Вы находитесь на странице: 1из 10

Project

Mayhem

Beltane
07/Novembro/2019

Projeto Mayhem

1
Project
Mayhem

2
Project
Mayhem

Proposta Ritualística
de Beltane
07 de Novembro de 2019, 15:00 O objetivo desta proposta é iniciar uma prática
- Sol no 15º de Escorpião. ritualística própria, que se valha de Elementos Mágicos
tradicionais e que permita aos praticantes i) o contato com
Por Tiamat e Qos, para o Projeto Mayhem. energias reais e que auxiliem o desenvolvimento pessoal;
ii) reforço de uma egrégora anciã; e iii) a manifestação
prática de energias naturais de harmonização.
Índice.
II. Egrégoras.
I. Magia Ritualística.
II. Egrégoras. Inúmeras são as possibilidades de definições do
III. A Roda do Ano. termo egrégora. Trabalharemos, de forma simplificada,
IV. Beltane. com a perspectiva de uma construção mágica oriunda
V. Proposta de Ritual. das atividades de duas ou mais pessoas em conjunto.

I. A Magia Ritualística.
III. A Roda do Ano.
A “Magia Ritualística” ou “Magia Ritual” é um braço
da Magia que trabalha com a concatenação de atos para A Roda do Ano é uma série de oito rituais chamados
a obtenção de determinados objetivos. Existem diversas Sabbats celebrados ciclicamente durante o ano em
tradições mágicas que se valem da Ritualística e diversas momentos específicos: nos dois solstícios, nos dois
que não dão tanta atenção a ela. Como exemplo de equinócios e nos quatro meios de estação. Trata-se de
tradições que se valem da ritualística, podemos citar alguns dos rituais mais antigos da humanidade e que
desde as missas (cristãs ou gnósticas) até ritos pagãos e foram incorporados em inúmeras religiões, de forma
de matriz africana. que, a um só tempo, eles cumprem os requisitos de
O Ritual tem como fundamento teórico a utilização existência em uma base objetiva real e natural (eventos
de atos que causam no Magista a mudança desejada. Por astrológicos e estações do ano) e acúmulo de energia
isso é importante que não existam atos desnecessários e pela prática repetida.
nem faltem atos necessários. Pensem no Ritual como uma Não podemos reforçar isso o suficiente: Os
linguagem de sons, perfumes, cores, sabores, emoções, Sabbats são festividades que carregam quantidade
pensamentos e energias que conectam o Magista a outro incomensurável de energia e devem ser aproximados
plano. Mude o processo e o resultado muda. com reverência e devoção.
Além disso, a prática constante dos ritos permite O Estudo dos Sabbats pode e deve ser aprofundado,
que o Magista pratique os atos com a atenção voltada à preferencialmente sob orientação pessoal ou contato com
operação mágica. Da mesma forma que o Plano Astral outras pessoas para que as ideias possam ser debatidas e
conecta o Plano Físico e o Plano Mental, atos no plano testadas. A interpretação deles pode se dar de diversas
físico impressionam o Astral, permitindo o envio das formas integradas ou não. Destacamos a interpretação
intenções aos planos mais sutis. A Magia Ritualística Tradicional, Pontual e de Movimento.
pode ser considerada um exercício constante de A Interpretação Tradicional é extremamente ventilada
aperfeiçoamento do Magista. pelas tradições novas e antigas que celebram a roda do
Por fim, é importantíssimo que o Ritual tenha um ano. Os mitos de Brigitt, Yule, Litha, o Deus, a Deusa,
caráter de Beleza e Devoção da parte do Magista. Os Atos a Criança da Promessa, etc. são elementos presentes e
são a Forma, a Emoção o Conteúdo. Metaforicamente, os que trazem grande Poder. Recomendamos fortemente o
atos são a Taça e a emoção o Vinho. O primeiro sem o se- estudo dos mitos referentes aos Sabbats como forma de
gundo é vazio, o segundo sem o primeiro, descontrolado. enriquecimento cultural, simbólico, mágico e religioso.

3
Project
Mayhem
A Interpretação Pontual diz respeito ao momento IV. O Beltane.
vivido. Os Sabbats de Meio das Estações sugerem, por
exemplo, uma predominância da Energia Pura Elemental. a) Introdução.
Os Equinócios são momentos de Equilíbrio entre Luz Os hábitos rituais para cada um dos festivais são
e Sombra/Masculino e Feminino. Os Solstícios são observados contextualmente à moral social e variam
momentos extremos de Luz (Solstício de Verão) e geograficamente diante de temperatura, histórico
Sombra (Solstício de Inverno). formativo e disponibilidade de alimentos e até mesmo
No que tange à interpretação por Qualidade de os costumes dos clãs.
Movimento, temos a roda do ano dividida em dois pares Nós aqui dispensamos quaisquer particularidades que
de metades. Um par é o de Luz e Sombra, sendo que entre selecionem os grupos em estamentos por similaridade ou
o Equinócio de Outono e o Equinócio de Primavera é tradição. Nosso guia é o movimento da terra em relação
a metade Sombria (Outono/Inverno, quando as noites ao sol e tudo que advém dessa correspondência. Para
são mais longas que os dias). Entre o Equinócio de nós o rito de Sabbat não é nem telúrico e nem celeste,
Primavera e o Equinócio de Outono é a Metade Clara mas um genuíno casamento entre as duas polaridades.
(Primavera/Verão, quando os dias são mais longos que No microcosmo buscamos entender nosso vínculo
as noites. Além disso, depois do Solstício de Verão a Luz com o momento exterior, nossa busca pela elevação da
começa a decrescer, e após o Solstício de Inverno a Luz consciência e nossa conexão com o divino.
começa a crescer, sendo essa a divisão entre o período Destacamos que mesmo diante das Egrégoras ditas
do Rei Azevinho e do Rei Carvalho. “Tradicionais” grande diversidade de nomes, deidades,
Dessa forma, por exemplo, Yule pode ser interpretado celebrações e datas são observadas, vez que, com
como o nascimento da Criança da Promessa, como a enorme frequência, os ritos obedecem uma tradição
Noite mais Escura do Ano e como o momento em que o familiar ou tribal.
Sol para de perder força e começa a se revitalizar. Todas
essas faces (e mais quantas forem perceptíveis) podem
ser levadas juntas ou separadas para o Ritual.

Sugestão de Altar de Beltane com Maypole.

4
Project
Mayhem
b) Antecedentes Históricos. Por ser o Sabbat da União entre o Deus e a Deusa,
Beltane se tornou um dos Sabbats mais ansiados pela
O Sabbat Beltane é derivado do antigo Festival grande maioria das pessoas.
Druida do Fogo, que celebrava a união da Deusa ao As antigas lendas dos bailes de máscaras, das bacanais
Deus, sendo também um festival de fertilidade. Na e dos Festivais em que as pessoas corriam livremente
Religião Antiga, a palavra “fertilidade” significa o desejo pelos bosques, encontrando-se e se unindo ao seu bel-
de produzir mais nas fazendas e nos campos e não a prazer povoam as fantasias. É importante destacar que
atividade erótica por si só. Beltane nunca foi uma desculpa para a libertinagem. Em
Beltane, por ser o primeiro Sabbat onde a Luz está mais Beltane os participantes do Rito incorporam O Deus
evidente do que as Sombras, celebra também o retorno Cornudo e a Deusa Fértil, copulando como deuses, não
do Sol, e é um dos poucos festivais pagãos que sobreviveu como mortais.
da época pré-cristã até hoje em sua maior parte na forma Abordagens mais modernas de Beltane abordam
original. Ele é baseado na Floralia, um antigo festival o rito como um rito de casamento, no qual se celebra
romano dedicado a Flora, a deusa sagrada das flores. Em essa união de polaridades de um casal. Abordagens mais
tempos mais antigos, esse festival era dedicado a Plutão, simbólicas interpretam como a união entre a Polaridade
o senhor romano do Submundo, correspondente do deus Masculina e Feminina internamente.
Hades da mitologia grega. Era também aquele em que os A fama sexual de Beltane, com enorme frequência,
antigos romanos queimavam olíbano e selo-de-salomão antecede todos os demais elementos do ritual.Não se
e penduravam guirlandas de flores diante de seus altares questiona o elemento sexual envolvido na energia do
em honra aos espíritos guardiães que olhavam e protegiam rito e também não se pretenderá amenizar tal natureza,
suas famílias e suas casas. mas meramente aprofundar-se em sua complexidade.
Beltane inicia-se, acendendo-se, segundo a tradição, Atualmente, é razoavelmente seguro afirmar que a
as fogueiras de Beltane ao nascer da Lua na véspera grande maior parte das pessoas não ingressa no ato sexual
para iluminar o caminho para o Verão. Realiza-se o com a finalidade de procriação mais do que poucas vezes
ritual do Sabbat em honra à Deusa e ao Deus, seguido na vida. O sexo é considerado uma parte natural da vida
da celebração da Natureza, que consiste de banquetes, e, com o crescimento da relevância da diversão na rotina,
antigos jogos pagãos, leitura de poesias e canto de até mesmo uma parte de grande importância.
canções sagradas. São realizadas várias oferendas aos Queremos trazer aqui, entretanto, uma abordagem
espíritos elementais, dança se de maneira muito alegre, de que se trata da união sexual entre o Deus e a Deusa.
no sentido destrógiro, em torno do Mastro (símbolo Não é entre o Deus ou a Deusa com um ou uma mortal.
fálico da fertilidade), onde se entrelaçam várias fitas É a União entre os Prometidos, na qual não existe nem
coloridas e brilhantes para simbolizar a união do sobra nem falta, mas a conexão perfeita.
masculino com o feminino e para celebrar o grande Tal conexão, embora seja a origem mitológica
poder fertilizador do Deus. A alegria e o divertimento do casamento monogâmico, é mais do que isso: é o
costumam estender-se até as primeiras horas da manhã, casamento alquímico entre o Querer Celeste e o Agir
e, ao amanhecer do dia, o orvalho da manhã é coletado Terreno, o Casamento entre o Céu e a Terra, entre a
das flores e da grama para ser usado em poções místicas Alma e a Vida.
de boa sorte. É Pressuposto do Livre Arbítrio que possamos
Os alimentos pagãos tradicionais do Sabbat Beltane agir em desacerto com a Verdadeira Vontade. Essa é
são frutas vermelhas (como cerejas e morangos), saladas a origem do Mito da Queda do Paraíso: a escolha de
de ervas, ponche de vinho rosado ou tinto e bolos obedecer ou desobedecer deve ser Livre, caso contrário,
redondos de aveia ou cevada, conhecidos como bolos de é mera escravidão, inadmissível para quem é a “imagem
Beltane, preferencialmente feitos de Aveia e Mel. e semelhança do Criador”.
Na época dos antigos druidas, os bolos de Beltane Mas, quando a Vontade da Alma é a mesma do
eram divididos em porções iguais, retirados em lotes e Agir, quando intenção e ação são co-incidentes, todos
consumidos como parte do rito do Sabbat. Antes da os mundos se movem na direção correta, sem esforço,
cerimônia, uma porção do bolo era escurecida com sem trabalho e sem sofrimento. Essa é a origem do
carvão, e o infeliz que a retirava era chamado de “bruxo Mito da Ascensão ao Céu, da Iluminação, do Casamento
de Beltane”, e tornava-se a vítima sacrificial a ser atirada Alquímico ou da Realização da Grande Obra.
na fogueira ardente. Nas Terras Altas da Escócia, os bolos Esse querer da realização apenas do que é Verdadeiro,
de Beltane são usados para adivinhação, sendo atirados se afastando de tudo aquilo que não convém, embora seja
pedaços deles na fogueira como oferenda aos espíritos permitido, recebe para nós o nome de Castidade. Não
e deidades protetores. estamos falando, portanto, de uma Virtude relacionada

5
Project
Mayhem
à abstenção da prática de atos sexuais, mas à abstenção d) A Aliança.
da prática de tudo aquilo que não é verdadeiro. E que a
Alma de cada um seja o justo juiz do que é verdadeiro. Para o ritual será feita a consagração de uma Aliança.
O Casamento de Beltane, para este rito, será o Essa Aliança celebrará a União entre o Agir e o Querer.
casamento entre o Querer da Alma e o Agir da Carne e Recomendamos que essa Aliança seja um anel. O
em honra a esse casamento, como símbolo da união sem material, formato, dedo a ser usado, presença ou ausência
desvio, será consagrada uma Aliança. de pedras, existência de símbolos está a critério do
magista. Nossa única recomendação é que o material
c) O Sacrifício. seja natural (metais contam como elementos naturais).
Recomendamos, entretanto, que seja oraculada
Diversas religiões possuem diversas visões sobre alguma forma de orientação a respeito.
as diversas formas de sacrifício existentes. Não temos Dito isto, feita a escolha, gostaríamos de ressaltar
nem autoridade nem autorização para “ensinar um o óbvio: aliança de casamento nunca impediu ninguém
padre a rezar a missa”. Religiões e tradições diferentes de trair.
encaram o sacrifício de formas diferentes. Gostaríamos O efeito da aliança não está no dedo escolhido, no
de compartilhar a nossa. metal utilizado, em seu valor ou raridade. O efeito da
Um sacrifício é o destacamento de uma determinada aliança está no coração de quem usa.
quantidade de energia do seu universo de um setor para Falamos isso pois esperamos que vocês se aproximem
outro setor. Essa é a Magia do Sacrifício: você sacrifica desse rito e desse talismã como o noivo e a noiva
o que é seu. se aproximam no altar. Gostaríamos que vocês se
Quando pessoas eram propriedade, havia sacrifícios comprometessem com a própria alma com o coração
humanos. E o sacrifício mais extremo era o sacrifício puro, limpo e simples.
do primogênito, que representava a continuidade da Em Litha sugerimos que o Talismã fosse ligado a uma
própria linhagem. Essa é a natureza do Sacrifício de meta concreta e parcial que sugerisse o desenvolvimento
Isaac em Gênesis. pessoal e da Verdadeira Vontade.
Quando seres humanos deixaram de ser vistos como
propriedade, os animais passaram a ser o sacrifício. Em Beltane queremos pedir que a Aliança simbolize
Hoje existem sistemas que enxergam o sacrifício apenas uma coisa: Amor. O Amor da Alma pelo Corpo
de tempo (trabalho voluntário), dinheiro (na forma e do Corpo pela Alma. O Amor do Noivo pela Noiva
de doações) e mesmo das próprias posses materiais e da Noiva pelo Noivo, que é um amor eterno pois se
(caridade) como forma de sacrifício. modifica com o tempo junto com os Amantes.
O Sacrifício realizado nos Sabbats de uma parcela Essa é a Fé de que todas as mudanças são maravilhosas
da própria comida tem essa natureza: dar um pouco de pois quem você ama sempre estará junto de você.
si para aquilo que você quer ver fortalecido. Pode ser
feito para os representantes dos Sabbats, pode ser feito A aliança pode ser qualquer anel que você desejar.
para divindades, para energias planetárias, para ideais de
vida, para tudo. Aqueles com interesse, podem oracular ou fazer um
Nada é indiferente. Tudo toma tempo, energia sorteio, mas recomendamos que vocês deixem a intuição
e atenção. Podando aquilo que é desimportante, guiar vocês. E sobre a intuição guiar vocês, não podemos
valorizamos o que é importante. Esse é o momento de nos imiscuir nessa missão.
fazer isso conscientemente.
Consideramos o sacrifício uma das formas de Magia e) Elementos Magísticos.
mais poderosas, pois, simbolicamente, ela significa
retirar energia de algo ainda valioso em prol de um bem Incensos: olíbano, lilás e rosa.
maior. Trata se da manutenção de recursos em tempos Cores das velas: pares representativos do feminino e
escassos e escuros. Muita coisa se consegue com vinho, do masculino (Branco e Preto, Vermelho e Azul, Dourado
pão e oração. e Prateado, etc, mas procure manter a coerência).
Pedras preciosas sagradas: esmeralda, cornalina
laranja, safira, quartzo rosa.
Ervas ritualísticas tradicionais: amêndoa, angélica,
freixo, campainha, cinco-folhas, margarida, olíbano,
espinheiro, hera, lilás, malmequer, barba-de-bode, prímula,
rosas, raiz satyrion, aspérula e primaveras amarelas.

6
Project
Mayhem
V. Proposta de Ritual. b.1) Energização Pessoal.

a) Advertência. A primeira energização tem por finalidade ativar os


centros energéticos do Magista permitindo que o ritual
O Ritual é um trabalho mágico e o aqui desenhado transcorra com o menor desgaste pessoal o possível.
almeja, declaradamente três objetivos: i) Render Visualize enquanto inspira uma luz branca no topo
Homenagem à Egrégora da Roda do Ano e aos da cabeça com o glifo de Saturno dentro. Expira-se
Antepassados, fortalecendo a ambos; ii) Trazer para o vibrando “SATURNO” e direcionando a vibração para
mundo, de forma organizada, benéfica e produtiva as essa esfera de Luz, enquanto sente ela despertar e se
energias disponíveis; e iii) permitir que os envolvidos ativar. Repete-se três vezes. Visualiza-se a luz escorrendo
nos rituais se desenvolvam em todos os âmbitos da vida para o próximo Chakra.
(Material, Emocional, Mental e Espiritual). Visualize enquanto inspira uma luz azul índigo no
Consequentemente, o Ritual pretende o contato centro da cabeça com o glifo de Júpiter dentro. Expira-se
com energias e seres afins a essa energia. É possível vibrando “JÚPITER” e direcionando a vibração para essa
que após a realização dos ritos e nos períodos que esfera de Luz, enquanto sente ela despertar e se ativar,
se seguem, fenômenos místico-espirituais ocorram: enquanto ganha reflexos prateados. Repete-se três vezes.
sonhos lúcidos, a sensação de presença de pessoas/seres Visualiza-se a luz escorrendo para o próximo Chakra.
próximos, resultados práticos ou até mesmo “efeitos
colaterais indesejados”. Visualize enquanto inspira uma luz azul clara no
Apenas a título de exemplo, em um determinado meio da garganta com o glifo de Marte dentro. Expira-se
Sabbat foi proposto como Tema “Levar a Luz da Vida vibrando “MARTE” e direcionando a vibração para essa
ao Mundo”. O efeito colateral foi a presença notória de esfera de Luz, enquanto sente ela despertar e se ativar.
espíritos acompanhando os participantes no período que Repete-se três vezes. Visualiza-se a luz escorrendo para
se seguiu. Nada mais natural: se você pede para “levar a o próximo Chakra.
luz da vida ao mundo”, aqueles que precisam de luz se
aproximarão de você. Visualize enquanto inspira uma luz verde no centro
E s s a “ a d ve r t ê n c i a ” , m e n o s d o q u e u m do peito com o glifo do Sol dentro. Expira-se vibrando
desencorajamento: pretende ser uma “explicação “SOL” e direcionando a vibração para essa esfera de Luz,
prévia”. Eventos “paranormais” (além da normalidade) enquanto sente ela despertar e se ativar, ganhando pétalas
são completamente naturais para aquele que se propõe à Rubi. Essa é a Rosa que se abre no coração humano.
atividade mágica e são um efeito completamente normal. Repete-se três vezes. Visualiza-se a luz escorrendo para
Caso você não deseje esse tipo de vivência, talvez deva o próximo Chakra.
repensar se deseja contribuir para este ritual.
Visualize enquanto inspira uma luz dourada no
b) Estrutura. centro do ventre com o glifo de Vênus dentro. Expira-se
A estrutura dos Rituais segue uma ordem simples: vibrando “VÊNUS” e direcionando a vibração para essa
esfera de Luz, enquanto sente ela despertar e se ativar.
Energização Pessoal. Repete-se três vezes. Visualiza-se a luz escorrendo para
Delimitação do Círculo. o próximo Chakra.
Invocação Das Potências Criadoras
Estabelecimento das Guardas de Poder. Visualize enquanto inspira uma luz laranja no meio
Dedicatória. da púbis o glifo de Mercúrio dentro. Expira-se vibrando
Oferenda e Libação. “MERCÚRIO” e direcionando a vibração para essa
Prática. esfera de Luz, enquanto sente ela despertar e se ativar.
Energização Pessoal. Repete-se três vezes. Visualiza-se a luz escorrendo para
Banquete. o próximo Chakra.
Agradecimento e Despedida.
Visualize enquanto inspira uma luz vermelha na base
Rituais diferentes, escolas diferentes, tradições do torso com o glifo da Lua dentro. Expira-se vibrando
diferentes seguem ordens diferentes, suprindo ou não “LUA” e direcionando a vibração para essa esfera de Luz,
algumas etapas. Entendemos que, para a proposição enquanto sente ela despertar e se ativar. Repete-se três
feita, esta estrutura atende às necessidades e se mostra vezes. Visualiza-se a luz se acumulando e se energizando
como segura e saudável. enquanto você respira calmamente.

7
Project
Mayhem
Quanto sentir que é o momento, inspire e enquanto Sinta ambas as energias se unindo em síntese no
expira vibrando a vogal “U” visualize duas colunas de chakra cardíaco. Enqanto isso, toque o ombro esquerdo
luz unindo o Chakra da Lua ao Chakra de Mercúrio. com a mão direita dizendo “U-GEVURAH” (“E o
Poder”) e toque o ombro direito com a mão esquerda
Depois inspire e enquanto expira vibrando a vogal dizendo “U-GEDULAH” (“E a Glória”). Seus braços
“Ô” visualize duas colunas de luz unindo o Chakra de deverão estar cruzados, o esquerdo sobre o direito.
Mercúrio ao Chakra de Vênus. Abra os braços como se estivesse abrindo o peito
para o Universo enquanto visualiza a energia do seu
Depois inspire e enquanto expira vibrando a vogal peito como um Sol iluminando o mundo e declame “Le
“A” visualize duas colunas de luz unindo o Chakra de Olam Ve Ad” (“De Agora em Diante e Para Sempre”).
Vênus ao Chakra do Sol.

Depois inspire e enquanto expira vibrando a vogal b.4) Estabelecimento das Guardas de Poder.
“Ê” visualize duas colunas de luz unindo o Chakra do
Sol ao Chakra de Marte. O Estabelecimento das Guardas de Poder (ou
Pilares Elementais) é a estabilização do círculo. Trata-
Depois inspire e enquanto expira vibrando a vogal se da estabilização dos pontos de firmeza elemental.
“I” visualize duas colunas de luz unindo o Chakra de Os Pentagramas, além de representar o Eu, são
Marte ao Chakra de Júpiter. correspondentes às Quatro Estrelas Reais da Pérsia
(Aldebaran, Regulus, Antares e Formaulhault) e, ao
Depois inspire e enquanto expira vibrando “AUM” fixá-las, o Magista recria em Terra o Céu, para que tudo
visualize duas colunas de luz unindo o Chakra de Júpiter o que é feito dentro do círculo seja feito no Universo.
ao Chakra de Saturno. De frente para o Leste (o Oriente), com o indicador e
médio estendidos, desenhe um pentagrama de Invocação
Respire lenta e profundamente três vezes enquanto (em sentido horário) do Espírito (começando pela ponta
visualiza a seu redor a forma de um Ovo Dourado. superior) enquanto vibra o nome sagrado “Eheie”.
Terminado o traçado, aponte o dedo para o centro do
b.2) Delimitação do Círculo. pentagrama e vibre o nome sagrado “Iaô”, enquanto vê
a estrela se prolongar até o horizonte.
De pé, voltado face ao Leste, erga seu dedo indicador Vire para o Sul, com o indicador e médio estendidos,
na altura de seu coração e, girando em sentido horário, desenhe um pentagrama de Invocação (em sentido
trace uma linha de luz prateada em formato de um círculo. horário) do Espírito (começando pela ponta superior)
Relaxe o braço e visualize, em uma inspiração, que enquanto vibra o nome sagrado “Eheie”. Terminado o
esse círculo se prolonga até o infinito do Céu, mantendo traçado, aponte o dedo para o centro do pentagrama
a rotação em sentido horário. Expire e relaxe. Na próxima e vibre o nome sagrado “El”, enquanto vê a estrela se
inspiração, visualize que esse círculo se prolonga até o prolongar até o horizonte.
centro da Terra, mantendo a rotação em sentido horário. Vire para o Oeste, com o indicador e médio
Repita por três ou cinco vezes cada um até sentir que você estendidos, desenhe um pentagrama de Invocação (em
construiu um tubo de luz prateada que une o centro da sentido horário) do Espírito (começando pela ponta
terra ao firmamento, e que esse tubo possui uma lenta superior) enquanto vibra o nome sagrado “Agla”.
rotação ao seu redor em sentido horário. Terminado o traçado, aponte o dedo para o centro do
pentagrama e vibre o nome sagrado “Adonai”, enquanto
b.3) Invocação das Potências Criadoras. vê a estrela se prolongar até o horizonte.
Vire para o Norte, com o indicador e médio
Em pé, braços relaxados, enquanto inspira visualize estendidos, desenhe um pentagrama de Invocação (em
vindo do céu um pilar de luz branca que se conecta ao sentido horário) do Espírito (começando pela ponta
seu Chakra Coronário e se conecta à Terra pelo seu corpo superior) enquanto vibra o nome sagrado “Agla”.
e diga “HA-BAH” (“O Pai”). Terminado o traçado, aponte o dedo para o centro do
pentagrama e vibre o nome sagrado “Elohim”, enquanto
Enquanto inspira, visualize a energia do centro da vê a estrela se prolongar até o horizonte.
Terra entrando pelos seus pés como se eles tivessem Assuma a postura da Cruz e enquanto visualiza à sua
raízes. Enquanto faz isso, erga os braços ao lado do frente uma figura nobre, com um robe amarelo salpicado
corpo na figura de um “T” e diga “HA-IMA” (“A Mãe”). de violeta, vibre “Rafael”.

8
Project
Mayhem
Visualize à sua direita uma figura serena, segurando b.6) Oferenda e Libação.
uma taça de prata, com um robe azul salpicado de laranja
e vibre “Gabriel”. A Oferenda e a Libação são os atos pelos quais se
Visualize atrás de você uma figura sóbria com um estabelece a conexão com os representantes egregóricos
robe púrpura salpicado de dourado e vibre “Uriel”. do Sabbat e da Roda do Ano.
Visualize à sua Esquerda uma figura poderosa, com
um robe vermelho salpicado de verde e vibre “Miguel”. Ofereça uma taça com um pouco de bebida e um prato
Declame: com um pouco de comida. Deve ser da comida que você
comerá e da bebida que você beberá, pois parte da intenção
“À minha frente a Vida, é comungar com a Divindade. Essa comida e bebida ficarão
Atrás de mim a Morte, “disponíveis” até a manhã seguinte, quando deverão ser
À minha destra a Taça, jogadas fora, pois a energia já foi utilizada.
À minha sinistra o Chicote,
Ao meu redor brilham as Estrelas Reais. Declame:
E no pilar do meio está estabelecida a Cruz Negra.”
“Em honra aos ancestrais, em honra aos Sabbats, em
b.5) Dedicatória. honra à Roda do Ano, em honra ao Deus e à Deusa, ao
Declame diante da mesa ou do Altar: Pai e à Mãe e, especialmente, em honra à União entre
o Deus e a Deusa, nós oferecemos uma parte de nossos
Saudações a Vós, Guardiões da Roda do Ano. melhores frutos. Essa é a Lei: você dá um pouco para
Nós vos invocamos em respeito e amor. Pedimos que receber um pouco, você dá o melhor para receber o melhor,
nos acompanhem neste Rito de Beltane. Chamamos por você dá primeiro para receber primeiro. Da mesma forma
vós para honrar conosco os ciclos do céu e da terra, todo que damos de nossos alimentos, pedimos para receber de
nascimento e toda morte, o passado, o presente e o futuro. seu alimento: que sejamos capazes de casarmos, castos,
Cor po e Alma.”
Saudações a todos os Ancestrais. Reconhecemos
seu trabalho e existência. Somos os continuadores de b.7) Prática.
suas obras. Testemunhem a continuidade de suas vidas.
Derramem sobre nós a proteção contra tudo o que se opuser É costume consagrar na Noite do Sabbat um Talismã
ao nosso bem e à nossa prosperidade. que servirá para que os participantes do Ritual entrem
em contato com aquela energia no próximo período.
Saudações ao Deus e à Deusa, ao Falo e à Vulva, ao O Talismã, dentre outras finalidades, serve como um
Espermatozóide e ao Óvulo, ao Céu e à Terra, à Alma portal à Energia daquele Momento, permitindo que a
e ao Cor po, ao Noivo e à Noiva, ao Dia e à Noite. Sua Energia específica seja acessada com mais facilidade em
dança úmida perfuma o ar desta noite, os pares de olhares momentos gerais.
se fazem uma visão, os pares de braços se fazem um abraço, Destacamos, por favor, que o objetivo do Ritual,
os pares de lábios se fazem um beijo, o par de genitais se bem conduzido, é promover a mudança interna nos
fazem uma cópula. participantes. Por isso ressaltamos que o Talismã é uma
pequena ferramenta, de uso prático, que guarda a energia
Direcionamos ao vocês, nossos convidados, nosso amor do momento. É uma ferramenta muito poderosa, sim,
e pedimos: sentem à mesa conosco comam de nossa comida mas sua importância empalidece diante da mudança
e bebam de nossa bebida. Abençoem este banquete com interna que o Ritual causa.
sua presença. É útil que o Talismã seja algo que foi modificado pelo
Magista no momento do Ritual. Um adereço construído,
Celebramos a União entre o Deus e a Deusa, entre o uma estátua, uma vela, um cristal, uma moeda sigilada,
Céu e a Terra, entre a Alma e o Cor po. Nesse momento em uma nota de dinheiro sigilada. Tudo e virtualmente
que o Deus e a Deusa são Um, nosso Cor po e Alma são qualquer coisa pode ser consagrado, sendo o ideal que
Um. Que o Amor dessa União permaneça, que os Frutos guarde relação simbólica com o momento e objetivo.
dessa União se façam eternos e que a Alegria do Querer
Puro e Simples do Amor Correspondido da Castidade Neste Sabbat, o objeto a ser consagrado será a
guiem nossos passos hoje e para sempre. Aliança, ou anel, comprada conforme as instruções.

Assim é.

9
Project
Mayhem
É conveniente que a Aliança seja consagrada vibrando “VÊNUS” e direcionando a vibração para essa
mergulhando-a na bebida que será consumida e esfera de Luz, enquanto sente ela despertar e se ativar.
exposta à fumaça de um incenso de sua preferência. Repete-se três vezes. Visualiza-se a luz escorrendo para
A Aliança representa o Corpo, a Bebida representa o o próximo Chakra.
Amor e a Fumaça do Incenso representa a Alma. Ao Visualize enquanto inspira uma luz laranja no meio
fim, é de se esperar que simbólica e energeticamente, da púbis o glifo de Mercúrio dentro. Expira-se vibrando
a Aliança simbolize o Corpo, a Alma e o Amor unindo “MERCÚRIO” e direcionando a vibração para essa
Corpo e Alma. esfera de Luz, enquanto sente ela despertar e se ativar.
Repete-se três vezes. Visualiza-se a luz escorrendo para
Portanto, após molhar a aliança na bebida dentro da o próximo Chakra.
taça, exponha ao incenso e declame: Visualize enquanto inspira uma luz vermelha na base
do torso com o glifo da Lua dentro. Expira-se vibrando
“Eu consagro esta Aliança sob as energias de Beltane. “LUA” e direcionando a vibração para essa esfera de Luz,
Que ela seja o símbolo da união entre o querer e o agir enquanto sente ela despertar e se ativar. Repete-se três
conjugados pelo Amor. Que eu seja íntegro. Que minha vezes. Visualiza-se a luz se acumulando e se energizando
Vontade não vacile. Que meus passos sejam firmes. Que enquanto você respira calmamente.
minha mão seja precisa. Que minha obra seja inteira no Quanto sentir que é o momento, inspire e enquanto
passado, no presente e no futuro. Assim é.” expira vibrando a vogal “U” visualize duas colunas de
luz unindo o Chakra da Lua ao Chakra de Mercúrio.
Coloque a Aliança. Depois inspire e enquanto expira vibrando a vogal
“Ô” visualize duas colunas de luz unindo o Chakra de
b.8) Energização. Mercúrio ao Chakra de Vênus.
Depois inspire e enquanto expira vibrando a vogal
A segunda energização tem por finalidade reequilibrar “A” visualize duas colunas de luz unindo o Chakra de
os centros energéticos do Magista evitando que ele perca Vênus ao Chakra do Sol.
energia desnecessariamente após o ritual. Depois inspire e enquanto expira vibrando a vogal
Visualize enquanto inspira uma luz branca no topo “Ê” visualize duas colunas de luz unindo o Chakra do
da cabeça com o glifo de Saturno dentro. Expira-se Sol ao Chakra de Marte.
vibrando “SATURNO” e direcionando a vibração para Depois inspire e enquanto expira vibrando a vogal
essa esfera de Luz, enquanto sente ela despertar e se “I” visualize duas colunas de luz unindo o Chakra de
ativar. Repete-se três vezes. Visualiza-se a luz escorrendo Marte ao Chakra de Júpiter.
para o próximo Chakra. Depois inspire e enquanto expira vibrando “AUM”
Visualize enquanto inspira uma luz azul índigo no visualize duas colunas de luz unindo o Chakra de Júpiter
centro da cabeça com o glifo de Júpiter dentro. Expira-se ao Chakra de Saturno.
vibrando “JÚPITER” e direcionando a vibração para essa Respire lenta e profundamente três vezes enquanto
esfera de Luz, enquanto sente ela despertar e se ativar, visualiza a seu redor a forma de um Ovo Dourado.
enquanto ganha reflexos prateados. Repete-se três vezes.
Visualiza-se a luz escorrendo para o próximo Chakra. b.9) Banquete.
Visualize enquanto inspira uma luz azul clara no
meio da garganta com o glifo de Marte dentro. Expira-se Se houve a preparação de uma ceia, esse é o momento
vibrando “MARTE” e direcionando a vibração para essa em que os participantes comem e bebem.
esfera de Luz, enquanto sente ela despertar e se ativar.
Repete-se três vezes. Visualiza-se a luz escorrendo para b.10) Agradecimento e Despedida.
o próximo Chakra.
Visualize enquanto inspira uma luz verde no centro Declame:
do peito com o glifo do Sol dentro. Expira-se vibrando
“SOL” e direcionando a vibração para essa esfera de Luz, “O Rito foi Consumado. Agradecemos pelo privilégio
enquanto sente ela despertar e se ativar, ganhando pétalas de honrar nossos ancestrais e todos os que vieram antes
Rubi. Essa é a Rosa que se abre no coração humano. de nós, bem como pelo privilégio de honrar os Sabbats e
Repete-se três vezes. Visualiza-se a luz escorrendo para a Roda do Ano e desejamos que todos os que aqui estão
o próximo Chakra. e que participaram do ritual possam retornar em paz e
Visualize enquanto inspira uma luz dourada no segurança ao seu devido lugar, sendo no mundo a Energia
centro do ventre com o glifo de Vênus dentro. Expira-se necessária para a Vida. Assim é.”

10