Вы находитесь на странице: 1из 45

1.

1 ARLA 32 - Fluido operacional


Arla32 significa:
• Agente Redutor Liquido de NOx Automotivo
• É uma solução aquosa de uréia técnica:
• Não é tóxica
• Não é explosiva
• Não é nociva ao meio ambiente
• Está classificada na categoria dos fluidos transportáveis de baixo risco

• Regulamentação:
• Instrução Normativa do IBAMA nº 23, de 11.07.2009
• Função:

• Reduzir quimicamente as emissões de NOx dos veículos equipados com motores


diesel
• Dados:

• Fórmula: CO(NH2)2
• Densidade: 1087,0 … 1093,0 kg/m3
• Concentração: 32,5% em peso (restante água desmineralizada)
• Também é conhecido como AdBlue ou AUS 32 (Aqueous Urea Solution)
• Ponto de congelamento: –11°C
Tecnologia BLUETEC 5 – Princípios de operação

Entrada Saída (Escape de Gases)


Motor
Ar + Diesel H 2 O + N 2 + CO 2 + NO + NO 2 + C + SO2 + CO + HC
Combustão
O + N2 C 12 H 26 +SO 4 + H 2 O NOx MP
2
21% 78%
MP Proconve P7 -60% -80% -29% -23%
NOx CO
Material particulado
Monóxido HCde carbonoSCR
Óxidos de nitrogênio  Otimização da
Como o sistema SCR controla
ARLA 32 o MP?
Hidrocarbonetos
Inclui fuligem, poeira, a fumaça e todo material suspenso no ar,
combustão.
gerados
Como o sistema controla
Gás sem cor ou cheiroUreia
quetécnica o Nox?
se associa
+ agua
à hemoglobina, Diesel com
provocando
Formam
principalmente
oxidantes pelo
comomotor
o ozônio
a diesel.
(O3),Quanto
que provocamenores,
irritação
mais nos
agridemolhos,
menor teor de o
dor de cabeça e redução CO( NH2)da +capacidade respiratória. enxofre
Em altas

Hidrólise
H2O
2 metano S50/S10
nariz
sistema
eSãomucosas.
compostos
respiratório
Também
orgânicos
e o cardiovascular.
provoca
como bronquites,
e benzeno,
enfisemas,
que podem
insuficiência
ser
concentrações, provoca asfixia
32,5% e danos celebrais.
respiratória
Reduz
cancerígenos
a visibilidade
e constitui
em grande
e ocausa
smog,
concentração.
a chuva
névoa ácida,
deAjudam
que
poluição
provoca
a formar
que
a oxidantes
corrosão
dificulta de a
Tubo de escape  Aumento de
visibilidade.
construções
como Contribuem
o ozônio
e a destruição
(O3)para
e contribuem
oda
efeito
vegetação.
estufa.
para o aquecimento global. Vantagens!
torque e
potencia.
Catálise ›200 C
(Vapor) H O  Menor consumo
2 de combustível
N2 (-6%)
CO 2 CO 2  Maior intervalo
de troca de óleo.
Catalisador
Complete o circuito de ARLA 32 e o esquema pneumático
 Coloque setas mostrando a direção do fluxo.

.
 Dê uma olhada no sistema no veiculo e nas peças na bancada.

Suprimento
5,5 Bar
de ar
Reservatório ARLA 32 comprimido

4,6 a1,6
5,5Bar
Bar

Unidade dosadora

Bico de injeção
ARLA 32

Módulo da bomba
Reservatório de Arla32

 Os reservatórios de ARLA32 são fabricados em plástico


 Há a disponibilidade de uma tampa de reservatório com chave

Estão disponíveis reservatórios de 25, 35 e 95 litros.


Catalizador

Estruturas favos de mel formam o


conversor catalítico; elas são
largamente feitas de dióxido de titânio
(TiO2), óxido de tungstênio (WO3) e
pentóxido de vanádio (V2O5).
Conjunto bomba do ARLA 32 (Em corte)
Conjunto bomba do ARLA 32 (Em corte)
Módulo de bomba do SCR

Paginas 14 - 16

Reservatório
ARLA 32
Módulo de bomba do SCR

Filtro de entrada

Reservatório
ARLA 32
Módulo de bomba do SCR

Bomba de diafragma
(Acionamento elétrico)

Filtro de entrada

Reservatório
ARLA 32
Módulo de bomba do SCR

3,5
Bar
Acumulador de pressão
Pressão interna 3,5 Bar

Bomba de diafragma
(Acionamento elétrico)

Filtro de entrada

Reservatório
ARLA 32
Módulo de bomba do SCR

3,5
Bar
Acumulador de pressão
Pressão interna 3,5 Bar

Bomba de diafragma
(Acionamento elétrico)

Filtro de entrada

Reservatório
ARLA 32 Retorno
Módulo de bomba do SCR

3,5
Bar
Acumulador de pressão
Pressão interna 3,5 Bar

Bomba de diafragma
(Acionamento elétrico)

Filtro de entrada

Reservatório
ARLA 32 Retorno
Módulo de bomba do SCR

3,5
Bar
Acumulador de pressão
Pressão interna 3,5 Bar

Bomba de diafragma
(Acionamento elétrico)

Filtro de entrada

Reservatório
ARLA 32 Retorno
Módulo de bomba do SCR

3,5
Bar
Acumulador de pressão
Pressão interna 3,5 Bar

Bomba de diafragma
(Acionamento elétrico)

1,6 Bar

Filtro de entrada
Pressão (Alimentação)
Pneumática Unidade dosadora
5,5 Bar

Reservatório
ARLA 32 Retorno
Módulo de bomba do SCR

3,5
Bar
Acumulador de pressão
Pressão interna 3,5 Bar

Bomba de diafragma
(Acionamento elétrico)

1,6 Bar

Filtro de entrada
Pressão (Alimentação)
Pneumática Unidade dosadora
5,5 Bar

Reservatório
ARLA 32 Retorno
Módulo de bomba do SCR

3,5
Bar
Acumulador de pressão
Pressão interna 3,5 Bar

Bomba de diafragma
(Acionamento elétrico)

1,6 Bar
5,5

Filtro de entrada
Pressão (Alimentação)
Pneumática Unidade dosadora
5,5 Bar

Reservatório
ARLA 32 Retorno
Módulo de bomba do SCR

3,5
5,5
Bar
Acumulador de pressão
Pressão interna 5,5
3,5 Bar

Bomba de
Módulo
diafragma
SCR
(Acionamento
desliga aelétrico)
bomba

5,5 Bar

Filtro de entrada
Pressão (Alimentação)
Pneumática Unidade dosadora
5,5 Bar

Reservatório
ARLA 32
Unidade dosadora

MR2

Sensor de pressão Sensor de


do ARLA temperatura
4,6 a 5,5 Bar do ARLA

Bomba

Filtro de entrada Válvula


dosadora

Parafuso de calibragem
Unidade dosadora

MR2 Pressão pneumática

5,5 Bar

Sensor de pressão Sensor de Sensor de


do ARLA temperatura pressão do ar Filtro de entrada
4,6 a 5,5 Bar do ARLA 1,25 a 2,5 Bar

Válvula de retenção

Difusor

Bomba

Filtro de entrada Válvula O ARLA 32 é


dosadora O fluxo
injetado de ar
somente
é constante
quando todos os
Parafuso de calibragem MR com o motor
requisitos são
ligado
preenchidos.
Unidade dosadora

MR2 Pressão pneumática

5,5 Bar

Sensor de pressão Sensor de Sensor de


do ARLA temperatura pressão do ar Filtro de entrada
4,6 a 5,5 Bar do ARLA 0 Bar

Válvula de retenção

Difusor
obstruído

Aquecedor
Bomba

MR
Filtro de entrada Válvula
dosadora

Parafuso de calibragem
Unidade dosadora

MR2 Pressão pneumática

5,5 Bar

Sensor de pressão Sensor de Sensor de


do ARLA temperatura pressão do ar Filtro de entrada
4,6 a 5,5 Bar do ARLA 5,5 Bar

Válvula de retenção

Difusor

Bomba

Filtro de entrada

Saída obstruída
Parafuso de calibragem
Alimentação pneumática

Veículos
sem
chave geral

26
Suprimento de ar comprimido (Veículo sem chave geral)

Veiculo com motor desligado

Bomba (Fecha o retorno do ARLA)

Unidade dosadora

Válvula “NF” normalmente fechada Válvula eletropneumática

Com o motor desligado a válvula


5,5 Bar Válvula limitadora
eletropneumática impede a passagem
do ar

8,5 Bar Alimentação de ar (Circuito de acessórios)

27
Suprimento de ar comprimido (Veículo sem chave geral)

Veiculo com motor ligado

Bomba (fecha o retorno)

Com o motor ligado o módulo SCR


aciona a válvula eletropneumática Unidade dosadora
e permite a passagem do ar

SCR Válvula eletropneumática

5,5 Bar Válvula limitadora

8,5 Bar Alimentação de ar (Circuito de acessórios)

28
Suprimento de ar comprimido (Veículo sem chave geral)

Procedimento de purga (Limpeza)

Bomba (fecha o retorno)


Sempre que houver injeção de ARLA durante o
funcionamento normal e o motor for desligado o
módulo SCR aciona a válvula eletropneumática
ciclicamente e permite a passagem do ar para Unidade dosadora
limpeza do sistema. Ciclo de pulsos durante
aproximado 4 minutos.

SCR Válvula eletropneumática

5,5 Bar Válvula limitadora

8,5 Bar Alimentação de ar (Circuito de acessórios)

Atenção: Para manutenção, após desligar o motor, aguardar no mínimo cinco minutos para desligar a bateria. 29
Veículos
com
chave geral

30
Suprimento de ar comprimido (Veículo com chave geral)

Veiculo com motor desligado Bomba (Fecha o retorno do ARLA)

Unidade dosadora

5,5 Bar Válvula limitadora

Válvula de retenção

Válvula eletropneumática (NA)

Reservatório

Com o motor desligado a válvula


Válvula eletropneumática (NF) eletropneumática impede a passagem
do ar

8,5 Bar Alimentação de ar (Circuito de acessórios)31


Suprimento de ar comprimido (Veículo com chave geral)

Veiculo com motor ligado Bomba (Fecha o retorno do ARLA)

Unidade dosadora

5,5 Bar Válvula limitadora

Válvula de retenção

Válvula eletropneumática (NA)

Reservatório

Com o motor ligado o módulo SCR


aciona a válvula eletropneumática
Válvula eletropneumática (NF) SCR e permite a passagem do ar

8,5 Bar Alimentação de ar (Circuito de acessórios)32


Suprimento de ar comprimido (Veículo com chave geral)

Procedimento de purga (Limpeza) Bomba (Fecha o retorno do ARLA)

Unidade dosadora

5,5 Bar Válvula limitadora

Válvula de retenção

O módulo SCR aciona ciclicamente a


Válvula eletropneumática (NA) SCR válvula eletropneumática para
limpeza durante aprox. 4 minutos.

Reservatório

Após desligar o motor o módulo


SCR continua acionando a válvula
Válvula eletropneumática (NF) SCR eletropneumática e permitindo a
passagem do ar

8,5 Bar Alimentação de ar (Circuito de acessórios)33


Suprimento de ar comprimido (Veículo com chave geral)

Bomba (Fecha o retorno do ARLA)

Unidade dosadora

5,5 Bar Válvula limitadora


O que acontece se a chave
geral for desligada?

Válvula de retenção

Válvula eletropneumática (NA) SCR

Reservatório O reservatório é esvaziado fazendo a


limpeza da unidade dosadora

Válvula eletropneumática (NF) SCR

8,5 Bar Alimentação de ar (Circuito de acessórios)34


Módulo SCR

35
1.1 Sensores de temperatura do catalisador do SCR

Local
Um sensor de temperatura está localizado na câmara de admissão (B115) e um na
câmara de saída (B116) do silencioso e integrado com o catalisador.

Sensor de temperatura B115 à montante do Sensor de temperatura B116 à jusante do


catalisador catalisador

N_14_40_206201_FA TT_14_40_002063_FA
36
1 Sensor NOx

O sensor NOx consiste de uma sonda de medição e de uma unidade controladora,


entre-conectadas por um fio elétrico.
O sensor NOx a concentração de óxido de nitrogênio no gás de escape.
A sonda de medição é fixada diretamente no catalisador. A unidade controladora pode
ser fixada tanto ao chassis como ao porta-catalisador inferior, dependendo do modelo
do veículo.

37
38
Limitação de Potência / Torque

1º caso:
Falta de ARLA 32 no reservatório.
- Lâmpada mil acesa intermitente (Pisca)
- Após a parada do veiculo, na próxima saída do veiculo:
Mil acesa constante – Limitação de potencia.
≤ 16T – 25%
>16T – 40%
- Quando abastecer, a lâmpada mil apaga e para a limitação voltando a ficar normal. Vai ficar registrado
no SCR para as autoridades .

2º caso:
Defeito no sistema
Norma 2g/kWh 3,5g 7g Limiar 2
Limiar 1

Lâmpada mil acesa intermitente (pisca) Mil acesa intermitente (pisca)

Após 48h de trabalho do motor, na próxima


saída do veiculo diminuição do torque em
25% ou 40%

MIL acessa constate


Módulos eletrônicos

40
Módulo INS

41
Módulo FR / CPC

42
Módulo MR 2

43
Módulo SCR

44
Módulo TCO

45