Вы находитесь на странице: 1из 11

www.socialgest.

pt

Socialgest
Socialgest
www.socialgest.pt
www.socialgest.pt

Animação
em
Idosos
Luís Jacob
Diana Pinho

DEFINIÇÃO
“Maneira de actuar em todos os campos do
desenvolvimento da qualidade de vida dos mais velhos,
sendo um estímulo permanente da vida mental, física e
afectiva da pessoa idosa”.
Jacob(2007)
- Alivia tensões

- Medida de respeito pelo idoso

- Combate o imobilismo e a indiferença

- Garante os direitos dos idosos

1
www.socialgest.pt

DEFINIÇÃO

A qualidade de vida (ou a falta de) dos idosos,


institucionalizados ou não, depende dos seguintes factores:

•Possuir autonomia para executar as actividades do dia-a-


dia
•Manter uma relação familiar e/ou com o exterior regular
•Ter recursos económicos suficientes
•Realizar actividades lúdicas e recreativas constantemente

OBJECTIVOS
OBJECTIVOS DA
DA
ANIMAÇÃO
ANIMAÇÃO DE
DE IDOSOS
IDOSOS

PROMOVER A INOVAÇ
INOVAÇÃO E NOVAS DESCOBERTAS

VALORIZAR A FORMAÇ
FORMAÇÃO AO LONGO DA VIDA

PROPORCIONAR UMA VIDA MAIS HARMONIOSA, ATRACTIVA E


DINÂMICA COM A PARTICIPAÇ
PARTICIPAÇÃO E ENVOLVIMENTO DO IDOSO

INCREMENTAR A OCUPAÇ
OCUPAÇÃO ADEQUADA DO TEMPO LIVRE
PARA EVITAR QUE O TEMPO DE ÓCIO SEJA ALIENANTE,
PASSIVO E DESPERSONALIZADOR

2
www.socialgest.pt

OBJECTIVOS
OBJECTIVOS DA
DA
ANIMAÇÃO
ANIMAÇÃO DE
DE IDOSOS
IDOSOS

RENTABILIZAR OS SERVIÇOS E RECURSOS COMUNITÁRIOS


PARA MELHORAR A QUALIDADE DE VIDA DO IDOSO

VALORIZAR AS CAPACIDADES, COMPETÊNCIAS, SABERES E


CULTURA DO IDOSO, AUMENTANDO A SUA AUTO-ESTIMA E
AUTO-CONFIANÇA

ANIMAÇÃO
ANIMAÇÃO DE
DE IDOSOS
IDOSOS

CUIDADO!!!
-Não infantilizar os idosos
-Não sobrevalorizar algumas situações, transformando
um acontecimento normal em algo extraordinário

3
www.socialgest.pt

ANIMAÇÃO
ANIMAÇÃO DE
DE IDOSOS
IDOSOS

CONHECER OS IDOSOS: AS SUAS CARACTERÍ


CARACTERÍSTICAS PESSOAIS,
VALORES, PRINCÍ
PRINCÍPIOS, CULTURA, CAPACIDADES, DIFICULDADES,
GOSTOS PESSOAIS…
PESSOAIS…

CONHECER A INSTITUIÇ
INSTITUIÇÃO: HORÁ
HORÁRIOS, FUNCIONAMENTO,
ESPAÇ
ESPAÇOS DISPONÍ
DISPONÍVEIS, RECURSOS MATERIAIS, FINANCEIROS E
HUMANOS, PRIORIDADES E OBJECTIVOS DA DIRECÇ
DIRECÇÃO…
ÃO…

CONHECER A COMUNIDADE LOCAL: A SUA CULTURA, MODOS DE


VIDA, OUTRAS INSTITUIÇ
INSTITUIÇÕES, EQUIPAMENTOS E ORGANIZAÇ
ORGANIZAÇÕES
SOCIAIS E CULTURAIS

COMPETÊNCIAS
COMPETÊNCIAS DO
DO
ANIMADOR
ANIMADOR
Criar empatia com os idosos
Ter em conta a heterogeneidade dos grupos e a
individualidade de cada idoso
Atitude construtivista: ser positivo, demonstrar
seriedade, comentários positivos
Criar condições que motivem os idosos a participarem
nas actividades propostas
Adaptar as actividades aos desejos dos idosos
Não se demonstrar superior ao idoso

4
www.socialgest.pt

COMPETÊNCIAS
COMPETÊNCIAS DO
DO
ANIMADOR
ANIMADOR

Estabelecer um clima de confiança e entreajuda no


sentido de ajudar os idosos a vencerem os seus medos
Quebrar hábitos dos idosos
Favorecer o dinamismo
Utilizar um vocabulário adaptado à população alvo
O animador tem de ir ao encontro dos gerontes
Possuir grande quantidade de jogos/actividades

COMPETÊNCIAS
COMPETÊNCIAS DO
DO
ANIMADOR
ANIMADOR

Não existe uma velhice!


Existem muitas velhices!

O animador é que se tem de adaptar


ao idoso e não o contrário!!!

5
www.socialgest.pt

TIPOS
TIPOS DE
DE ANIMAÇÃO
ANIMAÇÃO

• Animação física ou motora (animação motora sensorial).


(Ginástica, dança, caminhadas, motricidade fina e grossa, etc.)

• Animação cognitiva ou mental.


(Jogos de atenção, memória, linguagem, compreensão)

• Animação através da expressão plástica.


(Pintura, bordados, escultura, desenho, etc.)

• Animação através da expressão e da comunicação.


(Teatro, música, expressão dramática, escrita, fotografia, etc.)

TIPOS
TIPOS DE
DE ANIMAÇÃO
ANIMAÇÃO

• Animação promotora do desenvolvimento pessoal e social.


(Auto-conhecimento, histórias de vida, dinâmica de grupos, etc..)

• Animação lúdica.
(Festas, passeios, rábulas, jogos de tabuleiro, etc.)

• Animação comunitária.
(Voluntário sénior, desenvolvimento comunitário, guias de
museus, etc.)

6
www.socialgest.pt

SE
SE O
O IDOSO
IDOSO ÉÉ
AUTÓNOMO
AUTÓNOMO
(sem
(sem rendimentos
rendimentos mínimos)
mínimos)
• Pode ser voluntário em associações e projectos de voluntariado.
• Pode ser voluntário, como dirigente de associações.
• Fazer visitas de cortesia.
• Pode ser avô, mãe ou mulher.
• Pode passear, ir ao café, jogar ás cartas ou ir ao parque.
• Pode fazer ginástica.
• Pode ler, escrever ou ver televisão.
• Pode ser aluno ou professor numa universidade sénior.
• Ter uma horta.
• Namorar
• Podem ir à internet.
• Pode trabalhar (por opção ou necessidade)
• Ou descansar.

SE
SE O
O IDOSO
IDOSO ÉÉ
AUTÓNOMO
AUTÓNOMO
(com
(com rendimentos
rendimentos mínimos)
mínimos)

Tudo anterior mais:


• Pode fazer grandes viagens.
• Pode abrir um negócio.
• Pode jogar golfe.

7
www.socialgest.pt

SE
SE O
O IDOSO
IDOSO NÃO
NÃO ÉÉ
AUTÓNOMO
AUTÓNOMO
(com
(com ou
ou sem
sem rendimentos
rendimentos mínimos)
mínimos)

• Pode ser avô, mãe ou mulher.


• Pode ler, escrever ou ver televisão.
• Pode ir à internet.
• Pode frequentar o centro de dia, o lar, ou o apoio domiciliário.
• Pode usufruir de uma sala de Snozelen.
• Pode fazer aulas de motricidade.
• Pode descansar.
• Pode ir às termas.

TÉCNICAS
TÉCNICAS DE
DE
ANIMAÇÃO
ANIMAÇÃO

• RECORTAR
• COLAR
• ESTAMPAR ( com batatas, rolhas de cortiça, esponjas...)
• IMPRESSÃO (de diferentes objectos)
• MODELAGEM: barro, pasta de papel, madeira, moldar, plasticina,
massas de cor...
• TÉCNICAS DE PINTURA
• TÉCNICAS DE DESENHO
• TÉCNICAS DE COLAGEM (diferentes materiais)
• EXPRESSÃO DRAMÁTICA; TEATRO
• EXPRESSÃO MUSICAL
• EXPRESSÃO PSICOMOTORA

8
www.socialgest.pt

TÉCNICAS
TÉCNICAS DE
DE
ANIMAÇÃO
ANIMAÇÃO

• EXPRESSÃO PLÁ
PLÁSTICA, CONSTRUÇ
CONSTRUÇÕES
• JOGOS PEDAGÓ
PEDAGÓGICOS
• DANÇ
DANÇA
• HISTÓ
HISTÓRIAS E CONTOS POPULARES
• POEMAS; RIMAS; ANEDOTAS
• VISITAS Á COMUNIDADE, PASSEIOS, VISITAS DE ESTUDO
• CIÊNCIA DIVERTIDA
• CULINÁ
CULINÁRIA
• JOGOS DE MESA
• JOGOS POPULARES
• JARDINAGEM

TÉCNICAS
TÉCNICAS DE
DE
ANIMAÇÃO
ANIMAÇÃO

• TAREFAS AGRÍCOLAS
• ACTIVIDADES ESPECÍFICAS: COSTURA, BORDADOS,
RENDAS E TAPEÇARIA, CARPINTARIA
• CONVERSAR
• LEITURA DE LIVROS
• PEQUENA AJUDA NAS TAREFAS DA INSTITUIÇÃO
• LEITURA E COMENTÁRIO DE JORNAIS E REVISTAS
• VISIONAMENTO DE FILMES

9
www.socialgest.pt

PLANIFICAÇÃO
PLANIFICAÇÃO

É USAR PROCEDIMENTOS PARA INTRODUZIR


ORGANIZAÇÃO E RACIONALIDADE À ACÇÃO, COM
VISTA A ALCANÇAR DETERMINADAS METAS E
OBJECTIVOS.

ELEMENTOS
ELEMENTOS DA
DA
PLANIFICAÇÃO
PLANIFICAÇÃO
• Conteúdo da planificação: O Quê…?
• Objectivos: Para Quê…?
• Local: Onde…?
• Metodologia: Como…?
• Actividades e Tarefas: o que se pretende desenvolver?
• Calendarização, Cronograma: dias, horários, duração da
actividade
• Destinatários: sala, idades, número de participantes
• Recursos Humanos: quem promove e participa na actividade?
• Recursos Materiais e Financeiros
• Avaliação

10
www.socialgest.pt

BIBLIOGRAFIA
BIBLIOGRAFIA

 Jacob, L. (2007). Animação de Idosos. Porto:Ambar

11

Похожие интересы