e “BORROW” “tomar
emprestado”. Lembre-se que ao utilizar as preposições correspondentes
estamos facilitando a memorização dos significados das duas palavras. Se
precisar, use as preposições “TO” (LEND TO) e “FROM” (BORROW
FROM). Veja os exemplos abaixo:

 Can I borrow your pen?

 A loan shark is a person who lends money at exorbitant interest rates.

DISK

Os serviços chamados “disk alguma coisa” proliferam no Brasil. Os


exemplos são inúmeros: disk piada, disk fralda, disk pizza, disk abadás, disk
mensagem, etc. Lembre-se, contudo, que a palavra inglesa “DISK” não
significa “discar, telefonar”. “DISK” é mais freqüentemente usada como
substantivo e quer dizer “disco”. Confira todas as acepções deste termo
consultando um bom dicionário como, por exemplo, o Merriam-Webster
(www.merriam-webster.com/).
YOU WIN

Em português, geralmente dizemos “Você venceu!” quando aceitamos um


convite ou um argumento insistente de alguém. Ou ainda, quando
percebemos que estávamos errados e acabamos concordando com o ponto de
vista de uma outra pessoa, etc. Para transmitir o mesmo conceito em inglês,
use o verbo “TO WIN” porém no tempo presente. Sempre.

 Ok, you win! You can go to the movies now but you’ll have to do your
homework when you get back.

PRESERVATIVE

À primeira vista, a palavra “PRESERVATIVE” pode nos dar a impressão de


significar “preservativo”. Na verdade, trata-se de produto químico para
conservar alimentos. Portanto, a melhor tradução seria “conservante”.
Observe a definição do American Heritage Dictionary:
PRESERVATIVE: Something used to preserve, especially a chemical added
to foods to inhibit spoilage.
Para dizer “preservativo” em inglês, use a palavra “CONDOM”.

WEAR / WARE

Não se confunda com as homófonas “WEAR” e “WARE”. Além de outros


significados, o substantivo “WEAR” quer dizer “artigo de vestuário” ou
“roupas” na expressão “MEN’S WEAR”. Observe também o uso de
“WEAR” nas expressões “FOOTWEAR” (calçados) e “RAINWEAR”
(roupas impermeáveis).
A palavra “WARE” é usada para descrever um conjunto de peças do mesmo
tipo, fabricadas com o mesmo material ou usadas para o mesmo fim.
Portanto, “SILVERWARE” (talheres, prataria); “EARTHENWARE”
(cerâmica); “TABLEWARE” (louça, talheres, etc. usados à mesa).

STRATEGY / STRATEGIC

Apesar de terem o mesmo radical, as palavras "STRATEGY" (substantivo) e


"STRATEGIC" (adjetivo) são pronunciadas de maneira diferente. No caso
de "STRATEGY", a primeira sílaba é a tônica [STRAT-e-ji] ao passo que em
"STRATEGIC", a segunda sílaba além de ser a tônica é pronunciada "ti"
[stra TI jik].

SALUTATIONS II

Ao enviar correspondência em inglês, não tente adivinhar o sexo das pessoas


se você não tiver certeza absoluta de que o nome é de fato masculino ou
feminino. Por exemplo, use "Dear Mr/Mrs Smith" quando mandar uma carta
a uma pessoa chamada Terry Smith. Veja o porquê:

1) Em inglês, alguns nomes podem ser usados para ambos os sexos:

 Terry (Terence / Theresa)

 Pat (Patrick / Patricia)

 Chris (Christoper / Christian / Christine)

 Sam (Samuel / Samantha)

Observe os seguintes exemplos reais:

 Lee Marvin (homem - ator)

 Lee Remick (mulher - atriz)

 Pat Metheny (homem - guitarrista e compositor)

 Pat McCormick (mulher - campeã olímpica de saltos ornamentais)

 Chris Evert (mulher - ex-tenista)

 Chris Patten (homem - ex-governador de Hong Kong)

2) Em alguns casos, como em nomes estrangeiros, por exemplo, não é fácil


definir se o nome é masculino ou feminino. Você saberia dizer quais dos
nomes abaixo são masculinos?

1) Ira Aldridge
2) Joan Crawford
3) Ty Cobb
4) Gail Borden
5) Dyan Cannon
6) Guy Lafleur
7) Christy Mathewson
8) Teri Garr
9) Lynn Redgrave
10) Sigrid Thornton

RESPOSTAS DO TESTE:
1) Ira Aldridge (homem)
2) Joan Crawford (mulher)
3) Ty Cobb (homem)
4) Gail Borden (homem)
5) Dyan Cannon (mulher)
6) Guy Lafleur (homem)
7) Christy Mathewson (homem)
8) Teri Garr (mulher)
9) Lynn Redgrave (mulher)
10) Sigrid Thornton (mulher)

DEPEND ON

Muito embora, em português, a preposição usada com o verbo "depender"


seja "de", em inglês, a preposição que deve ser usada é "ON". Portanto,
jamais diga "DEPEND OF"!!!

A preposição "UPON" também pode ser utilizada. Observe os exemplos


abaixo:

 The national economy depends upon agriculture.

 In general, that depends upon your personal preference.

CONSISTENT

Em português, "consistente" se refere àquilo que é espesso, sólido, rígido.


Portanto, prefira utilizar "coerente" ou "constante". Observe os exemplos
abaixo:

 The testimony was consistent with the known facts.

 Several European countries were consistently engaged in maritime wars


until the end of the 18th century.

COMFORTABLE

Em português devemos usar o "M" antes de "P" e "B". Essa regra,


entretanto, não se aplica à língua inglesa. Portanto, não se esqueça de que o
adjetivo "confortável" e o substantivo "conforto" são escritos com a letra
"M" em inglês: "COMFORTABLE" e "COMFORT".

INFLAMMABLE / FLAMMABLE
As duas palavras acima, ao contrário do que possa parecer, querem dizer a
mesma coisa. Tanto "FLAMMABLE" quanto "INFLAMMABLE" querem
dizer "inflamável".

MARRY

Em português, geralmente usamos o verbo "casar-se" seguido da preposição


"com". Contudo, em inglês, o verbo "MARRY" é usado sem preposição.
Observe os exemplos abaixo:

 Susan married a lawyer.

 Will you marry me?

Quando não houver objeto direto, a forma "GET MARRIED" é a mais


utilizada.

 Susan and Michael got married last summer.

Somente use a preposição "TO" com as formas "GET MARRIED" e "BE


MARRIED" quando houver um complemento, como por exemplo nas frases
abaixo:

 He's been married to Monica for ten years.

 Peter got married to Alice in 1989.

LIE / LAY

Os verbos "LIE" e "LAY" costumam causar grande confusão. Vamos acabar


com esse problema de uma vez por todas:

Em parte, a confusão é causada porque o verbo "TO LIE" tem dois


significados. Quando significa "mentir", o verbo "to lie" é regular. Portanto,
não há grandes problemas: "to lie - lied - lied". Quando significa "deitar(-
se); reclinar-se; jazer", o verbo "lie" é irregular, "to lie - lay - lain".

O verbo "TO LAY" (pôr) usado, entre outras, nas expressões "lay eggs" e
"lay the table", também é irregular: "to lay - laid - laid". Vamos resumir e
incluir o gerúndio que muitas vezes também causa problema: a) LIE - LIED
- LIED - LYING (mentir) b) LIE - LAY - LAIN - LYING (deitar) c) LAY -
LAID - LAID - LAYING (pôr)

ZERO
Você sabe de quantas maneiras podemos dizer o algarismo "0" em inglês?
Vamos contar:

1) OH

Ao "soletrar" um número de telefone em inglês, em geral dizemos "OH"


(pronuncia-se como a palavra "ou" em português). Por exemplo, para
"soletrar" o número de telefone 555-4082, diga: [five-five-five; four-oh,
eight-two].

2) NOUGHT or NAUGHT

Para números em geral, podemos dizer "nought". Isso vale apenas na


Inglaterra. Nos Estados Unidos, usa-se a palavra "zero" [pronuncia-se
"zírou"].

3) ZERO

Quando falamos de temperatura em inglês usamos a palavra "zero". Observe


o exemplo abaixo:

 The temperature was seventeen degrees below zero.

4) --

Na edição do Tecla SAP da semana passada vimos que para falarmos


números decimais em inglês não é necessário pronunciar o zero. Por
exemplo, para falar o número decimal 0.78, diga simplesmente (point
seventy-eight). Também podemos dizer (oh point seventy-eight).

5) LOVE

É isso mesmo! No tênis, "LOVE" é igual a "ZERO". Portanto, para dizer as


parciais de uma partida de tênis que terminou 6-2, 6-0, diga [six two, six
love]. Ou ainda, para informar o placar parcial de um "game": 15-0 [fifteen
love].

6) NIL

Para os outros esportes, principalmente na Inglaterra, usa-se a palavra


"NIL". Portanto, um resultado de uma partida de futebol pode ser dado desta
forma: "the score was two nil".

7) NOTHING

A palavra "NOTHING" é também usada para descrever o resultado de um


evento esportivo. Veja o exemplo abaixo:
TIME / WEATHER / TENSE / TEMPO

A palavra "tempo" em português pode ser vertida para o inglês de três


maneiras diferentes: Quando você quiser se referir à medida cronológica,
use sempre a palavra "TIME". Ao se referir às condições climáticas, a
palavra correta é "WEATHER". Já para descrever um tempo verbal, use
"TENSE". Observe os exemplos abaixo:

 Do you know what time it is?

 What was the weather like in Seattle?

 Put the following sentences into the Simple Past Tense.

Em inglês, a palavra "TEMPO", de origem italiana, é usada em música e


deve ser traduzida por "andamento" em português.

ANECDOTE

Embora os dicionários em inglês também incluam em suas definições de


"anecdote" o aspecto humorístico ou jocoso que a palavra adotou em sua
evolução semântica no português, na grande maioria das vezes "anecdote"
deve ser traduzida por "história ou caso interessante". Lembre-se que, em
inglês, "anecdote" pode até ser o relato de uma história triste. Observe a
definição do American Heritage Dictionary: "A short account of a particular
incident or occurrence of an interesting or humorous nature."

 He preceded his lecture with a humorous anecdote.

Para dizer "piada" ou "anedota" em inglês, prefira os termos "joke" ou


"humorous anecdote".

INFORMATION

Assim como "ADVICE" e algumas outras palavras da língua inglesa,


"INFORMATION" não é usada no singular. Portanto, "INFORMATION"
deve ser sempre traduzida por "informações". Logo, se você vir uma placa,
num aeroporto por exemplo, dizendo "INFORMATIONS", tenha muito
cuidado!!!

Caso você precise utilizar a palavra "INFORMATION" no singular, existe


um recurso muito usado em inglês. Observe o exemplo abaixo:

 Users can look through data to find "a particular piece of information",
such as a user name, e-mail address, or "other contact information".
Resumindo:

- A PIECE OF INFORMATION (uma informação)


- INFORMATION (informações)

IN THE BLACK

Nem sempre as cores são empregadas com o mesmo sentido em inglês e em


português. Observe as expressões abaixo e suas versões:

 olho roxo = BLACK EYE

 mancha roxa (hematoma) = BLACK AND BLUE MARK

 no azul (diz-se da empresa próspera) = IN THE BLACK

 no vermelho = IN THE RED

PLANT

Use a palavra "planta" para traduzir o substantivo "PLANT" somente


quando ele se referir a um vegetal, ou a uma representação gráfica de uma
edificação (BLUEPRINT). Traduza por "fábrica" no primeiro exemplo,
"usina" no segundo e "estação" no terceiro.

 Their plants were the scenes of violent strikes that produced a


strengthened labor movement.

 Thomas Alva Edison installed the world's first central electric power
plant in New York City.

 The government allocated funds for the construction of a new waste


water treatment plant.

RESPONSIBLE

Seja bastante "responsável" e escreva em inglês "RESPONSIBLE" e


"RESPONSIBILITY". Preste atenção à terminação "ável" em português que,
neste caso, se transforma em "IBLE" nas palavras em inglês.

SALUTATIONS

Em inglês, usamos as seguintes formas de tratamento em correspondência


comercial:

 Dear Mr Thompson (homem cujo nome é conhecido)


 Dear Mrs Doubtfire (mulher casada cujo nome é conhecido)

 Dear Miss Appleton (mulher solteira cujo nome é conhecido)

 Dear Ms Miller (mulher solteira ou casada cujo nome é conhecido - esta


forma vem sendo mais usada recentemente por não revelar o estado civil e
nem causar constrangimentos desnecessários no mundo dos negócios)

 Dear Sir (para homem cujo nome é desconhecido)

 Dear Madam (para mulher cujo nome é desconhecido)

 Dear Sir or Madam (pessoas cujos nome e sexo são desconhecidos, por
exemplo, para os casos em que sabemos somente o cargo da pessoa)

 Dear Mr/Mrs Milton (para pessoas que assinam seus nomes somente
com a inicial do prenome mais o sobrenome. Por exemplo, "S. Milton" pode
tanto ser "Sarah Milton" como "Sidney Milton". Nestes casos é melhor não
arriscar, prefira usar a opção "Dear Mr/Mrs Milton".)

Há ainda os casos em que os próprios prenomes podem nos levar a deduzir


incorretamente o sexo da pessoa. Mas isso fica para uma próxima dica.

BRAKE / BREAK

Não confunda o "BRAKE" de "brake light" com o "BREAK" de "coffee


break". Apesar de serem pronunciadas da mesma forma, as grafias e os
significados destas palavras são bem diferentes! Atenção também com a
grafia de "COFFEE".

SPEAKING

Diga "SPEAKING." quando você atender o telefone e a pessoa do outro


lado da linha disser que gostaria de falar com você mesmo. No exemplo
abaixo, o telefone toca em sua casa e você atende:

You: "Hello."
Caller: "Is this [your name]?"
You: "Speaking. And you are?"
Caller: "Oh, I’m Jim."
You: "Hi, Jim. How are you doing?"
Caller: "Just fine. Listen, [your name], I was just wondering whether you’d
like to..."

EVER
Tenha muita cautela quando precisar usar o advérbio "EVER" na língua
inglesa. Dependendo de como ele for usado, pode significar "sempre" mas
pode também querer dizer "nunca" quando for usado com um verbo na
forma negativa. Confira os exemplos abaixo.

 She is ever hopeful that she will move back to California. (sempre)

 He hasn’t ever been to Europe. (nunca)

SHOPPING

A palavra "shopping" vem sendo usada nos últimos anos no Brasil como
sinônimo de centro comercial que congrega lojas, restaurantes, cinemas e
estacionamento dentro do mesmo espaço físico. Embora não seja errado
dizer "SHOPPING CENTER" nos Estados Unidos, "(SHOPPING) MALL"
é a forma mais comum.
O problema ocorre na hora de usarmos a forma abreviada. Se você quiser
usar apenas uma palavra, diga "MALL". Na língua inglesa, "SHOPPING"
significa, entre outras coisas, o ato de fazer compras. Confira os exemplos
abaixo.

 For many women, make-up shopping is addictive. [Para muitas mulheres,


comprar maquiagem vicia.]

 I usually go shopping once a week, on Saturday mornings. [Costumo


fazer compras uma vez por semana aos sábados de manhã.]

 Maybe I’ll go to the mall tomorrow and look around. [Talvez eu vá ao


shopping amanhã e dê uma olhada.]

DISMAY

A semelhança é de fato muito grande, mas "DISMAY" não quer dizer nem
"desmaio" e nem "desmaiar". Quando usada como substantivo, esta palavra
significa "desânimo", "desalento", "susto", "terror", etc. Observe que ela
também pode ser usada como verbo com os mesmos significados. Para dizer
"desmaiar" em inglês, use os verbos "TO FAINT" ou "TO PASS OUT".
Confira os exemplos abaixo.

 The French Prime Minister said that the entire nation was in dismay
when it heard of the attacks. [O Primeiro Ministro francês declarou que a
nação inteira ficou aterrorizada quando recebeu as notícias sobre o ataque.]

 Hundreds of consumers gathered together to express dismay about the


company's decision to discontinue the product. [Centenas de consumidores
se reuniram para expressar sua consternação em relação à decisão da
empresa de suspender a fabricação do produto.]
Para conferir todos os significados desta palavra, consulte um bom
dicionário como, por exemplo, o Merriam-Webster

MOUSE

Quantas vezes falamos "mouse" na língua portuguesa para nos referir ao


pequeno instrumento que utilizamos para movimentar o cursor na tela do
computador? Como sempre acontece com os anglicismos, palavras oriundas
da língua inglesa introduzidas em outra língua, nós acabamos abrasileirando
sua pronúncia com base nas palavras existentes em nossa língua materna.
Portanto, "MOUSE" virou "mauzi". Essa forma fica tão enraizada que acaba
sendo usada inadvertidamente quando falamos inglês. Lembre-se, contudo,
que a pronúncia correta desta palavra é [maus], ou seja, como pronunciamos
o plural do adjetivo "mau".

OIL

“OIL” nem sempre quer dizer “óleo” porque, às vezes, esta palavra pode
significar “petróleo”. A palavra “PETROLEUM” também pode ser utilizada.

Observe os exemplos abaixo:


In 1991 Iraq set fire to two Kuwaiti oil refineries and fired an oil field near
Kuwait’s border with Saudi Arabia.
Some Arab nations cut back oil production in 1973.

THE

Não se esqueça de omitir o artigo definido "THE" nas frases em


que falamos genericamente sobre uma classe de pessoas,
animais, objetos, etc. Na língua portuguesa, os artigos definidos
são necessários nesses casos mas não são usados na língua
inglesa, como podemos observar nos exemplos abaixo.

Measles is a contagious disease. [O sarampo é uma doença


contagiosa.]

Elephants never forget. [Os elefantes jamais esquecem.]