Вы находитесь на странице: 1из 1592

MANUAL DE SERVIÇO

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
PT-BR
Link para produto/motor

Produto Mercado do produto Motor


With cabine, 18X6 transmission, International Region F4DE9684
4WD
With cabine, 18X6 transmission, Latin America F4DE9684
4WD
With cabine, 18X6 transmission, International Region F4DE9684
4WD
With cabine, 18X6 transmission, Latin America F4DE9684
4WD

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
Conteúdo

INTRODUÇÃO
Motor ........................................................................................ 10
[10.001] Motor e cárter . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.1

[10.210] Bomba de elevação e linhas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.2

[10.216] Tanques de combustível . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.3

[10.218] Sistema de injeção de combustível . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.4

[10.250] Turbocompressor e linhas. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.5

[10.254] Coletores de admissão/escape e silenciador . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.6

[10.304] Sistema de lubrificação do motor . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.7

LY
[10.400] Sistema de resfriamento do motor . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.8

[10.408] Arrefecedor de óleo e linhas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.9


N
[10.414] Ventilador e acionamento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.10
O
Transmissão .............................................................................. 21
[21.113] Transmissão Powershift . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21.1
H

[21.135] Controles externos da transmissão Powershift . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21.2

[21.155] Componentes internos da transmissão Powershift . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21.3


N

[21.160] Super-redutor . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21.4


C

Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD)................................. 23


[23.202] Controle eletroidráulico . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 23.1

Sistema do eixo dianteiro............................................................. 25


[25.100] Eixo dianteiro motriz . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 25.1

[25.102] Conjunto da engrenagem cônica e diferencial . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 25.2

[25.108] Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos. . . . . . . . . . . . . . . . 25.3

Sistema do eixo traseiro .............................................................. 27


[27.100] Eixo propulsor traseiro motriz . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 27.1

[27.106] Conjunto da engrenagem cônica traseira e diferencial . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 27.2

[27.120] Acionamentos final e planetário. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 27.3

84417650A 31/07/2013
Tomada de Força (TDF) .............................................................. 31
[31.101] Controle mecânico traseiro . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 31.1

[31.104] Controle eletroidráulico traseiro . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 31.2

[31.114] Tomada de força traseira de duas velocidades . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 31.3

Freios e controles ....................................................................... 33


[33.110] Freio de estacionamento ou trava de estacionamento. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 33.1

[33.120] Freios de serviço mecânicos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 33.2

[33.202] Freios de serviço hidráulicos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 33.3

[33.224] Controle pneumático do freio do reboque. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 33.4

[33.300] Freios de serviço pneumáticos. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 33.5

LY
Sistemas hidráulicos ................................................................... 35
[35.000] Sistemas hidráulicos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 35.1
N
[35.300] Reservatório, arrefecedor e filtros. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 35.2

[35.106] Bomba de deslocamento variável. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 35.3


O
[35.102] Válvulas de controle da bomba . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 35.4

[35.105] Bomba de carga. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 35.5


H

[35.322] Sistema de pressão regulada/baixa. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 35.6


N

[35.220] Linhas e bomba hidráulica auxiliar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 35.7


C

[35.114] Válvula de controle de levantamento do engate de três pontos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 35.8

[35.116] Cilindro do engate de três pontos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 35.9

[35.204] Válvula de controle remoto. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 35.10

Sistema pneumático.................................................................... 36
[36.100] Sistema pneumático . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 36.1

Engates, barras de tração e acoplamentos do implemento .............. 37


[37.100] Barras de tração e engates de rebocamento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 37.1

[37.110] Engate de três pontos traseiro . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 37.2

Estruturas e lastro....................................................................... 39
[39.100] Estrutura . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 39.1

84417650A 31/07/2013
Direção ..................................................................................... 41
[41.101] Controle da direção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 41.1

[41.106] Tirantes. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 41.2

[41.200] Componentes de controle hidráulico . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 41.3

[41.216] Cilindros . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 41.4

Rodas ....................................................................................... 44
[44.511] Rodas dianteiras . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 44.1

[44.520] Rodas traseiras . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 44.2

Controle de clima da cabine ......................................................... 50


[50.100] Aquecedor. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 50.1

LY
[50.104] Ventilação . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 50.2

[50.200] Ar-condicionado . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 50.3


N
Sistemas elétricos....................................................................... 55
[55.000] Sistema elétrico . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 55.1
O
[55.100] Chicotes e conectores . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 55.2

[55.201] Sistema de partida do motor . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 55.3


H

[55.301] Alternador . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 55.4


N

[55.302] Bateria. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 55.5


C

[55.010] Sistema de injeção de combustível . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 55.6

[55.012] Sistema de resfriamento do motor . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 55.7

[55.640] Módulos eletrônicos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 55.8

[55.045] Sistema de controle do eixo dianteiro. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 55.9

[55.051] Comandos do Aquecimento, Ventilação e Ar Condicionado (HVAC) . . . . . . . . . . . . 55.10

[55.050] Sistema de controle de Aquecimento, Ventilação e Ar Condicionado (HVAC) . . 55.11

[55.523] Controles de engate da cabine . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 55.12

[55.130] Sistema de controle eletrônico do engate traseiro de três pontos . . . . . . . . . . . . . . . 55.13

[55.DTC] CÓDIGOS DE FALHA. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 55.14

Plataforma, cabine, lataria e adesivos ........................................... 90

84417650A 31/07/2013
[90.150] Cabine. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 90.1

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
INTRODUÇÃO

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
1
Conteúdo

INTRODUÇÃO

Orientação - Aviso importante sobre a manutenção do equipamento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3


PUMA 205, PUMA 225

Prefácio - Como usar e navegar por este manual . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4


PUMA 205, PUMA 225

Símbolos internacionais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9
PUMA 205 [ZBCR93847 - ], PUMA 205, PUMA 225 [ZBCR93847 - ], PUMA 225

Regras de segurança . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10
PUMA 205, PUMA 225

Consumíveis . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
2
INTRODUÇÃO

Orientação - Aviso importante sobre a manutenção do equipamento


PUMA 205, PUMA 225

Todos os trabalhos de reparos e manutenção listados neste manual devem ser executados apenas pelo pessoal
de revendas qualificadas, cumprindo rigorosamente as instruções fornecidas e usando, sempre que possível, as
ferramentas especiais.

Qualquer um que execute serviços de reparos e manutenção sem observar os procedimentos aqui fornecidos será
responsabilizado por quaisquer danos subsequentes.

O fabricante e todas as organizações da cadeia de distribuição, inclusive os revendedores locais, regionais ou na-
cionais, entre outros, se isentam de qualquer responsabilidade pelos danos causados por peças e/ou componentes
não aprovados pelo fabricante, inclusive aqueles usados para a manutenção ou o conserto do produto fabricado
ou comercializado pelo fabricante. De qualquer forma, nenhuma garantia é oferecida ou atribuída em relação ao
produto fabricado ou comercializado pelo fabricante no caso de danos causados por peças e/ou componentes não
aprovados pelo fabricante.

As informações neste manual estão atualizadas até a data de publicação deste. O aperfeiçoamento contínuo é
a política do fabricante. Algumas informações podem não ter sido atualizadas devido a modificações de um tipo
comercial ou técnico ou alterações em normas e legislações de países diversos.

Em caso de dúvida, consulte as Redes de Vendas e Serviços.

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
3
INTRODUÇÃO

Prefácio - Como usar e navegar por este manual


PUMA 205, PUMA 225

Este manual foi elaborado por um novo sistema de informações técnicas. Este novo sistema foi projetado para
fornecer informações técnicas eletronicamente por meio da web (eTIM), por DVD e por manuais impressos. Um
sistema de codificação, designado SAP, foi desenvolvido para vincular as informações técnicas a outras funções de
Suporte ao produto, como Garantia.

As informações técnicas são fornecidas para dar suporte à manutenção e ao reparo das funções ou sistemas na
máquina do cliente. Quando o cliente encontrar um problema na máquina, isso geralmente ocorre devido ao não
funcionamento de uma função ou sistema da máquina, ao funcionamento ineficiente, ou a máquina não responde
corretamente aos comandos do cliente. Quando for consultar as informações técnicas neste manual para resolver
algum problema do cliente, você encontrará todas as informações classificadas pela nova codificação SAP, de acordo
com as funções ou sistemas da máquina. Uma vez localizadas as informações técnicas para essa função ou esse
sistema, todos os dispositivos, componentes, conjuntos ou subconjuntos mecânicos, elétricos ou hidráulicos para
essa função ou sistema serão encontrados. Serão encontrados todos os tipos de informações que foram desenvolvi-
das para determinada função ou sistema: os dados técnicos (especificações), os dados funcionais (como funciona),
os dados de diagnósticos (códigos de falha e solução de problemas) bem como os dados de manutenção (remoção,
instalação, ajuste etc.).

Ao integrar a codificação SAP às informações técnicas, será possível procurar e recuperar com exatidão as informa-

LY
ções técnicas necessárias para resolver o problema do cliente na máquina. Isso é possível vinculando 3 categorias
de cada parte das informações técnicas durante o processo de redação.

A primeira categoria é a Localização, a segunda categoria é o Tipo de Informações e a terceira categoria é


o Produto:
N
• LOCALIZAÇÃO - é o componente ou a função na máquina que o trecho das informações técnicas irá descrever
(por exemplo, Tanque de combustível).
• TIPO DE INFORMAÇÃO - o trecho das informações técnicas que foi redigida para uma função ou um componente
O
específico na máquina (por exemplo, Capacidade seria um tipo de informação técnica que descreve a capacidade
do tanque de combustível).
• PRODUTO - é o modelo que as informações técnicas abrangem.
H

Cada uma das informações técnicas terá essas três categorias vinculadas. Será possível usar qualquer combina-
ção dessas categorias para localizar a informação técnica exata necessária para resolver o problema do cliente na
máquina.
N

Essas informações podem ser:


C

• o procedimento para remoção do cabeçote do cilindro


• uma tabela de especificações para uma bomba hidráulica
• um código de falha
• uma tabela de resolução de problemas
• uma ferramenta especial

84417650A 31/07/2013
4
INTRODUÇÃO

Conteúdo do manual
Este manual é dividido em Seções. Cada Seção é, então, dividida em Capítulos. As páginas do sumário estão in-
cluídas no início do manual, e depois dentro de cada Seção e dentro de cada Capítulo. Ao final de cada Capítulo
encontra-se um índice remissivo. As referências do número da página estão incluídas para cada parte das informa-
ções técnicas listadas no Sumário do Capítulo ou no Índice Remissivo do Capítulo.

Cada Capítulo é dividido em quatro tipos de informações:


• Dados técnicos (especificações) para todos os dispositivos, componentes, conjuntos ou subconjuntos mecânicos,
elétricos ou hidráulicos.
• Dados funcionais (como funciona) de todos os dispositivos, componentes, conjuntos ou subconjuntos mecânicos,
elétricos ou hidráulicos.
• Dados de diagnóstico (códigos de falha, solução de problemas elétricos e hidráulicos) de todos os dispositivos,
componentes, conjuntos ou subconjuntos mecânicos, elétricos ou hidráulicos.
• Dados de serviço (remoção, desmontagem, montagem, instalação) de todos os dispositivos, componentes, con-
juntos ou subconjuntos mecânicos, elétricos ou hidráulicos.

Seções
As Seções são agrupadas de acordo com as principais funções ou sistemas na máquina. Cada Seção é identificada

LY
por um número (00, 35, 55 etc.). As Seções incluídas no manual dependem do tipo e função da máquina para a
qual o manual foi redigido. Cada Seção tem uma página Sumário listada em ordem alfabética/numérica. Esta tabela
indica quais Seções podem ser incluídas em um manual para um produto específico.

PRODUTO
N
Tratores
Veículos com braços de trabalho:
retroescavadeiras, escavadeiras, skid steers etc.
O
Colheitadeira, forrageiras, enfardadeiras etc.
Semeadura, plantio, flutuação,
equipamento de pulverização etc.
Equipamento e ferramentas instalados
H

SEÇÃO etc.
00 – Manutenção X X X X X
05 - Acabamento da máquina e equipamento X X X X X
N

10 - Motor X X X X
14 - Caixa de engrenagens principal e acionamento X X X X
18 - Embreagem X X X
C

21 - Transmissão X X X X
23 - Sistema de tração nas quatro rodas (4WD) X X X X
25 - Sistema do eixo dianteiro X X X X
27 - Sistema do eixo traseiro X X X X
29 - Acionamento hidrostático X X X X
31 - Tomada de força (TDF) X X
33 - Freios e controles X X X X
35 - Sistemas hidráulicos X X X X
36 - Sistema pneumático X X X X
37 - Engates, barras de tração e acoplamentos do
implemento X X X
39 - Estruturas e lastro X X X X X
41 - Direção X X X X
44 - Rodas X X X X
46 - Embreagens da direção
48 - Esteiras e suspensão da esteira X X X
50 - Controle de clima da cabine X X X X
55 - Sistemas elétricos X X X X X
56 - Controle da peneira da colhedora de uva
58 - Anexos/plataformas X

84417650A 31/07/2013
5
INTRODUÇÃO

60 - Alimentação do produto X
61 - Sistema de medição X
62 - Compactação - Formação de fardos X
63 - Aplicadores de produtos químicos X
64 - Corte X
66 - Debulhamento X
68 - Amarração/enrolamento/torção X
69 - Carreta de fardos
70 - Ejeção X
71 - Sistema de lubrificação X X X X X
72 - Separação X
73 - Manuseio de resíduos X
74 - Limpeza X
75 - Preparação/finalização do solo
76 - Limpeza secundária/desengaçador
77 - Semeadura X
78 - Pulverização X
79 - Plantio X
80 - Armazenamento/descarga da colheita X
82 - Pá carregadeira dianteira e caçamba X X

LY
83 - Braço único telescópico X X
84 - Lanças, braços de escavação e caçambas X X
86 - Braço e lâmina do buldôzer X X
88 - Acessórios X X X X X
N
89 - Ferramentas X X X X X
90 - Plataforma, cabine, carroceria e adesivos X X X X
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
6
INTRODUÇÃO

Capítulos
Todos os Capítulos são identificados por um número, por exemplo, Motor - Motor e cárter - 10.001. O primeiro número
é idêntico ao número da Seção, por exemplo, o Capítulo 10.001 está dentro da Seção 10, Motor. O segundo número
representa o Capítulo contido naquela Seção.
SUMÁRIO
O Sumário do Capítulo lista todos os dados técnicos (especificações), os dados funcionais (como funciona), os dados
de diagnósticos (códigos de falha e solução de problemas) bem como os dados de manutenção (remoção, instalação,
ajuste etc.) que foram redigidos naquele capítulo para determinada função ou sistema na máquina.

Conteúdo
MOTOR
MOTOR - Motor e cárter – 10.001
DADOS TÉCNICOS
MOTOR - Motor e cárter - Especificações gerais (10.001 - D.40.A.10) 4

DADOS FUNCIONAIS

MOTOR - Motor e cárter - Descrição dinâmica (10.001 - C.30.A.10) 6

SERVIÇO

LY
MOTOR - Motor e cárter - Remoção (10.001 -F.10.A.10) 8

DIAGNÓSTICO
MOTOR - Motor e cárter - Solução de problemas (10.001 - G. 40.A.10) 10
N
ÍNDICE REMISSIVO
O
O Índice Remissivo do Capítulo lista, em ordem alfabética, todos os tipos de informações (denominadas unidades
de informação) que foram redigidos naquele capítulo para determinada função ou sistema na máquina.

Índice
MOTOR - 10
H

MOTOR
MOTOR - Motor e cárter - Descrição dinâmica (10.001 - C.30.A.10) 6
N

MOTOR - Motor e cárter - Especificações gerais (10.001 - D.40.A.10) 4


C

MOTOR - Motor e cárter - Remoção (10.001 -F.10.A.10) 8

MOTOR - Motor e cárter - Solução de problemas (10.001 - G. 40.A.10) 10

84417650A 31/07/2013
7
INTRODUÇÃO

Unidades de informação e Pesquisa de informações


Cada Capítulo é composto por unidades de informações. Cada unidade de informação possui o código SAP entre
parênteses. Isso indica a função e tipo de informação naquela unidade. Cada unidade de informação tem uma
página de referência naquele Capítulo. As unidades de informações oferecem um meio rápido e fácil de encontrar
apenas a parte correta das informações técnicas procuradas.

Exemplo de unidade de Tampa do bloco do motor - Dianteira – Remoção (10.102.AP.01 - F.10.A.10)


informações
Código SAP da unidade 10 102 AK 01 F 10.A.10
de informações
Classificação do código Motor Bandeja e Tampa do Dianteiro Dados de Remoção
SAP tampas bloco do serviço
motor

LY
N
NHIL12GEN0070A 1
O
Identifique a função e o tipo de informação a partir do código SAP para navegar até a unidade de informação
correta desejada.
• (1) Localização e (2) tipo de informação.
• (A) corresponde às seções no manual de serviço.
H

(B) corresponde aos capítulos do manual de serviço. Após (B) pode haver algumas informações adicionais. Neste
caso, vemos “.01”, que representa tampa do bloco “Dianteiro”. Essas opções podem ser dianteiro/traseiro, es-
querdo/direito, hidráulico/mecânico etc.
N

(C) corresponde ao tipo de informações listadas no sumário do capítulo: dados técnicos, dados funcionais, diag-
nóstico ou serviço.
(A) e (B) também são mostradas na numeração das páginas no rodapé da página.
C

O RESTO DA CODIFICAÇÃO NÃO ESTÁ LISTADO EM ORDEM ALFANUMÉRICA NESTE MANUAL.


• Uma tabela dos sumários será encontrada no início e no final de cada seção e capítulo.
Há um índice alfabético no final de cada capítulo.
• Referindo-se a (A), (B) e (C) da codificação, é possível seguir os sumários ou o índice remissivo (número de
página) e encontrar rapidamente as informações procuradas.

Cabeçalho e rodapé das páginas


O cabeçalho da página incluirá as seguintes referências:
• Descrição da Seção e do Capítulo

O rodapé da página incluirá as seguintes referências:


• Número da publicação para aquele manual.
• Referência da versão para aquela publicação.
• Data da publicação
• Seção, capítulo e página de referência, por exemplo, 10.102/9

84417650A 31/07/2013
8
INTRODUÇÃO

Símbolos internacionais
PUMA 205 [ZBCR93847 - ], PUMA 205, PUMA 225 [ZBCR93847 - ], PUMA 225

Como orientação para a operação da máquina, vários símbolos universais foram utilizados nos instrumentos, con-
troles, interruptores e caixa de fusíveis. Os símbolos são ilustrados abaixo com uma indicação do significado.

Vela aquecedora Tomada de força Controle de


Baliza giratória
de partida a frio (TDF) reação

Carga do Transmissão em Soquete para


Memória ativada
alternador neutro acessórios

Nível de Sinais de Seleção do Soquete para


combustível conversão super-redutor implementos
Desligamento Sinais de
Porcentagem de
automático de conversão-um Seleção de baixa
patinagem
combustível reboque
Sinais de Subida do
Rotação do motor
conversão -dois Seleção de alta levantador
(rev/min x 100)
reboques hidráulico

LY
Abaixamento
Lavador do Velocidade de
Horímetro do levantador
para-brisa deslocamento
hidráulico
Limite de altura
Pressão do óleo Limpador do Bloqueio do
do levantador
do motor para-brisa diferencial
N
hidráulico
Temperatura
Controle de Temperatura do Levantador
do líquido de
temperatura da óleo do eixo hidráulico
O
arrefecimento do
calefação traseiro desabilitado
motor
Ventilador de Filtros da
Nível do líquido de Pressão do óleo
recirculação da transmissão e
arrefecimento da transmissão
cabine hidráulicos
H

Tração Dianteira Extensão da


Condicionador de
Luzes da máquina Auxiliar (TDA) válvula de
ar
N

acionada controle remoto


Retração da
Restrição do filtro
Farol principal Advertência! válvula de
de ar
C

controle remoto
Flutuação da
Freio de Perigo luzes de
Farol baixo válvula de
estacionamento advertência
controle remoto
Mau
Lâmpadas de Nível do fluido de funcionamento!
Controle variável
trabalho freio Consulte o
Manual
Mau
Lâmpada de Pressurizado! funcionamento!
Freio de reboque
parada Abra com cuidado (símbolo
alternativo)
Advertência!
Controle de Nível do fluido de
Buzina Substância
posição freio
corrosiva

84417650A 31/07/2013
9
INTRODUÇÃO

Regras de segurança
PUMA 205, PUMA 225

NORMAS DE SEGURANÇA
Generalidades
• Siga rigorosamente os procedimentos de reparo e manutenção.
• Não use anéis, relógios de pulso, jóias, bijuterias, acessórios, peças de vestuário desabotoadas ou soltas como
gravatas, roupas rasgadas, echarpes, jaquetas ou camisas abertas com zíperes abertos que poderiam ficar presos
nas peças móveis. Use vestimentas de segurança aprovadas como calçados antiderrapantes, luvas, óculos de
proteção, capacetes, etc.
• Use óculos de segurança com proteção lateral ao limpar peças usando ar comprimido.
• Cabos e correntes desgastados ou danificados não são confiáveis. Não utilize esses elementos em operações de
levantamento ou reboque.
• Use o equipamento de segurança regulamentado, como proteção para os olhos aprovada, capacetes, roupas,
luvas e calçados especiais sempre que fizer soldagens. Todas as pessoas próximas ao processo de soldagem
devem usar proteção para os olhos regulamentada. NUNCA OLHE PARA O ARCO DE SOLDA SEM ESTAR
USANDO A PROTEÇÃO ADEQUADA PARA OS OLHOS.

LY
• Nunca faça nenhum conserto na máquina se houver alguém no assento do operador, a não ser que a pessoa seja
um operador capacitado auxiliando no serviço a ser executado.
• Nunca funcione a máquina ou use acessórios a partir de um local que não seja o assento do operador ou ao lado
da máquina quando operar os interruptores do para-lamas.
• Nunca execute nenhuma operação na máquina com o motor funcionando, exceto quando houver uma indicação
N
específica. Desligue o motor e libere toda a pressão dos circuitos hidráulicos antes de retirar tampas, capas,
válvulas, etc.
O
• Todas as operações de reparo e manutenção devem ser executadas o máximo de cuidado e atenção.
• Desconecte as baterias e coloque etiquetas de alerta em todos os controles para avisar que o trator está sendo
consertado. Bloqueie a máquina e todos os equipamentos que são levantados.
• Nunca verifique ou abasteça os tanque de combustível ou baterias, nem use fluido de partida se estiver fumando
H

ou próximo a chamas expostas, pois esses fluidos são inflamáveis.


• A pistola de abastecimento de combustível deve permanecer em contado com o bocal de enchimento. Mantenha
N

esse contato até que o combustível pare de escoar no tanque para evitar faíscas por causa da acumulação de
eletricidade estática.
• Para transportar um trator com defeito, use um reboque ou um carrinho de plataforma de carga baixa, se houver.
C

• Para carregar e descarregar a máquina do meio de transporte, escolha um local plano que ofereça um apoio firme
para as rodas do caminhão ou reboque. Amarre a máquina com firmeza à plataforma do reboque ou caminhão de
acordo com os requisitos do transportador.
• Sempre use mecanismos de içamento de capacidade apropriada para levantar ou mover componentes pesados.
• As correntes sempre devem estar presas de forma segura. O dispositivo de fixação deve ter capacidade suficiente
para suportar a carga prevista. É proibida a permanência de pessoas próximo ao ponto de fixação.
• A área de trabalho deve estar sempre LIMPA e SECA. Limpe imediatamente se houver algum derramamento de
água ou óleo.
• Nunca use gasolina, óleo diesel ou outros líquidos inflamáveis para limpar. Use solventes não tóxicos exclusivos.
• Não acumule panos encharcados de óleo ou graxa pois eles podem causar um risco de incêndio. Sempre guarde
esses panos em um recipiente de metal.

PARTIDA
• Nunca funcione o motor em espaços fechados que não estão equipados com um sistema adequado de exaustão
ou extração de gases.
• Nunca aproxime a cabeça, corpo, braços, pernas, pés, mãos e dedos dos ventiladores ou correias giratórias.

84417650A 31/07/2013
10
INTRODUÇÃO

MOTOR
• Sempre folgue a tampa do radiador devagar antes de removê-la para dissipar a pressão do sistema. O fluido de
arrefecimento deve ser completado quando o motor estiver parado.
• Não encha o tanque de combustível quando o motor estiver funcionando.
• Nunca regule a bomba de injeção de combustível quando o trator estiver se movendo.
• Nunca lubrifique o trator quando o motor estiver funcionando.

SISTEMAS ELÉTRICOS
• Se for necessário utilizar baterias auxiliares, os cabos devem ser conectados em ambos os lados da seguinte
forma: (+) com (+) e (-) com (-). Evite causar um curto-circuito nos terminais. O GÁS LIBERADO PELAS BATE-
RIAS É ALTAMENTE INFLAMÁVEL. Durante o carregamento, deixe o compartimento da bateria para melhorar a
ventilação. Evite faíscas ou pontos de chama próximo à bateria. Não fume.
• Não carregue as baterias em espaços fechados.
• Sempre desconecte as baterias antes de executar qualquer tipo de serviço no sistema elétrico.

SISTEMA HIDRÁULICO

LY
• Um pouco de fluido saindo de um orifício pequeno pode ser quase invisível, mas forte o bastante para penetrar
a pele. Por essa razão, NUNCA USE AS MÃOS PARA VERIFICAR A PRESENÇA DE VAZAMENTOS; em vez
disso, use um pedaço de papelão ou madeira. Se algum fluido penetrar a pele, procure assistência médica ime-
diatamente. A falta de assistência médica imediata pode resultar em infecções ou dermatites graves.
• Sempre leia a pressão do sistema usando os medidores apropriados.
N
RODAS E PNEUS
O
• Verifique se os pneus estão calibrados corretamente com a pressão especificada pelo fabricante. Inspecione os
aros e pneus regularmente para ver se existe algum dano.
• Fique ao lado do pneu enquanto estiver enchendo de ar.
H

• Verifique a pressão somente quando o trator estiver descarregado e os pneus estiverem frios para evitar leituras
erradas por causa da sobrepressão.
• Nunca corte e nem solde um aro com o pneu cheio montado.
N

• Para remover as rodas, trave ambas as rodas dianteiras e traseiras do trator. Levante o trator e instale suportes
estáveis e seguros sob o trator de acordo com a legislação em vigor.
C

• Esvazie o pneu antes de remover algum objeto preso na banda de rodagem.


• Nunca encha os pneus usando gases inflamáveis, eles podem causar explosões e ferir pessoas próximas.

REMOÇÃO E INSTALAÇÃO
• Levante e manuseie todos os componentes pesados utilizando dispositivos de içamento com a capacidade apropri-
ada. As peças devem estar suspensas por ganchos e eslingas adequados. Utilize os olhais de içamento fornecidos
para essa finalidade. Cuidado com a presença de pessoas próximo à carga içada.

PRECAUÇÕES DE SAÚDE E SEGURANÇA


Diversos procedimentos associados aos serviços de manutenção e reparo do veículo envolvem perigos físicos e
outros riscos para a saúde. Esta seção lista, em ordem alfabética, alguns desses procedimentos perigosos e os
materiais e equipamentos a eles associados. Identificam-se as precauções necessárias para evitar esses perigos.
A lista não está completa e todas as operações e procedimentos e o manuseio de materiais devem ser conduzidos
considerando a saúde e a segurança.

ÁCIDOS E ÁLCALIS
veja Ácidos de bateria; p.ex., soda cáustica, ácido sulfúrico.
Utilizados em baterias e materiais de limpeza.

84417650A 31/07/2013
11
INTRODUÇÃO

Irritante e corrosivo para a pele, olhos, nariz e garganta. Causam queimaduras.


Evite respingar nos olhos, pele, nariz e roupas. Use luvas e óculos de proteção adequados. Pode destruir as roupas
de proteção comuns. Não inspire os vapores.
Água e sabão devem estar sempre disponíveis para o caso de respingos acidentais.

ADESIVOS E SELANTES
veja Incêndio
Altamente inflamável, inflamável, combustível.
Em geral, devem ser armazenados em áreas onde é "Proibido fumar". Deve-se observar cuidados de limpeza e
organização durante o uso; p.ex., bancos revestidos de papel descartável; utilize aplicadores quando possível; reci-
pientes, inclusive recipientes secundários, devem ser rotulados.

Adesivos/Selantes à base de solvente


Veja Solventes.
Siga as instruções do fabricante.

Adesivos/Selantes à base de água

LY
Aqueles à base de emulsões de polímero e borracha reticulada podem conter pequenas quantidades de substâncias
químicas prejudiciais. Deve-se evitar o contato com os olhos e a pele e garantir uma ventilação adequada durante a
utilização.
Siga as instruções do fabricante.
N
Adesivos/Selantes à base de resina
p.ex., à base de formaldeído e epóxido.
O
Pode haver liberação de substâncias químicas voláteis prejudiciais ou tóxicas, por isso a mistura deve ser executada
apenas em áreas bem ventiladas.
O contato da pele com endurecedores ou resinas não curadas pode resultar em irritação, dermatites e a absorção
de substâncias químicas tóxicas ou prejudiciais através da pele. Respingos podem causar ferimentos nos olhos.
Garanta a ventilação adequada e evite o contato com a pele e os olhos. Siga as instruções do fabricante.
H

Anaeróbicos, cianoacrilatos e outros adesivos acrílicos


N

Muitos são irritantes, sensibilizantes ou prejudiciais à pele. Alguns são irritantes de olhos.
Deve-se evitar o contato com os olhos e a pele. Siga as instruções do fabricante.
Adesivos de cianoacrilato (super-colas) não devem entrar em contato com a pele ou olhos. Se o tecido da pele
C

ou olho estiver colado, cubra com uma compressa úmida e procure assistência médica. Não tente puxar o tecido
grudado. Use em áreas bem ventiladas, pois os vapores podem irritar o nariz e os olhos.
Para sistemas de duas embalagens, consulte o item Adesivos/Selantes à base de resina.

Adesivos/Selantes de isocianato (poliuretano)


veja Adesivos à base de resina.
Indivíduos que sofrem de asma ou alergias respiratórias não devem trabalhar com esses materiais e nem ficar pró-
ximo a eles, pois podem ocorrer reações de sensibilização.
Pulverizações (aplicações de spray) devem ser executadas, de preferência, em cabines ventiladas com exaustão
retirando os vapores e borrifos da zona de respiração. Os indivíduos trabalhando com pulverizações devem utilizar
respiradores com suprimento de ar.

ANTICONGELANTE
Veja Incêndios, Solventes - p.ex. Isopropanol, Etilenoglicol e Metanol.
Altamente inflamável, inflamável, combustível.
Usado em sistemas de refrigeração de veículos, sistemas de pressão de freios a ar, soluções de limpeza de tela.
Os vapores do anticongelante do fluido de arrefecimento (glicol) sobem apenas quando aquecidos.
O anticongelante pode ser absorvido através da pele em quantidades tóxicas ou prejudiciais. A ingestão do anticon-
gelante é fatal e é preciso procurar assistência médica imediatamente.

84417650A 31/07/2013
12
INTRODUÇÃO

ARCO DE SOLDA
ver Soldagem.

ÁCIDOS DE BATERIA
veja Ácidos e Álcalis.
Os gases liberados durante o carregamento são explosivos.
Nunca deixe chamas expostas ou faíscas próximo a baterias que estão carregando ou que foram carregadas recen-
temente.

FLUIDOS DE FREIO E EMBREAGEM (Polialquileno Glicol)


veja Incêndio.
Combustível.
Respingos na pele e nos olhos causam uma irritação leve.
Evite ao máximo o contato com os olhos e a pele.
Os perigos da inalação de vapores não aumentam à temperatura ambiente por causa a pressão de vapor muito baixa.

BRASAGEM

LY
ver Soldagem.

PRODUTOS QUÍMICOS - GERAL


Ver os Aspectos Jurídicos.
N
Os produtos químicos como solventes, selantes, adesivos, tintas, espumas de resina, ácidos de bateria, anticon-
gelante, fluido de freio, óleos e graxas sempre devem ser usados e manuseados com cuidado. Eles podem ser
prejudiciais, tóxicos, corrosivos, irritantes ou altamente inflamáveis, e ainda emitem vapores ou pós perigosos.
O
O efeito da exposição excessiva a substâncias químicas pode ser de manifestação imediata ou atrasada; breve ou
permanente; acumulativo; superficial; causar risco de morte ou ainda pode reduzir a expectativa de vida.

FAÇA
H

Remova os produtos químicos da pele e vestimentas o mais rápido possível após o contato. Troque as roupas muito
sujas e providencie a limpeza delas.
Leia e cumpra rigorosamente as recomendações de segurança presentes nos recipientes dos produtos (rótulos) e
N

nos folhetos, pôsteres ou outras instruções que os acompanham. As folhas de dados de saúde e segurança são
fornecidas pelos Fabricantes.
Organize os métodos de trabalho e os equipamentos de proteção para evitar o contato com a pele, os olhos; a
C

inalação de vapores/aerosois/pós/fumaça; a identificação inadequada dos recipientes; riscos de incêndio e explosão.


Lave-se antes das pausas no trabalho; antes de comer, fumar, beber ou usar o banheiro ao lidar com produtos
químicos.
Mantenha as áreas de trabalho, limpas, organizadas e sem derramamentos.
Faça o armazenamento de acordo com a legislação local e nacional.
Mantenha os produtos químicos fora do alcance das crianças.

NÃO FAÇA
Não misture os produtos químicos exceto se estiver de acordo com as instruções do fabricante. Algumas substâncias
podem formar outras substâncias químicas tóxicas ou prejudiciais; emitir vapores tóxicos ou prejudiciais ou ainda se
tornarem explosivas após a mistura.
Não pulverize produtos químicos, especialmente aqueles à base de solventes, em espaços fechados - p.ex., quando
existem pessoas dentro do veículo.
Não aplique calor ou chama em produtos químicos exceto se isso estiver de acordo com as instruções do fabricante.
Alguns são altamente inflamáveis ou podem liberar vapores tóxicos ou prejudiciais.
Não deixe os recipientes abertos. Os vapores emitidos podem ser acumular em concentrações tóxicas, prejudiciais
ou explosivas. Alguns vapores são mais pesados que o ar e se acumulam em áreas confinadas, valas etc.
Não coloque produtos químicos em recipientes não identificados.
Não limpe as mãos ou roupas com produtos químicos. As substâncias químicas, em especial os solventes e com-
bustíveis, ressecam a pele e podem causar irritações com dermatite. Alguns podem ser absorvidos através da pele
em quantidades tóxicas ou prejudiciais.

84417650A 31/07/2013
13
INTRODUÇÃO

Não use os recipientes vazios para armazenar outros produtos, exceto quando a limpeza destes tenha sido execu-
tada sob supervisão.
Não tente cheirar ou inalar os produtos químicos. A exposição rápida a altas concentrações de fumaça pode ser
tóxica ou prejudicial.

Fluidos de embreagem
veja Fluidos de freio e embreagem.

Pastilhas e revestimentos da embreagem


veja Pastilhas e Revestimentos de Freio e Embreagem.

MATERIAL DE PROTEÇÃO ANTICORROSIVA


Veja Solventes, Incêndio.
Altamente inflamável, inflamável.
Esses materiais são variados e é preciso seguir as instruções dos fabricantes. Eles podem conter solventes, resinas,
derivados de petróleo etc. O contato com a pele e os olhos deve ser evitado. A pulverização deve ser executada em
condições de ventilação adequada e nunca em espaços fechados.

LY
Cortes
ver Soldagem.

Remoção de cera
N
veja Solventes e combustíveis (querosene).
O
PÓS
Pós, poeiras ou nuvens podem ser irritantes, prejudiciais ou tóxicos. Evite a inalação da poeira de produtos químicos
pulverulentos ou o pó resultante de serviços de abrasão a seco. Utilize uma proteção respiratória se não houver
H

ventilação adequada.

ELETROCHOQUE
N

Eletrochoques resultam do uso de equipamentos elétricos defeituosos ou do uso incorreto de equipamentos em boas
condições.
C

Os equipamentos elétricos devem ser mantidos em boas condições e testados com frequência.
Verifique se os fios, cabos, tomadas, plugues e soquetes não estão desgastados, trincados, cortados, quebrados ou
apresentam algum tipo de dano.
O equipamento elétrico deve estar protegido por fusível com capacidade nominal adequada.
Nunca use o equipamento elétrico de forma inadequada e nunca use um equipamento que tenha algum defeito. As
consequências podem ser fatais.
Use equipamentos de baixa tensão ( 110  volt) para luzes de trabalho e inspeção sempre que possível.
Cuide para que os cabos de equipamentos elétricos móveis não fiquem presos e danificados, como em um guincho
motorizado.
Utilize equipamentos pneumáticos em vez de equipamentos elétricos sempre que possível.

Em caso de eletrocussão:-
• desligue a eletricidade antes de se aproximar da vítima
• se isso não for possível, empurre ou arraste a vítima para longe da fonte de energia usando um material seco e
não condutivo
• inicie a ressuscitação se sido treinado para tal
• PROCURE A ASSISTÊNCIA MÉDICA

84417650A 31/07/2013
14
INTRODUÇÃO

VAPORES DE ESCAPAMENTO
Esses vapores contêm substâncias químicas asfixiantes, tóxicas ou prejudiciais, como os óxidos de carbono, aldeí-
dos, hidrocarbonetos aromáticos e chumbo. Motores só devem funcionar em condições de extração adequada ou
ventilação geral e nunca em espaços fechados.

Motor a gasolina
As propriedades de odor e irritação de aviso podem não alertar o usuário a tempo, antes de aparecerem os efeitos
tóxicos ou prejudiciais imediatos ou posteriores.

Motor a diesel
A fuligem, o desconforto e a irritação geralmente alertam para concentrações de fumaça perigosa.

ISOLAMENTO DE FIBRA
veja Pós.
Utilizado para o isolamento acústico.
A natureza fibrosa das superfícies e as bordas cortadas podem causar irritações na pele. O efeito, em geral, é físico
e não químico.

LY
Deve-se tomar precauções para evitar o contato excessivo da pele cuidando da organização dos métodos de trabalho
e o uso de luvas.

INCÊNDIO
N
ver Soldagem, Espumas e Aspectos Jurídicos.
Diversos materiais relacionados ao conserto de veículos são altamente inflamáveis. Alguns liberam fumaça tóxica
ou prejudicial quando queimados.
O
Observe rigorosamente as recomendações de segurança contra incêndio ao armazenar e manusear material infla-
mável ou solventes, especialmente próximo a equipamentos elétricos ou processos de soldagem.
Antes de usar qualquer equipamento elétrico ou de solda, verifique se não há nenhum risco de incêndio.
Tenha sempre um extintor de incêndio adequado por perto, quando usar equipamentos de solda ou aquecimento.
H

PRIMEIROS SOCORROS
Além do cumprimento de requisitos jurídicos, sempre se recomenda que alguém da oficina tenha sido treinado a
N

respeito dos procedimentos de primeiros socorros.


Respingos nos olhos devem ser lavados com água corrente limpa por, pelo menos, dez minutos.
A pele contaminada deve ser lavada com sabão e água.
C

Os indivíduos que inalarem vapores prejudiciais devem ser levados para ambientes de ar fresco imediatamente.
Se houve ingestão da substância ou se os efeitos persistirem, consulte um médico com as informações (rótulo) do
material usado.
Não induza o vômito (exceto quando indicado pelo fabricante).

ESPUMAS - Poliuretano
veja Incêndio.
Utilizadas para o isolamento acústico. Espumas curadas usadas para colchoar assentos e acabamentos.
Siga as instruções do fabricante.
Componentes não reagidos são irritantes e podem ser prejudiciais aos olhos e pele. Use luvas e óculos de proteção.
Indivíduos com doenças respiratórias crônicas, asma, problemas nos brônquios ou um histórico de doenças alérgicas
não devem trabalhar com materiais não curados e nem ficar próximo a eles.
Os componentes, vapores, nuvens de aerosol podem causar irritação, reações de sensibilidade e podem ser tóxicos
ou prejudiciais.
Não se deve respirar os vapores e nuvens de aerosol. Esses materiais devem ser aplicados com proteção respi-
ratória e ventilação adequadas. Não tire o respirador quando acabar de pulverizar; aguarde até que os vapores e
nuvens se dispersem.
A queima de componentes não curados e as espumas curadas podem gerar vapores tóxicos e prejudiciais.
Não permita que fumem, nem a presença de chamas expostas ou o uso de equipamentos elétricos durante a apli-
cação de espuma e até que os vapores/nuvens se dispersem.

84417650A 31/07/2013
15
INTRODUÇÃO

O corte a quente de espumas curadas ou parcialmente curadas devem ser executado em ambiente com sistema de
ventilação com extração (veja a Seção 44 Aspectos Jurídicos e de Segurança).

Combustíveis
veja Incêndio, Aspectos Jurídicos, Substâncias Químicas - Geral, Solventes.
Utilizados como combustível e material de limpeza.

Gasolina
Altamente inflamável.
A ingestão pode causar irritações na boca a garganta, e a absorção pelo estômago pode causar tonturas e perda de
consciência. Pequenas quantidades podem ser fatais para crianças. Aspirar o líquido para os pulmões - p.ex., pelo
vômito - é um risco grave.
A gasolina resseca a pele e causa irritação e dermatite após o contato prolongado ou recorrente. O líquido nos olhos
causa uma dor lancinante.
A gasolina para motores podem conter uma quantidade considerável de benzeno, que é tóxico se inalado, as con-
centrações de vapores de gasolina devem ser mantidas baixas. Altas concentrações causam irritações nos olhos,
nariz e garganta, náusea, dores de cabeça, depressão e sintomas de embriaguez. Concentrações altíssimas resul-
tam em uma rápida perda de consciência.
Garanta uma ventilação adequada ao manusear e usar gasolina. Tenha extremo cuidado para evitar as consequên-

LY
cias graves de uma inalação se houver acúmulo de vapores decorrentes de derramamentos em espaços fechados.
As operações de limpeza e manutenção de tanques de armazenamento de gasolina requerem precauções especiais.
Não se deve usar a gasolina como material de limpeza. Não se deve transferir gasolina de um recipiente para outro
fazendo um sifão com a boca.
N
Querosene (Parafina)
Utilizado como combustível para aquecimento, solvente e material de limpeza.
O
Inflamável.
A ingestão do querosene pode causar irritação da boca e garganta. O maior perigo da ingestão do querosene é
a possibilidade de aspiração para os pulmões. O contato com o líquido resseca a pele e pode causar irritação ou
dermatite. Os respingos na pele e nos olhos causam uma irritação leve.
Em condições normais, a baixa volatilidade não libera vapores prejudiciais. A exposição aos vapores e nuvens de
H

querosene a temperaturas elevadas deve ser evitada (pode haver uma liberação de vapores nos processos de re-
moção de cera).
Evite ao máximo o contato com os olhos e a pele e garanta uma ventilação adequada.
N

Óleo combustível (Diesel)


C

veja Combustíveis (querosene).


Combustível.
O contato da pele com grandes quantidade ou prolongado com os óleos combustíveis de alta ebulição pode causar
doenças de pele graves, inclusive câncer de pele.

CILINDROS DE GÁS
veja Incêndio.
Em geral, os gases, como o oxigênio, dióxido de carbono, argon e propano, são armazenados em cilindros a pres-
sões de até 140  bar( 2000  lb/in2). É preciso ter bastante cuidado ao manuseá-los para evitar danos físicos nos
cilindros e acessórios da válvula. O conteúdo de cada cilindro deve ser identificado com clareza, utilizando etiquetas
adequadas.
Os cilindros devem ser armazenados em compartimentos bem ventilados e protegidos de gelo, chuva ou luz solar
direta. Gases combustíveis (p.ex., acetileno e propano) não devem ser armazenados próximos aos cilindros de
oxigênio.
Cuide para evitar vazamentos nos cilindros e linhas de gás e para evitar as fontes de ignição.
Apenas pessoal qualificado deve executar serviços que utilizam os cilindros.

Gases
veja Cilindros de gás.

84417650A 31/07/2013
16
INTRODUÇÃO

Soldagem com proteção de gás


ver Soldagem.

Soldagem a gás
ver Soldagem.

EQUIPAMENTOS E FERRAMENTAS GERAIS DA OFICINA


Todos os equipamentos e ferramentas devem ser mantidos em boas condições, e o equipamento de segurança
correto deve ser utilizado onde for necessário.
Nunca utilize ferramentas ou equipamentos para nenhuma finalidade que não seja aquela para a qual eles se des-
tinam.
Nunca sobrecarregue equipamentos como guinchos, macacos, bases de chassis e eixos ou eslingas de içamento.
Os danos causados pela sobrecarga nem sempre aparecem de imediato e podem resultar em um acidente fatal na
próxima vez em que o equipamento for usado.
Não utilize equipamentos ou ferramentas defeituosos ou danificados, em especial os equipamentos de alta veloci-
dade, como rebolos de esmeril. Um rebolo danificado pode se desintegrar de repente e causar ferimentos graves.
Use óculos de proteção quando utilizar equipamentos para esmerilar, cortar, polir ou jatear com areia.
Vista uma máscara de respiração ao utilizar equipamentos de jateamento com areia, trabalhar com materiais à base
de asbesto ou usar equipamentos de pulverização.

Colas
veja Adesivos e Selantes.
LY
N
Equipamentos de teste de óleo, lubrificação e ar em alta pressão de acordo com a legisla-
ção local
O
veja Lubrificantes e Graxas.
Sempre mantenha o equipamento de alta pressão em boas condições e faça manutenções regulares, especialmente
nas conexões e juntas.
Nunca direcione um bico de alta pressão para a pele, pois o fluido pode penetrar no tecido subcutâneo etc. e causar
H

ferimentos graves.
N

ASPECTOS JURÍDICOS
Diversas legislações e normas definem os requisitos de saúde e segurança para o trabalho com materiais e equipa-
C

mentos em oficinas. Sempre observe as normas e legislações em vigor no país em que você trabalha.
As oficinas devem conhecer, em detalhe, as normas e legislações pertinentes. Consulte os órgãos de fiscalização
locais ou as entidades governamentais relacionadas se houver alguma dúvida.

LUBRIFICANTES E GRAXAS
Evite o contato prolongado ou recorrente com óleos minerais, especialmente os óleos usados. Em geral, os óleos
usados contaminados durante a manutenção (p.ex., óleos de reservatório de trocas rotineiras) são mais irritantes e
causam efeitos mais graves, inclusive câncer de pele se houver um contato extenso e prolongado.
Lave a pele completamente após as tarefas que utilizarem óleo. Os limpadores de mãos exclusivos podem ser muito
úteis, pois são removidos com água. Não use gasolina, parafina ou outros solventes para remover o óleo da pele.
Lubrificantes e graxas podem causar uma irritação leve nos olhos.
O contato com a pele repetido ou prolongado deve ser evitado vestindo-se roupas de proteção se necessário.
Deve-se ter um cuidado especial com graxas e óleos usados contendo chumbo. Não deixe a roupa de trabalho se
contaminar com óleo. Lave ou limpe a seco as roupas de trabalho regularmente. Descarte sapatos encharcados de
óleo.
Não utilize óleo motor usado como lubrificante e nem para aplicações onde possa haver contato com a pele. Óleos
usados só podem ser descartados de acordo com a legislação local.

Materiais de isolamento acústico


veja Espumas, Isolamento de Fibra.

84417650A 31/07/2013
17
INTRODUÇÃO

TINTAS
veja Solventes e Produtos Químicos - Geral.
Altamente inflamável, inflamável.
Um pacote. Pode conter pigmentos, secantes e outros componentes prejudiciais ou tóxicos e também solventes. A
pulverização deve ser feita com uma ventilação adequada.
Dois pacotes. Também podem conter resinas não reagidas e agentes endurecedores de resinas tóxicos e prejudi-
ciais. As instruções dos fabricantes devem ser observadas; consulte também a seção 5 sobre adesivos à base de
resina, isocianatos contendo Adesivos e Espumas.
Pulverizações (aplicações de spray) devem ser executadas, de preferência, em cabines ventiladas com exaustão
retirando os vapores e borrifos de spray da zona de respiração. Os indivíduos trabalhando em cabines devem utilizar
proteção respiratória. O pessoal executando trabalhos de reparo em pequena escala devem utilizar respiradores
com suprimento de ar.

Solventes para tintas


veja Solventes.

Gasolina
veja Combustíveis (gasolina).

LY
Equipamentos pressurizados
veja Equipamento de teste de óleo, lubrificação e ar em alta pressão.
N
Soldagem por resistência
ver Soldagem.
O
Selantes
veja Adesivos e Selantes.
H

SOLDA
N

ver Soldagem.
Soldas são misturas de metais de modo que o ponto de fusão da mistura seja abaixo daquela dos metais constituintes
(normalmente o chumbo e o estanho). As aplicações de solda em geral não liberam vapores tóxicos de chumbo,
C

desde que se use uma chama de gás/ar. Chamas de oxiacetileno não devem ser usadas, pois elas são muito mais
quentes e causam a liberação de fumaça de chumbo.
Pode-se produzir fumaça ao aplicar qualquer chama em superfícies cobertas com graxa etc. – é recomendável evitar
a inalação.
A remoção do excesso de solda deve ser feita com cuidado para não produzir o pó fino de chumbo, que causa efeitos
tóxicos se for inalado. Pode ser necessário o uso de proteção respiratória.
Solder spillage and filing devem ser recolhidos para prevenir a contaminação geral do ar por chumbo.
São necessários altos padrões de higiene para evitar a ingestão de chumbo ou a inalação do pó de solda nas roupas.

SOLVENTES
Veja Produtos Químicos - Geral e veja Incêndio.
Exemplos: Acetona, aguarrás, tolueno, xileno e tricloroetano.
Usados em materiais de limpeza, remoção de cera, tintas, plásticos, resinas, diluentes etc.
Altamente inflamável, inflamável.
O contato resseca a pele e pode causar irritação e dermatite após o contato prolongado ou recorrente. Alguns podem
ser absorvidos através da pele em quantidades tóxicas ou prejudiciais.
Respingos nos olhos podem causar uma irritação grave e até levar à cegueira.
A exposição breve a altas concentrações de vapores ou nuvens pode causar irritação na garganta, tontura, dores de
cabeça e, nos piores casos, inconsciência.
A exposição recorrente ou prolongada a grandes quantidades, mas com baixas concentrações de vapores ou nuvens,
em que não houve indicações de alerta adequados, podem causar efeitos tóxicos ou prejudiciais mais graves.

84417650A 31/07/2013
18
INTRODUÇÃO

A aspiração para os pulmões (p.ex., pelo vômito) é a consequência mais grave da ingestão.
Evite respingar nos olhos, pele, nariz e roupas. Use luvas, óculos e roupas de proteção se necessário.
Garanta uma boa ventilação durante o uso, evite respirar a fumaça, os vapores e as nuvens de spray, e mantenha
os recipientes bem vedados. Não use em espaços fechados.
Quando o material pulverizado contém solventes - p.ex., tintas, adesivos, revestimentos - use uma ventilação por
extração ou uma proteção respiratória pessoal na ausência de ventilação geral adequada.
Não aplique calor ou chama exceto se isso estiver de acordo com as instruções específicas e detalhadas do fabri-
cante.

Isolamento acústico
veja, Isolamento de Fibra, Espumas.

Soldagem por pontos


ver Soldagem.

CARGAS SUSPENSAS
Sempre há perigo quando as cargas são levantadas ou içadas. Nunca trabalhe embaixo de uma carga suspensa ou
elevada sem apoios, p.ex. veículo elevado por macaco hidráulico, motor suspenso, etc.

LY
Os equipamentos de levantamento, como macacos, guinchos, apoio de eixo, eslingas etc., sempre devem ser com-
patíveis com o trabalho, estar em boas condições e passarem por manutenção regular.
Nunca improvise um mecanismo de içamento.

Revestimento de proteção inferior


N
veja Proteção Anticorrosiva.
O
SOLDAGEM
veja Cilindros de Gás, Incêndio, Eletrochoque.
Os processos de solda incluem a Soldagem por Resistência (Soldagem de ponto??), Arco de Solda e Soldagem à
H

Gás.

Soldagem por resistência


N

Este processo pode fazer com que partículas de metal fundido espirrem em alta velocidade, portanto os olhos e a
pele devem estar protegidos.
C

Arco de Solda
Este processo emite um alto nível de radiação ultravioleta que pode queimar os olhos e a pele do soldador e de outras
pessoas próximas. Os processos de soldagem com proteção de gás são especialmente perigosos nesse sentido. A
proteção individual é obrigatória, e também é preciso haver barreiras de proteção para outras pessoas.
Também é preciso utilizar uma proteção adequada para os olhos e a pele por causa dos respingos de metal.
O calor do arco de solda produzirá gases e vapores dos metais sendo fundidos e também de revestimentos aplicados
ou contaminação nas superfícies trabalhadas. Esses gases e vapores podem ser tóxicos e é preciso evitar a inalação
deles. Pode ser necessário o uso de ventilação com extração para remover a fumaça da área de trabalho, em
especial nos casos em que a ventilação geral é deficiente ou em locais em que haja uma previsão de atividades de
soldagem em quantidade considerável. Em casos extremos, onde não se pode garantir a ventilação adequada, pode
ser necessário o uso de respiradores com suprimento de ar.

Soldagem a gás
As tochas de oxiacetileno podem ser usadas para soldas e cortes, e é preciso um cuidado especial para prevenir o
vazamento desses gases e o risco resultante de incêndio e explosão.
Deve-se usar proteção para a pele e os olhos, porque o processo produzirá respingos de metal.
A chama é brilhante, portanto a proteção dos olhos deve ser usada. A emissão de ultravioleta é bem menor do que
o arco de solda, portanto é possível usar filtros mais leves.

84417650A 31/07/2013
19
INTRODUÇÃO

O processo em si produz pouca fumaça tóxica, mas essa fumaça e os gases podem ser liberados por revestimentos
no local do serviço, especialmente durante o corte de peças danificadas; portanto, é preciso evitar a inalação dessa
fumaça.
Na brasagem, os vapores tóxicos podem ser liberados pela haste de brasagem – o risco é bastante grave ao usar
hastes contendo cádmio. Nesse caso especial, deve-se ter um cuidado especial para evitar a inalação dos vapores,
o que indica a necessidade de consultar um especialista.
DEVE-SE TOMAR PRECAUÇÕES ESPECIAIS ANTES DE EXECUTAR TRABALHOS DE SOLDA OU CORTE EM
RECIPIENTES QUE CONTINHAM MATERIAIS COMBUSTÍVEIS; P.EX. EBULIÇÃO OU LIBERAÇÃO DE VAPOR
SAINDO DE TANQUES DE COMBUSTÍVEL.

Aguarrás
veja Solventes.

ECOLOGIA E O AMBIENTE
O solo, ar e a água são recursos essenciais para a agricultura e a vida em geral. Em locais onde a legislação ainda
não regula o tratamento de algumas substâncias necessárias à tecnologia avançada, o bom senso deve reger o uso
e o descarte de produtos de natureza química ou petroquímica.

As seguintes recomendações podem ser úteis:

LY
• Conheça e compreenda a legislação associada em vigor no seu país.
• Onde não houver legislação, busque informações, junto aos fornecedores de óleos, filtros, baterias, combustíveis,
anticongelante, agentes de limpeza, etc., sobre os efeitos destas substâncias no homem, como fazer o armaze-
namento e o descarte. Em geral, os consultores agrícolas poderão ajudar.
N
SUGESTÕES PRÁTICAS
1. Evite encher os tanques com recipientes incompatíveis ou sistemas inadequados de abastecimento de combus-
O
tível pressurizado que podem causar derramamentos consideráveis.
2. Em geral, evite o contato da pele com todos os combustíveis, óleos, ácidos, solventes, etc. A maioria deles
contém substâncias que podem ser prejudiciais à saúde.
H

3. Os óleos modernos contêm aditivos. Não queime combustíveis contaminados e/ou óleos descartados em siste-
mas de aquecimento comuns.
4. Evite derramamentos ao drenar misturas usadas de fluido de arrefecimento de motor, óleos de motor, caixa de
N

câmbio, óleos hidráulicos e fluidos de freio, etc. Não misture combustíveis ou fluido de freio drenados com lubri-
ficantes. Armazene-os de forma segura até que possam ser descartados de acordo com a legislação local e os
recursos disponíveis.
C

5. As misturas modernas de fluidos de arrefecimento, anticongelante e outros aditivos, devem ser trocadas a cada
dois anos. Não deixem que penetrem no solo, elas devem ser coletadas e descartadas com segurança.
6. Não abra o sistema de ar condicionado. Ele contém gases que não devem ser liberados na atmosfera. O seu
revendedor ou especialista em ar condicionado tem um extrator especial para esse fim e terá que recarregar o
sistema de qualquer forma.
7. Conserte vazamentos ou defeitos no sistema de hidráulico ou de resfriamento do motor imediatamente.
8. Não aumente a pressão em um circuito pressurizado, pois isso poderá causar a explosão dos componentes.
9. Proteja as mangueiras durante a soldagem para que os respingos de solda não as queimem, furem ou e enfra-
queçam causando a perda de óleo ou fluido de arrefecimento etc.

84417650A 31/07/2013
20
INTRODUÇÃO

Consumíveis
PUMA 205, PUMA 225

Quantidade
Especificação
Sistema Fluido recomendado Sistema In-
Métrico Internacional
ternacional
CASE IH AKCELA NO. 1™ ENGINE
ACEA E7/E5
OIL SAE 10W-30
Motor 15  l 3.96  US gal API CI-4/CH-4
CASE IH AKCELA NO. 1™ ENGINE
CES 20078/77/76/72
OIL SAE 15W-40
Óleo da transmissão, eixo
traseiro, sistema hidráulico e
freio
— Nível máximo 82  l 21.7  US gal
— Nível extra* 100  l 26.4  US gal SAE 10W-30
Eixo dianteiro CASE IH AKCELA NEXPLORE™ API GL4,
— Carcaça central FLUID 11  l 2.9  US gal ISO VG32/46
— Carcaça central - Canavieiro 17.5  l MAT 3525
4.6  US gal
(se instalado)
— Extensão - Canavieiro
2.7  l 0.71  US gal

LY
(por unidade, se instalado)
— Cubos (por unidade) 2.15  l 0.57  US gal
CASE IH AKCELA PREMIUM
Líquido de arrefecimento ANTI-FREEZE misturado com 50% 22.5  l 5.9  US gal Etilenoglicol
de água
N
PAG-E13
Óleo do compressor do Óleo de baixa viscosidade Conforme Conforme
Viscosidade
condicionador de ar SP10 necessário necessário
ISO100
O
CASE IH AKCELA 251H EP Conforme Conforme
Graxeiras e mancais NLGI2, Li-Ca
MULTI-PURPOSE GREASE necessário necessário
106.9  US Óleo diesel de
Reservatório de combustível Diesel 405  l petróleo ou Biodiesel
gal
H

B (B5) - Brasil

* Nível extra somente quando o implemento for utilizar o óleo do trator.


N

NOTA: Verifique sempre se o implemento não utiliza mais óleo do que o disponível no trator. A transmissão tem que
estar pelo menos com o nível de óleo no mínimo para operar.
C

Uma listagem de óleos e lubrificantes indicados para a Lubrificar com: TM

sua máquina está disponível em um decalque fixado na AKCELA


Lubrificare con:
Lubrificate with:
Lubrifier avec:
Engrasar con:

lateral esquerda do radiador de água do motor. Procure Cárter do motor Coppa motore
No.1 ENGINE OIL

Engine sump Carter moteur Carter de aceite

o seu concessionário CASE IH para adquirir um novo de- Caixa de câmbio Scatola cambio
NEXPLORE TRANSMISSION OIL

Gearbox Boîte de vitesses Caja de cambios

calque quando o mesmo estiver danificado ou ilegível.


Eixo Traseiro Transmissione posteriore Rear axle Transmisson arrière Transmissión posterior
Comandos finais Reduttori laterali Final drivers Réducteurs lateraux Reductores lateralesr
Sistema hidráulico Sollevatore idraulico Hydraulic lift Relevage hydraulique Elevador hidráulico
Tomada de força Presa di forza P.T.O Pise de force Toma sw fuerza
Eixo dianteiro Ponte anteriore Front Axle Pont avant Puente anterior
Direção hidráulica Guida idrostatica Power steerimg Direction hydraulique Servodirección

LHM FLUID

Comando de freio Comando freno Brake & clutch Commande freines Comando frenos
e embreagem e frizione control et embrayage y embrague

MULTI−PURPOSE GREASE 251H EP


Ingrassatori Engrassadores
Pinos graneiros Grease fittings Graisseurs à pression
a pressione a presion

PREMIUM ANTI−FREEZE

Radiador Radiatore Radiator Radiateur Radiator

73401887 1

84417650A 31/07/2013
21
ÍNDICE DOS BENS DE CONSUMO

Bens de consumo Referência PÁGINA


CASE IH Akcela No. 1™ Consumíveis 21
Engine oil SAE 10W-30
CASE IH Akcela No. 1™ Consumíveis 21
Engine oil SAE 15W-40
CASE IH Akcela Consumíveis 21
NEXPLORE™ fluid
CASE IH Akcela Premium Consumíveis 21
anti-freeze
CASE IH Akcela 251H EP Consumíveis 21
Multi-purpose grease

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
22
MANUAL DE SERVIÇO
Motor

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
10
Conteúdo

Motor - 10

[10.001] Motor e cárter . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.1

[10.210] Bomba de elevação e linhas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.2

[10.216] Tanques de combustível . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.3

[10.218] Sistema de injeção de combustível . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.4

[10.250] Turbocompressor e linhas. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.5

LY
[10.254] Coletores de admissão/escape e silenciador . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.6
N
[10.304] Sistema de lubrificação do motor . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.7
O
[10.400] Sistema de resfriamento do motor . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.8

[10.408] Arrefecedor de óleo e linhas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.9


H

[10.414] Ventilador e acionamento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10.10


N
C

84417650A 31/07/2013
10
ÍNDICE DOS BENS DE CONSUMO

Bens de consumo Referência PÁGINA


CASE IH Akcela Premium Sistema de resfriamento do motor - Abastecimento 10.8 / 14
anti-freeze
CASE IH Akcela No. 1™ Bomba de água - Instalar 10.8 / 19
Engine oil SAE 15W-40

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10
LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10
Motor - 10

Motor e cárter - 001

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 1
Conteúdo

Motor - 10

Motor e cárter - 001

DADOS TÉCNICOS

Motor
Especificações gerais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

Limites de serviços . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225

LY
Ferramentas especiais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8
PUMA 205, PUMA 225

SERVIÇO
N
Motor
O
Conectar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10
PUMA 205, PUMA 225

Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 16
PUMA 205, PUMA 225
H

Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 23
PUMA 205, PUMA 225

Desconexão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 30
N

PUMA 205, PUMA 225


C

DIAGNÓSTICO

Motor
Detecção e solução de problemas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 36
PUMA 205, PUMA 225

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 2
Motor - Motor e cárter

Motor - Especificações gerais


PUMA 205, PUMA 225

Puma 205 Puma 225


Modelo do motor F4DE9684B*J F4DE9684B*J
Potência máxima (ECE R120) 156  kW (212  Hp) 164  kW (223  Hp)
Potência máxima, com gestão de potência do motor Power Boost
172  kW (234  Hp) 175  kW (238  Hp)
(ECE R120)
Torque máximo (ECE R120) 860  N·m 866  N·m
Torque máximo, com gestão de potência do motor Power Boost
965  N·m 984  N·m
(ECE R120)
Reserva de torque 37  % 27  %
Reserva de torque, com gestão de potência do motor Power Boost 30  % 30  %
Nível de emissões Tier 3
Cilindros 6 cilindros
Válvulas 4 por cilindro
Aspiração Com turbocompressor e intercooler
Diâmetro interno do pistão 104  mm (4.1  in)
Curso do pistão 132  mm (5.2  in)
Cilindrada total 6728  cm³ (410.6  in³)

LY
Taxa de compressão 16.5 : 1
Sequência de injeção de combustível 1-5-3-6-2-4
Rotação nominal do motor 2200  RPM
Rotação em marcha lenta 800 - 900  RPM
N
Rotação máxima sem carga 2375  RPM
Admissão 0.25  mm (0.0098  in)
Folga da válvulas
Escape 0.51  mm (0.0201  in)
O
Sistema de combustível
Controlado eletronicamente, sistema
Injeção direta do tipo
Commom Rail de alta pressão
Sincronismo dinâmico (°BTDC) 3.4 6.3
H

Sistema de arrefecimento
Pressurizado com derivação de fluxo total
Tipo
e reservatório de expansão
N

Acionamento da bomba de fluido de arrefecimento: Correia Poly-V


Ventilador Vistronic (quando equipado) 9 pás com diâmetro de
620  mm (24.4  in)
C

Temperatura de abertura do termostato 81  °C (177.8  °F)


Temperatura de abertura total 96  °C (204.8  °F)
Pressão da tampa do radiador. 1  bar (14.5  psi)
Sistema do purificador de ar
Tipo Elemento de papel de 3 estágios
Aspiração Turbocompressor e aftercooler tipo ar-ar
Turbocompressor
Lubrificação Lubrificação forçada pela bomba de óleo
do motor
Pressão do óleo com motor à temperatura Rotação em marcha lenta 0.7  bar (10.1500  psi)
de trabalho Rotação nominal do motor 4.0  bar (58.0000  psi)

Motor - Limites de serviços


PUMA 205, PUMA 225

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 3
Motor - Motor e cárter

Limites de serviço e folgas admissíveis


Motor F4DE9684
Dados dos conjuntos de engrenagens de acionamento e dos cilindros
Camisas de cilindro Ø1 104.1 - 104.024  mm (4.0984 - 4.0954  in)
Camisas de cilindro:
Diâmetro externo Ø2 –
Comprimento L –
Camisas de cilindro – assentos do cárter –
(interferência)
Diâmetro externo Ø2 –
Camisas de cilindro:
diâmetro interno Ø2 –
Pistões fornecidos como peça de reposição: –
Medida X 55.9  mm (2.2008  in)
Diâmetro externo Ø1 103.730 - 103.748  mm (4.0839 - 4.0846  in)
Assento para pino Ø2 38.010 - 38.016  mm (1.4965 - 1.4967  in)
Pistão – camisas de cilindro 0.252 - 0.294  mm (0.0099 - 0.0116  in)
Diâmetro do pistão Ø1 0.5  mm (0.0197  in)
Localização do pistão a partir do cárter X 0.28 - 0.42  mm (0.0110 - 0.0165  in)

LY
Pino do pistão Ø3 37.999 - 38.000  mm (1.4960 - 1.4961  in)
Pino do pistão – assento do pino 0.011 - 0.0004  mm (0.016 - 0.0006  in)
X1* 2,705 - 0,1065  mm (2,735 - 0,1077  in)
Ranhuras do anel de pistão X2 244 - 246  mm (9.6063 - 9.6850  in)
X3 403 - 406  mm (15.8661 - 15.9843  in)
N
S1* 2.560 - 2.605  mm (0.1008 - 0.1026  in)
Anéis de pistão S2 2.350 - 2.380  mm (0.0925 - 0.0937  in)
O
S3 3.970 - 3.990  mm (0.1563 - 0.1571  in)
(*) medido em Ø de 58  mm (2.283  in) dos 4 cilindros
1 0.100 - 0.175  mm (0.004 - 0.007  in)
Anéis de pistão - ranhuras 2 0.040 - 0.900  mm (0.0016 - 0.0354  in)
H

3 0.020 - 0.065  mm (0.0008 - 0.0026  in)


Anéis de pistão 0.5  mm (0.0197  in)
Abertura da extremidade do anel do pistão na
N

camisa do cilindro:
X1 0.3 - 0.4  mm (0.0118 - 0.0157  in)
X2 0.6 - 0.8  mm (0.0236 - 0.0315  in)
C

X3 0.30 - 0.55  mm (0.0118 - 0.0217  in)


Assento do mancal do pé da biela Ø1 40.987 - 41.013  mm (1.6137 - 1.6147  in)
Assento do mancal da biela Ø2 72.987 - 73.013  mm (2.8735 - 2.8745  in)
Diâmetro do mancal do pé da biela:
externo Ø3 43.279 - 43.553  mm (1.7039 - 1.7147  in)
interno Ø4 38.019 - 38.033  mm (1.4968 - 1.4974  in)
Mancais da biela fornecidos como peça de S 1.955 - 1.968  mm (0.0770 - 0.0775  in)
reposição
Mancal da biela – assento 0.266 - 0.566  mm (0.0105 - 0.0223  in)
Pino do pistão – bucha 0.019 - 0.033  mm (0.0007 - 0.0013  in)
Casquilhos da biela 0.019 - 0.033  mm (0.0007 - 0.0013  in)
Medida X –
Erro máximo no alinhamento das bielas = –
Munhões Ø1 82.990 - 83.001  mm (3.2673 - 3.2678  in)
Moentes Ø2 68.987 - 69.013  mm (2.7160 - 2.7170  in)
Casquilhos dos munhões S1 2.456 - 2.464  mm (0.0967 - 0.0970  in)
Casquilhos da biela S2 1.955 - 1.968  mm (0.0770 - 0.0775  in)
Mancais principais
números 1 – 5 Ø3 87.982 - 88.008  mm (3.4639 - 3.4649  in)

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 4
Motor - Motor e cárter

números 2 – 3 – 4 Ø4 87.977 - 88.013  mm (3.4637 - 3.4651  in)


Mancais – munhões
números 1 – 7 0.041 - 0.119  mm (0.0016 - 0.0047  in)
números 2 – 3 – 4 – 5– 6 0.041 - 0.103  mm (0.0016 - 0.0041  in)
Casquilhos – moentes 0.033 - 0.041  mm (0.0013 - 0.0016  in)
Casquilhos dos munhões + 0.250 - 0.500  mm (0.0098 - 0.0197  in)
Casquilhos da biela + 0.0197  mm (0.0008  in)
Munhão para encosto X1 37.475 - 37.550  mm (1.4754 - 1.4783  in)
Mancal principal para encosto X2 25.98 - 26.48  mm (1.0228 - 1.0425  in)
Arruelas de encosto semicirculares X3 37.28 - 37.38  mm (1.4677 - 1.4717  in)
Encosto do virabrequim 0.068 - 0.410  mm (0.0027 - 0.0161  in)
Cabeçote dos cilindros
Furos das guias de válvula no cabeçote do Ø1 7.051 - 7.053  mm (0.2756 - 0.2777  in)
cilindro
Ø2 –
Guia da válvula
Ø3 –
Guia de válvula e furos no cabeçote –
Guia da válvula –

LY
Válvulas:
Ø4 6.970 - 6.999  mm (0.2744 - 0.2756  in)
å 60  ° +/- 0,25
Ø4 6.970 - 6.999  mm (0.2744 - 0.2756  in)
å 45  ° +/- 0,25
N
Haste da válvula e guia respectiva 0.052 - 0.092  mm (0.0020 - 0.0036  in)
Furo no cabeçote para assento da válvula:
Admissão Ø1 34.837 - 34.863  mm (1.3715 - 1.3726  in)
O
Escape Ø1 34.837 - 34.863  mm (1.3715 - 1.3726  in)
Diâmetro externo do assento da válvula; ângulo
dos assentos de válvula no cabeçote do cilindro
Admissão Ø2 34.917 - 34.931  mm (1.3747 - 1.3752  in)
H

å 60  °
Escape Ø2 34.917 - 34.931  mm (1.3747 - 1.3752  in)
N

å 45  °
Folga de válvulas
Admissão X 0.59 - 1.11  mm (0.0232 - 0.0437  in)
C

Escape X 0.96 - 1.48  mm (0.0378 - 0.0583  in)


Entre o assento da válvula e o cabeçote
Admissão 0.054 - 0.094  mm (0.0021 - 0.0037  in)
Escape 0.054 - 0.094  mm (0.0021 - 0.0037  in)
Assentos de válvula –
Comprimento da mola da válvula –
Mola livre H 47.75  mm (1.9  in)
Sob uma carga de:
329  N (74  lb) H1 35.33  mm (1.3909  in)
641  N (144  lb) H2 25.2  mm (0.9921  in)
Projeção do injetor
Assentos para buchas do eixo de cames 59.222 - 59.248  mm (2.3316 - 2.3326  in)
números 1 – 5
Assentos de eixo de cames números 2 – 3 – 4 54.089 - 54.139  mm (2.1295 - 2.1315  in)
Munhões do eixo de cames
1Þ5 53.995 - 54.045  mm (2.1258 - 2.1278  in)
Diâmetro externo da bucha do eixo de cames: Ø 59.222 - 59.248  mm (2.3316 - 2.3326  in)
Diâmetro interno da bucha: Ø 54.083 - 54.147  mm (2.1293 - 2.1318  in)
Buchas e assentos no cárter

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 5
Motor - Motor e cárter

Buchas e munhões de apoio 0.038 - 0.162  mm (0.0015 - 0.0064  in)


Elevação útil do excêntrico: H 6.045  mm (0.2380  in)
H 7.582  mm (0.2985  in)
Assento da tampa do tucho de válvula no cárter Ø1 16.000 - 16.030  mm (0.6299 - 0.6311  in)
Diâmetro externo da tampa do tucho:
Ø2 15.924 - 15.954  mm (0.6269 - 0.6281  in)
Ø3 15.960 - 15.975  mm (0.6283 - 0.6289  in)
Entre tuchos e assentos 0.025 - 0.070  mm (0.0010 - 0.0028  in)
Tuchos
Eixo do balancim Ø1 21.965 - 21.977  mm (0.8648 - 0.8652  in)
Balancins: Ø2 21.001 - 22.027  mm (0.8268 - 0.8672  in)
Entre balancins e eixos 0.024 - 0.162  mm (0.0009 - 0.0064  in)

Motor - Torque
PUMA 205, PUMA 225

PEÇA TORQUENm (lb pé)


Parafusos de fixação de tampas

LY
de biela:
Parafusos de fixação da polia e
do amortecedor:
Porca de fixação da engrenagem de comando da bomba de Consulte Bomba de injeção - Torque Anel de
injeção de combustível: retenção da engrenagem de acionamento
N
(10.218)
Porca de fixação da engrenagem do compressor: 125 ± 19 (92,1953 ± 14,0137)
Parafusos de fixação da engrenagem de distribuição:
O
Uniões de fixação dos bicos de lubrificação do pistão: Consulte Arrefecimento do pistão Bico spray
- Torque (10.304)
Parafusos de fixação da caixa
do sistema de distribuição
H

Parafusos de fixação da tampa dianteira


M10 1,5x30 20 - 28  N·m (14.75 - 20.65  lb ft)
Parafusos de fixação das capas
N

do mancal principal M12 1,50


12,9
Parafuso de fixação do quadro
C

escalonado: M10 1,5x25 43 ± 5 (31,7152 ± 3,6878)


Parafusos de fixação dos suportes de levantamento:
M12 1,75x25 7 ± 12 (5,1629 ± 8,8507)
M10 43 ± 5 (31,7152 ± 3,6878)
Parafusos de fixação do Consulte Arrefecedor de óleo do motor -
arrefecedor de óleo do motor Torque (10.408)
Parafusos de fixação da tampa
da válvula
Parafuso do respiro do motor
(Ccv)
M8 1,25x45 24 ± 4 (17,7015 ± 2,9502)
M8 1,25x35 24 ± 4 (17,7015 ± 2,9502)
Parafusos de fixação do cárter de óleo ♦
Parafusos/bujões no cabeçote
1/2  in Nptf 24 ± 4 (17,7015 ± 2,9502)
3/4  in Nptf 36 ± 5 (26,5522 ± 3,6878)
1/4  in Nptf 12 ± 2 (8,8507 ± 1,4751)
Parafusos de fixação do cabeçote do cilindro:
Parafusos de fixação do aquecedor do bloco:
M6 10 ± 2 (7,3756 ± 1,4751)

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 6
Motor - Motor e cárter

PEÇA TORQUENm (lb pé)


Parafusos de fixação do coletor de admissão:
M8 1,25x25 25 ± 5 (18,4391 ± 3,6878)
M8 1,25x60 25 ± 5 (18,4391 ± 3,6878)
Parafusos de fixação do coletor de escape no cabeçote Consulte Coletor de escape - Torque (10.254).
Parafusos de fixação do volante
Parafusos de fixação da placa de encosto do eixo de cames:
Parafusos de fixação do eixo de cames:
M8 1,25x20 36 ± 4 (26,5522 ± 2,9502)
Parafusos de fixação dos balancins:
Parafusos de fixação dos ajustadores dos balancins:
Porca sextavada 3/8 24 ± 4 (17,7015 ± 2,9502)
Parafusos de fixação da carcaça dos balancins: 24 ± 4 (17,7015 ± 2,9502)
Parafusos de fixação do disco fônico:
M12 1,2x10.9 1a fase 50 ± 5 (36,8781 ± 3,6878)
2a fase + 90  ° +/- 5  °
Anéis de retenção do coletor de combustível Consulte Enchedor de combustível - Torque
(10.218).
Parafuso do conector de combustível no lado do tubo distribuidor 20 ± 2 (14,7512 ± 1,4751)
Parafuso do tubo distribuidor

LY
M8 1,25x10 24 ± 4 (17,7015 ± 2,9502)
M8 1,25x50 24 ± 4 (17,7015 ± 2,9502)
M8 1,25x90 24 ± 4 (17,7015 ± 2,9502)
Parafuso para tubos de alta pressão do tubo distribuidor para
N
o cabeçote do cilindro
M14 1,5 20 ± 2 (14,7512 ± 1,4751)
Parafuso para montagem do filtro de combustível no cárter
O
M12 1,75x25 77 ± 8 (56,7923 ± 5,9005)
Parafuso da turbina/coletor de escape Consulte Turbocompressor - Torque (10.250)
Parafuso do tubo de retorno/alimentação de óleo
M12 1,5 35 ± 5 (25,8147 ± 3,6878)
H

Parafuso do tubo da vareta de nível: 24 ± 4 (17,7015 ± 2,9502)


Parafusos de fixação da bomba de óleo: Consulte Bomba de óleo do motor - Torque
(10.304)
N

Parafusos da descarga de óleo principal (bujões)


M10 -1 6 ± 1 (4,4254 ± 0,7376)
C

M14 – 1,5 11 ± 2 (8,1132 ± 1,4751)


Parafuso de fixação do arrefecedor de óleo: 24 ± 4 (17,7015 ± 2,9502)
Parafuso de fixação da bomba de fluido de arrefecimento:
M8 1,25x25 1a fase 24 ± 4 (17,7015 ± 2,9502)
2a fase 43 ± 6 (31,7152 ± 4,4254)
Parafuso do esticador
M10 1,5x60 9.8 -
Parafuso de montagem do ventilador
M10 33 ± 5 (24,3395 ± 3,6878)
Parafuso da polia do ventilador -
Parafuso do espaçador do ventilador ou da polia do acessório
(quando necessário)
M6 10 ± 2 (7,3756 ± 1,4751)
M10 43 ± 6 (31,7152 ± 4,4254)
M12 77 ± 12 (56,7923 ± 8,8507)
Parafuso do alternador
M8 1,25x30 24 ± 4 (17,7015 ± 2,9502)
M12 1,75x120 43 ± 6 (31,7152 ± 4,4254)
Porca M12 1.75 24 ± 4 (17,7015 ± 2,9502)
M10 1,5x25 -

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 7
Motor - Motor e cárter

PEÇA TORQUENm (lb pé)


M10 1,5x40 -
Porca M10 1.5 -
M16 1,5 -
Prisioneiros para montagem da bomba de combustível:
M8 12 ± 2 (8,8507 ± 1,4751)
Parafusos de fixação da bomba injetora:
M8 1,5 24 ± 4 (17,7015 ± 2,9502)
Porca de aperto de fixação da engrenagem da bomba injetora
M18 1,5 105 ± 5 (77,4440 ± 3,6878)
Parafuso para conexões da bomba injetora até o tubo
distribuidor:
M12 1,5 20 ± 2 (14,7512 ± 1,4751)
Parafusos de fixação dos injetores: Motor eletrônico Consulte Injetores de combustível - Torque
(10.218).
Parafusos de fixação dos conectores dos injetores: Consulte Sistema de injeção de combustível -
Torque (55.010).
Parafuso do sensor do regulador de pressão do óleo: 8 ± 2 (5,9005 ± 1,4751)
Parafuso do sensor de velocidade do eixo de cames na caixa
de mudanças:

LY
M6 8 ± 2 (5,9005 ± 1,4751)
Parafuso do sensor de velocidade do virabrequim na tampa
dianteira
M6 8 ± 2 (5,9005 ± 1,4751)
Parafuso do sensor de temperatura no cabeçote do cilindro:
N
M14 1,5x12 20 ± 3 (14,7512 ± 2,2127)
Parafuso do sensor de temperatura do ar no coletor de
O
admissão:
M6 1x20 3 ± 1 (2,2127 ± 0,7376)
Parafuso do sensor de temperatura e de pressão do ar no
coletor de admissão:
M5 3 ± 1 (2,2127 ± 0,7376)
H

Parafuso do sensor de pressão de combustível: 35 ± 5 (25,8147 ± 3,6878)


Parafuso do sensor de temperatura do combustível:
N

M14 1,5x12 20 ± 3 (14,7512 ± 2,2127)


Parafuso da engrenagem no compressor de ar:
5/8  in 125 ± 19 (92,1953 ± 14,0137)
C

Parafuso do compressor de ar no cárter:


Porca M12 81 ± 12 (59,7425 ± 8,8507)

Motor - Ferramentas especiais


PUMA 205, PUMA 225

Nº FERRAMENTA NOME
380000979 Puxador para engrenagem de união da bomba de
injeção do motor
380000665 Ferramenta para extrair a vedação dianteira do
virabrequim
380000663 Ferramenta para extrair a vedação traseira do
virabrequim
380001099 Extrator do injetor
380000666 Ferramenta de instalação da vedação dianteira do
virabrequim
380000664 Ferramenta de instalação da vedação traseira do
virabrequim

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 8
Motor - Motor e cárter

Nº FERRAMENTA NOME
380000988 Placa adaptadora de travamento do volante (para ser
usado com 380000732)
380000732 Ferramenta de giro do motor (para ser usado com
380000988)
380000667 Mandril para desmontagem e remontagem da bucha do
eixo de comando
380000158 Chave de torque para ajuste da porca do conector da
válvula solenoide do injetor
99395363 Kit de esquadria da bucha da biela
380000301 Suporte do motor (giratório)
380001073 Suportes de elevação do motor
380040228 Suporte de divisão do trator grande

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 9
Motor - Motor e cárter

Motor - Conectar
PUMA 205, PUMA 225

ATENÇÃO
Objeto pesado!
O componente é pesado. Tome cuidado para não derrubá-lo ao instalar, remover ou manusear.
A não observância desses procedimentos poderá resultar em lesões leves ou moderadas.
C0095A

1. Alinhe o conjunto do apoio dianteiro e do motor à trans-


missão e instale o motor nos parafusos de fixação
da transmissão. Aperte com 285 - 315  N·m (2522 -
2788  lb in). Retire o kit de separação do trator.

2. Instale o sensor de velocidade do volante.


LY BTB0155A 1
N
O
H
N

BAIS06CCM087AVA 2
C

3. Instale o espaçador (2) e instale os parafusos de fixa-


ção (1).

BAIS06CCM088AVA 3

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 10
Motor - Motor e cárter

4. Conecte a mangueira de alimentação do cilindro-mes-


tre do freio hidráulico.

BAIS06CCM085AVA 4

5. Conecte os tubos do arrefecedor de óleo da transmis-


são (1) e (2).

LY
N
BAIS06CCM032AVA 5
O
6. Instale o flange do eixo de transmissão, se instalado.
Aperte a porca M24 (se instalada) com 294  N·m
(217  lb ft). Aperte o parafuso M12 (se instalado) com
80  N·m (59  lb ft)
H
N
C

BSD1917A 6

7. Instale o eixo cardã e, em seguida, a proteção metá-


lica.

BSD1959A 7

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 11
Motor - Motor e cárter

8. Conecte a mangueira de alimentação do bloqueio do


diferencial (1).

BVE0282A 8

9. Conecte a mangueira de alimentação da válvula do


freio hidráulico.

LY
N
BAIS06CCM086AVA 9
O
10. Conecte as linhas de alimentação e retorno de com-
bustível.
H
N
C

BAIS06CCM137AVA 10

11. Conecte as mangueiras de alimentação do óleo do


cilindro da direção (1) e (2).

BVE0218A 11

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 12
Motor - Motor e cárter

12. Conecte as mangueiras de alta pressão (1) e de baixa


pressão (2) do ar condicionado.

BAIS06CCM001AVA 12

13. Conecte a mangueira do aquecedor da cabine.

LY
N
BAIS06CCM064AVA 13
O
14. Conecte a mangueira do aquecedor da cabine para o
radiador.
H
N
C

BAIS06CCM083AVA 14

15. Ligue o cabo positivo da bateria (2) e o cabo negativo


(terra) (1).
16. Ligue os conectores do chicote do motor.

BVE0403A 15

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 13
Motor - Motor e cárter

17. Instale o silencioso de escape, consulte Silencioso


de escape - Instalar (10.254).
18. Quando instalado, instale o radar (2) e ligue o conec-
tor elétrico do radar (1).

BAIS06CCM080AVB 16

19. Instale as barras laterais do motor (se instaladas).


Aperte com 800  Nm ( 590  lb ft).

LY
N
O
BSD1950A 17

20. Usando uma eslinga adequada, conecte os pesos


H

dianteiros a um guincho e instale-os (se instalados).


N
C

BAIL08CVT011AVA 18

21. Instale os painéis laterais do motor.


NOTA: Repita esta operação em ambos os lados do trator.

BAIL08CVT008AVA 19

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 14
Motor - Motor e cárter

22. Ligue o fio terra da bateria.


23. Abasteça o sistema de arrefecimento do motor. Para
obter mais informações, consulte Sistema de resfria-
mento do motor - Trocar fluido (10.400) .

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 15
Motor - Motor e cárter

Motor - Remoção
PUMA 205, PUMA 225

PERIGO
Objetos pesados!
Sempre use equipamentos de elevação com capacidade adequada para erguer e manusear os com-
ponentes pesados . Sempre use amarras ou ganchos adequados para apoiar unidades ou peças.
Mantenha as pessoas longe da área de trabalho.
O descumprimento resultará em morte ou ferimentos graves.
D0076A

PERIGO
Sistema pressurizado!
Sempre retire toda a pressão antes de trabalhar no sistema hidráulico. Siga o programa de sangria
de pressão no modo de configuração para remover a pressão em todo o sistema hidráulico.
O descumprimento resultará em morte ou ferimentos graves.
D0035A

Operação anterior:
Separe o eixo dianteiro e o suporte dianteiro do motor (consulte Estrutura dianteira - Remoção (39.100)).

LY
1. Desligue o conector elétrico da fiação da iluminação.
N
O
H

BAIS06CCM288AVA 1
N

2. Conecte o capô do motor a um guincho usando um


cabo de náilon.
C

BAIS06CCM147AVA 2

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 16
Motor - Motor e cárter

3. Remova os parafusos de fixação do capô (1).


Desconecte a coluna (2) e repita para o lado esquerdo
do capô.
Remova o capô do motor.

BAIS06CCM148AVA 3

4. Remova o silencioso do escapamento, consulte Silen-


cioso de escape - Remoção (10.254).
5. Desligue o conector elétrico do radar (1).
Remova o radar (2).

LY
N
O
BAIS06CCM080AVB 4

6. Desconecte a mangueira do líquido de arrefecimento


do aquecedor da cabine.
H
N
C

BAIS06CCM083AVA 5

7. Remova a fiação elétrica da estrutura do filtro de ar (1).


Remova o filtro secador da estrutura do filtro de ar (2).

BAIS06CCM129AVA 6

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 17
Motor - Motor e cárter

8. Desconecte as mangueiras de alta pressão (1) e de


baixa pressão (2) do ar condicionado.
Retire o parafuso de fixação (3) e a abraçadeira da
mangueira de alta pressão (4).
NOTA: Não é necessário descarregar o sistema do ar con-
dicionado porque as uniões são autoselantes.

BAIS06CCM130AVB 7

9. Desconecte a mangueira do freio hidráulico.

LY
N
BAIS06CCM086AVA 8

10. Desconecte a mangueira de alimentação do bloqueio


O
do diferencial (1) e retire o suporte (2).
H
N
C

BAIS06CCM037AVA 9

11. Desconecte as mangueiras de alimentação do cilindro


da direção (1) e (2).
NOTA: Anote a posição das mangueiras de alimentação
de óleo do cilindro da direção.

BVE0218A 10

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 18
Motor - Motor e cárter

12. Desconecte a mangueira de ventilação do freio hi-


dráulico.

BAIS06CCM073AVA 11

13. Desligue os conectores elétricos da fiação do motor.

LY
N
BVE0403A_37 12
O
14. Desconecte as linhas de alimentação e retorno de
combustível.
H
N
C

BAIS06CCM137AVA 13

15. Remova a correia de transmissão do acessório.

BAIS06CCM131AVA 14

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 19
Motor - Motor e cárter

16. Remova o compressor do ar condicionado, o filtro se-


cador do condensador e a tubulação do motor como
um conjunto completa sem desconectar a tubulação.
AVISO: Se não for possível retirar os componentes do ar
condicionado como um conjunto completo, o sistema de
ar condicionado deverá ser evacuado (consulte a seção
de climatizador).
NOTA: É um crime ventilar o sistema de ar condicionado
na atmosfera.

BAIS06CCM132AVA 15

17. Desconecte o tubo de expansão (1) e o tubo do res-


piro do motor (2).

LY
N
BAIS06CCM133AVA 16
O
18. Desconecte a mangueira de saída do filtro de ar do
turbo.
H
N
C

BAIS06CCM163AVA 17

19. Retire os parafusos de fixação dianteiros do quadro


de montagem do filtro de ar.

BAIS06CCM135AVA 18

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 20
Motor - Motor e cárter

20. Retire os parafusos de fixação da abraçadeira da fia-


ção do motor e reposicione a fiação do motor no topo
do motor.

BVE0304A 19

21. Retire os parafusos de fixação traseiros do quadro de


montagem do filtro de ar.

LY
N
O
BVE0305A 20

22. Usando uma corrente adequada, prenda o quadro de


montagem do filtro de ar em um guincho e remova o
quadro de montagem do filtro de ar.
H
N
C

BVE0307A 21

23. Remova os cabos positivo (1)e negativo (2) do motor


de partida e o conector elétrico. (3).

BAIS06CCM134AVA 22

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 21
Motor - Motor e cárter

24. Instale suportes de levantamento no motor.

BVE0310A 23

25. Usando uma corrente adequada, prenda o motor a


um guincho.
26. Retire os parafusos de fixação do motor na transmis-
são e retire o motor.

LY
N
O

BVE0311A 24
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 22
Motor - Motor e cárter

Motor - Instalar
PUMA 205, PUMA 225

PERIGO
Objetos pesados!
Sempre use equipamentos de elevação com capacidade adequada para erguer e manusear os com-
ponentes pesados . Sempre use amarras ou ganchos adequados para apoiar unidades ou peças.
Mantenha as pessoas longe da área de trabalho.
O descumprimento resultará em morte ou ferimentos graves.
D0076A

PERIGO
Sistema pressurizado!
Sempre retire toda a pressão antes de trabalhar no sistema hidráulico. Siga o programa de sangria
de pressão no modo de configuração para remover a pressão em todo o sistema hidráulico.
O descumprimento resultará em morte ou ferimentos graves.
D0035A

Operação anterior:
Motor - Remoção (10.001).

LY
1. Instale suportes de levantamento no motor.
N
O
H
N

BVE0310A 1

2. Usando uma corrente adequada, prenda o motor a um


guincho.
C

3. Alinhe o motor à transmissão e instale os parafusos de


fixação do motor na transmissão.

BVE0311A 2

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 23
Motor - Motor e cárter

4. Remova os suportes de levantamento do motor.

BVE0310A 3

5. Ligue os cabos positivo (1)e negativo (2) do motor de


partida e o conector elétrico (3).

LY
N
BAIS06CCM134AVA 4
O
6. Usando uma corrente adequada, prenda o quadro de
montagem do filtro de ar em um guincho e instale o
quadro de montagem do filtro de ar.
H
N
C

BVE0307A 5

7. Instale os parafusos de fixação traseiros do quadro de


montagem do filtro de ar.

BVE0305A 6

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 24
Motor - Motor e cárter

8. Reposicione a fiação do motor, instale os parafusos de


fixação da abraçadeira da fiação.

BVE0304A 7

9. Instale os parafusos de fixação dianteiros do quadro


de montagem do filtro de ar.

LY
N
BAIS06CCM135AVA 8
O
10. Conecte a mangueira de saída do filtro de ar no turbo.
H
N
C

BAIS06CCM163AVA 9

11. Ligue o tubo de expansão (1) e o tubo do respiro do


motor (2).

BAIS06CCM133AVA 10

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 25
Motor - Motor e cárter

12. Instale o compressor do ar condicionado, o filtro se-


cador do condensador e a tubulação no motor como
um conjunto completa sem desconectar a tubulação.

BAIS06CCM132AVA 11

13. Instale a correia de transmissão do acessório.

LY
N
BAIS06CCM131AVA 12
O
14. Conecte as linhas de alimentação e retorno de com-
bustível.
H
N
C

BAIS06CCM137AVA 13

15. Ligue os conectores elétricos da fiação do motor.

BVE0403A_37 14

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 26
Motor - Motor e cárter

16. Conecte a mangueira de ventilação do freio hidráu-


lico.

BAIS06CCM073AVA 15

17. Conecte as mangueiras de alimentação do cilindro da


direção (1) e (2).

LY
N
BVE0218A 16
O
18. Instale o suporte da mangueira do bloqueio do dife-
rencial (1) e conecte a mangueira (2).
H
N
C

BAIS06CCM037AVB 17

19. Conecte a mangueira do freio hidráulico.

BAIS06CCM086AVA 18

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 27
Motor - Motor e cárter

20. Conecte a abraçadeira da mangueira de alta pressão


do ar condicionado (1) e instale o parafuso de fixação
(2).
Conecte as mangueiras de alta pressão (3) e de baixa
pressão (4) do ar condicionado.

BAIS06CCM130AVB 19

21. Instale a fiação elétrica no quadro de montagem do


filtro de ar (1).
Instale o filtro secador no quadro de montagem do
filtro de ar (2).

LY
N
BAIS06CCM129AVA 20
O
22. Conecte a mangueira do fluido de arrefecimento do
aquecedor da cabine.
H
N
C

BAIS06CCM083AVA 21

23. Instale o silencioso de escape, consulte Silencioso


de escape - Instalar (10.254).
24. Instale o radar (1).
Ligue o conector elétrico do radar (2).

BAIS06CCM080AVC 22

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 28
Motor - Motor e cárter

25. Conecte o capô do motor a um guincho usando um


cabo de náilon adequado.
Instale o capô do motor.

BAIS06CCM147AVB 23

26. Instale os parafusos de fixação do capô (1).


Conecte a coluna (2) e repita para o lado esquerdo do
capô.

LY
N
BAIS06CCM148AVA 24

27. Ligue o conector elétrico da fiação da iluminação.


O
H
N
C

BAIS06CCM288AVA 25

Operação seguinte:
Instale o eixo dianteiro e o suporte dianteiro no motor; consulte Estrutura dianteira - Instalar (39.100).

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 29
Motor - Motor e cárter

Motor - Desconexão
PUMA 205, PUMA 225

PERIGO
Objetos pesados!
Sempre use equipamentos de elevação com capacidade adequada para erguer e manusear os com-
ponentes pesados . Sempre use amarras ou ganchos adequados para apoiar unidades ou peças.
Mantenha as pessoas longe da área de trabalho.
O descumprimento resultará em morte ou ferimentos graves.
D0076A

PERIGO
Sistema pressurizado!
Sempre retire toda a pressão antes de trabalhar no sistema hidráulico. Siga o programa de sangria
de pressão no modo de configuração para remover a pressão em todo o sistema hidráulico.
O descumprimento resultará em morte ou ferimentos graves.
D0035A

Operação anterior:
Drene o sistema de fluido de arrefecimento do motor. Para obter informações adicionais, consulte Sistema de res-

LY
friamento do motor - Drenagem de fluido (10.400).
Operação anterior:
Desconecte o fio terra da bateria. Para obter informações adicionais, consulte Bateria - Desconexão (55.302).

1. Remova os painéis laterais do motor.


N
NOTA: Repita esta operação em ambos os lados do trator.
O
H
N

BAIL08CVT008AVA 1
C

2. Usando uma eslinga adequada, conecte os pesos


dianteiros a um guincho e remova-os (se instalados).

BAIL08CVT011AVA 2

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 30
Motor - Motor e cárter

3. Remova as barras laterais do motor (se instaladas).

BSD1950A 3

4. Remova o silencioso do escapamento, consulte Silen-


cioso de escape - Remoção (10.254) .
5. Desconecte conector elétrico do radar (1) e remova o
radar (2).

LY
N
O
BAIS06CCM080AVB 4

6. Desligue os conectores elétricos da fiação do motor.


H
N
C

BVE0403A 5

7. Desconecte a mangueira do líquido de arrefecimento


do aquecedor da cabine.

BAIS06CCM083AVA 6

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 31
Motor - Motor e cárter

8. Desconecte a mangueira do aquecedor da cabine.

BAIS06CCM064AVA 7

9. Desconecte as mangueiras de alta pressão (1) e de


baixa pressão (2) do ar condicionado.
NOTA: Não é necessário descarregar o gás do sistema do
ar condicionado pois as conexões são auto selantes

LY
N
BAIS06CCM001AVA 8

10. Desconecte as mangueiras de alimentação do óleo


O
do cilindro da direção (1) e (2).
NOTA: Anote a posição das mangueiras para ajudar a ins-
talação.
H
N
C

BVE0218A 9

11. Desconecte as tubulações de alimentação e de re-


torno de combustível.

BAIS06CCM137AVA 10

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 32
Motor - Motor e cárter

12. Desconecte a mangueira de alimentação da válvula


do freio hidráulico.

BAIS06CCM086AVA 11

13. Desconecte a mangueira de alimentação do bloqueio


do diferencial (1).

LY
N
BVE0282A 12
O
14. Remova a proteção metálica e, em seguida, o eixo
cardã.
H
N
C

BSD1959A 13

15. Remova o flange do eixo de transmissão, se insta-


lado.

BSD1917A 14

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 33
Motor - Motor e cárter

16. Desconecte os tubos do arrefecedor de óleo da trans-


missão (1) e (2).

BAIS06CCM032AVA 15

17. Desconecte a mangueira de alimentação do cilindro-


mestre do freio hidráulico.

LY
N
BAIS06CCM085AVA 16
O
18. Remova os parafusos de fixação (1) e remova o espa-
çador (2).
H
N
C

BAIS06CCM088AVA 17

19. Remova o sensor de velocidade do volante.

BAIS06CCM087AVA 18

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 34
Motor - Motor e cárter

LY
N
BVE0283A 19

20. Posicione o kit de separação do trator (4) 380000569


O
debaixo do trator.
21. Use os apoios (3), do kit de separação para apoiar a
transmissão no cavalete de separação.
H

22. Retire os parafusos de fixação do motor na transmis-


são.
23. Retire os dois parafusos de fixação do cárter do óleo
N

do lado esquerdo. Repita este passo para o lado di-


reito.
C

24. Instale a placa adaptadora (1) 380000844 e os supor-


tes de apoio do motor (2) 297617 380000500 entre o
motor e o carrinho de separação.
25. Verifique se todos os tubos, mangueiras e conectores
necessários foram desconectados. Poderá ser ne-
cessário desconectar itens adicionais devido a outros
equipamentos opcionais instalados no trator.
Verifique novamente se o motor e a transmissão estão
apoiados em segurança no cavalete de separação e,
em seguida, retire os parafusos de aperto do motor
na transmissão.
Afaste cuidadosamente o conjunto do suporte dian-
teiro e do motor da transmissão.

BTB0155A 20

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 35
Motor - Motor e cárter

Motor - Detecção e solução de problemas


PUMA 205, PUMA 225

Problema Causa possível Correção


Baixo desempenho na Nível insuficiente no tanque de combustí- Verifique o nível de combustível
solicitação de carga vel
Filtro de combustível entupido Verifique se a bomba de escorva do pré-fil-
tro funciona corretamente. Se o êmbolo da
bomba estiver sempre pressionado, des-
monte e verifique o tubo coletor do tanque.
Se ele estiver em ordem, troque o pré-filtro.
Filtro de ar sujo ou restrito Troque o filtro de ar
Descarga de combustível excessiva da vál- Verifique os anéis de vedação e as cone-
vula de admissão do tubo distribuidor xões da tubulação sob a bomba de alimen-
tação. Inspecione (visualmente) a integri-
dade da tubulação de baixa pressão.
A menos que o vazamento seja substan-
cial, falhas de desempenho não serão
detectadas. Para verificar a integridade
dos anéis de vedação, remova a tubulação
de reciclagem de combustível do tanque,

LY
vede a extremidade e ative a bomba de
escorva que aciona o circuito de baixa
pressão.
Desconecte o tubo e verifique se há al-
guma descarga considerável a partir da
N
válvula do manômetro de admissão. Se
houver uma descarga considerável, troque
a válvula.
O
Baixa pressão de óleo Baixo nível de óleo do motor Abasteça até o nível adequado
Grau do óleo incorreto Substitua por óleo de grau correto
Filtro da bomba de óleo entupido Troque o óleo e o filtro
Válvula de alívio de pressão de óleo com Substitua a válvula de alívio
defeito
H

Engrenagens do eixo propulsor da bomba Inspecione o sistema de óleo e os com-


de óleo desgastadas ou tubo de óleo que- ponentes. Substitua os componentes com
brado defeito
N

Muita folga no rolamento principal ou no Substitua os rolamentos ou o eixo, caso


rolamento da biela necessário
A folga axial da bomba de óleo não está Verifique o folga e o calço da bomba de
C

ajustada corretamente acordo com a tolerância correta, conforme


necessário.
Excesso de fumaça Nível insuficiente no tanque de combustí- Verifique o nível de combustível
vel (O excesso de fumaça é decorrente do
fato de que, em caso de combustível in-
suficiente, o módulo de controle do motor
tenta compensar o problema prolongando
o tempo de funcionamento dos injetores.)
Filtro de combustível entupido Verifique se a bomba de escorva do pré-fil-
tro funciona corretamente. Se o êmbolo da
bomba estiver sempre pressionado, des-
monte e verifique o tubo coletor do tanque.
Se ele estiver em ordem, troque o pré-filtro.
Filtro de ar sujo ou restrito Troque o filtro de ar

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 36
Motor - Motor e cárter

Problema Causa possível Correção


Descarga de combustível excessiva da vál- Verifique os anéis de vedação e as cone-
vula de admissão do tubo distribuidor xões da tubulação sob a bomba de alimen-
tação. Inspecione (visualmente) a integri-
dade da tubulação de baixa pressão.
A menos que o vazamento seja substan-
cial, falhas de desempenho não serão
detectadas. Para verificar a integridade
dos anéis de vedação, remova a tubulação
de reciclagem de combustível do tanque,
vede a extremidade e ative a bomba de
escorva que aciona o circuito de baixa
pressão.
Desconecte o tubo e verifique se há al-
guma descarga considerável a partir da
válvula do manômetro de admissão. Se
houver uma descarga considerável, troque
a válvula.
Códigos de erro indicando Verifique os sintomas e as causas anterio- Quando a causa do código de erro for cor-
baixa pressão de res para o baixo desempenho. rigida, libere o código de erro e teste o sis-
combustível tema na operação normal.
O motor para de Filtro de combustível entupido ou contami- Troque o filtro de combustível.

LY
repente (sem apresentar nado Corrija a causa do entupimento do filtro.
problemas anteriormente) Esvazie e limpe o tanque e a parte do cir-
e não dá partida de novo. cuito sobre o filtro. Reabasteça usando
combustível limpo.
O motor se desliga ou não Módulo de controle do motor queimado por Corrija o curto circuito e substitua o módulo
N
dá partida curto circuito na fiação elétrica da embrea- de controle do motor
gem de fricção.
Dificuldade na partida Bomba de alta pressão ineficiente. Verifique as outras causas possíveis e,
O
e baixo rendimento em se não encontrar, troque a bomba de alta
todas as condições pressão.
Dificuldade na partida, Injetor obstruído ou solenoide (peça mecâ- O injetor defeituoso é detectado facilmente
baixo rendimento e motor nica) bloqueado aberto pela ausência de um pulso no tubo de alta
H

funcionando sem um dos pressão correspondente ou mediante o


cilindros. equipamento de diagnóstico DATAR.
Se necessário, troque o injetor.
N

A partida requer mais de Injetor bloqueado aberto O injetor defeituoso é detectado facilmente
dez segundos seguida pela ausência de um pulso no tubo de alta
de fumaça branca no pressão correspondente ou mediante o
C

escapamento e cheiro de equipamento de diagnóstico DATAR.


combustível. Se necessário, troque o injetor.
Quebra de tubulação de Vibrações excessivas causadas por supor- Troque a tubulação. Verifique o aperto dos
alta pressão da bomba tes de tubulação quebrados ou soltos parafusos antivibração do suporte. É muito
para o coletor importante manter os suportes na posição
original.
O motor funciona, mas Injetor bloqueado na posição fechada O injetor defeituoso é detectado facilmente
sem um cilindro e também pela ausência de um pulso no tubo de alta
sem memorizar os pressão correspondente ou mediante o
códigos de erro do motor equipamento de diagnóstico DATAR.
no módulo de controle Se necessário, troque o injetor e o filtro de
alta pressão correspondente.

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 37
Índice

Motor - 10

Motor e cárter - 001


Motor - Conectar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10
PUMA 205, PUMA 225
Motor - Desconexão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 30
PUMA 205, PUMA 225
Motor - Detecção e solução de problemas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 36
PUMA 205, PUMA 225
Motor - Especificações gerais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225
Motor - Ferramentas especiais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8
PUMA 205, PUMA 225
Motor - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 23
PUMA 205, PUMA 225
Motor - Limites de serviços . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

LY
Motor - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 16
PUMA 205, PUMA 225
Motor - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.1 [10.001] / 38
Motor - 10

Bomba de elevação e linhas - 210

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
10.2 [10.210] / 1
Conteúdo

Motor - 10

Bomba de elevação e linhas - 210

SERVIÇO

Linhas de fornecimento de combustível


Desconexão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.2 [10.210] / 2
Motor - Bomba de elevação e linhas

Linhas de fornecimento de combustível - Desconexão


PUMA 205, PUMA 225

CUIDADO
O fluido hidráulico pressurizado pode penetrar a pele e causar lesões graves.
O combustível no injetor está pressurizado. Nunca coloque as mãos ou os braços na frente da pul-
verização. Siga o procedimento de teste à risca.
O descumprimento pode resultar em morte ou ferimentos graves.
W0379A

1. Desconecte os tubos de combustível (3), (4) e (5) da


montagem (1). Remova o suporte da montagem (1) do
bloco do motor..
2. Desconecte o tubo de alta pressão de combustível (7)
do tubo do afogador do tubo distribuidor e da bomba de
alta pressão (8) e retire o suporte do bloco do motor.
Desconecte o tubo (9) da bomba de alta pressão (8).

LY 80372 1
N
NOTA: Para desconectar os tubos de combustível (3), (4), (5) é necessário pressionar o grampo (1) para a posição
(B).
Depois de desconectar a tubulação, coloque o grampo (1) na posição de travamento (A) para impedir que fique
O
afivelado.
H
N
C

80628 2

84417650A 31/07/2013
10.2 [10.210] / 3
Índice

Motor - 10

Bomba de elevação e linhas - 210


Linhas de fornecimento de combustível - Desconexão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.2 [10.210] / 4
Motor - 10

Tanques de combustível - 216

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
10.3 [10.216] / 1
Conteúdo

Motor - 10

Tanques de combustível - 216

SERVIÇO

Tanque de combustível
Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.3 [10.216] / 2
Motor - Tanques de combustível

Tanque de combustível - Remoção


PUMA 205, PUMA 225

ATENÇÃO
Objeto pesado!
O componente é pesado. Tome cuidado para não derrubá-lo ao instalar, remover ou manusear.
A não observância desses procedimentos poderá resultar em lesões leves ou moderadas.
C0095A

Operação anterior:
Remova a bateria; para obter informações adicionais, consulte Bateria - Substituir (55.302).

1. Drene o tanque de combustível em um recipiente de


combustível de tamanho adequado.
2. Levante a traseira do trator e coloque dois cavaletes
de apoio de eixo adequados (1) sob as caixas de trans-
missão finais.

LY
N
O
BTB0281A 1

3. Usando uma eslinga adequada (1), remova as rodas


traseiras.
H
N
C

BTB0282A 2

84417650A 31/07/2013
10.3 [10.216] / 3
Motor - Tanques de combustível

Tanque de combustível do lado esquerdo


4. Remova os parafusos de fixação superiores dos de-
graus do lado esquerdo.

BAIS06CCM041AVA 3

5. Remova os grampos de fixação (1) e remova os de-


graus do lado esquerdo (2).

LY
N
O
BAIS06CCM042AVA 4

6. Desconecte a linha de retorno do tanque de combustí-


vel (1), a linha de alimentação do tanque de combus-
tível (2) e o conector elétrico da unidade emissora do
H

tanque de combustível (3).


N
C

BAIS06CCM137AVB 5

7. Desconecte a mangueira de respiro do tanque de com-


bustível.

BAIS06CCM043AVA 6

84417650A 31/07/2013
10.3 [10.216] / 4
Motor - Tanques de combustível

8. Desconecte o tubo de equilíbrio do tanque de combus-


tível

BAIS06CCM045AVA 7

9. Retire a cinta de retenção do tanque de combustível


e, com a ajuda de um assistente ou macaco de rodas,
retire o tanque de combustível do lado esquerdo.

LY
N
BAIS06CCM044AVA 8
O
Tanque de combustível do lado direito
10. Desconecte a mangueira de respiro do tanque de
combustível.
H
N
C

BAIS06CCM049AVA 9

11. Desconecte o tubo de equilíbrio do tanque de com-


bustível.

BAIS06CCM048AVA 10

84417650A 31/07/2013
10.3 [10.216] / 5
Motor - Tanques de combustível

12. Retire a cinta de retenção do tanque de combustível


e, com a ajuda de um assistente ou macaco de rodas,
retire o tanque de combustível do lado direito.

BAIS06CCM050AVA 11

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.3 [10.216] / 6
Motor - Tanques de combustível

Tanque de combustível - Instalar


PUMA 205, PUMA 225

Tanque de combustível do lado direito


1. Instale o tanque de combustível do lado direito e instale
a cinta de retenção do tanque de combustível.

BAIS06CCM050AVA 1

2. Conecte o tubo de equilíbrio do tanque de combustível

LY
N
O

BAIS06CCM048AVA 2
H

3. Conecte a mangueira de respiro do tanque de combus-


tível.
N
C

BAIS06CCM049AVA 3

84417650A 31/07/2013
10.3 [10.216] / 7
Motor - Tanques de combustível

Tanque de combustível do lado esquerdo


4. Instale o tanque de combustível do lado esquerdo e
instale a cinta de retenção do tanque de combustível.

BAIS06CCM044AVA 4

5. Conecte o tubo de equilíbrio do tanque de combustível.

LY
N
O
BAIS06CCM045AVA 5

6. Conecte a mangueira de respiro do tanque de combus-


tível.
H
N
C

BAIS06CCM043AVA 6

7. Conecte a linha de retorno do tanque de combustível


(1), a linha de alimentação do tanque de combustível
(2) e o conector elétrico da unidade emissora do tanque
de combustível (3).

BAIS06CCM137AVB 7

84417650A 31/07/2013
10.3 [10.216] / 8
Motor - Tanques de combustível

8. Instale os degraus do lado direito (1) e instale os gram-


pos de fixação (2).

BAIS06CCM042AVB 8

9. Instale os parafusos de fixação superiores dos degraus


do lado direito.

LY
N
BAIS06CCM041AVA 9
O
10. Usando uma eslinga adequada (1), instale as rodas
traseiras.
Para consultar os torques corretos, consulte Roda
traseira - Torque (44.520).
H
N
C

BTB0282A 10

11. Levante a traseira do trator e remova os cavaletes de


apoio (1).
NOTA: Se necessário, fixe as bielas de engate nos braços
inferiores.

BTB0281A 11

Operação seguinte:

84417650A 31/07/2013
10.3 [10.216] / 9
Motor - Tanques de combustível

Instale a bateria; para obter informações adicionais, consulte Bateria - Substituir (55.302).

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.3 [10.216] / 10
Índice

Motor - 10

Tanques de combustível - 216


Tanque de combustível - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7
PUMA 205, PUMA 225
Tanque de combustível - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.3 [10.216] / 11
LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.3 [10.216] / 12
Motor - 10

Sistema de injeção de combustível - 218

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 1
Conteúdo

Motor - 10

Sistema de injeção de combustível - 218

DADOS TÉCNICOS

Sistema de injeção de combustível


Especificações gerais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225

Enchedor de combustível
Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225

LY
Injetores de combustível
Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225

Bomba de injeção
Torque Anel de retenção da engrenagem de acionamento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7
N
PUMA 205, PUMA 225
O
DADOS FUNCIONAIS

Galeria comum
Válvula de alívio - Vista seccional . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8
H

PUMA 205, PUMA 225

Visão geral . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9
PUMA 205, PUMA 225
N

Injetores de combustível
Vista seccional . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10
C

PUMA 205, PUMA 225

Descrição dinâmica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11
PUMA 205, PUMA 225

Bomba de injeção
Descrição dinâmica Bomba de engrenagem de alimentação de combustível. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 12
PUMA 205, PUMA 225

Visão geral Bomba de alta pressão CP3 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 13


PUMA 205, PUMA 225

Vista seccional Estrutura interna da bomba de alta pressão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 14


PUMA 205, PUMA 225

Válvula de regulagem de pressão


Retorno da injeção - Descrição estática . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 19
PUMA 205, PUMA 225

SERVIÇO

Enchedor de combustível

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 2
Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 20
PUMA 205, PUMA 225

Apertar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21
PUMA 205, PUMA 225

Injetores de combustível
Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 22
PUMA 205, PUMA 225

Reforma . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 23
PUMA 205, PUMA 225

Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 24
PUMA 205, PUMA 225

Apertar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 25
PUMA 205, PUMA 225

Teste elétrico . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 26
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 3
Motor - Sistema de injeção de combustível

Sistema de injeção de combustível - Especificações gerais


PUMA 205, PUMA 225

Descrição
Sistema de combustível Alta pressão, tubo distribuidor
Injeção Unidade de controle Bosch EDC16C39
Bicos Válvulas injetoras
Ordem de ignição da injeção 1-5-3-6-2-4
Pressão de injeção 300 - 1800  bar (4350.0 - 26100.0  psi)

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 4
Motor - Sistema de injeção de combustível

Enchedor de combustível - Torque


PUMA 205, PUMA 225

Peça TORQUE Nm (lb pé)


Passo 1. Aperte os anéis de retenção do coletor de 50  Nm +/- 5Nm (37  lb ft +/- 4 lb.ft.).
combustível com o torque especificado.

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 5
Motor - Sistema de injeção de combustível

Injetores de combustível - Torque


PUMA 205, PUMA 225

Peça TORQUE Nm (lb pé)


Torque de parafusos de fixação eletro-injetor.
Passo 1. Aperte os parafusos no torque especificado. 3.5  Nm (2.6  lb ft)
Passo 2. Aperte os parafusos no ângulo especificado. + 75  ° +/- 5°.

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 6
Motor - Sistema de injeção de combustível

Bomba de injeção - Torque Anel de retenção da engrenagem de


acionamento
PUMA 205, PUMA 225

Descrição
Anel de retenção da engrenagem de acionamento da 100  Nm +/- 5 (73.8  lbft +/- 4)
bomba de combustível
Folga da engrenagem 0.076 - 0.368  mm

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 7
Motor - Sistema de injeção de combustível

Galeria comum Válvula de alívio - Vista seccional


PUMA 205, PUMA 225

Válvula de alívio de pressão no tubo distribuidor de alta pressão


A válvula de alívio de pressão no tubo distribuidor é usada para proteger os componentes do sistema caso haja um
aumento excessivo na pressão do sistema de alta pressão.

Quando a pressão do tubo distribuidor alcança 1800  bar (26100.00  psi) , a válvula é ativada para que o fluxo de
combustível se interrompa e abaixe a pressão dentro dos limites seguros. A pressão é ajustada mecanicamente no
tubo distribuidor para aproximadamente 800  bar ( 11602.9600  psi).

Desta maneira, a válvula deixa o motor funcionar por períodos prolongados com um desempenho limitado, evitando
o superaquecimento do combustível e protegendo a tubulação de saída.

Se esta válvula for ativada, a unidade de controle desativará o controle do regulador de pressão. A válvula fornecerá
a alimentação máxima ao tubo distribuidor.

LY
N
O
80725 1

(A) Normalmente, a extremidade cônica do êmbolo mantém a saída para o tanque fechada.
H

1. Corpo 2. Êmbolo
3. Batente 4. Mola
N

5. Saída para o tanque 6. Sede no tubo distribuidor


C

80726 2

(B) Se a pressão de 1800  bar (26100.00  psi) do combustível no tubo distribuidor for ultrapassada, o êmbolo se
deslocará e o excesso de pressão será descarregado no tanque.

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 8
Motor - Sistema de injeção de combustível

Galeria comum - Visão geral


PUMA 205, PUMA 225

Trilho (acumulador de pressão)


O volume do trilho é menor para permitir a rápida pressurização durante a partida, em marcha lenta e quando há
fluxos altos.

No entanto, seu volume é suficiente para minimizar os fenômenos causados pela abertura e pelo fechamento dos
injetores e pelo trabalho da bomba em pressão alta. Essa função é melhorada ainda mais por um fluxo baixo do
orifício calibrado da bomba de alta pressão.

Há um sensor de pressão do combustível (3) aparafusado no trilho. O sinal enviado desse sensor para a unidade
de controle eletrônico é retroalimentado com base no nível de pressão no trilho que é verificado e, se necessário,
corrigido.

LY
N
O
BSF4470A 1

1. Trilho 2. Entrada do combustível pela bomba de alta pressão


3. Sensor de pressão 4. Válvula de alívio de pressão
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 9
Motor - Sistema de injeção de combustível

Injetores de combustível - Vista seccional


PUMA 205, PUMA 225

A construção do injetor é semelhante à dos injetores convencionais, exceto por não haver nenhuma mola de retorno
da agulha.

A válvula injetora pode ser considerada constituída por duas partes:

• atuador - bico composto por uma haste de pressão, agulha e bico;


• válvula solenoide de controle composta por bobina e válvula piloto.

A válvula solenoide controla o elevador da agulha do bico.

LY
N
O
H
N
C

80729 1

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 10
Motor - Sistema de injeção de combustível

Injetores de combustível - Descrição dinâmica


PUMA 205, PUMA 225

Início da injeção
Quando a bobina é energizada, faz com que o obturador se mova para cima. O combustível do volume de controle
flui na direção do tubo de fluxo reverso, causando uma queda de pressão no volume de controle. Ao mesmo tempo,
a pressão do combustível na câmara de pressão faz com que a agulha aumente, com a injeção do combustível no
cilindro como resultado.

LY
N
O
H
N

80730 1
C

Fim da injeção
Quando a bobina é desenergizada, o obturador volta à sua posição fechada para formar um equilíbrio de forças para
fazer com que a agulha volte à sua posição fechada e injeção termine.
NOTA: A válvula injetora não pode ser revisada e, portanto, não deve ser retirada.

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 11
Motor - Sistema de injeção de combustível

Bomba de injeção - Descrição dinâmica Bomba de engrenagem


de alimentação de combustível.
PUMA 205, PUMA 225

A bomba de engrenagem, montada na traseira da bomba de alta pressão, tem a função de alimentar a bomba. É
controlada pelo eixo da bomba de alta pressão.

Condição de operação normal (Figura 1)


(A) Entrada de combustível no tanque, (B) saída de com-
bustível para o filtro, (1) e (2) válvulas de desvio em po-
sição fechada.

Condição de pressão excessiva na saída (Figura 2) LY 80716 1


N
A válvula de desvio (1) é ativada quando ocorre pressão
excessiva na saída (B). A pressão, superando a resis-
O
tência elástica da mola da válvula (1), coloca a saída em
comunicação com a entrada através do duto (2).
H
N
C

80717 2

Condições de sangria (Figura 3)


A válvula de desvio (2) é ativada quando, com o motor
desligado, você deseja encher o sistema de alimentação
através da bomba primária. Nesta situação, a válvula de
desvio (1) permanece fechada e a válvula de desvio (2)
abre devido ao efeito da pressão de entrada e o combus-
tível flui para fora através da saída (B) .
NOTA: A bomba mecânica de alimentação de combustí-
vel não pode ser substituída sozinha; portanto, não deve
ser retirada da bomba de alta pressão.

80718 3

Para obter uma vista geral da bomba de alta pressão CP3, consulte Bomba de injeção - Visão geral (10.218).

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 12
Motor - Sistema de injeção de combustível

Bomba de injeção - Visão geral Bomba de alta pressão CP3


PUMA 205, PUMA 225

Para obter informações sobre a bomba de engrenagem de alimentação de combustível, consulte Bomba de injeção -
Descrição dinâmica (10.218). Esta bomba com 3 elementos radiais de bombeamento, governada pela engrenagem
de distribuição, não necessita de sincronização. A bomba mecânica de alimentação de combustível, governada pelo
eixo da bomba de alta pressão, é montada na parte traseira da bomba.
NOTA: O conjunto de bomba de alta pressão/alimentação de combustível não pode ser revisado e, portanto, não
deve ser retirado e os parafusos de fixação não devem ser alterados. A única ação permitida é mudar a engrenagem
de acionamento.

LY
N
O
80719 1

(1) Saída de combustível para o tubo distribuidor (6) Retorno de combustível para o tanque
H

(2) Bomba de alta pressão (7) Entrada de combustível do filtro primário


(3) Regulador de pressão (8) Saída de combustível para o filtro secundário
(4) Engrenagem de acionamento (9) Bomba mecânica de alimentação.
N

(5) Entrada de combustível do filtro secundário

NOTA: Para obter a estrutura interna da seção da bomba de alta pressão, consulte Bomba de injeção - Vista sec-
C

cional (10.218).

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 13
Motor - Sistema de injeção de combustível

Bomba de injeção - Vista seccional Estrutura interna da bomba


de alta pressão
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

80720 1

1 Cilindro 2 Elemento com três lóbulos


3 Válvula da tampa da entrada 4 Válvula de esfera de alimentação
5 Pistão 6 Eixo da bomba
7 Entrada de combustível de baixa pressão 8 Canais de combustível para elementos de
bombeamento de alimentação

Cada conjunto de bombeamento inclui:


• um pistão (5) operado por um elemento de três lóbulos (2) flutuando no eixo da bomba (6). Como o elemento (2)
flutua em uma parte desalinhada do eixo (6), quando este gira, não gira com ele, mas só se move de maneira cir-
cular com um raio maior, tendo como resultado a operação dos três elementos de bombeamento alternadamente;
• uma válvula da tampa de entrada (3);

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 14
Motor - Sistema de injeção de combustível

• uma válvula de esfera de alimentação (4).

Princípio de operação

LY
N
O
H
N
C

80721 2

1 Conexão de saída de combustível para o tubo 2 Válvula de alimentação para o tubo distribuidor
distribuidor
3 Elemento de bombeamento 4 Eixo da bomba
5 Tubo de alimentação do elemento de bombeamento 6 Tubo de alimentação do regulador de pressão
7 Regulador de pressão

O elemento de bombeamento (3) é orientado no excêntrico do eixo da bomba (4). Na fase de entrada, o elemento
de bombeamento é alimentado pelo tubo de alimentação (5). A quantidade de combustível enviada ao elemento de
bombeamento é estabelecida pelo regulador de pressão (7). O regulador de pressão, com base no controle de PWM
recebido da unidade de controle, limita o fluxo de combustível para o elemento de bombeamento. Durante a fase
de compressão do elemento de bombeamento, o combustível, ao alcançar uma pressão tal que abre a válvula de
alimentação para o tubo distribuidor, (2)o alimenta através da saída (1).

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 15
Motor - Sistema de injeção de combustível

LY
N
80722 3
O
1. Entrada para o elemento de bombeamento 2. Tubos de lubrificação da bomba
3. Entrada para o elemento de bombeamento 4. Tubo de alimentação do elemento de bombeamento
principal
5. Regulador de pressão 6. Entrada para o elemento de bombeamento
H

7. Tubo de saída do regulador 8. 5  bar ( 72.5185  psi) válvula de alívio


9. Saída de combustível da entrada do regulador
N

As linhas de combustível de baixa pressão na bomba são mostradas; o tubo de alimentação principal dos elementos
de bombeamento (4), os tubos de alimentação dos elementos de bombeamento (1) - (3)- (6), os tubos usados para
lubrificar a bomba (2), o regulador de pressão (5), a 5  bar ( 72.5185  psi) válvula de alívio (8) e a saída de combustível
C

(7) são mostrados.

O eixo da bomba é lubrificado pelo combustível através dos tubos de alimentação e de retorno (2).

O regulador de pressão (5) determina a quantia de combustível com a qual alimentar os elementos de bombeamento;
o combustível em excesso flui para fora pelo tubo (9).

A 5  bar ( 72.5185  psi) válvula de alívio, além de atuar como um coletor para as saídas de combustível, tem a função
de manter a pressão constante na entrada do regulador a 5  bar( 72.5185  psi).

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 16
Motor - Sistema de injeção de combustível

LY
N
80723 4
O
1. Tubo de saída de combustível 2. Tubo de saída de combustível
3. Saída de combustível da bomba com a conexão do tubo de alta pressão para o tubo distribuidor.

O fluxo de combustível a alta pressão pelos tubos de saída dos elementos de bombeamento é mostrado.
H

Operação
N

O cilindro é enchido através da válvula da tampa da entrada somente se a pressão de alimentação é capaz de abrir
as válvulas de alimentação nos elementos de bombeamento (aproximadamente 2  bar ( 29.0074  psi)).
C

A quantia de combustível que alimenta a bomba de alta pressão é medida pelo regulador de pressão, localizado no
sistema de baixa pressão. O regulador de pressão é controlado pela unidade de controle EDC 7 através de um sinal
de PWM.

Quando o combustível é enviado ao elemento de bombeamento, o pistão respectivo se move para baixo (curso de
admissão). Quando o curso do pistão se inverte, a válvula de admissão se fecha e o combustível deixado na câmara
do elemento de bombeamento, não podendo sair, é comprimido acima do nível da pressão de alimentação no tubo
distribuidor.

A pressão gerada desta maneira faz com que a válvula de escape se abra e o combustível comprimido alcance o
circuito de alta pressão.

O elemento de bombeamento comprime o combustível para alcançar o ponto morto superior (curso de alimentação).
A pressão então diminui até que a válvula de escape feche.

O êmbolo do elemento de bombeamento recua na direção do ponto morto inferior e o combustível restante se des-
comprime.

Quando a pressão na câmara do elemento de bombeamento torna-se inferior à pressão de alimentação, a válvula
de admissão se abre outra vez e o ciclo se repete.

As válvulas de alimentação sempre devem estar livres para se moverem, sem nenhum detrito ou oxidação.

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 17
Motor - Sistema de injeção de combustível

A pressão de alimentação para o tubo distribuidor é modulado entre 250 - 1350  bar ( 3625.9250 - 19579.9950  psi)
pela unidade eletrônica de controle através da válvula solenoide do regulador de pressão.

A bomba é lubrificada e é resfriada pelo próprio combustível.

O tempo para a remoção-instalação da bomba radial de jato no motor é consideravelmente menor que para as bom-
bas injetoras convencionais porque não necessita sincronização.

Se você desmontar-montar a tubulação entre o filtro de combustível e a bomba de alta pressão, certifique-se de que
suas mãos e os componentes estejam limpos.

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 18
Motor - Sistema de injeção de combustível

Válvula de regulagem de pressão Retorno da injeção - Descrição


estática
PUMA 205, PUMA 225

Limitador de pressão de retorno de combustível


Abrigado na traseira do cabeçote do cilindro, governa a pressão do combustível que retorna dos injetores a uma
pressão entre 1.3 - 2  bar ( 18.8548 - 29.0074  psi). Garantindo essa pressão para o combustível de retorno, nenhum
vapor de combustível é formado nas válvulas injetoras, otimizando o borrifo de combustível e sua combustão.

A. Para o tanque
70507

LY
1
N
B. Das válvulas injetoras
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 19
Motor - Sistema de injeção de combustível

Enchedor de combustível - Instalar


PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Injetores de combustível - Instalar (10.218).

1. Monte uma nova vedação (3), lubrificada com vaselina,


no tubo de distribuição de combustível (2) e insira-o no
assento do cabeçote do cilindro de modo que a esfera
de posicionamento (5) coincida com o alojamento res-
pectivo (4).
Coloque os parafusos de fixação da válvula injetora
sem apertá-los.
NOTA: Uma vez removidos, os coletores de combustível
(2) não deverão ser reutilizados; DEVERÃO ser substituí-
dos com novos.
NOTA: Durante essa operação, manobre a válvula injetora
(1) de modo que seu orifício de entrada de combustível
receba corretamente o coletor (2),
80693 1

Operação seguinte:
Injetores de combustível - Apertar (10.218).

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 20
Motor - Sistema de injeção de combustível

Enchedor de combustível - Apertar


PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Enchedor de combustível - Instalar (10.218), Injetores de combustível - Instalar (10.218).

1. Aperte os anéis de retenção (3) do coletor de combus-


tível (2) com um torque de Enchedor de combustível
- Torque (10.218).

80694 1

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 21
Motor - Sistema de injeção de combustível

Injetores de combustível - Remoção


PUMA 205, PUMA 225

1. Tire os parafusos que fixam as válvulas injetoras e,


usando a ferramenta 380001099 (1), extraia as válvu-
las injetoras (2) do cabeçote do cilindro.

LY
80686 1

N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 22
Motor - Sistema de injeção de combustível

Injetores de combustível - Reforma


PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Injetores de combustível - Remoção (10.218)

1. Na válvula injetora (1), monte uma nova vedação (2),


lubrificada com vaselina, e uma nova arruela (3).

LY
80691 1

Operação seguinte:
Injetores de combustível - Instalar (10.218).
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 23
Motor - Sistema de injeção de combustível

Injetores de combustível - Instalar


PUMA 205, PUMA 225

1. Instale as válvulas injetoras (1) nos assentos no cabe-


çote do cilindro, orientados de modo que o orifício de
entrada de combustível (2) fique voltado para o lado do
assento do coletor de combustível (3).

80692 1

2. Insira a válvula injetora firmemente no assento do ca-


beçote do cilindro.
Coloque os parafusos de fixação da válvula injetora

LY
sem apertá-los.
N
O

BAIL06CCM068ASA 2
H

Operação seguinte:
Enchedor de combustível - Instalar (10.218)
N
C

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 24
Motor - Sistema de injeção de combustível

Injetores de combustível - Apertar


PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Enchedor de combustível - Instalar (10.218), Injetores de combustível - Instalar (10.218).

1. Usando um torquímetro, aperte gradualmente e alter-


nadamente os parafusos de fixação das válvulas inje-
toras (1) com um torque de Injetores de combustível
- Torque (10.218).

80694 1

Operação seguinte:
Enchedor de combustível - Apertar (10.218)

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 25
Motor - Sistema de injeção de combustível

Injetores de combustível - Teste elétrico


PUMA 205, PUMA 225

Testando a corrente e a voltagem de um injetor, é possível ter uma visão geral do estado da operação. Os valores
de corrente e voltagem fornecem uma boa indicação de um injetor vazando ou aderindo quando comparado a outros
injetores da 'mesma unidade.
Um mau funcionamento pode resultar na injeção de uma quantidade incorreta de combustível no cilindro. Se a
válvula adere na posição aberta, o cilindro será inundado com combustível, o que provoca a fumaça preta. Se a
válvula aderir na posição fechada, então a falta de combustível no cilindro fará o motor funcionar com uma queima
pobre.

1. Configuração de canal para o DATAR Scope


• Canal A - Corrente do injetor (Azul):
• Canal B - Voltagem no lado quente do injetor (ver-
melho)
• Canal C - Voltagem no eixo de cames (verde): usado
apenas para confirmar o tempo da injeção em rela-
ção à rotação do eixo de cames
• Canal D - Voltagem no lado frio do injetor (marrom):

LY
NOTA: Testado usando um motor de 6 cilindros, há três
conectores de injetor de combustível (localizados no lado
esquerdo do trator), um para cada par de cilindros N
O
H
N
C

BAIL10CVT079FMA 1
Localização dos conectores dos injetores

X825 Para os cilindros 1 e 2


X826 Para os cilindros 3 e 4
X827 Para os cilindros 5 e 6

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 26
Motor - Sistema de injeção de combustível

SS08F274 2
Localização dos pinos do conector

1.Positivo 2.Negativo
3.Positivo 4.Negativo

2. Desmonte a tampa do conector do injetor para ver os


quatro fios. Os fios estarão torcidos em pares, um é
positivo e o outro é negativo.

LY
3. Configure o alicate amperímetro em 60A e fixe a garra
em volta de um dos fios positivos para testar o lado
quente do injetor.
4. Para que o sinal possa ser testado no lado quente, des-
N
lize o pino posterior para o receptáculo fêmea do termi-
nal do fio positivo no conector do injetor de combustível
e terra no chassi.
O
5. Para que o sinal possa ser testado no lado frio, deslize
o pino posterior para o receptáculo fêmea do terminal
do fio negativo correspondente no conector do injetor
de combustível e terra no chassi.
H

NOTA: Para testar a fiação dos injetores, convém testá-los nos pinos da ECU do motor
6. Localize o sensor do eixo de cames X835 no lado pos-
N

terior esquerdo o motor


C

SS08K076 3

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 27
Motor - Sistema de injeção de combustível

SS08F270 4

Pino 1 Terra
Pino 2 Sinal
Pino 3 Alimentação

7. Deslize o pino posterior para a capa do fio do PINO 2


no plugue do sensor do eixo de cames.

LY
8. Conecte o DATAR Scope com os cabos de teste inse-
rindo o cabo vermelho no pino posterior e conectando
o cabo preto ao Terra.
9. Coloque o Canal A (Azul) para testar a corrente para
60  A Alicate Amperímetro 60  A Modo a -5 - 20  A.
N
10. Coloque o Canal B (Vermelho) para testar a voltagem
no lado quente do injetor para ×1 a ± 100  V.
O
11. Coloque o Canal C (Verde) para testar a voltagem do
eixo de cames ×1 a ± 20  V.
12. Coloque o Canal D (Marrom) para testar a voltagem
no lado frio do injetor para ×1 a ± 100  V.
H

13. Defina um disparo na repetição do canal A (aproxima-


damente 5  A) de modo que as capturas sejam vistas
N

na tela de forma clara.


14. Defina a taxa de amostragem em 1  ms para possibi-
litar a visualização de uma quantidade substancial de
C

amostras, mostrando o processo de injeção durante


uma rotação completo do eixo de cames em cada tela.

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 28
Motor - Sistema de injeção de combustível

Resultados

LY
N
O
BAIL10CVT078FMA 5
Voltagem no lado quente Vermelho e lado frio Marrom
NOTA: Mostra apenas os canais B e D, os canais A e C estão ocultos
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 29
Motor - Sistema de injeção de combustível

15. Os solenoides dos injetores são acionados com for-


mas de onda do tipo retenção de pico:
Canal B (Vermelho)
Na fase de "pico", uma voltagem alta, cerca de 50
- 70  V, é gerada por um conversor CC/CC dentro da
ECU. Essa se aplica à válvula solenoide para garantir
a resposta elétrica rápida (o que significa a injeção de
combustível na quantidade correta).
O corrente que chega ao solenoide é deixada livre
para aumentar até um limite definido (cerca de 18  A).
Quando esse limite é alcançado, o injetor é acionado
por um sinal de MLP (PWM em inglês) para manter a
corrente no pico pelo tempo desejado.
Então a voltagem aplicada ao solenoide é comutada
para voltagem de bateria 12 - 14  V) e ocorre uma fase
de "retenção". Nessa fase, a corrente é mantida em
torno de 10 - 12  A pelo acionamento do injetor usando
um comando PWM. A duração da fase de retenção
relaciona-se à quantidade de combustível desejada.
Finalmente, a voltagem é removida e a corrente volta
a zero para fechar a válvula (fim da injeção).
O Canal D (Marrom)

LY
A voltagem é medida no "terminal frio" do injetor.
Quando a corrente flui pelo injetor, a voltagem fica
bem próxima da terra, no fim da injeção, a energia
armazenada no solenoide do injetor é usada para
recarregar os capacitores de aumento suplementar
N
(boost) na ECU (e a voltagem aumenta para 40 - 50  V
e depois diminui de V-aumento= 48  V para V-bateria
= 12  V.
O
As formas de onda descrevem a voltagem (em ver-
melho / marrom) e a corrente (em azul) aplicadas a
cada injetor.
Se houver outro evento de injeção imediata, então o
H

teste do lado frio mostrará uma queda de voltagem


para zero à medida que o lado quente começa a dis-
parar. Se não houver um evento seguinte, então uma
N

diminuição de voltagem carregará o capacitor.


C

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 30
Motor - Sistema de injeção de combustível

LY
N
BAIL10CVT080FMA 6
Lados quente e frio do injetor com corrente
O
H
N
C

BAIL10CVT081FMA 7
Indicação do eixo de cames para injeção

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 31
Motor - Sistema de injeção de combustível

Canal A (Azul) : Corrente do injetor


Canal B (Vermelho) : Voltagem no lado quente do injetor
Canal C (Verde) : Voltagem do eixo de cames
Canal D (Marrom) : Voltagem no lado frio do injetor

16. Como o padrão é consistente, como esperado, e pode


ser comparado em relação a todos os outros injetores,
isso não gera nenhuma preocupação.
Um sinal de pico pode ser observado em vez de um
sinal com topo plano na leitura inicial da corrente. Isso
pode indicar que o pino posterior ou o alicate ampe-
rímetro não foi conectado de forma correta. Isso não
implica na presença de uma falha obrigatoriamente.
Na FIGURA 7, a flutuação dupla do Canal C (Verde)
mostra o sensor do eixo de cames para o cilindro 1.
Isso confirma que o teste é no injetor número um.

LY
N
O
H
N
C

BAIL10CVT082FMA 8

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 32
Motor - Sistema de injeção de combustível

17. • (A1) (B1) O pino se abre, a injeção começa, cau-


sando um aumento repentino na voltagem e na cor-
rente para que o injetor possa se abrir
• (B1) Na abertura inicial do injetor, a voltagem pode
ser aproximadamente 70  V para proporcionar uma
abertura de injetor rápida e limpa.
• (A2) A corrente máxima é alcançada durante a
abertura inicial do injetor e é modulada para man-
ter a abertura do injetor pelo tempo necessário.
• (B2) Apenas uma pequena voltagem modulada é
necessária para manter o injetor aberto.
• (D1) A energia armazenada no solenoide é usada
para carregar o capacitor.
• (B1)> (D1) Tempo de injeção
• (D2) Uma diminuição de voltagem mostra o carre-
gamento do capacitor. Quando alcança a voltagem
da bateria, a bateria continuará a carregar o capa-
citor.
• (A3) (B3) (D3) Os picos de corrente e voltagem

LY
devido a FEM (Força eletromotriz).
N
O
H
N
C

BAIL10CVT083FMA 9
Tela de teste
18. A Figura 9 mostra os capacitores compartilhados nos
cilindros e um ciclo completo do motor. É necessário
pelo menos dois testes para confirmar a operação do
circuito do injetor.

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 33
Índice

Motor - 10

Sistema de injeção de combustível - 218


Bomba de injeção - Descrição dinâmica Bomba de engrenagem de alimentação de combustível. . . . . . . . . . . . 12
PUMA 205, PUMA 225
Bomba de injeção - Torque Anel de retenção da engrenagem de acionamento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7
PUMA 205, PUMA 225
Bomba de injeção - Vista seccional Estrutura interna da bomba de alta pressão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 14
PUMA 205, PUMA 225
Bomba de injeção - Visão geral Bomba de alta pressão CP3 . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 13
PUMA 205, PUMA 225
Enchedor de combustível - Apertar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21
PUMA 205, PUMA 225
Enchedor de combustível - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 20
PUMA 205, PUMA 225
Enchedor de combustível - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225

LY
Galeria comum - Visão geral . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9
PUMA 205, PUMA 225
Galeria comum Válvula de alívio - Vista seccional . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8
PUMA 205, PUMA 225
Injetores de combustível - Apertar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 25
PUMA 205, PUMA 225
N
Injetores de combustível - Descrição dinâmica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11
PUMA 205, PUMA 225
Injetores de combustível - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 24
PUMA 205, PUMA 225
O
Injetores de combustível - Reforma . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 23
PUMA 205, PUMA 225
Injetores de combustível - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 22
PUMA 205, PUMA 225
Injetores de combustível - Teste elétrico . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 26
H

PUMA 205, PUMA 225


Injetores de combustível - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225
Injetores de combustível - Vista seccional . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10
N

PUMA 205, PUMA 225


Sistema de injeção de combustível - Especificações gerais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225
Válvula de regulagem de pressão Retorno da injeção - Descrição estática . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 19
C

PUMA 205, PUMA 225

84417650A 31/07/2013
10.4 [10.218] / 34
Motor - 10

Turbocompressor e linhas - 250

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
10.5 [10.250] / 1
Conteúdo

Motor - 10

Turbocompressor e linhas - 250

DADOS TÉCNICOS

Turbocompressor
Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

SERVIÇO

LY
Turbocompressor
Apertar - Sequência. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225

Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225
N
Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.5 [10.250] / 2
Motor - Turbocompressor e linhas

Turbocompressor - Torque
PUMA 205, PUMA 225

Peça TORQUE Nm (lb pé)


Anéis de retenção do turbocompressor/coletor de 25  Nm +/- 5 Nm (18  lb ft +/- 4 lb ft)
escape M8 x 1,25

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.5 [10.250] / 3
Motor - Turbocompressor e linhas

Turbocompressor - Apertar - Sequência.


PUMA 205, PUMA 225

1. Sequência de aperto para anéis de retenção do turbo-


compressor.

BAIL07CCM261ASA 1
Para obter as configurações necessárias de torque, consulte Turbocompressor - Torque (10.250)

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.5 [10.250] / 4
Motor - Turbocompressor e linhas

Turbocompressor - Remoção
PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Bateria - Desconexão (55.302) Purificador de ar - Remoção (10.202.AB-F.10.A.10) Silencioso de escape - Re-
moção (10.254)

Procedimento para retirar o turbocompressor:


1. Desparafuse e retire a tubulação flexível de lubrifica-
ção (1) do turbocompressor (5).
2. Desparafuse e retire o parafuso (3) que fixa o tubo de
retorno de lubrificação no cárter.
3. Desparafuse e retire os anéis de retenção do turbo-
compressor no coletor de escape (4) e os parafusos
de fixação do tubo de lubrificação (2).
4. Apoiando o turbocompressor, levante-o do coletor de
escape e retire a junta.

LY
N
O
H

BAIL06CCM058ASA 1

Operação seguinte:
N

Coletor de escape - Remoção (10.254) , Turbocompressor - Instalar (10.250).


C

84417650A 31/07/2013
10.5 [10.250] / 5
Motor - Turbocompressor e linhas

Turbocompressor - Instalar
PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Turbocompressor - Remoção (10.250), Coletor de escape - Instalar (10.254)

1. Antes da instalação do turbocompressor (5) no coletor


de escape, posicione o novo turbocompressor na junta
do coletor de escape.
2. Conecte o tubo de retorno do óleo de lubrificação no
lado inferior do turbocompressor, fixando-o na posição
com os parafusos (x 2) (2).
3. Posicione o turbocompressor e fixe-o com os anéis
de aperto (4) (x 4) com o torque especificado. Con-
sulte Turbocompressor - Torque (10.250) e Turbo-
compressor - Apertar (10.250).
4. Conecte o tubo de retorno do óleo de lubrificação no
cárter e fixe-o em sua posição com a abraçadeira e o
parafuso (3).

LY
5. Conecte o tubo flexível de óleo de lubrificação (1) do
filtro/arrefecedor de óleo N
O
H

BAIL06CCM058ASA 1
N

Operação seguinte:
Silencioso de escape - Instalar (10.254)
C

84417650A 31/07/2013
10.5 [10.250] / 6
Índice

Motor - 10

Turbocompressor e linhas - 250


Turbocompressor - Apertar - Sequência. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225
Turbocompressor - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225
Turbocompressor - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225
Turbocompressor - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.5 [10.250] / 7
LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.5 [10.250] / 8
Motor - 10

Coletores de admissão/escape e silenciador - 254

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
10.6 [10.254] / 1
Conteúdo

Motor - 10

Coletores de admissão/escape e silenciador - 254

DADOS TÉCNICOS

Coletor de escape
Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

SERVIÇO

LY
Coletor de escape
Apertar - Seqüência. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225

Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
N
PUMA 205, PUMA 225

Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225
O
Silencioso de escape
Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7
PUMA 205, PUMA 225

Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9
H

PUMA 205, PUMA 225


N
C

84417650A 31/07/2013
10.6 [10.254] / 2
Motor - Coletores de admissão/escape e silenciador

Coletor de escape - Torque


PUMA 205, PUMA 225

Peça TORQUE Nm (lb pé)


Parafusos de fixação do coletor de escape no cabeçote. 53  Nm +/- 5 Nm (39.1  lb ft +/- 4 lb ft)
M10 x 1,50 x 65

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.6 [10.254] / 3
Motor - Coletores de admissão/escape e silenciador

Coletor de escape - Apertar - Seqüência.


PUMA 205, PUMA 225

1. Seqüência de aperto para os parafusos do coletor de


escape.
Para obter as configurações necessárias de torque,
consulte Coletor de escape - Torque (10.254)

bail06ccm029asa 1

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.6 [10.254] / 4
Motor - Coletores de admissão/escape e silenciador

Coletor de escape - Remoção


PUMA 205, PUMA 225

1. Desparafuse os parafusos de fixação (x12) e retire o


coletor de escape.

BAIL06CCM055ASA 1

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.6 [10.254] / 5
Motor - Coletores de admissão/escape e silenciador

Coletor de escape - Instalar


PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Coletor de escape - Remoção (10.254)

1. Monte o coletor de escape, completo com uma nova


gaxeta, apertando os parafusos de fixação com o tor-
que especificado. Consulte Coletor de escape - Tor-
que (10.254).

BAIL06CCM055ASA 1

LY
Operação seguinte:
Turbocompressor - Instalar (10.250) N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.6 [10.254] / 6
Motor - Coletores de admissão/escape e silenciador

Silencioso de escape - Remoção


PUMA 205, PUMA 225

ATENÇÃO
Objeto pesado!
O componente é pesado. Tome cuidado para não derrubá-lo ao instalar, remover ou manusear.
A não observância desses procedimentos poderá resultar em lesões leves ou moderadas.
C0095A

1. Remova o tubo de aspiração do filtro de ar .

LY
BAIL08CVT143AVB 1

2. Solte a abraçadeira e remova o tubo do silenciador.


N
O
H
N

BAIL08CVT145AVA 2

3. Solte a abraçadeira do turbocompressor e remova o


C

tubo de escape.

BAIL08CVT146AVA 3

84417650A 31/07/2013
10.6 [10.254] / 7
Motor - Coletores de admissão/escape e silenciador

4. Remova o anteparo térmico do escape.

BAIL08CVT147AVA 4

5. Solte os parafusos de fixação do suporte e remova o


escapamento.

LY
N
BAIL08CVT148AVA 5
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.6 [10.254] / 8
Motor - Coletores de admissão/escape e silenciador

Silencioso de escape - Instalar


PUMA 205, PUMA 225

ATENÇÃO
Objeto pesado!
O componente é pesado. Tome cuidado para não derrubá-lo ao instalar, remover ou manusear.
A não observância desses procedimentos poderá resultar em lesões leves ou moderadas.
C0095A

1. Instale o escapamento no suporte e aperte os parafu-


sos de fixação.

LY
BAIL08CVT148AVA 1

2. Instale o anteparo térmico do escape.


N
O
H
N

BAIL08CVT147AVA 2

3. Instale o tubo de escape no turbocompressor e aperte


C

a abraçadeira.

BAIL08CVT146AVA 3

84417650A 31/07/2013
10.6 [10.254] / 9
Motor - Coletores de admissão/escape e silenciador

4. Instale o tubo do silenciador e aperte a abraçadeira.

BAIL08CVT145AVA 4

5. Reinstale o tubo de aspiração do filtro de ar .

LY
N
BAIL08CVT143AVB 5
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.6 [10.254] / 10
Índice

Motor - 10

Coletores de admissão/escape e silenciador - 254


Coletor de escape - Apertar - Seqüência. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225
Coletor de escape - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225
Coletor de escape - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225
Coletor de escape - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225
Silencioso de escape - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9
PUMA 205, PUMA 225
Silencioso de escape - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.6 [10.254] / 11
LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.6 [10.254] / 12
Motor - 10

Sistema de lubrificação do motor - 304

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
10.7 [10.304] / 1
Conteúdo

Motor - 10

Sistema de lubrificação do motor - 304

DADOS TÉCNICOS

Bomba de óleo do motor


Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

Arrefecimento do pistão
Bico spray - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225

LY
DADOS FUNCIONAIS

Sistema de lubrificação do motor


Descrição estática . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
N
PUMA 205, PUMA 225
O
SERVIÇO

Bomba de óleo do motor


Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7
H

PUMA 205, PUMA 225

Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8
N

PUMA 205, PUMA 225


C

84417650A 31/07/2013
10.7 [10.304] / 2
Motor - Sistema de lubrificação do motor

Bomba de óleo do motor - Torque


PUMA 205, PUMA 225

PEÇA TORQUE
Parafusos de fixação da bomba de óleo ao bloco do motor 25  Nm +/- 5 Nm (18.4  lbft +/- 4 lbft)
M8 x 1.25 x 35 (x 13)
M8 x 1.25 x 50 (x 2)

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.7 [10.304] / 3
Motor - Sistema de lubrificação do motor

Arrefecimento do pistão Bico spray - Torque


PUMA 205, PUMA 225

Peça TORQUE
Parafusos de fixação dos bicos "J" no bloco do motor 15  Nm +/- 3 Nm (11  lb ft +/- 2 lb ft)
M10 x 1,25 x 10

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.7 [10.304] / 4
Motor - Sistema de lubrificação do motor

Sistema de lubrificação do motor - Descrição estática


PUMA 205, PUMA 225

A lubrificação com circulação forçada é realizada pela bomba de óleo, alojada na frente do cárter.

O óleo lubrificante é enviado do cárter de óleo ao virabrequim, ao eixo de cames e à válvula de comando.

A lubrificação também inclui o arrefecedor, o ventilador do turbo e o compressor do sistema de ar comprimido, se


estiver instalado.

Todos esses componentes mudam frequentemente conforme o uso e, portanto, serão cobertos no capítulo especí-
fico.

LY
N
O
H
N
C

80733 1

84417650A 31/07/2013
10.7 [10.304] / 5
Motor - Sistema de lubrificação do motor

Óleo pressurizado

Óleo sob gravidade

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.7 [10.304] / 6
Motor - Sistema de lubrificação do motor

Bomba de óleo do motor - Instalar


PUMA 205, PUMA 225

1. Se ainda não tiver sido retirado, retire o lacre (2) da


cobertura frontal (1).
Limpe cuidadosamente a superfície de acoplamento.

80347 1

2. Limpe cuidadosamente a superfície de contato no


bloco do motor e posicione a gaxeta (1) no cárter.

LY
N
O

80348 2
H

3. Monte a bomba de óleo (2) no bloco do motor e apa-


rafuse os parafusos, apertando-os com o torque reco-
mendado, consulte Bomba de óleo do motor - Tor-
N

que (10.304) .
C

80349 3

84417650A 31/07/2013
10.7 [10.304] / 7
Motor - Sistema de lubrificação do motor

Bomba de óleo do motor - Remoção


PUMA 205, PUMA 225

1. Tire os parafusos (1) e retire a bomba de óleo (2).


NOTA: Anote a posição do conjunto dos parafusos (1) pois
os mesmos têm comprimentos diferentes.

80330 1

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.7 [10.304] / 8
Índice

Motor - 10

Sistema de lubrificação do motor - 304


Arrefecimento do pistão Bico spray - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225
Bomba de óleo do motor - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7
PUMA 205, PUMA 225
Bomba de óleo do motor - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8
PUMA 205, PUMA 225
Bomba de óleo do motor - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225
Sistema de lubrificação do motor - Descrição estática . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.7 [10.304] / 9
LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.7 [10.304] / 10
Motor - 10

Sistema de resfriamento do motor - 400

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 1
Conteúdo

Motor - 10

Sistema de resfriamento do motor - 400

DADOS TÉCNICOS

Bomba de água
Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225

Termostato do líquido de arrefecimento


Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225

LY
DADOS FUNCIONAIS

Sistema de resfriamento do motor


Sistema de resfriamento do motor - Visão geral . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7
N
PUMA 205, PUMA 225

Sistema de resfriamento do motor - Descrição dinâmica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8


O
PUMA 205, PUMA 225

Sistema de resfriamento do motor - Descrição estática . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9


PUMA 205, PUMA 225

Termostato do líquido de arrefecimento


H

Descrição dinâmica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10
PUMA 205, PUMA 225
N

Radiador
Descrição dinâmica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11
PUMA 205, PUMA 225
C

SERVIÇO

Sistema de resfriamento do motor


- Drenagem de fluido . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 12
PUMA 205, PUMA 225

Abastecimento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 14
PUMA 205, PUMA 225

Trocar fluido . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 15
PUMA 205, PUMA 225

Bomba de água
Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 19
PUMA 205, PUMA 225

Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 20
PUMA 205, PUMA 225

Termostato do líquido de arrefecimento


Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21
PUMA 205, PUMA 225

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 2
Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 22
PUMA 205, PUMA 225

Teste . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 23
PUMA 205, PUMA 225

Radiador
Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 24
PUMA 205, PUMA 225

Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 29
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 3
ÍNDICE DOS BENS DE CONSUMO

Bens de consumo Referência PÁGINA


CASE IH Akcela Premium Sistema de resfriamento do motor - Abastecimento 10.8 / 14
anti-freeze
CASE IH Akcela No. 1™ Bomba de água - Instalar 10.8 / 19
Engine oil SAE 15W-40

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 4
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Bomba de água - Torque


PUMA 205, PUMA 225

PEÇA TORQUE
Parafusos de fixação da bomba de fluido de arrefecimento M8 x 25  Nm +/- 5 Nm (18  lb ft +/- 4 lb.ft)
1,25 x 25

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 5
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Termostato do líquido de arrefecimento - Torque


PUMA 205, PUMA 225

Parafusos de fixação do alojamento


Descrição Torque
Parafusos de fixação do alojamento do termostato M6 x 10  Nm +/- 2 Nm (7.4  lbft +/- 1.5 lbft)
1,0 x 20

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 6
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Sistema de resfriamento do motor - Visão geral


PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
BAIL07CCM266AMA 1

A Fluxo de fluido de arrefecimento do termostato


H

B Fluxo de fluido de arrefecimento para a bomba de


fluido de arrefecimento
N
C

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 7
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Sistema de resfriamento do motor - Descrição dinâmica


PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
BVE0373A 1

A Fluxo de fluido de arrefecimento do termostato B Fluxo de fluido de arrefecimento circulando no motor


H

C Fluxo de fluido de arrefecimento para a bomba de


fluido de arrefecimento
N

O sistema de refrigeração do motor é do tipo circuito fechado com circulação forçada composto pelos seguintes
componentes:
C

• Trocador de calor (1) para resfriar o óleo lubrificante.


• Termostato (2) para controle da circulação do fluido de arrefecimento.
• Bomba centrífuga de fluido de arrefecimento (3) para circular o fluido de arrefecimento.

O fluido de arrefecimento é aspirado no fundo do radiador pela bomba de fluido de arrefecimento (3) que passa o
fluido de arrefecimento para o bloco de cilindros. Em seguida, o fluido de arrefecimento flui por galerias internas para
resfriar as paredes dos cilindros.

As galerias na junta do cabeçote do cilindro permitem que o fluido de arrefecimento flua do bloco de cilindros para
dentro do cabeçote do cilindro. As galerias internas também dirigem o fluido de arrefecimento para as localizações
dos bicos injetores de combustível antes de entrar no alojamento do termostato.

Dependendo da temperatura do fluido de arrefecimento, este entra novamente na bomba de fluido de arrefecimento
ou circula através do radiador para resfriar.

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 8
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Sistema de resfriamento do motor - Descrição estática


PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
BAIS06CCM131AVA 1

1. Compressor do ar condicionado 2. Polia de montagem do ventilador


3. Alternador 4. Polia do virabrequim
H

5. Tensionador da correia do ar condicionado 6. Bomba de fluido de arrefecimento

A função da bomba de fluido de arrefecimento (6) montada na frente do motor é manter um fluxo contínuo de fluido
N

de arrefecimento ao redor do sistema de fluido de arrefecimento (consulte Sistema de resfriamento do motor -


Visão geral (10.400). Isto é essencial para assegurar a temperatura correta do fluido de arrefecimento do motor. A
bomba de fluido de arrefecimento é acionada pela correia em V de poliéster da polia do virabrequim (4) e a tensão
C

é mantida pelo tensionador automático com mola da correia do ventilador (5).

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 9
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Termostato do líquido de arrefecimento - Descrição dinâmica


PUMA 205, PUMA 225

Quando o termostato está fechado, uma galeria de desvio de recirculação permite que o fluido de arrefecimento
recircule do cabeçote do cilindro para o bloco, permitindo um aquecimento mais rápido do fluido de arrefecimento do
motor.

BVE0376A 1
Quando o fluido de arrefecimento alcança a temperatura de operação normal, o termostato abre e permite que o

LY
fluido de arrefecimento seja aspirado pela bomba de refrigerante e passe através do radiador. Em seguida, o fluido
de arrefecimento resfriado retorna ao motor.
N
O
H
N

BVE0377A 2
C

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 10
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Radiador - Descrição dinâmica


PUMA 205, PUMA 225

O arrefecimento ocorre conforme o arrefecedor passa através dos núcleos do radiador, os quais estão expostos ao
sistema de arrefecimento. O ar é retirado através das aletas do radiador por um ventilador viscoso (1) situado entre
o radiador e o bloco do motor.

BVE0266A 1

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 11
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Sistema de resfriamento do motor - Drenagem de fluido


PUMA 205, PUMA 225

CUIDADO
Líquido quente sob pressão!
Nunca remova a tampa de enchimento ou a tampa do tanque de recuperação quando o motor estiver
funcionando ou o líquido de arrefecimento estiver quente. Deixe o sistema esfriar. Gire a tampa de
enchimento para o primeiro entalhe e deixe toda a pressão sair, em seguida remova a tampa de en-
chimento. Desenrosque a tampa do tanque de recuperação lentamente para deixar sair toda pressão
existente.
O descumprimento pode resultar em morte ou ferimentos graves.
W0296A

CUIDADO
Produtos químicos perigosos!
O líquido de arrefecimento pode ser tóxico. Evite contato com a pele, olhos ou roupas. Antídotos:
EXTERNO - Enxague abundantemente com água. Remova as roupas sujas. INTERNO - Enxague a
boca com água. NÃO induza o vômito. Busque assistência médica imediatamente. OLHOS - Enxague
com água. Busque assistência médica imediatamente.
O descumprimento pode resultar em morte ou ferimentos graves.

LY
W0282A

1. Abra o capô do motor e remova o painel lateral es-


querdo.
N
O
H

BAIL08CVT008AVA 1
N

2. Aperte a mangueira do aquecedor da cabine.


C

BAIS06CCM022AVA 2

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 12
Motor - Sistema de resfriamento do motor

3. Coloque um recipiente adequado debaixo do trator.


Tire a mangueira de fluido de arrefecimento da cabine
e drene o fluido de arrefecimento.
4. Retire a tampa do tanque de expansão.
5. Conecte a mangueira do fluido de arrefecimento
quando terminar de drenar o sistema de fluido de
arrefecimento.
6. Retire a abraçadeira da mangueira do aquecedor da
cabine.

BAIS06CCM023AVA 3

Operação seguinte:
Sistema de resfriamento do motor - Abastecimento (10.400).

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 13
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Sistema de resfriamento do motor - Abastecimento


PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Sistema de resfriamento do motor - Drenagem de fluido (10.400).

1. Assegure o grau e a quantidade corretos de anticonge-


lante adicionado à água. A mistura recomendada de
fluido de arrefecimento é de 50% de água com 50% de
anticongelante de acordo com a especificação CASE
IH AKCELA PREMIUM ANTI-FREEZE.
2. Reabasteça o sistema de arrefecimento através da
tampa do radiador até ficar completamente cheio e
recoloque a tampa do radiador.

LY BAIS06CCM159AVB 1
N
3. Encha novamente o tanque de expansão até a marca
COLD FILL (FRIO ENCHER).
O
H
N
C

BAIS06CCM158AVA 2

4. Ligue o motor e deixe-o funcionar até alcançar a tem-


peratura operacional normal. Verifique se há vazamen-
tos, deixe esfriar e verifique o nível do fluido de arrefe-
cimento.

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 14
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Sistema de resfriamento do motor - Trocar fluido


PUMA 205, PUMA 225

O sistema de arrefecimento do motor sai de fábrica abaste-


cido com uma solução anticongelante e água de alta qua-
lidade. A solução anticongelante contém um inibidor quí-
mico. Esse inibidor aumenta e estende a proteção ofere-
cida em relação aos anticongelantes convencionais.
Fatores que o inibidor químico proporciona:
• Proteção contra ferrugem.
• Reduz a formação de crostas.
• Minimiza a erosão da parede do cilindro (descama-
ção).
• Reduz a formação de espuma do líquido de arrefe-
cimento.
A solução anicongelante deve ser substituída, em interva-
los, para manter o nível de proteção ideal. Essa prote-
ção é fornecida ao drenar e lavar o sistema e reabastecer

LY
com uma solução de 50  % de Ambra Agriflu/Akcela Pre-
mium anti-freeze e 50% de água, ou, no caso de não ha-
ver anticongelante disponível, utilize 50% de inibidor quí-
mico. Para mais informações, consulte seu concessioná-
rio CASE IH e o título “Usando anticongelante”.
N
Drenagem e reabastecimento do sistema de arrefecimento
O
CUIDADO
Perigo de queimadura!
Sempre remova a tampa do tanque de recu-
peração ANTES de remover a tampa de enchi-
H

mento. Nunca remova nenhuma das tampas


enquanto o motor estiver em operação ou o lí-
quido de arrefecimento estiver quente. Desli-
N

gue o motor e espere o sistema esfriar. Com


um pano grosso, solte a tampa vagarosamente
e espere a pressão sair.
C

O descumprimento pode resultar em morte ou


ferimentos graves.
W0361A
BRI3773B 1

CUIDADO
Perigo químico!
Use roupas de proteção e uma proteção facial
ao manusear componentes químicos. Não per-
mita que componentes químicos encostem na
pele ou nos olhos. Sempre siga as instruções
do fabricante sobre componentes químicos.
O descumprimento pode resultar em morte ou
ferimentos graves.
W0052A

Com o motor frio, o nível do líquido de arrefecimento no


reservatório de expansão (2) deve estar acima da linha
inferior (3).
AVISO: É essencial que uma tampa que suporte uma pres-
são aprovada seja usada. Se a tampa for perdida ou da-
nificada, obtenha uma reposição com seu concessionário
CASE IH.

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 15
Motor - Sistema de resfriamento do motor

1. Posicione o controle da calefação até a posição de


calor máximo (totalmente no sentido horário).
2. Remova a tampa do reservatório de expansão e a
tampa do radiador. Isso também irá aumentar a
taxa de drenagem.
3. Para acessar as braçadeiras da mangueira inferior,
remova os parafusos e a tampa no lado direito.
4. Solte os parafusos das braçadeiras da mangueira
girando-os no sentido anti-horário. Desconecte
a mangueira inferior do radiador e drene todo
o líquido de arrefecimento em um recipiente
adequado. Descarte o líquido de arrefecimento
BRAG12TRLUE0235 2
corretamente.
NOTA: Pode ser necessário remover a proteção para obter
acesso à mangueira.
AVISO: Uma braçadeira especial (1) é usada nas man-
gueiras do líquido de arrefecimento do motor, para soltar
a braçadeira será necessário remover a proteção do para-
fuso. Usando um alicate, remova cuidadosamente a pro-

LY
teção. Gire no sentido anti-horário para soltar.
N
O
BRJ4917B 3

5. Remova o bujão de dreno do líquido de arrefeci-


mento (1) localizado na parte dianteira direita do
H

bloco do motor, perto do filtro de óleo. Drene todo


o líquido de arrefecimento em um recipiente ade-
quado. Descarte o líquido de arrefecimento corre-
N

tamente.
6. Lave o sistema com uma solução de limpeza para
C

sistemas de arrefecimento. Siga as instruções for-


necidas com a solução. Drene toda a solução de
limpeza e deixe o motor esfriar.
NOTA: Nunca coloque líquido de arrefecimento frio em um
motor quente. A diferença de temperatura pode fazer com
que o bloco ou o cabeçote rache. BAIL09MAX024AVA 4

7. Reinstale a mangueira inferior do radiador.


8. Abasteça o sistema com água limpa e de partida no
motor por 10  min, em seguida, drene toda a água.
Deixe o motor esfriar.

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 16
Motor - Sistema de resfriamento do motor

9. Abasteça o sistema com uma mistura de anticon-


gelante e água limpa. Adicione o líquido de arrefe-
cimento lentamente pelo bocal de abastecimento
do radiador até o nível máximo.
10. Reinstale a tampa do radiador e adicione mais
líquido de arrefecimento pelo bocal de abasteci-
mento do reservatório de expansão até o nível má-
ximo. Reinstale a tampa.
NOTA: Para evitar que ar fique preso no sistema, abas-
teça o radiador o mais lentamente possível permitindo que
qualquer bolsa de ar se disperse.
O líquido de arrefecimento a ser usado depende da dispo-
nibilidade local. Realize os seguintes procedimentos:

Uso de anticongelante
Use uma solução de 50  % de água limpa e 50  % de anti-
congelante. O inibidor já presente no anticongelante é o
suficiente para proteger o motor por mais 1.200 horas ou
por dois anos, o que ocorrer primeiro.

LY
NOTA: Consulte a página Consumíveis (-A.92.A.55) para obter as especificações do líquido de arrefecimento.

Uso de água pura


N
CUIDADO
Produtos químicos perigosos!
O agente químico pode ser prejudicial. -Evite
O
contato com olhos e contato prolongado/repe-
titivo com a pele. -Use óculos de proteção du-
rante o manuseio. -Contato com os olhos: Lave
com água por 15 minutos. Busque assistência
H

médica imediata. -Lave a pele com água e sa-


bão após o manuseio. -Mantenha longe do al-
cance de crianças.
N

O descumprimento pode resultar em morte ou


ferimentos graves.
W0370A
C

Caso resida em um país onde não há anticongelante


disponível, use água limpa pré-misturada com 5  % de
inibidor químico. O inibidor está disponível em seu
concessionário CASE IH.
Seguindo as instruções no recipiente, misture a
quantidade recomendada de inibidor com 28.5  l (7.5  US
gal) de água limpa. Isso fornecerá uma mistura de líquido
de arrefecimento maior que o necessário. O excesso
de líquido de arrefecimento deve ser mantido em um
recipiente especificamente identificado e utilizado para
abastecer o sistema quando necessário.

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 17
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Após abastecer o sistema com líquido de arrefecimento


1. Inspecione as mangueiras e as conexões do sis-
tema de arrefecimento em busca de vazamentos.
2. Abasteça o reservatório de expansão até a marca
de nível COLD (1) e reinstale a tampa.
3. Dê partida no motor e funcione-o até atingir a tem-
peratura operacional normal.
NOTA: O nível do líquido de arrefecimento irá cair à me-
dida que for circulado pelo sistema.

BRI3770B 5

4. Desligue o motor e permita que o líquido de arrefe-


cimento esfrie.
5. Remova a tampa do radiador (1) e adicione líquido
de arrefecimento no radiador até o nível máximo.
Reinstale a tampa do radiador. Adicione líquido

LY
de arrefecimento no reservatório de expansão con-
forme necessário, até que o nível fique na marca
COLD.
NOTA: Caso o motor não for ligado logo após a troca do
líquido de arrefecimento, funcione o motor por uma hora
N
para garantir que o anticongelante e/ou inibidor químico
sejam dispersos pelo sistema de arrefecimento. Deixe o
motor esfriar e faça a verificação final para certificar-se de BRI3771B 6
O
que o nível de líquido de arrefecimento esteja satisfatório.
Posicione o botão de controle da calefação (1), figura 2,
e do ventilador de circulação interna no máximo, para ga-
rantir que a calefação da cabine esteja funcionando e não
H

haja bloqueios de ar no sistema.


Consulte a página Consumíveis (-A.92.A.55) para obter
a especificação e capacidade correta de líquido de arrefe-
N

cimento.
C

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 18
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Bomba de água - Instalar


PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Bomba de água - Remoção (10.400).

1. Certifique-se de que as superfícies conjugadas este-


jam limpas.
Substitua a vedação (1) e lubrifique-a com óleo de mo-
tor limpo. CASE IH AKCELA NO. 1™ ENGINE OIL SAE
15W-40 .

BVE0374A 1

LY
2.
Monte a bomba de fluido de arrefecimento (1); instale
os parafusos (2) e aperte-os com o torque prescrito.
Consulte Bomba de água - Torque (10.400).
N
O
H
N

80346 2

Operação seguinte:
C

Sistema de resfriamento do motor - Abastecimento (10.400).

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 19
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Bomba de água - Remoção


PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Sistema de resfriamento do motor - Drenagem de fluido (10.400). Correia - Remoção (10.414)

1. Solte os parafusos de fixação da bomba de fluido de


arrefecimento e retire a bomba de fluido de arrefeci-
mento.

BVE0294A 1

Operação seguinte:
Bomba de água - Instalar (10.400).

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 20
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Termostato do líquido de arrefecimento - Remoção


PUMA 205, PUMA 225

1. Afrouxe a abraçadeira para mangueira (1) e desco-


necte a mangueira de fluido de arrefecimento do aloja-
mento do termostato.

BVE0263A 1

2. Retire o alojamento do termostato do bloco de cilin-


dros.

LY
N
O

BVE0264A 2
H

3. Retire a vedação do termostato (1) e o termostato (2).


N
C

BVE0265A 3

Operação seguinte:
Termostato do líquido de arrefecimento - Instalar (10.400).

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 21
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Termostato do líquido de arrefecimento - Instalar


PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Termostato do líquido de arrefecimento - Remoção (10.400), Termostato do líquido de arrefecimento - Teste
(10.400).

1. Certifique-se de que as superfícies conjugadas este-


jam limpas
Instale o termostato (2) e uma nova vedação do ter-
mostato (1).

LY
BVE0265A 1

2. Instale o alojamento do termostato no bloco de cilin-


dros. Aperte os parafusos de fixação no valor de tor-
que especificado. Consulte Termostato do líquido de
N
arrefecimento - Torque (10.400).
O
H
N

BVE0264B 2

3. Conecte a mangueira de fluido de arrefecimento no


C

alojamento do termostato e aperte a abraçadeira para


mangueira (1).

BVE0263A_69 3

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 22
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Termostato do líquido de arrefecimento - Teste


PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Termostato do líquido de arrefecimento - Remoção (10.400).

1. Coloque o termostato dentro de um recipiente com


água e aumente a temperatura até 212  °F ( 100  °C). Se
o termostato não abrir quando estiver quente ou não
fechar adequadamente quando estiver frio, deverá ser
substituído.
NOTA: Um termostato defeituoso pode fazer com que o
motor funcione a uma temperatura alta ou fria demais. Se
o termostato não for substituído, poderão ocorrer danos ao
motor ou um desempenho inferior do motor.
AVISO: Não opere um motor sem um termostato.

RI-1-107 1

Operação seguinte:
Termostato do líquido de arrefecimento - Instalar (10.400).

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 23
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Radiador - Remoção
PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Drene o sistema de arrefecimento do motor; para obter mais informações,consulte Sistema de resfriamento do
motor - Trocar fluido (10.400) .

1. Retire o painel lateral do motor.


NOTA: Repita esse passo para ambos os lados do trator.

BAIL08CVT008AVA 1

LY
2. Solte a presilha da mangueira e remova a abraçadeira
de fixação. N
O
H

BAIS06CCM024AVA 2
N

3. Solte a presilha da mangueira (1) e remova o duto de


saída do arrefecedor de ar do motor (2).
NOTA: Retire e descarte as amarrações dos cabos.
C

BAIS06CCM025AVA 3

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 24
Motor - Sistema de resfriamento do motor

4. Solte as presilhas da mangueira (1) e retire o duto de


entrada do arrefecedor de ar do motor (2).

BAIS06CCM026AVA 4

5. Remova o duto de admissão do arrefecedor de ar do


motor e posicione-o em um dos lados.

LY
N
BAIS06CCM028AVA 5
O
6. Retire a abraçadeira de fixação do duto do arrefecedor
de óleo da transmissão/de ar do motor.
H
N
C

BAIS06CCM029AVA 6

7. Solte as presilhas de fixação (2). Remova o conden-


sador do ar condicionado (1) e posicione-o em um dos
lados.

SS11E065 7

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 25
Motor - Sistema de resfriamento do motor

8. Retire a abraçadeira de suporte da proteção lateral.


NOTA: Repita esse passo para ambos os lados do trator.

BAIS06CCM011AVA 8

9. Retire o parafuso de fixação do arrefecedor de óleo da


transmissão/arrefecedor de ar do motor.
NOTA: Repita esse passo para ambos os lados do trator.

LY
N
BAIS06CCM012AVA 9

10. Desconecte os tubos de entrada do arrefecedor de


O
óleo da transmissão (1) e os tubos (2) de saída.
NOTA: Instale os tampões cegos adequados.
H
N
C

BAIS06CCM032AVA 10

11. Puxe para frente a parte inferior da unidade de arre-


fecimento do arrefecedor de óleo da transmissão/ do
arrefecedor de ar do motor (1), deslize a unidade para
cima (2) e retire do trator.

BAIS06CCM013AVA 11

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 26
Motor - Sistema de resfriamento do motor

12. Retire os parafusos de fixação da proteção do venti-


lador.
NOTA: Repita esse passo para ambos os lados do trator.

LY
N
BAIS06CCM014BVA 12
O
13. Retire a placa defletora do radiador.
H
N
C

BAIS06CCM016AVA 13

14. Desconecte a mangueira inferior do radiador.

BAIS06CCM017AVA 14

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 27
Motor - Sistema de resfriamento do motor

15. Desconecte a mangueira superior do radiador (1), a


mangueira de expansão (2) e a abraçadeira de su-
porte do radiador (3).

BAIS06CCM020AVA 15

16. Retire os parafusos de fixação do radiador.


NOTA: Repita esse passo para ambos os lados do trator.

LY
N
BAIS06CCM144AVA 16

17. Remova a tira de controle de abertura do capô (1).


O
Retire o radiador (2).
H
N
C

BAIS06CCM021AVA 17

Operação seguinte:
Radiador - Instalar (10.400) .

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 28
Motor - Sistema de resfriamento do motor

Radiador - Instalar
PUMA 205, PUMA 225

ATENÇÃO
Objeto pesado!
O componente é pesado. Tome cuidado para não derrubá-lo ao instalar, remover ou manusear.
A não observância desses procedimentos poderá resultar em lesões leves ou moderadas.
C0095A

1. Instale a unidade do radiador (2) e a tira de controle de


abertura do capô (1).

LY
BAIS06CCM021AVA 1

2. Instale os parafusos de fixação do radiador. Aperte


com 32  Nm ( 24  lb ft).
N
NOTA: Repita esse passo para ambos os lados do trator.
O
H
N

BAIS06CCM144AVA 2

3. Conecte a mangueira superior do radiador (1), a man-


C

gueira de expansão (2) e a abraçadeira de suporte do


radiador (3).

BAIS06CCM020AVA 3

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 29
Motor - Sistema de resfriamento do motor

4. Conecte a mangueira inferior do radiador.

BAIS06CCM017AVA 4

5. Instale os parafusos de fixação do protetor do ventila-


dor.
NOTA: Repita esse passo para ambos os lados do trator.

LY
N
O
H
N
C

BAIS06CCM014BVA 5

6. Instale a placa defletora do radiador.

BAIS06CCM016AVA 6

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 30
Motor - Sistema de resfriamento do motor

7. Posicione a unidade de arrefecimento do arrefecedor


de óleo/de ar do motor ao trator, deslize a unidade na
direção das abraçadeiras de fixação superiores (1) e
empurre a parte inferior da unidade para trás (2).

BAIS06CCM013AVB 7

8. Conecte a entrada do arrefecedor de óleo da transmis-


são (1) e as mangueiras de (2) saída.

LY
N
BAIS06CCM032AVA 8
O
9. Instale o parafuso de fixação do arrefecedor de ar do
arrefecedor de óleo/de ar do motor.
NOTA: Repita esse passo para ambos os lados do trator.
H
N
C

BAIS06CCM012AVA 9

10. Instale a abraçadeira de suporte da proteção lateral.


NOTA: Repita esse passo para ambos os lados do trator.

BAIS06CCM011AVA 10

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 31
Motor - Sistema de resfriamento do motor

11. Instale o condensador do ar condicionado (1) ao tra-


tor, instale os parafusos de fixação (2).

SS11E065 11

12. Instale a presilha de fixação da mangueira do arrefe-


cedor de óleo da transmissão/de ar do motor.

LY
N
BAIS06CCM029AVA 12

13. Instale o duto de admissão do filtro de ar do motor.


O
H
N
C

BAIS06CCM028AVA 13

14. Instale o tubo de entrada do arrefecedor de ar do mo-


tor (2) e aperte as presilhas da mangueira (1).

BAIS06CCM026AVA 14

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 32
Motor - Sistema de resfriamento do motor

15. Instale o tubo de saída de arrefecedor de ar do motor


(2) e aperte a presilha da mangueira (1).

BAIS06CCM025AVA 15

16. Instale a abraçadeira de fixação e aperte a presilha


da mangueira.

LY
N
BAIS06CCM024AVA 16
O
17. Instale o painel lateral do motor.
NOTA: Repita esse passo para ambos os lados do trator.
H
N
C

BAIL08CVT008AVA 17

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 33
Índice

Motor - 10

Sistema de resfriamento do motor - 400


Bomba de água - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 19
PUMA 205, PUMA 225
Bomba de água - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 20
PUMA 205, PUMA 225
Bomba de água - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225
Radiador - Descrição dinâmica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11
PUMA 205, PUMA 225
Radiador - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 29
PUMA 205, PUMA 225
Radiador - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 24
PUMA 205, PUMA 225
Sistema de resfriamento do motor - Drenagem de fluido . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 12
PUMA 205, PUMA 225

LY
Sistema de resfriamento do motor - Abastecimento . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 14
PUMA 205, PUMA 225
Sistema de resfriamento do motor - Descrição dinâmica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8
PUMA 205, PUMA 225
Sistema de resfriamento do motor - Descrição estática . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9
PUMA 205, PUMA 225
N
Sistema de resfriamento do motor - Trocar fluido . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 15
PUMA 205, PUMA 225
Sistema de resfriamento do motor - Visão geral . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7
PUMA 205, PUMA 225
O
Termostato do líquido de arrefecimento - Descrição dinâmica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10
PUMA 205, PUMA 225
Termostato do líquido de arrefecimento - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 22
PUMA 205, PUMA 225
Termostato do líquido de arrefecimento - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21
H

PUMA 205, PUMA 225


Termostato do líquido de arrefecimento - Teste . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 23
PUMA 205, PUMA 225
Termostato do líquido de arrefecimento - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
N

PUMA 205, PUMA 225


C

84417650A 31/07/2013
10.8 [10.400] / 34
Motor - 10

Arrefecedor de óleo e linhas - 408

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
10.9 [10.408] / 1
Conteúdo

Motor - 10

Arrefecedor de óleo e linhas - 408

DADOS TÉCNICOS

Arrefecedor de óleo do motor


Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

SERVIÇO

LY
Arrefecedor de óleo do motor
Apertar - Sequência. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225

Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.9 [10.408] / 2
Motor - Arrefecedor de óleo e linhas

Arrefecedor de óleo do motor - Torque


PUMA 205, PUMA 225

Peça TORQUE Nm
Parafusos para fixar o arrefecedor do óleo ao bloco do Consulte Arrefecedor de óleo do motor - Apertar
motor. (10.408)
M8 x 1,25 x 35 25  Nm +/- 5 Nm (18  lb ft +/- 4 lb ft)
M8 x 1,25 x 100 25  Nm +/- 5 Nm (18  lb ft +/- 4 lb ft)

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.9 [10.408] / 3
Motor - Arrefecedor de óleo e linhas

Arrefecedor de óleo do motor - Apertar - Sequência.


PUMA 205, PUMA 225

1. Sequência de aperto para os parafusos do arrefecedor


de óleo.

LY
N
O
H

80367_89 1
Para obter as configurações necessárias de torque, consulte Arrefecedor de óleo do motor - Torque (10.408).
N
C

84417650A 31/07/2013
10.9 [10.408] / 4
Motor - Arrefecedor de óleo e linhas

Arrefecedor de óleo do motor - Remoção


PUMA 205, PUMA 225

1. Desconecte o conector (1) do do sensor de pressão do


óleo - sensor de temperatura.
Desparafuse os parafusos (2) e retire o sensor de pres-
são do óleo - sensor de temperatura (3).
Desparafuse os parafusos (4) e retire a montagem do
filtro de óleo (5) do cárter junto com suas vedações.
Retire o arrefecedor de seu assento.

LY
80400 1

N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.9 [10.408] / 5
Índice

Motor - 10

Arrefecedor de óleo e linhas - 408


Arrefecedor de óleo do motor - Apertar - Sequência. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225
Arrefecedor de óleo do motor - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225
Arrefecedor de óleo do motor - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.9 [10.408] / 6
Motor - 10

Ventilador e acionamento - 414

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
10.10 [10.414] / 1
Conteúdo

Motor - 10

Ventilador e acionamento - 414

DADOS TÉCNICOS

Ventilador
Acoplamento viscoso - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

Tensionador de correia
Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225

Polia intermediária

LY
Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225

SERVIÇO
N
Tensionador de correia
O
Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225

Correia
Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7
H

PUMA 205, PUMA 225

Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8
PUMA 205, PUMA 225
N
C

84417650A 31/07/2013
10.10 [10.414] / 2
Motor - Ventilador e acionamento

Ventilador Acoplamento viscoso - Torque


PUMA 205, PUMA 225

Descrição Torque
Parafuso x M8 1,25 x 16 da pá para acoplamento viscoso 20 - 24  Nm (14.8 - 17.7  lbft)
Acoplamento viscoso para polia de montagem 90 - 112  Nm (66.4 - 82.6  lbft)

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.10 [10.414] / 3
Motor - Ventilador e acionamento

Tensionador de correia - Torque


PUMA 205, PUMA 225

Descrição Torque
Parafuso M10 x 1,5 x 80 do tensor automático da correia 43  Nm +/- 5 Nm (31.7  lbft +/- 4 lbft)
com mola
Parafuso de montagem M12 x 35 da polia 60  Nm +/- 10 Nm (44.3  lbft +/- 7 lbft)

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.10 [10.414] / 4
Motor - Ventilador e acionamento

Polia intermediária - Torque


PUMA 205, PUMA 225

Descrição Torque
Parafuso de fixação M10 x 1.5 x 75 da polia intermediária 70  Nm +/- 5 Nm (51.6  lbft +/- 4 lbft)

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.10 [10.414] / 5
Motor - Ventilador e acionamento

Tensionador de correia - Instalar


PUMA 205, PUMA 225

1. Instale o parafuso de fixação do conjunto tensionador


da correia de transmissão (1) e aperte com o valor de
torque especificado. Consulte Tensionador de cor-
reia - Torque (10.414).

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.10 [10.414] / 6
Motor - Ventilador e acionamento

Correia - Remoção
PUMA 205, PUMA 225

1. Instale um soquete 15  mm. e uma barra (1) no braço


do tensor automático da correia de transmissão. Gire
no sentido horário e retire a correia de transmissão das
polias.
Passe cuidadosamente a correia de transmissão entre
o ventilador de resfriamento e o defletor do radiador.

BAIL06CCM247ASA 1

Operação seguinte:
Correia - Instalar (10.414).

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.10 [10.414] / 7
Motor - Ventilador e acionamento

Correia - Instalar
PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Correia - Remoção (10.414).

1. Passe cuidadosamente a correia de transmissão entre


o ventilador de resfriamento e o defletor do radiador.
Instale um soquete 15  mm. e uma barra (1) no braço
do tensor automático da correia de transmissão. Gire
no sentido horário e reinstale a correia de transmissão
sobre as polias.
Uma vez que a correia estiver posicionada, gire o so-
quete e a barra no sentido anti-horário até que o ten-
sionador elimine todo o jogo na correia e o soquete e a
barra possam ser retirados com segurança. A correia
agora deve estar corretamente tensionada.

BAIL06CCM247ASA 1

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.10 [10.414] / 8
Índice

Motor - 10

Ventilador e acionamento - 414


Correia - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8
PUMA 205, PUMA 225
Correia - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7
PUMA 205, PUMA 225
Polia intermediária - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225
Tensionador de correia - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225
Tensionador de correia - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225
Ventilador Acoplamento viscoso - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
10.10 [10.414] / 9
Av. Juscelino K. de Oliveira, 11825, CIC - Curitiba (PR) - Brasil, CEP:81170-901

SERVICE - Technical Publications & Tools

LY
N
IMPRESSO NO BRASIL
O
© 2013 CNH GLOBAL N.V.
H

Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do texto e das ilustrações desta publicação.
N
C

É política da CASE IH o contínuo melhoramento dos seus produtos, reservando-se o direito à alteração de preços,
especificações ou equipamentos, em qualquer altura, sem notificação prévia.

Todos os dados fornecidos na presente publicação estão sujeitos a variações de produção. Os valores referentes a
dimensões e pesos são meramente aproximados e as ilustrações não representam necessariamente produtos em
condições padrão. Para obter informações precisas sobre um produto específico, consulte a sua Concessionária
CASE IH.

84417650A 31/07/2013
PT-BR
MANUAL DE SERVIÇO
Transmissão

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
21
Conteúdo

Transmissão - 21

[21.113] Transmissão Powershift . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21.1

[21.135] Controles externos da transmissão Powershift . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21.2

[21.155] Componentes internos da transmissão Powershift . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21.3

[21.160] Super-redutor . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21.4

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21
Transmissão - 21

Transmissão Powershift - 113

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 1
Conteúdo

Transmissão - 21

Transmissão Powershift - 113

DADOS TÉCNICOS

Transmissão Powershift
Especificações gerais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225

Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225

Ferramentas especiais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8
PUMA 205, PUMA 225

DADOS FUNCIONAIS

Transmissão Powershift LY
N
Descrição estática . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11
PUMA 205, PUMA 225
O
Visão geral -Sensores e interruptores . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 15
PUMA 205, PUMA 225

Vista seccional . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 20
PUMA 205, PUMA 225
H

- Diagrama lógico . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 23
PUMA 205, PUMA 225

Vista explodida . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 27
N

PUMA 205, PUMA 225


C

SERVIÇO

Transmissão Powershift
- Teste . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 28
PUMA 205, PUMA 225

Teste de pressão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 41
PUMA 205, PUMA 225

Calibrar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 44
PUMA 205, PUMA 225

Desmontar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 49
PUMA 205, PUMA 225

Desmontar - Embreagens . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 57
PUMA 205, PUMA 225

Desmontar CARCAÇA TRASEIRA DA TRANSMISSÃO . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 62


PUMA 205, PUMA 225

Instalar engrenagem de transmissão da bomba . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 64


PUMA 205, PUMA 225

Ajuste . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 65
PUMA 205, PUMA 225

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 2
Montar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 68
PUMA 205, PUMA 225

Alojamento da transmissão
Desconexão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 77
PUMA 205, PUMA 225

Conectar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 84
PUMA 205, PUMA 225

Desmontar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 88
PUMA 205, PUMA 225

Montar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 89
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 3
Transmissão - Transmissão Powershift

Transmissão Powershift - Especificações gerais


PUMA 205, PUMA 225

Transmissão
18 marchas à frente e 6 de ré controladas por nove embreagens acionadas
40  Km/h
hidraulicamente via válvulas PWM controladas por processador.
Tipo de engrenagem Dentes helicoidais, encaixe constante
Relação de eixo de traseira para
1,343
dianteira
Controles de mudança de
Dois botões situados na alavanca de comando
velocidade
Fornecida pela válvula de prioridade de direção, lado de retorno do motor de
Lubrificação da transmissão
direção e válvula suplementar no circuito de pressão de carga
Pressão do óleo de lubrificação 7  bar (101.5  psi)
Pressão do óleo da transmissão
23  bar (333.5  psi)
(sistema de baixa pressão)
Temperatura de trabalho do óleo
90  °C (194.0  °F)
da transmissão

Número de discos movidos - Embreagem A 5

LY
- Espessura dos discos movidos - Embreagem A 2,65 - 2,75  mm
- Número de discos de transmissão - Embreagem A 5
- Espessura dos discos de transmissão - Embreagem A 1,80 - 2,00  mm
Espessura da embreagem A multidiscos em 163  kg ( 1600  N) 23,5 - 23,7  mm
Número de molas prato - Embreagem A 7
N
- Comprimento livre da mola - Embreagem A 32  mm
- Comprimento da mola comprimida sob uma carga de 215  kg ( 2108  N) 23  mm
O
Número de discos movidos - Embreagem B 5
- Espessura dos discos movidos - Embreagem B 2,65 - 2,75  mm
- Número de discos de transmissão - Embreagem B 5
- Espessura dos discos de transmissão - Embreagem B 1,80 - 2,00  mm
H

Espessura da embreagem B multidiscos em 163  kg ( 1600  N) 23,5 - 23,7  mm


Número de molas prato - Embreagem B 7
N

- Comprimento livre da mola - Embreagem B 32  mm


- Comprimento da mola comprimida sob uma carga de 215  kg ( 2108  N) 23  mm
C

Número de discos movidos - Embreagem C 8


- Espessura dos discos movidos - Embreagem C 2.70 - 2.8  mm
- Número de discos de transmissão - Embreagem C 8
- Espessura dos discos de transmissão - Embreagem C 1.5 - 1.7  mm
Espessura da embreagem C multidiscos em 163  kg ( 1600  N) 26.2 - 26.4  mm
Número de molas prato - Embreagem C 8
- Comprimento livre da mola - Embreagem C 54.7  mm
- Comprimento da mola comprimida sob uma carga de 182  kg ( 1784  N) 46  mm

Número de discos movidos - Embreagens D-E 6


- Espessura dos discos movidos - Embreagens D-E 2.70 - 2.80  mm
- Número de discos de transmissão - Embreagens D-E 6
- Espessura dos discos de transmissão - Embreagens D-E 1.5 - 1.7  mm
Espessura das embreagens D-E sob uma carga de 163  kg ( 1600  N) 26.2 - 26.4  mm
Número de molas prato - Embreagens D-E 6
- Comprimento livre da mola - Embreagens D-E 4.1  mm
- Comprimento da mola comprimida sob uma carga de 182  kg ( 1784  N) 3.22  mm

Número de discos movidos - Embreagem rápida 10


- Espessura dos discos movidos - Embreagem rápida 2.70 - 2.80  mm

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 4
Transmissão - Transmissão Powershift

- Número de discos de transmissão - Embreagem rápida 10


- Espessura dos discos de transmissão - Embreagem rápida 1.5 - 1.7  mm
Espessura da embreagem rápida sob uma carga de 163  kg ( 1600  N) 42.9 - 43.1  mm
- Número de molas prato - Embreagem rápida 8
- Comprimento livre da mola - Embreagem rápida 38.4  mm
- Comprimento da mola comprimida sob uma carga de 4820  N 24.4  mm

- Número de discos movidos - Embreagem lenta 14


- Espessura dos discos movidos - Embreagem lenta 2.40 - 2.50  mm
- Número de discos de transmissão - Embreagem lenta 14
- Espessura dos discos de transmissão - Embreagem lenta 1.5 - 1.7  mm
Espessura da embreagem lenta sob uma carga de 163  kg ( 1600  N) 55.9 - 56.1  mm
- Número de molas prato - Embreagem lenta 12
- Comprimento livre da mola - Embreagem lenta 57.6  mm
- Comprimento da mola comprimida sob uma carga de 4820  N 36.6  mm

- Número de discos movidos - Embreagens média e de ré 12


- Espessura de discos movidos - Embreagens média e de ré 2.70 - 2.80  mm
- Número de discos de transmissão - Embreagens média e de ré 12
- Espessura de discos de transmissão - Embreagens média e de ré 1.5 - 1.7  mm

LY
Espessura das embreagens Média e Ré sob uma carga de 163  kg ( 51.5 - 51.7  mm
1600  N)
- Número de molas prato - Embreagens média e de ré 12
- Comprimento livre da mola - Embreagens Média e Ré 57.6  mm
N
- Comprimento da mola comprimida sob uma carga de 4820 36.6  mm

Eixo de transmissão da TDF (7) diâmetro na bucha 31.950 - 31.975  mm


O
Diâmetro interno de bucha de encaixe por pressão 31.990 - 32.085  mm
Eixo de transmissão da TDF para folga das buchas 0.015 - 0.135  mm

Calços de rolamento da embreagem Média (regulagem da resistência) 8.900 - 9.650  in 0,025 passos
H

Calços de rolamento da embreagem `C' (regulagem da resistência) 9.800 - 10.700  in 0,025 passos
Calços do conjunto do eixo de velocidade superior 3.80 - 4.80  in 0,05 passos
Calços da folga axial do conjunto de embreagem Média e eixo secundário 1.50 - 3.40  in 0,05 passos
N

Arruela de encosto de eixo secundário da transmissão 3.95 - 4.00  mm


C

Transmissão Powershift - Torque


PUMA 205, PUMA 225

Torques de aperto
Descrição Tamanho da rosca
libra-força.pé NM
Parafusos, carcaça da
transmissão para capa do M14 150  lb ft 200  Nm
eixo traseiro
Parafusos, carcaça da
transmissão para capa do M16 200  lb ft 295  Nm
eixo traseiro

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 5
Transmissão - Transmissão Powershift

LY
N
O
H
N
C

BRI4151B 1

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 6
Transmissão - Transmissão Powershift

LY
N
O
H
N
C

BRI4101C 2

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 7
Transmissão - Transmissão Powershift

Transmissão Powershift - Ferramentas especiais


PUMA 205, PUMA 225

Lista das ferramentas especiais necessárias para executar as várias operações descritas nesta Seção:

380000301 Suporte do motor


380000543 Acoplamento de liberação rápida de teste hidráulico (fêmea) 1/4  in NPTF
380000544 Conexão do adaptador 1/8  inNPT para conectar mangueira 380000545 ao medidor
Adquirido localmente Ferramenta de teste da folga da extremidade do eixo de entrada e de saída de faixa
380000545 Mangueira do manômetro
380000546 Extrator
Adquirido localmente Suportes de extração
Adquirido localmente Kit de teste de pressão hidráulica
380000549 Martelo deslizante
380000552 Manômetro 0 - 40  bar (0 - 580.0  psi)
Adquirido localmente Soquete do eixo de saída 65  mm (2.559  in)
380000291 Compressor da mola de retorno do pistão da embreagem PowerShift e PowerShuttle
Adquirido localmente Interruptor de diagnóstico
380000492 Adaptador macho de liberação rápida 7/16  in UNF
Adquirido localmente Ferramenta de ajuste do rolamento do eixo de saída e de entrada da transmissão

LY
380000593 Espaçador
Adquirido localmente Suporte de separação do trator
380000572 Adaptador, banjo M10 x 7/16  in UNF (fêmea)
380000579 Adaptador M14 Banjo x M14 x 1.5  mm (fêmea)
N
380000495 Suportes de elevação
380000496 Adaptador do eixo da embreagem média
380000497 Ferramenta de ajuste do rolamento do cubo da embreagem "C" e média
O
380000498 Ferramenta de remoção da bucha do coletor
Adquirido localmente Suportes da revisão da transmissão
380000403 Suportes de elevação (conjunto de dois)
380000449 Adaptador de teste de ar da embreagem (transmissão Full Powershift )
H

380000450 Adaptador de teste de ar da embreagem (transmissão Full Powershift )


380000451 Adaptador de teste de ar da embreagem (transmissão Full Powershift )
380000568 Ferramenta de ajuste do rolamento do eixo de saída e de entrada da transmissão
N

380000458 Ferramenta de teste da folga da extremidade do eixo de entrada e de saída de faixa


380000459 Soquete do eixo de saída acionado da engrenagem de faixa 65  mm (2.559  in)
C

380000488 Simulador de diagnóstico e acesso ao menu HH


380000569 Carrinho de separação do trator
380000493 Adaptador M10 x 1  in (externo) x 7/16  in UNF (interno)

Ferramenta a ser fabricada para os conjuntos de mancal de eixo primário e secundário (Marcar a ferramenta com o
no. 50108 - Dimensões em mm).
Fabricar a ferramenta usando material UNI C40 .

25291_714 1

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 8
Transmissão - Transmissão Powershift

Pinos de alinhamento a fabricar para a instalação/remoção de motor e da caixa da transmissão/embreagem de ve-


locidade (Marcar a ferramenta com o no. 50117 - Dimensões em mm).
Fabricar a ferramenta usando material UNI C40.

LY
N
O
25292_715 2
Ferramenta de travamento da transmissão (fabricar no local)
H
N
C

BTB0144B_717 3

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 9
Transmissão - Transmissão Powershift

Adaptador a ser fabricado para a remoção do pino da engrenagem intermediária de ré (Marcar a ferramenta com o
no. 50143 - Dimensões em mm).
Fabricar a ferramenta usando material UNI C40.

LY
N
O
25280_716 4
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 10
Transmissão - Transmissão Powershift

Transmissão Powershift - Descrição estática


PUMA 205, PUMA 225

A transmissão Powershift instalada está disponível na versão de 40 Km/h.


A versão de 40 Km/h consistem em 9 embreagens multidiscos que proporcionam 18 marchas à frente e 6 reverse
de ré situadas na carcaça da transmissão.
Transmissão Powershift - Diagrama lógico (21.113)
Cada embreagem dentro da transmissão é controlada
pela válvula solenoide PWM (modulação de largura de
pulso) situada na capa superior do sistema hidráulico.

LY
BRI4152AA 1

O acionamento das válvulas PWM é controlado pelo mó-


dulo RT (1) localizado dentro do acabamento da cabine,
atrás do assento do operador.
N
O
H

BAIL09CCM091AVA 2
N

A pressão de óleo para engatar as embreagens é forne-


cida pela válvula de regulagem de baixa pressão (1) lo-
calizada no bloco de válvulas acima da bomba hidráulica
C

principal, que mantém a pressão em 23  bar.

CUIL13TR00140AA 3

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 11
Transmissão - Transmissão Powershift

O sistema de baixa pressão também incorpora um acu-


mulador hidráulico, localizado no lado direito da transmis-
são. O acumulador fornece óleo adicional na hora para
preencher os possíveis vazios quando a transmissão exe-
cuta as mudanças com várias embreagens.

BSD2163A_121 4

O óleo de lubrificação da transmissão é controlado pela


válvula de alívio de lubrificação (2).

LY
N
O
BSD21452A_122 5

As embreagens da transmissão podem ser separadas em


grupos:
Embreagens A e B - Situadas na frente da transmissão
H

proporcionando uma saída de alta relação e baixa rela-


ção.
Embreagens C, D e E - Situadas na parte central da trans-
N

missão. Usando a embreagem A ou B com qualquer uma


das embreagens C, D e E temos seis velocidades:
As embreagens F (rápida), S (lenta), M (média) e R (ré),
C

situadas na traseira da transmissão, oferecem 3 faixas


adicionais de avanço e 1 faixa de ré; portanto a transmis-
são oferecerá 18 relações de avanço e 6 de ré.

CUIL13TR00123AA 6

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 12
Transmissão - Transmissão Powershift

Marcha — Ilustração Marcha — Ilustração


Combinação Combinação
1ª — ACS 13ª — ACF

2ª — BCS 14ª — BCF

3ª — ADS 15ª — ADF

LY
N
O
4ª — BDS 16ª — BDF
H
N
C

5ª — AES 17ª — AEF

6ª — BES 18ª — BEF

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 13
Transmissão - Transmissão Powershift

Marcha — Ilustração Marcha — Ilustração


Combinação Combinação
7ª — ACM 1ª ré — ACR

8ª — BCM 2ª ré — BCR

9ª — ADM 3ª ré — ADR

LY
N
O
10ª — BDM 4ª ré — BDR
H
N
C

11ª — AEM 5ª ré — AER

12ª — BEM 6ª ré — BER

O quadro acima identifica quais grupos de embreagem estão energizados para cada marcha selecionada nas velo-
cidades de 1 a 18, e o quadro mostrado em Transmissão Powershift - Diagrama lógico (21.113) ilustra o fluxo de
potência em cada marcha.

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 14
Transmissão - Transmissão Powershift

Transmissão Powershift - Visão geral -Sensores e interruptores


PUMA 205, PUMA 225

O engate das embreagens é controlado pelas entradas de vários sensores e interruptores:-

DESCRIÇÃO FUNÇÃO LOCALIZAÇÃO


Torque do motor/Sensor de Mede a velocidade e o torque do motor por
RPM meio da deflexão da mola do amortecedor do
volante do motor. De acordo com o torque
transmitido, ajudará a determinar quando
ocorrerá a mudança de

Sensores de velocidade e Mede a velocidade da saída da transmissão


meia velocidade da Saída e a velocidade da transmissão na entrada
da Transmissão da seção da faixa. As velocidades são
comparadas para auxiliar na determinação dos
tempos de engate da embreagem

LY
N
Sensor de temperatura do Mede a temperatura do óleo para viabilizar
óleo da transmissão a compensação das condições de óleo
quente/frio.
O
H

Interruptor de marcha lenta Envia entradas sobre a posição da aceleração


N

e potenciômetro do conjunto e códigos de falha para o Módulo de Controle


de acelerador de pé do Motor.
C

Interruptor de desconexão Desativa a alimentação para as


do pedal de embreagem válvulas PWM das embreagens de faixa
(rápida/lenta/média/ré e 19a. marcha
50  Km/h), desengatando a transmissão.

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 15
Transmissão - Transmissão Powershift

DESCRIÇÃO FUNÇÃO LOCALIZAÇÃO


Potenciômetro do pedal de Oferece ao operador o engate controlado da
embreagem patinagem das embreagens (faixa).

Alavanca de reversão Fornece informações para o processador, via


interruptores, para a seleção de acionamento
de transmissão para avanço, ré ou neutro.

Chaves de mudança de LY
Permite que o operador mude as relações por
N
marcha meio de botões interruptores que enviam um
sinal ao processador.
O
H

Interruptores de pedal de Informa ao processador quando os freios estão


freio sendo aplicados para auxiliar nas mudanças
N

de marcha durante a operação de função auto.


C

Interruptor do freio de mão Se não aplicado durante a calibração, aparece


um código de erro. O trator permite a direção
com o freio de mão aplicado, mas um alarme
audível soará.

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 16
Transmissão - Transmissão Powershift

DESCRIÇÃO FUNÇÃO LOCALIZAÇÃO


Interruptores de pressão Monitoram as possíveis válvulas emperradas.
para as embreagens Se a pressão é indicada em mais de um
rápida/média/lenta/ré circuito, o acionamento é desligado e aparece
o código de erro associado.

Chave do assento A chave do assento deve ser operada; ou


seja, operador sentado, antes do processador
permitir o engate de marchas de avanço ou
ré. (Nota: Um interruptor defeituoso pode ser
anulado pelo pedal de embreagem). Também
impede a partida e a calibração da transmissão
se não estiver acionado.

Botões seletores das Envia um sinal para o processador para

LY
funções Auto Road (1) e selecionar as funções de mudança automática
Auto Field (2).
N
O
DESCRIÇÃO FUNÇÃO LOCALIZAÇÃO
Válvulas PWM da Controla o óleo para as embreagens para
embreagem, A,B,C,D,E engatar/desengatar as embreagens via sinal
H

e rápida/lenta/média/ré 19 - do processador.
50  Km/h
N
C

Unidade de display de Fornece informações ao operador sobre quais


marchas as relações selecionadas e pré-selecionadas,
se o modo auto está ativo e as informações de
código de erro.

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 17
Transmissão - Transmissão Powershift

DESCRIÇÃO FUNÇÃO LOCALIZAÇÃO


MICROPROCESSADOR A transmissão é controlada pelo módulo RT
localizado dentro do acabamento da cabine,
atrás do assento do operador. O processador
tem 6 conectores e, além de controlar a
transmissão, também controla o sistema de
levante hidráulico, a PTO traseira, a tração nas
quatro, os bloqueios do diferencial e algum
controle do motor. O processador tem um
recurso de diagnóstico integrado que pode
interpretar um número de falhas do sistema
e exibir um código de erro na unidade de
display de marcha. Uma descrição completa
dos códigos de erro e localização de defeitos
encontram-se ainda neste Capítulo.

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 18
Transmissão - Transmissão Powershift

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 19
Transmissão - Transmissão Powershift

Transmissão Powershift - Vista seccional


PUMA 205, PUMA 225

1. Volante do motor A Embreagem A


2. Vedação do eixo B Embreagem B
primário
3. calço de ajuste do C Embreagem C
eixo superior
4. Tampa superior D Embreagem D
da transmissão e
válvulas PWM
5. Engrenagem movida E Embreagem E
da embreagem de
ré (combinada a
engrenagem movida
da embreagem
média)
6. Engrenagem F Embreagem de faixa
intermediária de rápida
velocidade baixa
7. Engrenagem de S Embreagem de faixa

LY
transmissão da lenta
bomba
8. Eixo primário da M Embreagem de faixa
PTO/transmissão média
9. Válvula de controle da R Embreagem de ré (R)
N
embreagem 50  Kph
10. Pinhão do eixo 50  Km/h 50  Kph Embreagem
traseiro da 19a. marcha
O
11. Embreagem da tração
nas quatro dianteiras
12. Marcha do redutor de
velocidade
H

13. Carcaça da extensão


da transmissão
14. Engrenagem movida
N

da embreagem
média (combinada a
engrenagem movida
C

da embreagem de ré)
15. Eixo de transmissão
de roda dianteira
16. Tubo de transferência
de óleo lubrificante
17. Tampa da caixa da
embreagem
18. Volante do motor
para amortecedor da
transmissão

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 20
Transmissão - Transmissão Powershift

LY
N
O
H
N
C

BRI3766B 1

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 21
Transmissão - Transmissão Powershift

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 22
Transmissão - Transmissão Powershift

Transmissão Powershift - Diagrama lógico


PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

BSB0247A 1
Fluxo de potência da transmissão Powershift total

Tração de saída da Tração após a embreagem


transmissão A ou B
Conjunto de embreagem Tração da embreagem B
acionado quando B está acionada
Tração de saída da Tração de entrada do motor
embreagem C, D ou E,
dependendo da relação
selecionada

A = Embreagem A
B = Embreagem B
C = Embreagem C
D = Embreagem D
E = Embreagem E
F = Embreagem de faixa rápida
S = Embreagem de faixa lenta
M = Embreagem de faixa média

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 23
Transmissão - Transmissão Powershift

R = Embreagem de faixa de ré

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 24
Transmissão - Transmissão Powershift

LY
N
O
H
N
C

BRI3767A 2

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 25
Transmissão - Transmissão Powershift

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 26
Transmissão - Transmissão Powershift

Transmissão Powershift - Vista explodida


PUMA 205, PUMA 225

Conjunto de engrenagem de transmissão da bomba

LY
N
BSD2197A 1
O
1 Engrenagem de transmissão da bomba 2 Capa do rolamento
3 Rolamento 4 Eixo
5 Adaptador do rolamento 6 Placa de aperto
7 Espaçador 8 Espaçador (calço)
H

9 Capa do rolamento 10 Rolamento


N
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 27
Transmissão - Transmissão Powershift

Transmissão Powershift - Teste


PUMA 205, PUMA 225

A ferramenta eletrônica de assistência (EST), em conjunto com a ferramenta indicadora


EST DATAR Scope, agora incorpora uma "Ferramenta de assistência de teste de válvulas".
Esse recurso pode reduzir consideravelmente o tempo de diagnóstico ao investigar pro-
blemas com o PWM e o engate da embreagem hidráulica.

INSTRUÇÕES DE CONFIGURAÇÃO DO SENSOR

Configuração da ponta de prova de corrente com garra jacaré


Conecte a ponta de prova de corrente com garra jacaré
TA018 no CANAL A do adaptador do DATAR Scope.

LY
N
BAIL11CCM287AVA 1

Ligue a ponta de prova na configuração de 20 A, como


mostrado.
O
H
N
C

BAIL11CCM288AVA 2

Com a garra fechada, pressione o botão azul ZERO.

BAIL11CCM289AVA 3

NOTA: É recomendável que você ZERE a ponta de prova de corrente cada vez que mover a ponta para uma nova
conexão. A ponta de prova não deverá ser conectada a um fio ao pressionar o botão ZERO, para obter a maior
precisão.

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 28
Transmissão - Transmissão Powershift

Configuração do sensor de pressão

• Conecte os 2 sensores de pressão ao CANAIS B e


C do adaptador do DATAR Scope.
• Ligue o sensor pressionando o botão POWER (1).
• Selecione a faixa 60  bar em cada sensor (2).

BAIL11CCM290AVA 4

NOTA: A vida útil da bateria do sensor de pressão é de aproximadamente 6 horas. É recomendável recarregar a
bateria do sensor de pressão todas as noites.

Conecte o adaptador do DATAR Scope ao computador


Conecte o adaptador do DATAR Scope à porta USB do

LY
computador.
Se o adaptador do DATAR Scope nunca foi conectado
ao computador ou se nunca foi conectado àquela porta
USB do computador em particular, este exibirá "Novo
N
hardware encontrado" e iniciará o "Assistente para adi-
cionar hardware". Siga as instruções para instalar o
hardware usando o assistente.
O
• Quando perguntado "O Windows pode se conec-
tar ao site do Windows Update para procurar soft-
ware?", responda "Não, por enquanto".
• Na tela a seguir, selecione "Instalar o software auto-
H

maticamente".
• Pressione "Concluído" ao finalizar para fechar o as-
N

sistente.
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 29
Transmissão - Transmissão Powershift

INSTRUÇÕES DE CONFIGURAÇÃO DO DATAR SCOPE


Todos os arquivos de teste capturados deverão ser salvos
pelo modelo e pelo número de série da máquina para re-
ferência posterior. Salve os arquivos na pasta Formatos
de onda do computador, identificada em uma pasta espe-
cífica da máquina. Isto permitirá comparação futura dos
dados dos testes.

Passo 1. Verifique se o adaptador do DATAR Scope está conectado à porta USB do com-
putador.

Passo 2. Prepare-se para alternar entre o DATAR Scope e a ferramenta de assistência de


teste de válvulas:
1. A configuração do teste das válvulas requer a execu-
ção simultânea dos dois programas a seguir no com-
putador.
• Ferramenta de assistência de teste de válvulas do
trator EST
• Ferramenta DATAR Scope

LY
2. Quando você iniciar o DATAR Scope no passo 3
abaixo, não verá mais a ferramenta de assistência de
teste de válvulas. Você deverá ser capaz de alternar
manualmente entre esses dois programas acima. Isto
será necessário para poder continuar a examinar as
N
instruções e os traços de referência esperados exibi-
dos na ferramenta de assistência de teste de válvulas
enquanto também estiver executando o teste no DA-
O
TAR Scope. Para alternar entre esses dois programas,
você poderá usar uma das seguintes técnicas.
H

• Selecione os botões do programa na parte central


inferior da tela usando o mouse para mudar a exibi-
ção para aquele programa.
N

• Use as teclas ALT+TAB para alternar entre os pro-


gramas abertos no computador. Mantenha a tecla
ALT pressionada enquanto pressiona a tecla Tab
C

para se mover pela lista de ícones dos programas


abertos. Se o último programa selecionado for
aquele desejado, você poderá alternar rapidamente
entre dois programas pressionando ALT+TAB rapi-
damente.

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 30
Transmissão - Transmissão Powershift

Passo 3. Inicie a ferramenta DATAR Scope com o arquivo PSSETTINGS apropriado para o
teste selecionado:
O DATAR Scope usa os arquivos PSSETTINGS para con-
figurar automaticamente o DATAR Scope (para entradas
específicas de ponta de prova, escalas de tempo, escalas
de tensão, configurações de filtragem, configurações
de ativação). Abrindo esses arquivos de configuração
PSSETTINGS, é mais fácil obter a mesma configuração
exata usada pelos especialistas da CNH quando os mes-
mos coletam as formas de onda de referência. Para os
testes de válvulas, há diferentes arquivos de configuração
PSSETTINGS para cada tipo de teste (rampa, passo, acu-
mulador). Assim, para poder comparar os resultados do
teste, é muito importante usar o arquivo de configuração
correto para o mesmo.

Seleção automática do arquivo PSSETTINGS


Inicie a ferramenta DATAR Scope usando o botão de início
do DATAR fornecido na ferramenta de assistência de teste
de válvulas (localizado na parte inferior da tela). Nesse

LY
caso, o arquivo de configuração PSSETTING apropriado
será carregado automaticamente para o teste de RAMPA
ou PASSO selecionado. Se você mudar o tipo do teste,
deverá fechar o DATAR Scope e reiniciá-lo a partir do as-
sistente para selecionar novamente o arquivo de configu-
N
ração correto.
O
BAIL11CCM291AVA 5

NOTA: O DATAR Scope e o software EST exigem um nível elevado de recursos de processamento do PC para sua
H

execução. É recomendável fechar todos os demais programas ao executar esses programas.


N
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 31
Transmissão - Transmissão Powershift

INSTRUÇÕES DE CONEXÃO DO SENSOR


Ferramentas hidráulicas e elétricas requeridas
Quantidade Número da ferramenta Descrição
(máxima)
Hidráulica
1 380000492 Kit de conexões de engate rápido (o kit contém nove conexões)
1 380000577 Conexão
7 380000578 Adaptador
2 380000579 Conexão banjo
Elétrica
1 380000843 Ferramenta de comutação de teste de diagnóstico de menu HH
1 380200148 Kit de cabo de breakout de teste do solenóide

NOTA: É recomendável instalar todas as conexões de teste hidráulico para todas as embreagens do teste antes de
iniciá-lo. Essa prática ajudará a manter a temperatura do óleo no intervalo de temperatura requerido ao alternar os
sensores entre as embreagens e, assim, permitirá que você faça mais rapidamente o teste de todas as embreagens
do trator inteiro.

Canal A do DATAR Scope - Conexão da garra de corrente jacaré

LY
Conecte a ponta de prova de corrente de garra jacaré em
um dos fios condutores do solenóide, como mostrado, para
a embreagem selecionada que estiver sendo testada.
Use a ferramenta de inserção do conector da válvula
380200148 para permitir o acesso fácil aos fios das vál-
N
vulas. É possível fazer uma ferramenta de inserção do
conector da válvula simples ligando os dois fios de um
conector macho e fêmea do tipo daquele usado na válvula
O
solenóide.
NOTA: A ponta de prova de corrente é direcional. Se não
houver nenhum sinal de corrente exibido no DATAR Scope
quando o teste for executado, solte a ponta de prova de
H

corrente do fio, gire a ponta de prova 180 graus e prenda


BAIL11CCM292AVA 6
novamente o mesmo fio de modo que agora o fio fique di-
recionado de maneira oposta através do furo de detecção
N

da ponta de prova.

Solenóides da embreagem
C

Localizados na tampa superior da transmissão (aces-


sível removendo-se o painel do piso da cabine).
• A, B, C, D e E
• L— Baixa / Lenta / F1
• M — Média / Média / F2
• H — Alta / Rápida / F3
• R — Ré

BSD2184D 7

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 32
Transmissão - Transmissão Powershift

Solenóide da embreagem da TDF


Localizado na tampa superior traseira da transmissão (2).

BSE2357A 8

Ligação do solenóide de teste do acumulador


Conecte a ponta de prova de corrente ao solenóide (Baixa
/ Lenta / F1) (L) para o teste do acumulador ACC.

LY
N
O
H

BSD2184D 9

Canal B do DATAR Scope - Ligação do sensor de pressão da embreagem


N

Conecte o primeiro sensor de pressão (CANAL B do DA-


TAR Scope) à conexão hidráulica mostrada abaixo para a
embreagem selecionada que estiver sendo testada.
C

BAIL11CCM294AVB 10

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 33
Transmissão - Transmissão Powershift

Embreagens: A, B, C, D e E
Localizados na tampa superior da transmissão (acessível
removendo-se o painel do piso da cabine).
Embreagens A, C, D, E - Se não houver nenhum acopla-
mento instalado, desparafuse as conexões roscadas e ins-
tale o adaptador 380000578 e a conexão de engate rápido
380000492.
Embreagem B - Em função da acessibilidade limitada, ins-
tale a conexão banjo 380000579, o adaptador 380000578
e a conexão de engate rápido 380000492.

BAIS06CCM187AVA 11

Embreagens: Baixa / Lenta / F1 e Alta / Rápida / F3


Localizados na tampa superior da transmissão (aces-
sível removendo-se o painel do piso da cabine).
• Baixa / Lenta / F1 (1)

LY
• Alta / Rápida / F3 (2)
N
O
BAIS06CCM195AVA 12
H

Embreagem: Média / Média / F2


Localizado no lado esquerdo da transmissão, perto do tan-
que de combustível.
N

Se não houver nenhum acoplamento instalado, remova a


conexão roscada e instale a conexão banjo 380000579,
o adaptador 380000578 e a conexão de engate rápido
C

380000492.

BAIS06CCM188AVA 13

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 34
Transmissão - Transmissão Powershift

Embreagem: Ré
Localizado no lado direito transmissão.

BAIS06CCM194AVA 14

Embreagem: TDF
Localizado no bloco de distribuição no topo do eixo tra-
seiro.
Se não houver nenhum acoplamento instalado, remova a

LY
conexão roscada e instale o adaptador 380000578 e a co-
nexão de engate rápido 380000492.
N
O
BAIS06CCM165AVB 15
H

ACC - Conexão de pressão de teste do acumulador


Conecte o sensor de pressão à porta (1) (Baixa / Lenta /
F1) para o teste do acumulador ACC.
N
C

BAIS06CCM195AVA 16

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 35
Transmissão - Transmissão Powershift

Canal C do DATAR Scope - Conexão do sensor de alimentação de baixa pressão principal


Conecte o 2° sensor de pressão (CANAL C do DATAR
Scope) na alimentação de baixa pressão principal.
Para acessar o circuito de baixa pressão, retire o interrup-
tor de advertência de baixa pressão, localizado na tampa
superior da transmissão, e instale a conexão 380000577
com a conexão de engate rápido 380000492.
NOTA: Essa conexão de baixa pressão principal do canal
C é a mesma para todos os testes de embreagem neste
trator.

BAIS06CCM109AVA 17

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 36
Transmissão - Transmissão Powershift

MENU HH (H7 CH7) - INSTRUÇÕES DE TESTE

Testes de Rampa / Passo / Acumulador


Passo 1. Prepare o trator para o teste de pressão:
• Verifique se o controlador da transmissão RD tem no
mínimo o software versão 4.1.0.0 ou superior para
suportar este novo modo de teste de menu HH.
• Ligue e opere o trator para esquentar o óleo da
transmissão até uma temperatura de operação en-
tre 45 - 55  °C (113 - 131  °F).
• Instale a ferramenta do comutador de teste de diag-
nóstico 380000843 no conector de diagnóstico do
trator como mostrado.

BAIL07APH189AVA 18

Passo 2. Selecione o modo de teste RD-H7-CH7:


• Navegue nos menus HH usando os botões do painel
de instrumentos.

LY
• Selecione o controlador RD e pressione o botão Se-
lecionar.
• Selecione a opção Ch 7 e aguarde (não é necessário
nenhum botão de seleção).
N
O
BAIL11CCM344FVA 19

Passo 3. Selecione a embreagem para o teste:


H

• Segue-se uma lista de embreagens disponíveis: A,


B, C, D, E, F1, F2, F3, R, PTO, ACC.
N

• Para selecionar a embreagem A, mova a alavanca


shuttle para AVANÇO. Para selecionar a próxima
embreagem da lista, pise no pedal da embreagem
C

e mova a alavanca shuttle FNR de AVANÇO para


PONTO MORTO e para AVANÇO e, em seguida,
solte o pedal da embreagem novamente. Você po-
derá continuar a passar para o próximo item da lista
se mantiver o pedal da embreagem pressionado e
mover a alavanca shuttle para dentro e para fora de
AVANÇO várias vezes. Você também poderá voltar
na lista se pisar no pedal da embreagem e mover a
alavanca shuttle para dentro e para fora de RÉ.
NOTA: F1 = Baixa / Lenta
F2 = Média / Média
F3 = Alta / Rápida
R = Ré
Acc = Teste do acumulador (veja abaixo)

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 37
Transmissão - Transmissão Powershift

Passo 4. Verifique se as seguintes condições de teste


são satisfeitas:
• O freio de mão deve estar totalmente acionado.
• O operador deve estar sentado.
• A rotação do motor deve ser de 1100 - 1300  RPM.
• A alavanca shuttle deve estar em Avanço.
• O pedal da embreagem deve estar liberado.
Passo 5a. Procedimento do teste de RAMPA:
• No canto inferior esquerdo do DATAR Scope, veri-
fique se o acionador de captura está "pronto" para
iniciar a captura de dados. Isto é indicado com
uma bola verde realçada em azul, como mostrado
na figura à direita. Se o DATAR Scope não estiver
pronto, pressione a barra de espaço do teclado para
mudar o estado do acionador para pronto.
• Mantenha pressionado o botão UP SHIFT (AU-
MENTO DE MARCHA) na alavanca de mudança
da transmissão para executar o teste de RAMPA. O

LY
display da máquina contará até 100 e, em seguida,
retornará a 0. Quando o teste estiver concluído, o BAIL11CCM283AVA 20
display exibirá "END" (FIM). Esse teste dura cerca
de 20 segundos.
N
• No DATAR Scope, quando o teste de rampa estiver
concluído, pressione a barra de espaço do PC para
O
capturar e manter o traço do resultado.
• Compare o traço medido pelo DATAR Scope com o
traço do resultado esperado mostrado na próxima
tela do assistente de teste de válvula. (Lembre-se
H

de usar ALT+TAB para alternar entre os programas)


N

BAIL11CCM284AVA 21
C

Passo 5b. Procedimento do teste de PASSO:


• No canto inferior esquerdo do DATAR Scope, veri-
fique se o acionador de captura está "pronto" para
iniciar a captura de dados. Isto é indicado com
uma bola verde realçada em azul, como mostrado
na figura à direita. Se o DATAR Scope não estiver
pronto, pressione a barra de espaço do teclado para
mudar o estado do acionador para pronto.
• Mantenha pressionado o botão DOWN SHIFT (RE-
DUÇÃO DE MARCHA) na alavanca de mudança
da transmissão para executar o teste de PASSO.
O display da máquina contará de 1 a 4. Quando
o teste estiver concluído, o display exibirá "END" BAIL11CCM283AVA 22
(FIM). Esse teste dura cerca de 5 segundos.

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 38
Transmissão - Transmissão Powershift

• No DATAR Scope, quando o teste de rampa estiver


concluído, pressione a barra de espaço do PC para
capturar e manter o traço do resultado.
• Compare o traço medido pelo DATAR Scope com o
traço do resultado esperado mostrado na próxima
tela do assistente de teste de válvula. (Lembre-se
de usar ALT+TAB para alternar entre os programas)

BAIL11CCM284AVA 23

NOTA: Durante o teste de passo, o software da máquina efetua dois engates rápidos da embreagem. Em algumas
embreagens, haverá um som de batida.
Passo 5c. Procedimento do teste do acumulador:
• No canto inferior esquerdo do DATAR Scope, veri-
fique se o acionador de captura está "pronto" para
iniciar a captura de dados. Isto é indicado com

LY
uma bola verde realçada em azul, como mostrado
na figura à direita. Se o DATAR Scope não estiver
pronto, pressione a barra de espaço do teclado para
mudar o estado do acionador para pronto.
• Mantenha pressionado o botão DOWN SHIFT (RE-
N
DUÇÃO DE MARCHA) na alavanca de mudança da
transmissão para executar o teste do acumulador.
O display da máquina contará de 1 a 10. Quando
O
o teste estiver concluído, o display exibirá "END" BAIL11CCM283AVA 24
(FIM). Esse teste dura cerca de 15 segundos.
NOTA: O teste do acumulador somente poderá ser execu-
H

tado se "ACC" estiver selecionado no passo 3 acima. So-


mente o botão de redução de marcha é usado neste teste.
N

• No DATAR Scope, quando o teste de rampa estiver


concluído, pressione a barra de espaço do PC para
capturar e manter o traço do resultado.
C

• Compare o traço medido pelo DATAR Scope com o


traço do resultado esperado mostrado na próxima
tela do assistente de teste de válvula. (Lembre-se
de usar ALT+TAB para alternar entre os programas)

BAIL11CCM284AVA 25

NOTA: Durante o teste ACC, o software da máquina efetua cinco engates rápidos das embreagens L, M e H.
Passo 6. Salve o formato de onda no DATAR Scope:
• No DATAR Scope, vá ao menu FILE (ARQUIVO)
e selecione uma das opções de salvamento para
armazenar o formato de onda no PC (por exemplo,
Salvar formato de onda de corrente).
NOTA: É recomendável que você salve o formato de onda
de modo que possa consultar esse dado histórico no futuro
para a máquina com este número de série.

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 39
Transmissão - Transmissão Powershift

Condições inesperadas
Se as condições do teste não forem corretas, os seguintes
códigos de falha serão exibidos:

Código Erro
CL Temperatura do óleo da transmissão está abaixo de 45  °C (113  °F)
CH A temperatura do óleo da transmissão está acima de 55  °C (131  °F)
U17 Interruptor do assento não ativado (o operador não está no assento)
U20 Freio de mão não aplicado
U21 A rotação do motor está abaixo de 1100  RPM
U22 A rotação do motor está acima de 1300  RPM
U23 A alavanca shuttle está em neutro, mude-a para avanço
U26 O pedal da embreagem não está totalmente para cima, solte o pedal da embreagem
U127 Temperatura do óleo da transmissão está abaixo de 10  °C (50  °F)
U128 A temperatura do óleo da transmissão está acima de 105  °C (221  °F)

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 40
Transmissão - Transmissão Powershift

Transmissão Powershift - Teste de pressão


PUMA 205, PUMA 225

Embreagens de transmissão A, B, C, D, E, F1, F2, F3 e R


Esses contêm:
F1 = Grupo de engrenagens L
F2 = Grupo de engrenagens M
F3 = Grupo de engrenagens H
1. Ligue o motor.
2. Ajuste a rotação à 1500  RPM. Mantenha o motor em
funcionamento até que a temperatura do óleo da trans-
missão atinja 65  °C (149  °F).
3. Certifique-se que o freio de estacionamento esteja apli-
cado.
4. Conecte a chave de diagnóstico, 380000843 (1) no plu-
gue de diagnóstico.

LY
N
O
VFIS06CCM301AVA 1

5. Prepare os manômetros para o teste de pressão:


• (1) Manômetro de 0 - 40  bar (0 - 580  psi);
H

• (2) Adaptador de engate rápido 380000543;


• (3) Mangueira 380000545;
N

• (4) Adaptador (se necessário) 380000544;


C

TA6021002_744 2

6. Conecte o manômetro nos engates rápidos das em-


breagens da transmissão.

BSB0624A_743 3

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 41
Transmissão - Transmissão Powershift

7. Os engates rápidos para teste das embreagens A, B,


C, D e E estão localizados na tampa superior da trans-
missão.
NOTA: Se não houver engates rápidos instalados, despa-
rafuse as conexões roscadas das conexões de teste e pa-
rafuse o adaptador e a luva dos engates rápido 380000492
nas conexões de teste A, C, D e E. Para facilitar o acesso
em alguns tratores, remova a luva de engate rápido e ins-
tale o adaptador 380000579. Instale a luva de engate rá-
pido no adaptador da embreagem “B”.

BAIS06CCM187AVA 4

8. O engate rápido para teste de marchas da gama “M”


está no lado esquerdo da transmissão.
NOTA: Para facilitar o acesso em alguns tratores, remova
a luva de engate rápido e instale o adaptador 380000579.
Instale a luva de engate rápido no adaptador. Conecte
o manômetro de 0 - 40 bar (0 - 580 psi) na mangueira

LY
380000545 e no engate rápido 380000543.

N
BAIS06CCM188AVA 5
O
9. O engate rápido para teste da marcha ré está no lado
direito da transmissão.
H
N
C

BAIS06CCM194AVA 6

10. Os engates rápidos para teste das gamas “L” (1) e


“H” (2)estão localizados na tampa superior da trans-
missão.

BAIS06CCM195AVA 7

11. Ligue o motor e selecione H7 canal 4, consulte Mó-


dulo eletrônico - Configurar (55.640).
12. Acione o pedal da embreagem.

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 42
Transmissão - Transmissão Powershift

13. Mova a alavanca de reversão para avanço e solte o


pedal de embreagem. O código A24' deverá ser mos-
trado no painel de instrumentos. Isso indica que há
alimentação para a válvula solenoide da embreagem
A.

BAIL06CCM475AVA 8

14. , Aperte e segure o botão de mudança inferior para


ligar a válvula solenoide. O manômetro deverá exibir
21 - 23  bar (304 - 334  psi).
NOTA: Acione o pedal de embreagem antes de ligar a vál-
vula solenoide. Depois de ligar a válvula solenóide, solte
lentamente o pedal de embreagem. Não opere o pedal de

LY
embreagem de forma brusca.

N
BAIS06CCM304AVA 10

15. A pressão pode ser verificada conforme a posição do


O
pedal de embreagem:
• Valor 24 quando o pedal de embreagem estiver na
posição de descanso.
H

• Valores entre 0 e 20 ao pressionar o pedal (posi-


ções intermediárias).
• Valos igual a zero quando o pedal estiver 30% pres-
N

sionado.
C

BAIL06CCM477AVA 11

16. Para selecionar outras embreagens pressione os bo-


tões de mudança.
NOTA: Quando todos os manômetros mostram valores
baixos, provavelmente existe uma falha no circuito de óleo
de pressão baixa, consulte Bomba de deslocamento va-
riável - Teste de pressão (35.106) .

SS07F161 13

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 43
Transmissão - Transmissão Powershift

Transmissão Powershift - Calibrar


PUMA 205, PUMA 225

NOTA: A calibração é controlada pela unidade de controle eletrônico. Para impedir que o trator se mova inadverti-
damente, não estacione o trator próximo a obstáculos, aplique o freio de estacionamento e calce as rodas traseiras
e dianteiras. Antes de iniciar qualquer trabalho, verifique se o display da velocidade do solo está em zero.
NOTA: Antes de calibrar a embreagem, o óleo da transmissão deve estar aquecido até a temperatura especificada;
verifique no menu H9.
A transmissão powershift total deve calibrar quando a temperatura do óleo da transmissão for: 60 - 105 °C
NOTA: O sistema de ar condicionado (se houver) deve estar desligado e todas as unidades eletro-hidráulicas desa-
tivadas.
NOTA: O código de erro padrão é um número de quatro dígitos que começa com "2" e aparece durante o procedi-
mento de calibração. Deve-se remediar a condição de falha antes de iniciar a calibração.
1. Existem dois métodos de entrar no modo de calibração
da transmissão:
• Chamada rápida
• Chamada via menu HH

LY
Chamada rápida
2. No PUMA padrão:
Ao ligar o motor, aperte o botão de mudança superior
e, dentro de 3 segundos, aperte o botão de mudança
N
inferior.
No Multicontrolador PUMA:
Aperte e segure os botões de mudança superior e mu-
O
dança inferior (+/-) juntos enquanto liga o motor.
H

1
N

SS07F109

3. O painel de instrumentos ICU2 mostra o sistema a ser


calibrado, e a temperatura do óleo da transmissão é
C

mostrada na parte superior do display.

SS07E096 2

4. Vá para o passo 7.

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 44
Transmissão - Transmissão Powershift

Chamada via menu HH


5. Conecte o plugue de diagnóstico 380000843 no so-
quete de diagnóstico.

BAIL06CCM213AVA 3

6. Use o botão "Up" (1), "Down" (2) e o botão Menu (3)


no ICU2 para rolar pelo menu HH até que a Opção
H1 e o símbolo da transmissão apareça na unidade de
controle RD/RG.
A temperatura do óleo da transmissão é exibida na
parte superior do display.

LY
N
O
BAIL06CCM215AVA 4
H
N
C

SS07E093 5

7. A velocidade do motor será definida em 1200  RPM.

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 45
Transmissão - Transmissão Powershift

8. Mova a alavanca de reversão para a posição de


Avanço (Forward) e solte o pedal de embreagem.

BAIL06CCM610AVA 6

9. Na parte superior do display exibe-se a temperatura


do óleo da transmissão. Aperte a chave de mudança
superior ou inferior para exibir o valor de calibração de
torque do volante do motor.
NOTA: Se o código de erro "U19" aparecer, não é possível
fazer a calibração, porque a temperatura do óleo da trans-

LY
missão não está alta o suficiente.
NOTA: Se a preparação para a calibração não for feita
corretamente, um código de erro U aparece e é preciso
repetir o processo. Veja a lista de códigos U em Módulos
eletrônicos - Calibração (55.640) .
N
SS07F110 7

10. Aperte o botão de mudança superior ou inferior mais


O
uma vez para voltar ao display da temperatura do óleo
da transmissão.
11. Se "CL" ( 10 - 60  °C) ou "CH" ( 105  °C) for exibido,
H

após 4 segundos o display voltará para a temperatura


do óleo da transmissão. Pode-se operar o trator até
que a temperatura do óleo correta seja alcançada.
N

NOTA: Se não for prático esperar a mudança de tempera-


tura do óleo, aperte o botão de mudança superior ou mu-
dança inferior enquanto o display mostrar "CL" ou "CH". O
C

display mostrará a letra "A" e podemos continuar a calibra-


ção.

SS07E097 8

12. Existem dois procedimentos para calibrar a transmis-


são:
• Calibração individual de embreagem.
• Calibração automática de embreagem.

Calibração individual de embreagem


13. Ajuste a velocidade do motor em 1200  RPM.

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 46
Transmissão - Transmissão Powershift

14. Aperte e segure o botão de mudança inferior para


calibrar a embreagem A. Durante a calibração, o valor
de calibração é mostrado na parte superior do display
Quando a calibração da embreagem A estiver com-
pleta, a parte superior do display alterna a exibição
de "A" e o valor de calibração.

SS07F111 9

15. Libere o botão de mudança inferior. O display agora


mostra a letra "B" para informar que a embreagem B
está pronta para a calibração.

LY
N
SS07E098 10

16. Os passos descritos acima também são executados


O
para as embreagens "B", "C", "D", "E", "F1", "F2", "F3"
"F4" e "R". Após a calibração da embreagem R, libere
o botão de mudança inferior. O display mostrará a
letra "A".
H

17. Aperte sucessivamente o botão de mudança superior


para alternar as embreagens. Portanto, uma deter-
N

minada embreagem pode ser selecionada se precisar


de calibração várias vezes.
C

SS07F176 11

Calibração automática de embreagem


18. Chame o menu de calibração. (Veja os passos de 1
a 11)
Aperte o botão de mudança superior até que "dt" apa-
reça no display.

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 47
Transmissão - Transmissão Powershift

19. Aperte o interruptor de função automática para iniciar


a calibração automática.

BAIL06CCM617AVA 12

O interruptor de função automática no Multicontrolador


PUMA.

LY
N
SS07F136 13
O
NOTA: Para veículos não equipados com o instalado de função automática, aperte e segure o botão "Down" por dois
segundos.
20. Na parte superior do display aparece "End", quando
o processo estiver completo e todas as embreagens
H

calibradas.
N
C

BAIL06CCM727AVA 14

21. Vire a chave de partida para OFF para armazenar os


valores de calibração.
NOTA: Se uma falha ocorrer durante a calibração, o código
U aparece e o processo deve ser repetido. Veja a lista de
códigos U em Módulos eletrônicos - Calibração (55.640)
.

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 48
Transmissão - Transmissão Powershift

Transmissão Powershift - Desmontar


PUMA 205, PUMA 225

CUIDADO
Evite lesões!
Manuseie todas as peças com cuidado. Não coloque as mãos ou os dedos entre peças em movimento.
Use Equipamento de proteção pessoal (PPE) conforme o indicado neste manual, incluindo óculos de
proteção, luvas e calçados de segurança.
O descumprimento pode resultar em morte ou ferimentos graves.
W0208A

1. Fixe a carcaça da transmissão na ferramenta de


bancada giratória no. 380000301 usando os supor-
tes dianteiro (1) e traseiro (2), posicionando o pino
fornecido com os suportes no bujão de drenagem da
transmissão.

LY BTB0046B 1
N
2. Remova a tampa superior da transmissão
O
H
N
C

BRI4152AA 2

3. Remova o tubo de ligação dos tanques de combustível


pelo lado direito da transmissão.

BRB0285A_786 3

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 49
Transmissão - Transmissão Powershift

4. Remova o conjunto do redutor de velocidade, se equi-


pado.

BSD2149A_766 4

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 50
Transmissão - Transmissão Powershift

5. Remova os parafusos de fixação da caixa da embrea-


gem A/B e, usando furos de elevação fornecidos para
puxar a caixa da carcaça da transmissão.

BSD2142A 5

6. Remoção da caixa da transmissão.

LY
N
O
BSD2159A 6

7. Remova o anel de trava que prende a embreagem B,


placas de embreagem e remova as placas da caixa.
H
N
C

BTB0036A_767 7

8. Usando a ferramenta especial 380000291 comprima


as molas prato. Remova o anel de trava e molas da
caixa da embreagem.

BTB0037A 8

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 51
Transmissão - Transmissão Powershift

9. Usando ar comprimido soprado através da porta da


embreagem 'B' no topo da transmissão;

BSD2144A 9

10. Usando dois parafusos M5 posicionados no pistão,


retire o conjunto do pistão.

LY
N
O
BSD2143A 10

11. Remova o anel de trava e a caixa da embreagem.


NOTA: Antes de remover a caixa da embreagem 'B' , ve-
H

rifique se há movimento excessivo e desgaste na traseira


da caixa.
N
C

BSD2160A 11

12. Remova o coletor de óleo.

BSE2465A 12

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 52
Transmissão - Transmissão Powershift

13. Remova o eixo dianteiro superior da seção.

BRB0269A_768 13

14. Remova o anel de trava da extremidade dianteira do


eixo de velocidade superior.
NOTA: Verifique se o anel de trava está gasto. O des-
gaste excessivo pode aumentar a folga axial do eixo supe-
rior maior do que a especificação. Consulte Transmissão

LY
Powershift - Ajuste (21.113)

N
O
1b0o2004105150 14

15. Remova engrenagem, o calço e espaçador do eixo de


velocidade superior.
H
N
C

BRB0271A 15

16. Remova a engrenagem de transmissão da bomba.

BSD2148A 16

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 53
Transmissão - Transmissão Powershift

17. Remova o anel de retenção do eixo da PTO.


NOTA: Não é possível retirar o eixo da PTO antes de se-
parar a carcaça traseira da transmissão.

BSD2147A 17

18. Remova o sensor de velocidade de saída da trans-


missão e instale a ferramenta de travamento da trans-
missão fabricada pelo revendedor, consulte as ferra-
mentas especiais em Transmissão Powershift - Fer-
ramentas especiais (21.113), para travar o conjunto
da embreagem rápida e lenta.

LY
N
O
BSD2146A 18

19. Remova o conjunto de calços, parafusos e placa de


fixação -- se ainda não tiverem sido removidos com o
conjunto do redutor de velocidade.
H

20. Destrave as linguetas na porca do eixo secundário


e, usando um soquete 65  mm ferramenta número
N

380000459, remova a porca.


NOTA: A porca tem rosca esquerda.
C

BSD2145A 19

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 54
Transmissão - Transmissão Powershift

21. Remova o anel de trava da embreagem da marcha ré


da carcaça.Remova a carcaça parafusando um para-
fuso de rosca grossa M10 x 1.5  mm na extremidade
externa.

BRB0250A_769 20

22. Remova o sensor de velocidade média da transmis-


são e instale a ferramenta de travamento da transmis-
são fabricada pelo revendedor (1) para travar o con-
junto da embreagem de ré.
Use o soquete 55  mm para desparafusar a porca de
fixação do eixo.

LY
N
O
BSI7705AA 21

23. Com a transmissão ainda travada e, usando um so-


quete 60  mm, desparafuse a porca na extremidade
dianteira do eixo de velocidade inferior.
H

NOTA: Não é necessário folgar esta porca se não for pre-


ciso desmontar esta seção da transmissão.
N
C

BRB0289A_771 22

24. Remova a mola prato, o coletor da embreagem, os 2


anéis de vedação 'O' da ponta do eixo e mancal de
apoio do eixo.
NOTA: Após a remoção dos componentes, reinstale a
porca na rosca para que o rolamento não caia.

BRB0276A 23

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 55
Transmissão - Transmissão Powershift

25. Vire a transmissão e remova os parafusos de fixação


da carcaça traseira da transmissão

BSD2154A 24

26. Fixe a ferramenta de suporte de levantamento nú-


mero 380000495 na carcaça traseira da transmissão,
e usando um guincho por cima, eleve a carcaça da
transmissão para acessar a engrenagem movida.

LY
N
O
BSD2153A 25

27. Apoie a engrenagem movida (1) no eixo primário da


PTO e remova o anel de trava (2)
H
N
C

BSD2157A 26

28. Remova o eixo primário da PTO.


NOTA: Não é preciso remover isso para trabalhar apenas
na transmissão principal.

BSD2155A 27

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 56
Transmissão - Transmissão Powershift

Transmissão Powershift - Desmontar - Embreagens


PUMA 205, PUMA 225

1. Remova o anel de vedação dupla do eixo de tração nas


quatro rodas (1) localizado na frente da transmissão.
Remova o anel de retenção externo (2). O eixo de
tração nas quatro rodas agora pode ser removido pela
frente.

BSD2194A 1

2. Instale a ferramenta de travamento da engrenagem no


furo do sensor de velocidade de ré. Destrave as lingue-
tas na porca na extremidade traseira do eixo da gama

LY
média e folgue a porca usando um soquete 70  mm.
N
O

BRB0256A_773 2
H

3. Instale a ferramenta adaptadora de levantamento,


380000496, no conjunto de embreagem média.
N
C

BTB0043B 3

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 57
Transmissão - Transmissão Powershift

4. Instale os ganchos especiais de levantamento


380000495 na extremidade dos 3 eixos de faixa
usando parafusos de fixação M14 x 1.5  mm

BRB0258B_774 4

5. Remova o conjunto do eixo Rápido / Lento.

LY
N
O
BTB0044A_775 5

6. Remova o anel de trava do cubo da embreagem rápida


e remova o cubo.
H
N
C

BRB0260A_776 6

7. Remova o conjunto do eixo de ré.

BTB0042A_777 7

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 58
Transmissão - Transmissão Powershift

8. Remova o conjunto do eixo de faixa Média.

BTB0040A_778 8

9. Remova os tubos de alimentação de óleo para as em-


breagens Rápida e Lenta e o tubo de lubrificação.

LY
N
O
BRB0264A_779 9

10. Remova o retentor do mancal do eixo de velocidade


superior da transmissão.
H
N
C

BSD2191A 10

11. Tire o eixo de velocidade superior da frente da trans-


missão, removendo-o da traseira. Levante a engre-
nagem composta do topo da transmissão.

BRB0273A_780 11

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 59
Transmissão - Transmissão Powershift

12. Remova a porca grande e retire o eixo inferior da tra-


seira da transmissão.

BRB0277A_781 12

13. Gire a transmissão para posicionar a traseira no alto


e remova a arruela do apoio do eixo inferior.

LY
N
O
BRB0278A_782 13

14. Remova o conjunto de embreagem "E"


H
N
C

BRB0279A 14

15. Remova o conjunto de embreagem “C/D" e remova o


espaçador e o calço do rolamento da embreagem.

BRB0281A 15

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 60
Transmissão - Transmissão Powershift

16. Remova a engrenagem e o cubo da saída da embrea-


gem “D".

BRB0280A_783 16

17. Remova os tubos de lubrificação e a peça T.

LY
N
O
BRB0283A_784 17

18. Remova a placa defletora de óleo inferior.


H
N
C

BRB0284A_785 18

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 61
Transmissão - Transmissão Powershift

Transmissão Powershift - Desmontar CARCAÇA TRASEIRA DA


TRANSMISSÃO
PUMA 205, PUMA 225

NOTA: Consulte Transmissão Powershift - Vista explodida (21.113)


1. Desmontagem
1. Engrenagem intermediária da bomba
2. Engrenagem de transmissão
3. Engrenagem movida de faixa baixa
4. Rolamento de apoio da embreagem de ré

BSD2156A 1

LY
2. Engrenagem movida de faixa baixa
Usando o parafuso M12x1,25, remova o eixo (1) e re-
tire a engrenagem (2).
Recoloque os rolamentos onde for necessário.
N
O
H

BSD2189A 2
N

3. Engrenagem intermediária da bomba


Remova a placa de aperto.
C

BSD2158A 3

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 62
Transmissão - Transmissão Powershift

4. Remova o adaptador do rolamento.

BSD2192A 4

5. Remova o eixo usando um extrator tipo "slide hammer"


(1) e extrator M12 x 1,25.

LY
N
O
BSD2193A 5
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 63
Transmissão - Transmissão Powershift

Transmissão Powershift - Instalar engrenagem de transmissão da


bomba
PUMA 205, PUMA 225

NOTA: Consulte Transmissão Powershift - Vista explodida (21.113)


1. Remonte os componentes, inclusive o calço original e
aperte o adaptador a 30  Nm.
Verifique se a engrenagem gira livremente a um torque
de 0.1-0.2  Nm. Mude a espessura do calço se neces-
sário.
Trave o adaptador na posição com a placa de aperto.

BSD2195A 1

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 64
Transmissão - Transmissão Powershift

Transmissão Powershift - Ajuste


PUMA 205, PUMA 225

ATENÇÃO
Risco de esmagamento!
Sempre use ferramentas adequadas para alinhar as peças casadas. NÃO use as mãos nem os dedos.
A não observância desses procedimentos poderá resultar em lesões leves ou moderadas.
C0044A

Ajuste de folga axial de eixo de velocidade superior da transmissão


1. Faça o seguinte:
Posicione o eixo primário da transmissão (1) em uma
bancada, deslize a engrenagem (6), espaçador (5), um
calço de teste 3.5  mm (4), engrenagem (3). Trave o
conjunto com um anel de trava (2).
Assente o conjunto. Usando um calibrador de folga (7),
meça a folga entre o anel de trava (2) e a engrenagem
(3).
O calço a ser instalado é dado pela dimensão medida
mais o calço de teste menos a folga axial especificada.

LY
Exemplo:
Leitura do calibrador:= 0.90  mm
Calço de teste:= 3.50  mm
Folga especificada= 0 - 0.15  mm
Calço (8) a ser instalado: = 0,90 + 3,50 - 0,10 = 23500_95 1
N
4.30  mm.
NOTA: Os calços de ajuste disponíveis são examinados
em Transmissão Powershift - Especificações gerais
O
(21.113).
2. Remova o anel de trava (2), retire a engrenagem (3) e
o calço de teste (4). Acrescente o calço (8) conforme
os cálculos, a engrenagem (3) e trave o conjunto com
H

um anel de trava (2).


Assente o conjunto. Usando um calibrador de folga
N

(7), verifique se a folga axial está de acordo com a


especificação.
C

23501_96 2

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 65
Transmissão - Transmissão Powershift

Ajuste da folga axial do eixo secundário (rápido/lento)


3. Insira os calços de teste até que estejam nivelados com
a face usinada da carcaça. Meça o conjunto de calços
de testes (Sp). Instale a placa de encosto e aperte os
parafusos no torque especificado. As bordas externas
das molas prato devem ficar contra a placa de encosto.

BTB0065A 3

4. Gire a transmissão várias vezes usando a ferramenta


especial no fim do eixo de faixa Média. Entre os giros,
bata na extremidade do eixo secundário com um mar-
telo de ponta de borracha para garantir que o eixo seja
bem assentado na transmissão.

LY
N
O
BTB0064A 4

5. Instale as ferramentas especiais , 380000568 ,


380000568 (3) sobre o eixo secundário com a barra
H

roscada de ponta dupla (2) parafusada no eixo se-


cundário. Fixe o conjunto de alavanca, ferramenta
380000458 ferramenta 380000458 (1) na barra ros-
N

cada. Posicione o relógio comparador na carcaça final


com a ponteira sobre a porca do eixo secundário. O
braço operacional do relógio comparador deve estar o
C

mais vertical possível – zere o relógio.


Levante o eixo secundário usando a ferramenta espe-
cial 380000458 380000458 . A leitura do relógio deve
estar entre 0.04 - 0.09  mm que é a folga axial do eixo.

BTB0061B 5

6. Calcule o calço necessário:-


S1 = H + Sp - ( 0.065  mm)
Onde:
S1 = Dimensão final do calço
Sp = Calço de teste
H = leitura do percurso do relógio comparador
0.065  mm = Faixa média da especificação de folga
axial
7. Verifique de novo a folga axial até que esteja dentro
da especificação. Aperte os parafusos da placa de
encosto a um torque de 35  Nm ( 26  lbf.ft).

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 66
Transmissão - Transmissão Powershift

Ajuste da folga axial do eixo de faixa média


8. Instale os calços de teste e o anel de trava na extremi-
dade traseira do eixo de faixa média. Meça o conjunto
de calços de testes (Sp).
Gire a transmissão várias vezes usando a ferramenta
especial no fim do eixo de faixa Média. Entre os giros,
bata na extremidade da ferramenta especial no eixo
de faixa média com um martelo de ponta de borracha
para garantir que o eixo seja bem assentado na trans-
missão.

BRB0254A 6

9. Instale a ferramenta especial , 380000568 , 380000568


sobre a ferramenta especial instalada no eixo de faixa
média, com a barra roscada de ponta dupla parafusada
na ferramenta do eixo médio. Fixe o conjunto de ala-
vanca, ferramenta 380000458 ferramenta 380000458

LY
na barra roscada. Posicione o relógio comparador na
carcaça final com a ponteira na face inferior da ferra-
menta instalada no eixo de faixa média. O braço ope-
racional do relógio comparador deve estar o mais ver-
tical possível – zere o relógio.
N
O
BTB0062A 7

10. Levante o eixo de faixa média usando a ferramenta


especial 292176 380000458 . A leitura do relógio
H

deve estar entre 0.04 - 0.09  mm que é a folga axial


do eixo.
Calcule o calço necessário:-
N

S1 = H + Sp - ( 0.065  mm)
Onde:
S1 = Dimensão final do calço
C

Sp = Calço de teste
H = leitura do percurso do relógio comparador
0.065  mm = Faixa média da especificação da folga
axial
Verifique de novo a folga axial até que esteja dentro
da especificação.
BTB0063A 8

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 67
Transmissão - Transmissão Powershift

Transmissão Powershift - Montar


PUMA 205, PUMA 225

1. Instale a placa defletora de óleo inferior com os para-


fusos e espaçadores.
NOTA: Use o adesivo de vedação e fixação de rosca nos
parafusos.

BRB0284A_802 1

2. Recoloque os tubos de lubrificação.

LY
N
O

BRB0283A_784 2
H

3. Gire a transmissão para que a traseira fique no alto.


Removidos o espaçador e o calço do rolamento, instale
o conjunto da embreagem C/D ( inclusive o conjunto
N

de engrenagem da embreagem "C") na transmissão


de modo que a marca de alinhamento do tubo de óleo
fique visível.
C

NOTA: Antes de instalar o conjunto da embreagem C/D, é


preciso verificar se a resistência do rolamento cônico está
dentro da especificação conforme a descrição em Em-
breagem - Reforma (21.155).

BRB0281A_803 3

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 68
Transmissão - Transmissão Powershift

4. Instale a engrenagem e o cubo da saída da embrea-


gem “D".

BRB0280A_783 4

5. Instale o conjunto da embreagem “E" de modo que


a marca do tubo de óleo esteja alinhada com as do
conjunto da embreagem C/D.

LY
N
O
BRB0287A_804 5

6. Com cuidado, empurre para baixo o eixo de velocidade


inferior pelos conjuntos de embreagem de modo que o
furo de marcação esteja alinhado às marcas nos con-
H

juntos de embreagem.
N
C

BRB0288A_805 6

7. Gire a transmissão para a posição horizontal e instale


o eixo de velocidade superior da traseira da transmis-
são, empurrando-o através do conjunto de engrena-
gens que é inserido pelo topo da transmissão.
NOTA: Antes da instalação do eixo superior, é preciso ve-
rificar se a folga axial do eixo superior está dentro da espe-
cificação de acordo com a descrição em Transmissão Po-
wershift - Ajuste (21.113).

BRB0273A_806 7

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 69
Transmissão - Transmissão Powershift

8. Instale o espaçador, os calços e engrenagem e prenda


com o anel de trava através da frente da transmissão.

BRB0271A_807 8

9. Instale a placa de retenção do rolamento do eixo de


velocidade superior na traseira da transmissão; instale
os 4 parafusos de fixação e aperte a 23  Nm (17.0  lbft).
NOTA: Use o adesivo de vedação e fixação de rosca nos
parafusos.

LY
N
O
BRB0272A_808 9

10. Gire a transmissão para a posição vertical e instale


os tubos de alimentação de óleo para as embreagens
Rápida e Lenta e o tubo de lubrificação.
H
N
C

BRB0264A_809 10

11. Instale o conjunto do eixo de faixa Média


NOTA: Antes de instalar o conjunto da embreagem média,
é preciso verificar se a resistência do rolamento cônico
está dentro da especificação de acordo com a descrição
em Embreagem - Reforma (21.155)

BTB0040A_810 11

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 70
Transmissão - Transmissão Powershift

12. Instale o conjunto de eixo de ré.

BTB0042A_811 12

13. Instale o cubo da embreagem Rápida e reinstale o


anel de trava.

LY
N
O
BRB0260A_812 13

14. Instale o conjunto de eixo Rápido / Lento e remova os


olhais de içamento dos três eixos.
H
N
C

BTB0044A 14

15. Trave a transmissão com a ferramenta especial de


travamento situada no furo do sensor de velocidade
média. Recoloque a porca na extremidade traseira do
eixo de faixa Média e aperte a 467 - 515  Nm usando
um soquete 70  mm. Trave as linguetas na porca.

BRB0256A 15

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 71
Transmissão - Transmissão Powershift

16. Limpe as faces de encaixe da caixa da transmissão


e da caixa terminal e aplique o selante. Use vaselina
para segurar os anéis do coletor da embreagem na
posição e, usando os pinos-guia, abaixe a caixa ter-
minal na posição. Aperte os parafusos da caixa ter-
minal a um torque de 200  Nm (147.5  lbft).

BSD2154A_813 16

17. Instale a pista do rolamento final Rápido/Lento e reco-


loque a porca da ponta do eixo de faixa Rápida / Lenta
e aperte a 500  Nm (368.8  lbft) usando a ferramenta
especial No. 380000459 ou um soquete 65  mm. Use
a ferramenta especial de travamento no furo do sen-
sor de velocidade média.

LY
NOTA: A porca tem rosca esquerda.
N
O
BTB0039A_814 17

18. Instale o espaçador e a pista do rolamento final de


faixa média.
H
N
C

BRB0291A_815 18

19. Trave a transmissão com a ferramenta especial de


travamento situada no furo do sensor de velocidade
de ré.

BSI7705AA 19

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 72
Transmissão - Transmissão Powershift

20. Instale o espaçador, os calços e o rolamento no con-


junto da engrenagem da embreagem C e encaixe o
mancal de apoio de modo que a pista interna seja en-
caixada primeiro seguida da pista externa. Instale a
arruela com o chanfro voltado para o coletor.
NOTA: Cuidado para não danificar o anel plástico marrom
do mancal durante a reinstalação.

BRB0289A_817 20

21. Recoloque os 2 anéis de vedação 'O' na extremidade


do eixo de velocidade inferior, aplique vaselina no
eixo.
Empurre o coletor de volta para o eixo, batendo cui-
dadosamente com um martelo de ponta de borracha
se necessário. Recoloque a mola prato de modo que

LY
a borda externa esteja em contato com o coletor e a
borda interna em contato com a porca.
N
O
BRB0276A_818 21

22. Recoloque a porca e aperte a 467 - 515  Nm usando


um soquete 60  mm. Forme linguetas na porca para
evitar a folga. Remova a ferramenta especial de tra-
H

vamento.
N
C

BRB0289A_819 22

23. Instale o eixo dianteiro superior da seção de veloci-


dade.

BRB0269A_820 23

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 73
Transmissão - Transmissão Powershift

24. Instale os 4 anéis de vedação 'O' de alimentação de


óleo.

BSE2464A 24

25. Instale o coletor e aperte os parafusos a 24  Nm


(17.7  lbft).

LY
N
O
BSE2465A_821 25

26. Instale a caixa da embreagem B de modo que as jun-


tas do anel coletor sejam alinhadas entre si; aplique
vaselina para mantê-las na posição. Instale os discos
H

de fricção e de transmissão.
NOTA: Para evitar danos aos anéis coletores, as juntas
N

devem estar alinhadas com a área do coletor onde não


haja galeria de óleo antes de empurrar a embreagem para
a posição.
C

BTB0045A 26

27. Limpe as faces de encaixe da caixa da embreagem


A/B e aplique o selante. Instale os tubos de transfe-
rência de óleo para as caixas da embreagem A e B.

BSD2159A_822 27

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 74
Transmissão - Transmissão Powershift

28. Instale a caixa da embreagem A/B e aperte os para-


fusos a 24  Nm (17.7  lbft).

BTB0035A 28

29. Neste ponto, recomenda-se um teste de vazamento


nos pacotes de embreagem, consulte Embreagem -
Teste (21.155).
30. Faça os ajustes da folga axial do eixo secundário e do
eixo de faixa média, consulte Transmissão Powers-

LY
hift - Ajuste (21.113)
31. Finalizados os ajustes da folga axial, gire a transmis-
são para a posição horizontal. Insira a ferramenta
adequada no orifício do sensor de velocidade para
travar o eixo de Ré. Aperte a porca terminal do eixo
N
de Ré a 467 - 515  Nm usando um soquete 55  mm.
Trave as linguetas na porca. Instale a capa terminal
do conjunto de embreagem de Ré e encaixe o anel
O
de trava.
H
N

BSI7705AA 29

32. Instale o sensor de torque do motor.


C

BSB0271A_827 30

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 75
Transmissão - Transmissão Powershift

33. Instale os 2 sensores de velocidade

BRB0246A 31

34. Aplique vaselina nas superfícies de contato entre o


tubo de ligação dos tanques de combustível e a caixa
da transmissão, e instale o tubo pelo lado direito da
transmissão. Prenda com o parafuso de fixação.

LY
N
O
BRB0285A_801 32

35. Aplique a vedação flexível na face de montagem da


tampa superior. Instale a tampa e aperte os parafusos
50  Nm (36.9  lbft) 50  Nm
H
N
C

FR_001A 33

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 76
Transmissão - Transmissão Powershift

Alojamento da transmissão - Desconexão


PUMA 205, PUMA 225

1. PERIGO
Peças pesadas!
Apoie o(s) componente(s) designado(s)
com equipamentos adequados de iça-
mento.
O descumprimento resultará em morte ou
ferimentos graves.
D0018A

Usando o equipamento de elevação adequado, apoie


os pesos dianteiros.

BAIL08CVT011AVA 1

2. Desconecte e remova o peso dianteiro do suporte de


peso.

LY
N
O
BAIL08CVT012AVA 2

3. Remova o bujão de drenagem e drene o óleo de trans-


missão em um recipiente adequado.
H

Reinstale o bujão de drenagem e aperte com 68 -


82  Nm ( 50 - 60  lbft).
N
C

BAIS06CCM140AVA 3

4. Remova os quatro parafusos de retenção da proteção


do eixo da tração nas quatro rodas.
NOTA: Repita esta operação em ambos os lados do trator.

BAIS06CCM033AVA 4

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 77
Transmissão - Transmissão Powershift

5. Remova os quatro parafusos de retenção dianteiros do


eixo da tração nas quatro rodas.
NOTA: Apoie o eixo da tração nas quatro rodas.

BAIS06CCM034AVA 5

6. Remova o eixo da tração nas quatro rodas.

LY
N
BAIS06CCM035AVB 6

7. Remova a proteção do alojamento do filtro da bomba


O
de óleo hidráulico.
H
N
C

BAIL11CCM056AVA 7

8. Remova o bujão de drenagem do alojamento do filtro


da bomba de óleo hidráulico.
NOTA: Coloque um recipiente adequado sob o alojamento
do filtro de óleo para coletar o óleo hidráulico.

BAIL07APH297AVA 8

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 78
Transmissão - Transmissão Powershift

9. Desconecte os canos de óleo hidráulico do alojamento


do filtro da bomba de óleo hidráulico.

BAIL11CCM055AVA 9

10. Desconecte a mangueira.


Desconecte o conector elétrico do alojamento do filtro
da bomba de óleo hidráulico.

LY
N
BAIL11CCM054AVA 10

11. Remova os parafusos de retenção da junta do coto-


O
velo no alojamento do filtro da bomba de óleo hidráu-
lico e o parafuso de retenção no alojamento do eixo
traseiro.
H
N
C

BAIL11CCM053AVA 11

12. Remova o alojamento do filtro da bomba de óleo hi-


dráulico.

BAIL07APH301AVA 12

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 79
Transmissão - Transmissão Powershift

13. Desconecte o cano de fornecimento de óleo

BAIL11CCM052AVA 13

14. Remova o cano de fornecimento de óleo.

LY
N
BAIL11CCM051AVA 14

15. Desconecte os canos do freio.


O
H
N
C

BAIL11CCM050AVA 15

16. Remova o cano de fornecimento do arrefecedor de


óleo.

BAIL11CCM049AVA 16

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 80
Transmissão - Transmissão Powershift

17. Corte as braçadeiras e remova o cano de retorno do


arrefecedor de óleo.

BAIL11CCM048AVA 17

18. Remova o cano de fornecimento do travamento do


diferencial

LY
N
BAIS06CCM064AVA 18

19. Instale o cano de retorno do cilindro hidráulico de ele-


O
vação (1), o cano de fornecimento principal (2) e o
cano de fornecimento da 19º engrenagem (3).
H
N
C

BAIS06CCM065AVA 19

20. Desconecte o conector elétrico do sensor de veloci-


dade do volante.

BAIS06CCM576AVA 20

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 81
Transmissão - Transmissão Powershift

21. Desconecte os cinco conectores elétricos do sole-


noide da embreagem.
Alimente a lança para trás sobre a parte superior da
transmissão.

BAIS06CCM578AVA 21

22. Posicione os calços de madeira (1) entre o eixo dian-


teiro e o suporte dianteiro. Isso evita a articulação do
eixo dianteiro.

LY
N
BVE0410A_25 22
O
23. Apoie o trator na engrenagem de divisão.
H
N
C

BAIS06CCM066AVA 23

24. Apoie a parte traseira do trator.

BAIS06CCM089AVA 24

25. Remova os parafusos de retenção da transmissão ao


eixo traseiro.

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 82
Transmissão - Transmissão Powershift

26. Remova a transmissão e o motor do eixo traseiro.

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 83
Transmissão - Transmissão Powershift

Alojamento da transmissão - Conectar


PUMA 205, PUMA 225

CUIDADO
Objeto pesado!
Limpe a área ao redor e embaixo da remoção do contrapeso e sistema de instalação antes de instalar
ou remover contrapesos. Mantenha o pessoal não autorizado afastado da área. Assegure-se que
todos os dispositivos de elevação estão em boas condições e são capazes de suportar a massa do
contrapeso.
O descumprimento pode resultar em morte ou ferimentos graves.
W0037A

1. Alinhe a transmissão e o motor ao eixo traseiro.


2. Instale os parafusos de fixação do eixo traseiro da
transmissão.
Aperte com 200  Nm ( 147.5  lbft).
3. Retire o suporte da parte posterior do trator.

LY
N
O
BAIS06CCM089AVA 1

4. Retire a engrenagem de separação.


H
N
C

BAIS06CCM066AVA 2

5. Retire os calços de madeira (1) entre o eixo dianteiro


e o suporte dianteiro.

BVE0410A_25 3

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 84
Transmissão - Transmissão Powershift

6. Instale o tubo de retorno do pistão do levantador (1),


tubo de alimentação principal (2) e o tubo de alimenta-
ção da 19ª engrenagem (3) (se equipado).

BAIS06CCM065AVA 4

7. Instale o tubo de alimentação do bloqueio do diferen-


cial

LY
N
BAIS06CCM064AVA 5
O
8. Conecte o tubo de alimentação do bloqueio do diferen-
cial
H
N
C

BVE0282A_42 6

9. Reposicione o chicote da fiação através da parte supe-


rior da transmissão.
Conecte os cinco conectores elétricos da solenoide da
embreagem.

BAIS06CCM578AVA 7

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 85
Transmissão - Transmissão Powershift

10. Encaixe o conector elétrico do sensor de velocidade


do volante.

BAIS06CCM576AVA 8

11. Instale o eixo de tração nas quatro rodas.


Aperte com 65 - 86  Nm ( 48 - 65  lbft).

LY
N
BAIS06CCM035AVB 9

12. Instale os anéis de retenção dianteiros do eixo de tra-


O
ção nas quatro rodas.
Aperte com 65 - 86  Nm ( 48 - 65  lbft).
H
N
C

BAIS06CCM034AVA 10

13. Instale a proteção do eixo de tração nas quatro rodas.

BAIS06CCM033AVA 11

14. Reabasteça a transmissão com óleo.

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 86
Transmissão - Transmissão Powershift

15. Usando uma eslinga adequada, conecte os pesos


dianteiros a um guincho e instale-os.

BAIL08CVT011AVA 12

Operação seguinte:
Instale a bomba hidráulica (consulte Bomba - Instalar (35.106)
Operação seguinte:
Instale os tanques de combustível (consulte Tanque de combustível - Instalar (10.216)
Operação seguinte:
Instale a cabine (consulte Cabine - Instalar (90.150)

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 87
Transmissão - Transmissão Powershift

Alojamento da transmissão - Desmontar


PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Consulte Transmissão Powershift - Desmontar (21.113).

Bucha do coletor de óleo


1. O procedimento para remoção e instalação da embrea-
gem média, embreagem reversa ou buchas de coletor
de óleo da embreagem rápida/lenta é muito similar e
deve ser realizado como segue.
NOTA: As buchas são extremamente apertadas, use so-
mente a ferramenta espacial para tentar retirar/instalar. A
tentativa de forçar as buchas para dentro ou para fora re-
sultará em danos à bucha ou carcaça.

LY
BTB0103_787 1

2. Instale a ferramenta especial, número 380000498


380000498 , na bucha a ser removida e localize os
quatro parafusos nos orifícios da passagem do óleo.
N
Fabricar uma barra plana, de metal, com cerca de
13  mm de espessura por 375  mm de comprimento,
com um furo central de 17  mm para passar um para-
O
fuso de 16  mm, classe 8,8, com cerca de 225  mm de
comprimento, fixado com duas arruelas.
H
N

BTB0100_788 2
C

3. Instale o parafuso através da parte traseira da ferra-


menta e posicione a barra plana por cima do parafuso
e através da carcaça, como mostrado na figura 2.
Instale e aperte gradualmente a porca para retirar a
bucha da carcaça.

BTB0105_789 3

Operação seguinte:
Consulte Transmissão Powershift - Montar (21.113).

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 88
Transmissão - Transmissão Powershift

Alojamento da transmissão - Montar


PUMA 205, PUMA 225

NOTA: Devido ao aperto das buchas, recomenda-se que a mesma seja resfriada por aproximadamente uma hora em
um equipamento de resfriação adequado (uma geladeira/freezer doméstico é suficiente). Se a ferramenta especial
for instalada na bucha e colocada na geladeira com ela, isso também ajudará a instalação.

Bucha do coletor de óleo


1. Posicione a bucha e a ferramenta corretamente na car-
caça. Bata levemente na ferramenta para garantir que
a bucha esteja quadrada na carcaça.

LY
BTB0104_790 1

2. Localize o parafuso através da parte frontal da ferra-


menta, com a barra plana através da carcaça na parte
N
posterior. Aperte a porca para empurrar a bucha na
carcaça, figura 2. A bucha está corretamente insta-
lada, quando entra em contato com o rebordo elevado
O
na carcaça.
H
N

BTB0106_791 2
C

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 89
Índice

Transmissão - 21

Transmissão Powershift - 113


Alojamento da transmissão - Conectar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 84
PUMA 205, PUMA 225
Alojamento da transmissão - Desconexão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 77
PUMA 205, PUMA 225
Alojamento da transmissão - Desmontar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 88
PUMA 205, PUMA 225
Alojamento da transmissão - Montar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 89
PUMA 205, PUMA 225
Transmissão Powershift - Diagrama lógico . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 23
PUMA 205, PUMA 225
Transmissão Powershift - Teste . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 28
PUMA 205, PUMA 225
Transmissão Powershift - Ajuste . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 65
PUMA 205, PUMA 225

LY
Transmissão Powershift - Calibrar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 44
PUMA 205, PUMA 225
Transmissão Powershift - Descrição estática . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11
PUMA 205, PUMA 225
Transmissão Powershift - Desmontar - Embreagens . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 57
PUMA 205, PUMA 225
N
Transmissão Powershift - Desmontar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 49
PUMA 205, PUMA 225
Transmissão Powershift - Desmontar CARCAÇA TRASEIRA DA TRANSMISSÃO . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 62
PUMA 205, PUMA 225
O
Transmissão Powershift - Especificações gerais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225
Transmissão Powershift - Ferramentas especiais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8
PUMA 205, PUMA 225
Transmissão Powershift - Instalar engrenagem de transmissão da bomba . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 64
H

PUMA 205, PUMA 225


Transmissão Powershift - Montar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 68
PUMA 205, PUMA 225
Transmissão Powershift - Teste de pressão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 41
N

PUMA 205, PUMA 225


Transmissão Powershift - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225
Transmissão Powershift - Vista explodida . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 27
C

PUMA 205, PUMA 225


Transmissão Powershift - Vista seccional . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 20
PUMA 205, PUMA 225
Transmissão Powershift - Visão geral -Sensores e interruptores . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 15
PUMA 205, PUMA 225

84417650A 31/07/2013
21.1 [21.113] / 90
Transmissão - 21

Controles externos da transmissão Powershift - 135

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
21.2 [21.135] / 1
Conteúdo

Transmissão - 21

Controles externos da transmissão Powershift - 135

DADOS FUNCIONAIS

Controles externos da transmissão Powershift


Descrição estática - Tampa da transmissão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

Vista explodida - Tampa da transmissão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4


PUMA 205, PUMA 225

SERVIÇO

Controles externos da transmissão Powershift

LY
Desmontar - Tampa da transmissão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.2 [21.135] / 2
Transmissão - Controles externos da transmissão Powershift

Controles externos da transmissão Powershift - Descrição estática


- Tampa da transmissão
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O

BRI4152B 1
H

Tampa superior da transmissão

1. Do divisor de fluxo da bomba da direção F. Solenoide da embreagem de faixa alta


(óleo de lubrificação)
N

2. Retorno do motor da direção S. Solenoide da embreagem de faixa baixa


3. Para o arrefecedor de óleo 7. Alimentação de baixa pressão para a
C

transmissão
4. Retorno do arrefecedor de óleo 9. Alimentação de baixa pressão para o circuito
de reforço do freio
5. Óleo de lubrificação suplementar do 10. Óleo a baixa pressão - interruptor de advertência
circuito de carga de baixa pressão
6. Para o circuito de lubrificação 11. Sensor de temperatura do óleo da transmissão
A. Solenoide da embreagem A da D. Solenoide da embreagem D da transmissão
transmissão
B. Solenoide da embreagem B da E. Solenoide da embreagem E da transmissão
transmissão
C. Solenoide da embreagem C da R. Solenoide da embreagem da faixa de ré
transmissão
M. Solenoide da embreagem de faixa média 8. e 19th Não equipado

84417650A 31/07/2013
21.2 [21.135] / 3
Transmissão - Controles externos da transmissão Powershift

Controles externos da transmissão Powershift - Vista explodida


- Tampa da transmissão
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

CUIL13TR00159HA 1

(1) Interruptor intermitente (14) Bujão, M14, Cônico


(2) Bujão (15) Junta
(3) Bujão, M10 x 11  mm (0.433  in), 1.25  mm de passo (16) Placa
(4) Cobertura superior (17) Guia
(5) O-ring, 11.3  mm (0.445  in) ID* x 2.40  mm (0.094  in) (18) Válvula de desvio
W**
(6) Acoplamento (19) Mola
(7) Bujão (20) Corpo
(8) O-ring, 9.30  mm (0.366  in) ID* x 2.40  mm (0.094  in) (21) Arruela de cobre, 10.2  mm (0.402  in) x 14  mm
W** (0.551  in) x 1.5  mm (0.059  in)
(9) Parafuso (22) Bujão, M10 x 11  mm (0.433  in), 1  mm de passo,
Classe 5.8

84417650A 31/07/2013
21.2 [21.135] / 4
Transmissão - Controles externos da transmissão Powershift

(10) O-ring, 11.3  mm (0.445  in) ID* x 2.40  mm (0.094  in) (23) Parafuso, M8 x 18  mm (0.709  in), Classe 10.9
W**
(11) Interruptor de pressão (24) Solenoide
(12) Parafuso, M10 x 65  mm, Classe 8.8 (25) Arruela de pressão, 6.40  mm (0.252  in) ID* x
12.00  mm (0.472  in) OD*** x 1.20 - 1.63  mm (0.047 -
0.064  in) W**, Classe 8.8
(13) Placa (26) Parafuso, M6 x 18  mm (0.709  in), 1  mm de passo,
Classe 8.8
*Diâmetro interno
**Diâmetro seccional
***Diâmetro externo

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.2 [21.135] / 5
Transmissão - Controles externos da transmissão Powershift

Controles externos da transmissão Powershift - Desmontar -


Tampa da transmissão
PUMA 205, PUMA 225

1. Remova a tampa superior da transmissão


NOTA: Se for necessário revisar a tampa superior da trans-
missão, acesse a tampa através do painel do chão da ca-
bine.

BRI4152AA 1

2. Remova a válvula de passagem do resfriador de óleo


(1) e a válvula de alívio da lubrificação (2).

LY
N
O
H

BSD21452A_765 2

3. Para remover as válvulas de modulação de largura de


pulso, retire a placa de retenção e retire as válvulas.
N

(1) Interruptores de pressão


(2) Placa de retenção
(3) Válvulas de modulação de largura de pulso
C

(4) Interruptor de pressão


(5) Interruptor de temperatura

BSD21451A 3

84417650A 31/07/2013
21.2 [21.135] / 6
Índice

Transmissão - 21

Controles externos da transmissão Powershift - 135


Controles externos da transmissão Powershift - Descrição estática - Tampa da transmissão . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225
Controles externos da transmissão Powershift - Desmontar - Tampa da transmissão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225
Controles externos da transmissão Powershift - Vista explodida - Tampa da transmissão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.2 [21.135] / 7
LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.2 [21.135] / 8
Transmissão - 21

Componentes internos da transmissão Powershift - 155

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 1
Conteúdo

Transmissão - 21

Componentes internos da transmissão Powershift - 155

DADOS FUNCIONAIS

Componentes internos da transmissão Powershift


Vista explodida . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

Vista explodida - Embreagem A . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8


PUMA 205, PUMA 225

Vista explodida - Embreagem B . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9


PUMA 205, PUMA 225

LY
Vista explodida - Embreagem C . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10
PUMA 205, PUMA 225

Vista explodida - Embreagem D . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11


PUMA 205, PUMA 225
N
Vista explodida - Embreagem E . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 12
PUMA 205, PUMA 225

Vista explodida - Embreagem F . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 13


O
PUMA 205, PUMA 225

Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida - Embreagem S . . . . . . . . . . . . . . . 14


PUMA 205, PUMA 225
H

Vista explodida - Embreagem M . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 15


PUMA 205, PUMA 225

Vista explodida - Embreagem R . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 16


N

PUMA 205, PUMA 225


C

SERVIÇO

Embreagem
Reforma . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 17
PUMA 205, PUMA 225

Teste . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 24
PUMA 205, PUMA 225

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 2
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida


PUMA 205, PUMA 225

Damper e eixo de entrada de força da transmissão e TDF

LY
N
O
H

CUIL13TR00143HA 1

(1) Eixo (9) Tomada de força


(2) Rolamento esférico 40  mm (1.575  in) x 90  mm (10) Rolamento esférico 50  mm (1.969  in) x 90  mm
N

(3.543  in) x 23  mm (0.906  in) (3.543  in) x 20  mm (0.787  in)


(3) Anel de pressão M90 (11) Bujão
(4) Anel de pressão M28 (12) Parafuso M12 x 65  mm
C

(5) Anel de pressão M50 (13) Arruela de pressão


(6) Luva (14) Volante do motor
(7) O-ring, 31.34  mm (1.23  in) ID* x 89.66  mm (3.53  in)
(15) Amortecedor de vibração (Damper)
W**
(8) Anel de pressão M32
*Diâmetro interno
**Diâmetro seccional

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 3
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

Bloqueio do diferencial

LY
N
O
CUIL13TR00144HA 2

(1) O-ring, 158.4  mm (6.237  in) ID* x 2.6  mm (0.103  in)


(4) Discos
W**
(2) O-ring, 234.6  mm (9.2  in) ID* x 2.62  mm (0.103  in)
H

(5) Placas de travamento


W**
(3) Pistão (6) Cobertura
N

*Diâmetro interno
**Diâmetro seccional
C

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 4
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

Engrenagens do diferencial

LY
N
O
CUIL13TR00157HA 3

(1) Parafuso de ajuste, Allen, M10 x 22  mm (10) Calço de ajuste


(2) Guia, M7 x 75  mm (11) Cobertura
H

(3) Esfera, M7.14 (12) Placa


(4) Anel de encosto (13) Parafuso, M14 x 55  mm
(14) Rolamento, 90  mm (3.543  in) x 140  mm (5.512  in)
(5) Anel de encosto
N

x 32  mm (1.260  in)
(6) Pinhão (15) Suporte
(7) Pino (16) Pino
C

(8) Pinhão (17) Pino


(9) Pinhão (18) Alojamento

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 5
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

Marchas e embreagens

LY
N
O
CUIL13TR00158HA 4

(10) Arruela de cobre, 22.3  mm (0.878  in) ID* x 30  mm


(1) Cobertura
(1.181  in) OD*** x 1.5  mm (0.059  in) W**
(2) Bujão (11) Conector hidráulico
H

(12) O-ring, 17.12  mm (0.67  in) ID* x 2.62  mm (0.103  in)


(3) Gargalo
W**
N

(4) Bujão (13) 15.54  mm (0.612  in) ID* x 2.62  mm (0.103  in) W**


(5) PARAFUSO, M8 x 25  mm, Classe 8.8 (14) Tubo
(6) O-ring, 12.37  mm (0.487  in) ID* x 2.62  mm (0.103  in)
(15) Eixo
C

W**
(7) O-ring, 15.47  mm (0.61  in) ID* x 3.53  mm (0.14  in) (16) Anel vedador 47.35  mm (1.864  in) ID* x 50.90  mm
W** (2.004  in) OD*** x 1.78  mm (0.07  in) W**
(8) Tubo (17) Parafuso
(9) Espaçador (18) Esfera M7.14
*Diâmetro interno
**Diâmetro seccional
***Diâmetro externo

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 6
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

LY
N
CUIL13TR00160HA 5
O
(1) Eixo pinhão (7) Engrenagem
(2) Anel de pressão M38 (8) Espaçador
(9) Rolamento de roletes 60  mm (2.362  in) ID* x 130  mm
(3) Luva
(5.118  in) OD*** x, 48.50  mm (1.909  in) W**
H

(4) Porca M45 x 1.5  mm (10) Calço de ajuste


(5) Rolamento de roletes cônico (11) Coroa
(6) Calço de ajuste (12) Pinhão
N

*Diâmetro interno
**Diâmetro seccional
***Diâmetro externo
C

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 7
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida


- Embreagem A
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O

BSB0308A 1
H

(1) Vedação (2) Anel de trava externo do rolamento


(3) Anel de trava da carcaça do eixo (4) Rolamento
N

(5) Anel de trava interno do rolamento (6) Anéis de vedação


(7) Caixa da embreagem (8) Pistão
(9) Vedação interna e externa do pistão (10) Arruelas cônicas (7 unidades)
C

(11) Copinho do anel de trava (12) Anel de trava


(13) Placa de transmissão de aço (5 unidades) (14) Disco de fricção (5 unidades)
(15) Mola de separador de placa (5 unidades) (16) Cubo
(17) Arruela (18) Rolamento
(19) Anel de trava (20) Anel de trava
(21) Cubo (22) Anel de trava

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 8
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida


- Embreagem B
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O

BSB0309A 1
H

(1) Anel de trava (2) Placa terminal do acionamento


(3) Disco de fricção (5 unidades) (4) Mola de separador de placa (5 unidades)
N

(5) Placa de transmissão de aço (5 unidades) (6) Anéis de vedação


(7) Carcaça (8) Vedação interna e externa do pistão
(9) Pistão (10) Arruelas cônicas (7 unidades)
C

(11) Copinho do anel de trava (12) Anel de trava

NOTA: Observação: A substituição do lacre do pistão e o procedimento para desmontar e remontar as embreagens
multi-disco é a mesma para cada embreagem. Consulte a desmontagem da embreagem 'A' e a visualização expan-
dida da embreagem relevante.

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 9
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida


- Embreagem C
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O

BSB0310A 1
H

(1) Anel de trava (2) Copinho do anel de trava


(3) Arruelas cônicas (8 unidades) (4) Arruela chata
N

(5) Vedação interna e externa do pistão (6) Pistão


(7) Carcaça (8) Placas de embreagem (8 unidades)
(9) Placa terminal (10) Anel de trava
C

(11) Cubo (12) Rolamento


(13) Espaçador (14) Calço da pré-carga do rolamento
(15) Rolamento

NOTA: Observação: A substituição do lacre do pistão e o procedimento para desmontar e remontar as embreagens
multi-disco é a mesma para cada embreagem. Consulte a desmontagem da embreagem 'A' e a visualização expan-
dida da embreagem relevante.

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 10
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida


- Embreagem D
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O

BSB0312A_798 1
H

(1) Placas de embreagem (6 unidades) (2) Placa terminal


(3) Anel de trava (4) Cubo
N

(5) Rolamento (6) Anel de trava


(7) Rolamento (8) Anel de trava
(9) Copinho do anel de trava (10) Arruelas cônicas (6 unidades)
C

(11) Arruela chata (12) Vedação interna e externa do pistão


(13) Pistão (14) Carcaça

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 11
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida


- Embreagem E
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O

BSB0312A_799 1
H

(1) Placas de embreagem (6 unidades) (2) Placa terminal


(3) Anel de trava (4) Cubo
N

(5) Rolamento (6) Anel de trava


(7) Rolamento (8) Anel de trava
(9) Copinho do anel de trava (10) Arruelas cônicas (6 unidades)
C

(11) Arruela chata (12) Vedação interna e externa do pistão


(13) Pistão (14) Carcaça

NOTA: A substituição do lacre do pistão e o procedimento para desmontar e remontar as embreagens multi-disco
é a mesma para cada embreagem. Consulte a desmontagem da embreagem 'A' e a visualização expandida da
embreagem relevante.

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 12
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida


- Embreagem F
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O

BSB0316A_800 1
H

(1) Anel de trava (2) Placa terminal


(3) Placas de embreagem (4) Cubo (fixo ao eixo superior)
N

(5) Carcaça (6) Pistão


(7) Vedação interna e externa do pistão (8) Arruela chata
(9) Arruelas cônicas (8 unidades) (10) Copinho do anel de trava
C

(11) Anel de trava (12) Rolamento

NOTA: Observação: A substituição do lacre do pistão e o procedimento para desmontar e remontar as embreagens
multi-disco é a mesma para cada embreagem. Consulte a desmontagem da embreagem 'A' e a visualização expan-
dida da embreagem relevante.

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 13
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida


- Embreagem S
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O

BRI3761B 1
H

(1) Carcaça (2) Pistão


(3) Vedação interna e externa do pistão (4) Arruela chata
(5) Arruelas cônicas (12 unidades) (6) Copinho do anel de trava
N

(7) Anel de trava (8) Arruela


(9) Arruela do defletor de óleo (10) Rolamento
(11) Espaçador (12) Rolamento
C

(13) Conjunto de engrenagem e cubo (14) Vedação


(15) Anel de trava externo da placa terminal (16) Anel de trava interno da placa terminal
(17) Placa terminal (18) Placas de embreagem

NOTA: Observação: A substituição do lacre do pistão e o procedimento para desmontar e remontar as embreagens
multi-disco é a mesma para cada embreagem. Consulte a desmontagem da embreagem 'A' e a visualização expan-
dida da embreagem relevante.

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 14
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida


- Embreagem M
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O

BRI3762B 1
H

(1). Rolamento (2) Anéis de vedação


(3) Carcaça (4) Pistão
(5) Vedação interna e externa do pistão (6) Arruela chata
N

(7) Arruelas cônicas (12 unidades) (8) Copinho do anel de trava


(9) Anel de trava (10) Anéis de trava da placa terminal
(11) Placa terminal (12) Porca
C

(13) Rolamento (14) Rolamento do cubo


(15) Cubo (16) Vedação
(17) Calço (18) Rolamento do cubo
(19) Arruela (20) Disco de fricção (12 unidades)
(21) Placa de transmissão de aço (12 unidades)

NOTA: A substituição do lacre do pistão e o procedimento para desmontar e remontar as embreagens multi-disco
é a mesma para cada embreagem. Consulte a desmontagem da embreagem 'A' e a visualização expandida da
embreagem relevante.

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 15
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida


- Embreagem R
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O

BSB0314A 1
H

(1) Anéis de vedação (2) Carcaça


(3) Pistão (4) Vedação interna e externa do pistão
N

(5) Arruela chata (6) Arruelas cônicas (12 unidades)


(7) Anel de trava (8) Copinho do anel de trava
(9) Anéis de trava da placa terminal (10) Placa terminal
C

(11) Eixo (12) Rolamento


(13) Arruela chanfrada (chanfrado na direção do cubo) (14) Espaçador
(15) Arruela do defletor de óleo (16) Rolamento
(17) Espaçador (18) Cubo
(19) Vedação (20) Rolamento
(21) Arruela (22) Placas de embreagem (12 unidades)

NOTA: A substituição do lacre do pistão e o procedimento para desmontar e remontar as embreagens multi-disco
é a mesma para cada embreagem. Consulte a desmontagem da embreagem 'A' e a visualização expandida da
embreagem relevante.

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 16
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

Embreagem - Reforma
PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Consulte Transmissão Powershift - Desmontar (21.113).

EMBREAGEM 'A'
1. Retire o anel de fixação (1), o anel de trava interno do
rolamento e recupere os cubos das embreagens A e B
junto com o rolamento, os discos da embreagem A e
as molas de centralização.

LY
23387_794 1

2. Remova a vedação (3).


N
O
H
N

23388_98 2
C

3. Retire o anel (5) de trava interno da parte externa da


embreagem A, retire a embreagem A da capa. Retire
o anel de trava externo (4) para recuperar o rolamento.

23389_99 3

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 17
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

4. Posicione a ferramenta no. 380000291 (2) e a fer-


ramenta de extração no. 380000546 (1) com um
comprimento de 300  mm e posicione as abraçadeiras
de extração no. 380000547 com um comprimento
de 300  mm na embreagem A (5), gire o parafuso da
ferramenta para comprimir a embreagem; libere as
molas bellevile e retire o anel de retenção. Desmonte
a ferramenta no. 380000291 (2) e o extrator (1) e
retire as molas Belleville.

23390_795 4

5. Posicione a carcaça da embreagem A na capa (2), so-


pre ar comprimido no orifício de controle da entrada de
óleo e retire o pistão (1).
As vedações do pistão devem ser retiradas cuidadosa-
mente usando uma pequena chave de fenda. Instale
novas vedações no pistão, usando somente os dedos.

LY
Para instalar o pistão, aplique uma camada generosa
de vaselina às vedações do pistão e orifício da carcaça,
e usando um adaptador adequado sobre o pistão, pres-
sione-o para dentro da carcaça. Certifique-se de que o
pistão permaneça quadrado em relação ao orifício da
N
carcaça durante a instalação.
NOTA: Recomenda-se que as vedações externas do
O
pistão estejam comprimidas após a instalação no pistão,
23391_101 5
usando um calço de aço e um grampo jubileu e, em
seguida, colocado em um freezer durante a noite, antes
da instalação da carcaça da embreagem.
H

Instalação da mola Belleville


6. Empilhe as molas Belleville em uma superfície plana.
N

7. Deslize através de uma ferramenta de compressão de


anel de pistão adequada e aperte a ferramenta para
alinha as molas, (1).
C

BSI7707A 6

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 18
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

8. Onde adequado, os anéis de montagem da arruela Bel-


leville devem ser assentado em todos os quatro espa-
ços de montagem, (1). Onde adequado, o anel de
montagem deverá poder girar em relação ao pistão.
Isto é para garantir que a força das molas ajam con-
centricamente no pistão da embreagem.
NOTA: A embreagem reversa tem um anel de montagem
específico. O anel deve se equipado com ranhuras para
lubrificação voltadas para as molas Belleville.

BSI7708A 7

9. Coloque a pilha de molas belleville completa, com a


ferramenta de compressão através do eixo (2).
10. Usando a ferramenta especial 380000291 (1), com-
prima as molas e ajuste o anel de retenção e o anel
de trava.

LY
NOTA: Uma extensão será necessária ao executar este
procedimento na embreagem lenta.
11. Solte a ferramenta de compressão do anel do pistão.
12. Solte cuidadosamente a compressão nas molas Bel-
N
leville.
O
H
N
C

BSI7709A 8

13. Usando um esquadro adequado, verifique o alinha-


mento das molas Belleville nos três lados.

BSI7710A 9

14. Se for necessário reinstalar os rolamentos do eixo da


embreagem, certifique-se de que os rolamentos fi-
quem com os entalhes na borda externa, contra os
anéis trava.

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 19
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

15. Ao medir a folga axial nos eixos de saída Rá-


pido/Lento e médio, usando a ferramenta especial
380000458, um tubo adequado poderá ser usado no
manípulo para ajudar na tarefa. Enquanto faz isso,
bata levemente no eixo secundário com um martelo
de madeira macio para garantir que toda a folga axial
seja medida.
16. Garanta que, ao remontar a embreagem média, que
a proteção da lubrificação (1), esteja voltada com a
borda virada para o lado oposto do conjunto da em-
breagem.

LY
BSI7711A 10

17. Ao remontar a embreagem A dentro da capa, verifique


se o anel de trava não está interferindo com o orifício
do dreno de óleo da lubrificação, (1).
N
O
H
N

BSI7712A 11

Consulte em Componentes internos da transmissão


Powershift - Vista explodida - Embreagem A (21.155)
C

Consulte em Componentes internos da transmissão


Powershift - Vista explodida - Embreagem B (21.155)

Ajuste do rolamento cônico do cubo da embreagem 'C'


Consulte em Componentes internos da transmissão
Powershift - Vista explodida - Embreagem C (21.155)

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 20
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

18. Monte o cubo da embreagem 'C' na ferramenta espe-


cial, 380000497, posicione os rolamentos, o espaça-
dor e o calço original. Aperte o parafuso da ferra-
menta especial à 140  Nm.

BSB0320A_796 12

19. Enrole um comprimento de linha em torno da menor


das duas engrenagens e fixe a uma balança de mola
adequada. Meça a distância de rolagem dos rolamen-
tos durante a rotação, não no ponto onde a rotação
começa.
A resistência da rolagem deverá ser igual à 0.5 -

LY
0.8  Kg na balança da mola. Se estiver fora das espe-
cificações, instale um pequeno calço para aumentar
a resistência ou um calço mais espesso para reduzir
a resistência.
N
O
BSB0323A_797 13

20. O rolamento, item (7), só pode ser instalado de uma


forma, porque há um entalhe para o anel de trava,
item (6).
H

Consulte em Componentes internos da transmissão


Powershift - Vista explodida - Embreagem D (21.155)
N

21. O rolamento, item (7), só pode ser instalado de uma


forma, porque há um entalhe para o anel de trava,
item (6).
C

Consulte em Componentes internos da transmissão


Powershift - Vista explodida - Embreagem E (21.155)

Retirada do rolamento final (item 12)


Consulte em Componentes internos da transmissão
Powershift - Vista explodida - Embreagem F (21.155)

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 21
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

22. A fim de retirar as arruelas côncavas e pistão, é ne-


cessário remover o rolamento final.

BTB0133A 14

Retirada do rolamento final (item 10)


Consulte em Componentes internos da transmissão
Powershift - Vista explodida - Embreagem S (21.155)
23. A fim de retirar as arruelas côncavas e pistão, é ne-

LY
cessário remover o rolamento final.
N
O
H

BRI3764B 15
N

Retirada do rolamento final (item 13)


Consulte em Componentes internos da transmissão
Powershift - Vista explodida - Embreagem M (21.155)
C

24. A fim de retirar as arruelas côncavas e pistão, é ne-


cessário remover o rolamento final.

BTB0137A 16

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 22
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

Ajuste do rolamento cônico do cubo da embreagem média


25.
Monte o cubo da embreagem média na ferramenta
especial, 380000497, posicione os rolamentos, o
espaçador e o calço original. Aperte o parafuso da
ferramenta especial à 140  Nm.

BSB0319A 17

26. Enrole um comprimento de linha em torno da engre-


nagem, e fixe a uma balança de mola adequada.
Meça a distância de rolagem dos rolamentos durante
a rotação, não no ponto onde a rotação começa.
A resistência da rolagem deverá ser igual à 0.7 -

LY
1.2  Kg na balança da mola. Se estiver fora das espe-
cificações, instale um pequeno calço para aumentar
a resistência ou um calço mais espesso para reduzir
a resistência.
N
O
BSB0318A 18

27. Durante a desmontagem da embreagem reversa é


necessário remover o anel de trava do fim do eixo.
H

(1).
N
C

BSI7706A 19

Consulte em Componentes internos da transmissão


Powershift - Vista explodida - Embreagem R (21.155)

Operação seguinte:
Consulte Transmissão Powershift - Montar (21.113).

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 23
Transmissão - Componentes internos da transmissão Powershift

Embreagem - Teste
PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Consulte Transmissão Powershift - Montar (21.113).

1. Nesse ponto, recomenda-se testar os conjuntos da


embreagem usando ar comprimido.
Instale anéis 'O' nas passagens, figure 1
Use um adaptador de teste de pressão apropriado co-
nectado a uma linha de ar com uma torneira para li-
gar/desligar e um manômetro para testar cada embrea-
gem.
(1) 380000449 para testar as embreagens A, B, F e S
(2) 380000450 para testar as embreagens C, D e E
(3) 380000451 para testar as embreagens M e R
Para testar as embreagens, certifique-se de que a tor-
neira está fechada. Posicione firmemente o adaptador
na passagem da embreagem a ser testada.
Abra e feche rapidamente a válvula e observe a queda
no manômetro; ouça o ar escapando.

LY
Uma boa embreagem verá uma queda suave e contí-
nua da pressão no manômetro. Uma embreagem com
a vedação fraca mostrará uma queda imediata na pres-
são quando o ar estiver fechado e o som de ar esca-
pando também será ouvido.
N
NOTA: Ao realizar esse teste, é importante que um lacre
hermético seja mantido entre a porta de teste e o adapta-
O
dor de pressão do teste. Se o lacre de borracha no termi-
nal do adaptador estiver desgastado, ele deverá ser sub-
stituído antes do teste ser realizado.
H
N

BSE2614A 1
C

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 24
Índice

Transmissão - 21

Componentes internos da transmissão Powershift - 155


Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida - Embreagem S . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 14
PUMA 205, PUMA 225
Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225
Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida - Embreagem A . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8
PUMA 205, PUMA 225
Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida - Embreagem B . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9
PUMA 205, PUMA 225
Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida - Embreagem C . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10
PUMA 205, PUMA 225
Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida - Embreagem D . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11
PUMA 205, PUMA 225
Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida - Embreagem E . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 12
PUMA 205, PUMA 225

LY
Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida - Embreagem F . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 13
PUMA 205, PUMA 225
Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida - Embreagem M . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 15
PUMA 205, PUMA 225
Componentes internos da transmissão Powershift - Vista explodida - Embreagem R . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 16
PUMA 205, PUMA 225
N
Embreagem - Reforma . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 17
PUMA 205, PUMA 225
Embreagem - Teste . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 24
PUMA 205, PUMA 225
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 25
LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.3 [21.155] / 26
Transmissão - 21

Super-redutor - 160

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
21.4 [21.160] / 1
Conteúdo

Transmissão - 21

Super-redutor - 160

DADOS FUNCIONAIS

Super-redutor
Vista explodida . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.4 [21.160] / 2
Transmissão - Super-redutor

Super-redutor - Vista explodida


PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
bsg6982a 1
Marcha do redutor de velocidade
H

(1) Carcaça (4) Disco estriado


(2) Disco estriado (5) Placa
(3) Engrenagem epicicloidal (6) Anel de trava
N
C

84417650A 31/07/2013
21.4 [21.160] / 3
Índice

Transmissão - 21

Super-redutor - 160
Super-redutor - Vista explodida . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.4 [21.160] / 4
LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
21.4 [21.160] / 5
Av. Juscelino K. de Oliveira, 11825, CIC - Curitiba (PR) - Brasil, CEP:81170-901

SERVICE - Technical Publications & Tools

LY
N
IMPRESSO NO BRASIL
O
© 2013 CNH GLOBAL N.V.
H

Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do texto e das ilustrações desta publicação.
N
C

É política da CASE IH o contínuo melhoramento dos seus produtos, reservando-se o direito à alteração de preços,
especificações ou equipamentos, em qualquer altura, sem notificação prévia.

Todos os dados fornecidos na presente publicação estão sujeitos a variações de produção. Os valores referentes a
dimensões e pesos são meramente aproximados e as ilustrações não representam necessariamente produtos em
condições padrão. Para obter informações precisas sobre um produto específico, consulte a sua Concessionária
CASE IH.

84417650A 31/07/2013
PT-BR
MANUAL DE SERVIÇO
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD)

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
23
Conteúdo

Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - 23

[23.202] Controle eletroidráulico . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 23.1

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
23
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - 23

Controle eletroidráulico - 202

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 1
Conteúdo

Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - 23

Controle eletroidráulico - 202

DADOS TÉCNICOS

Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD)


Especificações gerais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225

Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225

LY
DADOS FUNCIONAIS

Controle eletroidráulico
Vista seccional . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225
N
Descrição estática . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225
O
Descrição dinâmica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7
PUMA 205, PUMA 225

Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD)


Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Vista explodida . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9
H

PUMA 205, PUMA 225

Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Vista explodida . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10


PUMA 205, PUMA 225
N

SERVIÇO
C

Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD)


Remoção Embreagem 4WD . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11
PUMA 205, PUMA 225

Desmontar Embreagem 4WD . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 14


PUMA 205, PUMA 225

Reforma . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 18
PUMA 205, PUMA 225

Montar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 19
PUMA 205, PUMA 225

Instalar Embreagem 4WD . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 24


PUMA 205, PUMA 225

Remoção - Retirada da embreagem 4WD sem separar a transmissão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 27


PUMA 205, PUMA 225

Instalar Procedimento para a instalação da embreagem 4WD . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 33


PUMA 205, PUMA 225

DIAGNÓSTICO

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 2
Controle eletroidráulico
Detecção e solução de problemas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 45
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 3
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Especificações


gerais
PUMA 205, PUMA 225

ESPECIFICAÇÕES DA EMBREAGEM ELETRO-HIDRÁULICA PARA FWD MFD


Razão da redução - : 45/60 = 1:333
Discos impulsionados pela embreagem 10
Discos do acionador da embreagem 9
Espessura dos discos impulsionados pela 1.7 - 1.8  mm
embreagem
Espessura do disco de acionamento da 1.5 - 1.55  mm
embreagem
Altura livre da mola Belleville (uma) 9.35 - 9.8  mm

Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Torque


PUMA 205, PUMA 225

Aplique o vedante de gaxeta flexível 8295771 Loctite 574 na face de montagem da cobertura.

LY
N
O
H

BSE2489A 1
N
C

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 4
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

Controle eletroidráulico - Vista seccional


PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
BAIL08CVT379AVA 1

1. Engrenagem de acionamento 7. Lacres


H

2. Arruela Belleville 8. Vedações do pistão


3. Anel de retenção 9. Pistão
4. Eixo do pinhão 10. Placas da embreagem
N

5. Coletor de alimentação 11. Engrenagem acionada


6. Pino de retenção do coletor de alimentação 12. Eixo de acionamento
C

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 5
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

Controle eletroidráulico - Descrição estática


PUMA 205, PUMA 225

A tração na roda frontal é acionada por meio do interruptor


localizado no no apoio de braço.

BAIL08CVT371AVA 1

Quando a tração na roda frontal é selecionada, a válvula


solenoide FWD MFD (1), figura 2, no bloco da válvula
do distribuidor de baixa pressão do eixo traseiro está na
posição de descarga (desenergizada).

LY
O óleo de dentro do pistão de controle (9), figura 3, é
aberto para drenagem através da válvula solenóide FWD
MFD.
N
O

BSD2177B 2
H
N
C

BAIL08CVT379AVA 3

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 6
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

Controle eletroidráulico - Descrição dinâmica


PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
BAIL08CVT380FVA 1
Embreagem da placa multidisco da tração nas quatro rodas (engatada)
H

1. Engrenagem de acionamento 4. Placas da embreagem


2. Pistão de controle 5. Engrenagem acionada
3. Arruela Belleville 6. Eixo de acionamento
N

Chave de cores da ilustração


C

A. Retornar ao reservatório
B. Lubrificação

Quando a solenoide da embreagem de tração nas quatro rodas estiver desenergizada e a arruela Belleville (3) aplicar
força ao pistão de controle (2), o qual comprime a fricção e placas de embreagem de aço (4). O acionamento é trans-
ferido da engrenagem de acionamento (1) montada no pinhão do eixo traseiro para a engrenagem de acionamento
(5) e, através da embreagem, para o eixo frontal através do eixo de acionamento (6).

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 7
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

LY
N
BAIL08CVT381FVA 2
Embreagem da placa multidisco da tração nas quatro rodas (desengatada)
O
1. Engrenagem de acionamento 4. Placas da embreagem
2. Pistão de controle 5. Engrenagem acionada
3. Arruela Belleville 6. Eixo de acionamento
H

Chave de cores da ilustração


N

A. Circuito de baixa pressão


B. Lubrificação
C

Quando a solenoide da embreagem de tração nas quatro rodas estiver energizada, o óleo do circuito de pressão
baixa será fornecido à face do pistão de controle (2).

A pressão do óleo na face do pistão move o pistão (2) de volta contra a força aplicada pela arruela Belleville (3),
liberando a pressão nas placas de embreagem (4).

A engrenagem acionada (5) pode agora girar livremente sem transferir o acionamento através da embreagem para
o eixo de acionamento (6). O óleo de lubrificação agora flui livremente entre a fricção e as placas de aço (4).

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 8
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Vista explodida


PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
BSD2254A 1
Embreagem de transferência hidráulica-elétrica
H

1. Anel de retenção 11. Luva


2. Calços 12. Anel do rolamento
3. Anel do rolamento 13. Rolamento
N

4. Rolamento 14. Cobertura


5. Eixo 15. Placas da embreagem e separadores (8 de cada)
6. Espaçador 16. Espaçador
C

7. Pistão 17. Anel de retenção


8. Carcaça do pistão 18. Engrenagem de acionamento
9. Mola Belleville 19. Cobertura
10. Porca

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 9
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Vista explodida


PUMA 205, PUMA 225

BSD2253A 1
Unidade do pistão

1. Porca 4. Vedação
2. Mola Belleville 5. Pistão

LY
3. Carcaça do pistão

N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 10
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Remoção


Embreagem 4WD
PUMA 205, PUMA 225

CUIDADO
Evite lesões!
Manuseie todas as peças com cuidado. Não coloque as mãos ou os dedos entre peças em movimento.
Use Equipamento de proteção pessoal (PPE) conforme o indicado neste manual, incluindo óculos de
proteção, luvas e calçados de segurança.
O descumprimento pode resultar em morte ou ferimentos graves.
W0208A

Operação anterior:
Desconecte a transmissão do eixo traseiro; para mais informações, consulte Alojamento da transmissão - Desco-
nexão (21.113)

1. Retire o coletor do eixo traseiro.


NOTA: Prepare-se para um pouco de perda de óleo

LY
quando o coletor for retirado.
N
O

BAIL08CVT394AVA 1
H

2. Recupere o pino de fixação do coletor de alimentação


do óleo (1) e o lacre do O-ring (2).
N
C

BAIL08CVT388AVB 2

3. Retire a proteção interna da embreagem.

BAIL08CVT322AVA 3

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 11
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

4. Retire a luva deslizante do eixo de acionamento da


embreagem 4WD.

BAIL07APH546AVA 4

5. Retire o anel de trava do eixo de acionamento da em-


breagem 4WD (1) e os calços (2).

LY
N
BSD2307A 5
O
6. Usando um martelo deslizante (1) 380000549
380000549 e um adaptador (2) 380000479
380000479, retire parcialmente o eixo de acionamento
da embreagem 4WD (3).
H
N
C

BSD2249A 6

AVISO: Quando o eixo de acionamento tiver sido movido para a frente, a embreagem 4WD terá que ser sustentada.
7. Recupere a tampa do rolamento (1), enquanto sus-
tenta a carcaça da embreagem 4WD. Retire totalmente
o eixo de acionamento 4WD (2).

BSD2250A 7

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 12
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

8. Retire a embreagem 4WD.

BSD2252A 8

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 13
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Desmontar


Embreagem 4WD
PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Retire e embreagem 4WD; para mais informações, consulte Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD)
- Remoção Embreagem 4WD (23.202)

1. Solte a porca de fixação (1).

2. Usando a ferramenta especial 380000984 (1) e uma


prensa hidráulica adequada, comprima a arruela Bel- LY BVF0965A 1
N
leville. Usando a ferramenta especial 380000984 (2),
retire a porca de fixação (3).
O
NOTA: Verifique se a porca de fixação está totalmente
solta ou poderão ocorrer danos às roscas.
H
N

BVF0966A 2
C

3. Retire as ferramentas especiais e a arruela belleville


(1).

BVF0967A 3

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 14
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

4. Gire a unidade da embreagem.


Retire a engrenagem acionada.

BAIL07APH552AVA 4

5. Retire o anel de trava da placa da embreagem.

LY
N
BAIL07APH553AVA 5

6. Retire a placa terminal.


O
H
N
C

BAIL07APH554AVA 6

7. Retire os discos de fricção e as placas de aço.

BAIL07APH555AVA 7

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 15
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

8. Retire a placa de pressão.

BAIL07APH556AVA 8

9. Retire o pistão do suporte do lacre do óleo.


NOTA: Aplique pressão equilibrada ao pistão.

LY
N
BAIL07APH557AVA 9

10. Usando uma prensa hidráulica adequada, retire o eixo


O
do suporte do lacre do óleo.
H
N
C

BAIL07APH558AVA 10

11. Retire o lacre do óleo do eixo.

BAIL07APH559AVA 11

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 16
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

12. Retire o lacre do óleo do suporte.

BAIL07APH560AVA 12

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 17
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Reforma


PUMA 205, PUMA 225

1. Separe e inspecione todos os componentes.


Consulte vista explodida em : Embreagem da Tração nas
rodas dianteiras (FWD) - Vista explodida (23.202)
Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) -
Vista explodida (23.202)
2. Remonte a unidade do pistão e placas da embreagem
(Itens 6, 7, 8, 10, 15, 16, 17, figura img1 ). Não instale
a mola Belleville (item 9) nesse ponto.
Espace igualmente o calibre apalpador 1.2  mm entre
a carcaça do pistão e o espaçador.
Pressione a carcaça do pistão contra as placas da em-
breagem e aparafuse a porca até que toque na carcaça
do pistão

3. Usando uma escala vernier, meça a posição da face


LY BSD2278A 1
N
da porca em relação ao topo da unidade e faça uma
marca de alinhamento na porca e na carcaça.
O
H
N
C

BSD2277A 2

4. Remonte totalmente a embreagem completa com a


mola Belleville e aparafuse a porca à mesma dimen-
são medida na etapa inst5. Realinhe as marcas na
porca e na carcaça. As marcas feitas no passo inst5
garantem que a porca esteja posicionada exatamente
no mesmo local.
NOTA: Para ajudar no aperto da porca, o eixo serrado
pode ser mantido em um alicate com pinças suaves.

BSD2276A 3

Operação seguinte:
Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Instalar (23.202)

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 18
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Montar


PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Desmonte a embreagem; para mais informações, consulte Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) -
Desmontar (23.202)

1. Instale um novo lacre de óleo no suporte.

BAIL07APH560AVA 1

LY
2. Instale um novo lacre de óleo no eixo.
N
O
H

BAIL07APH559AVA 2
N

3. Usando uma prensa hidráulica adequada, instale o su-


porte do lacre de óleo no eixo.
C

BAIL07APH558AVA 3

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 19
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

4. Instale o suporte do lacre de óleo no pistão.

BAIL07APH557AVA 4

5. Instale a placa de pressão.

LY
N
BAIL07APH556AVA 5

6. Instale a fricção da embreagem e placas de aço.


O
H
N
C

BAIL07APH555AVB 6

7. Instale a placa terminal.

BAIL07APH554AVA 7

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 20
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

8. Instale o anel de trava.

BAIL07APH553AVA 8

9. Instale a engrenagem acionada.

LY
N
BAIL07APH552AVB 9

10. Instale a arruela Belleville (1).


O
H
N
C

BVF0967A 10

11. Instale a porca de fixação sem apertar (1).

BVF0965A 11

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 21
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

12. Usando a ferramenta especial 380000984. (1) e uma


prensa hidráulica adequada, comprima a arruela Bel-
levile com uma força de 2000 - 2200  Kg ( 4410 -
4850  lbs). Usando a ferramenta especial 380000984
(2), aperte a porca de fixação (3) com o valor do tor-
que especificado de 15 - 25  Nm ( 11 - 18  lbf. ft).

BVF0966A 12

13. Retire as ferramentas especiais.


Faça uma marcação de referência (1) no eixo do lado
oposto do corte (A).
Faça uma marca de alinhamento (2) na porca de fi-
xação 210  ° (3.5 planos) no sentido horário da marca
de referência (1) no meio entre os cortes (D) e (E).

LY
N
O
BVF0978A 13

14. Usando uma ferramenta especial 380000984 e uma


prensa hidráulica adequada, comprima a arruela Bel-
levile com uma força de 2000 - 2200  Kg ( 4410 -
H

4850  lbs).
Usando a ferramenta especial 380000984, gire a
porca de fixação no sentido anti-horário até que a
N

marca de alinhamento (2) esteja alinhada à marca de


referência (1).
C

BVF0979A 14

15. Libere a pressão na prensa hidráulica e retire as fer-


ramentas especiais.

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 22
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

16. Fixe a porca de fixação (1).

BVF0965A 15

Operação seguinte:
Instale a embreagem; para mais informações, consulte Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) -
Instalar (23.202)

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 23
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Instalar


Embreagem 4WD
PUMA 205, PUMA 225

CUIDADO
Evite lesões!
Manuseie todas as peças com cuidado. Não coloque as mãos ou os dedos entre peças em movimento.
Use Equipamento de proteção pessoal (PPE) conforme o indicado neste manual, incluindo óculos de
proteção, luvas e calçados de segurança.
O descumprimento pode resultar em morte ou ferimentos graves.
W0208A

1. Posicione a unidade da embreagem 4WD.

LY
N
BSD2252A_139 1

2. Instale parcialmente o eixo do acionamento da em-


O
breagem 4WD (2), instale a tampa do rolamento (1),
H
N
C

BSD2250A 2

3. Instale totalmente o eixo da embreagem 4WD.

BAIL08CVT395AVA 3

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 24
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

4. Instale os calços (2) e o anel de trava de fixação do


eixo da embreagem de acionamento 4WD (1).

BSD2307A 4

5. Usando um medidor de indicação de teste por disca-


gem e um adaptador roscado adequado M8 x 1.25,
aparafusado ao fim do eixo de acionamento da tração
4WD, empurre e puxe o eixo para medir a flutuação fi-
nal.
A flutuação final deve ser 0.05  mm. Se estiver fora das

LY
especificações, adicione ou retire os calços de acordo
com o passo anterior.
N
O
BSE2396A 5

6. Instale a luva no eixo de acionamento da embreagem


4WD.
H
N
C

BAIL07APH546AVB 6

7. Instale a proteção interna da embreagem 4WD

BAIL08CVT322AVA 7

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 25
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

8. Limpe profundamente e retire a graxa da carcaça


do eixo traseiro e das superfícies de acoplamento
do recipiente do eixo. Aplique um selador de gaxeta
82995771 Loctite 574 de acordo com o padrão mos-
trado.

24059_115 8

9. Instale o pino de fixação do coletor de alimentação do


óleo (1) e o lacre do O-ring (2).

LY
N
BAIL08CVT388AVB 9
O
10. Instale o coletor do eixo traseiro.
Aperte os parafusos com 47  Nm (35  lb ft).
H
N
C

BAIL08CVT394AVA 10

Operação seguinte:
Conecte a transmissão ao eixo traseiro; para mais informações, consulte Alojamento da transmissão - Conectar
(21.113)

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 26
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Remoção -


Retirada da embreagem 4WD sem separar a transmissão
PUMA 205, PUMA 225

1. Remova o eixo de acionamento do eixo frontal.

BAIL10CCM155ASA 1

2. Drene completamente o óleo do eixo traseiro.

LY
Remova também o tampão localizado na parte inferior
da transmissão (1).
NOTA: Consulte o volume da transmissão em Consumí-
veis ()
N
O
H

BAIL08CVT394AVA 2

3. Remova a barra de tração.


N

4. Retire a carcaça da Tomada de Força (PTO)


C

BSD2300A 3

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 27
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

5. A traseira do eixo da embreagem 4wd pode agora ser


acessada.

BAIL10CCM156ASA 4

6. Remova o carter de óleo da transmissão.

LY
N
BAIL08CVT394AVA 5

7. Remova o protetor interno da embreagem.


O
H
N
C

BAIL08CVT322AVA 6

8. Retire os parafusos e retire a tampa da frente da trans-


missão.

BAIL10CCM180ASB 7

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 28
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

9. Remova o retentor do eixo.


NOTA: O retentor é destruído durante a remoção.

BAIL10CCM159ASA 8

10. Remova o anel trava (1). Remova o eixo (2).


NOTA: Ao retirar esse eixo, é preciso ter cuidado extra
a fim de que o tubo de conexão permaneça no eixo da
embreagem 4WD.
NOTA: Se esse tubo de conexão for deixado cair na car-
caça da transmissão, ela terá que ser desconectada para

LY
recuperá-lo.
N
CUIL13TR00306AA 9

11. Segure a luva (1) e retire o eixo (2).


O
NOTA: Será necessário duas pessoas para realizar esta
tarefa.
H
N
C

CUIL13TR00305AA 10

12. Remova o colar (1) de conexão da transmissão (colar


retirado do eixo).

BAIL10CCM160ASA 11

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 29
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

13. Remova cuidadosamente o anel trava (1) e os calços


(2) da frente da embreagem.

BSD2307A 12

14. Utilize uma alavanca apoiada à parte traseira da em-


breagem para remover parcialmente o eixo (2). Sus-
penda a embreagem e retire a pista externa (1) do
rolamento.
NOTA: Será necessário duas pessoas para realizar esta

LY
tarefa.

N
O
BSD2250A 13

15. Sustente a embreagem (1).


H
N
C

BAIL10CCM176ASA 14

16. Remova o eixo (1).

BAIL10CCM177ASB 15

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 30
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

17. Remova a embreagem (1) da carcaça da transmis-


são.

BAIL10CCM175ASB 16

18. Remova o eixo da carcaça da transmissão.

LY
N
BAIL10CCM178ASA 17

19. Remova o rolamento da transmissão.


O
H
N
C

BAIL10CCM164ASA 18

20. Remova o pino (1) e o anel O-ring (2).

BAIL08CVT388AVB 19

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 31
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

21. Usando um martelo adequado, retire o coletor de ali-


mentação de óleo (1) e o rolamento (2).

BVF0887A 20

Operação seguinte:
Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Desmontar Embreagem 4WD (23.202)
Operação seguinte:
Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Reforma (23.202)

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 32
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Instalar


Procedimento para a instalação da embreagem 4WD
PUMA 205, PUMA 225

Quando a transmissão não for desconectada, o rolamento


da carcaça externa será difícil de acessar e, por isso, uma
ferramenta especial, figura 1, precisa ser fabricada para
ajudar na instalação da carcaça externa do rolamento de
volta para a carcaça da transmissão. As partes são mos-
tradas abaixo.

LY
BAIL10CCM193ASB 1
A ferramenta compreende três partes, (A), (B) e (C) e figuras 2, 3 e 4 mostram as especificações para
N
criar cada parte.
O
H
N
C

BAIL10CCM190ASA 2

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 33
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

LY
N
BAIL10CCM191ASA 3
O
H
N
C

BAIL10CCM192ASA 4

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 34
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

1. Instale o coletor da alimentação de óleo (1) à carcaça


do eixo traseiro.
Verifique se o orifício (4) no coletor de alimentação do
óleo está alinhado ao orifício (2) na carcaça do eixo
traseiro.
Recomenda-se que a vaselina seja usada para manter
os lacres no lugar e também para ajudar a montagem.

BAIL10CCM181ASA 5

2. Instale o pino de fixação do coletor de alimentação do


óleo (1) e um novo O‐ring (2)
A vaselina pode ser usada para manter o pino na po-
sição.

LY
N
BAIL08CVT388AVB 6

3. Instale o rolamento traseiro na carcaça. O uso de va-


O
selina pode ajudar a manter o rolamento na posição,
ao instalar a embreagem 4wd.
H
N
C

BAIL10CCM164ASA 7

4. Coloque o eixo da embreagem 4wd na carcaça da


transmissão. Use vaselina nos lacres para mantê-los
no lugar e ajudar na montagem.

BAIL10CCM178ASA 8

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 35
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

5. Levante a embreagem 4wd para a posição correta.


Pode ser de ajuda, sustentar a embreagem em um ma-
caco em carrinho.

BAIL10CCM175ASA 9

6. Deslize o eixo da embreagem 4wd de volta através da


embreagem para mantê-lo em posição

LY
N
BAIL10CCM177ASA 10
O
7. Embreagem instalada.
H
N
C

BAIL10CCM163ASA 11

8. Instale a carcaça externa do rolamento dianteiro (1) e


instale totalmente o eixo da embreagem 4wd.
os passos a seguir mostram como usar a ferramenta
especial fabricada localmente, montada nas instruções
anteriores.
NOTA: A ilustração mostra a transmissão removida, para
melhor visualização.

BSD2250A 12

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 36
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

9. Com a embreagem 4wd instalada de volta na trans-


missão, coloque a carcaça externa do rolamento no-
vamente na posição.
Coloque a carcaça externa do rolamento de volta na
posição. Se a carcaça não entrar totalmente em po-
sição, a ferramenta fabricada localmente terá que ser
usada para bater levemente a carcaça externa em po-
sição.

BAIL10CCM182ASA 13

10. Instale a parte A e depois a parte B, através do fundo


da transmissão, no eixo da embreagem 4wd. Instale a
parte A primeiro, de forma que fique posicionada con-
tra a carcaça externa do rolamento, como mostrado.
Em seguida, instale a parte B no eixo para ficar posi-
cionada contra a parte A.

LY
N
BAIL10CCM184ASB 14
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 37
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

11. Instale a parte C através da parte dianteira da trans-


missão, na parte B, como mostrado abaixo. Um mar-
telo com face de cobre pode, então, ser usado para
bater levemente na ponta da parte C, a fim de colocar
a carcaça externa do rolamento em posição. Após o
posicionamento, a ferramenta pode ser removida e os
calços e grampo de fixação colocados nos lugares.

LY
N
O
H

BAIL10CCM185ASA 15
N

12. Instale os calços (2) que foram retirados e o grampo


de fixação (1). Verifique se o grampo de fixação está
corretamente assentado.
C

NOTA: A ilustração mostra a transmissão removida, para


melhor visualização.

BSD2307A 16

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 38
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

13. Usando um relógio comparador meça a folga axial do


eixo da embreagem 4wd.

BAIL10CCM169ASA 17

Recomenda-se posicionar o relógio comparador como


mostrado acima, no final do eixo. Coloque o relógio com-
parador em um lado do eixo, de forma que haja espaço
suficiente para colocar uma pequena barra como alavanca
no outro lado, para mover o eixo e verificar a folga axial.

LY
N
BAIL10CCM170ASA 18

Meça a folga axial, empurrando o eixo totalmente para


O
frente e, depois, posicionando o relógio comparador com
uma pré-carga e levantando o eixo gentilmente de volta. A
folga final deve ser de 0.05  mm. Se estiver fora das espe-
cificações, adicione ou retire calços de acordo, como na
H

figura 12.
N
C

BAIL10CCM186ASB 19

14. Instale cuidadosamente o colar de conexão de volta


no eixo da embreagem 4WD.

BAIL10CCM160ASA 20

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 39
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

15. Instale o eixo 4wd (15) de volta na carcaça. É mais


fácil, se uma pessoa instalá-lo da frente para trás e
uma segunda pessoa guiá-lo para o colar de conexão.

BAIL10CCM189ASB 21

16. Instale o anel de trava. Certifique-se do assenta-


mento correto.

LY
N
O
BAIL10CCM168ASA 22

17. Insira o novo anel de lacre da caixa. Recomenda-se


H

usar a corrente 380200085 até que esteja no final.


NOTA: Se a corrente 380200085 não for usada, o lacre da
caixa pode ser danificado e destruído.
N
C

BAIL10CCM171ASA 23

BAIL10CCM167ASA 24

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 40
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

BAIL10CCM187ASB 25

18. Encaixe a tampa, insira os parafusos e aperte com


48.5  N·m

LY
N
BAIL10CCM180ASB 26

19. Instale a proteção interna da embreagem 4wd.


O
H
N
C

BAIL08CVT322AVA 27

20. Garanta que o pino de fixação do coletor de alimen-


tação do óleo (1) e o lacre do O ring seal (2) estejam
na posição correta
NOTA: Pode ser mais fácil posicionar o O-ring eno coletor
do eixo traseiro.

BAIL08CVT388AVB 28

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 41
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

21. Pino de fixação instalado.

BAIL10CCM166ASA 29

22. Limpe profundamente e retire e graxa das superfícies


de acoplamento do coletor do eixo traseiro. Aplique
o selante de gaxeta Loctite® 574 ao coletor do eixo
traseiro, mostrado no padrão.

LY
N
24059 30
O
23. Instale o coletor do eixo traseiro. Aperte os parafusos
com 47  N·m (35  lb ft).
H
N
C

BAIL08CVT394AVA 31

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 42
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

24. Limpe profundamente as superfícies do acoplamento


da carcaça do PTO e da carcaça do eixo traseiro e
aplique uma gota de selante (selante de gaxeta Loc-
tite® 574), como mostrado abaixo.

LY
N
BAIL07APH486BVA 32
O
25. Instale de volta a carcaça do PTO na carcaça do eixo
traseiro. Aperte os parafusos de fixação com 211  N·m
(155  lb ft).
H
N
C

BAIL08CVT182BVA 33

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 43
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

26. Instale a unidade da barra de tração.

BAIL08CVT177AVB 34

27. Reconecte o eixo frontal (observe que as imagens são


para o eixo suspenso).

LY
N
BAIL07APH077AVA 35

28. Instale o suporte do rolamento do eixo de aciona-


O
mento e aperte com 550  N·m (405  lb ft). Mova a luva
de volta para o eixo de acionamento (1) e instale o
anel de trava (2).
H
N
C

BAIL07APH081AVB 36

29. Verifique se todos os tampões do dreno estão de volta


na posição e encha a transmissão novamente com
84  l (22.2  US gal) do óleo Akcela Nexplore

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 44
Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Controle eletroidráulico

Controle eletroidráulico - Detecção e solução de problemas


PUMA 205, PUMA 225

Problema Causa possível Correção


A tração nas quatro rodas Interruptor de engate da tração nas quatro Substitua o interruptor de engate da tração
não engata rodas defeituoso. nas quatro rodas.
Válvula solenoide de controle da tração Conserte ou troque a válvula solenoide.
nas quatro rodas presa quando aberta.
Discos de embreagem gastos. Substitua os discos de embreagem.
Curso de liberação da embreagem da Ajuste o curso da liberação.
placa multidisco definido incorretamente.
A tração nas quatro rodas Óleo da transmissão baixo. Reabasteça a transmissão até o nível de
não desengata óleo correto.
Circuito de baixa pressão defeituoso. Realize o teste do circuito de baixa pres-
são, para maiores informações consulte o
teste de pressão na seção de sistemas hi-
dráulicos Válvula de controle da bomba
Válvula reguladora/prioritária - Teste de
pressão (35.102)).
Circuito de engate da tração nas quatro ro- Verifique o circuito.
das defeituoso.

LY
Válvula solenoide de controle da tração Conserte ou troque a válvula solenoide.
nas quatro rodas presa quando fechada.
Vazamentos de óleo através dos lacres de Substitua qualquer lacre de óleo defei-
óleo com queda de pressão consequente: tuoso.
lacres do cubo, pistão e eixo da caixa de
N
transmissão.
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 45
Índice

Sistema de Tração nas Quatro Rodas (4WD) - 23

Controle eletroidráulico - 202


Controle eletroidráulico - Descrição dinâmica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7
PUMA 205, PUMA 225
Controle eletroidráulico - Descrição estática . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225
Controle eletroidráulico - Detecção e solução de problemas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 45
PUMA 205, PUMA 225
Controle eletroidráulico - Vista seccional . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225
Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Desmontar Embreagem 4WD . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 14
PUMA 205, PUMA 225
Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Especificações gerais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225
Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Instalar Embreagem 4WD . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 24
PUMA 205, PUMA 225

LY
Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Instalar Procedimento para a instalação da embreagem 4WD
. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 33
PUMA 205, PUMA 225
Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Montar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 19
PUMA 205, PUMA 225
Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Reforma . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 18
N
PUMA 205, PUMA 225
Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Remoção - Retirada da embreagem 4WD sem separar a
transmissão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 27
O
PUMA 205, PUMA 225
Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Remoção Embreagem 4WD . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11
PUMA 205, PUMA 225
Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225
Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Vista explodida . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9
H

PUMA 205, PUMA 225


Embreagem da Tração nas rodas dianteiras (FWD) - Vista explodida . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10
PUMA 205, PUMA 225
N
C

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 46
LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
23.1 [23.202] / 47
Av. Juscelino K. de Oliveira, 11825, CIC - Curitiba (PR) - Brasil, CEP:81170-901

SERVICE - Technical Publications & Tools

LY
N
IMPRESSO NO BRASIL
O
© 2013 CNH GLOBAL N.V.
H

Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do texto e das ilustrações desta publicação.
N
C

É política da CASE IH o contínuo melhoramento dos seus produtos, reservando-se o direito à alteração de preços,
especificações ou equipamentos, em qualquer altura, sem notificação prévia.

Todos os dados fornecidos na presente publicação estão sujeitos a variações de produção. Os valores referentes a
dimensões e pesos são meramente aproximados e as ilustrações não representam necessariamente produtos em
condições padrão. Para obter informações precisas sobre um produto específico, consulte a sua Concessionária
CASE IH.

84417650A 31/07/2013
PT-BR
MANUAL DE SERVIÇO
Sistema do eixo dianteiro

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
25
Conteúdo

Sistema do eixo dianteiro - 25

[25.100] Eixo dianteiro motriz . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 25.1

[25.102] Conjunto da engrenagem cônica e diferencial . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 25.2

[25.108] Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos. . . . . . . . . . . . . . . . . . 25.3

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
25
ÍNDICE DOS BENS DE CONSUMO

Bens de consumo Referência PÁGINA


CASE IH Akcela Moly grease Junta da direção e pino mestre Pino giratório e rolamento - 25.3 / 7
Pré-carga

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
25
LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
25
Sistema do eixo dianteiro - 25

Eixo dianteiro motriz - 100

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 1
Conteúdo

Sistema do eixo dianteiro - 25

Eixo dianteiro motriz - 100

DADOS FUNCIONAIS

Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD)


Vista seccional . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

Descrição estática . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225

LY
SERVIÇO

Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD)


Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225
N
Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9
PUMA 205, PUMA 225
O
Calibrar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 12
PUMA 205, PUMA 225

Extensão - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 15
PUMA 205, PUMA 225
H

Extensão - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21
PUMA 205, PUMA 225
N
C

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 2
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Vista seccional


PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

BRJ4789B 1
Vista de seção do eixo dianteiro

1 Conjunto da embreagem multidiscos em banho de óleo 2 Calços de ajuste do rolamento da coroa


3 Calços da arruela de encosto da engrenagem lateral 4 Engrenagens laterais
5 Calços de ajuste da ponta do cone do pinhão 6 Calços de ajuste do rolamento do pinhão
7 Vedação 8 Discos de acionamento da embreagem
9 Discos acionados da embreagem 10 Engrenagens do diferencial
11 Pino da engrenagem do diferencial 12 Calços da arruela de encosto da engrenagem do
diferencial

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 3
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

LY
N
O
H
N
C

25814 2
Cortes dos pilares de suporte e do cubo de redução do planetário

1 Pilar de suporte dianteiro 2 Bucha do pilar de suporte dianteiro


3 Arruela de encosto dianteira 4 Bucha traseira (crimpada no pilar de suporte)
5 Bucha traseira (crimpada no suporte do pinhão) 6 Arruela de encosto traseira
7 Eixos externos 8 Embuchamentos
9 Arruelas de encosto da engrenagem acionada 10 Calços de ajuste do pino de giro

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 4
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Descrição estática


PUMA 205, PUMA 225

O eixo dianteiro deste trator é flutuante e montado no meio. Os pinos-mestres da suspensão do eixo dianteiro e eixo
de acionamento são paralelos à linha média do trator.

Existem duas rodas planetárias na engrenagem do diferencial. O torque de acionamento é transmitido por juntas
universais isentas de manutenção para o acionador final da roda planetária.
A tração em todas as rodas é ligada por um interruptor no apoio de braço (Figura 1). O torque de acionamento é
transmitido do eixo traseiro por um acoplamento no eixo dianteiro. O acoplamento é operado por meio de óleo com-
primido do circuito de óleo de baixa pressão. Ao ligar a tração em todas as rodas, uma válvula solenoide é acionada
e interrompe o fluxo de óleo para o acoplamento, de forma que ele possa engatar por força de mola. Quando a tração
em todas as rodas é desligada, o óleo a baixa pressão desengata o acoplamento de disco. Você encontrará mais
informações em Controle eletroidráulico - Descrição estática (23.202).

LY
N
BRK5849B 1
O
Ao operar o interruptor em situações de deslocamento, em que pode ocorrer a derrapagem da roda, o óleo da baixa
pressão é desviado por uma válvula solenoide para os eixos dianteiro e traseiro e todas as quatro rodas são liga-
das de maneira não positiva. Você encontrará mais informações em Travamento do diferencial Embreagem com
múltiplas placas - Descrição dinâmica (25.102).
H

A tração em todas as rodas e o bloqueio do diferencial podem ser operados manualmente (1) (Figura 1) ou no modo
automático (2) (Figura 1). O modo automático liga e desliga os sistemas automaticamente, dependendo as condições
de deslocamento, como velocidade da roda, ângulo da direção e status do dispositivo de levantamento hidráulico
N

(bloqueio do diferencial). Os parâmetros do modo Automático são definidos na opção H3 no menu H do módulo RD,
consulte Módulo eletrônico - Configurar (55.640).
C

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 5
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Remoção


PUMA 205, PUMA 225

PERIGO
Objetos pesados!
Sempre use equipamentos de elevação com capacidade adequada para erguer e manusear os com-
ponentes pesados . Sempre use amarras ou ganchos adequados para apoiar unidades ou peças.
Mantenha as pessoas longe da área de trabalho.
O descumprimento resultará em morte ou ferimentos graves.
D0076A

Operação anterior:
Desconecte o cabo de aterramento da bateria, para mais informações consulte Bateria - Desconexão (55.302).

1. Se o lastro dianteiro estiver instalado, passe um cabo


de nylon (1) através da primeira linha de lastro, desa-
parafuse a os parafusos da placa de suporte (2) e re-
mova o lastro usando uma talha.
Desaparafuse os parafusos de fixação da segunda li-
nha de lastro e retire-os, um de cada vez.

LY
N
BAIL08CVT011AVA 1
O
2. Retire os para-lamas dianteiros (se houver)
H
N
C

BAIS06CCM151AVA 2

3. Retire os parafusos de fixação da proteção do eixo de


transmissão de tração nas quadro rodas.
NOTA: Repita esta operação em ambos os lados do trator.

BAIS06CCM033AVA 3

4. Remova a proteção do eixo de transmissão de tração


nas quadro rodas.

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 6
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

5. Remova as porcas de fixação dianteira do eixo de


transmissão de tração nas quadro rodas.
NOTA: Apoie o eixo de transmissão de tração nas quadro
rodas.

BAIS06CCM034AVA 4

6. Remova o eixo de transmissão de tração nas quadro


rodas.

LY
N
BAIS06CCM035AVB 5

7. Desconecte a alimentação da direção (1) e os tubos de


O
retorno (2).
Retire o console de suporte do tubo da direção (3).
H
N
C

BAIS06CCM036AVB 6

8. Desconecte a mangueira de alimentação do bloqueio


do diferencial (1).

BAIS06CCM037AVA 7

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 7
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

9. Desconecte o conector elétrico do sensor da direção.

BAIS06CCM039AVA 8

10. Remova as rodas dianteiras.


11. Prenda o eixo dianteiro a uma talha apropriada
usando cabos de nylon.

LY
N
O
BAIS06CCM707AVA 9

12. Remova os parafusos de fixação dianteiros do eixo


dianteiro.
H
N
C

BAIS06CCM705AVA 10

13. Remova os parafusos de fixação do eixo dianteiro.


Remova o conjunto do eixo dianteiro.

BAIS06CCM706AVA 11

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 8
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Instalar


PUMA 205, PUMA 225

ATENÇÃO
Risco de esmagamento!
Sempre use ferramentas adequadas para alinhar as peças casadas. NÃO use as mãos nem os dedos.
A não observância desses procedimentos poderá resultar em lesões leves ou moderadas.
C0044A

1. Instale os parafusos de fixação anteriores do engate


dianteiro.

LY
BAIS06CCM705AVA 1

2. Instale as rodas dianteiras.


Aperte com o torque especificado. Para obter mais
informações, consulte Rodas dianteiras - Torque
N
(44.511)
3. Instale o suporte de pesos dianteiro.
O
H
N
C

BAIS06CCM722AVA 2

4. Encaixe o conector elétrico do sensor da direção.

BAIS06CCM039AVA 3

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 9
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

5. Conecte a mangueira de alimentação do bloqueio do


diferencial (1).

BAIS06CCM037AVA 4

6. Conecte os tubos de suprimento (1) e retorno (2) da


direção.
Instale o console de suporte do tubo da direção (3).

LY
N
BAIS06CCM036AVB 5

7. Instale os anéis de retenção traseiros do eixo de tração


O
nas quatro rodas.
Aperte com 65 - 86  Nm ( 48 - 63  lbft).
H
N
C

BAIS06CCM035AVA 6

8. Instale os anéis de retenção dianteiros do eixo de tra-


ção nas quatro rodas.
Aperte com 65 - 86  Nm ( 48 - 63  lbft).

BAIS06CCM034AVA 7

9. Instale a proteção do eixo de tração nas quatro rodas.

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 10
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

10. Instale os parafusos de fixação da proteção do eixo


de tração nas quatro rodas.
NOTA: Repita esta operação em ambos os lados do trator.

BAIS06CCM033AVA 8

11. Instale os para-lamas dianteiros.

LY
N
BAIS06CCM151AVA 9

12. Instale o lastro dianteiro.


O
H
N
C

BAIL08CVT011AVA 10

Operação seguinte:
Ligue o fio terra da bateria. Para obter mais informações, consulte Bateria - Conectar (55.302).

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 11
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Calibrar


PUMA 205, PUMA 225

Sensor de ângulo da direção


NOTA: A calibração é controlada pela unidade de controle eletrônico. Para impedir que o trator se mova inadverti-
damente, não estacione o trator próximo a obstáculos, aplique o freio de estacionamento e calce as rodas traseiras
e dianteiras. Antes de iniciar qualquer trabalho, verifique se o display da velocidade do solo está em zero.
NOTA: Se o veículo estiver equipado com o sistema Autoguidance, certifique-se de que o sensor de ângulo da di-
reção esteja conectado ao chicote de fiação principal do motor e não ao chicote do Autoguidance ao executar o
procedimento de calibração. Quando concluir a calibração, reconecte o sensor de ângulo da direção ao chicote do
Autoguidance.
1. Conecte o plugue de diagnóstico 380000843 no so-
quete de diagnóstico (1).

LY
N
BAIL06CCM213AVA 1

2. Use o botão "Up" (1), o botão "Down" (2) e o botão


"Menu" (3) no painel de instrumentos ICU2 para rolar
O
pelo menu HH até que a opção H1 e o símbolo de blo-
queio de diferencial apareçam na unidade de controle
RD/RG.
"CAL" aparece na parte superior do display.
H
N
C

BAIL06CCM215AVA 2

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 12
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

LY
N
SS07E093 3

3. Pressione o interruptor de bloqueio automático do di-


O
ferencial três vezes.
H
N
C

BAIL06CCM624AVA 4

4. Na parte superior do display é exibido "ScP" e a volta-


gem medida do sensor de ângulo da direção é exibida
em seguida.
NOTA: Se o display indicar o número "-1", a opção de sen-
sor de ângulo da direção deve ser ativada com o menu H3
para que o sensor de ângulo de direção possa ser cali-
brado.

SS07E094 5

5. Vire o volante da direção para que as rodas dianteiras


fiquem alinhadas com a linha de direção.

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 13
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

6. Pressione o interruptor de bloqueio automático do di-


ferencial três vezes.

BAIL06CCM624AVA 6

7. A parte superior do display exibe o valor medido do


sensor de ângulo da direção e, em seguida, "End"
(Fim) para mostrar que o procedimento de calibração
está concluído.

LY
N
SS07E095 7

8. Vire a chave de partida para OFF para armazenar os


O
valores de calibração.
NOTA: Se uma falha ocorrer durante a calibração, aparece
o código U e o processo deve ser repetido. Veja a lista de
H

códigos U em Módulo eletrônico - Configurar (55.640) .


N
C

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 14
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD) Extensão - Instalar


PUMA 205, PUMA 225

1. Com o auxílio de um macaco hidráulico suspenda o


trator e retire a roda. Apóie o eixo em um cavalete
adequado ao peso da máquina.

BRAG12TRCNH0014 1

2. Retire o bujão inferior da carcaça central do eixo e


drene o óleo lubrificante em um recipiente com volume
adequado.

LY
N
O
BRAG12TRCNH0015 2

3. Desmonte o pino da articulação, retire o páralamas e


o espaçador do suporte.
H
N
C

BRAG12TRCNH0016 3

4. Desmonte a barra de ligação do eixo dianteiro. Utilize


o extrator universal para sacar o terminal da barra de
ligação.

BRAG12TRCNH0017 4

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 15
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

5. Solte o olhal do cilindro de direção.

BRAG12TRCNH0018 5

6. Solte a chapa de fixação do chicote do sensor de es-


terçamento.

LY
N
BRAG12TRCNH0019 6

7. Desconecte o conector do chicote elétrico do sensor


O
de esterçamento.
H
N
C

BRAG12TRCNH0020 7

8. Solte os parafusos da flange e remova a ponteira do


eixo dianteiro e o redutor final. Utilize um guincho com
capacidade adequada para suspender o conjunto.

BRAG12TRCNH0021 8

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 16
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

9. Monte as buchas de alinhamento (1) e (2) e instale o


conjunto da extensão do eixo (3). Lubrifique os anéis
de vedação para evitar que sejam danificados durante
a montagem.

BRAG12TRCNH0022 9

10. Certifique de que a extensão do eixo se encaixe com-


pletamente no conjunto do diferencial.
NOTA: Existe uma extensão do eixo para o lado direiro (1)
e outra para o lado esquerdo (2) do eixo.

LY
N
BRAG12TRCNH0023 10
O
H
N
C

BRAG12TRCNH0033 11

11. Monte a extensão do eixo na carcaça central e aplique


o torque de 600  N·m (442.5  lb ft) nos parafusos de
fixação (1). Monte as buchas de alinhamento (2) e
(3).

BRAG12TRCNH0024 12

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 17
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

12. Monte a ponteira do eixo dianteiro e o redutor final na


carcaça da extensão e aplique o torque de 600  N·m
(442.5  lb ft) nos parafusos de fixação.

BRAG12TRCNH0025 13

13. Marque a posição e desconecte as mangueiras de


interligação dos pistões de direção.

LY
N
BRAG12TRCNH0026 14

14. Instale o conjunto do cilindro de direção utilizando o


O
olhal da carcaça da extensão do eixo. Fixe o suporte
do chicote do sensor de esterçamento junto com o
pino, os anel trava e parafuso de fixação. Retire o
guincho de suporte.
H
N
C

BRAG12TRCNH0027 15

15. Monte as mangueiras do kit respeitando a mesma or-


dem das antigas. Ajuste a posição das mangueiras e
do chicote do sensor de esterçamento antes de tor-
quear definitivamente.

BRAG12TRCNH0026 16

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 18
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

16. Monte os pára-lamas. Aplique o seguinte torque


176  N·m (129.8  lb ft) nos pinos das articulações e
pára-lamas.
NOTA: Instale o espaçador para que não ocorra interfe-
rência com a carcaça do eixo dianteiro.
17. Repetir o processo de desmontagem e montagem no
lado oposto do eixo dianteiro.

BRAG12TRCNH0029 17

18. Monte a barra de ligação do kit nos terminais da ar-

LY
ticulação. Ajuste a posição da barra e do pivô para
que não ocorra interferência no suporte do eixo dian-
teiro. Aplique torque de 100  N·m (73.8  lb ft) na porca
do pivô da barra de ligação.
N
NOTA: Fazer o ajuste da convergência do eixo dianteiro 0 -
6 mm (0.0 - 0.2 in) para evitar danos e desgaste excessivo
dos componentes do eixo dianteiro.
O
H

BRAG12TRCNH0030 18

19. Recoloque o óleo lubrificante da carcaça central do


eixo até a borda inferior do bujão de nível e abaste-
N

cimento. Coloque óleo lubrificante nas extensões di-


reita e esquerda do eixo até a borda inferior do bujão
de nível e abastecimento. Especificações e capaci-
C

dades, consulte Consumíveis ().

BRAG12TRCNH0031 19

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 19
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

20. Monte as rodas. Aplique o torque de 210  N·m (155  lb


ft) nos parafusos. Lubrifique todos os pontos graxei-
ros necessários e reaperte os parafusos de roda con-
forme indicado no plano de manutenção do Manual
do Operador.

BRAG12TRCNH0032 20

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 20
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD) Extensão - Remoção


PUMA 205, PUMA 225

1. Com o auxílio de um macaco hidráulico suspenda o


trator e retire a roda. Apóie o eixo em um cavalete
adequado ao peso da máquina.

BRAG12TRCNH0032 1

2. Retire os bujões inferiores da carcaça central e das


extensões do eixo e drene o óleo lubrificante em um
recipiente com volume adequado.

LY
N
O
BRAG12TRCNH0015 2

3. Desmonte o pino da articulação, retire o páralamas e


o espaçador do suporte.
H
N
C

BRAG12TRCNH0016 3

4. Desmonte a barra de ligação do eixo dianteiro. Utilize


o extrator universal para sacar o terminal da barra de
ligação.

BRAG12TRCNH0017 4

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 21
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

5. Marque a posição e desconecte as mangueiras de in-


terligação dos pistões de direção.

BRAG12TRCNH0026 5

6. Solte o olhal do cilindro de direção.

LY
N
BRAG12TRCNH0027 6

7. Solte a chapa de fixação do chicote do sensor de es-


O
terçamento.
H
N
C

BRAG12TRCNH0019 7

8. Desconecte o conector do chicote elétrico do sensor


de esterçamento.

BRAG12TRCNH0020 8

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 22
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

9. Solte os parafusos da flange e remova a ponteira do


eixo dianteiro e o redutor final. Utilize um guincho com
capacidade adequada para suspender o conjunto.

BRAG12TRCNH0025 9

10. Remova o conjunto da extensão do eixo (3).

LY
N
BRAG12TRCNH0022 10

11. Remova os parafusos de fixação (1) e remova a ex-


O
tensão do eixo da carcaça central.
H
N
C

BRAG12TRCNH0024 11

12. Monte a ponteira do eixo dianteiro e o redutor final


na carcaça central e aplique o torque de 600  N·m
(442.5  lb ft) nos parafusos de fixação.

BRAG12TRCNH0021 12

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 23
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

13. Instale o conjunto do cilindro de direção utilizando o


olhal da carcaça central do eixo. Fixe o suporte do
chicote do sensor de esterçamento junto com o pino,
os anel trava e parafuso de fixação. Retire o guincho
de suporte.

BRAG12TRCNH0027 13

14. Monte as mangueiras do kit respeitando a mesma or-


dem das antigas. Ajuste a posição das mangueiras e
do chicote do sensor de esterçamento antes de tor-
quear definitivamente.

LY
N
BRAG12TRCNH0026 14

15. Monte os pára-lamas. Aplique o seguinte torque


O
176  N·m (129.8  lb ft) nos pinos das articulações e
pára-lamas.
16. Repetir o processo de desmontagem e montagem no
H

lado oposto do eixo dianteiro.


N
C

BRAG12TRCNH0029 15

17. Monte a barra de ligação nos terminais da articula-


ção. Ajuste a posição da barra e do pivô para que
não ocorra interferência no suporte do eixo dianteiro.
Aplique torque de 100  N·m (73.8  lb ft) na porca do
pivô da barra de ligação.
NOTA: Fazer o ajuste da convergência do eixo dianteiro 0 -
6 mm (0.0 - 0.2 in) para evitar danos e desgaste excessivo
dos componentes do eixo dianteiro.

BRAG12TRCNH0030 16

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 24
Sistema do eixo dianteiro - Eixo dianteiro motriz

18. Recoloque o óleo lubrificante da carcaça central do


eixo até a borda inferior do bujão de nível e abasteci-
mento. Especificações e capacidades, consulte Con-
sumíveis ().

BRAG12TRCNH0031 17

19. Monte as rodas. Aplique o torque de 210  N·m (155  lb


ft) nos parafusos. Lubrifique todos os pontos graxei-
ros necessários e reaperte os parafusos de roda con-
forme indicado no plano de manutenção do Manual
do Operador.

LY
N
BRAG12TRCNH0032 18
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 25
Índice

Sistema do eixo dianteiro - 25

Eixo dianteiro motriz - 100


Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9
PUMA 205, PUMA 225
Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Calibrar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 12
PUMA 205, PUMA 225
Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Descrição estática . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225
Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225
Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD) - Vista seccional . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225
Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD) Extensão - Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 15
PUMA 205, PUMA 225
Eixo da Tração nas Quatro Rodas (4WD) Extensão - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
25.1 [25.100] / 26
Sistema do eixo dianteiro - 25

Conjunto da engrenagem cônica e diferencial - 102

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 1
Conteúdo

Sistema do eixo dianteiro - 25

Conjunto da engrenagem cônica e diferencial - 102

DADOS FUNCIONAIS

Diferencial
Vista explodida . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

Travamento do diferencial
Embreagem com múltiplas placas - Descrição dinâmica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225

LY
SERVIÇO

Diferencial
Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
N
PUMA 205, PUMA 225

Montar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225
O
Desmontar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 12
PUMA 205, PUMA 225

Desmontar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 14
H

PUMA 205, PUMA 225

Folga . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 18
PUMA 205, PUMA 225
N

Pré-carga . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 20
PUMA 205, PUMA 225
C

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 2
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

Diferencial - Vista explodida


PUMA 205, PUMA 225

LY
40-25-17 SHG 1
N
Componentes do pinhão de acionamento (eixo de direção padrão)

1 Calço 2 Rolamento
O
3 Anel do rolamento 4 Carcaça
5 Porca 6 Tampa de proteção
7 Vedação 8 Esfera
9 Luva 10 Rolamento
H

11 Anel do rolamento 12 Calço


13 Calço 14 Espaçador
15 Anel 'O' 16 Pinhão
N
C

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 3
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

Travamento do diferencial Embreagem com múltiplas placas -


Descrição dinâmica
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O

BRJ4790BV2 1
H

A.bloqueio de diferencial dianteiro desativado B.bloqueio de diferencial dianteiro ativado

Óleo retido
N

Óleo sob pressão


C

Quando o bloqueio de diferencial está desativado, a válvula solenoide está na posição de descarga (não energizada)
e o óleo (2) fica livre para retornar ao reservatório.

Nessas condições, o pistão de embreagem (1) e os discos motrizes e movidos permanecem separados e o bloqueio
de diferencial é desativado.

Quando o interruptor do bloqueio de diferencial é ativado, a válvula solenoide se abre e direciona o óleo do circuito
de baixa pressão para o pistão da embreagem (4) travando as placas do diferencial (3).

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 4
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

Diferencial - Remoção
PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Semieixo - Remoção (25.108)

1. Desparafuse os dois parafusos que fixam o suporte do


pinhão cônico-diferencial ao alojamento do eixo. Pa-
rafuse os dois pinos 380000548 (1). Remova os pa-
rafusos restantes e separe o suporte do diferencial do
alojamento do eixo. Instale um guincho (2) ao suporte
e remova o suporte do diferencial (3) do alojamento do
eixo.

25606 1

LY
2. Instale o suporte do diferencial em uma morsa de ban-
cada. Retire o guincho de içamento.
Desparafuse o parafuso (2) e remova a trava da porca
(3). Remova o tubo de controle interno do bloqueio de
N
diferencial.
O
H
N

25607 2
C

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 5
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

Diferencial - Montar
PUMA 205, PUMA 225

CUIDADO
Evite lesões!
Manuseie todas as peças com cuidado. Não coloque as mãos ou os dedos entre peças em movimento.
Use Equipamento de proteção pessoal (PPE) conforme o indicado neste manual, incluindo óculos de
proteção, luvas e calçados de segurança.
O descumprimento pode resultar em morte ou ferimentos graves.
W0208A

Colocação de calço na pré-carga do rolamento do pinhão


1. Faça o seguinte:
Retire o rolamento do pinhão.
Fixe a ferramenta 380000463, (1) no alicate, coloque
as carreiras internas dos rolamentos (2 e 4) e o espa-
çador do rolamento (3) e fixe a porca no rolamento.

LY
N
1b0o2004105938 1

2.
O
NOTA: O pinhão da unidade do 380000463 suspensa é
mais curto e a ferramenta requer que um espaçador seja
inserido abaixo do rolamento inferior (4). O espaçador
H

pode ser fabricado localmente usando as dimensões mos-


tradas em Eixo dianteiro motriz - Ferramentas especi-
ais (25.100).
N
C

BSB0223A 2

3. Usando um micrômetro de profundidade, meça a dis-


tância (H1) entre a superfície superior da ferramenta e
o pino roscado central da ferramenta 380000463 (1).
Desmonte as partes acima, lubrifique os rolamentos
com óleo e remonte as peças, excluindo o espaçador
do rolamento na carcaça do diferencial. Retenha a
carcaça do diferencial no alicate usando a ferramenta
380000255 , não aplicável aos eixos do suspensos.

40-25-26 SHG 3

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 6
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

4. Aperte uma porca da ferramenta 380000463 (1), en-


quanto a roda para garantir que os rolamentos estejam
assentados corretamente.
Instale um espaçador para o eixo suspenso do .
Usando um micrômetro de profundidade, meça a dis-
tância (H2).
A espessura necessária do calço de ajuste é calculada
por:
Calço S1 = H2 - H1 + 0.05  mm
Se necessário, arredonde o valor obtido para o próximo
0.05  mm.
Deixe a ferramenta na carcaça do diferencial para a
medição da profundidade do pinhão.

40-25-34 SHG 4

Procedimento para calçar o pinhão à roda dentada


5. O procedimento para calçar o pinhão à roda dentada,
calcula a espessura dos calços S2, posicionados
abaixo da aba da engrenagem do pinhão, para asse-
gurar que o ponto cônico teórico do pinhão se alinhe

LY
com o centro da roda dentada do diferencial.
Dimensões do calço do pinhão
H4 Dimensão do rolamento do pinhão à linha central
da carcaça do diferencial
H3 122.5  mm +/- C Resulta na dimensão "C do pinhão
N
(fator de correção).
S2 Espessura do pinhão
A dimensão H4, necessária no cálculo da espessura
O
do calço pode ser determinada usando a ferramenta
de ajuste de pinhão New Holland 380000463 ou
380000600. 40-25-42 SHG 5
Ambos os procedimentos são explicados como segue.
H

Colocação do calço do pinhão usando a ferramenta de ajuste de pinhão 380000249


N

6. Instale os rolamentos do pinhão na carcaça de suporte


do diferencial e fixe na posição, usando a ferramenta nº
380000463 como usada ao determinar as espessuras
C

dos calços para a pré-carga do rolamento.


1. Medidor para pinhão, ferramenta nº 380000249
2. Fixação do rolamento do pinhão. Use a ferramenta
nº 380000463
3. Rolamentos do pinhão
4. Micrômetro (Peça da ferramenta nº 380000249)

17212 6

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 7
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

7. Instale a ferramenta de ajuste de pinhão nº 380000249


completa com o anel do rolamento e anéis de ajuste.
Aperte as tampas do rolamento com 113  Nm ( 83  lbf).
Se a ferramenta nº 380000463, como descrita no pro-
cedimento de colocação de calço no rolamento do pi-
nhão, não estiver disponível, a ferramenta de fixação
de rolamento nº 50048 pode ser usada para fixar os
rolamentos.
Ajuste os cones da ferramenta de forma que a ponta do
micrômetro de profundidade toque na carreira interna
do rolamento e meça a dimensão (H4).

40-25-39 SHG 7

8. Determine a espessura dos calços a serem instalados


abaixo da engrenagem do pinhão como segue:
Espessura do pinhão S2 = H4-H3
Onde:-
H4 = Dimensão medida usando a ferramenta micrôme-
tro de pinhão

LY
H3 = 122.5  mm +/- C
122.5  mm é a dimensão de fabricação nominal desde
a face traseira da engrenagem do pinhão ao ponto cô-
nico do pinhão. (Fornecido pelo fabricante)
C = fator de correção da fabricação estampado na face
N
do pinhão.
Exemplo
H4 = 125,77  mm
O
C = +0.1  mm 1b0o2004105945 8
H3= 122,5 + 0,1 = 122.6  mm
S2 = H4-H3 = 125,77  mm – 122,6  mm
Espessura do pinhão S2 = 3.17  mm
H

Calço do pinhão usando 380000600


9. Instale as tampas do rolamento (menos o anel do rola-
N

mento) e aperte com um torque de 113  Nm ( 83  lbf).


Meça a dimensão interna do orifício do rolamento e
chame-a de dimensão `A'.
C

1b0o2004105946 9

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 8
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

10. Instale os rolamentos do pinhão na carcaça de su-


porte do diferencial e fixe na posição com a ferra-
menta n º 380000600.
Localize o medidor de bar, parte da ferramenta nº
380000600, através do orifício do rolamento e meça
a dimensão `B'.
1. Medidor de profundidade
2. Medidor de bar - Parte da ferramenta nº 380000600
3. Rolamentos do eixo do pinhão
4. Medidor de ajuste do pinhão, ferramenta nº
380000600
5. Diferencial; carcaça de suporte
NOTA: Aperte a abraçadeira do forma que os cones do
rolamento possam ser girados com a mão.
1b0o2004105947 10

11. Calcule a dimensão`H4` usando a fórmula


H4 = B - 25* + (A/2)
NOTA: * 380000600 O medidor de bar tem 25 mm de diâ-
metro.
12. Determine a espessura dos calços S2 a serem insta-

LY
lados abaixo da engrenagem do pinhão como segue:
S2 = H4 - H3
Onde:-
H4 = dimensão calculada em 11 acima.
H3 = 122.5  mm ±C
N
122.5  mm É a dimensão de fabricação nominal da
face traseira da engrenagem do pinhão para o ponto
cônico do pinhão. (Fornecido pelo fabricante)
O
C = fator de correção da fabricação estampado na
face do pinhão.
Exemplo
A = 100  mm
H

B = 100.77  mm
H4 = B-25* + (A/2)
H4 = 100,77-25* + (100/2)
N

H4= 125,77  mm
C = 0.1  mm
H3 = 122,5 + 0.1 = 122,6  mm
C

Espessura do pinhão S2 = 125,77- 122,6 = 3.17  mm

Instalação do calço do pinhão e do rolamento


13. Instale o calço selecionado no pinhão de acordo com
o procedimento para calçar a roda dentada entre a
cabeça do pinhão e o rolamento. Assegure-se de que
o chanfrado no pinhão esteja na direção da cabeça do
pinhão.

40-25-9 SHG 11

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 9
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

14. Instale o rolamento no pinhão.

1b0o2004105951 12

15.
NOTA: O uso de um aquecedor de indução eletrônica aju-
dará na instalação dos rolamentos sem a necessidade de
uma prensa.

LY
N
O
396 RA-50 13

Torque de rolagem da pré-carga do rolamento do pinhão


16. A pré-carga do rolamento do pinhão é medida con-
H

forme o torque ou força necessária para girar o pi-


nhão. O calço selecionado no procedimento de ajuste
do calço da pré-carga do rolamento do pinhão ante-
N

riormente descrito, garante a a pré-carga correta seja


atingida quando a porca do pinhão seja ajustada com
um torque de 294  Nm ( 217  lbf ft).
C

Instale o rolamento interno do pinhão no pinhão e co-


loque o pinhão no suporte do diferencial. Retenha o
pinhão em posição com um extrator universal.
NOTA: Se a ferramenta especial necessária para determi-
nar a espessura do calço da pré-carga não estiver dispo-
nível, instale o mesmo calço removido durante a desmon-
tagem.
19094 14

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 10
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

17. Instale o espaçador e os calços no eixo do pinhão.


Lubrifique e instale o rolamento externo do pinhão.

19095 15

Consulte vista explodida em Diferencial - Vista explodida


(25.102)
18. Instale a luva, esfera e a porca do pinhão. Não ins-
tale o anel 'O', lacre do óleo e proteção contra poeira
nesse ponto.

LY
Aperte a porca do pinhão a um torque de 294  Nm (
217  lbf.ft).
N
O

19097 16
H

19. Aparafuse um parafuso M12 na ponta do eixo do pi-


nhão ou use a ferramenta para retenção do pinhão
fabricada localmente. Usando um medidor de tor-
N

que adequado, de baixo valor, meça o torque de rola-


mento do pinhão A1.
O torque de rolagem deve ser 0.5 - 1.0  Nm ( 4.5 -
C

8.5  lbf in) excluindo o torque de separação.


Se os valores registrados durante o procedimento
de ajuste estiverem dora das especificação, ajuste
a espessura do calço e verifique novamente a
pré-carga do rolamento.

40-25-31 SHG 17

20. Quando a espessura correta do calço estiver estabe-


lecida, remova a porca do pinhão, luva e esfera e ins-
tale o anel 'O' e o lacre do óleo do pinhão.
21. Reinstale cuidadosamente a luva, esfera e a porca do
pinhão.
NOTA: A tentativa de colocar o lacre do óleo com a luva
instalada pode danificar a borda do lacre do óleo.
22. Aperte a porca do pinhão a um torque de 294  Nm (
217  lbf.ft) e deforme a aba de travamento.
Meça e registre a resistência de rolagem do pinhão e
lacres A1.

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 11
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

Diferencial - Desmontar
PUMA 205, PUMA 225

CUIDADO
Evite lesões!
Manuseie todas as peças com cuidado. Não coloque as mãos ou os dedos entre peças em movimento.
Use Equipamento de proteção pessoal (PPE) conforme o indicado neste manual, incluindo óculos de
proteção, luvas e calçados de segurança.
O descumprimento pode resultar em morte ou ferimentos graves.
W0208A

1. Com o suporte da coroa e o pinhão colocados na fer-


ramenta de montagem no. 380000255 .
Faça o seguinte:
Remova o anel de retenção (3), a carcaça da embrea-
gem (2), disco de embreagem (4), anel de retenção do
cubo (1).

LY 25819 1
N
2. Remova o anel de trava (1), desmonte o anel de reação
(2) junto com os discos de embreagem (3) e o cubo do
disco de embreagem (4).
O
H
N
C

25820 2

3. Remova a arruela de encosto (1), arruela (2) e libere o


rolamento (3).

1b0o2004105924 3

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 12
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

4. Sopre ar comprimido na entrada de óleo para remover


o pistão (1).

25822 4

5. Remova os parafusos fixados (1) e a placa de apoio de


bloqueio de diferencial (2). Solte a vedação de óleo.
Verifique se todas as superfícies deslizantes do cilin-
dro hidráulico estão em boas condições e não estão
gastas.
Verifique se os discos de embreagem estão livres de

LY
imperfeições e desgaste anormal. Troque se houver
danos.
Reinstale o conjunto do bloqueio de diferencial, obser-
vando o seguinte:
- A reinstalação é o procedimento inverso da desmon-
N
tagem, 5 de volta para 1.
- Consulte as figuras em Eixo da Tração nas Quatro
Rodas (4WD) - Vista seccional (25.100) para saber a
O
orientação correta das peças. 25823 5
Examine as vedações e faça a troca se houver danos.
- Aperte nos torques corretos, como explicado em Eixo
dianteiro motriz - Torque (25.100-D.20.A.10) .
H
N
C

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 13
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

Diferencial - Desmontar
PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Diferencial - Remoção (25.102)

1. Remova o conjunto do diferencial da roda da coroa (2)


do alojamento (1).

25613 1

LY
2. COMPONENTES DO ROLAMENTO DO DIFEREN-
CIAL
1. Conjunto do diferencial
2. Pista do rolamento
N
3. Anel de ajuste
4. Pista de suporte
O
H
N

TAG25017 2

AJUSTE DA ENGRENAGEM DO DIFERENCIAL


C

3. Em caso de reforma do conjunto do diferencial, é ne-


cessário ajustar a folga entre o dente dos pinhões pla-
netários e as engrenagens laterais.
Proceda como segue:
Limpe bem todos os componentes do diferencial para
remover qualquer vestígio de óleo que possa impedir
a medição precisa da folga.
Instale as duas engrenagens laterais sem as arruelas
de encosto.
Encaixe as engrenagens planetárias completas com as
arruelas de encosto e os pinos e parafuse os parafusos
de retenção algumas voltas, para manter os pinos no
lugar.
Coloque um medidor no alojamento do diferencial.
Mova a engrenagem lateral esquerda para colocá-la 1b0o2004105929 3
integralmente em contato com o pinhão planetário, e
depois empurre-a contra o alojamento do diferencial,
lendo a flutuação final (Gs) no medidor do mostrador.

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 14
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

4.
Repetir as operações acima para avaliar a flutuação fi-
nal na engrenagem lateral direita (Gd).A flutuação final
deve ser de 0.25  mm.
Por isso, os calços a serem inseridos no alojamento do
diferencial são determinados por:
S L.H. = Gs - 0.25  mm da engrenagem lateral es-
querda;
S L.H. = Gd - 0.25  mm da engrenagem lateral direita.
Instale os calços o mais próximo possível do valor cal-
culado e, usando um medidor do mostrador e seguindo
o procedimento descrito acima, verifique se a flutuação
final das engrenagens laterais esquerda e direita é de
aproximadamente 0.25  mm.
1b0o2004105930 4

AJUSTES DO EIXO DO PINHÃO


5. Consulte Transportador do conjunto da engrena-
gem cônica e diferencial - Instalar (25.102.AC-
F.10.A.15) .

LY
REMOÇÃO DO EIXO DO PINHÃO
6. Endireite a lingueta de travamento na porca de pressão
do eixo ranhurado (1).
N
O
H
N

1b0o2004105931 5

7. Para soltar a porca do pinhão, é necessário produzir


C

uma ferramenta que segure o eixo do pinhão. Ela pode


ser produzida soldando-se uma porca de 20  mm ade-
quada à extremidade de um acoplamento do eixo pro-
pulsor 82006339 .
Ferramenta do eixo do pinhão produzida localmente
1. Código de peça do acoplador 82006339
2. Porca 20  mm

40-25-27 SHG_122 6

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 15
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

8. Remoção do pinhão do eixo suspenso. Bloqueie a


rotação com uma alavanca adequada (protegendo as
roscas).

BSB0224A 7

9. Desparafuse a porca usando a chave 380000468, (1)


enquanto segura o eixo do pinhão de acionamento cô-
nico, para que não gire, com a ferramenta produzida
localmente.

LY
N
O
1b0o2004105934 8

10. Remova a esfera de travamento da luva.


NOTA: Não aplicável para conjuntos do eixo suspenso.
H
N
C

TAG25015 9

11. Remova o eixo do pinhão (1), da parte traseira do


alojamento e remova o espaçador, os calços de ajuste
e o rolamento.

1b0o2004105936 10

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 16
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

12. Remova a vedação contra poeira, a vedação do óleo


(1) e o rolamento traseiro.

1b0o2004105937 11

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 17
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

Diferencial - Folga
PUMA 205, PUMA 225

1. Instale a unidade do diferencial completa com a roda


dentada e os anéis do rolamento da roda dentada na
carcaça do diferencial.

24112 1

2. Insira os anéis do rolamento externo na carcaça do


diferencial, ajuste as tampas de suporte do diferen-
cial, garantindo a direção correta do anel de ajuste ros-

LY
cado (3), a borda lisa voltada para fora. Aperte os pa-
rafusos com um torque de 59  Nm (43.5  lbft), em se-
guida, solte-os e reaperte com um torque de 20  Nm
(14.8  lbft).
N
O

TAG25017_123 2
H

3. Meça a espessura do SP, o calço de ajuste, (2) o qual


foi previamente removido durante o procedimento de
revisão do eixo. Coloque novamente o calço e o anel
N

de trava.
C

BRJ4749B 3

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 18
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

4. Com os rolamentos lubrificados, gire a roda dentada


e ao mesmo tempo, aperte o anel de ajuste roscado
usando uma chave inglesa 293665 380000253 com
um torque de 39 - 59  Nm (28.8 - 43.5  lbft) para tirar
o jogo axial entre os componentes.

1b0o2004105962 4

5. Meça o retrocesso entre o pinhão e a roda dentada,


usando um medidor com mostrador perpendicular á
borda externa de um dente na roda dentada.
Repita a medição em duas posições à frente 120  ° e
compare a média dos três valores (Gm) como o retro-
cesso da especificação: 0.15 - 0.20  mm, com uma mé-

LY
dia de 0.18  mm.
N
O
1b0o2004105963 5

6. Se o retrocesso medido exceder o valor determinado,


coloque um calço de ajuste mais fino.
A espessura do calço de ajuste a ser posicionado na
H

carcaça do diferencial é dada por:


Calço S = Sp - {(Gm - 0,18 ) x 1,35}
onde:
N

Sp = espessura do calço de teste instalado na carcaça


do diferencial. ou seja, o calço original usado como
teste de calço.
C

Gm = retrocesso médio medido entre o pinhão e a roda


dentada
Se o retrocesso medido for menor do que o valor pres-
crito, coloque um calço mais fino, o valor sendo dado
por: BRJ4749B 6
calço S = Sp +{( 0,18 - Gm) x 1,35}
Verifique novamente o retrocesso e ajuste o calço se
necessário.

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 19
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

Diferencial - Pré-carga
PUMA 205, PUMA 225

1. A pré-carga do rolamento do diferencial é verificada


através da medição combinada do torque de rolagem
da roda dentada e unidade do pinhão e a comparação
disso ao valor do torque de rolagem do pinhão e lacres.
Fixe um medidor de torque ao eixo do pinhão e meça o
torque de rolagem para girar o pinhão e a roda dentada
A2.

19109 1

2. Subtraia da leitura do torque de rolagem A2 descrita na


instrução 1, o torque de rolagem somente do pinhão
A1, consulte Diferencial - Montar (25.102) .

LY
A diferença entre os dois valores deve ser 1 - 1.5  Nm,
( 9 - 13  lbf in).
Se o torque de rolagem do pinhão e da unidade do
diferencial não estiverem de acordo com as especifi-
cações, ajuste o anel 'oposto' à roda dentada para au-
N
mentar ou reduzir a pré-carga do rolamento do diferen-
cial. Verifique novamente o torque de rolagem como
detalhado acima.
O
Reajuste as abas de travamento para fixar os anéis de
ajuste.

1b0o2004105965 2
H

3. EXEMPLO
Torque de rolagem do pinhão e diferencial
A2 = 2.1  Nm ( 19  lbf in)
N

Torque de rolagem do pinhão


A1 = 0.7  Nm ( 6  lbf in)
Torque de rolagem do diferencial calculado
C

= 2.1 - 0.7  Nm ( 19 - 6  lbf in)


= 1.4  Nm ( 13  lbf in)

Instalação do lacre do pinhão


4. Posicione o lacre do pinhão na carcaça do diferencial.

BAIL09CVT541AVA 3

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 20
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

5. Para veículos com eixo padrão, coloque a ferramenta


especial 380200094 no lacre do pinhão.
Para veículos com eixo suspenso coloque a ferra-
menta especial 380200092 no lacre do pinhão.

BAIL09CVT542AVA 4

6. Instale a ferramenta de prensagem para instalação do


lacre do pinhão 380200105.

LY
N
BAIL09CVT545AVB 5

7. Aperte a porca para empurrar o lacre igualada com a


O
carcaça do diferencial.
H
N
C

BAIL09CVT545AVC 6

8. Instale o anel de trava.

BAIL09CVT550AVA 7

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 21
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto da engrenagem cônica e diferencial

9. Posicione o protetor do lacre do óleo na carcaça do


diferencial.

BAIL09CVT547AVA 8

10. Para veículos com eixo padrão, coloque a ferramenta


especial 380200095 no protetor do lacre.
Para veículos com eixo suspenso coloque a ferra-
menta especial 380200093 no protetor do lacre.

LY
N
BAIL09CVT547AVA 9
O
11. Instale a ferramenta de prensagem para instalação do
lacre do pinhão 380200105.
H
N
C

BAIL09CVT545AVB 10

12. Aperte a porca para empurrar o protetor do lacre igua-


lado com a carcaça do diferencial.

BAIL09CVT545AVC 11

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 22
Índice

Sistema do eixo dianteiro - 25

Conjunto da engrenagem cônica e diferencial - 102


Diferencial - Desmontar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 12
PUMA 205, PUMA 225
Diferencial - Desmontar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 14
PUMA 205, PUMA 225
Diferencial - Folga . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 18
PUMA 205, PUMA 225
Diferencial - Montar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 6
PUMA 205, PUMA 225
Diferencial - Pré-carga . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 20
PUMA 205, PUMA 225
Diferencial - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225
Diferencial - Vista explodida . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

LY
Travamento do diferencial Embreagem com múltiplas placas - Descrição dinâmica . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 23
LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
25.2 [25.102] / 24
Sistema do eixo dianteiro - 25

Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos -


108

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 1
Conteúdo

Sistema do eixo dianteiro - 25

Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos - 108

SERVIÇO

Semieixo
Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225

Junta da direção e pino mestre


Pino giratório e rolamento - Reforma Eixo da tração nas quatro rodas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225

LY
Pino giratório e rolamento - Pré-carga . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7
PUMA 205, PUMA 225

Cubo da roda
Remoção Eixo de tração em quatro rodas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9
PUMA 205, PUMA 225
N
Montar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 13
PUMA 205, PUMA 225
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 2
ÍNDICE DOS BENS DE CONSUMO

Bens de consumo Referência PÁGINA


CASE IH Akcela Moly grease Junta da direção e pino mestre Pino giratório e rolamento - 25.3 / 7
Pré-carga

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 3
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos

Semieixo - Remoção
PUMA 205, PUMA 225

Operação anterior:
Cubo da roda - Remoção (25.108).

1. Solte a porca de aperto e folgue o parafuso de fixação


(2) que prendem o semieixo (1).

1b0o2004061017 1

LY
2. Remova o semieixo da carcaça.
Para desmontar unidade de transmissão final direita,
siga o mesmo procedimento da unidade de transmis-
são final esquerda.
N
O
H
N

1b0o2004061018 2

Operação seguinte:
C

Diferencial - Remoção (25.102).

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 4
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos

Junta da direção e pino mestre Pino giratório e rolamento - Reforma


Eixo da tração nas quatro rodas
PUMA 205, PUMA 225

PINOS E ROLAMENTOS DE OSCILAÇÃO DA DIREÇÃO - menos a substituição do potenciômetro do ângulo da


direção

Operação anterior:
Cubo da roda - Remoção (25.108).

1. No caso dos pinos de oscilação estiverem difíceis de


remover, faça como segue:
Remova os niples de graxa e os parafusos de retenção
do pino de oscilação da direção.
Ajuste os parafusos (1) da ferramenta especial
380000265 .
Ajuste a placa (2) da ferramenta e fixe-a aos três para-
fusos com porcas (5).
Ajuste o parafuso central (4) aparafusando-o total-

LY
mente no orifício do niple engraxado no pino (6).
Aparafuse a porca (3) para levar o pino para fora de
seu furo.
N
O

1
H

24596

2. Usando a ferramenta de extração especial 380000234


(1) remova os rolamentos de oscilação da direção.
N

Reinstale os rolamentos de direção usando um tracio-


nador adequado.
C

1b0o2004061038 2

Pinos e rolamentos de oscilação da direção - com potenciômetro do ângulo da direção


3. Remova o potenciômetro do ângulo da direção, con-
sulte Sistema de controle do eixo dianteiro - Sub-
stituir (55.045).

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 5
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos

4. No caso dos pinos de oscilação estiverem difíceis de


remover, remova os 3 parafusos de oscilação da reten-
ção da direção. Usando pé de cabra posicionada nos
entalhes usinados na carcaça da oscilação, levante
cuidadosamente o pino de oscilação da carcaça.

BRH3250A 3

5. Remova a carcaça de oscilação, consulte Cubo da


roda - Remoção (25.108).
6. Remova o eixo do potenciômetro do ângulo da direção
da carcaça do eixo. Consulte Sistema de controle do
eixo dianteiro - Substituir (55.045).
7. Usando o extrator de rolamento, ferramenta espe-

LY
cial nº. 380000234 (3) com a ferramenta adapta-
dora, 380002489 (2) acople à ferramenta especial
380000265 (1) e remova os rolamentos de oscilação
da direção.
N
O
H

BRH3404BB 4

8. Reinstale os rolamentos de oscilação da direção


usando um tracionador adequado.
N

NOTA: Tome cuidado ao instalar os rolamentos, para não


danificar o revestimento especial do rolamento.
C

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 6
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos

Junta da direção e pino mestre Pino giratório e rolamento -


Pré-carga
PUMA 205, PUMA 225

1. CUIDADO
Evite lesões!
Manuseie todas as peças com cuidado. Não
coloque as mãos ou os dedos entre peças
em movimento. Use Equipamento de pro-
teção pessoal (PPE) conforme o indicado
neste manual, incluindo óculos de prote-
ção, luvas e calçados de segurança.
O descumprimento pode resultar em morte
ou ferimentos graves.
W0208A

Aplique graxa CASE IH AKCELA MOLY GREASE nas car-


reiras externas dos rolamentos e ajuste a tampa su-
perior, sem os calços e com a ferramenta especial 1b0o2004061039 1

380000235 (2) fixada. Aperte os parafusos de fixação


no valor de torque de 130  Nm (96  lb ft).

LY
NOTA: Para ajudar na instalação do pino da oscilação,
recomenda-se que o guia 380001143 (1) seja instalado no
eixo.
N
2. Ajuste a tampa inferior sem calços, lubrifique os três
parafusos restantes com o óleo do motor.
Aperte gradualmente os parafusos da tampa inferiores
O
igualmente enquanto gira a carcaça, para permitir que
o excesso de graxa escape.
H
N
C

1b0o2004061040 2

3. Usando uma chave de torque e ferramenta especial


380000235 (1) , verifique se o torque necessário para
girar a carcaça é 15 - 20  Nm. Ajuste os três parafusos
inferiores até que o torque correto seja obtido.
Meça o vão (H) criado entre a tampa inferior e a car-
caça em três lugares.

1b0o2004061041 3

4. Calcule a média dos três valores medidos. A espes-


sura total dos calços de ajuste a serem colocados
abaixo da tampa inferior é Calço S3= H - 0.20  mm .
Se necessário, arredonde o valor para o próximo
0.05  mm.

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 7
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos

5. Insira calços abaixo da tampa de oscilação inferior.


Aperte os parafusos de fixação no valor de torque
especificado de 113  Nm.
6. Após ter girado a carcaça algumas vezes, para permitir
que os componentes se assentem, verifique se o tor-
que necessário para girar a carcaça é de 206 - 294  N·m
(151.9 - 216.8  lb ft) .
Se o valor do torque medido for maior do que o valor
especificado, aumente a espessura dos calços, se for
menos, reduza a espessura.
Remova a ferramenta especial 380000235 , encaixe
os niples de graxa nas tampas superior e inferior e
engraxe a unidade.

1b0o2004061042 4

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 8
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos

Cubo da roda - Remoção Eixo de tração em quatro rodas


PUMA 205, PUMA 225

1. Desparafuse os dois parafusos de fixação da barra de


ligação (1).

25591 1

2. Antes da remoção da barra de ligação, certifique-se de


que os cubos não girem em seus suportes, fazendo o
eixo cair de seu suporte.

LY
Usando uma ferramenta de remoção, retira os pinos de
seus furos no alojamento do eixo de comando e retire
a barra de ligação.
N
O

1b0o2004105903 2
H

3. Retire as arruelas batente (2) dos pinos articulados da


haste do cilindro, desparafuse os parafusos de fixação
do pino do cilindro (1), retire os pinos e tire os dois
N

cilindros.
Recupere os quatro pinos, as arruelas, os espaçadores
e os cilindros completos com as mangueiras.
C

25593 3

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 9
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos

4. Desparafuse os parafusos de fixação da tampa do co-


mando final do lado esquerdo (1). Aperte os dois pri-
sioneiros 380000548 (2) e, usando um martelo de im-
pacto parafusado no bujão de drenagem de óleo, retire
a tampa (1) da carcaça.

25594 4

5. Remova a arruela batente externa (1) que fixa a engre-


nagem de comando (2) e retire a engrenagem.

LY
N
O
25595 5

6. Retire a arruela batente interna (1).


H
N
C

25596 6

7. Retire o repuxo (1) na contraporca do rolamento do


cubo da roda (2).
NOTA: Se desejado, é possível retirar o cubo e o o aloja-
mento do suporte juntos, sem a necessidade de retirar a
contraporca do rolamento do cubo da roda.

25597 7

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 10
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos

8. Remova a contraporca do rolamento do cubo da roda


usando a ferramenta especial 380000469 .

25598 8

9. Retire o cubo da roda (1) com a coroa (2).

LY
N
O
25599 9

10. Retire a vedação usando uma ferramenta de extração


adequada.
H
N
C

BSB0233A 10

11. Desparafuse os três parafusos de fixação (1) do pino


inferior da carcaça do eixo de comando. Recupere o
pino articulado inferior e os calços de ajuste.

1b0o2004105906 11

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 11
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos

12. Desparafuse os quatro parafusos de fixação (1) do


suporte do para-lama (2) e retire o suporte.

TAG25011 12

13. Se instalado, retire o potenciômetro de ângulo de di-


reção. Retire a placa de retenção do potenciômetro
(1) e retire o potenciômetro (2) do cubo do eixo.

LY
N
O
BRH3254B 13

14. Desparafuse os três parafusos de fixação do pino ar-


ticulado superior.
Retire o pino articulado superior (1) e tire a carcaça
H

do eixo de comando (2).


.
N

NOTA: Consulte Sistema de controle do eixo dianteiro


- Substituir (55.045) para a substituição dos potenciôme-
tros de ângulo de direção.
C

1b0o2004105909 14

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 12
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos

Cubo da roda - Montar


PUMA 205, PUMA 225

Todos os veículos
1. PERIGO
Objetos pesados!
Sempre use equipamentos de elevação com
capacidade adequada para erguer e manu-
sear os componentes pesados . Sempre
use amarras ou ganchos adequados para
apoiar unidades ou peças. Mantenha as
pessoas longe da área de trabalho.
O descumprimento resultará em morte ou
ferimentos graves.
D0076A

Usando uma ferramenta adequada, instale a bucha de


latão para lubrificação no suporte do cubo. BAIL07APH667AVA 1

2. Usando uma ferramenta adequada, instale o retentor


tipo cassete.

LY
N
O

BAIL07APH666AVA 2
H

3. Usando uma ferramenta adequada, instale a arruela


de proteção de latão.
N
C

BAIL07APH665AVA 3

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 13
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos

4. Com um equipamento de elevação adequado, apoie o


transportador do cubo.
Instale o conjunto do suporte do cubo.

BAIL07APH581AVA 4

NOTA: Ao instalar o conjunto do pino giratório superior do


lado direito, tome cuidado para não danificar o sensor de
direção localizado no alojamento.

LY
N
BAIL07APH475AVA 5

5. Instale o pino giratório superior.


O
Instale os parafusos de retenção do pino giratório su-
perior.
H
N
C

BAIL07APH472AVA 6

6. Instale o pino giratório inferior (1) e os calços (2) que


foram removidos.

BAIL07APH587AVA 7

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 14
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos

7. Instale os parafusos de retenção do pino giratório infe-


rior.

BAIL07APH607AVA 8

NOTA: Esta etapa se refere apenas ao lado direito.


8. Instale o potenciômetro (2).
Instale a placa de cobertura do potenciômetro (1).

LY
N
O
BRH3254B 9

9. Conecte a extremidade da barra de ligação ao cubo.


Aperte com torque de 113  Nm (83  lb ft).
H
N
C

BAIL07APH470AVA 10

10. Instale o pino do pivô do cilindro da direção, verifi-


cando se os espaçadores (1) estão instalados como
foram removidos.
Instale o parafuso de retenção do pino do pivô do
cilindro da direção (2).
Instale o anel de retenção (3).

BAIL07APH480AVC 11

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 15
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos

11. Aperte os parafusos de retenção do pino giratório su-


perior (1) e inferior (2) com 130  Nm (96  lb ft).

BAIL07APH450AVA 12

12. Coloque o cubo sobre uma superfície apropriada.


Limpe a sede do retentor completamente e posicione
o retentor dentro da circunferência do cubo. Usando
a ferramenta especial de número 380200135, instale
o retentor até que a borda superior da ferramenta
atinja a superfície superior do cubo.

LY
N
MDM873A 13

13. Instale o cubo no eixo.


O
H
N
C

BAIL07APH672AVA 14

14. Instale a porca do cubo.

MDM851A 15

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 16
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos

15. Usando a ferramenta especial 380000469 , aperte o


cubo com 392  N·m (289  lb ft) enquanto estiver gi-
rando o cubo para se certificar de que os rolamentos
estejam corretamente assentados.

MDM852A 16

16. Instale a engrenagem de acionamento no eixo propul-


sor empurrando-a totalmente para trás.
Com a engrenagem de acionamento totalmente para
trás, afrouxe o eixo propulsor 10 mm para fora até
mostrar a ranhura das pinças.

LY
N
BAIL07APH504AVA 17

17. Instale as pinças. (1).


O
Empurre o eixo propulsor para trás, de modo que a
engrenagem de acionamento (2) retenha as pinças.
H
N
C

BAIL07APH158AVA 18

18. Instale o anel O-ring.

BAIL07APH501AVA 19

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 17
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos

19. Antes da instalação da tampa planetária, limpe e de-


sengraxe as superfícies de encaixe e aplique uma
gota 2  mm de gaxeta de vedação flexível.

BAIL07APH507AVA 20

20. Instale a placa da extremidade do cubo e o conjunto


de engrenagens planetárias.
Aperte os parafusos de retenção com 74  Nm (55  lb
ft).

LY
N
BAIL07APH487AVA 21

21. Gire o cubo para que o bocal de enchimento/bujão de


O
nível fique na posição horizontal.
Remova o bujão e reabasteça o cubo até o nível com
óleo segundo a especificação correta.
Reinstale o bocal de enchimento e aperte com 74  Nm
H

(55  lb ft).
N
C

BAIL07APH510AVA 22

22. Instale o para-lama dinâmico dianteiro (se equipado).

BAIL07APH065AVA 23

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 18
Sistema do eixo dianteiro - Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos

23. Instale a roda dianteira


.Aperte as porcas da roda com o torque especificado.
Para obter mais informações, consulte Rodas dian-
teiras - Torque (44.511).

BAIL07APH064AVA 24

24. Usando o equipamento de elevação adequado, ins-


tale os pesos dianteiros.

LY
N
BAIL08CVT011AVA 25

25. Instale os parafusos de retenção dos pesos diantei-


O
ros.
H
N
C

BRAG12TRCNH0007 26

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 19
Índice

Sistema do eixo dianteiro - 25

Conjunto do cubo do acionamento final, juntas da direção e eixos - 108


Cubo da roda - Montar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 13
PUMA 205, PUMA 225
Cubo da roda - Remoção Eixo de tração em quatro rodas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 9
PUMA 205, PUMA 225
Junta da direção e pino mestre Pino giratório e rolamento - Pré-carga . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7
PUMA 205, PUMA 225
Junta da direção e pino mestre Pino giratório e rolamento - Reforma Eixo da tração nas quatro rodas . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225
Semieixo - Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4
PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 20
LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
25.3 [25.108] / 21
Av. Juscelino K. de Oliveira, 11825, CIC - Curitiba (PR) - Brasil, CEP:81170-901

SERVICE - Technical Publications & Tools

LY
N
IMPRESSO NO BRASIL
O
© 2013 CNH GLOBAL N.V.
H

Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do texto e das ilustrações desta publicação.
N
C

É política da CASE IH o contínuo melhoramento dos seus produtos, reservando-se o direito à alteração de preços,
especificações ou equipamentos, em qualquer altura, sem notificação prévia.

Todos os dados fornecidos na presente publicação estão sujeitos a variações de produção. Os valores referentes a
dimensões e pesos são meramente aproximados e as ilustrações não representam necessariamente produtos em
condições padrão. Para obter informações precisas sobre um produto específico, consulte a sua Concessionária
CASE IH.

84417650A 31/07/2013
PT-BR
MANUAL DE SERVIÇO
Sistema do eixo traseiro

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
27
Conteúdo

Sistema do eixo traseiro - 27

[27.100] Eixo propulsor traseiro motriz . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 27.1

[27.106] Conjunto da engrenagem cônica traseira e diferencial . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 27.2

[27.120] Acionamentos final e planetário. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 27.3

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
27
ÍNDICE DOS BENS DE CONSUMO

Bens de consumo Referência PÁGINA


CASE IH Akcela HY-TRAN® Travamento do diferencial Embreagem com múltiplas placas 27.2 / 5
Ultra™ hydraulic transmission - Reforma
oil
CASE IH Akcela 251H EP Eixo da roda de tração - Instalar 27.3 / 14
Multi-purpose grease

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
27
LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
27
Sistema do eixo traseiro - 27

Eixo propulsor traseiro motriz - 100

LY
N
O
H
N
C

PUMA 205 [ZBCR93847 - ]


PUMA 225 [ZBCR93847 - ]
With cabine, 18X6 transmission, 4WD
With cabine, 18X6 transmission, 4WD

84417650A 31/07/2013
27.1 [27.100] / 1
Conteúdo

Sistema do eixo traseiro - 27

Eixo propulsor traseiro motriz - 100

DADOS TÉCNICOS

Eixo propulsor traseiro motriz


Especificações gerais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3
PUMA 205, PUMA 225

Ferramentas especiais . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 5
PUMA 205, PUMA 225

Torque . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 8
PUMA 205, PUMA 225

DADOS FUNCIONAIS

Eixo propulsor traseiro motriz LY


N
Vista seccional . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11
PUMA 205, PUMA 225
O
Descrição estática . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 13
PUMA 205, PUMA 225

SERVIÇO
H

Eixo propulsor traseiro motriz


N

Remoção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 14
PUMA 205, PUMA 225

Desmontar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 19
C

PUMA 205, PUMA 225

Ajuste . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 25
PUMA 205, PUMA 225

Instalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 33
PUMA 205, PUMA 225

DIAGNÓSTICO

Eixo propulsor traseiro motriz


Detecção e solução de problemas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 40
PUMA 205, PUMA 225

84417650A 31/07/2013
27.1 [27.100] / 2
Sistema do eixo traseiro - Eixo propulsor traseiro motriz

Eixo propulsor traseiro motriz - Especificações gerais


PUMA 205, PUMA 225

Relação entre pinhão e coroa: 9/42 = 1:4.66


Folga entre pinhão e coroa 0.25 - 0.33  mm (0.010 - 0.013  in)
Diferencial 4 pinhões
Controle de bloqueio do diferencial:
- embreagem multidiscos Atuação através de uma embreagem
multidiscos em banho de óleo
controlada hidraulicamente
Número de discos de embreagem:
- Discos acionados. n. 4
- Discos de acionamento. n. 4
- Espessura do disco acionado (cada) 3.45 - 3.55  mm (0.136 - 0.140  in)
- Espessura do disco de acionamento 1.95 - 2.05  mm (0.077 - 0.081  in)
(cada)
Diâmetro do furo do pinhão do diferencial 30.04 - 30.061  mm (1.183 - 1.184  in)
(consulte Eixo propulsor traseiro motriz
- Vista seccional (27.100) )
Diâmetro do mancal do pinhão do 29.939 - 29.96  mm (1.1787 - 1.1795  in)

LY
diferencial (6)
Folga do pinhão do diferencial 0.080 - 0.122  mm (0.003 - 0.005  in)
Sede do cubo da engrenagem lateral no
diferencial
Diâmetro da caixa (consulte Eixo 70  mm (2.756  in)
N
propulsor traseiro motriz - Vista
seccional (27.100))
Diâmetro do cubo da engrenagem lateral 68  mm (2.677  in)
O
(3)

Ajuste da posição do eixo do pinhão Consulte Eixo propulsor traseiro


(consulte Eixo propulsor traseiro motriz motriz - Ajuste (27.100)
H

- Vista seccional (27.100))


- calços disponíveis 3  mm (0.12  in)
3.1  mm (0.122  in)
N

3.2  mm (0.126  in)
3.3  mm (0.130  in)
3.4  mm (0.134  in)
C

3.5  mm (0.138  in)
3.6  mm (0.142  in)
3.7  mm (0.146  in)
3.8  mm (0.150  in)
3.9  mm (0.154  in)
4  mm (0.157  in)
Ajuste do rolamento do pinhão Consulte Eixo propulsor traseiro
motriz - Ajuste (27.100)

84417650A 31/07/2013
27.1 [27.100] / 3
Sistema do eixo traseiro - Eixo propulsor traseiro motriz

Calços do rolamento do pinhão (consulte 4.40  mm (0.173  in)


Eixo propulsor traseiro motriz - Vista 4.50  mm (0.177  in)
seccional (27.100)) 4.60  mm (0.181  in)
4.70  mm (0.185  in)
4.80  mm (0.189  in)
4.85  mm (0.191  in)
4.90  mm (0.193  in)
4.95  mm (0.195  in)
5.0  mm (0.197  in)
5.05  mm (0.199  in)
5.10  mm (0.201  in)
5.15  mm (0.203  in)
5.20  mm (0.205  in)
5.25  mm (0.207  in)
5.30  mm (0.209  in)
5.35  mm (0.211  in)
5.40  mm (0.213  in)
5.45  mm (0.215  in)
5.50  mm (0.217  in)
5.55  mm (0.219  in)
5.60  mm (0.220  in)
5.65  mm (0.222  in)

LY
5.70  mm (0.224  in)
5.75  mm (0.226  in)
5.80  mm (0.228  in)
5.85  mm (0.230  in)
5.90  mm (0.232  in)
N
5.95  mm (0.234  in)
6.0  mm (0.236  in)
6.05  mm (0.238  in)
O
6.10  mm (0.240  in)
6.15  mm (0.242  in)
6.20  mm (0.244  in)
6.30  mm (0.248  in)
H

6.40  mm (0.252  in)
6.50  mm (0.256  in)
6.60  mm (0.260  in)
N

Rolamento da coroa e folga Consulte Eixo propulsor traseiro


motriz - Ajuste (27.100)
Calços disponíveis (consulte Eixo 0.15  mm (0.006  in)
C

propulsor traseiro motriz - Vista 0.20  mm (0.008  in)


seccional (27.100)) 0.50  mm (0.020  in)
Folga entre a engrenagem do diferencial e 0.20  mm (0.008  in)
o pinhão
Espessura da arruela de encosto da
engrenagem do diferencial
(consulte Eixo propulsor traseiro motriz 2.70  mm (0.106  in)
- Ajuste (27.100) e Eixo propulsor 2.75  mm (0.108  in)
traseiro motriz - Vista seccional 2.80  mm (0.110  in)
(27.100)) 2.85  mm (0.112  in)
2.90  mm (0.114  in)
2.95  mm (0.116  in)
3.00  mm (0.118  in)
3.05  mm (0.120  in)
3.10  mm (0.122  in)
3.15  mm (0.124  in)
3.20  mm (0.126  in)
3.25  mm (0.128  in)
3.30  mm (0.130  in)
Folga final da engrenagem do diferencial 0.226 mm (0.0089  in)± 0.302  mm

(cada) (0.0119  in)

84417650A 31/07/2013
27.1 [27.100] / 4
Sistema do eixo traseiro - Eixo propulsor traseiro motriz

Ajuste da folga final da engrenagem do Consulte Travamento do diferencial


diferencial Embreagem com múltiplas placas -
Reforma (27.106).

Eixo propulsor traseiro motriz - Ferramentas especiais


PUMA 205, PUMA 225

AVISO: As operações descritas nesta seção só devem ser realizadas utilizando as ferramentas ESSENCIAIS que
aparecem abaixo com o símbolo "X". Contudo, para uma maior segurança e para obter os melhores resultados
que poupando tempo e esforço, recomendamos que estas ferramentas essenciais sejam usadas em conjunto com
as ferramentas específicas que são enumeradas abaixo e determinadas ferramentas que serão feitas segundo os
desenhos de construção que são dados neste manual.

Lista de ferramentas especiais necessárias para executar as diferentes operações descritas nesta Seção.
380000301 Base rotativa
380000236 Base de separação do trator
380000227 Gancho de elevação da carcaça do eixo traseiro
380000272 Suporte dianteiro para recondicionamento do eixo
traseiro (para ser usado com 380000301)
380000273 Suporte traseiro para recondicionamento do eixo traseiro

LY
(para ser usado com 380000301)
X 380000459 Chave de boca para verificação do torque de rolagem
do pinhão
380001783 Sacador do eixo da caixa de transferência
380000452 Ferramenta da porca de anel do pinhão
N
X 380000470 Ferramenta de ajuste do rolamento do pinhão
X 380000472 Espaçador (para ser usado com 380000470)
380000249 Instalador do pinhão universal
O
X 380000477 Gancho de elevação da coroa-diferencial
380000240 Kit universal de teste de pressão do bloqueio do
diferencial
X 380000475 Ferramenta de ajuste a engrenagem planetária do
H

diferencial

380000237 Gancho de levantamento da roda traseira.


N

380000462 Base de recondicionamento do diferencial.


380000549 Martelo de impacto.
C

X 380000486 Espaçador e bucha (para ser usados com 380000470 ).


380000569 Kit de separação do trator
380000403 Suporte do eixo traseiro
380200104 Ferramenta de remoção da coroa

84417650A 31/07/2013
27.1 [27.100] / 5
Sistema do eixo traseiro - Eixo propulsor traseiro motriz

LY
N
24663 1
Ferramenta a ser fabricada para desmontar-montar os eixos de acionamento finais (marcar a ferramenta
O
com o número 50091 -
- dimensões em mm).
H

Fabricar a ferramenta usando o material Aq 42 D.material


1. Faça 2 pernas com material C 40 H&T
N

A ferramenta deve ser fabricada para desmontar-montar o eixo do pinhão biselado

• Fazer do soquete 60  mm (remover a ponta de acionamento quadrada).


C

• Solde uma peça de metal quadrada apropriada ao soquete (veja a Fig. 2).
• Use em conjunto com o acoplador de acionamento do pinhão e com o soquete de acionamento 3/4  in. (Consulte
Eixo propulsor traseiro motriz - Desmontar (27.100)).

84417650A 31/07/2013
27.1 [27.100] / 6
Sistema do eixo traseiro - Eixo propulsor traseiro motriz

1b0o2004105982 2

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
27.1 [27.100] / 7
Sistema do eixo traseiro - Eixo propulsor traseiro motriz

Eixo propulsor traseiro motriz - Torque


PUMA 205, PUMA 225

DESCRIÇÃO Rosca tamanho Torque


(1) Parafuso, engrenagem da coroa M14 x 1,5 195 Nm (143.82  lbft)

(2) Porca, caixa do acionamento final M14 x 1,5 200  Nm (147.51  lbft)
(3) Parafuso, eixo da roda motora M22 x 1,5 88  Nm (64.91  lbft)(*)
(4) Conjunto do pino do pistão 120  N·m (88.51  lb ft)
(5) Porca, eixo do pinhão cônico M45 x 1,5 500  Nm (368.78  lbft)
(6) Parafuso do disco do freio M12 x 1,25 x 50 98  N·m (72.28  lb ft)
(7) Suporte do diferencial M10 x 1,25 54  Nm (39.8  lb ft)
(*) consulte o procedimento de ajuste em Eixo da roda de tração - Instalar (27.120)

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
27.1 [27.100] / 8
Sistema do eixo traseiro - Eixo propulsor traseiro motriz

LY
N
O
H
N
C

BAIL12CCM237HAB 1

84417650A 31/07/2013
27.1 [27.100] / 9
Sistema do eixo traseiro - Eixo propulsor traseiro motriz

Outros torques úteis


Porca, disco de roda para aro da roda M16 x 1,5 250  Nm (184.39  lbft)
Porca, disco de roda de aço para M18 x 1,5 255  Nm (188.08  lbft)
cubo da roda
Parafuso, cubo da roda no semieixo M16 x 1,5 294  Nm (216.84  lbft)
da roda dupla
Parafuso, disco do TRILHO no M16 x 1,5 294  Nm (216.84  lbft)
semieixo da roda dupla
Porca, bloco do disco do TRILHO M20 x 2,5 245  Nm (180.70  lbft)
Porca, disco do TRILHO para o cubo M18 x 1,5 314  Nm (231.59  lbft)
da roda
Porca, parafuso do peso para disco M16 x 1,5 294  Nm (216.84  lbft)
de roda de aço
Parafusos de fixação, pesos de roda M16 x 1,5 211  Nm (155.63  lbft)
Parafuso Allen, pesos de roda para M16 x 1,5 186  Nm (137.19  lbft)
disco de ferro fundido

LY
N
O
H
N
C

84417650A 31/07/2013
27.1 [27.100] / 10
Sistema do eixo traseiro - Eixo propulsor traseiro motriz

Eixo propulsor traseiro motriz - Vista seccional


PUMA 205, PUMA 225

LY
N
O
BSE2387A 1
Vista do corte longitudinal do eixo dianteiro
H

1 Eixo do pinhão biselado 2 Rolamento cônico


3 Calço de ajuste d