Вы находитесь на странице: 1из 150

ECONOMIA POLÍTICA

INTERNACIONAL 1

2/2010
Profª. Danielly Becard
Aula 2 (29/09/2010)
Buchholz- introdução

Como funciona economia?


principais conceitos
INTRODUÇÃO
3 perguntas principais

Qual é a importância da economia
em seu dia-a-dia?

Como se tornar participativo
perante mudanças econômicas?

Qual o método de analise utilizado
para se estudar economia? Ou qual a
importância de gráficos, tabelas e
modelos para as explicações
econômicas?
O QUE É ECONOMIA?

“Economia é o estudo da
humanidade perante os eventos
ordinários de sua vida”. (Alfred
Marshal)


“Economia é o estudo e o ato de
fazer escolhas em um mundo em que
pessoas querem melhorar suas
vidas, mas não podem evitar a
realidade da escassez” (Buchholz)
O QUE É MACROECONOMIA?

Estudo “panorâmico”
O QUE É MICROECONOMIA?
O QUE SÃO AS RELAÇÕES
ECONOMICAS

Estudo sobre por que os países
INTERNACIONAIS?
comercializam uns com os outros e
como as moedas internacionais se
valorizam e se desvalorizam, na
medida em que bens circulam ao
redor do mundo.
CAPÍTULO 1
O QUE É UM CICLO
ECONÔMICO?

O que é BOOMING?

O que é BUSTING?

Como os ciclos funcionam?

Quando surgem ou desaparecem?

Por que uma fase de crescimento
não pode durar para sempre?
QUAL É A CAUSA DA CRISE
DE 1990?

Os atores nacionais envolvidos

Federal Reserva Board

Congresso Americano

Bancos privados

Casa Branca/Governo

Consumidores e homens de negócios


As forças externas

Outras forças

Investimento ecessivo em determinados
setores (construção p.e.)

Desvio de comercio (alemanha ocidental
> alemanha oriental após unificação)

Pessimismo – aumento do medo,
aversão a riscos, atitudes de introversão
e protecionismo.
O QUE SÃO E COMO
DETERMINAR TAXAS DE

Pesquisa quantitativa, via
DESEMPREGO?
questionário, por amostragem.

Voc~e está empregado atualmente?

Se não, você está procurando emprego?

Quem esta sem trabalho e não está
procurando um outro trabalho não entra
na amostragem.
O QUE SÃO E COMO
DETERMINAR TAXAS DE

Tipos deDESEMPREGO?
desempregados: os que
foram demitidos e os que pedem
demissão.

Tempo de desemprego

Perfil do desempregado

Distribuição geográfica
DESEMPREGADOS
ENFRENTAM PERÍODOS
CURTOS OU LONGOS DE
DESEMPREGO?
POR QUE ECONOMISTAS
SÃO “TÍMIDOS”/RECEOSOS

Economistas
A RESPEITO em geral
DE pensam
SEGUROque
seguro desemprego aumento o
DESEMPREGO?
índice de desemprego

Muitas pessoas não procuram
emprego enquanto dura o período de
recebimento de “seguro
desemprego”
SEGURO DESEMPREGO:
QUAIS SÃO AS

Fornecimento de capital para
AUTERNATIVAS?
começar novo negócio

Criação de programas de
treinamento para novo trabalho
O QUE É INFLAÇÃO?

Preços altos + moeda desvalorizada

Salários estáveis + produtos mais
caros

Diminuição da capacidade de
comprar/gastar

Como definir a capacidade de
compra do consumidor comum? A
capacidade de compra (em índices)
negligencia a existência de bens
POR QUE TODO MUNDO
ODEIA OU TEM MEDO DE

Inflação dificulta o planejamento
INFLAÇÃO?
atual e futuro do consumidor e do
empresário

Inflação gera custos ligados a: re-
etiquetagem de preços, pesquisa de
mercado p.e.
O QUE É HIPERINFLAÇÃO?
QUAL SUA CAUSA?

SITUAÇÃO EXTREMA
AULA 3
BUCHHOLZ – CAPÍTULOS 2

COMO FUNCIONA A
ECONOMIA?
PRINCIPAIS CONCEITOS
CONTROLE DE LEITURA
Conceitos que o autor apresenta:

1. Economia
2. Microeconomia
3. Macroeconomia
4. Ciclos Econômicos
5. Booming
6. Busting
SUMÁRIO DO CAP 2

14 Questões que eu não consegui


copiar
POR QUE O GOVERNO NÃO
EQUILIBRA SUAS CONTA?

Os políticos são irresponsáveis diante
dos gastos
o
“O orçamento federal é construído de
forma a retirar a responsabilidade dos
políticos”
o
“O congresso evita responsabilidade
por meio da descentralização do
progresso orçamentário”

O Congresso privilegia interesses
particulares ao gastar.

O governo deveria institucionalizar
comportamentos e práticas de
controle orçamentário.

Representantes deveriam ser mais
responsáveis.

Mecanismos automáticos de restrição
orçamentária deveriam ser criados.

Subcomitês deveriam ser conta....
QUAL A DIFERENÇA ENTRE
DÉFICIT FEDERAL E DÍVIDA

Déficit Federal – ocorre quando se
FEDERAL?
gasta mais do que se recebe em
impostos em um determinado ano

Dívida Federal – envolve muito mais
do que dívidas anuais (é longo prazo
é mais profundo)
QUAL A DIFERENÇA ENTRE
DEFICITS CICLICOS,

Déficit unificado – inclui todos
ESTRUTURAIS E os
pagamentos e recebimentos do
governo UNIFICADOS

Déficits cíclicos – refere-se a uma
temporária diminuição de
recebimento de impostos e de uma
manutenção nos gastos sociais

Déficit estrutural – refere-se a uma
grave diminuição de recebimento de
impostos, colocando em dúvida a
QUAL O TAMANHO DA
DÍVIDA DOS EUA

“Very Big” – US$ 12.349 trilhões
(02/10).

PIB – soma de bens e serviços
produzidos. US$ 14,2 trilhões (2009).

Dívida/ PIB = US$ 1,9 trilhões/
86,9%, sendo 50% a média para
países desenvolvidos.

Calculo de divida e PIB n leva em
consideração os bens do país,
COMO OS DÉFICITS AFETAM
A ECONOMIA

Déficits Estruturais afetam muito
mais a economia do que Déficits
Cíclicos.

Quanto > déficit > Empréstimos do
Governo (utilização da poupança
publica via venda de títulos do
tesouro)

Quanto > Empréstimos utilizados
pelo Governo > taxa de juros
(demanda por fundos e maior que
SERÁ QUE DEFICITS
PREJUDICARAO AS

Déficits altos = maiores
GERAÇOES taxas de
FUTURAS?
impostos e aposentadorias
proporcionalmente menores

Contabilidade “geracional” – fornece
um quadro mais preciso sobre o que
o governo está fazendo pelas
gerações presentes e futuras
É POSSIVEL FAZER COM
QUE AS PESSOAS POUPEM
MAIS PARA SE PREPARAR
PARA PAGAMENTO DE
DÍVIDAS FUTURAS?
O QUE É UMA POLÍTICA
FISCAL

E uma ferramenta que consiste em
utilizar o orçamento do governo para
impulsionar a economia.

Política fiscal expansionista –
governo impulsiona a eco via
aumento de gastos e diminuição de
taxas.

Política fiscal restritiva – o governo
impulsiona a economia via
diminuição de gastos e aumento de
Por que as políticas fiscais
discricionárias não

Previsões ruins do governo
funcionam?

Medidas inadequadas em doses
erradas

Medidas aplicadas em momento
errado

Gastos desviados p grupos
poderosos

Efeitos negativos sobre o setor de
investimento privado
O QUE ERA A CURVA DE
PHILIPPS E PARA ONDE ELA

Relação entre a FOI
inflação e
desemprego quando o desemprego
está alto, preços ficam baixos.
Quanto desemprego esta baixo,
preços ficam altos

Friedman-Phelps contrapõe essa
ideia
O QUE É E COMO FUNCIONA
UMA POL MONETARIA?

Aumento ou diminuição de taxas de
juros e emissão de moeda.

Esforço para manter a quantia certa
de dinheiro na economia (permitindo
gastos sem provocar inflação).

Políticas monetárias não podem
mudar a “produtividade da
economia”.
O QUE É DINHEIRO?

Dinheiro não é um conceito puro e
pode ser representado por diferentes
símbolos ou objetos, conforme
convenção “coletiva”.

O que sustenta o “fornecimento de
dinheiro”? Mais do q o ouro, a
credibilidade no FED, no governo dos
EUA e nos contribuintes norte-
americanos, que deverão honrar
suas dívidas.
COMO O FED CRIA
DINHEIRO?

Por meio da autorização dada a
bancos privados para emprestar
mais.

A “reserve ratio” indicada pelo FED
determina a proporção de depósitos que
cada banco deve guardar ou n
emprestar

A “discount rate” é a taxa cobrada pelo
FED p emprestar dinheiro p os bancos.
Quando menor ela for, mais bancos
podem emprestar p o pub em geral
COMO É A ESTRUTURA DO
FED?

Ver depois....
CAPÍTULO 3
COMO É QUE O LIVRE
COMÉRCIO FUNCIONA?

Por meio da “mão invisível” do
mercado.

Por meio da lei da oferta (de
produtos com valor agregado, fruto
de inspiração e motivação por parte
do produtor) e da procura de bens e
serviços (importantes para a
população de um determinado local)
COMO OS PREÇOS MANTÉM
O MERCADO EQUILIBRADO?

Preços e lucros indicam ao
empreendedor o que produzir e a
que preço vender

Altos preços (ou produtos muito
desejados) geram altos lucros,
atraindo muitos investidores

Por sua vez muitos investidores
ofertando gera uma competição por
compradores, uma queda de preços
(para que a produção tenha saída),
SERÁ QUE O MERCADO
PODE FUNCIONAR SEM
Sim. “Quanto mais avançada
INFORMAÇÕES

é uma
COMPLETAS?
civilização, mas ela age sem possuir
o conhecimento de todos os fatos”
(Hayek apud Buchholz)

O mercado permite que pessoas
tomem decisões sem conhecer todas
as informações relevantes

O preço constitui a informação mais
importante a se conhecer antes de
se tomar uma decisão frente ao
O QUE É A ABORDAGEM
MARGINALISTA PARA OS

Consiste em desconsiderar o passado
ECONOMISTAS?
e decidir sobre os passos do futuro
pensando apenas no presente

O ponto de referencia é o presente

Quando parar? Quando os benefícios
do presente forem menores que os
custos presentes

Quantos passos devo acrescentar?
Quando os custos marginais (ou
COMO O MARGINALISMO
AFETA A OFERTA E A

Utilidade marginal
DEMANDA? – indica a relação
custo/utilidade ao longo do tempo

O custo de um produto e o “valor”
que ele representa para o
consumidor nem sempre coincidem
ao longo do tempo

Diversos fatores convergem para
aumentar a demanda extra/marginal
por um produto
O QUE É ELASTICIDADE, E
QUAL A SUA IMPORTÂNCIA?

Elasticidade – atitude de
sensibilidade diante de mudanças

Quanto mais alternativas (e tempo
para busca-las), mais elástico serão
os consumidores

Quanto mais impacto o preço tiver
no orçamento do consumidor, mais
elásticos estes serão

Quanto mais sensível ou indisposto a
SERÁ QUE MERCADO
COMPETITIVO FOI

Monopólios e oligopólios
DESTRUIDO não são
PELOS
imortais
GRANDES NEGÓCIOS?

Monopólios podem ser substituídos
por firmas mais criativas e
inovadoras

Intervenções do governo na
economia podem gerar efeitos mais
perversos que determinados
monopólios (sic).
COMO MONOPÓLIOS E
OLIGOPÓLIOS PERDEM O

MonopólioSEU
– situação em que uma
PODER?
única empresa é a única fornecedora
de um determinado bem ou serviço

Monopólio – “prêmio” dado a quem
inova

Monopólios são ruins – mantêm
preços e lucros altos ao restringir o
fornecimento de um bem

Monopólio não duram muito –
O QUE É MONOPÓLIO
NATURAL?

> eficiência > economia de escala

Empresa mantida + Empresa
regulada = consumidores protegidos

> tecnologia = < monopólios
O QUE É LEI ANTITRUSTE?

Lei que determina a eliminação de
cartéis, conspirações e combinações
entre empresas para estabelecer
preços

Nem sempre “big is bad” – o
mercado não precisa de diversos
competidores para ser competitivo

AULA 4 –

BUCHHOLZ – CAPÍTULO 5

COMO FUNCIONA A
ECONOMIA?
PRINCIPAIS CONCEITOS.
QUAL O GRU DE
INTERDEPENDENCIA ENTRE

Inseguranças –NÓS?
abertura e
fechamento ao mesmo tempo

Atualmente – aumento das redes
econômicas internacionais

Anos 30 – tarifas protecionistas
generalizadas = grande depressão

Anos 50 – queda de tarifas =
expansão comercial mundial
QUANTO É QUE OS EUA
COMERCIALIZAM?

ANOS 90 – EXPORTAÇÕES = 12% DA
PRODUÇÃO

> comércio > habilidades >
comércio

< mercado doméstico ...
COM QUEM OS EUA
COMERCIALIZAM?

Em primeiro lugar, como os vizinhos

Em segundo lugar, com diversos
países do globo.
POR QUE OS PAÍSES
COMERCIALIZAM?

Pelas mesmas razões que os
indivíduos

Para comprar aquilo que não
conseguem fabricar/ou se
especializar (a baixo preço e alta
qualidade)

Para vender aquilo que outros não
conseguem fabricar (a baixo preço
e/ou alta qualidade)
O QUE É “LAISSEZ-FAIRE”?

“laissez-faire” – deixa fazer

“deixem as pessoas fazerem o que
elas escolherem”

Livre comércio – “deixem as pessoas
comprarem produtos sem
interferência do Governo”

“Empresas gostam de competição,
mas pressionam por proteção”

Quanto mais proteção, menos preços
O QUE É PROTECIONISMO?

É impedir por meio de barreiras
tarifárias ou não tarifárias, que
produtos estrangeiros entrem no
mercado interno do país
protecionista e concorram com os
produtos nacionais, pressionando a
baixa de preços (e queda de lucros).
PROTECIONISMO PROTEGE
EMPREGOS?

Sim... Mas a que custo?

Produtos mais baratos ou de maior
qualidade são impedidos de entrar
no mercado = consumidores pagam
mais pelo mesmo produto ou por um
produto de menor qualidade

Manter empregos artificialmente =
impedir inovação e criatividade
empresarial = perder empregos a
médio e longo prazo
SERÁ QUE OUTROS PAÍSES
ATUAM DE FORMA JUSTA?

NÃO

Países aplicam barreiras tarifárias e
não tarifárias

Países exigem a criação de joint-
ventures para que empresas
estrangeiras atuem em seus
mercados

Países aceitam o título de voluntary
export restriction (VER), ou de
O QUE É “DUMPING”?

Ocorre quando produtos são
vendidos no exterior por um preço
mais baixo do que o aplicado no
mercado interno

Preço de produto no plano interno >
preço externo = Dumping (?)

Countervainling duty = medida de
compensação por dumping
O QUE FOI A “RODADA
URUGUAI” DO GATT?

Rodada de negociações com visitas a
estabelecer acordos de liberalização
tarifária

Rodada de negociações para
estimular para estimular o livre-
comércio
FALTEI A ÚLTIMA AULA
(11.10.2010)

COPIAR
O QUE É O NAFTA?

Acordo voltado para a formação de
uma área de livre comércio entre
EUA, Canadá e México.

Quais as consequências do NAFTA?
O QUE É A UNIÃO
EUROPÉIA?

Processo de integração Regional com
vistas à formação de área de livre
circulação de pessoas, bens e fatores
de produção.

Processo de integração com vistas à
tomada de decisões conjuntas e
estabelecimento de regras comuns/
uniformes em áreas diversas.
O QUE O BANCO MUNDIAL
E O FMI FAZEM?

Bancos como emprestadores de
dinheiro.

Bancos como promotores do
desenvolvimento, via
estabelecimento de condicionantes.

FMI – fornecedor de crédito e de
“conselhos”.
SERÁ QUE AS SANÇÕES
ECONÔMICAS CONTRA

Sanções – boicotesDA
“FORAS governamentais
LEI”
contra outro governo.
FUNCIONAM?

Quais efeitos bons? Quais efeitos
perversos?
O QUE É A BALANÇA
COMERCIAL?

Registros de Exportações (receitas) e
importações (despesas)

Bens e serviços tangíveis = produtos
“visíveis”

Bens intangíveis
O QUE É UMA CONTA DE
CAPITAL?

É um conjunto de “livros de registro
de contas” paralelo, em que são
acompanhadas as compras e vendas
e vendas de produtos de um
determinado país durante um
determinado período.
O QUE É UMA BALANÇA DE
PAGAMENTOS?

Registro sistemático de todas as
transações econômicas realizadas
entre os residentes de um
determinado país e os ...
TER UM DÉFICIT EM CONTA
CORRENTE É BOM OU RUIM?

Depende – países que crescem
precisam tomar dinheiro emprestado
para financiar novos projetos

Lucros obtidos por meio de novos
projetos servirão para pagar dívidas
feitas para financia-los

Déficits .....
O QUE ESTIMULA O
INVESTIMENTO DIRETO?

A possibilidade de lucro.

Mercados estáveis política e
economicamente.

Mercados estáveis em termos fiscais.

Mercados dinâmicos e com muitas
oportunidades de negócio.
SERÁ QUE INVESTIMENTO
DIRETO É BOM?

Normamente sim.

Afora exceções, IDEs possibilitam
novas plantas, equipamentos mais
modernos e aumento de
produtividade, inclusive com
aumento de salários e renda.

Quanto mais IDE, menores as taxas
para se obter empréstimos.

Porém, quanto mais IDE em áreas
POR QUE NÃO EXISTEM
APENAS UMA MOEDA?

Moedas reforçam símbolos e
sentimentos nacionais

Moedas permitem que governos
controlem seu próprio sistema
bancário

Moedas permitem que governos
controlem ... (seu sistema
financeiros)
O QUE SÃO TAXAS DE
TROCA FLUTUANTES?

TAXA CAMBIAL – PREÇO , EM MOEDA
NACIONAL DE UMA UNIDADE DE
MOEDA ESTRANGEIRA . Mede o valor
externo da moeda nacional

.....
PORQUE AS MOEDAS
MUDAM DE VALOR?

Por causa da oferta e da procura –
forças incidentes sobre a moeda

Variações no valor da moeda servem
para alterar escala de preços entre
os países

Valorização ou desvalorização da
moeda causas estruturais ou
conjunturais
SERÁ QUE SEMPRE TIVEMOS
TAXAS DE TROCA

NÃO FLUTUANTES?

....
O que é “FUGA DE CAPITAL”

Movimentação de capitais em função
da instabilidade política ou
econômica de um país.

Evitando a fuga – restauração da
confiança po meio de políticas
sensíveis.

Leis podem proibir retirada excessiva
de poupança.
O QUE É O PADRÃO OURO?

A unidade das moedas que
obedeciam a esse padrão tinha uma
equivalência em ouro.

Estabilidade na oferta de ouro
mantinha estabilidade de preços.

Problema – quando economia cresce
= crise de liquidez devido a caráter
rígido do sistema ouro (impedimento
de se emitir ou de se retirar moeda
do mercado artificialmente).

caporaso

Parte II
INTRODUÇÃO

Antes – economia como
administração do ambiente
domestico

Atualmente – economia política como
adm dos negocios eco do estados.
Debate sobre as responsabilidades
do estado com relação a eco

Sistema de “want satisfaction” – o
que comprar, o que pproduzir e como
distribuir bens para satisfação
QUESTÕES RELEVANTES

Regulação do mercado – Será que a
intervenção do Estado na economia
aumenta ou dificulta o
funcionamento do sistema de
satisfação?

A agenda pública – Qual a relação
entre fins públicos e interesses
privados?
POLÍTICA COMO SINÔNIMO
DE GOVERNO

GOV – máquina política formal de um
pais incluindo-se suas instituições,
leis , políticas publicas e atores
centrais

Política – atividades processos e
estruturas do governo

Fenômeno social – não é parte em si
da política, apesar de possuir
implicações políticas
POLÍTICA COMO SINÔNIMO
DE “PÚBLICO”

Economia – espaço privado

Política – espaço público

Espaço privado – pessoal indivíduos
ou pequeno grupo envolvido.

Espaço público – coletivo arena ou
atividades em que diversas pessoas
estão envolvidas de forma
substancial.

Externalidades – benefícios ou danos
INTERPRETAÇÕES DO
“PÚBLICO”

Publico como interesses privados
comuns (individuo é a base da
realidade social)

Público como uma construção social
(instituições sociais possuem sua
própria realidade, e não nascem em
resposta a demandas individuais)

Interesses X preferências publicas

Preferência pública – soma de
POLÍTICA COMO ALOCAÇÃO
AUTORITÁRIA DE VALORES

Política – método para decidir sobre
distribuição de recursos escassos

Easton – como valores são
determinados autoritariamente para
a sociedade

Autoridades fora e dentro do estado

Estado com elementos políticos e
não políticos (coercitivos ou
administração de consensos).
ECONOMIA COMO FORMA
DE AGIR

Economia- eficiência esforço mínimo
adaptação entre meios e fins

Economia – administração eficiente
de bens escassos. Calculo como meio
para utilização do que está
disponível, segundo necessidades.

Weber – cálculo racional para
atingimento de eficiência

Economia como caminho para se
ECONOMIA COMO SISTEMA
DE PROVISÃO MATERIAL

Economia – atividade caracterizada
não pelo seu modo de calculo, mas
por seu fim: a produção e reprodução
de bens ou obtenção de fins.

Economia – estudo do sistema ou
estrutura de reprodução da
sociedade como um todo, ou ao
menos daquele aspecto da sociedade
ligado à satisfação de necessidades,
estabelecidas socialmente.
A ECONOMIA COMO UMA
ÁREA ESPECÍFICA

Economia como entidade
separada:um lugar (o mercado), uma
esfera, um momento distinto nas
relações entre as pessoas.

O mercado como autorregulado,
independente de outras esferas
sociais.

O econômico como entidade distinta,
mas não independente das demais.

AULA 6

A. HAMILTON E F. LIST

PERSPECTIVA
MERCANTILISTA
CARACTERÍSTICAS DO
MERCANTILISMO CLÁSSICO

Centralidade / primazia da política

Eco como elemento para aumentar
poder estatal

Pensamento dominante nos séc 16
17 (antes de A. Smith)

A. Hamilton e F. List – defendem
princípios centrais do mercantilismo
contra critica liberal emergente
A. HAMILTON (1755-1804)

Desenvolvimento – estados sobre
desenvolvimento econômico nacional

Manufaturas – argumentos
mercantilistas clássicos em favor do
aumento de manufaturas
(diversificação da produção)

Ambiente doméstico – defesa do
mercado domestico como ambiente
mais confortável

Estado – papel ativo do Estado na
promoção de economia
manufatureira

Eliminação de obstáculos a
industrialização

Proteção e promoção da industria
nascente

Protecionismo – visão nacionalista
semelhante ao dos países em
desenvolvimento do sec XX

Tema do texto – necessidades dos
EUA em 1791, ligadas a promoção de
manufaturas

Superação de barreiras externas –
necessidade de promover ...

Superação de desvantagens externas
– favorável a independência e
segurança nacionais
ARGUMENTOS CONTRA O
DESENVOLVIMENTO DE

Agricultura
MANUFATURAS é o objeto-mais benéfico
LIBERAIS
e mais produtivo da indústria
humana

Estado n deve intervir no processo
de industrialização. Interesse privado
encontra o caminho mais lucrativo
para promove-la

Deixar a industria desenvolver-se
naturalmente é a melhor e mais
simples política
ARGUMENTOS CONTRA
LIBERAIS DE AH

Território dos EUA – nem sempre e
fértil ou produtivo .

Manufaturas – apesar da
preeminência do cultivo da terra
sobre outras áreas, manufaturas
podem ser benéficas a agricultura.

Riqueza – manufaturas podem
aumentar o total de mão de obra
produtiva, assim como a produção e
rendimento da sociedade.

Aumento do emprego – possibilidade
de emprego adicional com aumento
da produção.

Promoção da imigração – mão de
obra estrangeira necessária para
produção de manufaturados ou
mesmo para compensar o desvio de
mão de obra da agricultura.

Desenvolvimento de talentos –
quanto mais diversificada a industria

Liberdade – sistema n gera perfeita
liberdade p industria e comercio.

Mercado – por isso, mercado não
deve determinar qual pais se
especializara em produtos agrícola
ou manufaturados

Entraves – estados podem comprar
manufaturas de outros países, mas
não impedidos de criar suas próprias
commodities

Ajuda do estado –

Promoção de inovações por meio de
prêmios e encorajamentos

Promoção de mudanças necessárias em
tempo hábil

Competição em termos de igualdade, de
preço e qualidade, nem sempre é viável
sem a ajuda do estado. Disparidades
superadas via ajuda e proteção do
governo
PAÍS AGRICOLA E
INDUSTRIAL – VANTAGENS

Comercio mais lucrativo e prospero

Diminuição da dependência externa

Maior atratividade, com mercado
mais diversificado para compradores
estrangeiros

Maior probabilidade de se ter
balança equilibrada frente a outros
países

Maior probabilidade de se aumentar
MEDIDAS DE PROTEÇÃO
NACIONAL

Taxas protecionistas

Proibição de artigos rivais

Proibição de exportações de produtos
para a industria de manufaturados

Fornecimento de subsídios (pela
qualidade produzida ou exportada)

Prêmios (pela excelência e em casos
excepcionais)

F. LIST (1789-1846)

Analise teórica – critica aos
argumentos centrais da visão liberal

Nacionalismo – mundo é marcado
por rivalidades nacionais

Economia política – RI caracterizadas
por sua natureza conflituosa

Nação – unidade de analise central
da economia política

Países desenvolvidos – melhor

Regiões do globo – zonas quentes e
zonas temperadas

Zonas temperadas – adequada para
o desenvolvimento industrial, a qual
merece proteção do estado

Zonas quentes – adequada para a
agricultura e não necessita proteção
do estado

Argumento liberal – após
ECONOMIA COSMOPOLITA

Ciência que ensina como a
humanidade pode alcançar a
prosperidade (A. Smith).

Guerra ocorre eventualmente.

Regra é a ideia de paz perpétua, sob
mínima interferência do estado.

Estudam-se os interesse de toda a
sociedade humana, e não de uma
nação em particular.
ECONOMIA POLÍTICA

Ciência que estuda como uma
determinada nação pode obter
(segundo condições mundiais
existentes) prosperidade, ser
civilizada e ter poder (agrícola,
comercial e industrial)

Defesa da existência de
confederações de nações como
garantia para a existência da paz e
do principio do livre comercio

Ensinamentos sobre cada nação
pode alcançar o estagio de
desenvolvimento industrial, a partir
do qual outras nações igualmente
desenvolvidas poderão praticar o
livre comercio

Interesse nacional guia países em
suas escolhas políticas

Divisão internacional do trabalho –
países mais distantes não poderão se

CAPORASO & LEVINE

A. SMITH

A PERSPECTIVA CLÁSSICA
PERGUNTAS CENTRAIS

Ver questionário – debate em sala
N1

A tradição liberal caracteriza-se
principalmente por sua preocupaçaoi
com as relaçoes entre individuo
sociedade e gov no ambito
domestico. Apenas alguns
pensadores liberais dedicaram-se ao
estudo dos prob internacionais
N2

Sua preocupaçãocentral é com a
liberdade do individuo. Trata-se de
uma preocupação essencialmente
moderna herdeira do iluminismo que
afirma que os seres humanos são
capazes por intermedio da razao de
definir seu destino de maneira
autonoma. O ser humano é livre
porque é capaz de decidir o que e
bom e justo como indivíduos e
N3

As sob bem ordenadas tendem a ser
auto reguladas, ou seja são capazes
de corrigir, por meio de instituições e
processos inerentes a sua
organização, desequilíbrios,
ineficiências e crises que ameacem
sua existência e reprodução.

Os liberais afirmam que as
organizações políticas modernas
asseguram condições para o
N4

O est e percebido como um mal
necessario e uma ameaçla potencial.
Ele e necessario para proteger os ind
contra ameaças estrenas e contra
grupos e endividuos que,
internamente, não respeitem o
impreio da lei. A deesconfiançla em
relaçao ao estado é um traço
marcante da tradição libera. Do
ponto de vista interno, o risco do
N4

A situação de conflitpo potencial que
caracteriza o sist int – fruto da
promoção de conflitos pelo est - ...
N5

A paz é o efeito natural do comercio
pois gera uma relação de mutua
dependência entre as nações....
paises contribui para o
desenvolvimento do principio da
hospitalidade que, por sua vez, é um
elemento fundamental de uma paz
cosmopolita

A expansão do comercio faz com que
a troca passe a representar o
N6

Este e necessário para o bem estar
das nações, uma vez que explora a
complementaridade de economias
mais bem dotadas de recursos
naturais e mão de obra em setores
diferentes. O comercio internacional
é indispensável para um
desenvolvimento eco e aumento
progressivo da prosperidade das soc
modernas.
N7

As pol mercantilistas visam proteger
o mercado nac de modo a favorecer
certos setores da eco. As guerras
tem, frequentemente, o obj de
conquistar (beneficios para grupos
especificos)
Lib classico – aspectos
gerais

Temas centrais de debate –

A auto regulação do mercado – a nat
do merc e sua rel com o est

Teo do valor e da distribuiçao – a
produçao e uso do excedente

Idéias centrais defendidas

Autonomia da eco

Primazia da esfera eco
Origem do mundo civilizado

Resultado de comportamento
individual em busca da auto
satisfação (e não de planos pol ou
autoridade publica)

Resultado da evoluçao historica do
capitalismo

Resultado inesperado (n
programado) das diversas açoes
humanas em prol de objetivos
puramente privados
Vida publica X privada

Eco pol – valorização da vida civil/n
politica e privada. Nova relação entre
pol e soc civil, em q o papel do est e
revisto

Steuart – mudanças nascem de
forças sociais, e n estatais. Mudanças
são graduais e nem sempre
percebidas pelo ind
Papel do est

Steuart – papel central do est na
identificaçao de mudanças na
educaçao das pessoas para a
identificaçao de seus interesses
genuinos tanto publicos quanto
privados

Smith – pol é ruim. Ordem economica
e alcançada por meio de grupos n
politicos organizados de forma
independente do processo decisorio
Soc civil

Papel da eco – org dos elementos da
reproduçao material, ou seja, da
atividades que formam a divisao do
trab

Contrato – elemento de ligação entre
atividades que constituem a
repruduçao social tornando a eco
uma inst distinta / independente

Sist de prop privada – em que
pessoas são donas de sua pro
Agenda de pesq uisa dos
lib clas

Investigação sobre as propriedades
logicas do sist de proprietarios
autonomos e independentes cada
qual buscando satisfazer int proprios
e limitados unicamente pela
nexxecidade de se respeitar o direito
de prop do outreo

Invest sobre como o
mercadoassegura o proc estavel...
Mercado auto regulado

Funçao do mercado – satisfazer fins
privados de seus participantes

Fins privados = bem publico. Sera?

“sera que um sist sem mecanismos
de regulações gerais, composto por
entidades privadas, que buscam a
satisfaçao pessoal e egoista, ...
Regulação do mercado

Mercado funciona bem qdo os ind
são ao mesmo tempo compradores e
vendedores

Quando um ind age como comprador
r vendedor, dinheiro e mercadorias
circulam pello mercado

O mercado facilita a redistribuiçao da
prop de acordo com as necessidades
dos prop
Regulaçao do mercado

Se um produto n e desejado n será
vendido. Neste caso, o vendedor n
poderá receber o dinheiro necessário
para se tornar um comprador

Se um tab n e desejado, n poderá ser
trocado por salário, necessário para
se comprar produtos desejados

Dificuldades (temporárias) surgem
como fatores que incentivam ind a
adaptarem seus produtos e suas
Interesse privado e bem
publico

Ligação entre int privado e bem pub
e feita por meio do mercado

Importações – substituição por
produtos feitos internamente.
Resultado – incentivo a ind nacional,
aumento do emprego, aumento dos
investimentos, aumento da riqueza

Bem pub = aumento das ind da soc
da forma mais vantajosa possível
Tarefas do estado

Proteger a naçao contra a violencia e
invasao de outras soc independentes

Proteger os mercados de sua naçao
contra injustiças ou opressoes
praticadas por outros membros desta
naçao

Criar e manter certas instituições
trab pub com o intuito de satisfazer o
int geral