Вы находитесь на странице: 1из 46

Futebol: Aspectos Pedagógicos

Dr. Fernando Borges


Novo conceito de esporte, uma abrangência em 3 áreas
de manifestações distintas e interatuantes

a) Manifestação esporte-performance

• objetivo, alto rendimento;

b) Manifestação esporte-participação

• objetivo, promover o bem-estar, recreação, e o esporte-lazer


para todos;

c) Manifestação esporte-educação

• com objetivos claros de formação, norteada por princípios


sócio- educativos, preparando seus praticantes para a
cidadania.
Os Objetivos Globais Devem Abrangir:

 Propiciar Cultura Corporal

Cognitivo Motor

Sociais e
Afetivos
Aspecto Cognitivo

 Processamento de informações, recursos conceituais,


habilidade perceptiva e a aprendizagem;

 Característica principal: Capacidade do organismo para fazer


uso da informação de que dispõe.
Aspecto Cognitivo

 Exemplos:


 descoberta ou reconhecimento da informação
(cognição);
 retenção ou armazenamento de informação (memória);
 geração de informações a partir de certos dados;
 tomadas de decisão ou julgamentos;
 Sua organização envolve um amplo espectro de
capacidades que vão além da memorização.
Aspecto Afetivo

 Trata dos sentimentos e das emoções manifestadas


comportamentalmente.

 Característica principal: Maior parte deste tipo de


comportamentos é aprendido (Berkowitz) na forma de
comportamento social.
Aspecto Afetivo
 Exemplos:

 Receber (prestar atenção).


 Responder.
 Valorizar.
 Organizar ( sistemas de valores)
 Caracterização de um valor ou complexo de valores.
 Outros : Motivação, interesse, respeito ao próximo,
responsabilidade.
Aspecto Motor

 Estabelece uma base para identificação do movimento


corporal humano.

 Este domínio também é denominado Psicomotor, dada a


relação racional/mental com a maioria das habilidades
motoras.
Os Objetivos Globais Devem Abrangir:

Cognitivos
• compreender o que faz, tomar consciência, conhecer-se, saber
reconhecer as exigências de uma situação, decidir...

Afetivos
• investimento, controle das emoções, evitando a degradação do
comportamento, ousar fazer, aceitar os desequilíbrios, mostrar- se...

• Motores
• execução, ajustamentos oportunos, fatores suficientes de execução,
coordenação e marcação...
Nova Visão

 A nova Educação Física procura trocar o tecnicismo de


movimentos estereotipados, que são subordinados a resultados
imediatos de performance, para se preocupar com a função
pedagógica da ação motora desenvolvida

 Todo o movimento realizado deve ser carregado de


sentido/objetivo pedagógico, dentro do desenvolvimento das
Primeiro Conjunto de Princípios

 - Futebol entendido como processo de ensino aprendizagem para


todos, o futebol como meio de ensino e não com o fim de descobrir
promessas;

 - Competição e disputa vistas como conteúdos de uma ação


pedagógica, ou seja, a competição deve ser ensinada, tendo como
conseqüência um alunado que antes de ganhar ou perder, pratica o
“fair-play”;

 - A não cobrança de resultados e a não preocupação com a formação


de equipes, como fator relevante para uma escolinha de futebol;
Primeiro Conjunto de Princípios

 - Gerar uma organização para que o aluno pegue mais vezes na


bola, ou seja, tenha muito contato com a bola durante a aula,
portanto, evitando-se grandes filas;

 - Possibilitar oportunidades para que eles saibam se auto-


organizarem, se preciso for até que eles aprendam a votar, para
tomadas de decisões democráticas;

 - Estimular a construção de regras, para que os alunos sejam


regidos por suas próprias regras;
Segundo Conjunto de Princípios

 Divisão das turmas através de uma adequação etária;

 - Divisão das turmas para possibilitar um desenvolvimento harmônico


e global das crianças, atentando-se sempre aos seus aspectos
cognitivos, afetivos(sociais), sensitivos e motores; - (Escolinha)

 - As crianças brincam em um nível, depois através de variações mais


complexas da brincadeira estimula-se o aumento da complexidade
dos movimentos destas. Por exemplo: a brincadeira do bobinho,
inicialmente sem limites de espaço e de toques, depois diminui-se os
toques... delimita-se um espaço...
Segundo Conjunto de Princípios

 - Possibilitar que as crianças pensem sua própria ação, pois,


pensá-las proporciona a assimilação e desenvolve o seu
conhecimento crítico;

 - Nunca realizar atividades, que se resumem na prática pela


prática, através de conversas e explicações situar o aluno no
contexto em que a atividade é executada. O aluno inserido
neste processo compreende o seu fazer, atuando como um
agente criador e transformador de seu conhecimento.
Terceiro Conjunto de Princípios

 Resgatar a cultura infantil, adaptando brincadeiras infantis,


adequando-as à aprendizagem do futebol. Para isto foi
elaborado uma pesquisa com as crianças, assim, através das
suas próprias brincadeiras elas

 aprenderão o futebol;

 - Liberdade no transcorrer do processo de ensino-aprendizagem


do futebol, mas esta acaba no momento que começa a
adentrar-se na liberdade dos outros alunos e traz prejuízos à
aula;
Terceiro Conjunto de Princípios

 - Planejar a aula levando em conta o que a criança traz


consigo, suas características, sua bagagem motora e cultural;

 - Aproveitar o conhecimento do aluno, este deve aprender,


avançar, a partir do que já sabe.
 O educador deve proporcionar ao aluno o
aprendizado de um conhecimento que, segundo
Snyders, traduz-se na busca da alegria
 é possível à criança brincar e aprender ao
mesmo tempo?
Lúdico

 É um adjetivo masculino com origem no latim ludos


que remete para jogos e divertimento
Se o professor aliar o lúdico aos conteúdos que
deseja ensinar, irá despertar na criança o gosto em
aprender coisas novas e significativas para sua
formação.

Quanto maior o número de atividades lúdicas


inseridas nas atividades pedagógicas, maior será o
envolvimento da criança com o conhecimento
trabalhado.
 Para ser lúdico não pode haver pressão nem obrigação e é
preciso ser realizado com prazer. Desta forma, as crianças
têm a oportunidade de criar, organizar e administrar seus
brinquedos e jogos.
Conteúdo

 Todo o desenvolvimento da aula gira em torno de


um tema, onde este é determinado segundo uma
sistematização do conteúdo futebol, adequada para
os diferentes grupos etários.
A sistematização dos conteúdos do
futebol pode se estruturar em três partes:

Fundamentos Fundamentos Fundamentos


básicos; derivados; específicos.
Os fundamentos básicos

Domínio
Passe; Condução;
de bola;

Drible; Chute; Cabeceio;

Desarme;
Os fundamentos derivados são:
Cruzamento;

• Cobrança de falta;

• Cobrança de pênalti; • Lançamento;

• Tabelinhas;

• Arremesso lateral;

• Escanteio.
11/12 FUNDAMENTOS
ANOS DERIVADOS

13/14 FUNDAMENTOS
ANOS ESPECÍFICOS
Os fundamentos específicos (Posições
Táticas)
Goleiro;
• Laterais;
• Alas;
• Zagueiros;
• Líberos;
• Médio volantes;
• Meio campistas;
• Atacantes.
11/12 FUNDAMENTOS
ANOS DERIVADOS

13/14 FUNDAMENTOS
ANOS ESPECÍFICOS

Os fundamentos básicos começam a se


trabalhados aos 7 anos, mas seu aprendizado nã
tem um fim em si mesmo, ou seja, o
fundamentos do futebol são meios para
O desenvolvimento da aula pode se dá
através da sua divisão em 5 partes:
Conversa inicial;

Exploração do tema;

Exploração técnica do tema;

Jogo, síntese do tema;

Conversa final.
Exploração do tema

 A exploração do tema é o momento onde o aluno


tem a oportunidade de descoberta, de criação em
cima da temática da aula, ou seja, através de uma
atividade lúdica, uma brincadeira adaptada, a criança
usa de seu repertório motor para aprender,
desenvolver, criar, descobrir um novo movimento que
será utilizado na prática do futebol
Exploração técnica do tema

 Já a exploração técnica do tema, se contempla na situação de


aula, onde o professor tem a preocupação de corrigir um
possível gesto técnico, mas sempre se atentando para a faixa
etária na qual o aluno se encontra, pois, é uma incoerência
exigir a execução de um gesto técnico de uma criança de 7 anos,
mas é uma necessidade em uma de 14 anos
Os conteúdos

Fundamentos Técnicos

Cuidado com a especialização


excessiva
Ensino Fundamental – Anos Iniciais
(1 ao 4 ano)
Ensino Fundamental

 Primeira Etapa : gradualmente mobilizar e desenvolver as


habilidades motoras básicas de exigência comum ao Futebol e
estimular o desenvolvimento da capacidade de tomada de
decisões específicas, que são demandadas em situação de jogo.

 Segunda etapa: tematizar o Futebol, compreendendo-o como


criações humanas, com características e lógicas diferenciadas,
vivenciando- as, (re)construindo-as e ou as (re) significando,
num processo coletivo de estudo e apropriação das suas lógicas
e seus elementos básicos que lhe são estruturantes.
Conteúdos

a) situar- se nos espaços; deslocar- se nos diversos planos,


coordenar seus deslocamentos;

b) desenvolver e disponibilizar ações motoras específicas (saltar,


correr, agachar, rolamento) e essenciais em situação de jogo;

c) tomada de decisões;
Conteúdos

d) compreensão, apropriação e construção das regras e normas das


atividades;

e) analisar e compreender sobre a lógica intrínseca as situações de


jogo;

f) adaptar, construir, (re) construir jogos a partir de suas lógicas,


adaptando- as ao contexto da turma, da escola e da Educação Física.
Ensino Fundamental

São ativas Brincadeiras com ou Cartazes, álbum


São questionadoras sem regras, atividades seriado, materiais de
São medrosas com movimentos, com artes, materiais
São amigáveis representações, com concretos, objetos
São confiantes recortes, pesquisas, variados, livros,
São mais atenciosas criatividades, retroprojetor, vídeos,
São interessadas São atividades em grupos, informática
mais concentradas dramatizações e Fantoches
histórias ilustradas.
Ensino Fundamental – Anos Finais (5
ao 9 ano)
Ensino Fundamental – Anos Finais

 Proporcionar o estudo e as vivências de elementos técnico-


táticos básicos do Futebol e estudar as dimensões históricas,
sociais, culturais e filosóficas, intrínsecas a essas atividades, e
outras questões relacionadas.
Os conteúdos

a) conhecimentos sobre o que estrutura as atividades: filosofias,


códigos, regras, organização;

b) conhecimentos da dimensão técnico-tática: elementos técnicos


básicos (bases/posturas), princípios táticos elementares
(movimentações e posições de caráter tático;

c) conhecimentos de caráter crítico: benefícios e riscos


Métodos de Ensino Esportivo

 Método parcial: é o ensino do jogo de futsal por partes,


através do desenvolvimento dos fundamentos que compõem
o jogo, para ao final da aprendizagem agrupá-los no todo, que
será o próprio jogo de futsal.
 Método global: consiste em desenvolver e proporcionar a
aprendizagem do jogo através do próprio jogo, esse método é
apropriado para iniciantes, onde o movimento é ensinado na
totalidade e o aluno irá repetir inúmeras vezes, sempre
corrigindo detalhes até chegar à execução correta do gesto
técnico.
Métodos de Ensino Esportivo

 Método misto: seria a junção dos métodos global e parcial, na qual


é chamado de método misto de ensino, esse método possibilita a
prática de exercícios isolados, bem como a iniciação ao jogo através
das formas jogadas de futsal, trata-se de uma metodologia bastante
rica, sob o ponto de vista didático, com mais fatores positivos do
que negativos.
 Método de confrontação: a aprendizagem se dá através de jogadas
ou exercícios combinados, que geralmente envolve competições
entre as partes, sendo que no calor da disputa, a técnica poderá
ficar em segundo plano, dificultando a aprendizagem por parte dos
alunos.
Métodos de Ensino Esportivo

 Método recreativo: usado com bastante eficiência na


iniciação do futsal, proporcionando ao aluno um aprendizado
de modo lúdico sem que o professor deixe de lado elementos
técnicos e táticos da modalidade de futsal. Podendo ser
utilizado no alto nível na forma de aquecimento.

 Método transfert: é um excelente meio para estimular nos


alunos as percepções de espaço, a inteligência para outros
elementos presentes num contexto durante o jogo, ele é
muito utilizado para convencer alunos a praticarem o futsal.
Métodos de Ensino Esportivo

 Método da cooperação-oposição: é o método que tem como


objetivo a cooperação com o colega que venha a ter
dificuldade de realizar alguma atividade durante a aula.

 Método situacional: O método situacional, também


denominado situacional-cognitivo, é caracterizado pela prática
de situações de jogo semi-estruturadas (jogadas básicas
extraídas do jogo), que envolvem comportamentos individuais
e coletivos
Métodos de Ensino Esportivo

 Método analítico: Consiste em atividades tecnicistas, ou seja,


visando os fundamentos técnicos dos alunos. Tem como
características exercícios repetitivos até que se repita o
exercício com certa facilidade.