Вы находитесь на странице: 1из 8

ECONOMIA DE MOÇAMBIQUE

TEMA: O TERCEIRO PLANO DE FOMENTO

Estudante: Belchior Mário António


INTRODUÇÃO
 Após a segunda guerra mundial, os Estados Unidos da América
adoptaram o Plano Marshall , um programa de ajuda à
reconstrução da Europa capitalista.
 Assim, o primeiro plano que abrangia o período de 1953 à 1958,
concentrava-se na construção de infraestruturas económicas; o
segundo, que englobava o período de 1959 à 1964, dava ênfase à
industrialização;
 Nesta ordem de ideias teremos como objecto de estudo o terceiro
plano de fomento (1967-1973)
O plano de fomento intercalar, de 1965 à 1967

 Industrias construídas no 2º plano de Fomento:


 Fabrica de descasque de castanha de caju e cimento
 Industrias de vestuário:1951
 Industria de fiação e tecelagem: 1951
 Moagem de algodão: 1952
 A maior parte das industrias localizavam-se em Lourenço Marques
 Começa a despertar a necessidade de liberalização do comércio
externo e de as empresas enfrentarem a concorrência externa.
 Assim, o plano de fomento intercalar, visava dar apoio especial aos
sectores de exportação
Cont…
 Neste plano intercalar, aparece a preocupação com:
 O planeamento regional
 Uma distribuição mais equitativa do rendimento;
Terceiro plano de fomento (1967-1973)
Reconhece-se a necessidade de abandonar o modelo de
crescimento baseado na orientação interna (inward orientation)
para uma visão baseada nas vantagens comparativas e na
concorrência internacional;

Reconhece-se que o agravamento do défice da balança


comercial se deve ao proteccionismo pautal, ao condicionalismo
industrial e ao atraso da agricultura;

Surge claramente a ideia da necessidade de uma politica de


promoção das exportações, no surgimento das críticas que
começavam a surgir nos estudos das organizações internacionais.
Considerações Finais
Olhando pelas abordagens desenvolvidas na presente apresentação
constata- se que o terceiro plano de fomento, focava o
desenvolvimento industrial e compreendia o período de 1968 à 1973.
 No cômputo geral, os Planos de Fomento tinham como objectivos:
 Elevar o nível de vida dos portugueses;
 Assegurar aos portugueses novas e melhores oportunidades de
emprego;
 Modernizar a técnica e o equipamento na agricultura e nas
indústrias daquele tempo.
Referencias Bibliográficas
 Colonialismo Português, 1930-1937, in Cadernos de História, nº. 3;
 Lobato, A. & Costa, P. (1973), Moçambique na Actualidade, Lourenço
Marques;
 Newitt, M. (1995), A HISTORY OF MOZAMBIQUE, Lomdon, Hurst & Company;
 Rodrigues, R.C. (1972), As Assimetrias Espaciais do Desenvolvimento Sócio-
Económico em
 Moçambique, Universidade de Lourenço Marques;
 Wuyts, M.E. (1978), Camponeses e Economia Rural em Moçambique, UEM,
CEA;
Fim

Muito obrigado pela atenção dispensada