You are on page 1of 17

c   


  
   
  


Importância do Diagnóstico
Precoce do Câncer de Mama

   

 c  !"#c#


Importância do diagnóstico precoce
do câncer de mama

Câncer de mama é o tumor mais


frequente nas mulheres

Estimativa de novos casos: ( "(#$"#c#%


Estimativa de novos casos na Bahia: c #
Número de mortes: ccc (
Região Nordeste: #&c#####
' ( "#c#
Ë÷ câncer de mama apresenta elevada
incidência e mortalidade em todo o mundo,
representando grave problema de saúde
pública.
Ë÷ diagnóstico precoce é importante para
se conseguir maior sobrevida para as
pacientes, possibilitando tratamentos
menos agressivos
—obrevida e Diagnóstico

As mulheres demoram a ter o diagnóstico em


geral por falta de informação e por medo, tanto do
diagnóstico quanto do tratamento.

÷ tempo de sobrevida das mulheres após o


diagnóstico de câncer de mama depende do estágio
em que a doença é detectada: quanto mais cedo,
maiores as chances de controle e mesmo de cura.
Šatores de risco:

História familiar materna (10% dos


casos)
Nuliparidade
TRH prolongada
Ingesta elevada de gordura animal
Menopausa tardia
Menarca precoce
Diagnóstico precoce:

Auto-exame
Exame médico anual a partir dos
30 anos
Mamografia a partir dos 40 anos ou 35 anos
no caso de história familiar.
Aconselhamento genético
Estadiamento e sobrevida:

Mais de 93% das mulheres diagnosticadas no


estágio I do câncer de mama permanecem vivas
após 5 anos, enquanto este percentual é inferior
a 28% para as mulheres diagnosticadas no
estágio IV, onde já existem metástases.

A taxa de sobrevida foi pior entre mulheres com


idade inferior a 40 anos (47%) e melhor na faixa
etária de 40 a 59 anos (82,1%).
V ÷ risco de óbito é quase 20 vezes maior
quando a doença é detectada já no estágio
IV.

V Cerca de 1,1 milhão de mulheres têm


diagnóstico de câncer de mama a cada ano
no mundo

u  
    u
   
Diagnóstico

V )   
*  + 
,
        '-

V  )   ,


   .   /

V    0+  ( 0 + 


 
   1    
V
V
Estadiamentos Iniciais

V   '2  23


   ' '''
V 4 5 
V 6     7 
 


V 6  
V   .  /
 8 !,
V +
 *
&&8   
Estadiamento IV

Papel da cirurgia

   * 9 


   
!:; '< !:   

  



  
8 9 

 
 3  

,;
   2
72  
2
 ,
! 2  
; 7<=  2

Papel da cirurgia
  2  ##
*  1 
    c  c 

4 
 > ,     ? ()  
        
2

+<=   
72   
 5

72  @ 


")     
2
c)       2 
c"),   ####"

JC÷ 2006 jun, 24(18)2743-2749


Hormonioterapia

4   
*   
6 >  @#;#)
 !,   c";cA
 8  2$5 &
4  %

  
*   
68"#)! 2
"()
 !,   
Muimioterapia
4    


6 > 
B
      
0  7 


  7


C
B B 6 B
6 >
 
 7  !,; 7
  0? 
6 > 
(
<<    70? 
D
  
;     
  

2$  E    7%
 2
7 
Muimioterapia

  
> 7  !,
  >   
2
 ,   7  !,
 72  
7

6>   

 !,  


F
( C   ?D
  ?
8  >   
6>  $   
   2  %
 
  
 
 
 
  
    
 
 
    
   
 
 

˜    
 

 
 
   
  
!

 

 
!
 
    

 "#$#% &'#&

÷——÷ BIŠ÷—Š÷NAT÷
'  

 1 ; '