Вы находитесь на странице: 1из 9

3º OT FNME

Tratamento Controlo Motor


Caso Clinico nº4

 Sr. de 66 anos de idade com uma tendinopatia do supraespinhoso.


Apresenta um défice de endurance dos estabilizadores da escápula
com maior ênfase do trapézio inferior.
Pontos importantes

 Consciencializar o paciente como ativar o trapézio inferior onde ele se


localiza e qual o correto alinhamento da omoplata
 Evitar compensações
 Estar atenta á fadiga do paciente
 Verificar possíveis encurtamentos de sinergistas
Objetivos da Fase 1

 Melhorar a endurance do Trapézio Inferior


Fase 1
 Paciente sentado, leva a omoplata para o correto alinhamento e
aguenta 10vezes 10segundos

Progressão

Manter a omoplata alinhada enquanto desliza a mão na


marquesa
Atenção às compensações
! do grande dorsal e trapézio
superior
Objetivos da Fase 2

 Melhorar sinergia de músculos estabilizadores e mobilizadores


Fase 2
 Paciente sentado pede-se para fazer flexão da GU (mantendo estável a
omoplata até ao 60º de flexão e observar movimento da mesma a partir dos
60º)

Progressão

Colocar o paciente em D.V. e pedir para mantendo a omoplata


alinhada tocar com a mão em pontos definidos pelo FT
Objetivos da Fase 3

 Promover o controlo motor correto estabilizadores da escápula ++


trapézio inferior;

 Manter/restabelecer as amplitudes articulares;

 Manter/aumentar a força muscular dos estabilizadores escápula ++


trapézio inferior;

 Integrar o membro na função do dia a dia.


Fase 3

 Paciente em pé, vai buscar um objeto pequeno numa amplitude acima da dos
ombros, e percorre uma distância até o pousar na marquesa

Progressão

Aumentar o tamanho e peso do objeto ou aumentar o percurso,


colocando também obstáculos