Вы находитесь на странице: 1из 22

BRONQUITE INFECCIOSA

Daniel de Almeida Balthazar


Universidade Castelo Branco
BRONQUITE INFECCIOSA
Histórico
- Distribuição cosmopolita
- Não é zoonose
- Doença viral de caráter agudo e altamente
infecciosa
- Acomete aves de diversas idades, sexo e
finalidades
- Mortalidade baixa (infecções secundárias, aves
muito jovens ou sorotipos com tropismo renal)
BRONQUITE INFECCIOSA

Agente etiológico:
- Família Coronaviridae
- Gênero Coronavírus
- Envelopado
- RNA de fita simples
- Pleomórfico, medindo de 90-200 nm
- Projeções de membrana
BRONQUITE INFECCIOSA
 Classificação:
- Beaudette 66579
 Derivada da cepa Massachussetts
 Morte do embrião em 48 horas
 Apatogênica em aves
 Reação homóloga somente com
Massachussetts
BRONQUITE INFECCIOSA
 Classificação:
- Massachussetts
 Primeiro sorotipo a ser descrito
 Acomete o trato respiratório, reprodutivo e
urínário
- Connecticut
 Primeira descrição diferente do Mass
 Acomete trato respiratório
 Não apresenta lesões genito-urinárias
BRONQUITE INFECCIOSA
 Classificação:
- Nefrotrópicas
 Amostras Gray e Holte
 Grande afinidade por tecido renal

- Arkansas
 Acomete trato respiratório e reprodutivo
BRONQUITE INFECCIOSA
 Fisiopatogenia:
- Formas de transmissão – direta ou indireta
 Aerossol por 4 semanas
 Fezes por muitas semanas
- Local primário de replicação viral é o trato
respiratório superior
BRONQUITE INFECCIOSA
 Sinais clínicos (aves jovens)
- Dispnéia
- Descarga nasal
- Lacrimejamento
- Edema de barbela
- Sinusite
- Diarréia
- Desidratação
- Nefrite, nefrose e urolitíase
- Sem complicações bacterianas desaparecimento
dos sinais 10-15 dias
BRONQUITE INFECCIOSA

Quadro respiratório
BRONQUITE INFECCIOSA

Sinusite
BRONQUITE INFECCIOSA
 Achados de necropsia
- Edema e exudato catarral ou mucoso em
traquéia e brônquios
- Congestão pulmonar
- Inflamação catarral ou fibrinosa dos sacos
aéreos
- Gota úrica visceral
BRONQUITE INFECCIOSA

Inflamação catarral doa sacos aéreos


BRONQUITE INFECCIOSA

Inflamação fibrinosa dos sacos aéreos


BRONQUITE INFECCIOSA

Aumento renal
BRONQUITE INFECCIOSA

Atrofia renal e depósitos de urato


BRONQUITE INFECCIOSA
 Sinais clínicos (aves postura e reprodutoras)
- Sinais respiratórios estão ausentes ou pouco
evidentes
- Queda na produção
- Claudicação
- Alterações na casca dos ovos
- Intensa diarréia
BRONQUITE INFECCIOSA

Folículos atróficos e hemorrágicos


BRONQUITE INFECCIOSA

Ovos morfologicamente alterados


BRONQUITE INFECCIOSA

Morte embrionária
BRONQUITE INFECCIOSA
 Diagnóstico
- Presuntivo
- Isolamento viral
 Inoculação em ovos embrionados
 Cultivo celular
- Sorológico
 ELISA
 Soroneutralização
 Inibição da hemaglutinação
 AGP
 ELISA de captura com anticorpos monoclonais
BRONQUITE INFECCIOSA
 Tratamento
 Profilaxia
- Em locais infectados evitar circulação de pessoas
- Desinfecção
 É sensível a maioria dos desinfetantes
 Resistente ao tratamento com substâncias ácidas
 Termosensíveis - inativação 15 min/56°C
- Vacinação
BRONQUITE INFECCIOSA

FIM