Вы находитесь на странице: 1из 4

O estudante deve ter espaço e apoio para

dedicar-se aos seus interesses e objetivos de vida

Trabalhar com “projetos de vida” dentro da escola é um complemento

Conceito
importante à personalização do ensino. Uma vez que você já sabe
quem são os seus jovens, agora é preciso descobrir aonde eles
querem chegar, para ajudá-los e orientá-los nesse caminho.

Mas, atenção! Não se trata apenas de perguntar:


o que você quer ser quando crescer?
Todo ser humano pensa sobre sua vida, suas escolhas e seus
planos. O estudante, que tem um futuro inteiro pela frente, depois
de sair da escola, está com a cabeça fervilhando de ideias e sonhos
o tempo todo.

Por exemplo: você se lembra de tudo que se passava na sua


cabeça, quando tinha a idade deles?

Inova Escola | Práticas para quem quer inovar na educação


Há uma enorme carga de expectativas e ansiedades sendo
depositada no jovem que, provavelmente, não terá como lidar
sozinho com tantas cobranças. A transição entre a adolescência e
a entrada na fase adulta pode trazer certa insegurança e confusão
em relação aos próximos passos e as rotas a serem escolhidos.
Agora, imagine essa avalanche Muitas dúvidas dos jovens, nesse período, podem ser minimizadas
de informações, dia pós dia, vindas da família, a partir de planos pensados e colocados no papel.
dos amigos, da escola, da comunidade,
Como já sabemos, os estudantes têm biografias muito distintas
junto à gama de conteúdos da internet. e, além de todas as informações que eles consomem diariamente,
os rumos que suas vidas vão tomar são cada vez mais variados.
Para muitas pessoas, pensar no futuro, fazer planos é algo natural.
Organizar-se para sua realização, entretanto, normalmente é um
grande desafio.

Inova Escola | Práticas para quem quer inovar na educação


Enquanto, no passado, a escola buscava uniformidade de
resultados para gerar operários capazes de participar da
economia industrial, hoje em dia dependemos muito mais da
pluralidade para melhorar um novo mercado e a qualidade
de vida. No mundo atual, com o amplo crescimento do
conhecimento humano, não é mais possível passar por todos
os conteúdos importantes à vida escolar de um estudante.

O essencial é que ele aprenda a identificar Quando personalizamos o ensino, a escola cria uma cultura de
dar a oportunidade para que os estudantes possam se dedicar
o que precisa, num determinado momento, ao desenvolvimento dos próprios interesses, com o apoio e a
e como acessar aquela informação orientação do professor, em busca do autoconhecimento e de
para avançar. metas pessoais.

Construir caminhos é construir o aqui e agora, ajudando os


jovens a entender sua relação com tudo que os cerca, buscando
soluções para as questões que os incomodam, neste momento, e
incentivando-os a refletir sobre as consequências de suas opções.

Inova Escola | Práticas para quem quer inovar na educação


Desafios
Como professor, revisitar a trajetória de construção
do seu projeto de vida

Convencer-se de que:

Não é preciso ter receio de se envolver demais sua prática com outros atores educativos
com os estudantes. O afeto é parte integral (pais, psicólogos, orientadores educacionais etc.).
de uma nova escola também A inovação acontece de forma muito mais espontânea,
quando temos pessoas com especializações
O projeto de vida dos alunos vai muito além e experiências diferentes trabalhando juntas
dos limites da escola e é importante para
o desenvolvimento social, intelectual É preciso ter resiliência. Pensar em desenvolver
e econômico de toda a sociedade na rotina das aulas um momento de projeto de vida
pode parecer complicado, mas tenha certeza
Você, professor, não tem de estar sozinho de que as consequências serão positivas
no trabalho de ajudar seus alunos a construir e gradativamente perceptíveis
seus projetos de vida. Pode e deve articular

Inova Escola | Práticas para quem quer inovar na educação