Вы находитесь на странице: 1из 1

CMYK

Saúde
21 • CORREIO BRAZILIENSE • Brasília, quarta-feira, 20 de janeiro de 2010
Editora: Ana Paula Macedo //
anapaula.df@dabr.com.br
3214-1195 • 3214-1172 / fax: 3214-1155

Cicatrizes Técnica francesa de fisioterapia


promete mais qualidade de vida
aos pacientes por desativar nas
células a memória de traumas

apagadas Elio Rizzo/Esp. CB/D.A Press


que podem gerar disfunções no
organismo. A terapia, porém, é
complementar e não substitui os
tratamentos convencionais

» MÁRCIA NERI “No dia seguinte, não sentia mais dor. Na conversa
com o profissional que aplicou a técnica em mim,
pedagoga aposentada Iracema Ribeiro, 65 soube que minha lombalgia era resultado de traumas

A anos, é vítima de reumatismo. De cinco anos


para cá, ela não conseguia dormir devido às
dores que sentia no corpo. Apesar de tratar o
transtorno com um reumatologista e se valer da hi-
droterapia para conter o desconforto, o organismo
vividos na infância que ficaram registrados em meu
corpo e continuavam repercurtindo. A dor ficou no
passado, hoje sou outra pessoa”, revela.
Pacientes com quadro de dor são realmente os
que mais recorrem ao método, mas a técnica tem al-
não vinha respondendo bem às medidas adotadas. cançado resultados em mulheres com dificuldade
A microfisioterapia, técnica praticada na França há de engravidar e esportistas que desejam prevenir
mais de três décadas, trouxe o alívio dos sintomas e danos físicos. O fisioterapeuta Rodrigo Rabbottini
a qualidade de vida para Iracema. “No último do- lembra que o intervalo de um mês entre as sessões é
mingo, fiz a terceira sessão, mas depois da primeira necessário para que o corpo absorva os estímulos
não sentia mais dor, voltei a ter um sono tranquilo e promovidos pelo toque do microfisioterapeuta e
descobri os fatores que desencadearam a doença. reaja. Mudanças no sono, vômito, alterações de hu-
Estou impressionada. Me sinto leve, como se não ti- mor e aumento do problema são comuns nos pri-
vesse o problema”, relata. meiros dias depois das sessões em alguns pacientes.
A microfisioterapia consiste em localizar no corpo A microfisioterapia ainda é vista com descon-
do paciente informações de situações ou traumas fiança por médicos que não a conhecem. Na Euro-
que foram vividos tanto física como emocionalmente pa, o método é autorizado pelos conselhos de fisio-
e que organismo não conseguiu eliminar. Segundo o terapia e pelo governo de cada país. “No Brasil, esta-
fisioterapeuta Afonso Salgado, que trouxe a técnica mos elaborando um documento que explica aos ór-
para o Brasil, essas restrições são marcas de eventos Liana sentia fortes dores nas costas e, como fisioterapeuta, procurou o colega Rodrigo para se tratar gãos responsáveis os benefícios e o funcionamento
ocorridos ao longo da vida, que trouxeram algum so- da terapia”, acrescenta Afonso Salgado. O Conselho
frimento. São cicatrizes que não ficam apenas no cé- Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Co-
rebro. “'Tudo que acontece com a gente em nível tóxi- giões com perda de ritmo vital. Essa ausência é nico, artrites e artroses são significativas. Porém, os ffito) informa que ainda não há regulamentação so-
co, físico e emocional vai para o corpo, que guarda perceptível na superfície da pele. “Se não há rit- especialistas reconhecem a dificuldade em eliminar bre o uso do método e que a assessoria técnico-nor-
memórias e cria traços que atrapalham o funciona- mo, existe uma ‘cicatriz’ fonte de disfunções. É es- danos no sistema auditivo e aliviar dores agudas. mativa está elaborando material que tenha funda-
mento das células e podem gerar sintomas e disfun- sa sensação que guia o fisioterapeuta na busca do “Existem áreas que precisamos e vamos progredir. mentação e subsídios necessários para isso.
ções. Os microfisioterapeutas são treinados para des- caminho que a agressão percorreu no corpo para No entanto, temos ajudado bastante no tratamento
cobrir essas memórias e desativá-las”, explica Afonso. que ele ative o processo de autocura, que é nosso de câncer porque conseguimos eliminar os efeitos
O fisioterapeuta observa que as sequelas que fi- principal objetivo, independentemente do tempo colaterais da radio e da quimioterapia. As únicas www.correiobraziliense.com.br
cam guardadas na mente são tratadas por psicólo- em que a marca foi instalada”, diz. ressalvas são as gestantes e os doentes terminais
gos e psiquiatras, já a microfisioterapia cuida das ci- São trabalhadas cerca de três ou quatro sessões que não têm força para reagir'', afirma Afonso.
catrizes do corpo. A técnica é baseada no estudo da intercaladas a cada 30 dias. Segundo os especialis-
embriologia. A primeira etapa da sessão é uma con- tas, reféns de problemas como depressão e doenças Dores Ouça entrevista com o fisioterapeuta Rodrigo Rabbottini
versa com o paciente. Depois do bate-papo, são fei- que causam dor crônica, como fibromialgia, distúr-
tas averiguações de pressão e do estado físico da bios de sono e alergias, têm encontrado grande A fisioterapeuta Liana Mayara Caland, 29 anos, é
pessoa. “Em seguida, buscamos as memórias guar- alento com a técnica francesa. “Patologias que a uma paciente. Ela sofria de fortes dores nas costas,
dadas no corpo para desativá-las. Com toques leves, medicina tradicional tem dificuldade para resolver problema que comprometia seu dia
realizados com a ponta dos dedos, ajudamos o orga- podem ser amenizadas e até curadas. Tenho uma a dia há alguns anos. “Como sou
nismo a apagar as cicatrizes internas responsáveis paciente com fibromialgia, mal que pode ser resul- da área, sempre me identifiquei
pelas doenças. A técnica é tão apurada que precisa- tado de perdas na infância. Os pais dessa mulher com técnicas corporais, mas
mos as datas dos acontecimentos que marcaram morreram em um acidente quando ela tinha 6 nunca consegui me livrar
negativamente a pessoa”, revela o profissional. anos. Traumas emocionais nessa fase promovem dessa dor. A microfisiotera-
Segundo Rodrigo Rabbottini, fisioterapeuta perda de serotonina, que desencadeia depressão pia me chamou a atenção
que aplica o método em Brasília, as situações associada a problemas físicos. A microfisioterapia pelo estímulo que pro-
traumáticas geram reflexos no corpo, que eliminou as manifestações da doença e promoveu move no corpo para que
nem sempre consegue eliminá-los. Ele o equilíbrio”, revela Afonso Salgado. ele reaja ao mal”, diz.
observa que a microfisioterapia é um A novidade não pretende substituir a medicina Na primeira sessão, o
intrumento para a autocorreção tradicional. Ela é aplicada por fisioterapeutas ou microfisioterapeuta
das funções do organismo. O médicos que estudam o método por dois anos e o trabalhou diversos
profissional que aplica a mi- indicam como uma terapia complementar ou pre- pontos do orga-
crofisioterapia é prepara- ventiva. Os resultados animam os profissionais. As nismo sem to-
do para procurar no chances de melhora para quem sofre de enxaqueca, car as cos-
paciente re- cólicas, herpes, alergias, depressão, síndrome do pâ- tas.

CMYK