Вы находитесь на странице: 1из 14

É T I C A

Não são os propósitos particulares do


indivíduo, mas os objetivos da
humanidade que criam uma comunidade
duradoura entre os homens.

I Ching - O Livro das Mutações


*antes da dinastia Chou (1150-249 a.c.)

1
É T I C A
A ORDEM HUMANA NÃO É NATURAL !

• A comunidade das formigas e abelhas se organiza naturalmente,


pela reação e adaptação a natureza.
• É genética , passada de geração em geração.
• Função da necessidade de sobrevivência.
 O homem não recebeu pronta, como herança genética.
 Precisa inventar, construir e reconstruir, uma forma de vida ao
longo da história.
 Na família , entre amigos, no trabalho, na sociedade, no planeta
 “Inventada” certa ordem e reconhecida como justa, são os
homens que julgam seus próprios comportamentos e dos outros.

2
É T I C A & MORAL

Ética Moral
(do grego Ethos) (do latim mos, mores)

* Morada humana * Costumes e tradições


específicas de um povo
* Conduta humana
perante a natureza * Sistema de valores
e seus semelhantes

3
É T I C A

Consciência Ética

É realizada pôr convicção íntima,


por adesão a valores fundamentais
a vida humana.

4
É T I C A

A FILOSOFIA

Sócrates
• interrogar o indivíduo até que este
chegue pôr si mesmo a verdade.
(470 – 399 a.c.)

Kant • a igualdade entre os homens é fundamental


para o desenvolvimento de uma ética
(1724 – 1804 d.c.) universal.

5
É T I C A

UNIVERSO ÉTICO

 Viver uma boa vida.


 Um mundo melhor, mais justo e humano, para todos.
 Ideal de igualdade e liberdade como valores
fundamentais.
 Não faça aos outros o que não deseja para você.
 Solidariedade.

6
É T I C A DESAFIOS

SUSTENTABILIDADE PLANETÁRIA

Respeito ao ambiente em que vivemos e o respeito ao


outro, nosso semelhante, com o qual convivemos e
dividimos esse ambiente.

7
É T I C A DESAFIOS

RESPONSABILIDADE SOCIAL

Para além da revolução tecnológica, é vital


aprofundarmos a revolução Ética onde o respeito
a qualquer forma de vida,a solidariedade ao
semelhante, o direito a uma vida digna e
mais justa, sejam praticadas em cada lar,
em cada empresa, nas negociações políticas,
em cada sala de aula.

8
É T I C A
COMO SE DÁ O JULGAMENTO ?

D
I
- leis jurídicas
R • são as regras, - levam a sanção / punição
E caráter objetivo - homicídio / cadeia
I
normas, leis.
T
O
- imposta de Estado

• consciência do
É - consciência moral
sujeito
T - sem punição objetiva
I individual.
- se dá pelo desmerecimento
C caráter subjetivo
ou descrédito do indivíduo
A • movimento de
no grupo a que pertence
interiorização e
- ou a si próprio
reflexão.

9
É T I C A

A SOCIEDADE OCIDENTAL CONTEMPORÂNEA

 tende a pensar a ética na dimensão do indivíduo


particular
 é marcada pelo egoísmo das relações sociais
 valorização do “tirar vantagem”
 ausência de solidariedade humana
 indiferença com a miséria alheia
 competição exacerbada
 tolerância com a corrupção e a impunidade

10
É T I C A

PERGUNTAS BÁSICAS (para caso de dúvidas)

 É certo ?
 É justo ?
 Quem será prejudicado ?
 Como você se sentiria se os detalhes de sua decisão
fossem publicados nos jornais ?
 O que você diria a seus filhos ?
 Cheira bem ou cheira mal ?

11
É T I C A
U T O P I A - definições

* segundo Thomas Morus - humanista inglês(xv-xvi)


- lugar; que não está em nenhum lugar.
- uma cidade imaginária que desprezava o ouro.

* Sentido pejorativo:
projeto julgado quimérico e irrealizável.

12
É T I C A

UTOPIA - pensamento filosófico

“ A utopia, isto é, o que não pertence a lugar nenhum,


representa a parte de sonho de que somos
portadores, parte de sonho indispensável para quem
quer autenticamente construir o real “

* projeto de uma sociedade ideal.

13
É T I C A

U T O P I A

“Ela está no horizonte.


Me aproximo dois passos,
ela se afasta dois passos.
Por mais que eu caminhe,
jamais a alcançarei.
Para que serve a utopia ?
Serve para isso: para caminhar”

(Eduardo Galeano)
14