Вы находитесь на странице: 1из 20

FICHA INDIVIDUAL DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO ADMINISTRAÇÃO

FUNCIONÁRIO ADMISSÃO

CARGO DEPTO

PONTUALIDADE/ASSIDUIDADE

Disposição do empregado em cumprir integralmente sua jornada de trabalho.


チ Algumas faltas. Nenhum atraso.
チ Não falta nem chega atrasado.
チ Faltas e atrasos frequentes.
チ Alguns atrasos. Nenhuma falta.

QUALIDADE

Grau de perfeição com que o empregado executa suas funções.


チ Trabalho mal feito e cheio de imperfeições.
チ Qualidade de trabalho irregular: ora é boa, ora deixa a desejar.
チ Trabalho bem feito, com mínima margem de erros.
チ Trabalho de excelente qualidade, sem erros e omissões.

INTERESSE PELO TRABALHO

Dedicação e esforço pessoal em aperfeiçoar-se cada vez mais para assumir novos encargos e
responsabilidades.
チ Interessa-se pelo trabalho. Tem vontade de progredir e se esforça.
チ Indiferente. Parece não ter ambição.
チ Mostra algum interesse, porém não se esforça.
チ Possui notável interesse pelo trabalho. Tem muita vontade de progredir e faz o possível para isso,
inclusive incentivando os colegas.

CAPACIDADE DE APRENDIZAGEM

Facilidade de compreender e reter instruções e informações.


チ Apresenta alguma dificuldade para assimilar novas orientações. Aprendizagem lenta.
チ Aprende com rapidez surpreendentemente. Ótima capacidade de assimilação.
チ Facilidade para aprender. Poucas instruções são suficientes.
チ Muita dificuldade par aprender. Necessita instruções constantes e pormenorizadas.

SENSO DE RESPONSABILIDADE

Condição de trabalhar sem necessidade de supervisão, adquirida pelo desenvolvimento profissional


do empregado.
チ É pessoa de inteira confiança. Tem plenas condições para assumir maiores responsabilidades.
チ Tem consciência de sua funções, porém ainda requer um mínimo de supervisão. Pode assumir
maiores responsabilidades, desde que devidamente treinado.
チ Não é responsável. Requer supervisão constante.
チ É responsável, porém necessita supervisão regularmente. Ainda não tem condições para assumir
maiores responsabilidades.

COMPORTAMENTO NO TRABALHO
Conduta pessoal do empregado. Maneira de ser que o caracteriza em suas atitudes.
チ É muito simpático e solícito. Dá-se bem com todos.
チ Pouco educado e as vezes grosseiro.
チ Educado, mantém bom relacionamento.
チ Geralmente é educado, porém suas atitudes as vezes são desagradáveis.

PRODUTIVIDADE

Volume de trabalho executado em relação ao tempo gasto.


チ Produz sempre mais que a maioria. Aproveita muito bom o tempo.
チ Produtividade insuficiente. Perde tempo.
チ É esforçado, porém produz menos que a maioria do pessoal.
チ Produtividade igual a da maioria. Procura aproveitar bem o tempo.

COLABORAÇÃO COM GRUPO

Capacidade de trabalhar em conjunto com outros colegas de forma harmoniosa e eficiente.


チ Colabora sempre espontaneamente, transmitindo entusiasmo aos colegas.
チ Evita prestar auxilio.
チ Só coopera quando solicitado, mas com pouco ânimo.
チ Trabalha normalmente em equipe. As vezes colabora espontaneamente.

CONHECIMENTO DO TRABALHO

Considerar a facilidade com a qual trabalha, utilizando-se dos conhecimentos teóricos e práticos que
possui.
チ Conhecimento apenas superficiais das funções de seu cargo.
チ Conhece perfeitamente todas as funções de seu cargo. Tem condições, inclusive, para assumir
outras.
チ Tem boas noções de grande parte das funções.
チ Conhece perfeitamente todas as funções de seu cargo, porém não tem condições para assumir
outras funções.

INICIATIVA

Condições em resolver os problemas por si em situações imprevistas, ou o encaminhamento correto


para a solução dos problemas. Considerar também a apresentação de sugestões.
チ Em situações rotineiras encontra soluções razoáveis. As vezes apresenta sugestões.
チ Aguarda sem ação até que o orientem.
チ Resolve problemas por si, som segurança, e acerto. Apresenta sugestões excelentes visando a
melhoria no ambiente e condições de trabalho.
チ Pouco resolve sem perguntar. Não apresenta sugestões.

DISCIPLINA

Facilidade em aceitar instruções de ordem superior, normas e procedimentos da empresa.


チ Sempre cumpre ordens e recomendações. Sua conduta é impecável e serve como modelo.
チ As vezes mostra-se reticente em cumprir as ordens recebidas, porém sem perturbar o ambiente de
trabalho.
チ Geralmente observa ordens e regulamentos. É disciplinado.
チ Nem sempre acata as instruções recebidas, ocasionando problemas disciplinares.

APRESENTAÇÃO PESSOAL

Cuidado com asseio pessoal e vestuário. Apresentação de modo geral.


チ Veste-se adequadamente para o cargo que ocupa. É asseado.
チ Sua apresentação pessoal não é das melhores. Não se distingue pelo asseio.
チ É asseado, porém descuidado no vestir-se.
チ Apresenta-se de forma irrepreensível.

FICHA INDIVIDUAL DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO CHEFIAS

FUNCIONÁRIO ADMISSÃO

CARGO DEPTO

Instruções:
• Preencha a ficha à tinta e em letra de forma;
• Ao avaliar, considerar o desempenho do funcionário dentro dos requisitos do cargo;
• Em relação a cada fator, avaliar estabelecendo comparações entre os funcionários que
exerçam o mesmo cargo, assinalando com "x" a alternativa mais adequada ao desempenho
do avaliado.
• Avaliar cada fator com suas alternativas de maneira cuidadosa, não permitindo que o
conceito emitido em um fator, influencie nos demais.
• Confira e assine a Ficha de Avaliação. Feito isto, leve a apreciação do seu superior,
encaminhando posteriormente, em envelope lacrado ao Departamento Recursos Humanos.

LIDERANÇA

Capacidade caracterizada pela forma como mantém sua autoridade e como se interessa pelos seus
subordinados.
チ Não chega a apresentar problemas como superior, mas é demasiadamente liberal com os seus
subordinados.
チ Faz valer plenamente a sua autoridade e a mantém com facilidade e, sua área funciona muito bem.
チ Sua supervisão gera problema de insatisfação entre o seu pessoal, influindo decididamente na
qualidade e quantidade de trabalho.
チ Algumas vezes não consegue controlar seus subordinados, revelando que precisa ser treinado para
melhorar a sua supervisão.

CAPACIDADE DE ORGANIZAÇÃO

Avaliar a habilidade no controle do trabalho de sua área.


チ Não tem idéia aproximada da capacidade de produção de seus subordinados, provocando grande
variação na carga de trabalho. Precisa se organizar mais.
チ Conhece muito bem as possibilidades de seu pessoal e consegue manter a produção sem
acúmulos de trabalho. Tudo corre normalmente.
チ Conhece as reais possibilidades de trabalho de seu pessoal e consegue manter a produtividade
acima do normal, programando e distribuindo adequadamente o trabalho.
チ Não tem nenhuma idéia sobre quando e como contar com o seu pessoal. Apresenta um trabalho
desorganizado e em ritmo irracional.
INICIATIVA

Avaliar a segurança que demonstra nas suas decisões, aliada a convicção com que as coloca em
prática.
チ Apresenta boas soluções para os problemas de sua área, mas demonstra certa insegurança ao
colocá-las em prática.
チ Resolve sempre de maneira correta os problemas de sua área e tem facilidade para colocar
adequadamente, suas idéias em prática.
チ Desenvolve apenas o trabalho de rotina e tem sérias dificuldades em orientar os seus subordinados
na resolução dos problemas funcionais.
チ Tem capacidade para chegar às conclusões teóricas, mas tem real impossibilidade em tomar
iniciativas práticas.

CONHECIMENTO DO TRABALHO

Avaliar o conhecimento e a compreensão dos princípios básicos, teóricos e práticos do trabalho.


チ O conhecimento prático que possui de sua área é insatisfatório. Parece trabalhar por tentativas e de
maneira confusa.
チ Possui bom conhecimento prático de sua área e conhece satisfatoriamente, suas ligações com as
demais áreas.
チ Reúne profundos conhecimentos práticos e teóricos do seu trabalho. Possui perfeita noção de
importância dos trabalhos de sua área e de sua ligação com as demais áreas.
チ Conhece bem a sua área, mas não conhece a sua ligação com as demais. Seu conhecimento é
apenas prático.

JULGAMENTO DE SUBORDINADOS

Avaliar o interesse e a objetividade ao julgar seus subordinados, levando em conta a imparcialidade.


チ Avalia seus subordinados com honestidade e espírito de justiça, pois conhece-os muito bem. Sua
imparcialidade é reconhecida.
チ Dá a devida importância a avaliação de desempenho de seus subordinados. Seu julgamento é
satisfatório.
チ O interesse demonstrado pela avaliação de desempenho de seus subordinados é apenas relativa e
apresenta algumas falhas.
チ É totalmente indiferente quanto à importância de avaliação de seus subordinados.

PLANEJAMENTO

Capacidade de elaboração do trabalho de preparação para qualquer empreendimento, para se atingir


os objetivos traçados pela empresa.
チ Não tem capacidade de elaboração e preparação de planos que objetivem metas futuras,
despendendo muito tempo.
チ Elabora e prepara com relativa perfeição os planos, adequando-os aos objetivos da empresa.
チ Possui noção de elaboração e preparação de planos, mas devido o seu nível de conhecimento
requer acompanhamento.
チ Elabora e prepara com perfeição os planos dentro dos objetivos traçados pela empresa.

DEDICAÇÃO À EMPRESA

Avaliar o grau de dedicação. Relacionado com a confiança que inspira no desempenho de suas
funções.
チ Está constantemente preocupado com a importância da empresa e em preservar a sua boa
imagem, podendo lhe delegar qualquer missão que exija confiança.
チ Não se interessa pelos resultados de seu trabalho para a empresa. Seu real interesse pode ser
colocado em dúvida.
チ Não se pode confiar inteiramente. Atribui importância ao trabalho até certo ponto, desde que não
exija dele dedicação especial.
チ É dedicado ao trabalho e procura atender aos interesses da empresa, portanto, merece confiança.

PRODUTIVIDADE

Examinar o rendimento alcançado pelo funcionário em sua área, relacionado com a produtividade
esperada.
チ Esforça-se para atingir níveis de produtividade previstos, mas precisa melhorar a distribuição de seu
pessoal para aumentar sua quantidade de trabalho.
チ A perfeita distribuição das tarefas proporciona sempre uma produtividade acima da esperada.
チ Atende aos níveis de produtividade esperada e esforça-se pela distribuição adequada de seu
pessoal.
チ Há execesso de horas extras em sua área e, constantemente, reclama por reforço de pessoal.
Nunca está em dia com a produção.

DESENVOLVIMENTO PESSOAL

Avaliar a preocupação no desenvolvimento técnico e cultural de seus funcionários.


チ Tem noção da importância do desenvolvimento técnico e cultural do seu pessoal mas acha que, por
ora, é suficiente os recursos humanos que dispõe.
チ Está constantemente se empenhando no desenvolvimento técnico e cultural de seu pessoal.
チ Se empreende no desenvolvimento técnico e cultural de seu pessoal, levado pelas situações
imprevistas.
チ Não dá importância e não se interessa pelo desenvolvimento técnico e cultural de seu pessoal.

INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES:

Qual o conceito que você atribuiria ao seu funcionário ?


チ Excelente.
チ Bom.
チ Médio
チ Médio inferior.
チ Insuficiente.
De acordo com a avaliação feita, indicar mediante justificação, o procedimento a ser adotado com o
avaliado.
チ Permanecer no cargo atual: ...
チ Transferir para: ....
チ Outros procedimentos: ...

Avaliador: ...
Data: ...
CARACTERIZAÇÃO:

Compreende o período de adaptação do funcionário ao cargo e ajustamento às normas e


procedimentos da empresa.

O processo envolve a efetiva participação da chefia imediata do funcionário, desde a assistência


constante a esse, até a decisão sobre sua situação na empresa.

Dentro desse período, enquadram-se os funcionários recém-admitidos, promovidos ou remanejados.

Os aspectos técnicos desse trabalho envolvem basicamente:

• avaliação de desempenho pelo supervisor imediato do funcionário;


• análise da avaliação pelo setor responsável pelo acompanhamento de Pessoal, e
• entrevistas de analistas do acompanhamento de pessoal com o avaliador e/ou funcionário, no
caso de detecção de problemas.

OBJETIVOS:

O processo de avaliação, quer realizado pelo setor específico ou pela própria área, pressupõe um
trabalho de apreciação constante sobre o comportamento dos indivíduos e das situações
apresentadas na organização.

Quando aplicada dentro de um sistema normatizado, a "avaliação de desempenho" permite-nos:

• padronizar formas de avaliação para toda organização;


• auxiliar a chefia na consideração de desempenho de seus subordinados;
• identificar a adaptação do funcionário à empresa e ao cargo;
• proporcionar "feed-back" aos funcionários sobre seu desempenho;
• diagnosticar necessidades de mudança;
• detectar formas alternativas para correção de falhas, e
• avaliar métodos seletivos adotados.

INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO:

O primeiro instrumento utilizado é o impresso "Avaliação de Desempenho", que na prática será


preenchido pelo superior imediato, junto com a avaliação, discutindo os fatores que estão sendo
pontuados.

Inclui dados mensuráveis e esclarecimentos sobre o desempenho do funcionário, como resultante de


seu comportamento.

São vários os fatores de comportamento e desempenho que utilizados pelas empresas, atendendo o
contexto de cada organização, por exemplo:

• Operacional: mão-de-obra básica, correspondendo às funções não especializadas, de


atividades simples e específicas, que requerem pouca iniciativa fora da rotina normal;
• Administrativo: corresponde aquelas atividades desenvolvidas no escritório, de caráter
burocrático, não exigindo supervisão de funcionário;
• Técnico: desenvolvem atividades que necessitam de conhecimentos técnicos envolvidos no
planejamento, execução e avaliação de projetos específicos;
• Supervisão: cargos que implicam em supervisão de outros funcionários, e
• Gerencial: além de supervisionar áreas, são atribuídas atividades de maior responsabilidade
na empresa.

AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO - ADMINISTRAÇÃO

Capacidade profissional: condição de aplicar recursos teóricos e práticos para elaboração de


trabalhos.

• emprega de forma inadequada recursos teóricos e práticos;


• encontra dificuldades para aplicação teórica, apenas para atividades mais complexas;
• utiliza com eficácia teórica e prática, inclusive em atividades mais complexas.

Criatividade: capacidade para apresentar e desenvolver idéias, aprimorar técnicas e métodos de


trabalho.

• não apresenta capacidade para sugerir novas alternativas;


• demonstra alguma dificuldade em apresentar idéias;
• tem facilidades em apresentar novos recursos para aprimorar técnicas e métodos de trabalho.

Iniciativa: disposição para agir e solucionar, por si ou recorrendo a outras pessoas.

• fica sem ação quando há dúvidas ou problemas de trabalho;


• procura agir frente a maioria das situações ocorridas;
• age prontamente, frente a todas as dúvidas e problemas sugeridos.

Relacionamento pessoal: contato que o avaliado apresenta com colegas, chefia e demais elementos
envolvidos em seu trabalho.

• apresenta acentuada dificuldade em se relacionar com as pessoas;


• necessita de orientação constante para melhorar seu relacionamento;
• apresenta facilidade em estabelecer contatos.

Atenção: considere o quanto o avaliado mantém-se atento na verificação, conferência, transcrição e


outras atividades que requeiram atenção.

• é cauteloso e apresenta uma concentração visual e ou mental apropriada para desenvolver suas atividades;
• suas tarefas necessitam de constante supervisão;
• concentração mental e ou visual notável, é meticuloso e cauteloso, não ocorrem erros nas tarefas sob sua responsabilidade.

Organização: observe a maneira com que organiza suas tarefas e ou materiais documentos e outros
que utiliza para realização de seu trabalho.

• apresenta-se de maneira notável quanto à controle e cuidado nas atividades;


• não é organizado, perde-se freqüentemente na execução de seu trabalho;
• não chega a perder-se em seu trabalho, mas apresenta dificuldades em desenvolver meios de organizar suas atividades.

Contato com o público: considere a sua maneira de tratar as pessoas.

• destaca-se pela maneira de tratar os diferentes tipos de pessoas;


• necessita de orientação para aprimorar-se nesse aspecto;
• a execução de suas tarefas é prejudicada, por não saber tratar as pessoas adequadamente.

Assiduidade: considere a quantidade de freqüência no trabalho, como também as faltas justificadas


ou não.

• raramente falta, quando isto ocorre é por motivo justo e autorizado;


• faltas ocasionais, sendo que algumas não são justificadas;
• falta freqüentemente sem justificativas.

Conhecimentos ligados ao trabalho: observe o grau de domínio e experiência nos serviços sob sua
responsabilidade.

• seus conhecimentos são mínimos, ocasionando erros que prejudicam o andamento do trabalho.
• apresenta grande preparo e competência para realizar seu trabalho;
• os conhecimentos que possui são suficientes para execução de suas tarefas.

Disciplina: considere a maneira que o avaliado respeita a chefia, acata e cumpre as ordens que lhe
são transmitidas.

• é notável o respeito que possui pela chefia;


• nem sempre cumpre as ordens que lhe são transmitidas;
• sua atitude deixa a desejar, é resistente às ordens e as críticas que lhe são transmitidas.

RECOMENDAÇÃO:

• transferência de setor de trabalho


• promoção
• demissão

AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO - GERENCIAL

Comunicação: capacidade de dialogar e transmitir informações, idéias ou ordens verbais a entidades


externas, superiores e subordinados.

• sua forma de comunicação é clara e objetiva, deixando dúvidas apenas em algumas situações;
• comunica-se de forma confusa, fazendo com que as informações transmitidas não sejam compreendidas;
• comunica-se de maneira clara e objetiva, facilitando a compreensão das informações que transmite, não deixando dúvidas.

Estabilidade emocional: capacidade de reagir com controle nas diversas situações de trabalho, que
envolvam imprevistos, pressão e conflito.

• tem facilidade para reagir com controle em todas as situações;


• na maioria das vezes consegue manter calma frente as diversas situações;
• tem acentuada dificuldade de manter o controle, tornando o ambiente desagradável.

Tomada de decisão: capacidade de encontrar a melhor solução para os problemas ligados à sua área
de atividade.
• age prontamente quando necessário;
• não avalia o resultado de suas decisões para aprimorá-las;
• as soluções encontradas nem sempre evitam a ocorrência de problemas.

Planejamento e Organização: capacidade de elaborar programas de trabalho, utilizando


procedimentos e recursos disponíveis à consecução dos objetivos propostos.

• mostra-se eficiente para elaborar programas de trabalho;


• não consegue elaborar programas de trabalho, mesmo quando orientado;
• necessita de orientação, por apresentar falhas na elaboração de programas de trabalho.

Liderança: forma como observa e orienta seus subordinados.

• faz observações imprecisas da atuação de seus subordinados;


• observa com atenção a atuação de seus subordinados e orienta-os com eficiência;
• apresenta dificuldades para perceber a atuação dos funcionários.

Sigilo: atitude apresentada frente a assuntos confidenciais.

• na maioria das vezes é descuidado com assuntos confidenciais, necessitando de orientação constante de como agir;
• mantém sigilo diante de assuntos confidenciais, sendo elemento de confiança;
• não mantém sigilo em assuntos confidenciais, deixando de ser um elemento de confiança.

Coordenação: maneira pela qual distribui as tarefas de seus subordinados e habilidade em obter uma
ação integrada pela consecução dos objetivos do grupo.

• seu método de distribuição é inadequado, deixando de atingir os objetivos do grupo;


• a distribuição de tarefas é de tal forma eficaz que o leva a atingir plenamente os objetivos do trabalho;
• apresenta dificuldade na distribuição de tarefas, sendo que, em algumas vezes deixa de cumprir os objetivos propostos.

Controle: condição de acompanhar o andamento dos trabalhos efetuados por seu grupo, com
conhecimento e domínio de todos os fatores envolvidos na sua realização.

• acompanha com eficácia todos os trabalhos de seu grupo;


• na maioria das vezes, consegue acompanhar o andamento dos trabalhos de seus subordinados;
• não acompanha o andamento dos trabalhos.

Capacidade de Análise e Síntese: condição que apresenta para avaliar os elementos mais
importantes de uma situação sem perder o sentido da totalidade.

• não apresenta condições de analisar nem de sintetizar os aspectos mais relevantes, perdendo em qualquer situação o
sentido da totalidade;
• é hábil para avaliar de forma acurada os elementos mais importantes de uma situação;
• tem alguma dificuldade na análise dos elementos mais importantes, muitas vezes perde o sentido da totalidade.

Criatividade: capacidade para apresentar e desenvolver idéias, aprimorar técnicas e métodos de


trabalho.

• não apresenta capacidade para sugerir novas alternativas para o aperfeiçoamento de técnicas e métodos utilizados no
trabalho;
• demonstra alguma dificuldade;
• tem facilidade em apresentar e desenvolver idéias, aproveitando da melhor maneira os recursos de que dispõe.

RECOMENDAÇÃO:
• transferência de setor de trabalho
• promoção
• demissão.

AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO - OPERACIONAL

Disciplina: considere a maneira que o avaliado respeita a chefia, acata e cumpre as ordens que lhe
são transmitidas.

• nem sempre acata e cumpre as ordens que lhe são transmitidas;


• é notável o respeito que possui pela chefia;
• sua atitude de respeito com seus superiores deixa a desejar.

Hábitos de segurança: Obediência às regras e instruções para prevenção de acidentes do trabalho.

• na maioria das vezes procura cumprir regras de segurança;


• cumpre em qualquer situação;
• não obedece as regras.

Relacionamento pessoal: contato que o avaliado apresenta com colegas, chefia e demais elementos
envolvidos em seu trabalho.

• apresenta acentuada dificuldade em se relacionar com as pessoas;


• necessita de orientação constante para melhorar seu relacionamento;
• apresenta facilidade em estabelecer contatos adequados.

Zelo: maneira pela qual utiliza e conserva os equipamentos, materiais, ferramentas e demais bens da
empresa.

• é muito cuidadoso na utilização e conservação de todos os materiais de seu trabalho;


• mantém os materiais de trabalho quase sempre em boas condições;
• em qualquer situação mostra-se descuidado.

Aprendizagem: capacidade em assimilar as informações recebidas sobre o trabalho.

• possui facilidade em assimilar as informações recebidas;


• assimila grande parte, porém ao aplicá-las, necessita de uma nova explicação;
• não consegue assimilar as informações.

Rendimento no trabalho: considere o rendimento do trabalho rotineiro do avaliado.

• é bom, embora ainda não consiga acompanhar e desenvolver suas tarefas;


• sobressai-se pelas realizações de suas tarefas;
• apresenta um baixo rendimento de trabalho.

Pontualidade: considere a exatidão do avaliado quanto a observância do horário de entrada.

• respeita o horário de entrada, embora chega atrasado algumas vezes;


• cumpre com exatidão o horário de entrada;
• chega freqüentemente atrasado.

Assiduidade: considere a quantidade de freqüência no trabalho, como também as faltas justificadas


ou não.

• falta freqüentemente sem justificação;


• pequeno número de faltas, com justificativas autorizadas;
• raramente falta.

Interesse: disposição cm que o avaliado procura executar suas tarefas e se aperfeiçoar


profissionalmente.

• apresenta pouco interesse na execução de suas tarefas;


• demonstra muito interesse em tudo o que faz;
• mostra-se totalmente desinteressado.

Adaptação: considere a capacidade de ajustamento do empregado em relação ao trabalho.

• ainda não se ajustou a este trabalho;


• está perfeitamente adaptado ao cargo que ocupa;
• o empregado não está adaptado ao trabalho que ora executa.

RECOMENDAÇÃO:

• transferência de setor de trabalho


• promoção
• demissão

AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO - SUPERVISÃO E CHEFIA

Liderança: forma como observa e orienta seus subordinados.

• faz observações imprecisas da atuação de seus subordinados;


• observa com atenção a atuação de seus subordinados e orienta-os com eficiência, motivando o grupo para o trabalho;
• procura observar a atuação de cada empregado e, algumas vezes suas orientações surtem o efeito esperado.

Iniciativa: disposição para agir e solucionar por si, ou recorrendo a outras pessoas, situações que
surjam em seu trabalho.

• age prontamente frente a todas as dúvidas e problemas, solucionando-os da melhor forma;


• fica sem ação quando há dúvidas ou problemas, não sabendo solucioná-los;
• Procura agir frente a maioria das situações ocorridas, as vezes deixa de solucioná-las adequadamente.

Interesse: disposição com que o avaliado procura executar suas tarefas e se aperfeiçoar
profissionalmente.

• apresenta pouco interesse na execução de suas tarefas;


• mostra-se desinteressado e não se preocupa em aprimorar seus conhecimentos;
• demonstra muito interesse em tudo o que faz, busca constantemente oportunidade para se desenvolver no trabalho.

Coordenação: maneira pela qual distribui as tarefas a seus subordinados e habilidade em obter uma
ação integrada para consecução dos objetivos do grupo.

• a distribuição das tarefas é de tal forma eficaz, que o leva a atingir plenamente os objetivos de trabalho;
• seu método de distribuição de trabalho é inadequado, deixando de alcançar os objetivos;
• apresenta dificuldade na distribuição de tarefas, sendo que, em algumas situações, deixa de cumprir os objetivos propostos.

Capacidade profissional: condição de aplicar recursos teóricos e práticos para a elaboração do


trabalho.

• emprega de forma inadequada recursos teóricos e práticos em qualquer atividade;


• utiliza com eficácia tais recursos, inclusive em atividades mais complexas;
• tem dificuldades, muitas vezes, em utilizar esses recursos, mesmo em atividades mais simples.

Controle: condições de acompanhar o andamento os trabalhos de sua equipe com conhecimento e


domínio de todos os fatores envolvidos na sua realização.

• na maioria das vezes consegue acompanhar o andamento dos trabalhos de seus subordinados, mantendo o controle da
situação;
• não acompanha o andamento dos trabalhos;
• acompanha com eficácia todos os trabalhos de seu grupo, sendo capaz de expor prontamente a situação em que os
mesmos se encontram.

Comunicação: forma de receber e transmitir idéias e informações verbais/escritas.

• comunica-se de maneira clara e objetiva facilitando a compreensão das informações que transmite;
• comunica-se de forma confusa, fazendo com que as informações transmitidas não sejam compreendidas;
• apresenta pouca clareza e objetividade na maneira de comunicar-se.

Tomada de decisão: maneira como atua em diferentes situações de trabalho, assumindo e prevendo
conseqüências.

• demonstra insegurança para tomar decisões, responder sobre o andamento das atividades de sua área;
• apresenta firmeza ao tomar decisões, tendo excelente visão de todas as implicações das atividades que assume;
• falta-lhe às vezes a visão global das situações.

Planejamento e Organização: capacidade de elaborar programas de trabalho, utilizando


procedimentos e recursos disponíveis à consecução dos objetivos propostos.

• necessita de orientação, por apresentar falhas na elaboração de programas de trabalho;


• mostra-se eficiente para elaborar tais programas, utilizando adequadamente procedimentos e recursos disponíveis para
atingir os objetivos;
• não consegue elaborar programas, deixando de utilizar os procedimentos e recursos disponíveis, mesmo quando orientado.

Sigilo: atitude apresentada frente a assuntos confidenciais.

• mantém sigilo diante de assuntos confidenciais, sendo elemento de confiança;


• não mantém sigilo em assuntos confidenciais, deixando de ser de confiança;
• na maioria das vezes é descuidado com dados confidenciais, necessitando de orientação constante sobre como agir.

RECOMENDAÇÃO:

• transferência de setor de trabalho


• promoção
• demissão

AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO - TÉCNICO

Capacidade de análise: condição que apresenta para perceber e avaliar os elementos mais
importantes de uma situação, sintetizando-os, sem perder o sentido da totalidade.

• não apresenta condições de analisar, nem de sintetizar aspectos mais relevantes;


• é hábil para avaliar de forma acurada, os elementos mais importantes de uma situação;
• tem alguma dificuldade na análise dos elementos mais importantes de uma situação, muitas vezes, ao sintetizar dados,
perde o sentido da totalidade.

Interesse: disposição com que o avaliado procura executar suas tarefas e se aperfeiçoar
profissionalmente.

• requer incentivo para se aperfeiçoar profissionalmente;


• demonstra muito interesse em tudo o que faz;
• mostra-se desinteressado na execução das tarefas que lhe são atribuídas.

Método de trabalho: maneira pela qual o funcionário estabelece etapas para a execução de seu
trabalho, visando os objetivos propostos.

• tem dificuldades em fixar etapas para o desenvolvimento do seu serviço;


• estabelece com eficácia, etapas visando o desenvolvimento de suas atividades;
• executa o trabalho nem prever etapas imprescindíveis, não conseguindo atingir os objetivos propostos.

Sigilo: atitude apresentada frente a assuntos confidenciais.

• necessita de constante orientação sobre como agir nesse sentido;


• mantém sigilo em assuntos confidenciais, deixando de ser um elemento de confiança;
• mantém sigilo nesses assuntos, sendo portanto um elemento de confiança.

Criatividade: capacidade para apresentar e desenvolver idéias, aprimorar técnicas e métodos de


trabalho.

• não apresenta capacidade para sugerir novas alternativas;


• demonstra alguma dificuldade em apresentar idéias;
• tem facilidade em apresentar novos recursos para aprimorar técnicas e métodos de trabalho.

Capacidade profissional: condição de aplicar recursos teóricos e práticos para domínio e atualização
desses conhecimentos pertinentes ao seu campo de atuação profissional.

• utiliza com eficácia recursos teóricos e práticos;


• emprega de forma inadequada, prejudicando o trabalho;
• na maioria das vezes aplica os recursos teóricos e práticos necessários, encontrando algumas dificuldades somente em
atividades mais complexas.
Relacionamento pessoal: considere o relacionamento que o avaliado apresenta ao manter contato
com outras pessoas.

• mantém um tratamento cordial com as pessoas, com as quais se relacionam;


• tem dificuldade para estabelecer contatos com as outras pessoas;
• sobressai-se quanto à sua maneira de relacionar-se, é extremamente cordial, sendo visto por todos com grande simpatia.

Conhecimentos ligados ao trabalho: observe o grau de domínio e experiência nos serviços sob sua
responsabilidade.

• seus conhecimentos são mínimos, ocasionando erros que prejudicam o bom andamento de seu trabalho;
• apresenta grande preparo e competência para realizar seu trabalho;
• os conhecimentos que possui são suficientes para execução de suas tarefas.

Organização: observe a maneira com que organiza suas tarefas e ou materiais/documentos e outros
que utiliza para realização do seu trabalho.

• apresenta-se de uma maneira notável quanto à controle e cuidado das atividades, materiais e documentação, serve como
exemplo aos demais colegas;
• não chega a perder-se, mas apresenta dificuldades em desenvolver meios de organizar suas tarefas;
• não é organizado.

Pontualidade: considere a exatidão do avaliado quanto a observância do horário de entrada.

• respeita o horário de entrada, embora chegue atrasado algumas vezes, sem ultrapassar o limite de 5 minutos;
• chega freqüentemente atrasado;
• cumpre com exatidão o horário de entrada, dificilmente chega atrasado.

RECOMENDAÇÃO:

• transferência para outro setor de trabalho


• promoção
• demissão
FICHA INDIVIDUAL DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO OPERACIONAL
FUNCIONÁRIO ADMISSÃO
CARGO DEPTO

QUALIDADE
Grau de perfeição com que o empregado executa suas funções.

チ Trabalho mal feito, cheio de imperfeições.


チ Qualidade de trabalho irregular: ora é boa, ora deixa a desejar.
チ Trabalho bem feito, com mínima margem de erros.
チ Trabalho de excelente qualidade, sem erros ou omissões.

PRODUTIVIDADE
Volume de trabalho executado em relação ao tempo gasto.

チ Produz mais que a maioria. Aproveita muito bem o tempo.


チ Produtividade insuficiente. Perde tempo.
チ É esforçado, porém produz menos que a maioria do pessoal.
チ Produtividade igual a da maioria. Procura aproveitar bem o tempo.

DISCIPLINA
Facilidade em aceitar e seguir instruções de ordem superior, normas e procedimentos da empresa.

チ Sempre cumpre ordens e recomendações. Sua conduta é impecável e serve como modelo.
チ As vezes mostra-se reticente em cumprir as ordens recebidas, porém sem perturbar o ambiente de
trabalho.
チ Geralmente observa ordens e regulamentos. É disciplinado.
チ Nem sempre acata as instruções recebidas, ocasionando problemas disciplinares.

COMPORTAMENTO NO TRABALHO
Conduta pessoal do empregado. Maneira de ser que o caracteriza em suas atividades.

チ É muito simpático e solícito. Dá-se bem com todos.


チ Pouco educado e as vezes grosseiro.
チ Educado, mantém bom relacionamento.
チ Geralmente é educado, porém suas atitudes as vezes são desagradáveis.
SEGURANÇA NO TRABALHO
Confirme até que ponto o funcionário conhece e pratica regras de prevenção de acidentes.

チ Conhece e observa as normas de segurança, sem comprometer.


チ Conhece, porém não observa as normas de segurança, pondo em risco sua integridade física e
daqueles com quem trabalha.
チ Não conhece as normas de segurança. Poderá envolver-se num acidente a qualquer momento.
チ Conhece muito bem todas as normas para prevenir acidentes. Observa-as cuidadosamente,
inclusive orientando colegas de trabalho e apresentando sugestões visando melhorar as condições de
trabalho.

PONTUALIDADE/ASSIDUIDADE
Disposição do empregado em cumprir integralmente sua jornada de trabalho.

チ Algumas faltas. Nenhum atraso.


チ Não falta nem chega atrasado.
チ Faltas e atrasos frequentes.
チ Alguns atrasos. Nenhuma falta.

AGILIDADE
Coordenação motora, agilidade de movimentos e habilidade em lidar com máquinas.

チ Não é muito ágil, porém não atrasa a produção.


チ Apresenta dificuldade de movimentos, atrasando a produção.
チ Agilidade regular, condizente com o cargo que ocupa.
チ Muito ágil. Possui excelente coordenação motora.

CAPACIDADE DE APRENDIZAGEM
Facilidade de compreender e reter instruções e informações.

チ Apresenta alguma dificuldade de assimilar novas orientações. Aprendizagem lenta.


チ Aprende com rapidez surpreendente. Ótima capacidade de assimilação.
チ Facilidade para aprender. Poucas instruções são suficientes.
チ Muita dificuldade para aprender. Necessita instruções constantes e pormenorizadas.

INTERESSE PELO TRABALHO


Dedicação e esforço pessoal em aperfeiçoar-se cada vez mais para assumir novos encargos e
responsabilidades.

チ Interessa-se pelo trabalho. Tem vontade de progredir e se esforça.


チ Indiferente. Parece não ter ambição.
チ Mostra algum interesse, porém não se esforça.
チ Possui notável interesse pelo trabalho. Tem muita vontade de progredir e faz o possível para isso,
inclusive incentivando os colegas.

SENSO DE RESPONSABILIDADE
Condição de trabalhar sem necessidade de supervisão, adquirida pelo desenvolvimento profissional
do empregado.

チ É pessoa de inteira confiança. Tem plenas condições para assumir maiores responsabilidades.
チ Tem consciência de suas funções, porém ainda requer um mínimo de supervisão. Pode assumir
maiores responsabilidades, desde que devidamente treinado.
チ Não é responsável. Requer supervisão constante.
チ É reponsável, porém necessita supervisão regularmente. Ainda não tem condições para assumir
maiores responsabilidades.
RESISTÊNCIA FÍSICA
Estado de saúde condizente com o esforço físico que o trabalho requer.

チ Está sempre doente. Não tem resistência física nem saúde para o serviço que executa.
チ Sua saúde e resistência física permitem que o empregado execute serviços pesados e aguente
sobrecarga de horas de trabalho.
チ Seu estado físico não lhe permite fazer serviços pesados. Não aguenta sobrecarga de trabalho.
チ Sua saúde e resistência física é compatível com o trabalho que executa.

INICIATIVA
Condição em resolver os problemas por si em situações imprevistas, ou o encaminhamento correto
para a solução dos problemas. Considerar também a apresentação de sugestões.

チ Em situações rotineiras encontra soluções razoáveis. As vezes apresenta sugestões.


チ Aguarda sem ação até que o orientem.
チ Resolve problemas por si, com segurança e acerto. Apresenta sugestões excelentes visando a
melhoria no ambiente e condições de trabalho.
チ Pouco resolve sem perguntar. Não apresenta sugestões.

FICHA INDIVIDUAL DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO ESCRITÓRIO


( ) 1º TRIMESTRE ( ) 2º TRIMESTRE ( ) 3º TRIMESTRE ( ) 4º TRIMESTRE
FUNCIONÁRIO ADMISSÃO
CARGO DEPTO

Instruções:

• Preencha a ficha à tinta e em letra de forma;


• Ao avaliar, considerar o desempenho do funcionário dentro dos requisitos do cargo;
• Em relação a cada fator, avaliar estabelecendo comparações entre os funcionários que
exerçam o mesmo cargo, assinalando com "x" a alternativa mais adequada ao desempenho
do avaliado.
• Avaliar cada fator com suas alternativas de maneira cuidadosa, não permitindo que o
conceito emitido em um fator, influencie nos demais.
• Confira e assine a Ficha de Avaliação. Feito isto, leve a apreciação do seu superior,
encaminhando posteriormente, em envelope lacrado ao Departamento Recursos Humanos.

INICIATIVA
Habilidade em conduzir-se sozinho, achando soluções para as dificuldades encontradas no seu
trabalho.

チ Tem dificuldade em enfrentar situações novas solucionando com ajuda de terceiros.


チ Esforça-se em solucionar problemas surgidos em novas situações.
チ Tem facilidade diante de novas situações, dando sempre soluções adequadas e rápidas.
チ Não tem capacidade para solucionar problemas surgidos em situações novas.

ASSIDUIDADE E PONTUALIDADE
Responsabilidade quanto a horário.

チ Faltas e atrasos raros.


チ Faltas e atrasos frequentes e injustificáveis.
チ Faltas e atrasos frequentes, sendo alguns justificáveis.
チ Nunca falta ou atrasa.

QUANTIDADE DE TRABALHO
Avalie o volume de trabalho executado, considerando as exigências da função.

チ Esforça-se para apresentar o volume de trabalho exigido, embora não cumpra com os prazos
fixados.
チ Apresenta volume de trabalho exigido, entregando as tarefas dentro dos prazos fixados.
チ Ultrapassa o volume de trabalho exigido, entregando as tarefas antes dos prazos fixados.
チ Não atinge o volume de trabalho exigido, entregando as tarefas fora dos prazos fixados.

QUALIDADE DE TRABALHO
Avaliar o grau de perfeição que o trabalho apresenta e o seu resultado final.

チ Executa as tarefas com imperfeições, não atendendo as exigências do cargo.


チ Executa as tarefas de forma cuidadosa, atendendo às exigências do cargo.
チ Executa as tarefas com perfeição e cuidado, não precisando fazer correções.
チ Executa as tarefas com cuidado, mas com algumas falhas.

CONHECIMENTO DO TRABALHO
Conhecimentos teóricos e práticos na execução do trabalho.

チ Tem experiência requerida para a função porém, falta habilidade na utilização de técnicas.
チ Tem experiência e domínio de técnicas para execução de tarefas complexas e fora de rotina.
チ Tem experiência de serviço que executa, fazendo uso adequado de técnicas.
チ Não tem experiência necessária para executar o serviço e desconhece as técnicas adequadas.

INTERESSE PELO TRABALHO


Esforço pessoal em aperfeiçoar-se cada vez mais para assumir novos encargos.

チ Procura sempre aperfeiçoar-se, destacando-se por assumir encargos mais complexos.


チ Falta-lhe esforço pessoal para aprender novas e assumir encargos mais complexos.
チ Aprende tarefas fora de rotina, mas evita assumir novos encargos.
チ Procura aperfeiçoar-se, assumindo novos encargos.

RESPONSABILIDADE NO TRABALHO
Avaliar a capacidade de cumprir os deveres e obrigações das funções e a confiança que inspira.

チ Não merece confiança pela falta de responsabilidade em cumprir os deveres e obrigações traçadas
pela empresa.
チ Merece confiança. Cumpre com os deveres e obrigações traçados pela empresa.
チ De momento não faz jus as missões de maior confiança, pois cumpre parcialmente com os deveres
e obrigações.
チ De total confiança. Empenha-se em cumprir seus deveres e obrigações acima das exigências de
função.

COOPERAÇÃO
Disponibilidade e espontaneidade em colaborar com o grupo na execução de tarefas.

チ Sempre disposto a colaborar com o grupo, espontaneamente na execução de tarefas.


チ Colabora com o grupo, quando solicitado.
チ Nega-se a colaborar com o grupo na execução das tarefas.
チ Colabora com o grupo espontaneamente, na execução das tarefas.

ORGANIZAÇÃO
Capacidade de desenvolver com método e ordenação suas tarefas.

チ Realiza as tarefas de maneira ordenada, utilizando métodos adequados.


チ Desenvolve as tarefas de forma ordenada, utilizando sempre os melhores métodos de trabalho.
チ Desenvolve suas tarefas de forma desordenada, utilizando métodos inadequados.
チ Executa as tarefas de forma ordenada, mas com métodos inapropriados.

INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES:
Qual o conceito que você atribuiria ao seu funcionário ?

チ Excelente.
チ Bom.
チ Médio
チ Médio inferior.
チ Insuficiente.
De acordo com a avaliação feita, indicar mediante justificação, o procedimento a ser adotado com o
avaliado.
チ Permanecer no cargo atual: ...
チ Transferir para: ....
チ Outros procedimentos: ...

Avaliador: ...
Data: ...

FICHA INDIVIDUAL DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO PRODUÇÃO


FUNCIONÁRIO ADMISSÃO
CARGO DEPTO

01. PONTUALIDADE E ASSIDUIDADE

□Não falta, nem chega atrasado.


ž Faltas e atrasos frequentes.
ž Nenhuma falta, alguns atrasos.
ž Algumas faltas e atrasos.
ž Algumas faltas, atrasos frequentes.

02. ATENÇÃO (Está sempre atento ao trabalho ? Cumpre as ordens recebidas fielmente ?)

ž É atento ao trabalho, esforça-se em seguir todas as ordens.


ž É distraído, conversa em serviço, esquece ordens recebidas.
ž Trabalha com a atenção voltada inteiramente para o trabalho. Segue as ordens rigorosamente.
ž É um pouco distraído. As vezes esquece ordens importantes.
ž Procura estar sempre atento, porém as vezes se distrai em pequenas coisas.

03. QUALIDADE (Grau de perfeição com que executa seu trabalho)

ž Seu trabalho é de excelente qualidade, sem erros ou omissões.


ž Seu trabalho apresenta erros e omissões como a maioria, nada de anormal.
ž Trabalho com acentuada frequência de erros.
ž Trabalho de baixa qualidade, não é caprichoso, mas tem condições de melhorar.
ž Apresenta trabalho bem feito com mínima margem de erros.

04. HABILIDADE MANUAL (Tem boa coordenação motora ? Seus movimentos são ágeis ? É hábil
ao lidar com máquinas ?)

ž É moroso e parece ter certa dificuldade, não é muito hábil.


ž É ágil, tem muita facilidade e boa coordenação.
ž É bastante ágil, perfeita coordenação. Excelente habilidade.
ž É moroso e parece apresentar alguma dificuldade.
ž É um pouco moroso, mas não apresenta maiores dificuldades. Boa coordenação.

05. SOCIABILIDADE (Como são suas atitudes para com chefes e colegas ?)

ž Educado, mantém bom relacionamento.


ž Simpático, dá-se bem com a maioria.
ž Geralmente é educado, porém as vezes suas atitudes são desagradáveis.
ž É muito simpático e solícito, dá-se bem com todos.
ž Pouco educado e as vezes grosseiro.

06. PRODUTIVIDADE (O funcionário evita desperdício de tempo, procurando trabalhar com


rapidez ?)

ž Sabe aproveitar bem o tempo. Produz mais do que a maioria.


ž Procura aproveitar bem o tempo. Produtividade igual a maioria.
ž procura não perder tempo, porém produz menos do que a maioria.
ž Desperdício de tempo. Produtividade insuficiente.
ž Aproveita muito bem o tempo. Produz sempre mais do que a maioria.

07. INICIATIVA (Procura resolver problemas por si ? Quando não pode resolve-los, encaminha-os
corretamente ? Costuma apresentar sugestões ?)

ž Geralmente resolve por si. Apresenta boas sugestões.


ž Pouco resolve sem perguntar. Não apresenta sugestões.
ž Aguarda sem ação até que o orientem.
ž Em algumas situações resolve por si. Poucas sugestões.
ž Esforça-se em agir por si mesmo. É seguro. Apresenta ótimas sugestões com frequência.

08. APARÊNCIA E CUIDADO PESSOAL (Considere a aparência necessária ao cargo bem como a
conduta pessoal em relação aos colegas)

ž Apresenta-se com cuidado e de acordo com sua posição.


ž Normalmente descuida-se de sua aparência e cuidado pessoal, embora advertido.
ž Desleixado, sem higiene pessoal e totalmente descuidado.
ž As vezes, desleixa-se com sua aparência pessoal.