Вы находитесь на странице: 1из 1

Aracati das artes. É belo ver o Lua Cheia.

Projeto Auto da Camisinha


Contribuição de Grupo Lua Cheia
04 de setembro de 2005

Desde 1997 o Grupo Lua Cheia apresenta a peça O Auto da Camisinha, texto de José Mapurunga, em comunidades
rurais, litorâneas e da zona urbana da cidade de Aracati.

A Associação Artístico Cultural Lua Cheia (AACLC) desenvolve, desde 1997, ações artísticas e sócio-educativas no combate
e na prevenção às DST/Aids. O Projeto Auto da Camisinha, idealizado no ano 2000, foi o primeiro passo a fim de atender
uma demanda cada vez maior de solicitações das comunidades de Aracati por informações sobre formas de contágio e
prevenção às DST/Aids.O Projeto Auto da Camisinha possibilitou a experimentação de outras ações permitindo assim o
surgimento de novas experiências a exemplo do projeto Clube do Preservativo que possibilita o acesso da população de
baixa renda a preservativos de qualidade a preços acessíveis. O referido projeto mobiliza uma grande gama de pontos de
venda não convencionais (bancas de revistas, barracas de frutas, botequins, mercearias, etc.) em que o comerciante
torna-se um dos maiores parceiros na luta contra as DST/Aids e gravidez inesperada em sua comunidade.Histórico
- Em 1997 início das ações com teatro de rua e prevenção através do Projeto Teatro de Rua Contra a AIDS. Coordenação
Estadual de DST/Aids. Sesa-Ce.
- Em 1999, participação no Seminário “Mudança de Cena- o Teatro para o desenvolvimento Social.” Rio de
Janeiro-RJ.
- Em 2000 exposição de idéias e experimentações com o Projeto Auto da Camisinha no Fórum 2000. Rio de Janeiro-RJ.
- Em 2001 participação no I Encontro de Projetos Sociais. Rio de Janeiro-RJ.
- Em 2002, participação no II Encontro de Projetos Sociais. São Paulo-SP.
- Em 2003, participação no II Encontro de Marketing Social do Preservativo. Recife-Pe.
- Em 2004, participa do VI Encontro Estadual de Prostitutas do Ceará, III Encontro de Trabalhadores do Sexo do
Nordeste, II Encontro de Direitos Humanos e Cidadania e Justiça para Profissionais do Sexo. Fortaleza-Ce.
- Em 2004, participação no I Seminário de Marketing Social do Preservativo. São Paulo-SP.

Justificativa: O Auto da Camisinha busca tornar públicas as informações sobre a importância do uso do preservativo,
utilizando o teatro de rua aliado a oficinas de gênero, sexualiadade e DST/Aids.

Metodologia: O projeto é dividido em duas fases: espetáculos de 45 minutos e oficinas de 8 horas, sempre em
comunidades rurais do município de Aracati-Ce, que possuam algum caso de DST. A linguagem estabelecida pelo
Grupo Lua Cheia de Teatro, tem como verbo a expressão cotidiana, a prosódia do homem do campo e a riqueza da
cultura cearense. Após a função teatral, a comunidade é convidada a colaborar respondendo a enquetes (mitos, tabus,
DSTs/Aids, sexo seguro) cujas informações vão norteando nossa forma de abordagem.

Objetivo: O projeto busca suscitar reflexões que transcendem o simples questionamento sobre prevenção e sexo seguro, à
medida que aborda padrões sociais estabelecidos para o homem e a mulher (interferindo diretamente na decisão do uso
de práticas sexuais seguras), catalisando as informações transmitidas através do teatro popular, com a peça O Auto da
Camisinha de José Mapurunga. O riso convida todos a refletirem sobre a problemática causada pela Aids e adotar o
uso da camisinha nas relações sexuais como uma atitude em respeito à vida.

Público Alvo: Comunidades rurais.

Início do Projeto e Previsão de encerramento: 27/07/1997 a Identerminado

Resultado: A peça O Auto da Camisinha está em cartaz desde o ano de 1997, tendo sido a mesma encenada 72 vezes.
Realizou diversas oficinas de sexualidade, gênero e DST/Aids. O projeto atendeu a 7.920 pessoas.

Parceiros: O projeto busca parceiros para a sua continuidade.

http://luacheia.art.br/site Fornecido por Joomla! Produzido em: 11 December, 2010, 11:05