Вы находитесь на странице: 1из 53

Vida Longa e Cidadania:

Conhecendo as Políticas Públicas para Pessoa Idosa de São Paulo

Refferson Lima
Pilares de Governo Aberto
TRANSPARÊNCIA PARTICIPAÇÃO
garantir a transparência por meio do ampliar os processos de participação
acesso às informações públicas na tomada de decisões

INOVAÇÃO INTEGRIDADE
fomentar a criação e uso de desenvolver processos que
ferramentas de inovação estimulem a integridade e
tecnológica e social responsabilização do poder
público e seus agentes
O Programa foi criado pela Prefeitura de São
Paulo para descentralizar a temática de
Governo Aberto entre a população.

A ideia é que os munícipes que têm


conhecimentos sobre governo aberto
compartilhem esses saberes com a população.

Em 2019, a Prefeitura selecionou 32


munícipes que se tornaram Agentes de
Governo Aberto.
Nessa edição, os 32 Agentes irão realizar oficinas em todas as regiões da
cidade para um público bastante diversificado!

Ao todo, serão realizadas mais de 1.000 horas de oficinas!

As oficinas são gratuitas e os participantes recebem certificado no final.


São 6 categorias, vários temas…

Categoria 5: Educação para Cidadania, Controle Social e Mecanismos de


Combate à Corrupção

O IPTU em São Paulo: como entender e acompanhar?

Política por elas: formação participativa para mulheres

Vida Longa e Cidadania: Conhecendo as Políticas Públicas para Pessoa Idosa em


São Paulo

Uma cidade, diversos olhares: utilizando ferramentas de governo aberto e


cocriação

O Jogo do Dinheiro na Política

Mobilização cidadã e controle social na gestão colaborativa de espaços públicos

As oficinas são gratuitas e os participantes recebem certificado no final.


Vida Longa e Cidadania:
Conhecendo as Políticas Públicas para Pessoa Idosa de São Paulo

Esta oficina pretende levar você a conhecer os direitos das pessoas idosas presentes no Estatuto do Idoso –
Lei nº 10.741 de 2003 e outras legislações, bem como as formas de acesso a esses direitos.

Ela não foi pensada apenas para as pessoas idosas, mas para todos que acreditam que devemos proteger os
idosos contra qualquer tipo de violência, informando todas as formas existentes e auxiliando, ainda, na
identificação das entidades onde se pode buscar ajuda.

Constituição Federal – Artigo 230: “A família, a


sociedade e o Estado têm o dever de amparar as
pessoas idosas, assegurando sua participação na
comunidade, defendendo sua dignidade e bem-
estar, e garantindo-lhes o direito à vida.
O que são Políticas Públicas ?

Políticas públicas são conjuntos de


programas, ações e decisões tomadas pelos
governos (nacionais, estaduais ou municipais)
com a participação, direta ou indireta, de
entes públicos ou privados que visam
assegurar determinado direito de cidadania
para vários grupos da sociedade ou para
determinado segmento social, cultural, étnico
ou econômico.
A Pessoa Idosa
Pessoa Idosa é quem tem 60 anos ou mais.
Como um cidadão com direitos e obrigações, toda
pessoa idosa tem a garantia de participação ativa na
família, na sociedade e na comunidade.

As pessoas idosas têm direitos previstos em lei, que devem ser garantidos e respeitados por todos.

É obrigação da família, da comunidade, da sociedade e do Poder


Público assegurar ao idoso, com absoluta prioridade, a efetivação do
direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação, à cultura, ao esporte,
ao lazer, ao trabalho, à cidadania, à liberdade, à dignidade, ao respeito
e à convivência familiar e comunitária.
(Art. 3º do Estatuto do Idoso)
Fonte: Fundação Seade, 2019
Projeção Populacional Brasileira
Projeção Populacional Brasileira - Homens
Projeção Populacional Brasileira - Mulheres
Aumento da Expectativa de Vida
População São Paulo (município)
11.811.516 habitantes

População Idosa São Paulo


(município)
1.792.857 habitantes ou 15%

Fonte: Fundação Seade, 2019


Quais atendem ao idoso?
▪ Constituição Federal - 1988
▪ Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS) - 1993
▪ Política Nacional do Idoso – 1994
▪ Plano de Ação Internacional para o Envelhecimento (Madri) - 2002
▪ Estatuto do Idoso – 2003
▪ Política Nacional de Assistência Social (PNAS) - 2004
▪ Sistema Único de Assistência Social (SUAS) – 2005
▪ Política Estadual do Idoso – 2007
▪ Plano Estadual para a Pessoa Idosa Futuridade - 2008
▪ Programa São Paulo Amigo do Idoso – 2012
▪ Compromisso Nacional para o Envelhecimento Ativo - 2013
▪ Convenção Interamericana Sobre a Proteção dos Direitos Humanos dos Idosos – 2015
SUAS – Sistema Único de Assistência Social
Assistência Social

É política de garantia de direitos que opera programas, serviços e benefícios para:

• Prevenir/reduzir situações de risco social e pessoal;


• Proteger pessoas e famílias em situações de vulnerabilidade;
• Criar medidas e possibilidades de socialização e inclusão social.
SUAS – Sistema Único de Assistência Social
Proteção Básica
Trata-se do primeiro nível de proteção, sendo destinada à prevenção de riscos sociais e pessoais a indivíduos e
famílias em situação de vulnerabilidade social.

NCI - 90

CCINTER - 15

Centro de
Referência -1
Alimentação
Domiciliar - 1
Proteção Básica
❏ CRAS

Núcleo de Convivência de Idosos (NCI’s): Acompanhamento domiciliar e convivência por meio de oficinas e palestra

● 90 unidades

Centro de Convivência Intergeracional(CCINTER): Atividades intergeracionais com o objetivo de fortalecer vínculos


familiares, comunitários.

● 15 unidades

Centro de Referência do Idoso(CRECI@): Atividades de convivência por meio de oficinas diversificadas e atendimento
territorial ampliado.
● 1 unidade

Alimentação Domiciliar para a Pessoa Idosa: Alimentação domiciliar e acompanhamento social a idoso com saúde
fragilizada e dificuldade de suprir suas necessidades nutricionais.
● 1 unidade (Demanda identificada e encaminhada pelo CRAS)
Proteção Especial
Trata-se do segundo nível de proteção destinada a famílias e indivíduos que já estão em situação de risco, e que
tiveram seus direitos violados por ocorrência de abandono, rompimento dos vínculos familiares e etc.

ILPI - 14
CDI - 16
Centro POP - 6
Proteção Especial
❏ CREAS

Instituição de Longa Permanência para Idosos (ILPI): alta complexidade destina-se ao acolhimento de pessoas
idosas com diferentes necessidades e graus de dependência, com vínculos familiares fragilizados ou rompidos, em
situações de negligência familiar ou institucional.

● 14 unidades

Centro Dia para Idosos – (CDI) média complexidade: atenção diurna de pessoas idosas em vulnerabilidade social e
com grau de dependência que necessitam de equipe multidisciplinar para cuidados pessoais, fortalecimento de vínculos
e ampliação de autonomia.

● 16 unidades

As vagas são referenciadas nos Centros de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) e Centros de Referência de Assistência
Social (CRAS), e também podem ser viabilizadas por meio de encaminhamentos do Ministério Público ou Poder Judiciário.
Proteção Especial

O Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP) tem o propósito de
atender famílias e indivíduos nas mais diversas situações de vulnerabilidade social ou violação de direitos.

● 6 unidades

Rede Socioassistencial do Centro Pop

Centro de Acolhida Especial para Idosos (CAEI) alta complexidade: acolhimento de pessoas idosas em situação de
rua com o objetivo de acolher e garantir proteção integral, contribuindo para sua reinserção social e inclusão social.
● trabalham em parceria com as ILPI’S
Saúde
Dentre os direitos à saúde assegurados à pessoa idosa, destacam-se:

● Nas internações hospitalares a pessoa idosa tem direito à acompanhante em tempo integral e, a este,
deverão ser garantidas as refeições e pernoites em condições adequadas;
● Receber gratuitamente medicamentos, em especial os de uso continuado, assim como órteses,
próteses e outros recursos relativos ao tratamento, habilitação ou reabilitação;
● Quando for necessário, a pessoa idosa tem direito ao atendimento domiciliar; Os reajustes dos planos
de saúde, em razão da idade, são válidos desde que:
(1)haja previsão contratual;
(2)sejam observadas as normas expedidas pelos órgãos governamentais reguladores;
(3) sejam aplicados em percentuais razoáveis e com base em cálculo atuarial idôneo, de modo que não representem
oneração excessiva ou discriminação.
● A principal porta de entrada do SUS são as Unidades Básicas de Saúde e as Equipes de Saúde da
Família. Ao procurar algum desses serviços, você inicia a sua linha de cuidado no SUS.
Saúde
Quais os serviços?
Rede de Atenção a Saúde da Pessoa Idosa de São Paulo – RASPI

+ ILPI (Instituições de Longa Permanência para Idosos)


+ Centros - Dia
Saúde
Programa Acompanhante de Idosos - PAI

● 41 equipes
● Divididas nas Coordenadorias de Saúde do município
● Assistente Social, Médico, Equipe de Enfermagem, Acompanhantes de Idosos, Administrativo e Motorista

PAI/Coordenadorias de Saúde - São Paulo (município)

Sudeste Centro Oeste Leste Norte Sul

8 equipes 3 equipes 6 equipes 5 equipes 7 equipes 9 equipes


Saúde
Unidade de Referência à Saúde do Idoso - URSI

● 10 equipes
● A Equipe Interprofissional constitui o Núcleo de Atenção Integral à Saúde do Idoso
● A equipe gerontológica é composta idealmente pelos seguintes profissionais com especialização em Gerontologia ou
Geriatria: Assistente Social, Enfermeiro, Fisioterapeuta, Fonoaudiólogo, Médico Geriatra, Nutricionista, Psicólogo e
Terapeuta Ocupacional. Outros profissionais fundamentais são Auxiliar Técnico Administrativo e Auxiliar de Enfermagem,
estes não necessitando de formação específica.

URSI/Coordenadorias de Saúde - São Paulo (município)

Sudeste Centro Oeste Leste Norte Sul

2 equipes 1 equipe 1 equipe 1 equipe 2 equipes 3 equipes


Saúde
Como solicitar Medicamentos?

Só na UBS ou AMA ?
Saúde
Como solicitar Medicamentos?
Saúde
Programa Remédio em Casa (PRC) O Programa Remédio em Casa (PRC) da Secretaria Municipal
da Saúde de São Paulo (SMS/SP) consiste na entrega
domiciliar de medicamentos em quantidades suficientes para o
período de 90 dias; para portadores de doenças/ patologias
crônicas; estáveis e controlados clinicamente; em
acompanhamento nas Unidades de Saúde.

Hidroclorotiazida 25mg
Propranolol 40mg
Atenolol 50mg
Captopril 25mg
Enalapril 20mg
Enalapril 5 mg (inclusão em 15/01/07)
Nifedipino 20mg
Anlodipino 5mg
Acido acetilsalicílico 100mg
Metformina 850mg
Metformina 500mg (inclusão em 18/01/10)
Glibenclamida 5mg
Gliclazida 30mg (inclusão em 18/01/10)
Sinvastatina (inclusão em 13/07/09)
Sinvastatina 10 mg (inclusão em 01/03/11)
Levotiroxina 25 mcg (inclusão em 12/07/10)
Levotiroxina 50 mcg (inclusão em 12/07/10)
Levotiroxina 100 mcg (inclusão em 12/07/10)
Losartana potássica 50 mg (inclusão em 01/03/11
Saúde
Como solicitar fraldas geriátricas pelo Sistema Único de Saúde?

Você deve se dirigir à sua unidade de saúde para obter o laudo médico necessário
para a solicitação de fraldas, com cópias e originais dos seguintes documentos:

a) CPF;
b) Cartão SUS;
c) Carteira de Identidade e
d) Comprovante de endereço.

A unidade de saúde encaminhará você para o local em que ocorre o cadastramento


no seu município.
Saúde
Como solicitar Órteses e Próteses?
Quando uma pessoa com deficiência ou suspeita de de- ficiência (auditiva, física,
intelectual, visual e estomia) é atendido pela sua unidade de saúde de referência
(Unidade Básica de Saúde ou Equipe de Saúde da Família), deve ser encaminhado à
Secretaria Municipal de Saúde, onde será feita a solicitação para avaliação por uma
Unidade de Reabilitação.

Essa solicitação é realizada por meio de uma inscrição, requerendo que o paciente
ou responsável legal leve os seguintes documentos:

• original e cópia da carteira de identidade do paciente;


• original e cópia do CPF do paciente;
• original e cópia do comprovante de residência;
• original e cópia do cartão SUS do paciente;
• encaminhamento por um profissional do SUS;
• exame de audiometria, nos casos de deficiência auditiva;
• laudo médico com diagnóstico e indicação de material (nos casos de
estomia e incontinência urinária).
Saúde

PICS
Saúde
Saúde

As Práticas Integrativas e Complementares (PICS) são tratamentos que utilizam recursos terapêuticos baseados em conhecimentos
tradicionais, voltados para prevenir diversas doenças como depressão e hipertensão. Em alguns casos, também podem ser usadas
como tratamentos paliativos em algumas doenças crônicas.

Atualmente, o Sistema Único de Saúde (SUS) oferece, de forma integral e gratuita, 29 procedimentos de Práticas Integrativas e
Complementares (PICS) à população. Os atendimentos começam na Atenção Básica, principal porta de entrada para o SUS.

Apiterapia Hipnoterapia Plantas Medicinais - Fitoterapia


Bioenergética
Homeopatia Meditação Quiropraxia
Aromaterapia Terapia Comunitária
Constelação Familiar
Musicoterapia Integrativa
Arteterapia Imposição de Mãos Reflexoterapia
Cromoterapia
Naturopatia Terapia de Florais
Ayuverda Medicina Antroposófica Reike
Dança Circular
Termalismo (Crenoterapia)
Biodança Medicina Chinesa - Acupuntura Osteopatia Shantala
Geoterapia
Ozônioterapia Yoga
Dança Sênior

Lian Gong
Educação, Esporte e Lazer
● Todos os idosos têm direito a desconto de 50% nos ingressos para eventos artísticos, culturais,
esportivos e de lazer, além de acesso preferencial aos locais desses eventos.

● As escolas devem incluir em seus currículos temas como o processo de envelhecimento, o respeito ao
idoso e sua valorização.

● O poder público deve apoiar a criação de universidade aberta para idosos e a publicação de livros e
periódicos voltados para eles. Deve também adequar currículos, metodologias e material didático aos
cursos destinados aos idosos para que eles tenham acesso facilitado à educação, incluindo conteúdo
relativo às técnicas de comunicação, de modo a integrá-los à vida moderna.

● Os meios de comunicação têm de manter espaços ou horários especiais para os idosos e também
informar o público sobre o processo de envelhecimento.
Educação, Esporte e Lazer

• Campus Cida Universitária – Butantã


• Escola de Artes, Ciências e Humanidades – EACH/USP Leste
• + 6 outros Campus no interior

• Campus São Paulo


• Campus Santo Amaro
• Embu das Artes
Educação, Esporte e Lazer
Por meio de atividades físicas e desportivas, os Jogos Regionais do Idoso
(JORI) têm o objetivo de promover a integração do idoso na sociedade e
valorizar e estimular a prática da atividade física como fator de saúde e bem-
estar. Idealizados por Dona Lila Covas em 1996, os JORI possuem 14
modalidades adaptadas para o público idoso: atletismo, bocha, buraco,
coreografia, damas, dança de salão, dominó, malha, natação, tênis, tênis de
mesa, truco, voleibol e xadrez.

• Como participar

Ter no mínimo 60 (sessenta) anos de idade e atuar em projetos sociais


desenvolvidos ou apoiados pelo Fundo Social de seu município.

• Participações

Em 2016, as 8 etapas regionais realizadas em todo o interior do Estado


reuniram 13.549 atletas de 362 municípios. Em 2017, 402 municípios e 15.953
competidores de todo Estado. Já, em 2018, 378 municípios e 13.704
competidores de todo o Estado participaram.
Inclusão Digital
Rede FAB LAB Livre São Paulo

Telecentros
Trabalho
● Não pode haver discriminação do idoso nem fixação de limite de idade para um
cargo ou concurso, a não ser em casos específicos.

● Nos concursos, o primeiro critério de desempate é a idade, com preferência para


o mais velho.

● Os governos devem criar e estimular programas de profissionalização para


idosos; preparar os trabalhadores para a aposentadoria, no mínimo um ano antes,
estimulando projetos sociais e prestando esclarecimento sobre direitos sociais e
cidadania; e estimular as empresas privadas a contratar idosos.
Trabalho
Moradia
● O programa prevê a construção de
empreendimentos projetados para atender idosos
que vivem sozinhos, em situação de vulnerabilidade
social, moream no município há pelo menos 2 anos
e possuam renda per capita de até 2 salários
mínimos.
● Na primeira etapa, serão viabilizadas 152 unidades
habitacionais em seis municípios. Os
empreendimentos serão construídos em:
● Barretos (28 casas)
● Bauru (22 casas)
● Bragança Paulista (28 casas)
● Santa Bárbara d’Oeste (28 casas)
● São José do Rio Pardo (26 casas)
● São Roque (20 casas)
Programas de Transferência de Renda
Programas de Transferência de Renda
BPC
Benefício de Prestação Continuada

ONDE SOLICITAR O BENEFÍCIO?


O requerente poderá obter orientações no
Centro de Referência de Assistência Social (CRAS)
da sua região. A concessão é realizada pelo INSS.
É necessário agendamento para entrega da
documentação, através do telefone 135.

QUAL É O VALOR DO BENEFÍCIO?


Um salário mínimo, pago pela rede bancária,
por meio de cartão magnético.

QUAIS OS REQUISITOS PARA RECEBER O BPC?


Para idosos:
- Ter 65 (sessenta e cinco) anos ou mais de idade;
- Não receber nenhum benefício previdenciário;
- Renda familiar inferior a ¼ (um quarto) do salário
mínimo por pessoa.
.
DOCUMENTOS PARA A SOLICITAÇÃO
• Certidão de nascimento ou casamento; ou Carteira de Identidade;
• CPF (se possuir);
• Comprovante de residência atualizado;
• Documento legal nos casos de: procuração, guarda, tutela ou curatela.
Segurança
Delegacia do Idoso
Ouvidoria da Câmara Municipal de São Paulo
Promotoria de Justiça de Direitos Humanos - Idoso
Defensoria Pública - Núcleo Especializado de Direitos do Idoso e da Pessoa com
Deficiência
Defensoria Pública - Centro de Atendimento Multiprofissional - CAM
Ouvidorias (SUS, ANS, ANTT)
Ouvidoria (Câmara Municipal de São Paulo)
Ouvidoria (Secretaria de Estado da Saúde)
Disque 100 (Opção Idoso)
App Projeta Brasil
Gostou do
Programa Agentes
de Governo
Aberto? Quer indicar um local para receber mais
oficinas? Entre em contato com a
Acesse o calendário e participe das Supervisão para Assuntos de Governo Aberto
próximas oficinas: Telefone: 3113-8525 / 8553
www.bit.ly/sitegovabertocidadesp E-mail:
agentegovernoaberto@prefeitura.sp.gov.br