Вы находитесь на странице: 1из 42

PROPRIEDADES

PERIÓDICAS
Muitas características dos
elementos químicos se repetem
periodicamente, estas
propriedades são denominadas de
propriedades periódicas.
Não podemos medir diretamente o raio de um átomo
e, esta medida é feita por meio de raios X,
medindo-se a distância entre
dois núcleos de átomos iguais vizinhos e
tomando-se a sua metade
O tamanho atômico varia consistentemente através da tabela
periódica.

Ao descermos em um grupo, os átomos aumentam.

Ao longo dos períodos da tabela periódica, os átomos tornam-se


menores.

Existem dois fatores agindo:

1.Número quântico principal, n, e

2. A carga nuclear efetiva, Zef.


À medida que o número quântico principal
aumenta (ex., descemos em um grupo), a
distância do elétron mais externo ao núcleo
aumenta. Consequentemente, o raio atômico
aumenta.

Ao longo de um período na tabela periódica,


o número de elétrons mais internos mantém-
se constante. Entretanto, a carga nuclear
aumenta. Consequentemente, aumenta a
atração entre o núcleo e os elétrons mais
externos. Essa atração faz com que o raio
atômico diminua.
RESUMO

RAIO ATÔMICO

AUMENTA

A
U
M
E
N
T
A
O raio metálico dos elementos do terceiro período do
bloco d (período 6) são muito similares aqueles do
segundo período, e não maiores, como seria de se
esperar com base no fato do número de elétrons ser
consideravelmente maior.

Ex.: Mo raio metálico = 1,40 Ǻ


W raio metálico = 1.41 Ǻ

A redução do raio chama-se contração lantanídica


Quando um átomo origina um íon verificamos que ...

átomo neutro É MAIOR íon cátion

átomo neutro É MENOR íon ânion


OS CÁTIONS SÃO MENORES QUE OS ÁTOMOS NEUTROS
OS ÂNIONS SÃO MAIORES QUE OS ÁTOMOS NEUTROS
É a ENERGIA NECESSÁRIA PARA RETIRAR UM
ELÉTRON de um átomo neutro e isolado no estado
gasoso formando um cátion

A remoção do primeiro elétron, que é mais afastado do


núcleo, requer uma quantidade de energia denominada
de primeira energia de ionização (1ª E.I.)
A remoção do segundo elétron requer uma energia
maior que à primeira, e é denominada de segunda
energia de ionização (2ª E.I.)

Quanto MENOR for o átomo MAIOR será a


ENERGIA DE IONIZAÇÃO
RESUMO

ENERGIA ou POTENCIAL DE IONIZAÇÃO

AUMENTA

A
U
M
E
N
T
A
VALORES DA ENERGIA DE IONIZAÇÃO EM Kj/mol
É a ENERGIA LIBERADA PELO ÁTOMO, isolado no
estado gasoso, quando recebe um elétron formando
um ânion

Não definimos AFINIDADE ELETRÔNICA para


os GASES NOBRES
A afinidade eletrônica varia nas famílias
de baixo para cima e nos períodos
da esquerda para a direita

AUMENTA

A
U
M
E
N
T
A
É a TENDÊNCIA QUE UM ÁTOMO POSSUI DE
ATRAIR ELÉTRONS PARA PERTO DE SI, QUANDO SE
ENCONTRA LIGADO A OUTRO ÁTOMO
H F

O par de elétrons é mais atraído pelo flúor


O flúor é mais ELETRONEGATIVO que o hidrogênio
A eletronegatividade varia nas famílias
deELETRONEGATIVIDADE
Não definimos baixo para cima para
os e nos períodos
GASES NOBRES
da esquerda para a direita

AUMENTA
H
He
2,20

Li Be B C N O F Ne
0,98 1,57 2,04 2,55 3,04 3,44 3,98
A
U Na Mg Al Si P S Cl Ar
0,93 1,31 1,61 1,90 2,19 2,58 3,19
M
E K Ca Sc Ti V Cr Mn Fe Co Ni Cu Zn Ga Ge As Se Br Kr
0,82 1,00 1,36 1,54 1,63 1,66 1,55 1,83 1,88 1,91 1,90 1,65 1,81 2,01 2,18 2,55 2,96
N
T Rb Sr Y Zr Nb Mo Tc Ru Rh Pd Ag Cd In Sn Sb Te I Xe
0,82 0,95 1,22 1,33 1,60 2,16 1,90 2,20 2,28 2,20 1,93 1,69 1,78 1,96 2,05 2,10 2,66
A
Cs Ba Lu Hf Ta W Re Os Ir Pt Au Hg Tl Pb Bi Po At Rn
0,79 0,89 1,27 1,30 1,50 2,36 1,90 2,20 2,20 2,28 2,54 2,00 2,04 2,33 2,02 2,00 2,20

Fr Ra Lr Rf Db Sg Bh Hs Mt Dm
0,70 0,89 1,30
É a TENDÊNCIA QUE OS ÁTOMOS EM CEDEREM ELÉTRONS

Sua variação é oposta à eletronegatividade


e não é definida para
os gases nobres.

AUMENTA

A
U
M
E
N
T
A
Corresponde à TEMPERATURA EM QUE UM
ELEMENTO PASSA DO ESTADO SÓLIDO PARA O
LÍQUIDO E DO LÍQUIDO PARA O GASOSO,
respectivamente

AUMENTA
Relaciona-se com a tendência em perder elétrons
01) Assinale a alternativa que indica corretamente a ordem
crescente dos raios atômicos:

a) Cs < Rb < K < Na < li.


b) Cs < Li < Rb < Na < K.
c) K < Rb < Na < Cs < Li.
d) Li < Cs < Na < Rb < K.
e) Li < Na < K < Rb < Cs.
02) (ITA – SP) Em relação ao tamanho de átomos e íons, são
feitas as seguintes afirmações:

I. O Cl – (g) é menor que o Cl (g). F


II. O Na+(g) é menor que o Na(g). V
III. O 20Ca (g)
2+ é maior que o 12Mg (g).
2+ V
IV. O 17Cl(g) é maior que o 35Br(g). F

Das afirmações anteriores, estão corretas apenas:

a) II.
b) II e III.
c) I e II.
d) II, III e IV.
e) I, II e III.
03) O tamanho de um cátion e o tamanho de um ânion, comparado com
o do átomo de origem, é respectivamente:

a) menor e maior.
O cátion é MENOR que o átomo de origem
b) menor e menor.
c) maior e maior.
d) maior e menor. O ânion é MAIOR que o átomo de origem

e) maior e igual.
04) Dadas às configurações eletrônicas dos átomos neutros
abaixo nos estados fundamentais,
A = 1s² 2s² 2p6 3s² 3p1 metal
B = 1s² 2s² 2p6 3s² 3p5 ametal

Temos:
I. “A” possui maior raio atômico verdadeiro

II. “A“ possui maior energia de ionização. falso


III. “A“ é um ametal e “B“ é um metal. falso

É correto apenas:
a) I.
no mesmo período a
b) II. no mesmo período Energia de ionização
a energia de ionização
terá maior raio atômico o átomo de A > B
c) III. aumenta
de menor número atômico A <B
d) I e III. da esquerda para a direita
e) I, II e III.
05) São dados cinco elementos genéricos e seus números
atômicos:
A (Z = 17); B (Z = 15); C (Z = 13); D (Z = 12); E (Z = 11).

O elemento que apresenta a primeira energia de


ionização mais elevada é:
3º período
a) A. 17 A 1s² 2s² 2p6 3s² 3p5
Família 7A
3º período
b) B. 15 B 1s² 2s² 2p6 3s² 3p3
Família 5A
3º período
c) C. 13 C 1s² 2s² 2p6 3s² 3p1
Família 3A
3º período
d) D. 12 D 1s² 2s² 2p6 3s²
Família 2A
3º período
e) E. 11 E 1s² 2s² 2p6 3s1
Família 1A
06) (Covest-2005) As primeiras energias de ionização de K (Z = 19), Ca (Z = 20) e
S (Z = 16) são, respectivamente, 418,8 kj/mol, 589,8 kj/mol e 999,6 kj/mol.
Alguns comentários sobre estes números podem ser feitos.

F 1) O enxofre apresenta a menor energia de ionização, pois é o


elemento de menor número atômico entre os três.
2) A energia de ionização do potássio é a menor, pois se trata de um
V
elemento com apenas um elétron na última camada, o que facilita a
sua remoção
3) A energia de ionização do potássio é menor do que a do cálcio,
V
pois este último apresenta número atômico maior e dois elétrons de
valência, estando com o mesmo número de camadas eletrônicas
4) As energias de ionização do potássio e do cálcio são mais próximas,
V
pois são elementos vizinhos na tabela periódica
Está(ao) correto(s) apenas:
a) 1.
b) 2.
c) 3 e 4.
d) 2 e 4.
e) 2, 3 e 4.
07) (UFPE) O número de elétron na camada de valência de um
átomo determina muitas de suas propriedades químicas.
Sobre o elemento ferro (Z = 26), pode-se dizer que:

1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 3d 6
5

0 0 Possui 4 níveis com elétrons.


1 1 Possui 8 elétrons no subnível “d”.
2 2 Deve ser mais eletronegativo que o potássio.
3 3 Deve possuir raio atômico maior que o do rutênio.
4 4 No íon de carga +3, possui 5 elétrons em 3d.

K Fe

Ru
08) São feitas as seguintes afirmações, com referência ao flúor:

I. O flúor é um halogênio.

II. O flúor localiza-se no segundo período da tabela periódica.

III. O flúor é menos eletronegativo que o cloro.

IV. O flúor tem propriedades similares às do cloro.

São corretas apenas as afirmações:


F
a) I, II e III.
Cl
b) II, III e IV.

c) I, II e IV. Br

d) I, III e IV. I

e) I, II, III e IV. At


09) (Covest-2005) Dados os elementos químicos A (Z = 16). B (Z = 11),
C (Z = 15) e D (Z = 12), podemos afirmar que:

0 0 A e C possuem energia de ionização semelhantes.

1 1 A energia de ionização
A de D1s²
é maior
2s² que
2p6 a3s²
de B.3p4

2 2 O raio atômico de C é
Bmenor
1s²que2s²
o de
2pD.6 3s1
C 1s² 2s² 2p 6 3s² 3p3
3 3 A afinidade eletrônica de B é maior que a de A.
6
4 4 D D é maior
O caráter metálico de 1s² 2s²
que 2p 3s²
o de C.

AUMENTA
AUMENTA
AUMENTA

CARÁTER
AFINIDADEMETÁLICO
ELETRÔNICA

ENERGIA DE IONIZAÇÃO
B D C A
10) Sobre as propriedades periódicas afirma-se que: AUMENTA

0 0 O raio atômico do hélio é menor que o do hidrogênio.


1 1 A eletropositividade dos metais alcalinos aumenta com o número
atômico.
2 2 O ponto de fusão dos metais alcalinos é menor que o dos halogênios.
3 3 Nos alcalinos terrosos o ponto de fusão aumenta de cima para baixo.
4 4 Nas famílias a densidade aumenta de cima para baixo.

1A 1A ELETROPOSITIVIDADE
RAIO ATÔMICO 7A

H He
A
U
AUMENTA
M
E
N
T
A