Вы находитесь на странице: 1из 18

PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

Aula 1: “A Pessoa com Deficiência”


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

Temas Principais

• Transcrever sobre o discurso pré-científico

• Discutir o percurso do perfil da pessoa com deficiência dos


tempos remotos até o momento.

• Registrar os alicerces teóricos sobre a pessoa com


deficiência

A Pessoa com Deficiência- Aula 1


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

Transcrever sobre o discurso pré-científico

Os conceitos pré-científicos, são conceitos criados,


oriundos do início do processo de identificação e
investigação científica. Tratavam-se de pessoas que
impossibilitadas de trabalhar, causavam ônus aos seus
acompanhantes e ainda traziam prejuízos, visto que os
mesmos, não faziam parte da produção e sustento do
grupo.

A Pessoa com Deficiência- Aula 1


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

Nesta busca da tal normalidade, na tentativa de explicar


as diferenças, surgem feiticeiros chamados de Xamãs,
curiosos e religiosos que a todo custo queriam extirpar o
demônio, o mal daquele que deveria ser igual a
todos.Afinal, tais pessoas sempre atraíram e até hoje
atraem a curiosidade dos demais. Hereges,
endemoniados,estas pessoas eram mortas ou
abandonadas. Por possuírem demônios, eram
assassinadas, abandonadas, ou mesmo apropriadas para
se tornarem pedintes, pois excluídas eram por não
possuírem força e beleza.

A Pessoa com Deficiência- Aula 1


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

Na Grécia antiga, as pessoas que estavam fora do padrão


de beleza eram em geral direcionadas para a guerra.
Percebemos o quão grande era o padrão de normalidade da
época. Corpos sarados, belos, direcionados para as
competições de força e beleza. È só nos reportamos para
as olimpíadas, onde o culto ao corpo era valorizado, assim
como a força e o poder. Tal contextualização não difere
muito dos acontecimentos atuais, do culto ao corpo, a
beleza e a forma física. Cabe lembrar que as olimpíadas é
um evento mundialmente famoso e disputado.

A Pessoa com Deficiência- Aula 1


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

Expostas a um mundo cruel, eram realizadas as


trepanações. Estas se constituíam em furar o crânio do
“paciente” para que fosse liberado todo o mal.
Segundo Telford e Sawrey, “... é de supor que o
homem pré-histórico tivesse uma concepção
demonológica da natureza, 1988.”

Exemplo: Trepanação

A Pessoa com Deficiência- Aula 1


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

A Pessoa com Deficiência- Aula 1


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

A Pessoa com Deficiência- Aula 1


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

A Pessoa com Deficiência- Aula 1


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

A Pessoa com Deficiência- Aula 1


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

Discutir o percurso do perfil da pessoa com


deficiência dos tempos remotos até o momento.

O tempo foi passando ...


Com ele, as pessoas com deficiência passam a ser
utilizadas para pequenos fazeres, entre eles a Arte
do riso: Surge os bobos da corte

A Pessoa com Deficiência- Aula 1


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

Ao longo da história surgem movimentos de exclusão.


Para estas pessoas só haviam sub empregos,
atividades sem valor nenhum, pois até hoje esta
sociedade rotula e afasta

A Pessoa com Deficiência- Aula 1


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

A Pessoa com Deficiência- Aula 1


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

A Pessoa com Deficiência- Aula 1


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

A Pessoa com Deficiência- Aula 1


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

A Pessoa com Deficiência- Aula 1


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

A Pessoa com Deficiência- Aula 1


PSICOLOGIA DA PESSOA COM NECESSIDADES ESPECIAIS

Próxima Aula:
Concepção qualitativa X concepção quantitativa:
o normal e o patológico

A Pessoa com Deficiência- Aula 1