Вы находитесь на странице: 1из 3

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLOGIA E CIÊNCIA DE SANTA CATARINA

DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE ELETRÔNICA


CURSO TÉCNICO PÓS-MÉDIO DE ELETRÔNICA

Projeto Integrador II
Secador de Mãos

1. Objetivo

Cada equipe deverá montar um sistema de um secador de mãos automático, com


sensores temporizados e três níveis de aquecimento. Este projeto, assim como qualquer outro
que seja implementado para conclusão do PI, contemplará os conteúdos das unidades
estudadas no módulo II do Curso Técnico de Eletrônica do IF-SC.

2. Desafio

Cada equipe deverá apresentar, em data definida no cronograma anexo, um sistema de


um secador de mãos automático, cumprindo os seguintes requisitos:

1. Os sensores deverão estar localizados na parte lateral do equipamento.


2. Cada vez que o sensor for ativado, será adicionado um intervalo de tempo para a
operação do equipamento (por exemplo, 1 minuto). O tempo máximo de operação será
de três intervalos, após isto, o equipamento será desligado. Um sistema de LEDs no
painel do equipamento indicará o tempo restante até que o equipamento seja
desligado.
3. O acionamento dos elementos de aquecimento e do ventilador deve ser feito
exclusivamente com dispositivos semicondutores, não sendo permitido o uso de
componentes eletromecânicos como relés, contatores, etc.
4. Cada grupo deve providenciar um gabinete mecânico para a adequada instalação e
operação do equipamento.
5. A fonte de alimentação dos circuitos deverá ser projetada.

O desempenho do projeto será avaliado de acordo com a precisão da execução do


projeto, uso adequado de componentes eletrônicos (sem exageros) e a qualidade do
acabamento.

3. Professores Orientadores
Tabela 1 - Professores orientadores para o PI do Módulo II.
Professor
Tópicos
1880231A 1880232A
André André Eletrônica analógica, sensores, outros.
Ingrid Ingrid Acionamento, outros.
Schilichting Edson Amplificadores operacionais, outros.
Leandro Leandro Lógica digital, outros.

4. Equipes

As equipes, formadas conforme o quadro abaixo, serão compostas por no máximo 02


(dois) alunos e não poderão ser alteradas sem a concordância doe todos os professores
orientadores. Cada aluno deve ser capaz de desenvolver todo o projeto individualmente.

5. Avaliação

A avaliação do PI será feita de modo contínuo ao longo do semestre, enquanto os


professores estarão participando das reuniões semanais. Uma pontuação é associada a cada
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLOGIA E CIÊNCIA DE SANTA CATARINA
DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE ELETRÔNICA
CURSO TÉCNICO PÓS-MÉDIO DE ELETRÔNICA

tarefa, e será atribuída a cada componente das equipes, atendendo aos seguintes critérios de
qualidade, conforme sejam aplicáveis.

 Qualidade da documentação;
 Qualidade/aspecto da montagem;
 Conhecimento individual do projeto;
 Organização e responsabilidade;
 Funcionamento adequado.

5.1. Pontuação

O limite máximo previsto para cada tarefa é apresentado na Tabela 3. As tarefas não
serão recebidas (para efeito de pontuação) em atraso.

Tabela 2: Pontuação para as Tarefas do PI.


Valor
Tarefa
Máximo
Apresentação do funcionamento da etapa de condicionamento
1 ponto
de sinal com entrega de relatório e avaliação oral.
Apresentação do funcionamento da etapa de lógica com
2 pontos
entrega de relatório e avaliação oral.
Apresentação dos protótipos completos em funcionamento
3 pontos
com a integração das etapas anteriores ao acionamento.
Entrega do relatório final. 2 pontos
Apresentação oral e defesa do projeto. 2 pontos

A pontuação mínima para aprovação do aluno no PI é 6,0. Observe que conforme os


critérios acima definidos, o resultado da avaliação do PI de uma equipe pode variar
entre os seus membros em função de participação individual, domínio dos temas
envolvidos no projeto e outros critérios.
As apresentações com a descrição do funcionamento e desenvolvimento do projeto
deverão ser elaboradas no software Power Point e o tempo máximo para as apresentações
será de 10 minutos, mais 5 minutos para as argüições.
Os relatórios deverão utilizar o modelo de relatório do CEFET/SC (Manual de Orientação
para Elaboração de Trabalhos Didático-Científicos) e não deverão apresentar folhas de dados
de componentes.

Conteúdo obrigatório do relatório:


 sumário;
 introdução;
 metodologia empregada;
 desenvolvimento do projeto;
 conclusões;
 referências bibliográficas.

5.2. Cronograma

As tarefas devem ser apresentadas de acordo com o cronograma estabelecido na


Tabela 4.

Tabela 3: Etapas do PI.


Data Limite
Tarefa
1880231A 1880232A
Apresentação do funcionamento da etapa de condicionamento de sinal
02/10/2009 01/10/2009
com entrega de relatório e avaliação oral.
Apresentação do funcionamento da etapa de lógica com entrega de
06/11/2009 05/11/2009
relatório e avaliação oral.
Apresentação dos protótipos completos em funcionamento com a
04/12/2009 03/12/2009
integração das etapas anteriores ao acionamento.
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLOGIA E CIÊNCIA DE SANTA CATARINA
DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE ELETRÔNICA
CURSO TÉCNICO PÓS-MÉDIO DE ELETRÔNICA

11/12/2009 11/12/2009 Entrega do relatório final e apresentação oral.

Observações:
 Para o adequado cumprimento das tarefas no prazo definido, os alunos deverão
receber o suporte adequado de informações e orientação pelos professores do
módulo.