Вы находитесь на странице: 1из 3

Colégio da Policia Militar

Trabalho de História
Cultura Negra no Brasil

Nomes:

Gabrielle Rocha nº09


Isabela Almeida nº12
Jaqueline nº16
José Paulo nº17
Natália Evelin nº24
Priscila nº28

3º D

SP-2011
Cultura Negra no Brasil

Falar sobre os negros no Brasil se torna um assunto muito amplo, pois a maior parte
de nossa cultura, senão toda descende dos negros.
A influência da cultura negra é notória, nas músicas, nas comidas, nas danças, no
modo de falar, no modo de comportamento e etc.
A origem negra na história brasileira inicia-se no período colonial, com a vinda dos
escravos africanos, que eram trazidos pelos europeus para fornecerem mão de obra.
Atualmente a cultura vinda desde período, se tornou uma identidade brasileira, ou
seja, a mistura de negros com brancos se tornou característica da população do Brasil. A
pele mais escura, os cabelos mais enrolados, a língua, as gírias, entre outros.
Uma das maiores evidências da influência negra em nossa cultura está no gosto dos
brasileiros. A música, o samba, o axé, são ritmos que hoje em dia, podemos dizer que é
original do Brasil, porém, esses ritmos são as mais claras identidades negras, são
músicas, estilos, trazidos pelos negros, desde o período colonial. Outras marcas estão
também, na culinária do brasileiro, o principal prato, que é aprovado por quase toda
população, é a feijoada, prato típica negra, de origem escrava.
Além da comida, da música, do estilo, uma marca muito forte dos negros, está
também na religião, exemplos são, o candomblé, os orixás (Oya,Ogum,Iemanjá e etc) ,
a umbanda, são as principais crenças dos negros, que hoje, já está de forma homogênea,
atingindo tanto os negros, como os brancos.
Apesar de como citado, a população brasileira, ter sua origem nos negros, ainda existe
um grande problema social, que seria o racismo, que insiste em prevalecer.
O negro desde a época colonial vem sido discriminado, excluído da sociedade,
primeiramente foi o colocando no papel de escravo e mesmo com a abolição da
escravidão, a sociedade continua com esse pensamento retrógado. O racismo não é algo
mais “nítido”, porém, ainda está muito evidente na sociedade, a pessoa afro-descendente
é motivo de piadas, de preconceitos, é excluída de muitos ambientes, muitas vezes não
são aceitas em empregos, são constrangidas perante a sociedade.
A nossa população é formada a maior parte por negros e mestiços, todos nós
brasileiros somos descendentes de negros, contudo, ainda existe um grande caminho a
percorrer contra a desigualdade. Os negros assim como os brancos, merecem os seus
direitos, desde o começo de sua história.
O brasileiro se tornou uma marca negra, nossa origem é negra, por isso desta maneira
precisamos ver e aceitar essa cultura, que originou a nossa, esse povo que desde sempre,
vem lutando,ajudou a construir nosso povo, e até hoje é marcada pela sua garra e
determinação.